Você está na página 1de 4

Ligação Química 10º Ano

1. Entre as seguintes afirmações selecione as duas incorretas:


(A) Todos os eletrões da molécula contribuem efetivamente para a ligação.
(B) Quando se estabelece uma ligação covalente entre dois átomos, existe um equilíbrio entre as forças de repulsão e de
atração.
(C) À distância internuclear de equilíbrio, de dois átomos ligados, chama-se raio atómico.
(D) Os eletrões ligantes, responsáveis pelas ligações, têm grande probabilidade de serem encontrados na zona internuclear.
(E) Uma ligação covalente tripla entre dois átomos pressupõe a existência de 6 eletrões partilhados entre esses dois átomos.

2. Na figura está representado um diagrama da variação da energia


potencial de dois átomos de hidrogénio em função da distância entre
os seus núcleos.
2.1. Indique o que representam os valores.
(a) r0 = 74 pm
(b) Ep = -436 kJmol-1

2.2. Usando as letras A, B ou C, indique:


(a) Onde a atração é dominante;
(b) Onde a repulsão é dominante;
(c) Quando o conjunto dos dois átomos atinge o mínimo de energia potencial;
(d) Quando se forma a molécula H2.

2.3. Classifique as afirmações seguintes em Verdadeiras ou Falsas.


(A) A molécula de H2 é mais estável que cada um dos átomos de H separados.
(B) A estabilidade máxima da molécula é atingida quando Ep = 0 kJmol -1.
(C) Quanto maior a energia potencial da molécula, maior é a sua estabilidade.
(D) A energia necessária para dissociar a molécula de H2 designa-se por energia de ligação e tem o valor de 436 kJmol -1.

3. A molécula de hidrogénio (H2) é mais estável que a de flúor (F2). Com base no gráfico apresentado, preencha o quadro.

4. Para as moléculas de fluoreto de hidrogénio e de oxigénio com as fórmulas químicas, respetivamente, HF e O2, indique:
Número de pares
Número de Número de eletrões Tipo de ligação
eletrónicos de valência Fórmula de
eletrões de que ocupam a região covalente
que não participa na estrutura
valência internuclear estabelecida
ligação

HF

O2

5. Considere as substâncias representadas pelas seguintes fórmulas:


CO2

Dióxido de carbono Propanona Etanol

5.1. Com base na regra do octeto, escreva a fórmula de estrutura do dióxido de carbono.
5.2. Preencha o quadro seguinte:
N.º eletrões Ordem da ligação
Substância N.º eletrões não ligantes
efetivamente ligantes carbono-oxigénio
Dióxido de carbono
Propanona
Etanol

6. Considere as moléculas N2, N2H2 e


N2H4.
6.1. Faça a correspondência entre os tipos
de ligação da coluna I e as energias de
ligação da coluna II, justificando.

6.2. Indique justificando, qual das ligações:


(a) É a mais forte;
(b) Tem maior comprimento de ligação.

7. Classifique as afirmações seguintes em verdadeiras e falsas:


(A) A energia de ligação na molécula de cloreto de hidrogénio, HCl, é maior que na molécula de fluoreto de hidrogénio,
HF.
(B) A energia de dissociação é maior na molécula de oxigénio, O2, do que na molécula de azoto, N 2.
(C) O comprimento da ligação H-O, na molécula de água, H2O, é menor que o da ligação H-S, na molécula de sulfureto
de hidrogénio, H2S.
(D) As geometrias do dióxido de carbono, CO2, e do sulfureto de carbono, CS2 são semelhantes.

8. Considere as seguintes moléculas: BeH2 ,H2S, BH3 e NH3.


8.1. Escreva a fórmula de estrutura de cada uma delas.
8.2. Preencha a seguinte tabela:
Substância Geometria Ângulo de ligação

BeH2

H2S

BH3

NH3

9. A tabela seguinte inclui moléculas diatómicas homonucleares os valores médios dos comprimentos de ligação:
Molécula Comprimento de ligação /pm
F2 142
Cl2 199
Br2 228
I2 268

