Você está na página 1de 290

© Alessandra G. S. Capovilla e Fernando C.

Capovilla, 2005
� 2005 Casa do Psicólogo Livraria e Editora Ltda.
© 2009 Casapsi Livraria e Editora Ltda.
É proibida a reprodução total ou parcial desta publicação, para qualquer finalidade,
sem autorização por escrito dos autores.

4 Edição revisada
2010
3" Reimpressão
2016

Editoração Eletrônica
Renata Vieira Nunes e Helen Winkler

Capa
William Eduardo Nahme

Projeto gráfico (miolo)


Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla

Ilustrações (miolo)
Silvana Marques

Revisão
Jerome Vonk e Lucas Torrisi Gomediano

Dados Internacionais de Catalogação na Publicação (CIP)


(Câmara Brasileira do Livro, SP, Brasil)

Seabra, Alessandra G.
Alfabetização fônica: construindo competência de leitura e escrita : livro do aluno/ Alessandra
G. Seabra, Fernando Capovilla; [colaboradoras Ilza G. Seabra, Alessandra R. Trombella]. - São Paulo:
Casa do Psicólogo, 2016.

3ª reimpr. da 4ª ed. de 201O


Bibliografia.
ISBN 978-85-7396-354-0

1. Alfabetização l. Capovilla, Fernando. II. Seabra, Ilza G. III. Trombella, Alessandra R. IV. Título.

12-00996 CDD-373.4

Índices para catálogo sistemático:


1. Alfabetização: Método fônico: Educação 373.4

Impresso no Brasil
Printed in Brazil

Reservados todos os direitos de publicação em língua portuguesa à

Casapsi Livraria e Editora Ltda .

••
Avenida Francisco Matarazzo, 1500 - Conjunto 51
Edifício New York - Centro Empresarial Água Branca
Barra Funda - São Paulo/SP - CEP 05001-100
Tel. Fax: (11) 3672-1240
www.casadopsicologo.com.br
Alfabetização fônica
Construindo competência de leitura e escrita

Livro do Aluno

Quarta Edição

Alessandra G. Seabra
Programa de Pós-graduação en1 Distúrbios do Desenvolvimento,
Universidade Presbiteriana Mackenzie

Fernando C. Capovilla
Programa de Doutorado em Psicologia Experimental,
Instituto de Psicologia, Universidade de São Paulo

Colaboradoras
Ilza G. Seabra
Alessandra R. Trombella
Apresentação ao professor
Prezado professor e prezada professora,

A revisão de toda a bibliografia científica publicada sobre alfabetização nos últimos oitenta
anos demonstrou a clara superioridade do método fônico, razão pela qual esse método é oficialmente
recomendado por organismos como o Instituto Nacional de Saúde Infantil e Desenvolvimento Humano
dos Estados Unidos, o Observatório Nacional de Leitura da França, o Departamento de Educação e
Emprego do Reino Unido e o Departamento de Educação de Base de Portugal, entre tantos outros. O
método fônico é oficialmente adotado pelos governos dos países que se destacam mundialmente pela
qualidade da alfabetização e do ensino fundamental, como Finlândia, Canadá, Austrália, Irlanda, Inglater­
ra, Escócia, Suécia, Bélgica, Noruega, França, Estados Unidos, Dinamarca, Espanha, Itália, Alemanha,
Cuba, Israel e Portugal. No Brasil, do mesmo modo, esse método foi oficialmente recomendado pela
Comissão Internacional de Especialistas, em seu relatório final intitulado Alfabetização infantil: os no­
vos caminhos, publicado pelo Congresso Nacional em 2003. Composta pelos maiores especialistas em
alfabetização dos Estados Unidos, França, Inglaterra, Bélgica e Brasil, essa comissão foi convocada pela
Câmara dos Deputados Federais para mostrar como tirar o nosso País da posição de recordista mundial
de deficiência de alfabetização. A comissão apontou, com firmeza e fundamentação, o método fônico
como o caminho cientificamente demonstrado para obter competência de leitura e escrita.
Depois do grande sucesso do Livro do Professor, intitulado Alfabetização: método Jônico,
já na terceira edição, fomos instados pelos professores e pelas escolas a lançar o presente Livro do
Aluno, intitulado AlfabetizaçãoJônica: construindo competência de leitura e escrita. Este Livro do Aluno,
já na segunda edição, foi elaborado para uso conjunto com o Livro do Professor. Alfabeti::,ação:
método Jônico, compondo um programa completo de alfabetização fônica. cuja eficácia em cons­
truir leitura e escrita compete n tes foi comprovada em mais de uma dezena de estudos científicos
publicados em periódicos nacionais e internacionais. O Li\To do Professor explica todos os funda­
mentos científicos do método, bem como os modelos teórico-conceituais e as mais recentes desco­
bertas científicas nacionais e internacionais em que se baseia. O presente Livro do Aluno mostra, de
maneira prática e objetiva, como implementar o método no dia a dia na sala de aula. Implementado de
modo lúdico, sistemático e produtivo, o método constrói, passo a passo, uma aprendizagem sólida
e progressiva, uma experiência gratificante de real competência, uma autoestima elevada e um grande
prazer pela leitura e pelo mundo novo que ela descortina.
O método consiste em atividades fônicas e metafonológicas. As atividades fônicas concen­
tram-se na introdução sistemática de correspondências grafofonêmicas para construir a leitura e a
escrita. As atividades metafonológicas concentram-se em exercícios para desenvolver a consciên­
cia fonológica, especialmente no nível fonêmico. Este Livro do Aluno contém todas as atividades fônicas
detalhadamente descritas e ilustradas para implementação direta em sala de aula. O Livro do Professor
contém as instruções e explicações completas para implementar essas atividades fônicas. Contém tam­
bém todas as atividades metafonológicas, com as ilustrações e as instruções completas para aplicação
pelo professor na sala de aula, de modo intercalado com as atividades fônicas. É essencial que as ativida­
des fônicas do Livro do Aluno sejam complementadas com as atividades metafonológicas intercaladas
que se encontram descritas no Livro do Professor.
Este Livro do Aluno foi elaborado para uso cotidiano em sala de aula. Por isso, emprega uma forma
de tratamento coletiva, compatível com a interação verbal que o professor mantém com a classe toda no
dia a dia da classe. Como a descrição das atividades objetiva auxiliar o professor a aplicar o procedimen­
to, as palavras que devem ser faladas às crianças encontram-se escritas em sua forma convencional e
entre aspas, em vez de transcritas em alfabeto fonético internacional e entre barras.
É importante que o professor apresente às crianças os sons das letras sempre que isso for solicitado
nas atividades. Nesses casos. sempre que for preciso apresentar às crianças os sons das letras (em vez de
seus nomes falados), as letras aparecem entre aspas e em minúsculas (por exemplo: "f'). Por outro lado,
sempre que for preciso apresentar os nomes falados das letras (em vez dos sons delas), essas letras
aparecem em maiúsculas e negrito (por exemplo:F). Portanto, nas instruções deste livro, diante de "f', o
professor deverá pronunciar o som /f/; e, diante deF, ele deverá pronunciar o nome éfe.
No início do ano escolar, o professor pode executar algumas atividades para promover a integração
da classe. Os nomes das crianças podem ser trabalhados, por exemplo, com o uso de crachás. Depois
desses procedi mentos preliminares usuais, pode-se dar início à sequência das atividades deste livro.
O método fónico constrói, de maneira lúdica e sistemática, a competência e a sensação segura de
competência. o prazer de dominar o processo de leitura e de descobrir o fascinante mundo que ela revela.
O sucesso resulta do respeito pelas etapas e pelo ritmo de desenvolvimento das complexas estruturas e
processos de aprendizagem de leitura e escrita durante a alfabetização. A criança tem direito às condições
necessárias para que possa aprender de verdade. O método fônico resgata o direito a essa aprendizagem
competente e o prazer da maestria da leitura e de todas as descobertas que ela produz. E restaura ao
professor a profunda importância, dignidade e encanto de sua profissão, e o seu direito de ensinar com
prazer e eficiência, de construir competências e de saber que o faz, de descortinar novos mundos com
dedicação e alegria, e de poder compartilhar com seus educandos o entusiasmo pela aventura da desco­
_
berta e do conhecimento.
Bom trabalho!

