Você está na página 1de 18

> MANUAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO DOS CURSOS DE ENGENHARIA

GRUPO MULTIVIX

Manual de estágio
supervisionado
> Engenharias

GRUPO MULTIVIX

MULTIVIX.EDU.BR

1
> MANUAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO DOS CURSOS DE ENGENHARIA > MANUAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO DOS CURSOS DE ENGENHARIA
GRUPO MULTIVIX GRUPO MULTIVIX

SUMÁRIO 1 APRESENTAÇÃO
1 APRESENTAÇÃO 3

2 ESTÁGIO SUPERVISIONADO 4
2.1 NATUREZA 4
2.2 OBJETIVOS 6
2.3 ORGANIZAÇÃO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO 7
2.4 REQUISITOS PARA ESTAGIAR 8
2.4.1 ESTÁGIO PRÁTICO PARA ALUNOS QUE SE ENCONTRAM
ATUANDO NO CAMPO 8
2.4.2 ESTÁGIO PRÁTICO PARA OS ALUNOS QUE NÃO SE ENCONTRAM
ATUANDO EM CAMPO – TRABALHO/PESQUISA ACADÊMICO 11
2.4.2.1 ESTÁGIO SUPERVISIONADO I 11
2.4.2.2 ESTÁGIO SUPERVISIONADO II 13

Bem-vindos ao Sistema de Estágio Supervisionado.


3 ACOMPANHAMENTO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO 14
3.1 CABE À COORDENAÇÃO DE ENGENHARIA 15 Chamamos de Sistema de Estágio Supervisionado a etapa da graduação na qual o
3.2 CABE AOS PROFESSORES ORIENTADORES 16 aluno exercita os conhecimentos acumulados através da observação, exame, análise e
3.3 CABE À SUPERVISÃO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO 16 diagnóstico de situações organizacionais reais.

4 DIREITOS E DEVERES DO ESTAGIÁRIO 17 O Manual que se seguem são instrumentos de apresentação e de orientação quanto à
4.1 DIREITOS DO ESTAGIÁRIO 17 estrutura, às diretrizes e as normas relativas ao Sistema de Estágio Supervisionado. Não
4.2 DEVERES DO ESTAGIÁRIO 17 dirão sobre qual a melhor opção quanto à área de estudo. Nem determinarão onde
buscar o assunto ou a empresa que eventualmente poderá ser estudada.
> APÊNDICES 19
APÊNDICE A: CARTA DE APRESENTAÇÃO DO ESTAGIÁRIO 20 Consideramos que o estágio supervisionado contribuirá para a formação profissional
APÊNDICE B: DECLARAÇÃO DE ACEITAÇÃO DO ESTAGIÁRIO 21 e humana do aluno, por isso, esperamos que as informações contidas neste manual
APÊNDICE C: FICHA DE ESTÁGIO DE ACOMPANHAMENTO MENSAL 22 possam esclarecer e orientar a todos os relacionados com a gestão acadêmica e ge-
APÊNDICE D: RELATÓRIO DE ESTÁGIO 23 rencial do estágio supervisionado.
APÊNDICE E - ROTEIRO PARA ELABORAÇÃO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO I 28
APÊNDICE F - ROTEIRO PARA ELABORAÇÃO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO II 29 Leia-o com muita atenção juntamente com seu professor orientador. O manual norma-
APÊNDICE G: FICHA DE AVALIAÇÃO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO I 31 tiza o que foi regulamentado detalhando cada processo. Isto significa que, quanto mais
ANEXO H: FICHA DE AVALIAÇÃO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO II 33 profissional se torne este processo, outros formatos e contornos poderão ser instituídos.

Supervisão do Sistema de Estágio Supervisionado.

2 3
> MANUAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO DOS CURSOS DE ENGENHARIA > MANUAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO DOS CURSOS DE ENGENHARIA
GRUPO MULTIVIX GRUPO MULTIVIX

2 ESTÁGIO SUPERVISIONADO
pela participação em situações reais de vida e trabalho de seu meio, sendo
realizadas na comunidade em geral ou junto a pessoas jurídicas de direito pu-
blico ou privado, sob responsabilidade e coordenação da instituição de ensino.
Art. 3º - O estágio curricular, como procedimento didático-pedagógico, é ativi-
dade de competência da instituição de ensino a quem cabe a decisão sobre

2.1 NATUREZA a matéria, e dele participam pessoas jurídicas de direito público e privado, ofe-
recendo oportunidade e campos de estágio, outras formas de ajuda, e colabo-
rando com o processo educativo.
Art. 4º - As instituições de ensino regularão a matéria contida neste decreto e
É uma atividade integrada entre alunos e professores que tem por objetivos o aprimo- disporão sobre:
ramento da aprendizagem profissional, social e cultural do aluno, através da aplicação a) inserção do estágio curricular na programação didático-pedagógica;

da teoria aprendida ao longo do curso em situações práticas relacionadas aos conhe- b) carga-horária, duração e jornada e estágio curricular, que não poderá ser
inferior a um semestre letivo;
cimentos adquiridos nos cursos de Engenharias da Faculdade Multivix. Com o estágio,
c) condições imprescindíveis, para caracterização, orientação, supervisão e ava-
o aluno tem a oportunidade da iniciação profissional, em uma e/ou mais áreas do liação de estágio curricular.
campo de especialização que esteja inserido. Art. 5º - Para caracterização e definição do estágio curricular é necessário, en-
tre a instituição de ensino e pessoas jurídicas de direito público e privado, a

Conforme §2 do artigo 1º da Lei 11.788/08, “o estágio visa ao aprendizado de compe- existência de instrumento jurídico, periodicamente reexaminado, onde estarão
acordadas todas as condições de realização daquele estágio, inclusive transfe-
tências próprias da atividade profissional e à contextualização curricular, objetivando o
rência de recursos à instituição de ensino, quando for o caso
desenvolvimento do educando para a vida cidadã e para o trabalho”.
Além disso a lei nº 11.788 de 25 de setembro de 2008 estabelece em seu Art. 1º que:
O estágio supervisionado, porém, não é simplesmente uma experiência prática vivida
pelo aluno, mas uma oportunidade para refletir, sistematizar e testar conhecimentos Estágio é ato educativo escolar supervisionado, desenvolvido no ambiente de

teóricos e instrumentos discutidos durante o curso de graduação [ROESCH: 1996;21] trabalho, que visa à preparação para o trabalho produtivo de educandos que
estejam frequentando o ensino regular em instituições de educação superior,
de educação profissional, de ensino médio, da educação especial e dos anos
Em geral, o aluno chega ao final do curso com reduzida capacidade diagnóstica
finais do ensino fundamental, na modalidade profissional da educação de jo-
quanto à conexão entre aspectos teóricos e práticos. Além de estimulá-lo e orientá-lo vens e adultos.
a se aprofundar na área de seu maior interesse escolar/profissional, é preciso que ele § 1º O estágio faz parte do projeto pedagógico do curso, além de integrar o

