Você está na página 1de 28

TIG-NV

Teste de Inteligência Geral


Não-verbal
Instrumento para Avaliação Psicológica e
Neuropsicológica
Autora: Silésia M. V. Delphino Tosi
TIG-NV

Conceito de Inteligência:

De acordo com Wechsler (1958), Thomdike foi o


primeiro a desenvolver claramente a idéia de que a
medida d inteligência consiste, essencialmente, de
uma avaliação quantitativa das produções mentais
em termos de número, qualidade e velocidade de
elaboração.

PSICOLOGIA DO TRÂNSITO
TIG-NV

Dividiram inteligência em três níveis:

1. Inteligência abstrata ou verbal, envolvendo


facilidade no uso de símbolos.
2. Inteligência prática, envolvendo facilidade na
manipulação de objetos.
3. Inteligência social, que implica facilidade no
tratamento com seres humanos.

Professora: Vera Cristina G. Calado


TIG-NV

Considerada deste jeito Inteligência abrange a


combinação de habilidades cognitivas e
conhecimentos exigidos, estimulados e
recompensados pelo contexto experiencial dentro
do qual funciona o indivíduo (Anastasi, 1977).

PSICOLOGIA DO TRANSITO
TIG-NV

Ocorreram tentativas de identificar uma inteligência


única, universalmente aplicável. Gerando os “testes
de Inteligência”

PSICOLOGIA DO TRÂNSITO
TIG-NV

Após pesquisas com alguns psicólogos identificou-se


que inteligência abrangia dois temas:

1. Capacidade para aprender a partir da experiência e a

2. capacidade par adaptar-se ao meio ambiente.

PSICOLOGIA DO TRANSITO
TIG-NV

Alfred Binet: construiu sua ‘Escala de Inteligência’ com


o propósito de avaliar , de forma prática e objetiva, o
que ele concebia como inteligência. Assim é criado o
primeiro teste de inteligência.

Professora: Vera Cristina G. Calado


TIG-NV

Louis Theaurstone (1887-1955) concluio em 1938, que a


inteligência não se restringia a um único fator, mas a
sete fatores, que identificou como capacidades
mentais primárias:

PSICOLOGIA DO TRÂNSITO
TIG-NV

1. Compreensão Verbal, medida por meio de testes de


vocabulário;
2. Fluência Verbal, medida pela quantidade de palavras
que se iniciam com determinada letra, faladas durante
um determinado tempo;
3. Raciocínio indutivo, avaliado por testes de analogias
e séries numéricas;

PSICOLOGIA DO TRÂNSITO
TIG-NV

4. Visualização Espacial, avaliada em testes que


exigem rotação mental de figuras e objetos no espaço;
5. Número, avaliado por meio de testes de cálculo e
problemas matemáticos simples;
6. Memória, avaliada por meio de testes de evocação
de palavras ou de imagens;
5. Rapidez Perceptiva, avaliada por meio do
reconhecimento de pequenas diferenças de figuras.

PSICOLOGIA DO TRÂNSITO
TIG-NV

Wechsler (1958): define inteligência como:

‘A capacidade agregada global do indivíduo para agir


intencionalmente, para pensar racionalmente e para
atuar efetivamente em seu ambiente’.

PSICOLOGIA DO TRANSITO
TIG-NV

Wechsler (1958):

Os testes de inteligência são instrumentos


psicométricos, isto é, um conjunto de questões e
tarefas padronizadas para investigar o potencial
individual em várias árias do comportamento.

PSICOLOGIA DO TRÂNSITO
TIG-NV

Segunda Guerra Mundial:investigação mais objetiva –


pacientes com lesões cerebrais;

Período Pós-guerra: desenvolvimento e a investigação


Neuropsicológica.

PSICOLOGIA DO TRANSITO
TIG-NV

Howard Gardner (1983 -1993) propõe a Teoria da


Inteligência Múltipla.

PSICOLOGIA DO TRÂNSITO
TIG-NV

A Inteligência linguistica
A Inteligência musical
A Inteligência lógico-matemática
A nteligência Espacial
A inteligência corporal-cinestésica
Inteligência Intrapessoal
A inteligência interpessoal

PSICOLOGIA DO TRÂNSITO
TIG-NV

O teste de Inteligência Geral-Não Verbal foi


elaborado em 2004, por Silésia, com a finalidade
de avaliar desempenhos característicos dos testes
de inteligência não-verbais, com Raven, G36 e
outros.

PSICOLOGIA DO TRANSITO
TIG-NV

O TIG, ao possibilitar a análise dos erros, pretende


ser um instrumento Neuropsicológico para estudo
das funções cerebrais envolvidas em
desempenhos característicos dos testes
psicológicos, sendo importante na prática clínica
e na pesquisa.

PSICOLOGIA DO TRANSITO
TIG-NV

O TIG, ao possibilitar a análise dos erros, pretende


ser um instrumento Neuropsicológico para estudo
das funções cerebrais envolvidas em
desempenhos característicos dos testes
psicológicos, sendo importante na prática clínica
e na pesquisa.

PSICOLOGIA DO TRÂNSITO
TIG-NV

O TIG-NV é composto de 30 itens, sendo que cada


item propõe um tipo de raciocínio. Com o objetivo
de permitir uma análise interpretativa e, de reunir
itens que apresentam raciocínios afins, os 30 itens
foram classificados em quatro grupos.

PSICOLOGIA DO TRANSITO
TIG-NV

I. Relações Básicas: raciocínio de soma,


subtração, divisão, multiplicação, seriação e
orientação espacial. Itens 2, 7, 8, 17, 18, 19 e 30

PSICOLOGIA DO TRÂNSITO
TIG-NV

II. Relações Específicas: raciocínio que envolve


algum tipo de aprendizagem, como teoria dos
conjuntos, identidade entre os elementos, noção
de quantidade, soma complexa e combinação
simples. Itens 1, 3, 4, 9, 10, 13, 16, 21, 25 e 27.

PSICOLOGIA DO TRANSITO
TIG-NV

III. Relações Gestalticas: raciocínio que envolve a


teoria da Gestalt – Figura e Fundo. Itens: 11, 12,
15, 20 e 22

PSICOLOGIA DO TRÂNSITO
TIG-NV

IV. Relações Complexas: raciocínios mais


complexos, vários de tipos de raciocínio, que
envolve atenção, aprendizagem e portanto
flexibilidade cognitiva. Itens: 5, 6, 14, 23, 24, 26, 28
e 29.

PSICOLOGIA DO TRANSITO
TIG-NV
Teste de Inteligência Geral
Não-verbal
Instrumento para Avaliação Psicológica e
Neuropsicológica
Autora: Silésia M. V. Delphino Tosi
TIG-NV

Instruções para aplicação:

População: é destinado a pessoas de 10 a 79 anos


e para os três níveis de escolaridade: Ensino
Fundamental, Médio e Superior.

PSICOLOGIA DO TRANSITO
TIG-NV

Material:

A aplicação pode ser individual ou coletiva.

Não há limite de tempo;

Obs: só aceitar a devolução do teste após 20


minutos de aplicação para não caracterizar
desistência.

PSICOLOGIA DO TRÂNSITO
TIG-NV

Material:

A aplicação pode ser individual ou coletiva.

Não há limite de tempo;

Obs: só aceitar a devolução do teste após 20


minutos de aplicação para não caracterizar
desistência.

PSICOLOGIA DO TRÂNSITO
TIG-NV

Material:

Apuração:

Utilizar o crivo para computar as respostas


corretas, somando o número de repostas certas.
Em seguida, consultar a tabela de Normas para
obter o potencial intelectual do examinando, de
acordo com o grau de escolaridade.

PSICOLOGIA DO TRÂNSITO