Alessandra G Seabra e Femando C. Capovilla


Sumário
Atividade 1. Introdução da vogal A .......... . ............ . .... . . .............. ................................................ 1
Atividade 2. Consciência de palavras: segmentação de frases . ..... . . . ......... . . . ..... . ........................... 3
Atividade 3. Introdução da vogal E . . ... . ............... . ..... . . ... . ........... . ...... . .. . .......... . ............. . . . . ... ...... 4
Atividade 4. Consciência de palavras: segmentação de sentenças em palavras e verificação do
comprimento de palavras . . . .. ...... . ........... . .............................. . ..................... . ........... 6
Atividade 5. Introdução da vogal 1 .... ... .. .. . . . . . . ... . . .................................... . ..... . . . ....................... . .. 7
Atividade 6. Consciência de palavras: divisão de frases em palavras . . . . . .......... ..... . ......... .
............. 9
Atividade 7. Introdução da vogal O ... . ......... . .. . ............... .. . .. ..... . . ......... . ....................... . .. ......... 10
Atividade 8. Consciência de palavras: espaçamento entre palavras de frases e contagem
do número de palavras ....... . . .. ............... ....... .... ... .. ..
. . . .. . . ........ . ... . . ....................... 12
Atividade 9. Introdução da vogal U .......... . . .......................... .... ... . . . . . . . . ..
.. . ... . ................ . .. . . ..... . . 13
Atividade 10. Consciência de palavras: substituição de palavras .. . . .. . . ...
.. . . . . . . . . . .. . ....................... . . 15
Atividade 11. Exercícios com as cinco vogais ...... ..... . .. . ................ . ... ... . . . ..
. . . . . . .... . .. ........ ......... . . . . 16
Atividade 12. Consciência de palavras: substituição de palavras inventadas por palavras reais ....... 19
Atividade 13. Introdução de ÃO ............... . ............. . ............................. . .... . . .. . . . .. . . . . . . ................. 20
Atividade 14. Rima: produção oral de palavras que rimam .. . ................. . . ...... . ... . . . . . . . . . . . ...
. . ........ . 21.

Atividade 15. Introdução da letra F ..................... . . ..... ..


. .................................... . ... ... .. . . . . . . . . . .. ..... 22
Atividade 16 . Rima: identificação de figuras cujos nomes rimam ................................................... 25
Atividade 17. Introdução da letra J .............. ..... . . . . .
... .... . . . . . ... . ... ..... . .... . .......... ............. ... ...... . . . 26
. . .

Atividade 18. Rima: complementação de palavras escritas que rimam .................................... . ..... 29
Atividade 19. Revisão das letras já aprendidas . . ....... .
................. . .... ................................. . ......... 30
Atividade 20. Rima: classificação de figuras conforme a terminação de seu nome falado ............... 30
Atividade 21. Introdução da letra M .. . ................... . .............. . . .... . ... . .......................... . . . . ............ 31
Atividade 22. Rima: manipulação de formas geométricas representando os sons das palavras ....... 34
Atividade 23. Introdução da letra N ................................. . . . ....... . ............. . . ................ . ......... ...... 35
Atividade 24. Rima: manipulação de formas geométricas representando os sons de palavras
inventadas ........... . ........... ........ ................. . .................... . ... . .............. . . .................. 37
Atividade 25. Revisão das letras já aprendidas .............................. . .................... . . .......... ............ 38
Atividade 26. Rima: escolha da terminação que rima com a palavra ouvida . . ............................ . ... 39
Atividade 27. Introdução da letra V .......... . . .............. . ... . . ............... . ... . ... . ...... . ... . . . ...................... 40
Atividade 28. Aliteração: produção oral de palavras que aliteram . . .... . ........ ........... . . . .... . .............. 42
Atividade 29. Introdução da letra Z ... . . . .. . . ........ . . . . . .......... . . .... . ............ ...... . . ................................ 43
Atividade 30. Aliteração: complementação de palavras escritas que aliteram .................... .
........... 46
Atividade 31. Revisão das letras já aprendidas .............................. . . . . .................. . ......... ............. 47
Atividade 32. Aliteração: classificação de figuras conforme o início de seus nomes falados ..... . ...... 48
Atividade 33. Introdução da letra L .............. ....................................... . .. . . ..... . . . . . . . . ................... . . 49
Atividade 34. Aliteração: manipulação de formas geométricas representando os sons de
palavras ...... .
... . ........... . . . ...................... . . . . ...................... ....... . ................. . . ........... 51
Atividade 35. Introdução da letra S ................... . ....... ............... . ........... . ....... . . . . . . . ............... . . ...... 52
Atividade 36. Aliteração: manipulação de formas geométricas representando os sons de
palavras inventadas ..... .......................................... . . . . . ........... . . ............................. 54
Atividade 37. Revisão das letras já aprendidas ............. . .... . ......... . ................ . ......... . .... . .............. 55
Atividade 38. Rima e aliteração: escolha de figuras cujos nomes rimam ou aliteram com um
modelo ................................................ . ................ . .............................................. 57
Atividade 39. Introdução da letraR ....... . ................ .. 59..... . ..... . ...................... ...... .. ....
.. . . . ..............

Atividade 40. Consciência silábica: marcação de sílabas em canções . .. .... . ..................... ... 61 ... .... . . . .

Atividade 41. Introdução da letra X .. ........... ... ...... ...... ... ................. 62
.................... . ........... . . .. . ......

Atividade 42. Consciência silábica: contagem de sílabas em nomes próprios .. . ... ...... ........... 64 ... ... . . .

