Você está na página 1de 4

Departamento de Línguas

9.º Ano | Português


Ficha de Trabalho | fevereiro | Ano Letivo 2019/2020

NOME TURMA N.º DATA

1 – Assina com um círculo a única opção correta.

1.1 – A única opção que apresenta palavras que não são formadas pelo mesmo processo é

(A) embranquecer – amadurecer – entardecer


(B) passatempo – segunda-feira – chapéu de sol
(C) decrescer – opor – despensa - desacreditar
(D) lembrança – bebedouro – crescimento

1.2 – Nas frases Onde está o Rui? Não sei, porém a casa onde ficou está fechada., os advérbios
sublinhados têm, respetivamente, a função de

(A) relativo, conetivo e interrogativo.


(B) interrogativo, conetivo e relativo.
(C) interrogativo, relativo e conetivo.
(D) relativo, interrogativo e conetivo.

1.3 – A frase que corresponde à substituição dos constituintes sublinhados em Ainda que revelasse o
final do filme às crianças, estas não ouviriam as minhas palavras. por pronomes é

(A) Ainda que lho revelasse, estas não ouvi-las-iam.


(B) Ainda que revelasse-lhos, estas não ouvi-las-iam.
(C) Ainda que lho revelasse, estas não as ouviriam.
(D) Ainda que lhos revelasse, estas não as ouviriam.

1.4 – A única expressão sublinhada com a função sintática de complemento direto encontra-se na frase

(A) Ele pediu ao Rui que viesse cedo.


(B) Constatou o Rui que era tarde.
(C) Confrontei o Rui com os resultados negativos.
(D) O melhor vencedor é o Rui.

1.5 – A única frase que inclui uma relação de hiperonímia – hiponímia é

(A) A tecla do computador partiu-se.


(B) As pétalas da rosa caíram lentamente.
(C) A luz iluminou a sala de jantar.
(D) Os tigres constituíam a maior parte dos felinos do parque.
1.6 – A única opção composta por formas que não pertencem ao mesmo modo verbal é

(A) trabalharão – terá apagado – tiver registado – registarei


(B) canto – lemos – quisestes – tinha registado
(C) faça – tenhas – tivesse dito – tivermos contado
(D) pedira – quis – tínhamos dito – traziam

1.7 – A única opção que corresponde à forma passiva da frase Naquele dia, os funcionários do parque
tinham avistado um urso. é

(A) Naquele dia, um urso foi avistado pelos funcionários do parque.


(B) Naquele dia, os funcionários do parque tinham sido avistados por um urso.
(C) Naquele dia, um urso tinha sido avistado pelos funcionários do parque.
(D) Um urso tinha sido avistado por aquele dia pelos funcionários do parque.

2 – Reescreve a frase, substituindo os constituintes sublinhados pela forma adequada do pronome


pessoal.

Sempre que encontrar um livro interessante, divulgarei os seus conteúdos aos meus amigos.

3 – Completa as frases com as formas dos verbos nos tempos e modos indicados entre parênteses.

3.1 – Neste local, todos eles _______________ (ver, presente do indicativo) uma nau ao vivo.
3.2 – Seria fundamental que a brochura _______________ (conter, pretérito imperfeito do conjuntivo)
informação histórica.
3.3 – Se nós ______________ (trazer, pretérito mais-que-perfeito do conjuntivo) uma câmara, a
reportagem _______________ (ser, condicional composto) melhor.
3.4 – Até aos vinte anos, eu ___________ (crer, pretérito perfeito do indicativo) que isto era verdade.

4. Indica os processos de mudança fonética.

4.1. humile > humilde


4.2. et > e
4.3. fermoso > formoso
4.4. malu > mau
4.5. vigairo > vigário
4.6. stá > está
4.7. tea > tela
4.8. mare > mar
4.9. credu > creo
4.10. merlo > melro
5. Classifique a forma verbal presente nas frases que se seguem quanto ao tempo, modo, pessoa e
número.

5.1 - Os alunos têm assistido a peças de teatro muito interessantes.


5.2 - As pessoas lerão mais livros, se puderem fazê-lo nos tablets.

6. Indica a frase que corresponde à forma passiva da frase que se segue:

O João e o Pedro compraram ontem os bilhetes para o teatro.

(A) Os bilhetes para o teatro tinham sido ontem comprados pelo João e o Pedro.
(B) Ontem, foram comprados pelo João e pelo Pedro os bilhetes para o teatro.
(C) Quem comprou ontem os bilhetes para o teatro foram o João e o Pedro.
(D) Os bilhetes para o teatro serão comprados pelo João e pelo Pedro.

7. Identifica as funções sintáticas das expressões sublinhadas nas frases que se seguem.

7.1. A peça de teatro foi encenada por Nuno Carinhas.


7.2. Tenho a certeza de que o ator vive por aqui.
7.3. Falei com Joana Meneses, a atriz da Companhia Praga.
7.4. No Teatro Nacional de São João, são representadas várias comédias e vários dramas.
7.5. O Anjo não dirige a palavra a algumas personagens.
7.6. Campanelo, o melhor contador de histórias, encantava as crianças.
7.8 - Rui, queres ler este livro?
7.9 - Aquele livro foi elogiado pelas crianças do Largo.
7.10 - Ele colocou o livro em cima da pasta.
7.11 - O escritor avisou os seus leitores atempadamente.
7.12 - Após a narração da história, chegaram os pais ao Largo.

8. Reescreve as frases seguintes, substituindo o complemento direto por um pronome pessoal.

8.1 - Aprecias uma obra pelo sentido de humor do autor?


8.2 - Os blogues proporcionarão uma oportunidade fantástica aos leitores.
Responde agora às seguintes questões, tomando atenção às indicações que te são dadas.

1 - Dois espectadores, que na época assistiram ao Auto da Barca do Inferno, revelam opiniões diferentes
sobre a personagem Joane.

A
B

Indica com qual das opiniões estás de acordo, apresentando argumentos que expliquem a tua
posição e recorrendo aos elementos do texto que achares necessário. A resposta deve ter entre 40 e 70
palavras.

2 - Lê a seguinte definição de caricatura:

Caricatura – Desenho, pintura ou outro meio de expressão que, através do traço, da escolha
de detalhes, acentua ou revela certos aspetos mais desagradáveis ou ridículos de uma pessoa,
objeto, situação..., visando sobretudo efeitos satíricos ou cómicos.
Dicionário da Língua Portuguesa Contemporânea da Academia das Ciências de Lisboa, Lisboa, Editorial Verbo, 2001.

1 - Explica o modo como esta definição pode ser aplicada ao Auto da Barca do Inferno, de Gil Vicente.
Para fundamentar a tua resposta, deves também:
• selecionar uma personagem do auto estudado;
• apresentar os aspetos sociais criticados através da personagem.
A resposta deve ter entre 40 e 70 palavras.

Observações:
1. Para efeitos de contagem, considera-se uma palavra qualquer sequência delimitada por espaços em branco,
mesmo quando esta integre elementos ligados por hífen (exemplo: /di-lo-ei/). Qualquer número conta como uma única
palavra, independentemente dos algarismos que o constituam (exemplo: /2017/).
2. O desvio dos limites de extensão indicados implica uma desvalorização parcial de um ponto.