Você está na página 1de 4

Critérios de correção / cotações / níveis de desempenho

Questão / Competências Critérios de Objetivo(s)


Conceitos (as variações de pontos dizem respeito à aplicação dos critérios relativos às competências linguísticas;
cotação avaliadas avaliação específico(s)
a penalização nas cotações, pela insuficiência nas respostas, obedece aos descritores de nível)

Grupo I – 1. Clarificar conceitos Explicitar a noção de Estética Nível 1 Nível 2 Nível 3


a. Clarifica o conceito filosóficos. estética.
de estética. 2 a 4 pontos 5 a 7 pontos 8 a 10 pontos
(8 pontos)
Refere apenas que é Identifica e explica as – Área da filosofia: reflexão acerca da
uma área da filosofia características, mas com experiência estética.
OU imprecisões – Estudo da forma como o ser humano
Escreve de forma terminológicas e de aprecia objetos considerados belos ou
avulsa, sem articulação. coerência. sublimes e respetiva expressão em
sentimentos, conceitos ou juízos.

Grupo I – 1. Clarificar conceitos Clarificar o conceito Sensibilidade Nível 1 Nível 2 Nível 3


b. Clarifica o conceito filosóficos. de sensibilidade estética
de sensibilidade estética. 2 a 4 pontos 5 a 7 pontos 8 a 10 pontos
estética.
(8 pontos) Clarifica parcialmente Clarifica o conceito, mas Capacidade de perceber e apreciar objetos,
o conceito, com com imprecisões com agrado ou desagrado, a partir de
Conceptualização imprecisões terminológicas, sem estímulos visuais, sonoros ou táteis por
terminológicas mobilizar a totalidade da eles produzidos.
OU informação pertinente.
Escreve de forma avulsa,
sem articulação.

Grupo I – 1. Clarificar conceitos Clarificar o conceito Sublime Nível 1 Nível 2 Nível 3


c. Clarifica o conceito filosóficos. de sublime.
de sublime. 2 a 4 pontos 5 a 7 pontos 8 a 10 pontos
(8 pontos)
Identifica, sem explicar, Identifica e explica uma – Noção estética capaz de provocar uma
uma das características da das características da emoção de prazer.
noção de sublime noção de sublime – Sentimento provocado no homem por
OU OU tudo aquilo que o ultrapassa, atemoriza e
Escreve de forma avulsa, Identifica e explica as exalta, provocando um desejo de
sem articulação. características, mas com superação de si próprio.
imprecisões
Critério de avaliação e correção de FICHA FORMATIVA n.º 6 (pp.terminológicas
48-49 do Manual-Volume 2)

Escola Turma Data

Competências Linguísticas: escreve de modo claro, articulado e coerente, utilizando um vocabulário com um grau de abstração apropriado, interpreta corretamente os documentos apresentados (a aplicar
em todas as questões de resposta curta, intermédia ou longa, com variações até aos 3 pontos; em caso de resposta nula em conteúdos, não há atribuição de pontuação.
Questão / Competências Critérios de Objetivo(s)
Conceitos Critérios de correção / cotações / níveis de desempenho
cotação avaliadas avaliação específico(s)

Grupo I – 1. Clarificar conceitos Clarificar o conceito Juízo estético Nível 1 Nível 2 Nível 3
d. Clarifica o conceito filosóficos. de juízo estético.
de juízo estético. 2 a 4 pontos 5 a 7 pontos 8 a 10 pontos
(8 pontos)
Identifica, sem Identifica e explica – Afirmação / proposição na qual o sujeito
explicar, uma das uma das expressa uma experiência estética.
características da características da – Atribuição de uma propriedade a um objeto,
noção de juízo noção de juízo a qual sintetiza a emoção e o prazer sentidos
estético estético aquando da fruição estética desse objeto.
OU OU
Escreve de forma Identifica e explica as
avulsa, sem características, mas
articulação. com imprecisões
terminológicas e de
coerência.

Grupo I – 2. Desenvolver Distinguir posições Natureza dos juízos Nível 1 Nível 2 Nível 3
Determina a opção capacidades quanto à natureza estéticos
correta. específicas de dos juízos estéticos. ________ ________ ________
(10 pontos) clarificação
conceptual. __________ __________ Alínea a.
Conceptualização
Grupo I – 3. Identificar a posição Aceção kantiana de Nível 1 Nível 2 Nível 3
Escolhe a opção de Kant face ao juízo juízo estético
correta. estético. ________ ________ ________
(10 pontos)
__________ __________ Alínea c.