Atividade 43. Revisão das letras já aprendidas ................ . .... . ..... . .... . ... .... . .......... . ..... . ..... . ... .
.... ... 65
Atividade 44. Consciência silábica: contagem de sílabas durante a nomeação oral de figuras ........ . 67
Atividade 45. Introdução da letra B ........................................................................................... 68
Atividade 46. Consciência silábica: contagem de sílabas e classificação de figuras conforme seu
coinprimento ........................................................................................................ 70
Atividade 47. Introdução da letra C .... . ................................. ..................................................... 71
Atividade 48. Consciência silábica: jogo do percurso .................................................................. 74
Atividade 49. Revisão das letras já aprendidas .. ..... . . . . . ...... ... ........... . .............. . ........................... 75
Atividade 50. Consciência silábica: adição e subtração de sílabas .. ...... .. ...... .. . ............................. 77
Atividade 51. Introdução da letra P ... ...... ............. . . . .. . ... ...... ... . .... .. . . .. . ....... .
... ....... ... ... ...... . ......... 78
Atividade 52. Consciência silábica: síntese de sílabas ....... .. ..... ... .......... .
. . ....... .. .... ..... ....... .......... 80 .

Atividade 53. Introdução da letra D . .. ...... ...


. . ........ .... .. .. .
. . ... .. . ....... . .... . . .
. .. . .. . . .. .............. . .. . ....... 81
. .

Atividade 54. Consciência silábica: transposição de sílabas .. . ..... ..... ...............


. ........ . . .. . .... .
. . . . . ... . 83
.

Atividade 55. Revisão das letras já aprendidas ........... .... . ........... . ...... . .... . ... .
.. .. ............ .. . . .... 84
.. .. . ..

Atividade 56. Identidade fonêmica: identificação do mesmo fonema em palavras diferentes ... . . .... .. 85
Atividade 57. Introdução da letra T ........................................................................................... 86
Atividade 58. Identidade fonêmica: identificação do fonema inicial para classificação de figuras . . 88 . . .

Atividade 59. Leitura de texto: As tias ................... ............................ . ... . ......... .. . ....... ... ...... . . . .. . 89
.

Atividade 60. Identidade fonêmica: dominó com figuras ......................................................... . . . .. 90


Atividade 61. Introdução da letra G ........................................................................................... 91
Atividade 62. Identidade fonêmica: escolha de figuras cujos nomes comecem com o
mesmo som de um desenho modelo ... . ...... . .... . ..... . ... .................... .. . ............. . ...... 94
Atividade 63. Revisão das letras já aprendidas ... ......................... . . . ............... . . . ..
. . .. .... . ............... 95
Atividade 64. Consciência fonêmica: correção de palavras com trocas fonêmicas . .. . . . . .... . .. .
. .. ..... . 96
.

Atividade 65. Introdução da letra Q ........... . ........ . ............... . ....... .. . . . . ... . .... .
.. . . ... .. .. ....... .......... 97
.. . .

Atividade 66. Consciência fonêmica: síntese de fonemas .. ......... . . . ... . .... . ... .. . ............. . . . ........... 100
. . .

Atividade 67. Interpretação de texto: Susto . . ... . .


.. ... ... .............. .. ...... . ........ .. . . . .. ........ ... .... ...... .. 101 . .

Atividade 68. Consciência fonêmica: substituição de vogais em palavras ....... . ........... . ..... . .
.. ... . . 102
. .

Atividade 69. Introdução da letra H ... . ..... . ................ . .............. . ...... . ........................................ 103
Atividade 70. Consciência fonêmica: análise de fonemas . ... .... .... . ....... . ......... . . .. ..... .... ... ..
. ....... .. 105
.

Atividade 71. Introdução das letras K. W e Y ........................................................................... 106


Atividade 72. Consciência fonêmica: adição de fonemas ....................... . .............................. . .... 109
Atividade 73. Revisão de todas as letras . ................................................... .. ...... . .................. . 11O
..

Atividade 74. Consciência fonêmica: substituição de fonemas . . ..... . ................ .. . ............ . . ...... . . 117
.. .

Atividade 75. Interpretação de texto: A gente pode e a gente não pode ... .... .. .......................... 118
Atividade 76. Consciência fonêmica: análise e contagem de fonemas . ... . . ........ . . . . . . .. . . ................. 119
Atividade 77. Formação de frases e produção de texto com sequência de figuras .... ..... . .. .. .. . . . ... 120
Atividade 78. Consciência fonêmica: síntese de fonemas ...... .. .... .. .... . . .. . ........... ................ ... 121
. . . . . .

Atividade 79. Introdução do dígrafo CH .................................................................................. 122


Atividade 80. Consciência fonêmica: síntese de fonemas .......... ................ .. ........ .. ...... .
.... .. ..... ... 125
Atividade 81. Produção de texto: troca de figuras por palavras escritas em texto .... . ... ... .. . .... . 126
.. . . .
Atividade 82. Consciência fonêmica: adição e subtração de fonemas ....... ................................. 127
Atividade 83. Introdução de QUA e QUO ............................ . .
.. ....................... . ............... ....... 128
Atividade 84. Consciênciafonêmica: contagem e manipulação de fonemas ................................ 131
Atividade 85. Introdução de CE e CI ............ .. . . .......................................... . .......................... 132
Atividade 86. Consciência fonêrnica: inversão de fonemas ............. . .............................. . ............. 135
Atividade 87. Interpretação de texto: A raposa e a cegonha . . ........ ........................................... 136
Atividade 88. Consciência fonêrnica: alfabeto inventado ........................ . .............. . ............. .. . ..... 13 7
Atividade 89. Introdução do dígrafo NH ....................... . ........................... . .... . ........................... 138
Atividade 90. Consciência fonêrnica: inversão de nomes próprios ...................... . ... . . ...... . .
.. ... . . ... 141
.

Atividade 91. Introdução de GE e GI ........................................................................................ 142


Atividade 92. Interpretação de texto: Brincando de não me olhe ............ . . .... . ... .. ..... . ................ 145
Atividade 93. Introdução de GUE e GUI ..... .
.......................... . ................................................. 148
Atividade 94. Produção de texto coletivo ... . .................................................... .. . ... . ........... . ........ 150
Atividade 95. Introdução de G UAe G U0 ......... . .................. . ............................ .. ...................... 151
Atividade 96. Interpretação de texto: A chuva .............................................. . ...... . ..................... 154
Atividade 97. Introdução do dígrafo LH ................................ ..................... .. .... .. .. .. ............... . ... 157
Atividade 98. Produção de texto a partir de uma sequência de figuras ........... .. . . . .... . ....... . .......... . 160
Atividade 99. Introdução de cedilha ................................................... . .......... . .... . . . . . ........ ........... 161
Atividade 100. Interpretação de texto: Ciranda, cirandinha ............... . ... . ...... . . .. ... . .. ..
.. . ..... . ........ 165
Atividade 1O1. Introdução dos demais usos da letra R: R intervocálico, R em final de
sílabas e RR ........................................................................................................ 167
Atividade 102. Produção de texto a partir de uma figura ..................................... . . . ...................... 173
s.5
..

