O dia em que a Dodginha resgatou o poderoso DUKW!

Só em um evento do porte da “Colonna della

Libertá” é que a seguinte história poderia ter acontecido, envolvendo veículos militares clássicos. A todos os amantes dessas verdadeiras peças de museu, é que passo a narrá-la. E não se importe por não ter o mesmo gosto, a história vai agradar até mesmo aos filatelistas e colecionadores de latinhas de cerveja. A “Colonna della Libertá1” é um evento fascinante que ocorre no norte da Itália todos os anos, festejando a libertação daquele país do jugo nazifascista, a 25 de abril de 1945. O meu amigo Vitor poupou-me esforço ao traduzir o programa de 2011, constando inclusive a noção conceitual da atividade2. Dentre os inúmeros veículos que participaram da edição 2011, dois chamaram a atenção, tanto pela originalidade e preservação, quanto pela forma

inusitada e híbrida, assemelhando-se a um barco. Estamos falando do GMC DUKW3, conhecido por DUCK, ou “pato”!

Os dois DUCKS participantes, um todo verde e o outro cinza (em Battleship Gray), chamaram a atenção dos

participantes da Colonna e do público em geral, pela sua aparência absolutamente

estranha, muitos se perguntando o que um “barcão” daqueles fazia fora da água e, ainda por cima, andando rapidinho para acompanhar o comboio de quase 120 veículos... É bom que se diga, antes de prosseguir, que a mim foi concedida a honra de dirigir a Dodge WC-524 de nosso amigo Giovanni Sulla. E eram duas as Dodges brasileiras: esta de Sulla e outra do também querido amigo Vittorio!! O fato é que, embora pilotando a WC-52, eu namorei, namorei, namorei os DUCKS todo o tempo, até criar coragem e pedir ao proprietário do DUCK cinza, que por sinal também é o proprietário do DUCK verde, para “subir a bordo" e conhecer a fera por dentro. E que surpresa! Com um painel de configuração bastante simples, similar ao do GMC CCKW JIMMY5 2 1/2 toneladas normal, mas com muuuuuuuuuuito espaço para carga, o bicho impressionou pelo tamanho e estado de conservação, sendo que ambos são perfeitamente navegáveis, com toda a documentação referente a navegabilidade em dia! Nos anos anteriores ambos participaram das comemorações do desembarque na Normandia, alem de encontros específicos de veículos DUCK, fazendo a alegria da multidão pela sua operacionalidade.

Mas...

Uma

surpresa estava por vir!! No último dia da “Colonna”, após a saída de Verona (Piazza Brá6) e já próximos um de

Mantova,

grande

congestionamento parou o comboio: o público presente na praça principal dessa bela cidade dificultou a entrada e estacionamento dos veículos ali, e como a fila se estendia por mais de cinco quilômetros (sim! 5 km de veículos militares da World War II, funcionando perfeitamente, um verdadeiro show!) acabei parando a Dodge WC-52 na rodovia próxima a Mantova7. O DUCK verde, que em grande parte do trajeto vinha imediatamente atrás de nossa Dodge Brasileira,

acabou passando à frente quando Lorenzo (filho de Giovanni) pediu para que eu desse uma "paradinha técnica" (entenda-se...

PIPI), o que foi muito engraçado, pois TODOS os

veículos que passaram, ao ver a cena, buzinaram e acenaram para o Lorenzo que, feliz da vida, se recompunha após o “pit stop”. Pois bem, ao alcançar a “Colonna”, encostei bem atrás do DUCK, que estava parado no fim do comboio e este, por estar quase sem gasolina, encontrava-se com o motor desligado para economizar a “benzina”, como dizem os italianos. E ali aguardamos por uns 10/15 minutos, até que o comboio começou a rodar novamente. O DUCK, vejam só, não deu partida – o carburador estava afogado (um pato?) – pois a parte elétrica original de 6 volts dera pane. De tanto tentar a partida, o carburador “submergiu”, eh, eh, eh! Esbaforido, como todos conhecem, nosso querido Giovanni Sulla logo foi exclamando: "Spina, rápido, avanti dell Duck, rápido, rápido, che a Colonna ancora se movimenta!" Meio sem entender, pois não havia percebido que o comboio partira e que o DUCK estava "afogado", passei à frente dele e, seguindo as novas orientações de meu