Grupo II – 1. Identificar e aplicar Enunciar e Arte como imitação Nível 1 Nível 2 Nível 3
Clarifica em que de forma correta fundamentar a tese da
consiste a teoria da conceitos nucleares teoria da arte como 2 a 4 pontos 2 a 4 pontos 2 a 4 pontos
arte como imitação. do imitação.
(25 pontos) programa. Identifica, sem Identifica a tese da – As obras de arte têm de ser produções
explicar, a tese da teoria da arte como humanas que imitam a natureza ou a ação
teoria da arte como imitação e apresenta do homem.
imitação um dos seus – Uma obra de arte tem de reproduzir algo.
OU argumentos – Uma obra de arte é tanto melhor quanto
Escreve de forma OU mais fielmente reproduzir aquilo que imita.
avulsa, sem Identifica e explica a
articulação. teoria da arte como
imitação, mas com
imprecisões
terminológicas e de
coerência.
Questão / Competências Critérios de Objetivo(s) Critérios de correção / cotações / níveis de desempenho
Conceitos
cotação avaliadas avaliação específico(s)

Grupo II – 2. Identificar e aplicar Apresentar contra- Arte como imitação Nível 1 Nível 2 Nível 3
Expõe os argumentos de forma correta -argumentos que
que procuram refutar a conceitos nucleares procuram refutar a 4 a 7 pontos 13 a 16 pontos 22 a 25 pontos
teoria da arte como do programa. teoria da arte como
imitação. Aplicar conceitos na imitação. Apresenta uma Apresenta os contra- – Como saber o grau de imitação da obra de
(25 pontos) análise e refutação da teoria da -argumentos, mas arte face ao acontecimento original?
interpretação de arte como imitação com imprecisões e – Pode o valor artístico ser reduzido ao grau
textos. OU num discurso pouco de imitação da realidade?
Escreve de forma coerente. – Pode uma obra de arte ser considerada
avulsa, sem menos artística se não reproduzir a
articulação. realidade?

Grupo II – 3.1. Aplicar conceitos na Apresentar a tese da Arte como expressão Nível 1 Nível 2 Nível 3
Explica porque é que análise e teoria da arte como
o autor do texto diz interpretação de expressão. 4 a 7 pontos 13 a 16 pontos 22 a 25 pontos
que certos juízos textos.
apresentados traduzem Identifica, sem Apresenta os dois – Livros e filmes enquanto obras de arte que
uma conceção de arte explicar, um dos aspetos a considerar, permitem ao criador expressar as suas
como expressão. aspetos a considerar, mas com imprecisões emoções: obras de arte enquanto extensão
(25 pontos) mas sem terminológicas e de emocional dos artistas.
enquadramento coerência. – Criação artística possibilita
Argumentação
teórico consciencialização de emoções: exercício
OU de autoconhecimento.
Escreve de forma
avulsa, sem
articulação.

Grupo II – 3.2. Aplicar conceitos na Formular objeções do Arte como expressão Nível 1 Nível 2 Nível 3
Apresenta as duas análise e autor do texto em
objeções do autor do interpretação de refutação da teoria da 4 a 7 pontos 13 a 16 pontos 22 a 25 pontos
texto em refutação da textos. arte como expressão.
teoria da arte como Apresenta uma Apresenta as duas – Existência de obras de arte que não
expressão. objeção do autor do objeções do autor do expressam qualquer emoção ou sentimento,
(25 pontos) texto à teoria da arte texto à teoria da arte pelo contrário, resultam de um aturado
como expressão, como expressão, mas trabalho de aperfeiçoamento técnico.
manifestando com imprecisões – Desfasamento eventual entre emoções
dificuldades de terminológicas e de provocadas pela obra de arte no espetador e
explicitação coerência. aquelas eventualmente sentidas, ou não,
OU pelo artista.
Escreve de forma
avulsa, sem
articulação.
Questão / Competências Critérios de Objetivo(s)
Conceitos Critérios de correção / cotações / níveis de desempenho
cotação avaliadas avaliação específico(s)

Grupo III – 1. Conceptualização Identificar e aplicar Caracterizar o Cognitivismo estético Nível 1 Nível 2 Nível 3
Explica em que de forma correta cognitivismo estético.
consiste, segundo conceitos nucleares 4 a 7 pontos 13 a 16 pontos 22 a 25 pontos
Goodman, o valor do
cognitivo da programa. Identifica, sem Identifica os dois – Diferentes manifestações artísticas e
experiência estética. explicar, um dos aspetos abordados por diferentes obras de arte constituem um
(25 pontos) aspetos abordados por Goodman, mas com modo alternativo de compreensão da
Goodman imprecisões realidade: a arte tem uma função cognitiva.
OU terminológicas e de – Experiência estética permite uma
Escreve de forma coerência. consciencialização e um alargamento do
avulsa, sem conhecimento da realidade que nenhuma
articulação. outra experiência possibilita: formação de
um outro olhar face ao mundo.

Grupo III – 2. Problematização Identificar e aplicar Identificar fenómenos Massificação da Nível 1 Nível 2 Nível 3
Estás de acordo com a Argumentação de forma correta de massificação da experiência estética
afirmação “A conceitos nucleares produção e consumo 3 a 5 pontos 8 a 10 pontos 13 a 15 pontos
Internet permite hoje do programa. da experiência
uma massificação da Desenvolver de forma estética. Não toma posição Aborda um dos – Desenvolvimento tecnológico e económico
experiência estética”? progressiva as OU aspetos, mas sem facilitou o acesso a inúmeras expressões
(15 pontos) capacidades de Apresenta ideias de explicitar e com artísticas.
expressão pessoal. forma incoerente. imprecisões – Internet disponibiliza online imensas obras
terminológicas e de de arte a um número muito elevado de
coerência. sujeitos.

Relatório: apreciação dos resultados obtidos | aspetos a trabalhar na aula de correção | aspetos metodológicos e competências a trabalhar