Atividade 103. Introdução dos demais usos da letra S: Sintervocálico com som z·· e .. . . ........ 174
Atividade 104. Produção de texto: estruturação de diálogo .. . ........ ................... .. . ....... . ... . ............. 180
Atividade 105. Introdução da letra L com som "u" ................... . ......................... . ...... . ......... . ...... . . 182
Atividade 106. Produção de texto: estruturação de diálogos ............................. . ...... . .................... 185
Atividade 107. Introdução de N no final de sílabas ... . ....... .... ........................... . ....... . . . ...... ... ....... . . 187
Atividade 108. Introdução de M no final de sílabas .......... . .... .
... . ....................... .. . ... .. ........ .. . ........ 189
Atividade 109. Produção de texto: cartas ........... . .......... . ............... . ......... . .. . .
... .... . ..... . ..... . . . ....... . 192
..

Atividade 11O. Introdução dos sons irregulares da letra X .............. . ................. . ... ..... . ........... . ...... 194
Atividade 111. Interpretação de texto: Uma turma inesquecível ................ .. . .. . ......... . . .. ..... . ... .... 197
Atividade 112. Introdução de encontros consonantais: BR e BL . .. . .......... . ... . ..... . ............ . ....... . .... 199
Atividade 113. Produção de texto a partir de uma sequência de figuras e já iniciado ..... . ...... . ...... . 201
.

Atividade 114. Introdução de encontros consonantais: CR e CL . . .. ............... . .. .. . . ...... . ..... . ...


.. . . .... 202
Atividade 115. Produção de texto a partir de uma figura e já iniciado ................... . .
.. .................... 204
Atividade 116. Introdução de encontros consonantais: FR e FL ......... . ...... .. .
. ... . ... .... . ................... 205
Atividade 117. Produção de texto: poesia ......... .. ...... . ........................... . ...... . . .................... . ..... . ... 207
Atividade 118. Introdução de encontros consonantais: GR e GL ................................................. 209
Atividade 119. Interpretação de texto: O grilo grilado ................ . ........... . .... . ................. . ..... . ...... 211
Atividade 120. Introdução de encontros consonantais: PR e PL .. . .... . ............... . ........ . ...... . ........... 213
Atividade 121. Desenho e produção de texto . . . . ............. . ..... . ........... . ...... .... .......... .. .................. .. 215
.

Atividade 122. Introdução de encontros consonantais: TR e TL .. . .............. . .... . ...... .


. . .................. 217
Atividade 123. Interpretação de texto: Gente tem sobrenome .... . .................... . ..... .......... . ........... 219
Atividade 124. Introdução de encontros consonantais: DR .......... ................... ......... .. ................. . 221
Atividade 125. Introdução de encontros consonantais: VR ........ .. . ............. . ....... . .................. .. ..... 223
Atividade 126. Produção de texto: poesias ............................................. .. .................................... 225
Atividade 127. Introdução de encontros consonantais: NS ...................................... . .......... . ......... 229
Atividade 128. Interpretação de texto: O burrico e o jumento ......................... . .. .
. . .. . ... ..... . ......... 23 1
Atividade 129. Introdução dos sinais de acentuação ..................................................................... 233
Atividade 130. Interpretação de provérbios ................................................................................. 23 5
Folha mnemônica: Alfabeto ............................................................................................................. 237
Ficha de leitura das vogais ... . .................................. . ....................................... ..
. ...... . ... .. .... . . ..... 239
. . .

Ficha de leitura da letra F ................................................... . ...... . ..... .. .......... .. ... .. . ... . . .


.. .. . .. . . . . . . . .. 241
. .

Ficha de leitura da letra J .............. .


.... . ......... ..... . ............... . ..... . ....... . ...................... . .... . . .. . . ... . . . . . . . . 243
Ficha de leitura da letra M ...... ...... . ............................................ . ..... . .... . .............. ... ... . ....
. ..... . . . . ... 245
Ficha de leitura da letra N ......... . ................................ . .... . . .. .... . . . . . ..... . .. ......................... ..
. .. . ..... . ... 247
Ficha de leitura da letra V . .. ........ .. . ............................ . ..... . ... . . ........ .. ...........
. . . . . ..
. ...... . .............. . .. . 249
Ficha de leitura da letra Z ............................................................................................................ 25 1
Ficha de leitura da letra L ..... ........ . ............... .... ... .......... . . .... . . .. . .. .
. .. . . . ... . ... ..... . . . .... . ..... . .............. . . 253
Ficha de leitura da letra S . . .............. . ... . ... .. . . .... . . ..
. . . . . . ... .... . ...
. .... .... ... ................... ........................ 255
Ficha de leitura da letra R ............................................................................................................ 257
Ficha de leitura da letra X . . ... . ....... .. ..... . ...... . .................................................... . ........................... 259
Ficha de leitura da letra B ....... ........................................................ . .... 261 . . . ............ .......... .......... . . . . .

Ficha de leitura da letra C ............................................................................................................ 263


Ficha de leitura da letra P .. .
................................................ ....... 265 . ..................................................

Ficha de leitura da letra D . . ..


................................. ........ . .. .... .......... ......... 267 ..... ........... ................... . .

Ficha de leitura da letra T ............................................................................................................ 269


Ficha de leitura da letra G ......................................................... . ... .......... ... ....... .
. . . . . ........ . .. . ......... 27 1
Ficha de leitura da letra Q em QUE e QUI .................................................................................. 273
Ficha de leitura da letra H .. .. ................... . ... .. .. . .
.. . . . ...... . ... ... ................................................. . ....... 275
Ficha de leitura das letras K, W e Y . . ... .. ... . ... .
. . .. . 277 . .... . ........ ............................................. ......... ....

Ficha de leitura do dígrafo CH .. ............... . . . .. .


................ 279 ................. ................................. ..... ... . . ..

Ficha de leitura comparativa entre X e CH ................................................................................... 28 1


Ficha de leitura das sílabas QUA e QUO . . .
..... 283
............................................... ............. .................

Ficha de leitura das sílabas CE e CI . . . . .. .... 285


.......................................... ..................... ... .. ............. ..

Ficha de leitura do texto Cadê o toucinho que estava aqui? . .... ..... ............... 287 .................. .......... . .

Ficha de leitura do dígrafo NH ...................................... . ..... . . . ......


. .... .......... .... ..................... ... ... 289 .

Ficha de leitura do texto Tamanho das coisas ..................... .... ... ... .... ..... .... ..... .
. . . .. .... ... .... . ........... 291
Ficha de leitura das sílabas GE e GI . . .................. . ... ... .. . .
. . . ... . ..... . . . . ....
. . . . . ............ . ..... .. ... ... ..... . .... 293
Ficha de leitura do texto O girassol .... . ... ... . . .
.. . . .. . ................ ............. . ........ .. ..
. .. . ... . ...................... 295
Ficha de leitura das sílabas GUE e GUI .. . ............ . .............. ....... . .................. ......... . .................... . 297
Ficha de leitura das sílabas GUA e GUO . ..... . .. ...... ...................................................................... 299
Ficha de leitura do dígrafo LH ........ ........... . ..... .. .............. . ................. ............................ . ...... . ...... 30 1
Ficha de leitura do texto O medo do menino . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 303
Ficha de leitura do Ç .................... . . ................ . ................................. . .......................................... 305
Ficha de leitura comparativa entre R inicial, RR, R intervocálico e R no final de sílaba . ... . . . . ...
. . . . ... 307
Ficha de leitura comparativa entre S inicial, SS, S intervocálico e S no final de sílaba ...... . ........... .. . 309
.