desenvolva aqui atitudes mais profissionais, uma vez que o mercado de trabalho não itinerário formativo do educando.
§ 2º O estágio visa ao aprendizado de competências próprias da atividade
suporta o paternalismo e a passividade, típicas do relacionamento professor-aluno em
profissional e à contextualização curricular, objetivando o desenvolvimento do
sala de aula. educando para a vida cidadã e para o trabalho.
Art. 2º O estágio poderá ser obrigatório ou não-obrigatório, conforme determi-
Alterar a relação tradicional entre professor e o aluno horizontalizando-a, transforman- nação das diretrizes curriculares da etapa, modalidade e área de ensino e do
do o professor em um orientador e o aluno em um pesquisador: tal a essência peda- projeto pedagógico do curso.

gógica do Sistema de Estágio Supervisionado da Faculdade Multivix.


Portanto, o estágio constitui como uma atividade fundamental que busca otimizar a
O Decreto Nº 87.497, de 18 de agosto de 1982, regulamenta a Lei Nº 6.494, de 07 de profissionalização do estudante, permitindo a organização uma abertura com a co-
dezembro de 1977, e estabelece basicamente: munidade. Além disso, quando o estágio supervisionado é desenvolvido pelo aluno
com responsabilidade, existindo por parte dele dedicação, iniciativa e compromisso, na
Art. 2º - Considera-se estágio curricular, para efeitos deste Decreto, as atividades
maioria das vezes, este abre portas para a sua contratação pela empresa Concedente.
de aprendizagem social, profissional e cultural proporcionadas ao estudante

4 5
> MANUAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO DOS CURSOS DE ENGENHARIA > MANUAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO DOS CURSOS DE ENGENHARIA
GRUPO MULTIVIX GRUPO MULTIVIX

2.2 OBJETIVOS novos modelos de gestão, métodos e processos inovadores, tecnologias e meto-
dologias alternativas;

• estabelecer o conhecimento e a aplicação de novas tecnologias, metodologias e


Considerando a importância do estágio para a complementação curricular, quando
organização do trabalho;
se conciliam os conhecimentos teóricos, obtidos em sala de aula, com a realidade do
• propiciar ao aluno vivência da realidade profissional e familiarização com o futuro
mercado de trabalho, Faculdade Multivix, implementa o Programa de Estágio Supervi-
ambiente de trabalho e dos negócios.
sionado nos cursos de Engenharias, baseado no tripé escola-empresa-aluno.
• estimular a inserção do tripé instituição de ensino-empresa-aluno na comunida-
Faculdade Multivix, no processo de preparação de novos profissionais para o mercado, de em geral;
estimula seus alunos à obtenção de oportunidades de estágio através da implantação
• Implementar um processo de acompanhamento inovador e eficiente durante o
em sua infraestrutura de mecanismos de suporte, que venham a reforçar a importância
período no qual o aluno está desenvolvendo atividades de caráter prático.
das atividades práticas, sejam elas remuneradas ou não. Dentre as atividades motiva-
doras e indutoras encontram-se seminários, palestras e minicursos, desenvolvidos por
A concretização desses objetivos se dará através da realização do estágio supervisionado
profissionais e especialistas convidados e pelo seu corpo docente. A agenda dos eventos
e outras atividades de extensão, conforme as peculiaridades de cada curso de gradua-
faz parte de calendário próprio.
ção da Faculdade Multivix, observando as condições e critérios a seguir.

As mudanças socioeconômicas ocorridas nos últimos anos influem nas relações de tra-
balho, na produção do conhecimento e na vida social. Novos valores, novas referências
2.3 ORGANIZAÇÃO DO ESTÁGIO
e novas dinâmicas são exigidas dos cidadãos, tendo que desenvolver complexas e novas
competências, dada a transitoriedade dos conhecimentos e sua relação com o trabalho.
SUPERVISIONADO

Objetivando contribuir para a formação desse novo cidadão, cujo perfil é demandado
A legislação vigente divide o estágio supervisionado da seguinte forma:
de maneira crescente por uma sociedade multidisciplinar, o estágio curricular na Facul-
dade Multivix, realizado ao longo do curso de graduação, deverá consolidar, de modo • É considerado obrigatório aquele definido na estrutura curricular, descrita no
geral, os seguintes objetivos: projeto pedagógico do curso, cuja carga horária é requisito para aprovação e ob-
tenção de diploma;
• complementar o processo ensino-aprendizagem, através da conscientização das
• É considerado não-obrigatório aquele cujo desenvolvimento é uma atividade
realidades individuais e incentivar a busca do aprimoramento pessoal e profissional;
opcional.
• Possibilitar ao aluno o contato com diferentes instituições, linhas de ação e me-
todologias de trabalho, para que identifique, analise e critique a realidade, suas Em ambos os casos deve-se atender a legislação vigente considerando o disposto nas
estruturas e funcionamentos; Diretrizes Curriculares de cada curso, visto que não há obrigatoriedade para todos os
• proporcionar ao estudante oportunidades de desenvolver suas habilidades, ana- cursos de graduação.
lisar situações e propor mudanças;
A estrutura organizacional do Estágio Curricular Supervisionado nos cursos da Faculda-
• estimular a inserção do tripé escola-empresa-aluno na comunidade em geral; de Multivix é composta de:
• Incentivar o desenvolvimento das potencialidades individuais, propiciando o sur- • Instituição;
gimento de novas gerações de profissionais empreendedores, capazes de adotar • Coordenador de Curso;

6 7
> MANUAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO DOS CURSOS DE ENGENHARIA > MANUAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO DOS CURSOS DE ENGENHARIA
GRUPO MULTIVIX GRUPO MULTIVIX

• Coordenador de Estágio Supervisionado; Para que o aluno possa participar da disciplina de estágio supervisionado, nesta modalida-
• Alunos Estagiários; de, deverá providenciar junto à empresa Concedente do Estágio os seguintes documentos:
• Supervisor de Estágio na Empresa Concedente.
• Termo de compromisso (carta de aceitação do estagiário).

• Seguro de Acidentes Pessoais.


2.4 REQUISITOS PARA ESTAGIAR
Em situações especiais o estagiário providenciará documentação diferenciada confor-
me quadro abaixo:
O programa de estágio supervisionado nos cursos de Engenharias é obrigatório e com-
preende duas fases, perfazendo um total de 300 horas, ou dois semestres letivos, assim A) Para os sócios-proprietários das empresas: caso o discente seja o sócio proprietário
distribuídas:

• Estágio supervisionado I - 150 horas • Cópia do contrato social da empresa autenticados

• Estágio supervisionado II - 150 horas • Cópia do CPF, Carteira de Identidade e Carteira de Trabalho (parte com o núme-
ro e a foto) autenticados
O estágio supervisionado poderá ser desenvolvido de suas formas que são: • Declaração do Contador da empresa reconhecido firma da assinatura. (Na de-
• Estágio prático em campo; claração deve conter os dados pessoais, função, atividade exercida na empresa,
carga horária de trabalho semanal ou mensal).
• Estágio prático através do desenvolvimento de um projeto em uma empresa
• Preenchimento do formulário da Faculdade Multivix.
Abaixo será explicado o funcionamento dos estágios em cada uma das modalidades
• Desenvolvimento do Relatório de Estágio.
acima, ficando a critério do aluno qual irá realizar.

B) Para os funcionários e estagiários das empresas: caso o discente desenvolva na em-


presa em que trabalha atividade afins ao curso
2.4.1 ESTÁGIO PRÁTICO PARA ALUNOS QUE SE
ENCONTRAM ATUANDO NO CAMPO • Declaração do proprietário/gerente da empresa constando os dados pessoais do
funcionário, a função, atividades desenvolvidas na empresa e a carga horária de
O estágio curricular obrigatório e não obrigatório deve ser cumprido, preferencialmente, trabalho semanal ou mensal. A assinatura do proprietário/gerente deve ser reco-
em organização de livre escolha do aluno, porém as atividades desenvolvidas precisam nhecida firma.
estar coerentes com as necessidades de sua formação profissional. • Cópia do CPF, Carteira de Identidade e Carteira de trabalho (parte com o núme-
ro/foto e parte contratual) autenticados.
O aluno é responsável pela obtenção de oportunidades de estágio curricular obrigatório
• Preenchimento do formulário da Faculdade Multivix.
no mercado.
• Desenvolvimento do Relatório de Estágio, conforme modelo D.
As disciplinas Estágio Supervisionado I e II também podem ser desenvolvidas na própria
empresa, quando o estagiário for proprietário de qualquer tipo de iniciativa privada ou Portanto, pode-se afirmar que legalmente só é considerado estagiário o aluno que:
quando este desenvolver formalmente atividades para uma pessoa jurídica, caracteriza-
da por um contrato de trabalho entre as partes. • Está regularmente matriculado em uma entidade de ensino;

8 9
> MANUAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO DOS CURSOS DE ENGENHARIA > MANUAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO DOS CURSOS DE ENGENHARIA
GRUPO MULTIVIX GRUPO MULTIVIX

• Tem o consentimento da entidade de ensino para realização do Estágio; 2.4.2 ESTÁGIO PRÁTICO PARA OS ALUNOS QUE NÃO
• Tem o consentimento da empresa para realização do Estágio. SE ENCONTRAM ATUANDO EM CAMPO – TRABALHO/
PESQUISA ACADÊMICO
A reprovação na disciplina que compõe a carga horária do Estágio Supervisionado é
caracterizada pelo não cumprimento de, pelo menos, uma das seguintes situações:

a – Entrega da documentação exigida; 2.4.2.1 ESTÁGIO SUPERVISIONADO I


b – Entrega da Ficha de acompanhamento mensal;

c – Entrega do relatório sobre as atividades desenvolvidas na empresa (via impressa O aluno habilitado a desenvolver atividades do estágio supervisionado I é aquele que
e cópia no CD); concluiu até 50% da carga horária do curso ou que esteja matriculado no 9º período
do curso.
d – Participação nos fóruns ofertados no ambiente virtual com os professores super-
visores; Nesta etapa, é o momento de iniciação dos alunos na proposta de trabalho a ser desen-
e – cumprimento da carga orária mínima exigida para o estágio; volvida ao longo de um ano, por isso, é um momento muito especial. Permite acessar o
ferramental para se aprender a fazer pesquisa. Dela poderão nascer novas perspectivas
Durante o Estágio Supervisionado o aluno deverá elaborar o seu relatório de estágio e quanto ao entendimento da natureza e complexidade do trabalho em uma empresa.
fazer anotações escritas sobre: O trabalho poderá ser desenvolvido por no máximo 03 (três) alunos.

• Atividades desenvolvidas por ele na empresa; A supervisão, a partir de agora denominada orientação, dá-se na figura de um professor,
e segue em termos, a metodologia didática do ambiente virtual de ensino. Como resul-
• Instrumentos, aparelhos, equipamentos, máquinas e dispositivos por ele utiliza-
tado final, deverá ser produzido, um projeto (APÊNDICE E) que pode variar de 15 a 25
dos;
laudas, e que contenha em sua estrutura, a escolha do tema, a definição de sua linha de
• Modelos, formulários, questionários, diagramas, fluxogramas, rotinas, mapas, foto- pesquisa, aspectos metodológicos, revisão literária (onde o mesmo deve sugerir fontes
grafias, figuras, plantas, atas, relatórios, manuais, quadros, gráfica etc. bibliográficas como livros, revistas, jornais, internet, artigos), além das questões principais
A Coordenação do curso e os professores orientadores são responsáveis pela supervisão que servirão de suporte à continuidade de seu trabalho.
de estágio curricular obrigatório e não obrigatório ofertado aos alunos dos cursos de
Ressaltamos que, projeto de pesquisa a ser realizado não poderá ser na forma de revisão
Engenharias da Faculdade Multivix
bibliográfica, mas sim desenvolvido em campo, ou seja, deverá ter viés prático. Portanto,
O aluno reprovado em uma das fases da disciplina pode se inscrever no módulo seguin- o aluno/grupo deverá buscar uma empresa para realizar sua pesquisa. O trabalho deverá
te, porém acumulando o número de horas devidas em estágio supervisionado da fase ser postado no sistema AVA ao professor da disciplina, em data programada no Manual.
anterior. Para a sua aprovação definitiva deve apresentar o Relatório Final.
Os trabalhos serão avaliados unicamente pelo professor Orientador da disciplina, consi-
derando a potencialidade dos mesmos, no sentido de seu posterior desenvolvimento,
e tendo em vista os demais critérios metodológicos e teóricos determinados pelo pro-
grama de disciplina.

10 11
> MANUAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO DOS CURSOS DE ENGENHARIA > MANUAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO DOS CURSOS DE ENGENHARIA
GRUPO MULTIVIX GRUPO MULTIVIX

A entrega do projeto corresponde obrigatoriamente a Avaliação Final – quando então o ção, será considerado reprovado. Situações especiais deverão ser encaminhadas à Su-
professor orientador avaliará a potencialidade e pertinência do mesmo. Além da nota, o pervisão de Estágio para deliberação.
Orientador deverá registrar suas observações quanto ao seu desempenho e grau de di-
ficuldade e, ao final do período, encaminhá-la à Supervisão de Estágio. Caso o trabalho
possa ser modificado, o aluno será informado pelo professor, em tempo hábil, para que 2.4.2.2 ESTÁGIO SUPERVISIONADO II
efetue e entregue as alterações/inclusões pertinentes na data prevista.

Para participar desta fase o(s) aluno(s) deverá(ao) ter concluído as disciplinas profissio-
Somente serão aceitos projetos que tenham sido desenvolvidos e acompanhados direta
nalizantes do 9º período do curso e a disciplina Estágio Supervisionado I. Refere-se à
e continuamente pelo professor orientador no decorrer do período letivo. Assim sendo,
última fase do estágio supervisionado obrigatório.
trabalhos “clonados”, “de proveta”, não serão aceitos.

A avaliação consistirá da média aritmética ponderada das notas atribuídas na versão de-
O projeto deverá consolidar-se, durante o semestre, sob orientação estrita do professor,
finitiva escrita e a sua apresentação oral, de acordo com os pesos estabelecidos abaixo,
num projeto de pesquisa claramente definido quanto ao ambiente organizacional es-
utilizando ficha de avaliação própria (ANEXO F):
colhido – a(s) empresa(s) que será(ão) objeto de estudo – os aspectos metodológicos
referendados e o referencial teórico construído. a) Versão definitiva escrita: com peso 6,0 (seis)

O professor da disciplina de estágio é o responsável pela condução da disciplina, fun- b) Apresentação oral: com peso 4,0 (quatro).
cionando como um consultor envolvido com as questões relacionadas ao conteúdo do
Na apresentação oral, os trabalhos desenvolvidos por 03 (três) ou 02 (dois) alunos serão
trabalho, a pertinência e atualidade do assunto, o nível de complexidade e o grau de
apresentados através de um Workshop que será realizado ao final do semestre.
aprofundamento. Ou seja, o professor é de orientador que irá tirar as dúvidas dos alunos
no decorrer do desenvolvimento do trabalho, sendo que questões metodológicas e de
As avaliações da versão definitiva escrita do relatório final (Apêndice C), que terá no míni-
conteúdo será avaliado pelo docente quando houver a entrega do trabalho final con-
mo 35 laudas, bem como da sua apresentação oral, serão feitas por meio da média arit-
forme data estipulada pela coordenação de curso através de ofício. Ressaltamos que,
mética das notas atribuídas individualmente pelos membros da Banca Examinadora.
o professor, em hipótese alguma, fará revisão de normas técnicas e nem verificação de
plágio, esta é uma responsabilidade do aluno. Cada membro da Banca Examinadora atribuirá ao aluno, uma nota de 0 (zero) a l0
(dez), relativa à avaliação do relatório final do Estágio Supervisionado.
Espera-se que, simultaneamente durante o período, o aluno se organize no sentido da
elaboração do trabalho final. Daí poderá decorrer a elaboração de um capítulo, ou de O aluno que não entregar a versão definitiva escrita e/ou não comparecer para a apre-
um questionário, se for o caso, ou de qualquer outro instrumento que lhe seja necessá- sentação oral, será reprovado por nota (conceito RN).
rio construir para dar andamento à pesquisa.
A apresentação oral do relatório final do projeto será realizada em sessão aberta ao pú-
O aluno deverá ter nota igual ou superior a 7,0 (sete) para ser considerado aprovado na blico, em data e local estabelecidos pela coordenação do curso.
disciplina.
Será considerado aprovado o aluno cuja avaliação final, em seu conjunto, apresentar
Os critérios de avaliação do trabalho final levam em consideração questões como volu- nota igual ou superior a 7,00 (sete).
me e qualidade do material bibliográfico, aspectos metodológicos, construção do refe-
rencial teórico entre outros itens. A Banca Examinadora poderá recomendar aos trabalhos aprovados para publicação
como artigo em periódicos especializados.
Se o projeto de pesquisa não tiver a qualidade mínima exigida pelos critérios de avalia-

12 13
> MANUAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO DOS CURSOS DE ENGENHARIA > MANUAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO DOS CURSOS DE ENGENHARIA
GRUPO MULTIVIX GRUPO MULTIVIX

3 ACOMPANHAMENTO DO ESTÁGIO
4- Selecionar o local/empresa para desenvolver o estágio;

5- Entregar o contrato que caracteriza o estágio assinado à Coordenação de Curso.


SUPERVISIONADO 6- Participar da reunião geral com alunos em processo de estágio e professores
supervisores no início dos períodos, de acordo com o calendário acadêmico es-
pecífico do curso;
As atividades que caracterizam o estágio curricular são supervisionadas e avaliadas
pela Faculdade Multivix. 7- Apresentar, mensalmente, relatório de atividades práticas desenvolvidas na em-
presa ao professor supervisor;
A disciplina terá orientação via fórum pelo ambiente virtual de aprendizagem. O pro-
fessor irá disponibilizar Tópicos/Assuntos importantes sobre a disciplina de Estágio Su-
pervisionado e o aluno terá acesso a qualquer momento durante o decorrer da disci- 3.1 CABE À COORDENAÇÃO DE ENGENHARIA
plina para enviar e receber mensagens sobre estes assuntos. Ao mencionar sua dúvida
o aluno será respondido pelo professor no dia e horário que a coordenação de curso
• Supervisionar o desenvolvimento das atividades de Estágio Supervisionado;
estipulará para o professor acessar o fórum para responder suas dúvidas. Ao todo, serão
08 (oito) encontros marcados pela coordenação de curso durante o semestre em que • Divulgar vagas de estágio;

a disciplina for ofertada (média de um encontro a cada 15 dias). Através dessa meto- • Assinar o contrato que caracteriza o estágio curricular com o aluno;
dologia o aluno poderá expor suas dúvidas sobre a disciplina em qualquer momento,
• Designar o Professor Responsável pelas atividades de Estágio Supervisionado,
certo que será respondido no prazo estipulado pela coordenação de curso da entrada
quando necessário;
do professor ao fórum.
• Acompanhar o programa de atividades desenvolvidas pelos professores super-
A Data/ Horário de entrada do professor no fórum estará disponível no item Cronogra- visores na supervisão de estágio em reuniões periódicas e específicas sobre o
ma deste manual. assunto;

• Prover a infraestrutura necessária para o atendimento aos alunos em fase de es-


A supervisão do estágio terá o acompanhamento e a aprovação de professores super-
tágio supervisionado;
visores e da Coordenação do Curso, no qual o aluno está matriculado.
• Receber a documentação que caracteriza o cumprimento do estágio curricular
Existem determinadas etapas que o aluno deve observar para participar do estágio supervisionado pelo aluno encaminhado pelo professor supervisor para deferi-
supervisionado: mento final;

• Deferir e encaminhar a documentação que caracteriza a conclusão do estágio


1- Escolher uma área de concentração para desenvolver as atividades práticas, de
curricular supervisionado para a Secretaria da Faculdade Multivix, para atualiza-
acordo com as disciplinas já cursadas. O aluno deve, obrigatoriamente, ter sido
ção de seu banco de dados.
aprovado no setor escolhido.
• Desenvolver o calendário dos fóruns e divulgar para alunos e professores.
2- Estar matriculado na disciplina Estágio Supervisionado, de acordo com o calen-
dário e normas Faculdade Multivix;

3- Inscrever-se como candidato ao projeto de estágio sob a supervisão do professor


no setor escolhido na Coordenação do curso. Este procedimento deve ocorrer
por ocasião da rematrícula;

14 15
> MANUAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO DOS CURSOS DE ENGENHARIA > MANUAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO DOS CURSOS DE ENGENHARIA
GRUPO MULTIVIX GRUPO MULTIVIX

3.2 CABE AOS PROFESSORES ORIENTADORES 4 DIREITOS E DEVERES DO


• Atender o aluno via fórum, no ambiente virtual de aprendizagem de acordo com
ESTAGIÁRIO
os encontros agendados conforme as datas disponibilizadas pela coordenação de
curso para o desenvolvimento e acompanhamento de atividades de supervisão;

• Registrar em Ficha de Acompanhamento de Estágio Supervisionado as instru- 4.1 DIREITOS DO ESTAGIÁRIO


ções, recomendações e anotações em geral sobre a evolução do estágio, prin-
cipalmente aquelas relacionadas ao cumprimento do Projeto de Estágio apro-
• Ter seguro contra acidentes pessoais.
vado. As análises devem ocorrer a partir do relatório mensal sobre as atividades
práticas desenvolvidas pelo estagiário na empresa; • Receber cópias da documentação relacionada à contratação.

• Participar de reuniões periódicas e específicas sobre a supervisão de estágio, pro- • Solicitar auxílio para esclarecimento de qualquer dúvida relacionada ao estágio.

movidas pela coordenação do curso técnico profissionalizante; • Desenvolver atividades de acordo com as condições estabelecidas no Termo de

• Receber e avaliar a documentação que caracteriza o cumprimento do estágio Compromisso.

curricular supervisionado pelo aluno. A documentação é composta por: • Receber orientação, acompanhamento e avaliação do estágio.

a) Termo de compromisso (Carta de aceitação do estagiário);

b) Seguro de Acidentes Pessoais; 4.2 DEVERES DO ESTAGIÁRIO


c) Documentação pessoal de acordo com o tipo de contrato do discente (pro-
prietário/funcionário/estagiário) • Participar regularmente dos fóruns.

d) Ficha de acompanhamento mensal com a descrição das atividades práti- • Registrar diariamente frequência no estágio.
cas desenvolvidas pelo aluno na empresa
• Elaborar e entregar Planos, Relatórios e outros documentos nas datas estabelecidas.
e) Relatório de Estágio
• Utilizar, guardar e conservar, com todo o cuidado, impressos e outros materiais
de utilização.

3.3 CABE À SUPERVISÃO DE ESTÁGIO • Buscar aperfeiçoar-se nos conteúdos objetos do Estágio.

SUPERVISIONADO • Manter sigilo sobre conteúdo de documentos e de informações confidenciais


referentes ao local de Estágio.

• Elaborar o Plano de Estágio Supervisionado de comum acordo com o estagiário; • Comunicar a concedente do estágio qualquer alteração da situação escolar, tais
como mudança de endereço, telefone e desistência do estágio por força maior.
• Manter-se em Contato com o professor Orientador do estágio;
• Acatar orientação e sugestão do supervisor de estágio.
• Facilitar o acesso do aluno aos setores envolvidos em seu estágio supervisionado;
• Cumprir o prazo de entrega do relatório final estabelecidos pela coordenação de
• Supervisionar o desenvolvimento do programa pré-estabelecido, controlar frequ-
curso de acordo com o calendário disponível no Manual;
ência, analisar relatórios, interpretar informações e propor melhorias;

16 17
> MANUAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO DOS CURSOS DE ENGENHARIA > MANUAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO DOS CURSOS DE ENGENHARIA
GRUPO MULTIVIX GRUPO MULTIVIX

• Apresentar relatório final, em 2 (duas) vias, uma para a concedente do estágio e


outra para a Faculdade Multivix.

• Assumir o estágio com responsabilidade, zelando pelo bom nome da conce-


dente do estágio e do Curso que frequenta.

• Acatar orientação e decisões do empregador ou supervisor interno da conce-


dente quanto às normas internas da mesma.

• Cumprir integralmente o horário estabelecido pela concedente, observando as-


siduidade e pontualidade.

• Comunicar com antecedência de 24 horas, no caso de falta.

• Tratar respeitosamente superiores hierárquicos, colegas e pessoal que trabalha


na concedente.

• Ter boa apresentação.

• Prestar agradecimento ao final do estágio a quem mais próximo trabalhou com


o estágio.

APÊNDICES

18 19
> MANUAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO DOS CURSOS DE ENGENHARIA > MANUAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO DOS CURSOS DE ENGENHARIA
GRUPO MULTIVIX
0 GRUPO MULTIVIX

DOCUMENTOS ESTÁGIO – ALUNOS QUE ESTÃO APÊNDICE B: Declaração de Aceitação do Estagiário


ATUANDO EM CAMPO
DECLARAÇÃO DE ACEITAÇÃO DO ESTAGIÁRIO

APÊNDICE A: Carta de Apresentação do Estagiário


Declaro, para fins de comprovação junto à Coordenação de Estágio do Curso de
_____________________ da Faculdade Multivix, que o (a) aluno(a)
_____________/ES, ____ de ____________ de 20____. ______________________________________________ matriculado no ____
semestre letivo desta Instituição, foi aceito como estagiário (a).

ENCAMINHAMENTO

A Faculdade Multivix acredita que a formação de seus alunos deve conjugar, desde ____________________, ______ de __________________ de _________ .
o princípio, momentos de discussão teórica e momentos de vivências e
experimentações das práticas cotidianas das escolas, dos sujeitos que nela
convivem todos os dias – alunos, professores, funcionários não-docentes e
comunidade mais ampla, favorecendo uma percepção mais completa da dinâmica ________________________________________________
do processo educativo. Assinatura do responsável e carimbo da Instituição

Assim, a Faculdade encaminha para estágio na _____________________________


o aluno ______________________________________________ do ___ PERÍODO
do Curso de _______________________________________, matriculado
regularmente nesta instituição de ensino, sob a matrícula nº____________. O
regime da Faculdade Multivix é semestral e a carga horária total do Estágio em
questão é de _______ horas, sendo ______horas no ___ período e _________
horas no _____ período conforme grade curricular vigente.

Atenciosamente

___________________________ _______________________
Coordenador(a) de Curso Coordenador(a) de Estágio

20 21
> MANUAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO DOS CURSOS DE ENGENHARIA > MANUAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO DOS CURSOS DE ENGENHARIA
GRUPO MULTIVIX GRUPO MULTIVIX

APÊNDICE C: Ficha de Estágio de Acompanhamento Mensal APÊNDICE D: Relatório de estágio

PROGRAMA DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO NORMAS PARA ELABORAÇÃO DO RELATÓRIO DO ESTÁGIO

Ficha de Estágio de Acompanhamento Mensal O relatório deve dissertar sobre o período entre os dias ___/____20___ a
___/___/20___.
Estagiário(a):_________________________________________________________
Do Formato
Semestre: _____ Nº de Matrícula: ________
O relatório deve ser escrito no formato Arial tamanho 12 (padrão Word como o
Curso: ________________ Cidade: __________Período do Estágio: ____________ utilizado neste texto) ou equivalente, em espaço 1,5 entre linhas e 6 pontos entre
parágrafos.
Empresa: ___________________________________________________________
O papel adotado deverá ser padrão A4 branco. As margens do texto em relação às
Responsável pela Empresa: ____________________________________________ bordas do papel devem ser: superior 2,5 cm, inferior 2,5 cm, direita 3 cm e esquerda
3 cm. Os parágrafos, em todo o texto, devem iniciar sem espaços da margem
Professor Supervisor do Estágio: _________________________________________ esquerda.

Data Horário Horas Atividades Realizadas Visto do O relatório deve refletir a metodologia científica, compreensão da bibliografia citada,
Início-término de Supervisor os métodos e técnicas empregadas e o significado dos resultados e dos
Estágio do Estágio procedimentos encontrados ou utilizados.
na
Empresa O Relatório de Estágio Curricular Obrigatório FINAL é dividido em três partes
com subdivisões que devem ser apresentados na ordem a seguir:

Encadernação (Capa)

Elementos Pré-Textuais
Folha de Rosto
Epígrafe e/ou Dedicatória (opcional)
Sumário
Listas em ordem alfabética (Ex: Lista de Anexos, Lista de
Equações,..)
Resumo (máximo 200 palavras)

Elementos Textuais (dividir em capítulos)


1. Introdução
Total de Horas Atividades: ______________ 2. Revisão Bibliográfica (sobre a área de concentração do
Data: estagio)
Assinatura do aluno: 3. Apresentação da Concedente (Empresa onde realizou o
Assinatura do Supervisor do Estágio na empresa: estágio, incluir período do estágio e carga horária)
Assinatura do professor supervisor: 4. Desenvolvimento (relato das atividades desenvolvidas)

As atividades devem ser relatadas contemplando os seguintes pontos:


• descrição com interpretação, discussão e análise de dados.
• estabelecer a correlação com as matérias teóricas e a pratica no estágio.
• quantidade e qualidade das atividades executadas.
• participação em desenvolvimento de projetos e planejamento.
• desenvolvimento de produtos, novas técnicas e pesquisas.

22 23
> MANUAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO DOS CURSOS DE ENGENHARIA > MANUAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO DOS CURSOS DE ENGENHARIA
GRUPO MULTIVIX GRUPO MULTIVIX

• procedimentos de trabalho, tais como: acompanhamento, fiscalização, Resumo


manutenção, etc. Antes de tudo, deve ser curto e objetivo (no máximo 200 palavras), descrevendo de
• normas de segurança e procedimentos ecológicos. forma clara os aspectos de maior interesse e importância em um único parágrafo.
• equipamento e material utilizado. Ressaltar os objetivos gerais os métodos, os resultados alcançados e a contribuição
• orientação ou modificação no plano de execução. do trabalho para a Concedente.
• importância do trabalho no contexto da Concedente.
• experimentos em laboratório (identificar se só acompanhou ou se
executou). 1. Introdução
• apreciações e observações.
É uma explanação sucinta do trabalho realizado no Estágio. Apresenta o assunto
5. Considerações Finais como um todo, sem os detalhes que serão descritos no texto principal.
Referências (não enumerar este título)
Na introdução o autor deve:
Elementos Pós-Textuais
Agradecimentos • Apresentar o trabalho proposto e realizado no Estágio de forma que o leitor
Anexos (Avaliação do Estágio pela Concedente) tenha uma visão clara do mesmo.
• Indicar a finalidade, ou os objetivos do trabalho desenvolvido no Estágio.
Observação: A avaliação do supervisor do estágio na empresa deve ser • Especificar a apreciação e receptividade do pessoal da Empresa bem como
assinada e carimbada. O mesmo deve ser Engenheiro da área do curso e ter o as dificuldades enfrentadas.
número do registro no CREA. Além disso, deverão ser apresentadas cópias • Relacionar o trabalho desenvolvido no Estágio com o Curso, descrevendo as
simples da carteira do CREA e da CTPS (documento que comprova vínculo áreas de conhecimento envolvidas.
com a empresa que está sendo desenvolvido o estágio) do Engenheiro. • Referir-se aos tópicos principais do texto, dando o roteiro ou a ordem de
exposição.

