Você está na página 1de 11

Centro de Formação Profissional de Coimbra

EFA NS Técnico de Restaurante/Bar


2020

UFCD: Cidadania e Profissionalidade (5) – Deontologia e princípios éticos


Formadora: Vera Jesus
Email: Vera_m.f.jesus@Hotmail.com

Coimbra 2020

FORMADORA: VERA JESUS


CP5-DEONTOLOGIA E
PRINCÍPIOS ÉTICOS
“A Ética ocupa-se do que a própria pessoa (tu, eu ou qualquer outra pessoa)
faz com a sua liberdade”
Fernando Savater, Ética Para Um Jovem

FORMADORA: VERA JESUS


UC5 – Deontologia e princípios éticos
CONTEXTO PROFISSIONAL

Códigos de ética e padrões deontológicos

CONCEITOS-CHAVE

 Deontologia
 Códigos de ética
 Conduta profissional
 Dever

RESULTADO DE APRENDIZAGEM

Articula responsabilidade pessoal e profissional, adoptando normas deontológicas e profissionais

FORMADORA: VERA JESUS


UC5 – Deontologia e princípios éticos
Os códigos de ética pessoal e a deontologia profissional: da “ciência dos
costumes”, ao conjunto de deveres, princípios e normas específicos de um
grupo profissional (cont.)

Código de ética – é um conjunto de normas de


comportamento inspirado em valores e princípios
fundamentais que devem reger a conduta dos
indivíduos nos diversos aspectos das relações
humanas que se estabelecem na sua vida.

Código de ética
Código de empresarial/insti
ética pessoal Código tucional
deontológico

FORMADORA: VERA JESUS


UC5 – Deontologia e princípios éticos
Os códigos de ética pessoal e a deontologia profissional: da “ciência dos
costumes, ao conjunto de deveres, princípios e normas específicos de um
grupo profissional

Deontologia é o estudo dos deveres. Conjunto de obrigações a


que estamos sujeitos e devemos respeitar

Código deontológico/profissional
Conjunto de deveres, princípios e normas adoptadas por um
determinado grupo profissional

FORMADORA: VERA JESUS


UC5 – Deontologia e princípios éticos
Os códigos de ética pessoal e a deontologia profissional: da “ciência dos
costumes”, ao conjunto de deveres, princípios e normas específicos de um grupo
profissional

Os princípios e valores que informam o código ético pessoal e o código


deontológico são os veiculados pela moral (ciência dos costumes) vigente na
sociedade em que eles são “elaborados” e por documentos de cariz universal,
como a “Declaração Universal dos Direitos do Homem”, e de cariz nacional,
como as Constituições nacionais de cada país em particular. No entanto, dada a
diferente forma como cada indivíduo se apropria desse património comum de
princípios e valores, nem sempre o código de ética pessoal coincide com o
código deontológico da nossa profissão.

Código de Moral Código


ética pessoal Declaração Universal dos deontológico
(não escrito) Direitos do Homem (escrito)

FORMADORA: VERA JESUS


UC5 – Deontologia e princípios éticos

O papel das normas de conduta profissional na definição da deontologia de


uma profissão

Quer os princípios quer as normas deontológicas correspondem a


enunciados que determinam o dever ser de uma acção, ou seja, o padrão
de conduta profissional que o indivíduo deve respeitar. Os princípios são
mais gerais que as normas. As últimas deduzem-se dos primeiros, não
podendo contrariá-los.

Por exemplo: se o Código Deontológico, que regula a actuação dos


médicos, tiver como princípio a preservação da vida do paciente e
este princípio não prever nenhuma excepção, então nenhuma norma
poderá regular a prática de eutanásia

FORMADORA: VERA JESUS


UC5 – Deontologia e princípios éticos
O papel das normas de conduta profissional na definição da deontologia de
uma profissão (cont.)

O dever é um conceito ético que pode ser entendido como um


imperativo, isto é, como uma ordem a que o indivíduo terá de se
submeter e que assume duas dimensões:

Uma dimensão subjectiva, Uma dimensão objectiva,


traduzindo um sentimento de traduzindo uma obrigação de
respeito devido à lei imposta submissão e acatamento dessa
pela consciência moral mesma lei (pressão social)

FORMADORA: VERA JESUS


UC5 – Deontologia e princípios éticos

Relação entre as normas deontológicas e a responsabilidade social de um grupo


profissional

As normas deontológicas devem ser também


determinadas em função da responsabilidade
social (de vertente social, económica e
ambiental) do grupo profissional que
pretendem regular
Exemplos:

Os médicos agem segundo normas que Os engenheiros obedecem a normas


visam salvar a vida humana de qualquer para construir pontes, estradas, casas,
indivíduo e em qualquer circunstância, e que barragens, que levam em linha de conta
têm em consideração o impacto ambiental o resultado das suas intervenções e
da utilização de determinados produtos consequências na sociedade

FORMADORA: VERA JESUS


Dinâmica entre responsabilidade profissional e os vários contextos sociais
UC5 – Deontologia e princípios éticos

Os vários contextos sociais confrontam o indivíduo com a capacidade de cumprir


de modo coerente ou não com a sua responsabilidade profissional

Como actuará um médico em caso de greve ou se os doentes forem de classes


economicamente desfavorecidas?

Será que um jornalista é capaz de cumprir com a sua responsabilidade


profissional em ambientes hostis?

FORMADORA: VERA JESUS


Resultado da Aprendizagem:
Articula responsabilidade pessoal e profissional,
adotando normas deontológicas e profissionais.
Questões orientadoras:
 Porque valores se rege na sua prática
profissional?
 Identifica-se com esses valores?
 As normas deontológicas da sua profissão
refletem a responsabilidade social da mesma?

Formadora: Vera Jesus