Você está na página 1de 4

Graduação à Distância

Matemática (Licenciatura)
Polo – Fortaleza
DGMAT1802FORA3O

Leonardo Pereira Uchôa Piauilino


RA: 8065656

TEORIA DOS NÚMEROS – PORTFÓLIO


Projeto de Prática – 3º ciclo

FORTALEZA - CE
2019
Considere a seguinte situação: você foi chamado para ministrar aulas na Educação
Básica em uma Escola da rede pública/particular de ensino. Para que você seja
contratado, a direção e a coordenação da escola solicitaram um Plano de Aula para
o 6° ano do Ensino Fundamental, série em que você poderá atuar caso seja
contratado. Atendendo à solicitação da direção e da coordenação da escola, elabore
um Plano de Aula que aborde os conteúdos de Algoritmo de Euclides, mmc, mdc,
divisibilidade, Teorema Fundamental da Aritmética, números primos ou o Crivo de
Eratóstenes.
Plano de Aula: Crivo de Eratóstenes

Tempo
1 aula – 50 minutos

Etapa de Ensino
Ensino Fundamental

Ano ou série da etapa de ensino


6º ano – Ensino Fundamental

Objetivo da aula
 Desenvolver o raciocínio lógico;
 Reconhecer e diferenciar os números primos dos demais números pelas
suas propriedades;
 Compreender um método para localizar os números primos no universo
dos números reais;
 Conhecer o matemático Eratóstenes.

Conteúdo
Nessa aula será apresentada uma sequência didática sobre os números
primos visto que os mesmos integram um tema relevante no ensino de
Matemática. O conhecimento sistematizado acerca deste tema favorece
inúmeras situações de aprendizagem que poderão ser exploradas em diferentes
sequências didáticas. A partir do conhecimento sobre números primos é possível
tratar, por exemplo, dos critérios de divisibilidade, decomposição de um número
em fatores primos, entre outros.

Estratégias de ensino
No início da aula é solicitado aos alunos a construção de uma tabela (10
x 10) com os números naturais de 1 a 100 de forma crescente.
Em seguida, é sugerido aos alunos que risque na tabela todos os números
múltiplos de 2 maiores que 2 (o 2 não será riscado). Os próximos números a
serem riscados na tabela são os múltiplos de 3 maiores que 3 (o 3 não será
riscado). Esse mesmo processo é repetido para os números múltiplos de 5 e 7.
Na sequência os alunos serão questionados se há a necessidade de
retirar os múltiplos de 11 (para que eles possam perceber que o primeiro múltiplo
de 11 é maior que 100 e, portanto, não se faz necessário continuar a eliminar
mais múltiplos após excluir os múltiplos de 7).
Concluída esta etapa podemos questionar os alunos sobre a divisibilidade
dos números que restaram na tabela. O objetivo é que os alunos possam
perceber que os números que sobraram na tabela são divisíveis por 1 e apenas
por eles mesmos.
Para finalizar será solicitada a retirada do número 1, pois este número,
por convenção, não é considerado um número primo.
Agora, após uma discussão sobre o processo realizado na tabela com a
exclusão dos múltiplos de 2, 3, 5 e 7 e por conseqüência a retirada dos números
pares também, é possível formalizar o conceito de números primos como sendo
um número natural maior do que 1 e divisível somente por 1 e por si mesmo,
então ele será chamado número primo.
A aula será finalizada explicando que o que os alunos acabaram de
construir é chamado de Crivo de Eratóstenes e será explanado um pouco da
história desse matemático.

Recursos/materiais
- quadro-branco;
- caderno, lápis, caneta e borracha;
- folha com texto sobre Eratóstenes disponível em
https://www.somatematica.com.br/biograf/erat.php, caso seja feita a
interdisciplinaridade com a disciplina de Língua Portuguesa.

Referências
NASCIMENTO, Marcus Vinicius Silva, 1980- Sobre o crivo de Eratóstenes-
Legendre / Marcus Vinicius Silva Nascimento. – Campinas, SP : [s.n.], 2015.

RIBEIRO, D. M.; SCHERER, A. C. S.; TOILLIER, J. S. Números Primos e Suas


Histórias In: XII ENCONTRO PARANAENSE DE EDUCAÇÃO MATEMÁTICA,
XII, 2014, Campo Mourão. Anais… Campo Mourão: Universidade Estadual do
Paraná, 2014.

Só Matemática. Disponível em:


< https://www.somatematica.com.br/biograf/erat.php.> Acesso em: 01 de maio
de 2019.

Sugestão de trabalho interdisciplinar


Podemos trabalhar interdisciplinarmente com a disciplina de Língua
Portuguesa a partir do texto sobre a história do matemático Eratóstenes,
disponível no link: https://www.somatematica.com.br/biograf/erat.php.

Avaliação
Os alunos serão avaliados pela participação, o envolvimento e a
realização das atividades bem como o registro feito pelo aluno descrevendo o
que ele aprendeu com as atividades desenvolvidas.
Todas as dúvidas apresentadas serão sanadas do decorrer das aulas.