Você está na página 1de 19

INDUSTRIA 4.

Professor:
Adriano Marcio Sgrancio
Aluno:
Kevner F. A. Silva
Histórico
INDÚSTRIA 4.0

 4ª Revolução Industrial - Inteligência Artificial, Robótica, Big Data e mais


 A quarta revolução industrial se caracteriza por um conjunto de tecnologias
que permitem a fusão do mundo físico, digital e biológico.
 As principais tecnologias que permitem a fusão dos mundos físico, digital e
biológico são a Manufatura Aditiva, a IA, a IoT, a Biologia Sintética e os
Sistemas Ciber Físicos (CPS)
MANUFATURA ADITIVA

 Manufatura Aditiva ou Impressão 3D é a


adição de material para fabricar
objetos, formados por várias peças,
constituindo uma montagem.
INTELIGÊNCIA ARTIFICAL

Inteligência Artificial
 É um segmento da computação que busca
simular a capacidade humana de
raciocinar, tomar decisões, resolver
problemas, dotando softwares e robôs de
uma capacidade de automatizarem vários
processos.
INTERNET DAS COISAS

 Internet das Coisas


 Internet das Coisas representa a possibilidade de
que objetos físicos estejam conectados à
internet podendo assim executar de forma
coordenada uma determinada ação. Um
exemplo seriam carros autonomos que se
comunicam entre si e definem o melhor
momento (velocidade e trajeto, por exemplo)
de fazer um cruzamento em vias urbanas.
BIOLOGIA SINTÉTICA

 Biologia Sintética
 É a convergência de novos desenvolvimentos
tecnológicos nas áreas de química, biologia,
ciência da computação e engenharia, permitindo
o projeto e construção de novas partes
biológicas tais como enzimas, células, circuitos
genéticos e redesenho de sistemas biológicos
existentes.
SISTEMAS CIBER-FÍSICOS

 Sistemas Ciber-físicos
 Sistemas Ciber-Físicos sintetizam a fusão entre o
mundo físico e digital. Dentro desse conceito,
todo o objeto físico (seja uma máquina ou um
linha de produção) e os processos físicos que
ocorrem, em função desse objeto, são
digitalizados. Ou seja, todos os objetos e
processos na fábrica tem um irmão gêmeo
digital.
Desafios para a economia brasileira
Desafios para a economia brasileira
Jornada da
Indústria para o 4.0
Jornada da
Indústria para o 4.0
Jornada da
Indústria para o 4.0
Jornada da
Indústria para o 4.0

 7ª Medida | MERCADO DE TRABALHO E EDUCAÇÃO 4.0


 A 4ª revolução industrial impactará o mercado de trabalho e as demandas
e ofertas por profissionais 4.0.
 Será necessário estruturar uma forte agenda presente e futura de
mapeamento de competências, entendimento das demandas de mercado,
requalificação de trabalhadores e preparação das novas gerações para o
mundo 4.0. Com esse objetivo, a Agenda Brasil 4.0 trabalhará na seguinte
direção:
 Formatar modelo nacional de competências para a Indústria 4.0, para
ajudar as empresas e profissionais nesta nova caminhada, permitindo a
oferta e a demanda de cursos, por meio de uma base nacional proposta;
 Atrelar o modelo nacional de competências para a Indústria 4.0 em
diferentes itinerários formativos, nas estruturas de oferta educacional
pública e privada;
 Modelar “Fundo” para robotização e re-treinamento de trabalhadores,
como forma de mitigar os impactos no emprego, aplicado a pelo menos 5
mil trabalhadores, de forma experimental;
 Treinamento de 1,5 mil professores de educação profissional e
tecnológica em Indústria 4.0, assim como 10 mil alunos da rede federal
de educação profissional e tecnológica;
 Implantar até 100 laboratórios voltados às tecnologias da quarta
revolução industrial na rede de educação profissional e tecnológica.
Jornada da
Indústria para o 4.0
Jornada da
Indústria para o 4.0
Jornada da
Indústria para o 4.0
Jornada da
Indústria para o 4.0
Blibliografia

 Links:
 http://www.industria40.gov.br/