Ficha de leitura da letra L com som "u" ...... .. ... . ............................................... .. . ... . ... .... ... .. ... . . . . 311
. . .

Ficha de leitura da letra N no final de sílaba ..... . . .. . ..... . ........ ..


. ... . ... . .. .
. .. .. . ... . ... .. . .. . . ..... .. ..
. . . . . . .. ....... 313
Ficha de leitura da letra M no final de sílaba .. . . . ..................... . ................ .. . ... . ........ . ............ .. .... . ... 315
Ficha de leitura dos diversos sons da letra X .... . .. . ....... . ..... . . . . ............ .......... .. ........ . .... ..
. ...... ... ....... 317
Ficha de leitura com palavras contendo sinais de acentuação . ..... . ........................ . .. . ............. . . . . ..... 319
Atividade 1. I ntrodução da vogal A

Vamos conhecer a letra A e o seu som.

A a

G
a) Vamos ler o texto sobre a letra A.

ELA ESTA NO ASTRONAUTA


/

E NAS ASAS DO AVIÃO.

NA ANDORINHA E NO ANJINHO,
NA ARARA E NO AZULAO.

Mauricio de Sousa e Cristina Porto. ABC da Mônica.

São Paulo: FfD.

Alfabetização Jônica 1
b) Vejam estas figuras. Vamos dizer, juntos, o nome de cada uma delas. Agora vamos
circular e colorir as figuras que têm nome começando com o som "a".

c) Agora vamos completar o nome destas figuras com a letra A.

B C TE S P TO BELH NEL

VÓ B C XI s M L

2 Alessandra G. Seabra e Fernando C. Capovilla


d) Vamos circular todas as vogais A no texto a seguir. Depois vamos cantar a música.

A DONA ARANHA

A DONA ARANHA SUBIU PELA PAREDE

VEIO A CHUVA FORTE E A DERRUBOU

A CHUVA JÁ PASSOU E O SOL JÁ VEM SURGINDO

E A DONA ARANHA NA PAREDE VAI SUBINDO

Domínio público.

e) Nesta atividade, vamos olhar com atenção as palavras escritas abaixo. Depois
vamos pintar os corações que contêm palavras iniciadas com a letra A.

Atividade 2. Consciência de palavras: segmentação de frases

Nesta atividade, veremos que as frases que nós falamos têm várias partes. Essas
partes são as palavras. Nós podemos dividir as frases em palavras ou podemos falar
a frase sem uma das palavras. Vamos fazer a atividade oralmente.

Alfabetização Jônica 3
Atividade 3. Introdução da vogal E

Agora nós vamos conhecer a letra E e o seu som.

E e

a) Vamos ler o texto sobre a letra E.

O E DA NOSSA ESPERANÇA

QUE É TAMBÉM O NOSSO ESCUDO

É O MESMO E DAS ESCOLAS

ONDE SE APRENDE DE TUDO.

Mario Quintana. O batalhão das letras. São Paulo: Globo, 1 996, p. 8.


© by Elena Quintana

4 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


b) Vejam estas figuras. Vamos dizer, juntos, o nome de cada uma delas. Agora vamos
circular e colorir as figuras que têm nome começando com o som "e".

c) Nesta atividade, vamos olhar com atenção as palavras escritas abaixo. Vamos
pintar os círculos que contêm palavras iniciadas com a letra E.

ESTREL A MEIA ESTAR

NAVIO EMPADA

FADA ESCOL A ENTRE

Alfabetização jônica 5
d) Agora nós vamos completar o nome destas figuras com a letra E.

STR_L A L IT L F ANT T LFON

B B SCOV A SC ADA P IX

e) Vamos procurar em jornais e revistas uma letra E pequena, uma letra E média e
uma letra E grande. Depois vamos recortar essas letras e colá-las nos quadrados a
seguir, de acordo com o tamanho da letra.

E E E

Atividade 4. Consciência de palavras: segmentação de sentenças em palavras


e verificação do comprimento de palavras

Vamos fazer um jogo para dividir as frases em palavras e verificar quais são as
maiores e quais são as menores palavras da frase. O jogo será feito oralmente.

6 Alessandra G. Seabra e Femando C. Capovilla


Atividade 5. Introdução da vogal 1

Agora nós vamos conhecer a letra 1 e o seu som.

1

j .
-

l.

a) Vamos ler o texto sobre a letra 1.

PIRULITO QUE BATE-BATE,

PIRULITO QUE JÁ BATEU,

� QUEM GOSTA DE MIM É ELA,

QUEM GOSTA DELA SOU EU.

Do folclore nacional.

b) Vejam estas figuras. Vamos dizer, juntos, o nome de cada uma delas. Depois
vamos circular e colorir as figuras que têm nome começando com o som "i".

Alfabetização Jônica 7
c) Nesta atividade, vamos olhar com atenção as palavras escritas abaixo. Vamos
pintar os retângulos que contêm palavras iniciadas com a letra 1.

ITÁLIA ESCOLA IRMÃO INÍCIO

AMOR IDADE PENTE INTEIRO

d) Agora vamos completar o nome destas figuras com a letra 1.

P RUL TO ND O LÁP S P E R_QU _TO

BO J _BO_A ME A

8 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


e) A seguir, há figuras com os nomes embaixo e quadradinhos ao lado. Escrevam o
nome das figuras, colocando uma letra em cada quadradinho. Depois, contem o
número de letras de cada palavra e coloquem esse número no quadradinho do lado.

IG REJ A D

D
,,

INDIO

ÍMÃ D

ILHA D

INJEÇÃO D
Atividade 6. C onsc iênc ia de palavras : divis ão de fras e s e m palavras

Neste jogo, cada aluno vai brincar de ser uma palavra de uma frase. Vamos ver
como ficam as frases se faltar alguma palavra.

Alfabetização Jônica 9
Atividade 7. Introdução da vogal O

Vamos conhecer a letra Oe o seu som.

o o

a) Vamos ler o texto sobre a letra O.

O O É OVAL COMO UM OVO


OU REDONDO COMO UM OLHO,
PEQUENO COMO UMA PULGA
OU GRANDE COMO UM REPOLHO.

José Paulo Paes. Uma letra pwca a outra. São Paulo: Companhia das Letrinhas, 1992.

b) Vejam estas figuras. Vamos dizer, juntos, o nome de cada uma delas. Depois
vamos circular e colorir as figuras que têm nome começando com o som "o".

10 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


e) �fosta atividade, vamos olhar com atenção as palavras escritas abaixo. Vamos
pintar os quadrados que contêm palavras iniciadas com a letra O.

CANETA OVELHA ONÇA AMORA

ovo OUVIDO LUA ONTEM

d) Agora vamos completar os nomes destas figuras com a letra O.