“navegador” Sulla, dei marcha a ré e me aproximei da proa, imensa por sinal. Logo, um de nossos companheiros de viagem conectou uma grossa corrente ao gancho “G” da boa e velha Dodge ítalo-brasileira.

É claro que eu não imaginava aquela cena, nem ao menos que fosse possível resgatar uma carga como essa! Nossa – pensei – curti muuuuuuuuuito! Uma Dodge Weapon Carrier rebocando um DUCK, e o velho Spina aqui ao volante da Dodge, U A U!!! Enfim, era chegada a hora! Muita gente ao redor, platéia atenta, corações pulsando, o suspense no ar, a garganta seca e o corpo suando frio com aquela emoção. Vamos lá! Primeira marcha engatada, todos aflitos, clicks de máquinas fotográficas... Logo a ordem – "Acelera Spina, rápido, rápido..." – e lá fui eu acelerando a Dodge (que parecia uma franguinha perto daquele “pato”), soltando a embreagem com cuidado, até que os dois começaram a rodar e, num "tranquinho", ouvi o suave e impressionante ronco do motor GMC-DUKW funcionando novamente!! Senti-me muito muito bem mesmo, em poder ajudar naquela hora, ninguém podia tirar aquilo de mim!! Curti cada instante daquele emocionante resgate!! Puxa muitos isso vida, pode para não

representar muito, mas sair do Brasil, seguir para a Itália, dirigir a magnífica Dodge do Giovanni (fui nomeado “chofer n. 1”) e, além desse privilégio,

ajudar um DUCK a funcionar como se estivéssemos na Segunda Guerra, valeu a viagem inteira!!

É por esta e outras, além dos amigos maravilhosos que fizemos, que “minha querida Margarette” e eu gostaríamos de retornar para a Colonna della Libertá 2012... Espero que as fotos deste pequeno artigo sirvam como “aperitivo” do que está por vir. Arrivederci a tutti! Spina

1

http://www.goticatoscana.eu/EN/Events/The_Column_2011/the_column_2011.html http://military-jeep-brasil.blogspot.com/2011/02/colonna-della-liberta-2011-italy.html http://en.wikipedia.org/wiki/DUKW

2

3

4

WC-52: Dodge WC 52Identical to the WC51, but fitted with a Braden MU-2 winch. (for transporting newer 57 mm Gun M1 antitank gun and crew). Length: 4,48 m; Height with cover: 2,17 m; Weight: 2 700 kg; Width: 2,10 m; Height without cover: 1,71 m; Payload: 800 kg.
5

http://en.wikipedia.org/wiki/GMC_CCKW

6

http://maps.google.com.br/maps?f=q&source=s_q&hl=ptBR&geocode=&q=Piazza+Br%C3%A0,+Verona,+Italia&aq=1&sll=-14.008696,53.173828&sspn=59.928089,78.662109&ie=UTF8&hq=Piazza+Br%C3%A0,+Verona,+Italia&hnear=Piazza +Bra',+Piazza+Br%C3%A0,+37122+Verona,+Italy&ll=45.43874,10.993232&spn=0.002672,0.004801&t=h &z=18
7

http://maps.google.com.br/maps?f=q&source=s_q&hl=ptBR&geocode=&q=Mantova,+Italia&aq=0&sll=45.43874,10.993232&sspn=0.002672,0.004801&ie=UTF8& hq=&hnear=Mantua,+Lombardy,+Italy&ll=45.159852,10.79734&spn=0.00556,0.009602&t=h&z=17

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful