Você está na página 1de 8

JESSICA VERGINIA MACIEL

OFENSA, AMIZADE E PERDÃO

FATEP - FACULDADE TEOLOGICA DO PARANÁ

Curitiba – 2010
JESSICA VERGINIA MACIEL

OFENSA, AMIZADE E PERDÃO

Trabalho apresentado de acordo com as


exigências da disciplina Exegese Bíblica,
do Curso de Integralização de Créditos
Teológicos, pela Faculdade Teológica do Paraná.
Orientador (a): Prof. Laudemar L.Gomes.

FATEP - FACULDADE TEOLOGICA DO PARANA

Curitiba – 2010
1

Introdução

A sabedoria de Deus concedida a Salomão nos leva a ter uma instrução


correta para que possamos aproveitar os ótimos momentos da vida, a evitar
conflitos, atritos, preservar amizades, enriquecer um relacionamento.
Deus nos deu toda a instrução de um caminho reto e justo, meditar nessas
palavras e a por em pratica nos levará a ter dias de grandes conquistas, uma vida
diária de sucesso, tornando momentos desagradáveis em momentos agradáveis, de
relacionamentos ruins em um bom relacionamento, de amizades rompidas a
reconciliações, de paz consigo mesmo e com o próximo, nos tornando um canal de
benção e uma fonte de água doce.

Por acaso pode a mesma fonte jorrar água


doce e água amarga? ( Tg 3:11 )

2
EXEGESE DE PROVÉRBIOS 18:19
É mais difícil ganhar de novo a amizade de um amigo ofendido do que conquistar
uma fortaleza; as discussões estragam as amizades.

O Livro de Provérbios foi escrito para ajudar as pessoas a aplicar a sabedoria


de Deus a suas vidas e dar-lhes instrução moral, a maioria destes provérbios foi
escrita por Salomão, no começo do seu reinado em Jerusalém, tinha cerca de 20
anos quando assumiu o trono e reinou durante 40 anos, 971a.C a 931a.C, aclamado
a pessoa mais sabia de seu tempo (IRs 4.29-32).
A maior parte dessa coletânea de provérbios foi reunida durante o século X
a.C entre 729 a 686 a.C. A força de Salomão não se restringia apenas ao campo de
batalha, mas encontrava se também nos seus atributos intelectuais: meditação,
organização, planejamento e negociação.
Depois de Moises, foi Salomão o autor da maior parte dos textos do Antigo
testamento. O livro de Cânticos dos cânticos é creditado a sua juventude;
Provérbios, à maturidade quando estava no auge do poder; e Eclesiastes, aos
últimos anos, quando refletiu sobre sua vida e experiências.

Provérbios, livro de: o titulo hebraico do livro, mishlê, ´provérbios de`, é uma
abreviação de mishlê shlômôh, os provérbios de Salomão, 1:1. O nome português se
deriva de Vulgata latina, Liber Proverbiorum. Uma coleção de coletâneas, o livro de
Provérbios é um livro guia para que se viva com sucesso.
Os provérbios de Salomão (10:1 – 22:16) a grande maioria dos provérbios
não contem qualquer referencia específica a religião de Israel, mas antes se
baseia nas observações da praticas da vida diária. (O Novo Dicionário da Bíblia –
Ed 1 vol. – organizador J.D Douglas-SP Vida Nova, 1995, pag 1334)

A ofensa: significa pedra de tropeço (O Novo Dicionário da Bíblia – Edições Vida


Nova – J.D.Douglas) . Pedra de tropeço: no antigo Testamento a raiz hebraica
kashal, ´tontear, tropeçar`, forma a base dos vacábulos mikhshôl, makheshelâ,
´aquilo contra o que alguém tropeça` (Lv 19:14), É termo usado figuradamente para
designar os ídolos (Is 57:14; Ez 7:19; 14:3,4; Sf. 1:3). Na língua portuguesa significa
o ato ou o efeito de ofender, de afrontar, desacatar (http://www.priberam.pt/),
3
Uma fortaleza

Fortaleza: Vd Castelo; fortificação e arte do cerco: defesa do mundo antigo;


(O novo Dicionário da Bíblia, pag.)
Dicionário Priberam (internet) da Língua Portuguesa
s. m. Ante muro, 1. Parapeito de fortaleza, barbacã. 2. Obra avançada de
fortificação.
3. Heráld. Muro junto a uma torre.

Levantamos uma construção fortificada para nos defender ou impedir o passo


do ofensor, quero representar aqui as barreiras como magoas, rancor, raiva,
ressentimentos, enfim diversos sentimentos causados pela ofensa, criando conflitos
no relacionamento, estragando a amizade.

A Amizade

Amizade (do latim amicus; amigo, que possivelmente se derivou de amore;


amar, ainda que se diga também que a palavra provém do grego) é uma relação
afetiva, a princípio sem características romântico-sexuais, entre duas pessoas. Em
sentido amplo, é um relacionamento humano que envolve o conhecimento mútuo e a
afeição, além de lealdade ao ponto do altruísmo isso quer dizer a ponto de
procurarmos o bem para o próximo.
Neste aspecto, pode-se dizer que uma relação entre pais e filhos, entre irmãos,
demais familiares, cônjuges ou namorados, pode ser também uma relação de
amizade, embora não necessariamente,

Na Bíblia, cita-se no livro de 1 Samuel, a amizade entre Davi (que depois se


tornaria rei em Israel) e Jonatas (filho do Rei Saul).

Os evangelhos canônicos falam a respeito de uma declaração de Jesus,


"Nenhum amor pode ser maior que este, o de sacrificar a própria vida por seus
amigos." (Jô 15:13) Salomão escreveu a sabedoria da Amizade em seus Provérbios:
"Em todo o tempo ama o amigo, e na angustia se faz o irmão". (PV 17:17)
Extraído do site Wikipédia, a enciclopédia livre. (http://pt.wikipedia.org).

Conhecer a palavra de Deus e praticar requer sacrifício, e o sacrifício nos


custa renunciar a nossa razão os nossos pensamentos pelos pensamentos de Deus,
tomar a sua direção, perdoar o teu ofensor, pegando a rica instrução de Deus
crendo e vivendo ela, como disse Jesus:

Se, porém, não perdoardes aos homens as suas ofensas, também vosso Pai
vos não perdoará as vossas ofensas. (Mt 6:15).
4
Conclusão:

Pegar a instrução de PV 18:19 e trazendo para a nossa vida diária, podemos


ver que se encaixa muito bem em muitas circunstancias ocorridas.
Podemos ser ofendido, e também podemos ofender estragando um
relacionamento que um dia foi ótimo , mas, devido a circunstancias já não são mais,
sempre vai existir uma palavra da Sabedoria de Deus para nos guiar e nos dar a
direção do que não devemos fazer, o que devemos fazer e o que temos que
consertar e pondo elas em pratica nos leva a aproveitar momentos de sucesso e de
paz.
Bibliografia

Site: http://pt.wikipedia.org

(Nova tradução da linguagem de hoje- aplicação pessoal )

(Aplicação pessoa – NTLH06BAAPM – 30.000 – SBB – 2009).

(A Bíblia da Mulher – Editora Mundo Cristão – SBB - tradução The Woman´sSud


Bible)

(O Novo Dicionário da Bíblia – Ed 1 vol. – organizador J.D Douglas-SP Vida Nova,


1995, pag 1334)