P. 1
Avaliação_ciclo do ouro

Avaliação_ciclo do ouro

|Views: 716|Likes:
Publicado porxenasilva

More info:

Published by: xenasilva on Feb 09, 2012
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as DOCX, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

08/26/2013

pdf

text

original

Seleção Escola Sebrae-PL ± 25/08/2011 Catarina Capella Silva Proposta de Avaliação - INTRODUÇÃO AO CICLO DO OURO O principal objetivo desta

avaliação é verificar a compreensão dos alunos sobre o conteúdo ministrado, a fim de observar os avanços e a qualidade da aprendizagem. A avaliação contempla diferentes tipos de questões para revelar as várias possibilidades de como os conteúdos foram assimilados, ou seja, como os alunos analisaram, organizaram e aplicaram o conhecimento. 1) (Fuvest-SP) Na segunda metade do século XVII, Portugal encontrava-se em grave crise econômica. a) Explique o motivo dessa crise. b) De que forma o Brasil contribui para solucioná-la? 2) (UFRJ) "Cada ano, vêm nas frotas quantidades de portugueses e de estrangeiros, para passarem às minas. Das cidades, vilas e recôncavos e sertões do Brasil, vão brancos, pardos e pretos, e muitos índios, de que os paulistas se servem. A mistura é de toda condição de pessoas: homens e mulheres, moços e velhos, pobres e ricos, nobres e plebeus, seculares e dérigos, e religiosos de diversos institutos, muitos dos quais não têm no Brasil convento nem casa." André João Antonil, "Das pessoas que andam nas minas e tiram ouro dos ribeiros", In: Cultura e opulência do Brasil, 1a. edição. 1711. A corrida do ouro às minas brasileiras ocorrida nas primeiras décadas do século XVIII, proporcionou significativas mudanças na economia e na sociedade colonial. Identifique duas importantes transformações ocorridas na sociedade colonial a partir do ciclo do ouro, em Minas Gerais, no século XVIII. 3) O século XVIII foi marcado por inúmeras descobertas de ouro no Brasil, possibilitando um aumento da extração desse metal. Essas descobertas provocaram mudanças significativas na organização colonial, tais como: a) recuperação agrícola do Nordeste e redução das atividades pastoris. b) estabelecimento da capital na cidade do Rio de Janeiro e incentivo às atividades urbanas. c) declínio da utilização de mão-de-obra escrava e ampliação do trabalho assalariado nas minas. d) superação da condição de colônia e elevação do Brasil à condição de Reino Unido a Portugal e Algarves. 4) - O comércio interno do Brasil, durante o ciclo do ouro: a) era praticamente inexistente, visto não existirem no Brasil-Colônia as condições mínimas para o exercício da atividade comercial; b) transformou-se na principal atividade da colônia, superando em valor e lucratividade todas as demais, inclusive a própria mineração; c) começou a desenvolver-se, visto que a zona mineradora representava um mercado consumidor bastante amplo, que comprava no exterior ou em outras regiões do Brasil grande parte daquilo que consumia;

8) A eclosão da chamada guerra dos Emboabas (1708-1709) decorreu de vários fatores. entre outras coisas. b) Proibição aos Emboabas de exercerem atividades comerciais na região das minas. A exploração de ouro no Brasil foi fundamental para iniciar o processo de colonização do interior. paulista de grande prestígio. principalmente em relação a Minas Gerais. que desejava que as datas fossem exploradas apenas por elementos dessa vila e seus arredores. com a a) Nomeação de Manuel Nunes Viana. b) A alta produção e o rápido esgotamento dos veios auríferos são duas características desse tipo de economia. passando a ser quase inexistente. Use (V) para verdadeiro e (F) para falso: ( ) A descoberta de jazidas de ouro no Brasil foi providencial aos interesses de Portugal. em comparação com os séculos anteriores. c) A totalidade da extração do ouro não pode ser inferida dos dados da tabela. do baixo nível técnico empregado na exploração do minério. F. Gilka V. d) Separação político-administrativa da capitania de São Paulo e Minas do Ouro. c) Decisão da Câmara de São Paulo. em parte. Sobre esse tema e de acordo com os dados da tabela. para a capitania das Minas de Ouro. d) A baixa produção do ouro ocorreu pelo abandono das minas e intensificação da extração de diamantes no Distrito Diamantino. podendo ser relacionada. .1992. é INCORRETO afirmar: a) A queda da arrecadação nestas regiões é decorrente. pois liberou a metrópole europeia de parte de sua dependência em relação à Inglaterra. pois grande parte da produção era contrabandeada.d) reduziu-se sensivelmente. 5) Observe a tabela: Rendimento do quinto do ouro (em arrobas) Ano Minas Gerais 1753 107 1760 97 1770 92 1780 68 1790 53 1800 39 1810 28 1820 2 1822 Fonte: SALLES. Economia e escravidão na capitania de Goiás. 7) A exploração do ouro e a consolidação da centralização do poder político e da administração em mãos dos reis portugueses foram os processos mais marcantes para o Brasil do século XVIII.

( ) Os comerciantes portugueses residentes no Brasil não detinham privilégios de monopólio comercial. profissionais liberais. visto que o Tratado de Methuen também abriu o mercado brasileiro às companhias holandesas e italianas. 8) Observe as imagens. a) O que era o santo do pau oco e para que ele servia? . ( ) A partir da segunda metade do século XVIII. a sociedade brasileira tornou-se mais complexa. construíram igrejas e criaram irmandades em que buscavam assistência e visibilidade social. artesãos e comerciantes. a produção aurífera brasileira entrou em declínio. em função do esgotamento das minas. principal mão-de-obra da economia do ouro. ( ) Os negros. ( ) Com a economia do ouro. formadas por funcionários. dando oportunidade ao surgimento de camadas médias da população. ( ) A política colonial portuguesa aplicada no século XVIII impediu o crescimento do mercado interno e o processo de urbanização no Brasil.

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->