Discriminação das partes

Encadernação (Capa) 2. Revisão Bibliográfica (sobre a área de concentração do estagio)


Pode ser em espiral ou capa dura. Relatórios com capa dura deve conter os
mesmos dados que a folha de rosto (anexo). Apresentar um texto com definição da área de concentração do estágio (construção
civil, geotécnica, saneamento, transportes...), as principais obras realizadas, temas
Folha de rosto de estudo atual e conceitos teóricos que foram aplicados em seu estágio.
Com os títulos centrados. Deve seguir os seguintes formatos e tamanhos : autor –
em caixa alta tamanho 16, título – em caixa alta negrito tamanho 18, outras
informações em caixa baixa tamanho 14. 3. Apresentação da Concedente

Epígrafe e/ou dedicatória (facultativo) Fazer uma descrição impessoal e sucinta da Concedente com um breve histórico,
Título ou frase que serve de tema a um assunto e/ou palavras escritas com que se informações sobre o ramo de atividade, principais produtos e(ou) serviços, número
oferece a alguém um trabalho. de empregados e benefícios auferidos a estes pela Concedente, clientela, sistema
de administração e finanças, instalações e equipamentos, produtividade, projetos e
Sumário perspectivas de expansão.
Com divisão decimal em arábicos. Uma linha liga cada título ao número da página,
seguindo o padrão de títulos e subtítulos usado no texto (use o sumário automático 4. Desenvolvimento
do editor de texto).
É a parte mais extensa do trabalho e visa comunicar os resultados do Estágio. Pode
ser subdividido em mais capítulos, de forma a refletir o Plano de Estágio executado.
Listas de Abreviaturas, Apêndices, etc. Deste modo, um roteiro razoável para este item segue os seguintes passos:
Têm apresentação igual a do Sumário, quando pouco extensas podem figurar
seqüencialmente na mesma página. Só serão apresentadas em caso de 5 itens ou • Anotação metódica da rotina de trabalho e da coleta de dados.
mais. • Exposição do trabalho realizado de maneira descritiva ou agrupada em
gráficos e/ou tabelas.

24 25
> MANUAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO DOS CURSOS DE ENGENHARIA > MANUAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO DOS CURSOS DE ENGENHARIA
GRUPO MULTIVIX GRUPO MULTIVIX

• Discussão dos dados apresentados no passo anterior. Deve ser seguido o padrão ABNT, NBR 6023 (ABNT, 2002) referências.

Na discussão o Estudante deve: Anexos


São materiais suplementares que se acrescentam ao relatório como esclarecimento
• Agrupar os casos sempre que houver repetição. ou documentação, sem dele constituir parte essencial.
• Estabelecer relações entre causa e efeito.
• Deduzir generalizações e princípios básicos que tenham comprovação nas Agradecimentos (facultativo)
observações. Deve ser rápido e objetivo. Cada entidade ou pessoa deve ter um agradecimento a
• Esclarecer as exceções, modificações, teorias e princípios relativos ao parte.
trabalho.
• Indicar as aplicações teóricas ou práticas dos resultados obtidos.
• Procurar elaborar, uma teoria para explicar as observações e resultados
obtidos.
• Revisar literatura, referindo-a no texto seguindo orientação de normas da
Faculdade (disponíveis no portal acadêmico da Multivix).
• Discutir as ocorrências como um todo, avaliando causas, procedimentos e
resultados e apresentado sua própria opinião com base nos conhecimentos
adquiridos.

Ilustrações (opcionais)

Consistirão de tabelas, quadros e figuras. Têm por objetivo esclarecer melhor o


assunto discutido no texto e/ou apresentar de uma maneira mais eficaz informações
relevantes. De forma geral possuem títulos que são numeradas por algarismos
arábicos (Ex: ‘FIGURA 3 - Organograma da Empresa X’). A fonte da informação,
como deve ocorrer no texto, deve sempre ser apresentada. As ilustrações devem ser
colocadas próximas ao local em que forem mencionadas e referenciadas por seus
respectivos números.

Os Quadros, além de título pode ter cabeçalho. Têm por objetivo facilitar a
comunicação de informações não numéricas, relacionando pelo menos, duas
variáveis. São seguidos ou antecipados por comentários que não se repetem, mas
complementam seus conteúdos.

O termo Figuras designará gráficos, mapas, fotografias e micro-grafias e


assemelhados. Pode ter uma legenda que explique o conteúdo da figura de forma
sucinta e precisa.

Notas
As observações ou aditamentos a detalhes do texto devem aparecer em rodapé.

Considerações finais
É o resultado de uma análise crítica do trabalho executado, e de sua validade como
contribuição para a formação profissional. Relacionar os resultados, interpretá-los e
apresentar as conclusões de forma lógica, clara e concisa.

Referências
É a especificação das obras citadas no texto para o desenvolvimento das atividades
realizadas, em ordem alfabética dos sobrenomes dos autores.

26 27
> MANUAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO DOS CURSOS DE ENGENHARIA > MANUAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO DOS CURSOS DE ENGENHARIA
GRUPO MULTIVIX GRUPO MULTIVIX

DOCUMENTOS DE ESTÁGIO – ALUNOS QUE NÃO SE ENCONTRAM APÊNDICE F - Roteiro para Elaboração do Estágio Supervisionado II
EM CAMPO – TRABALHO DE CUNHO ACADÊMICO
CAPA
APÊNDICE E - Roteiro para Elaboração do Estágio Supervisionado I

CAPA FOLHA DE ROSTO


FOLHA DE ROSTO
SUMÁRIO TERMO DE APROVAÇÃO
1 INTRODUÇÃO
1.1 JUSTIFICATIVA DO TEMA EPÍGRAFE E/OU DEDICATORIA (opcional)

1.2 DELIMITAÇÃO DO TEMA


AGRADECIMENTOS (opcional)
1.3 FORMULAÇÃO DO PROBLEMA

1.4 OBJETIVOS LISTA DE figuras, tabelas, gráficos, abreviaturas, siglas e/ou símbolos.

1.4.1 OBJETIVO GERAL


RESUMO: síntese do projeto final de curso, com no máximo 250 palavras, redigida apenas
1.4.2 OBJETIVOS ESPECÍFICOS
em um parágrafo. Deve conter os aspectos mais importantes, objetivos, metodologia e as
1.5 HIPÓTESES conclusões.

1.6 META
SUMARIO: apresentação das partes do trabalho - capítulos e sessões - na mesma ordem
1.7 METODOLOGIA
em que se sucedeu no corpo do texto, seguidas das respectivas paginações.
1.7.1 CLASSIFICAÇÃO DA PESQUISA

1.7.2 TÉCNICAS PARA COLETA DE DADOS 1 INTRODUÇÃO

1.7.3 FONTES PARA COLETA DE DADOS 1.1 JUSTIFICATIVA DO TEMA

1.7.4 CARACTERIZAÇÃO DA AMOSTRA PESQUISADA 1.2 DELIMITAÇÃO DO TEMA

1.7.5 INSTRUMENTO PARA A COLETA DE DADOS 1.3 FORMULAÇÃO DO PROBLEMA

1.7.6 POSSIBILIDADE DE TRATAMENTO E ANÁLISE DOS DADOS 1.4 OBJETIVOS

2 REFERENCIAL TEÓRICO 1.4.1 OBJETIVO GERAL

3 CRONOGRAMA DE EXECUÇÃO 1.4.2 OBJETIVOS ESPECÍFICOS


4 REFERÊNCIAS
1.5 HIPÓTESES

1.6 META

1.7 METODOLOGIA
1.7.1 CLASSIFICAÇÃO DA PESQUISA

1.7.2 TÉCNICAS PARA COLETA DE DADOS

1.7.3 FONTES PARA COLETA DE DADOS

28 29
> MANUAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO DOS CURSOS DE ENGENHARIA > MANUAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO DOS CURSOS DE ENGENHARIA
GRUPO MULTIVIX GRUPO MULTIVIX

1.7.4 CARACTERIZAÇÃO DA AMOSTRA PESQUISADA ANEXO G: Ficha de avaliação do Estágio Supervisionado I

1.7.5 INSTRUMENTO PARA A COLETA DE DADOS CRITÉRIO 1: Quanto à produção da obra

1.7.6 POSSIBILIDADE DE TRATAMENTO E ANÁLISE DOS DADOS ( ) Foi constatado nesta obra plágio total
( ) Foi constatado nesta obra plágio parcial
1.8 APRESENTAÇÃO DO CONTEÚDO DAS PARTES ( ) Não foi constatado plágio nesta obra

Observação: Caso constatado plágio total ou parcial da obra avaliada, o aluno


2 REFERENCIAL TEÓRICO receberá automaticamente a nota 0,0, sendo descartada a avaliação dos critérios
seguintes.
3 APRESENTAÇÃO E ANÁLISE DOS DADOS / ESTUDO DE CASO
CRITÉRIO 2: Quanto à estrutura do Trabalho e conteúdos apresentados
3.1 MUNICÍPIO/EMPRESA OBJETO DE ESTUDO DA PESQUISA
3.2 APRESENTAÇÃO DOS DADOS ITEM DE AVALIAÇÃO PONTUAÇÃO OBTIDA
1 - Uso correto e adequado da língua portuguesa
3.3 ANÁLISE DOS DADOS 2 – O texto está na estrutura proposta para
apresentação de um trabalho acadêmico
3 - As referências estão de acordo com as normas do
4 CONCLUSÃO E RECOMENDAÇÃO manual
4.1 CONCLUSÃO 4 - As numerações das páginas estão de acordo
5 - As citações estão devidamente com identificação
4.2 RECOMENDAÇÕES
das fontes
5 REFERÊNCIAS 6 - As citações diretas de até 3 linhas estão entre
aspas duplas e inseridas no texto
7 - As citações diretas com mais de 3 linhas
APÊNDICE/ANEXOS. aparecem em parágrafo recuado, com fonte 10 e
espaço simples
8 - Todos os itens foram descritos:
(__) Título
(__) Introdução
(__) Justificativa
(__) Delimitação do Tema
(__) Objetivo Geral
(__) Objetivo Específico
(__) Problema
(__) Hipótese
(__) Delineamento Metodológico
(__) Classificação da pesquisa
(__) Técnicas para coleta de dados
(__) Fontes para coleta de dados
(__) Instrumentos para coletas de dados
(__) Referencial Teórico
(__) Referências

9 – Existe adequação entre os itens descritos na


metodologia com o objetivo, problema e tema do
trabalho?
TOTAL DE PONTOS NESTE CRITÉRIO
Observações do Professor neste
critério:___________________________________________
__________________________________________________________________________
Nenhuma observação.

30 31
> MANUAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO DOS CURSOS DE ENGENHARIA > MANUAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO DOS CURSOS DE ENGENHARIA
GRUPO MULTIVIX GRUPO MULTIVIX

CRITÉRIO 3: Quanto ao conteúdo do Trabalho:


ITEM DE AVALIAÇÃO PONTUAÇÃO OBTIDA ANEXO H: Ficha de avaliação do Estágio Supervisionado II

1 - O tema é pertinente, atual e de relevante valor FICHA DE AVALIAÇÃO DO RELATÓRIO FINAL DO PROJETO DE ESTÁGIO
social
2 - A introdução é clara, de bom tamanho e SUPERVISIONADO
contextualiza o problema de pesquisa
3- A justificativa é convincente e o problema está
bem delimitado, tendo relação com os objetivos da Aluno(s):
pesquisa _____________________________________________________________________
4 – O problema de pesquisa está estruturado
__________________________________________________________________________
corretamente e condiz com um trabalho científico.
5 - Os objetivos estão claros, são coerentes com o _________________________________________________________
problema apresentado e fáceis de serem
Professor Orientador: ________________________________________________________
alcançados
6 – O referencial teórico é coerente e adequada Banca:____________________________________________________________________
com o tema e o problema proposto
_______________________________________________________________________
7 - A metodologia é apresentada de forma clara e
objetiva, com detalhamento dos procedimentos Coordenador de Curso: ______________________________________________________
metodológicos (incluindo as fases da pesquisa) Data: _____________________________________________________________________
utilizados e está de acordo com o problema,
objetivos e tema do trabalho?
TOTAL DE PONTOS NESTE CRITÉRIO Aspectos da Apresentação Escrita
Observações do Professor neste critério:
Notas
Considerando a avaliação dos critérios e itens acima, o valor final atribuído a este trabalho 1) Coerência entre a definição do Tema e o desenvolvimento do trabalho
foi: ( ) _____________, estando o aluno: 2) Elaboração dos Objetivos
3) Descrição da Metodologia
( ) aprovado ( ) reprovado
4) Aspectos inovadores no estudo realizado
5) Relevância Científica (Referencial Teórico e bibliografia)
____________________/ES, _____ de _____________ de 2018.
6) Emprego dos instrumentos de pesquisa

PROFESSOR (A): 7) Apresentação dos dados coletados


___________________________________________________________________ 8) Análise dos dados (correlação entre variáveis e teoria)
9) Apresentação de conclusão e recomendações
10) Correção da linguagem escrita / linguagem acadêmica
11) Adequação às Normas da ABNT (Normas técnicas Acadêmicas)
Média (Peso 6,0): :

32 33
> MANUAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO DOS CURSOS DE ENGENHARIA > MANUAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO DOS CURSOS DE ENGENHARIA
GRUPO MULTIVIX GRUPO MULTIVIX

Aspectos da Apresentação Oral

Notas
1) Clareza no uso da linguagem científica
2) Utilização adequada do tempo previsto
3) Clareza na apresentação da metodologia do trabalho
4) Interpretação de tabelas e gráficos
5) Capacidade de síntese e conclusão
6) Clareza na exposição dos questionamentos e desafios suscitados pelo
estudo
7) Domínio horizontal e vertical do tema estudado
Média (Peso 4,0): :

Média Global: _______________________

Curso:
________________________________________________________________
Nome do Aluno:
_________________________________________________________
Período:
_______________________________________________________________

34 35