Máquina de atwood

(Relatório da experiencia)

Nome: Luís Gonçalo Franco Ruas Disciplina: Física A Professor: Artur Faria Data: 7/11/2011 Página 1 de 4

Deduçao da expressao que permite calcular a aceleraçao nos resultados exprimentais partindo da lei dos movimentos uniformemente variados.P2 = m a1 P2 = m2 g P1 = m1 g Simplificando T somando as equações obtemos m2 g – m1 g = (m2 – m1) a Página 2 de 4 . Fundamentação teórica: Máq.Objetivos: A realização desta actividade laborar teve como objectivo analisar a relação entre a aceleração e a massa total do sistema e a diferença entre as massas dos dois corpos ligados. Formulas utilizadas e respectiva dedução: 1. De Atwood – sistema de corpos ligados que permite calcular valores de de aceleração entre 0 e g ms-2. fazendo variar as massas dos corpos ligados. e por aplicação da relação das leis de Newton.Deduçao da expressao que permite calcular a aceleraçao P1 P2 m2>m1 Fr=ma P2 – T = m a2 T . De acordo com a figura ao lado. x= x0 + V0t + ½ at^2 d= ½ at^2 a= 2d / T^2 2. obtém-se: podendo-se facilmente concluir que a aceleração é inferior a g e é tanto menor quanto maior for a soma das suas massas e menor a diferença entre as mesmas.

determinou-se a massa média de varios discos que foram usados para fazer variar a massa dos corpos suspensos De seguida. Foi fixado num suporte uma roldana leve e com puco atrito e suspenso nessa roldana. a aceleraçao (a= 2d / T^2). A partir da lei do movimento uniformemente variado.66cm Depois do preenchimento desta tabela percebe-se que quanto mais se aumenta a diferença das massas dos dois corpos maior é a aceleração do sistema.Realização experimental: Material: roldana e fio de massas desprezáveis. massas marcadas de valores variados. duas massa marcadas iguais. foi colocado sobre as massas marcadas os discos. com m1 + m2 = constante m2+m1=340g d=0. Com uma balança. que são furados para poderem deslizar no fio. atravez de um fio inextenssivel e de massa desprezavel. usada para medir a distancia que o corpo mais pesado (massa marcada + discos) percorre faz-sea marcação do tempo de queda do corpo. Resultados: Experiencia 1: Nesta experiencia pretendeu-se calcular a aceleração em função da diferença entre as massas. Página 3 de 4 . posto isto deduz-se que a diferença das massas é directamente proporcional á aceleração (nas condições desta experiencia). determinou-se nas varias situações. Após colocado na vertical uma régua graduada. régua e cronómetro.

podem ter ocorrido outros tipos de deficiências como por exemplo na medição das massas dos dois corpos.66cm De acordo com os dados desta segunda tabela percebeu-se que quando se aumenta a massa total dom sistema.Experiencia 2: Nesta segunda experiencia pretendeu-se calcular a aceleração em função da massa total do sistema. mantendo a diferença da massa dos corpos contante. Após várias experiencias pode-se afirmar que a massa total do sistema é inversamente proporcional á aceleração desse mesmo sistema (nas condições desta experiencia). Analise dos resultados: A experiencia não correu na perfeição como era desejado. Página 4 de 4 . Esta diferença de valores foi causada por termos desprezado as massas do fio e da roldana e também por considerarmos que o atrito entre os materiais usados era inexistente. o valor da aceleração diminui. com m1 . m1-m2=10g d=0. houve um elevado erro expremental pois o valor experimental da aceleração gravitica mostrou-se ligeiramente diferente relativamente ao valor teórico.m2 = constante.

 ½  °nf  - ¾f¾ –° f ½  °nf½  °  ¾ nfnfffn  fsj ¯€°sj f¯f¾¾f f ¾¾ ¯f n¯¯ ¯ n°¾f°  ¯ ¯ –   n¯      fn n¯¾ f ¾ ¾f¾ –° ff f½ n  ¾  f° ¾ f¯ °ff ¯f¾¾ff ¯¾¾ ¯f ¯f° ° f €  °sf f¯f¾¾f ¾n½¾n°f° f f fn  fsj ¯° ½¾hf¾ ½  °nf¾½ ¾ f€¯f f¯f¾¾ff ¾¾ ¯fx ° ¾f¯ ° ½½n°fhfn  fsj ¾¾ ¯ ¾¯¾¾ ¯f%°f¾n° sµ ¾ ¾f ½  °nf%     °f¾  ¾ ¾f ¾    ½  °nf°jn °f½ € sjn¯ f ¾ ©f   ¯  f   ½ ¯ °f½¾f ½ ¯ °f ffn  fsj–fnf¯¾ ¾ – f¯ °  €  °  ff¯ ° ff n ¾f €  °sf f ¾€nf¾f f½ ¯¾ ¾½ f f¾¯f¾¾f¾ €  f f°f f¯ x¯½n°¾ f¯¾ f ° ¾ ¯f f¾¾f ¾ f° ¾ ° ½ ¯ n ¾½¾  €ny°nf¾n¯½  ¯½°f¯ sj f¾¯f¾¾f¾ ¾ ¾n½¾  9h–°f   .

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful