OBJETIVO
• Ao final do semestre letivo, os alunos deverão estar capacitados para atuar na área de Educação Física e Esportes, preparados para suas funções específicas, junto ao segmento escolar e não escolar da organização social.

OBJETIVOS ESPECÍFICOS
• Utilizar o Futebol e do Futsal, através dos seus componentes físicos,

técnicos e táticos, como meio da Educação Física, para contribuir no
desenvolvimento e formação da criança, do adolescente e do jovem, nas várias etapas do seu crescimento e desenvolvimento. • Conhecer a metodologia mais adequada ao ensino dessas duas modalidades esportivas, através dos métodos integrados à aprendizagem da técnica básica, bem como os aspectos básicos do

treinamento físico e os componentes táticos.

AVISOS IMPORTANTES
• Notas
– Provas
• NP1 e NP2

– Trabalhos
• • • • • • Trabalho - grupos de até seis alunos Data de entrega: 08/09/2011 Tema 1 - do futebol: China 5000 AC até Inglaterra 1862 Tema 2 - Evolução do futebol: Inglaterra 1862 até hoje Tema 3 - Origem e evolução do futsal Tema 4 – FIFA – origem, evolução e função

AVISOS IMPORTANTES
Conteúdos 1 Exposição do programa e normas do curso. 2 História do futebol e do futsal: origem e evolução 3 Metodologia para o ensino e desenvolvimento do futebol e futsal 4 Processos para o ensino e desenvolvimento do futebol e do futsal 5 Componentes e divisão da técnica do futebol e futsal 6 Sistemas táticos no futebol: 4.2.2, 4.3.3, 4.5.1, 3.5.1 7 Sistemas táticos no futsal: 2.2, 1.2.1, 3.1, 1.3 8 Regras básicas de jogo no futebol 9 Regras básicas oficiais do futsal

.

CONVERSA • Experiências • Senso comum • Futebol no Mundo • Futebol no Brasil • Ensino/treinamento • Pesquisa • Eventos Científicos • Paradigmas .

Universidade Federal de São Paulo (2009) • Especialização em Nutrição Aplicada ao Exercício Físico e Esporte.Apresentação BRUNO N. PASQUARELLI • Graduação em Educação Física. Universidade Estadual de Londrina (2007) • Especialização em Treinamento Desportivo. Universitat de les Illes Balears – Espanha (2011) .

PASQUARELLI • Fisiologista das modalidades coletivas (voleibol./Programa Atleta Cidadão • Mestrado em Fisiologia do Exercício. Universidade Estadual de Londrina (2011) . handebol.C. rugby e futsal) do Programa Atleta Cidadão • Coordenador técnico-pedagógico de futebol das categorias de base (sub 11 ao sub 20) do São José E. basquetebol.Apresentação BRUNO N. futebol.

METODOLOGIA DE ENSINO E DESENVOLVIMENTO DO FUTEBOL E FUTSAL .

Ensinando o futebol/futsal a partir da teoria da complexidade . Processo ensino/treinamento – aprendizagem 2. Métodos de ensino/treinamento no século XX Evolução do modelo compartimentado ao complexo 3.CONTEÚDOS 1.

EDUCAR Processo de ensino-aprendizado estabelecido pela relação professor-aluno .

ENSINAR O ESPORTE Abordagem prática metodológica Esporte como FIM .

comportamentos.ENSINAR PELO ESPORTE MEIO de desenvolvimento de competências. atitudes. valores .

POR ONDE COMEÇAR? O quê ensinar? Quando ensinar? Estrutura Estrutura substantiva temporal Como ensinar? Estrutura metodológica .

PAPEL DO PROFESSOR • Conhecer o processo de desenvolvimento humano Tarefa Ambiente Biologia Psicologia .

PAPEL DO PROFESSOR • Conhecer os métodos e sua importância temporal diante do processo de ensino/treinamento • Organizar os conteúdos para aprendizagem da modalidade .

1º PASSO • Jogar para aprender – Aprendizagem Incidental Exemplo: Como você aprendeu a falar? – Descobrir o novo – Aperfeiçoar por meio da prática .

tomada de decisão . colaboração.2º PASSO • Aprender jogando – Aprendizagem intencional Exemplo: Como você aprendeu a ler e escrever? – Conceitos de oposição. pressão. pensamento. organização no espaço – Atenção. percepção.

PARA ATINGIR OS OBJETIVOS É necessário que haja o mínimo de compreensão lógica por parte dos alunos ? ? ? .

FORMAÇÃO BÁSICA GERAL (6-9 ANOS) • Vivências de forma simples e combinadas • Ganho de habilidades técnicas da modalidade • Aumenta a coordenação e controle corporal .

TREINAMENTO DE BASE (10-13 ANOS) • ↑ do estado de desempenho – Geral (biomotor) – Específico (técnica e tática) • O aluno passa a conhecer os métodos de treino .

TREINAMENTO ESPECÍFICO (14-17 ANOS) • ↑ desempenho – Multifatorial • ↑ domínio de técnicas • ↑ da carga de treino • ↔ da motivação .

TREINAMENTO DE ALTO NÍVEL (>18 ANOS) • ↑ desempenho individual • ↑ volume e intensidade do treino • Corpo prepara-se para receber as mais altas cargas fisiológicas e psicológicas .

MULTIFATORIAL TÉCNICA JOGO FÍSICA MENTAL TÁTICA .

Analítico (2ª fase): treinar separadamente as variantes técnicas. etc. Integração de todas as partes . Analítico (1ª fase): compartimentado. Complexo: treina-se fatores que determinam a eficiência no jogo. físicas. Global: Jogo 2.MÉTODOS DE ENSINO NO SÉCULO XX 1. estímulos específicos à partes isoladas 3. táticas. 4.

MÉTODO GLOBAL “Joga-se. logo se treina” Conserva todos os elementos do jogo formal. tempo e número de jogadores . espaço. bem como sua estrutura de regras.

sistematizado e controlado .MÉTODO GLOBAL Determinante para a fase de iniciação: estimular a cooperação O processo não é totalmente organizado.

deve-se dedicar menos tempo a ensinar por meio desse método . mental/psicológico Determinante para a fase de formação técnica individual: relação jogador-bola Mesmo assim. técnico. tático.MÉTODO ANALÍTICO Divisão das áreas: físico.

MÉTODO ANALÍTICO .

TECNICISTA .ANALÍTICO VS.

o treino é um todo indivisível” .MÉTODO ANALÍTICO “Separar para entender e treinar” “Juntar para voltar a ser real” “No entanto.

MÉTODO ANALÍTICO A divisão serve para análise: do treino... da equipe. mas distancia da realidade da competição . de um indivíduo.

MÉTODO ANALÍTICO .

2001) .MÉTODO ANALÍTICO “A soma das partes não representa o todo” (Morin.

MÉTODO INTEGRADO Evolução do método analítico .

MÉTODO INTEGRADO E3 E4 E2 E1 .

MÉTODO INTEGRADO São estímulos específicos a cada uma das partes que compõem o todo Em alguns meios de treino falta um ou outro componente .

MÉTODO COMPLEXO Partindo da competição. como é dirigido o movimento . ou seja. treina-se os fatores que determinam sua eficiência Evolução do sistema nervoso central.

MÉTODO COMPLEXO Desenvolvimento da capacidade de tomada de decisão Melhora a objetividade e efetivação dos movimentos que o jogo exige .

MÉTODO COMPLEXO .

MÉTODO COMPLEXO Interação de todos os componentes: técnica. físico. mental/psicológico Permite criar relação com o espaço. com os companheiros e adversários . tática.

ANALÍTICO VS. COMPLEXO .

objetivos.MÉTODO COMPLEXO A dificuldade está na elaboração do processo de ensino/treinamento. meios. desenvolvimento humano ... conteúdos.

MÉTODO COMPLEXO .

CRIANÇAS .ENSINAR POR MEIO DE JOGOS .

ENSINAR POR MEIO DE JOGOS – NÍVEL TÉCNICO .

MÉTODO COMPLEXO • Ensinar por meio de jogos • O esporte. 6-9 anos) • Posteriormente. e • Pelo esporte • Jogos com regras que possibilitem descobrir novas habilidades técnicas (Formação Básica Geral. dos 10 anos) regras que possibilitem o aperfeiçoamento técnico e tomada de decisão (à partir .

os alunos tem que entender o objetivo do mesmo .MÉTODO COMPLEXO Para que o conteúdo seja ensinado através do jogo.

MÉTODO COMPLEXO POR QUE NÃO VINGOU ATÉ O MOMENTO NO BRASIL? Falta de desprendimento do método analítico Falta de informação compatível com a evolução dos estudos e acessível aos profissionais .

Faça disso a prática! .Ensinar o esporte requer dedicação e alegria.

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful