Você está na página 1de 1

01.

(UMC) O Golpe da Maioridade, datado de julho após um relativo sucesso, entre outros fatores devido
de 1840 e qu elevou D. Pedro II a imperador do a (à):
Brasil, foi justificado como a) suas posições nacionalistas contrárias aos
sendo: investimentos estrangeiros
b) reformulação da tarifa Alves Branco em favor da
a) uma estratégia para manter a unidade nacional, tarifa Silva Ferraz
abalada pelas sucessivas rebeliões provinciais; c) falta de cobertura financeira (bancária) baseada
b) o único caminho para que o país alcançasse novo em seus próprios recursos
patamar de desenvolvimento econômico e social; d) carência de mão-de-obra especializada
c) a melhor saída para impedir que o Partido Liberal e) oposição direta que lhe moviam os grandes
dominasse a política nacional; propriedades rurais.
d) a forma mais viável para o governo aceitar a 1­B
proclamação da República e a abolição da 06. (PUCC-SP) - A importância da Lei Eusébio de
escravidão; Queiróz (1850), no contexto do processo de abolição
e) uma estratégia para impedir a instalação de um da escravatura, esta no fato de ter:
governo ditatorial e simpatizante do socialismo
utópico.
a) declarada extinto o tráfico de africanos,
RESPOSTA: A
estipulando penas para seus infratores
b) concedido liberdade a todos os escravos que
participaram da Praieira (1848);
02. A vida político-partidária do Segundo Reinado
c) permitido a repressão dos traficantes de escravos
estava marcada pela disputa entre o Partido
por navios da marinha portuguesa
Conservador e o Partido Liberal. Os dois partidos se
d) libertado os escravos que fossem maiores de 60
caracterizavam por, exceto:
anos de idade;
e) acabado com a venda em separado de casais
a) defender a monarquia e a preservação do "status
quo"; africanos em leilões públicos.
b) representar os interesses da mesma elite agrária;
c) possuir profundas diferenças ideológicas e de 07.
natureza social;
d) ter origem social semelhante;
e) alternarem-se no poder, com predomínio dos
conservadores.
RESPOSTA: C

03. (FAZU) As estradas de ferro brasileiras, no


Segundo Reinado, concentravam-se, sobretudo, nas
regiões de produção:

a) do fumo
b) do milho
c) do cacau
d) do café
e) do feijão

04. (FESP) Assinale a alternativa que não contém


uma característica referente ao período do Segundo
Reinado (1845 – 1889):

a) fim do tráfico negreiro;


b) elaboração da primeira Constituição brasileira;
c) domínio do café no quadro das exportações
brasileiras;
d) início da propaganda republicana;
e) participação na Guerra do Paraguai.
ESPOSTA: B

05. (FGV_SP)- Os empreendimentos industriais do


barão de Mauá redundaram em inúmeras falências,