9.1. Represente a fórmula de estrutura de cada molécula.


9.2. Explique porque o comprimento de ligação vai aumentando com o número atómico do elemento.
9.3. A energia de ligação na molécula I2 é 151 KJ/mol. Explique se a radiação de 6,6x10 -19J, ao atingir uma molécula de I2,
provoca a sua dissociação.
10. Complete o quadro, com os valores de comprimento e energia de ligação seguintes:
Comprimento de ligação C-C: 1,20 pm ; 1,54 pm ; 1,30 pm
Energia de ligação C-C: 200 KJmol-1 ; 146 KJmol-1 ; 83 KJmol-1
Molécula Tipo de ligação C-C Comprimento de ligação Energia de ligação
C2H6
C2H4
C2H2

11. Nas camadas mais altas da atmosfera as espécies químicas que


prevalecem são iões, podendo aí existir iões provenientes de
moléculas de hidrogénio.
11.1. Identifique a espécie química mais estável, justificando com base
no gráfico.
11.2. Apresente uma explicação para o facto das camadas superiores
da atmosfera, nomeadamente a mesosfera e termosfera, se
caracterizarem pela presença de iões positivos em elevadas
quantidades.

12. O monóxido de carbono é, também, um poluente atmosférico bastante


Moléculas Energia de ligação
perigoso. Tendo em conta as respetivas energias de ligação C-O, explique qual
das moléculas apresenta maior estabilidade. CO 1076 kJ/mol
CO2 800 kJ/mol

Soluções

1. (A) F; (B) V; (C) F; (D) V; (F) V

2.
2.1. (a) Representa o comprimento da ligação H-H e corresponde à distância média de equilíbrio entre os núcleos dos dois átomos ligados. (b) Representa a
energia da ligação H-H e é a energia libertada quando dois átomos de hidrogénio, no estado gasoso e fundamental, se aproximam e formam a ligação
química.
2.2. (a) A; (b) C; (c) B; (d) B.
2.3. (A) V; (B) F; (C) F; (D) F

3. a = 0,074; b = -435; c = 0,14; d = -155

4.
Número de Número de electrões Número de pares
Tipo de ligação
electrões de que ocupam a região electrónicos de valência que Fórmula de estrutura
covalente estabelecida
valência internuclear não participa na ligação

HF 8 2 Lig. covalente simples 3 pares H F

O2 12 4 Lig covalente dupla 4 pares OO

5.

5.1. OC O
5.2.
N.º electrões efectivamente Ordem da ligação carbono-
Substância N.º electrões não ligantes
ligantes oxigénio
Dióxido de carbono 8 8 2
Propanona 20 4 2
Etanol 16 4 1
6.
6.1. 1 – c); 2 – b); 3 – a)
6.2. (a) 3) Porque quanto maior é a ordem de ligação, maior é a energia de ligação e mais forte é a ligação. (b) 1) Porque quanto menor é a ordem de
ligação, menor é a energia de ligação, mais fraca é a ligação, os átomos estão afasta dos um do outro, sendo maior o comprimento de ligação.

7. (A) F; (B) F; (C) V; (D) V

8.
8.1.
8.2.

Substância Geometria Ângulo de ligação

BeH2 Linear 180

H2S Angular 104,5

BH3 Triangular plana 120

NH3 Piramidal 107

9.

9.1. F F Cl  Cl Br  Br I I
9.2. O raio atómico aumenta ao longo do grupo, e os elementos F, Cl, Br e I pertencem ao mesmo grupo. Sendo F o de menor raio atómico, então os
electrões de valência que participam na ligação são mais atraídos por cada um dos átomos da molécula, pelo que a ligação é mais forte e
consequentemente de menor comprimento.
9.3. Sim. Dado que a energia da radiação é superior à energia de ligação da molécula. (2,52 x 10 -19 J).

10.
Molécula Tipo de ligação C-C Comprimento de ligação Energia de ligação
C2H6 Simples 1,54 83
C2H4 Dupla 1,30 146
C2H2 Tripla 1,20 200

11. Nas camadas mais altas da atmosfera as espécies químicas que prevalecem são iões, podendo aí existir iões provenientes de mol éculas de hidrogénio.
11.1. H2. Refere que apresenta maior energia de ligação, porque tem menos energia, ou seja perdeu mais energia ao formar-se a ligação.
11.2. A atmosfera funciona como um filtro: Vai retendo algumas radiações provenientes do Sol. Na Ionosfera as radiações mais energé ticas do Sol são
utilizadas pelas moléculas aí existentes na sua ionização.

12. Identifica a espécie CO como a mais estável.


Refere que apresenta maior energia de ligação, logo é necessária mais energia para romper a ligação