Você está na página 1de 1

Universidade Federal Rural de Pernambuco - UFRPE

Departamento de Agronomia
Disciplina Melhoramento Genético de Plantas
Professor: Gerson Quirino Bastos

Aluno (a): ............................................................................................................................


Turma: ................................................ Data: ......../......./............

Exercícios

1. Enuncie a Lei do Equilíbrio de Hardy-Weinberg e comente a sua importância para a genética de


populações.
2. Demonstre geometricamente a Lei do Equilíbrio de Hardy-Weinberg, aplicável a uma população
alógama em panmixia.
3. Na planta conhecida como Maravilha, a cor da flor pode ser vermelha (V1V1), rosa (V1V2) ou branca
(V2V2). Em uma população panmítica, composta por 2.000 plantas foram encontradas 125 com flores
brancas.
a) Quais as frequências dos alelos V1 e V2 nessa população?
b) Entre os 2.000 indivíduos, quais os números esperados de plantas com flores vermelhas e rosas?
4. Utilizando os dados do problema anterior, se o jardineiro coletar sementes apenas das plantas de flores
rosas para formar um novo jardim, qual deverá ser a proporção fenotípica esperada?
5. Em cebolas, a cor do bulbo pode ser roxa, em decorrência do alelo dominante A e amarela pelo alelo
recessivo a. Numa população com 10.000 plantas, em equilíbrio de Hardy-Weinberg, ocorrem 1.600
plantas com bulbos amarelos.
a) Qual a frequência do alelo a nessa população?
b) Qual o número de plantas com bulbos roxos e genótipo homozigótico que ocorre entre as 10.000
plantas?
c) Se o agricultor realizar cinco gerações de seleção visando a obtenção de um cultivar que produza
apenas bulbos roxos, qual a proporção esperada de plantas que ainda apresentarão bulbos amarelos na
população descendente, em equilíbrio?
6. Partindo-se da população melhorada do item c, do problema 6, quantos ciclos de seleção ainda deverão
ser realizados para se obter uma nova população em que apenas 0,49% das plantas possuem bulbos
amarelos?
7. Considerando todas as populações de cebola citadas nos problemas 5 e 6, em qual delas a
autofecundação contribuirá para a eliminação mais rápida do alelo?
8. No milho, a textura do grão pode ser lisa (Su_) ou enrugada (susu). A cor amarela do grão é decorrente
do alelo Y e a branca ao alelo y. Em uma população em equilíbrio foi Tomada uma amostra de 2.400
grãos, sendo 816 lisos e amarelos, 776 lisos e brancos, 408 enrugados e amarelos e 400 enrugados e
brancos.
a) Quais as frequências dos alelos Su e Y, nessa população?
b) Qual a frequência esperada de indivíduos homozigóticos lisos e amarelos?
c) Quais serão as novas frequências alélicas para os dois caracteres se forem eliminadas todas as
sementes enrugadas ou brancas?
d) Qual será a frequência de sementes lisas e amarelas após a população atingir novamente o equilíbrio?
9. A cor da raiz da cenoura é controlada por um gene, sendo o alelo Y responsável pela cor branca e seu
recessivo y por cor amarela. Um agricultor colheu 20.000 sementes de uma população panmítica que
apresentava 64% de plantas com raízes brancas. Como é de seu interesse aumentar a proporção de plantas
com raízes amarelas, ele misturou às suas sementes 5.000 sementes de um cultivar homozigótico para
raízes amarelas. Qual a frequência esperada de plantas com raízes amarelas na nova população após o
equilíbrio?

Obs.: Os exercícios de 3 a 9 são do capítulo 13 – Genética de Populações, do livro Genética na


Agropecuária, de Ramalho e colaboradores. Data da entrega 19/12/2017.
Quaisquer dúvidas enviem e-mail para biancagalucio@gmail.com, Bianca Galúcio Pereira Araújo.