Você está na página 1de 2

Fórmula de Jacobi para a derivada do determinante

Vamos mostrar a fórmula de Jacobi para a derivada do determinante, qual seja, dada
A(t) ∈ Mn (R), temos que
 
d > d
det A(t) = tr adj A(t) .
dt dt

Lema 1. Dadas A, B ∈ Mn (R), então

∑ ∑ aij bij = tr( A> B). (1)


i j

Demonstração. De fato, da definição de produto matricial, a entrada jk do produto AB é

( ab) jk = ∑ a ji bik .
i

Por outro lado, usando A> , obtemos

( ab) jk = ∑ aij bik .


i

Consequentemente, tomando o traço em A> B, temos

tr( A> B) = ∑(ab) jj = ∑ ∑ aij bij = ∑ ∑ aij bij .


j j i i j

Teorema 2. Dada A(t) ∈ Mn (R), vale que


 
d > d
det A(t) = tr adj A(t) .
dt dt

Demonstração. Conhecemos da expansão de Laplace para o cálculo do determinante, que

det A(t) = ∑ aij adj> aij


j

onde tomamos uma linha i qualquer e adjaij é o cofator do elemento aij .


Por outro lado, o determinante pode ser considerado uma função das n2 entradas (como
as variáveis), isto é,
det A = F ( a11 , a12 , · · · , a21 , a22 , · · · , ann ).

1
Agora, pela regra da cadeia, a derivada é

d ∂F
dt
det A(t) = ∑ ∑ ∂aij daij .
i j

∂F
Agora, vamos procurar compreender o que é o termo .
∂aij
Temos que, usando a expansão de Laplace novamente,
!
∂ ∂ ∂
∂aij
det A =
∂aij ∑ aik adj> aik =∑
∂aij
( aik adj> aik ).
k k

Agora, usando a regra do produto em aik adj> aik , temos

∂ ∂a ∂  > 
( aik adj> aik ) = ik adj> aik + aik adj aik
∂aij ∂aij ∂aij

Assim,
∂ det A(t) ∂a k ∂
∂aij
= ∑ ∂aiij adj> aik + ∑ aik ∂aij (adj> aik ).
k k

Todavia, se um elemento aij e um cofator adj> aik do elemento aik pertencem a mesma
linha ou coluna, então o cofator não é uma função de aij , uma vez que, o cofator aik é
função dos elementos que não pertencem nem a coluna k e a linha i. Consequentemente,
∂adj> aik
= 0, assim
∂aij
∂ det A(t) ∂a
= ∑ adj> aik ik .
∂aij k
∂aij
∂aik
Por outro lado, vale que = δjk , isto é, os elementos da matriz A(t) quando
∂aij
consideramos o determinante de A(t) são independentes entre si (quando vistos como
variáveis), assim
∂ det A(t)
= ∑ adj> aik δjk = adj> aij .
∂aij k

Desta forma,
d
dt
det A(t) = ∑ ∑ adj> aij daij .
i j

Usando o Lema 1, obtemos


 
d > d
det A(t) = tr adj A(t) .
dt dt