Você está na página 1de 12

O método

Stanislavski
A preparação do Ator
1º Livro
profº Armando Filho
Constantin Stanislavski
 Nasceu em 1863, na Rússia.
 Trabalhou algum tempo como ator amador até
fundar o Teatro Popular de Arte, nome original do
Teatro de Arte de Moscou.
 Autor de três dos principais livros que compõem seu
Método de Interpretação:
 A preparação do Ator
 A construção do personagem
 A criação de um papel
 Morreu em 1938, em Moscou.

Profº Armando Filho


A preparação do Ator

AÇÃO
 Ação: o ator não faz UMA única

ação por fazer, sempre tem um


objetivo e um propósito
 A ação pode ser apenas interior,

mas sempre tem um porque.

Profº Armando Filho


A preparação do Ator

Por quês/ MOTIVAÇÕES


 Objetivos: são os por quês de algo em cena,
assim como na vida.
 Os objetivos vão desde os mais simples ( um
aperto de mão), aos mais psicológicos (um
pedido de desculpas).
 Os objetivos exercem uma atração sobre o
Ator, tem que dar-lhe vontade de executá-lo.

Profº Armando Filho


A preparação do Ator
 Unidades de ação: partes da estrutura da
peça, obedecem a um objetivo ou mais.

 O “SE”: condicionamento mágico; quer dizer


“como se fosse”. Aquilo que está fora da
experiência do Ator ele trabalha como se já
tivesse experimentado. “Como se”

Profº Armando Filho


A preparação do Ator
Circunstâncias Dadas ou Propostas
 Circunstâncias Dadas: constroem a base
para o “se”, ajudando o Ator a criar um
estímulo interior.
 A MOTIVAÇÃO QUE MOVE O
PERSONAGEM
 As circunstâncias ...aparecem no texto,
podem ser dadas pela situação ou ainda
criadas pelo Ator/ diretor para dar suporte ao
texto.
Profº Armando Filho
A preparação do Ator
 A partir do treinamento elaborado e sólido do
Método, com base em fatos sólidos o ator
(personagem) deve estar apto a responder as

perguntas:
 Quando
 Onde
 Porque
 Como
OBS: Ver Viola Spolim, Improvisação Para o Teatro.

Profº Armando Filho


A preparação do Ator
Foco
 Concentração da Atenção : é o foco que se dá a
um objeto determinado ou a uma situação, em
cena.
 Ator tem dois momentos do trabalho:
 O 1º exploratório: onde esse objeto é a própria
“alma” e das pessoas que o cercam (observação)

 O 2º construtivo: só importa sua própria “alma”, o


Ator precisa saber como se concentrar em algo
materialmente inexistente ou imaginário
(construção)

Profº Armando Filho


A preparação do Ator

 Fé Cênica: fazer uso da imaginação na


preparação dos papéis(personagens), para
poder ser atraído e seduzido por aquilo que
vê e assim acreditar no que se imagina e nos
sentimentos que serão despertados em
cena.

Profº Armando Filho


A preparação do Ator
 Memória das Emoções
 Afetiva: é quando o Ator revive as
sensações que já experimentou e elabora
esse material emocional ajustando-o para as
necessidades do Personagem.
(dentro para fora)
 Visual pode servir de gancho para o Ator
chegar a uma Memória Afetiva.
(de fora para dentro)

Profº Armando Filho


A preparação do Ator

 Sentimento de Verdade:

 É tudo aquilo que, em cena, podemos crer


com sinceridade.

 Tudo que acontece em cena deve ser


convincente para o Ator, seus colegas.....
e consequentemente quem assiste.

Profº Armando Filho


Bibliografia

 Stanislavski, Constantin, 1863 – 1938

A preparação do ator / Constantin


Stanislavski; tradução Pontes de Paula Lima
Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1982

Profº Armando Filho