P. 1
Calibracao Pulverizador Pomares

Calibracao Pulverizador Pomares

|Views: 204|Likes:
Publicado porCássio Yamada

More info:

Published by: Cássio Yamada on Feb 03, 2011
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

02/28/2015

pdf

text

original

Calibração Pulverizador Pomares

INÍCIO
ANALISAR pulverizador e corrigir Medir a VELOCIDADE do tractor

Medir DÉBITO dos BICOS Calcular DÉBITO por ha

Usar apenas água na calibração do pulverizador

PULVERIZAR
Preparar a CALDA Ajustar pulverizador à CULTURA

Ajustar DÉBITO por Ha se necessário

Documento elaborado com base em material didáctico da empresa Syngenta ; as imagens foram na sua maioria cedidas pela mesma empresa

1

Calibração Pulverizador Pomares
Materiais a utilizar

Fita métrica 20-50 m

Estacas

Medidores 2 L

Mangueiras 30 cm (tantas quantos os bicos)

Cronómetro Bloco e lápis Escova para bicos Calculadora

Fita Canivete Fita métrica Papel hidrosensível sinalizadorabase em material didáctico da m Syngenta ; as imagens foram na sua maioria cedidas pela mesma empresa 2-3 empresa Documento elaborado com
2

Calibração Pulverizador Pomares Antes de calibrar ANALISAR o pulverizador e corrigir Capacidade do depósito (volume máximo de calda) Mangueiras em boas condições Bicos Simetria entre o lado direito e esquerdo Todos de igual débito Todos do mesmo tipo Limpar bicos e filtros _______L Documento elaborado com base em material didáctico da empresa Syngenta . as imagens foram na sua maioria cedidas pela mesma empresa 3 .

as imagens foram na sua maioria cedidas pela mesma empresa bar (kg/cm2) 4 .Calibração Pulverizador Pomares Antes de calibrar Verificar com água (encher metade do depósito com água limpa) Acelerar até que as rpm indicadas correspondam a 540 rpm na tomada de força (TF) Abrir válvulas para encher tubos e começar a pulverizar Limpar bicos (filtros) com padrão de pulverização defeituoso Os bicos fechados não devem pingar Substituir bicos danificados Verificar e reparar Fugas Funcionamento das válvulas Funcionamento da agitação Ler a pressão indicada no manómetro Documento elaborado com base em material didáctico da empresa Syngenta .

rotações para que existam 540 rpm na TF) Atingir a velocidade e as rotações pretendidas. Medir o tempo: _____ seg.Calibração Pulverizador Pomares Medir a VELOCIDADE do tractor Estacas Cronómetro Fita métrica 20-50 m Calculadora Bloco e lápis 1) 2) 3) 4) 5) 6) Marcar uma faixa para o teste ex: 100 m Depósito com água até metade da sua capacidade Estabelecer a velocidade como se estivesse a pulverizar (mudança. (exemplo: 72 seg.) Calcular a velocidade do tractor Distancia 100 m X Factor conversão 3. antes de entrar na faixa de teste. Manter a velocidade constante e anotar o tempo gasto a percorrer os 100 m.0 km/h Tempo medido 72 sec. as imagens foram na sua maioria cedidas pela mesma empresa . 5 Documento elaborado com base em material didáctico da empresa Syngenta .6 = 5.

Calibração Pulverizador Pomares Medir o débito dos bicos Existem dois métodos para determinar o débito dos bicos: • Método preciso: Medir o débito em cada um dos bicos. as imagens foram na sua maioria cedidas pela mesma empresa 6 . • Boa estimativa: Medir o volume de água pulverizado durante 5 minutos. Documento elaborado com base em material didáctico da empresa Syngenta . Água que sai em cada bico durante 1 minuto.

8 9 10 Total I II L/ min todos os bicos L/ min por bico 1) 2) 3) 4) 5) Usar o mesmo regime (rpm) que o utilizado na determinação da velocidade Abrir a(s) válvulas e pulverizar Recolher a água de cada bico para o medidor (através da mangueira). durante 1 minuto Anotar o volume de água recolhido de cada bico Calcular a média do débito por bico (L/min) Documento elaborado com base em material didáctico da empresa Syngenta . as imagens foram na sua maioria cedidas pela mesma empresa Total L/min 7 .Calibração Pulverizador Pomares Medir o débito de cada bico durante 1 minuto Medidores 2 L Mangueiras 30 cm (tantas quantas o número de bicos) Cronómetro Calculadora Bicos 1 mais baixo 2 Esquer da Direita Bloco e lápis Se necessário fixar com ganchos ou braçadeiras Uma 3 uniformidade do débito exige que o débito de cada bico 4 tenha uma variação em relação à média < +/.5% 4 5 Bicos cujo desvio seja > +/.5% devem ser limpos ou 6 substituídos e verificar os 7 débitos novamente.

6 L/min Por bico X Documento elaborado com base em material didáctico da empresa Syngenta ..Calibração Pulverizador Pomares Medir a água pulverizada durante 5 minutos Etapas 1-3: não mudar o pulverizador de sítio 1) 2) 3) 4) 5) Encher o tanque do pulverizador até um nível determinado. as imagens foram na sua maioria cedidas pela mesma empresa 8 . por ex: até ao nível máximo (incluindo a bomba. etc) Deixar o tractor a trabalhar durante todo o processo Pulverizar durante 5 min. pressão e rpm iguais às que se usam na pulverização da cultura Medir o volume de água necessário para repor o nível Calcular o débito por bico (L/ min) Volume para repor nível 80 L Tempo de pulverização minutos 5 min Nº bicos abertos 10 = 1.

6 L/min X Factor 600 X Nº bicos abertos 10 Velocidade do tractor 5.Calibração Pulverizador Pomares Calcular o débito por ha (L/ha) Débito por ha Distância entre linhas Débito por bico 1.0 km/h Distância entre linhas 4m = 480 L/ha X Documento elaborado com base em material didáctico da empresa Syngenta . as imagens foram na sua maioria cedidas pela mesma empresa 9 .

a altura e largura das árvores Documento elaborado com base em material didáctico da empresa Syngenta . as imagens foram na sua maioria cedidas pela mesma empresa .Calibração Pulverizador Pomares Débitos recomendados (L/ha) Se o débito calculado está dentro dos valores de débito recomendados. continuar com o “Ajustamento do pulverizador à cultura” Débitos Recomendados Seguir as instruções do rótulo Altura Distância entre linhas 10 Largura Um valor indicativo para um pulverizador de jacto transportado: 200-600 L/ha Há modelos que têm em consideração a distância entre linhas.

dentro de limites. as imagens foram na sua maioria cedidas pela mesma empresa 11 . ajustar-se o débito mudando a velocidade do tractor. Ver cálculos nos slides seguintes Adaptar a pressão (pequenos ajustes): Podem fazer-se pequenos ajustes variando a pressão Ver cálculos nos slides seguintes Documento elaborado com base em material didáctico da empresa Syngenta .Calibração Pulverizador Pomares Como ajustar os débitos por ha (L/ha) Mudar os bicos (grandes ajustes): Para grandes ajustes mudar os bicos (consultar os catálogos dos fabricantes de bicos) Ver cálculos nos slides seguintes Adaptar a velocidade do tractor (ajustes médios): Pode.

0 L/min.Calibração Pulverizador Pomares Mudar os bicos (grandes ajustes) 1) Calcular o débito por bico com base na velocidade do tractor e no débito por ha pretendido (fórmula abaixo) Escolher o bico apropriado atendendo à pressão de trabalho e características da pulverização desejadas.0 km/h Medido Distância entre linhas 4m X Débito por ha pretendido X Débito por ha 600 L/ha = Nº bicos abertos 10 Contado Débito por bico necessário 2) X Factor 600 km/h – L/min 2. Cinzento para 2.0 L/min Por bico Documento elaborado com base em material didáctico da empresa Syngenta . ex. as imagens foram na sua maioria cedidas pela mesma empresa 12 . Calculado Velocidae 5.

Calibração Pulverizador Pomares Adaptar a velocidade do tractor (ajustes médios) Velocidades mais baixas aumentam o débito por ha (L/ha) e velocidades mais altas reduzem-no (isto para a mesma distância entre linhas) Velocidade actual 5.0 km/h Débito actual 480 L/ha X Débito pretendido 600 L/ha = Nova velocidade 4. as imagens foram na sua maioria cedidas pela mesma empresa 13 .0 km/h Documento elaborado com base em material didáctico da empresa Syngenta .

as imagens foram na sua maioria cedidas pela mesma empresa 14 .Calibração Pulverizador Pomares Adaptar a pressão (pequenos ajustes) Manter a pressão sempre no intervalo aconselhado para os bicos. Mudanças na pressão causam alterações na dimensão das gotas o que pode originar arrastamento ou escorrimento da calda.25 bar Documento elaborado com base em material didáctico da empresa Syngenta . ID nozzles: 10-14 bar (kg/cm2) 2 Débito pretendido 600 L/ha Pressão actual 10 bar x Débito actual 480 L/ha = Nova pressão 6. Intervalo de pressão aconselhado: Bicos de jacto plano e cónico vazio: 5-10 bar (kg/cm2) Bicos de indução de ar (Anti-arrastamento.

Calibração Pulverizador Pomares Adaptar à cultura Fita métrica 2-3 m 1) 2) Preparar duas estacas. as imagens foram na sua maioria cedidas pela mesma empresa Fita marcadora Estacas 3) 15 . pelo menos 50 cm mais altas que a cultura Acima da planta: Colocar as estacas nas linhas e fixar não deve mover-se fitas marcadoras nos 4 níveis: a) 50 cm acima da planta b) No topo da planta Mão travessa c) Base da copa abaixo do topo: d) 50 cm abaixo da copa Move-se Ajustar o fluxo de ar com os deflectores para que as fitas se movam ou não (ver figura) Base da copa: a) Deflector superior alinhado Move-se com fita abaixo do topo da planta b) Deflector inferior: alinhado com fita na base da copa Abaixo da copa: Não deve mover-se Documento elaborado com base em material didáctico da empresa Syngenta .

as imagens foram na sua maioria cedidas pela mesma empresa 16 . O papel hidro-sensível pode também colocar-se nas folhas das plantas Adaptar os bicos e /ou deflectores se necessário Documento elaborado com base em material didáctico da empresa Syngenta .Calibração Pulverizador Pomares Testar o padrão e distribuição da pulverização Papel hidrosensível Agrafar o papel hidro-sensível numa ripa e colocá-la na vertical na linha.

Calibração Pulverizador Pomares Cálculo da quantidade de produto fitofarmacêutico a utilizar na preparação da calda Documento elaborado com base em material didáctico da empresa Syngenta . as imagens foram na sua maioria cedidas pela mesma empresa 17 .

por ex: 1.Preparação da Calda Cálculo da quantidade de produto fitofarmacêutico a utilizar na preparação da calda Os rótulos dos produtos fitofarmacêuticos têm duas formas de referir-se à quantidade de produto a utilizar: Indicação do rótulo: Usar xxx L/ha ou g/ha Indicação do rótulo: Usar xxx L ou g /100 L de água. para um determinado débito por ha. as imagens foram na sua maioria cedidas pela mesma empresa 18 .000 L de água /ha Documento elaborado com base em material didáctico da empresa Syngenta .

67 ha = 5. o débito obtido por calibração é de 480 L/ha 3) Com 800 L de água tratam-se 1.Preparação da Calda Indicação do rótulo: Usar xxx L/ha or g/ha Exemplo: 1) Indicação do rótulo: usar 3 L/ha 2) O depósito do pulverizador contém: 800 L de água.67 ha) 4) Produto a juntar no depósito é: 3 L /ha produto x 1. as imagens foram na sua maioria cedidas pela mesma empresa 19 .0 L Rótulo produto Indicação rótulo (produto por ha) 3 L / ha Medido Volume de água no depósito 800 L = Produto no depósito X 5L produto Calibrado Débito por ha 480 L /ha Documento elaborado com base em material didáctico da empresa Syngenta .67 ha (800 L / 480 L/ha = 1.

000 g Rótulo produto Indicação rótulo 300 g/100 L Rótulo produto Débito recomendado 1000 L/ha Medido Volume de água no depósito 800 L = Factor conversão 100 Calibrado Débito por ha 480 L /ha 5.000 L de água /ha Exemplo: 1) Indicação do rótulo: usar 300 g/100 L de água . então 300 g x 8= 2. por ex: 1.. Para débitos de 1. 1.000 L/ha 2) O depósito do pulverizador contém: 800 L de água. o débito obtido por calibração é de 480 L/ha 3) Se fossem usados 1.400 g de produto deveriam ser adicionados no depósito 4) Se são usados 480 L/ha então a concentração terá de ser 2.000 L/ha / 432 L/ha = 2.08). (Isto porque é necessário que exista igual quantidade de produto por cm² nas folhas / frutos independentemente de se aplicarem 480 L/ha ou 1000 L/ha) 5) Produto a utilizar no depósito = 2400g x 2. para um determinado débito por ha.e.08 vezes superior..000 L /ha.. as imagens foram na sua maioria cedidas pela mesma empresa . i.08 = 5..000 g produto 20 Produto no depósito X X Documento elaborado com base em material didáctico da empresa Syngenta .Preparação da Calda Indicação do rótulo: Usar xxx L ou g /100 L de água.

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->