BI S C I T B CA M_R C E G

M_R A N G DE D MENI N C_R _A

Alfabetização Jônica 11
e) Vamos usar revistas e jornais para procurar palavras com a letra O. Vamos circular
as letras O de dez palavras. Depois, vamos recortar essas palavras e colá-las no
espaço abaixo.

Atividade 8. Consciência de palavras: espaçamento entre palavras de frases


e contagem do número de palavras

Agora vocês aprenderão que, do mesmo jeito que as palavras nunca podem ser
faladas juntas, elas também não podem ser escritas juntas numa frase, mas devem ser
separadas por um espaço. Vocês irão realizar a atividade oralmente.

12 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


i\tividade 9. Introdução da vogal U

Vamos conhecer a letra U e o seu som.

u u

u .ll

a) Vamos ler o texto sobre a letra U.

O QUE É, O QUE É?
ESTÁ NO INÍCIO D O UNIVERSO E NO FIM DO TATU.
ENCONTRAMOS NA UNHA E NO UMBIGO.
MAIS DO QUE ISSO EU NÃO C ONTO
MAIS DO QUE ISSO EU NA O DIGO.

Texto criado especialmente para esta obra.

b) Vejam estas figuras. Vamos dizer, juntos, o nome de cada uma delas. Agora vamos
circular e colorir as figuras que têm nome começando com o som "u".

Alfabetização Jônica 13
c) Nesta atividade, vamos olhar com atenção as palavras escritas abaixo. Vamos
pintar os triângulos que contêm palavras iniciadas com a letra U.

d) Agora nós vamos completar o nome destas figuras com a letra U.

N_VEM B Z INA L_LA TAT

BR XA CANG R TROFÉ RO PA

14 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


e! Vamos circular todas as letras U na estória abaixo.

· TUCA SONHOU QUE VIU

UM TATU ENTRANDO NUM BURACO,

UM CANGURU PULAND O DE CHAPÉU,

UM URSO COMENDO MEL �


-E UM UIRAPURU VOANDO NO CÉU.

QUE SONHO ENGRAÇADO!

Texto criado especialmente para esta obra.

Atividade 10. C onsc iênc ia de palavras : s ubstituição de palavras

Agora vamos brincar de trocar as palavras das frases que a professora falar,
criando novas frases. Esta atividade será feita oralmente.

Alfabetização jônica 15
Atividade 11. Exercícios com as cinco vogais

a) Vamos pintar com a mesma cor as vogais iguais, conforme as instruções descritas
a segmr.

Pintem de vermelho a letra A.


Pintem de verde a letra E.
Pintem de amarelo a letra 1.
Pintem de azul a letra O.
Pintem de marrom a letra U.

I A u E o
.

e o 1 a u

u j E_ 8 G
D. .u. .b l ..2..

b) Vamos observar bem as letras e ligar as que são iguais, conforme as cores da
atividade anterior.

Circulem com lápis vermelho todas as letras A. Depois liguem-nas com lápis
vermelho.
Circulem com lápis verde todas as letras E. Depois liguem-nas com lápis verde.
Circulem com lápis amarelo todas as letras 1. Depois liguem-nas com lápis amarelo.
Circulem com lápis azul todas as letras O. Depois liguem-nas com lápis azul.
Circulem com lápis marrom todas as letras U. Depois liguem-nas com lápis marrom.

o a E_ .u.

8
.

u 1 D.

A u j ..2..

I e G .b

E o u l

16 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovi


c) Vamos escrever a letra inicial de cada palavra nos quadradinhos.

ÁRVORE ESCADA

ESPADA URSO

�/or(f:J@J0]J0jEQ
o
�...,.-""'\' (J !'---r-,,__,..J

ÍMÃ ÔNIBUS

ORELHA ABELHA

UVA ILHA
Alfabetização jônica 17
d) Vejam estas figuras. Observem que está faltando a primeira letra do nome de cada
figura. Vamos completar com a vogal que falta.

BAJUR RUBU RELHA SCORREGADOR

.,.

8
ITO MÃ PITO GREJA

e) Agora vejam estas figuras e seus nomes. Observem que estão faltando algumas
letras. Vamos completar os nomes com as vogais que faltam.

M R N V V_L L V S

C G_ M L P RC B L s e

18 Alessandra G. Seabra e Fernando C. Cavovilla


f) Vamos completar a cruzadinha com as vogais que faltam, de acordo com as
figuras.

N V

R D

g) Vamos ler a Fic ha de l eitura das vogais, que está no fim do livro.

Atividade 12. Consc iênc ia de pal avras : s ubs tituição de palavras inventadas
por pal avras reais

Neste jogo, a professora vai dizer algumas frases com palavras inventadas. Vocês
observarão que as frases ficam sem sentido. Depois, cada aluno vai repetir uma frase,
trocando a palavra inventada por uma palavra conhecida.

..li•:•aberi::.ação Jônica 19
Atividade 13. Introdução de ÃO

Agora nós vamos conhecer o ÃO e o seu som.

r.J

AO
r.J

ao

a) Vejam estas figuras. Vamos dizer, juntos, o nome de cada uma delas. Depois
vamos circular e colorir as figuras que têm nome terminando com "ão".

b) Nesta atividade, nós vamos olhar com atenção as palavras escritas abaixo. Vamos
pintar as formas que contêm palavras terminadas com ÃO.

LIMÃO GÁS FOGÃO PILÃO

PATRÃO ROUPÃO BLUSA SALA

20 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


c) Agora vamos completar o nome destas figuras com as letras ÃO.

�.- \ \ S)

MA M p ZI N HO
ifiL_
C MEL

d) Agora vamos ler o texto a seguir e completar as palavras com as letras ÃO.
Depois vamos cantar a música.

CARNEIRINHO , CARN EIRÃO

CARNEIRINHO,

CARNEIR _,

NEIR _,

NEIR _,

OLHAI PRO CÉU,

OLHAI PROCH _, 1 1 r·

p ff iJ fJ 1 J.
PROCH _,

PROCH _, 1 � 1r ·
I 1 J] tJ 1
MANDA EL-REI,

NOSSO SENHOR,
l�ltp iJ IJ. f ll. l 10J11
SENHOR,
J• 1 ::til. J 1 J li:
SENHOR,

CADA UM SE LEVANTAR!

Do folclore nacional.

Atividade 14. Rima: produção oral de palavras que rimam

Vocês verão que há palavras que terminam com o mesmo som, ou seja, que
rimam. Elas aparecem nas músicas e nas estórias. Agora vamos brincar com as
palavras, procurando sons que combinam.

Alfabetização Jônica 21
Atividade 15. Introdução da l e traF

Agora nós vamos conhecer a letra F e o seu som " f '.

F f

a) Vejam estas figuras. Vamos dizer, juntos, o nome de cada uma delas. Depois
vamos circular e colorir as figuras que têm nome começando com o som "f'.

22 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


b) Agora vamos circular as palavras que começam com a letra F.

MACACO FEIO MESA FÁCIL

FACA CAR RO FAZENDA BOI

mato feliz feijão fofo

fé meu fugir sapato

r � �
fT

� f1m �
e) Vamos juntar a letra F com cada uma das vogais, escrevendo as sílabas resultantes
no caderno.

d) Vamos ler a Ficha de leitura da letra F, que está no final do livro.

e) Vamos usar revistas e jornais para procurar palavras com a letra F. Nós precisamos
de cinco palavras que começam com a letra F e de cinco que têm a letra F no meio.
Vocês vão recortar essas palavras e colá-las no espaço abaixo. Na primeira coluna
vamos colar as palavras que começam com F e, na segunda coluna, as palavras
que têm F no meio.

palavras que começam com F palavras que têm F no meio

Alfabetização Jônica 23
f) Agora vejam estas figuras e seus nomes. Observem que estão faltando algumas
letras. Vamos completar os nomes escritos com as letras que faltam.

º�

�ô�
DA
-� GO LOR CA

CA R AÓ _ _ LTR O T E BOL

LCÃO N IL R IN H A RACÃO

24 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


Atividade 16. Rima: identificação de figuras cujos nomes rimam

Vamos ver os desenhos abaixo. Seus nomes terminam de três formas: "to", "la" e
"ta". Vamos ligar as figuras que têm nome terminando com o mesmo som.

Alfabetização Jônica 25
Atividade 17. I ntrodução da le tra J

Agora vamos conhecer a letra J e o seu som "j".

J

J
.

ô
a) Vejam estas figuras. Vamos dizer, juntos, o nome de cada uma delas. Depois vamos
circular e colorir as figuras que têm nome começando com o som "j".

_I

n
� �
[ .L

26 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


b) Agora vamos circular as palavras que começam com a letra J.

. /

mala casa
f
JACA RÉ

mtla.
F JABUTICABA caderno

JOIA leite
F PATO

� jeito LIV RO
.

JUlZ
.

JANGADA
F milho PATINS

Jorge � JUBA �

c) Vamos juntar a letra J com cada uma das vogais, escrevendo as sílabas resultantes
no caderno.

d) Vamos ler a Ficha de leitura da letra J, que está no final do livro.

e) A gora vejam estas figuras e seus nomes escritos, logo abaixo. Observem e
respondam: qual é a letra em comum a todas estas palavras? Escrevam essa letra
no quadrinho.

joelho jacaré jiboia

?7
t) Agora vejam estas figuras e seus nomes. Observem que estão faltando algumas
letras. Vamos completar os nomes escritos com as letras que faltam.

E LHO C A RÉ IZ NELA

BO I A TO BUT ICABA RN A L

V A LI RR A _ _ QU E T A

28 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


Atividade 18. Rima: comple me ntação de palavras e s critas que rimam

Olhem as figuras a seguir. Os nomes de todas essas figuras rimam, eles terminam
com "ão" . Vamos completar os nomes escritos das figuras com as letras que faltam.

LE FUR A C BAL

P AV ES COR PI p

VI OL TU B AR M EL

A.(fabetização jônica 29
Atividade 19. R e vis ão das le tras já apre ndidas

a) Vamos recordar todas as letras que já aprendemos. Olhem o quadro abaixo. Vamos
dizer o som de cada letra. Depois vamos completar o quadro, unindo as letras e
escrevendo as sílabas correspondentes. Em seguida vamos ler as sílabas formadas.

A E 1 o u ÃO
F

b) Agora vocês farão uma atividade de ditado. A professora vai dizer algumas
palavras e vocês devem escrevê-las no caderno.

c) Vamos ligar as palavras que estão escritas com letra de forma com as palavras
escritas em letra cursiva.

fofa
r
João
fr
eu
*
feijão J!ll

Atividade 20. Rima: clas s ificação de figuras conforme a te rminação de s e u


nome falado
A professora vai distribuir desenhos cujos nomes terminam com uma dentre três
terminações diferentes. Vocês juntarão os desenhos que têm nome terminando com a
mesmanma.
30 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla
Atividade 21. Introdução da letra M

Agora vamos conhecer a letra M e o seu som "m" .

M m

m m

al Vej am estas figuras . Vamos dizer, juntos, o nome de cada uma delas . Agora vamos
" "
circular e colorir as figuras que têm nome começando com o som m .

' o o
.
V

' , -.::. betização Jônica 31


b) Agora vamos circular as palavras que começam com a letra M.

ave l\IBU fila �


� mato
r MÃE

l\IBIA
� MALA morango


melão boneca
F
PANELA CARRO
F mão

� ema ANEL MIA

c) Vamos juntar a letra M com cada uma das vogais, escrevendo as sílabas resultantes
no caderno.

d) Vamos ler a F ich a de le itur a da l e tr a M, que está no fim do livro.

e) Observem as palavras escritas no primeiro quadrado. Vamos marcar com um X


aquela que tem mais letras. Agora vamos copiar as palavras nos lugares certos, de
acordo com as figuras.

32 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


f) Agora vejam estas figuras e seus nomes. Observem que estão faltando algumas
letras. Vamos completar os nomes escritos com as letras que faltam.

SCARA RO NI NO _ _ _ DA

TO L A NCI A LH O MÃO

DEI R A GI CO R I NH EI R O CH I LA


� N I NA

NGU EI R A S I CA LA

..\�fabetização Jônica 33
Atividade 22. Rima: manipulação de formas geométricas representando os sons
das palavras

Neste jogo a professora vai escrever as palavras de um j eito diferente, com for­
mas geométricas . Vocês vão perceber que as palavras que rimam, ou sej a, que termi­
nam com o mesmo som, são escritas com a mesma forma geométrica.

Por exemplo, a palavra "gato" pode ser representada assim:

D O
ga to

Para representar um pato, como podemos fazer?

A solução é usar outra forma geométrica para "pa" . Por exemplo, um triângulo.

Assim, temos:

D O
L O
Que tal continuar brincando com palavras que terminam com o mesmo som?

34 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


Atividade 23. Introdução da letra N

A gora nós vamos conhecer a letra N e o seu som "n".

N n

a1 Vejam estas figuras. Vamos dizer, juntos, o nome de cada uma delas. Depois
vamos circular e colorir as figuras que têm nome começando com o som "n".

n ..____.,,

"- - _ -.::. ;.. ei::,ação Jônica 35


b) Agora vamos circular as palavras que começam com a letraN.

,
sol NU 1TWTtim.o. pe

CASA verde � NADA

neve 1l.Í.m.OJl. CANETA lixo


,
PAPEL doce NO

,
LAPIS
T nunca 110f\.r{O-

� �
"

flor NENE

c) Vamos juntar a letraN com cada uma das vogais, escrevendo as sílabas resultantes
no caderno.

d) Vamos ler a Ficha de leitura da letraN, que está no fim do livro.

e) Agora, vocês vão ler as palavras do quadro e copiar no caderno apenas as palavras
que começam com a letra N.

NAVIO NUVEM NINHO CRIANÇA

nozes abóbora sala noite

u "1Wlrt � �

36 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


f) Agora vej am estas figuras e seus nomes. Observem que estão faltando algumas
letras. Vamos completar os nomes escritos com as letras que faltam.

D AR VE M ZES VI O

T AL VE

9
RIZ VE N AR ITE

Atividade 24. Rima: manipulação de formas geométricas representando os sons


de palavras inventadas

Vamos continuar brincando com sons. Mas agora não teremos figuras e seus
nomes falados. Em vez de nomes de coisas que existem, vamos inventar nomes que
não existem e representá-los com formas geométricas, mantendo o final constante
para formar rimas.

Alfabetizacão fônica 37
Atividade 25. Re vi s ão das le tr as já apr e ndidas

a) Vamos recordar todas as letras que já aprendemos. Olhem o quadro abaixo. Vamos
dizer o som de cada letra. Depois vamos completar o quadro, unindo as letras e
escrevendo as sílabas correspondentes. Em seguida vamos ler as sílabas formadas.

A E 1 o u ÃO

b) Agora vamos completar o alfabeto com as letras que já aprendemos.

- B - C - D - - G - H - - K - L -

_ - _ - P - Q - R - S - T - V - W - X - Y - Z

c) Vamos fazer uma atividade de ditado. A professora vai dizer algumas palavras e
vocês devem escrevê-las no caderno.

38 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


d , \�amos ler as palavras e desenhar o que elas representam.

FEIJÃO

MÃO

Atividade 26. Rima: escolha da terminação que rima com a palavra ouvida

Agora vamos fazer um jogo oral em que três alunos vão representar três diferen­
tes terminações de palavras, ou seja, três rimas. Os demais alunos deverão classificar
as palavras faladas pela professora dizendo com qual das três rimas cada palavra
combina.

Alfabetização Jônica 39
Atividade 27. Introdução da letra V

Agora vamos conhecer a letra Ve o seu som "v" .

V V

a) Vejam estas figuras. Vamos dizer, juntos, o nome de cada uma delas. Depois vamos
circular e colorir as figuras que têm nome começando com o som "v" .

40 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


b) Agora vamos circular as palavras que começam com a letra V.

martelo Wu . .
Viajar VER

i

A

GALINHA vovo

VALENTE parede � DEDO

voar
� roda ANO

� fino V IOLETA '\JO.CQ

VAGÃO
. ,
vmva � BOI

c) Vamos juntar a letra V com cada uma das vogais, escrevendo as sílabas resultantes
no caderno.

d) Vamos ler a Ficha de leitura da letra V, que está no fim do livro.

e) Agora vocês vão ler este texto, com a professora. Depois, vão circular as palavras
que começam com a letra V.

Através da vidraça, vovó viu a chuva vindo velozmente. / 111,1� � �1;/


/ l 1 J l/ /1
1/ � li � I/

Viu também, lá fora, as roupas no varal balançando e virando ao vento.

Vovó recolheu as roupas do varal antes que a chuva viesse com o vento forte.
Texto criado para esta obra.

Alfabetização Jônica 41
f) Agora vej am estas figuras e seus nomes. Observem que estão faltando algumas
letras. Vamos completar os nomes escritos com as letras que faltam.

DRO STIDO N A GR E GE M

"'

RGONH A L E IBOL CA D E OG A M E

T AR N E NO

OLÃO ADO C INA LA

A tividade 28. Alitera ção: produção oral de pala vras que alitera m

Vamos ver que há palavras que começam com o mesmo som, ou sej a, que
aliteram. Elas aparecem nas músicas e nas estórias. Nós podemos brincar com elas,
dizendo palavras que combinam umas com as outras.
42 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla
Atividade 29. Introdução da letra Z

Agora vamos conhecer a letra Z e o seu som "z".

z z

a) Vej am estas figuras. Vamos dizer, juntos, o nome de cada uma delas. Agora vamos
circular e colorir as figuras que têm nome começando com o som "z".

Alfabetização Jônica 43
b) Agora vamos circular as p alavras que começam com a letraZ.

rr
,

japonês AGUA zoológico

zinco ZELAR � AZUL

GA TO
� zebra

F c mza zumbido diário


r
,

ZIPE R L ™ÃO

filho ZAGA
rrur ZO RRO

c) Vamos juntar a letraZcom cada uma das vogais, escrevendo as s ílabas resultantes
no caderno.

d) Vamos ler a Ficha de leitura da letra Z, que está no final do livro.

e) Agora vamos reco rtar de revistas e jornais palavras i niciadas comZe, em seguida,
colar essas palavras no quadro ab aixo.

44 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


f.1 Agora vamos ler as palavras do quadro a seguir e observar cuidadosamente onde
está a letra Z em cada palavra. Vocês devem colorir as palavras ou de vermelho, ou
de verde, ou de azul.

Instruções:
Pintem a palavra de vermelho quando a primeira letra for Z.
Pintem de azul quando a última letra for Z.
Pintem de verde quando a letra Z estiver pelo meio (isto é, quando Z não for nem
a primeira nem a última letra).

1 ZEBRA CINZA ZANGADO ZINCO

1
'

ARROZ VEZ ZÍPER AZEDO


1

1
1 faz zangão capuz fazer

1 zoológico zebu desprezar foz


'

'
J� f1 T T

� + r rF

g;)l1 Agora vej am estas figuras e seus nomes. Observem que estão faltando algumas
�-Vamos completar os nomes escritos com as letras que faltam.

PER OLÓG ICO BRA RRO

,,111//111111/11111"::::·:.� lo fónica 45
Atividade 30. Aliteração: complementação de palavras escritas que aliteram

Olhem as figuras a seguir. Os nomes de todas estas figuras começam do mesmo


jeito, com "ma". Vamos completar os nomes escritos das figuras com as letras que
estão falta ndo.

_
ÇÃ CHU C AD O DE I R A

GICO R I NHE I R O CA CA

D RU G A D A _ _ QU I N A GRO

46 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


Atividade 31. Revisão das letras já aprendidas

Vamos recordar as letras que já aprendemos.

a) Vamos ver o quadro abaixo e dizer o som de cada letra. Depois vamos completar o
quadro, unindo as letras e escrevendo as sílabas correspondentes . Depois de fazer
isso, vamos ler as sílabas formadas.

A E 1 o u ÃO

b) Agora vamos completar o alfabeto com as letras que já aprendemos.

-B-C-D- -G-H- -K- L -

_-_- P - Q - R - S - T -_-_ -W-X-Y-

e) Vamos fazer agora uma atividade de ditado. A professora vai dizer algumas pala­
vras e vocês devem escrevê-las no caderno.
:\lfabetização Jônica 47
d) Agora vejam estas figuras e seus nomes. Observem que estão faltando algumas
letras. Vamos completar os nomes escr itos com as letras que faltam.

S_ - - C T D Ó e

B L_ _ _ T L s L

D L

e T p R

Atividade 32. Aliteração: classificação de figuras conforme o início de seus


nomes falados

A pro fessora vai d istr ibu ir desenhos cujos nomes começam com um dentre três
in íc ios d iferentes. Vocês irão juntar os desenhos que têm nome começando da mes ­
ma forma.
48 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla
Atividade 33. Introdução da letraL

Agora vamos conhecer a letraL e o seu som "l".

L 1

a) Vejam estas figuras. Vamos dizer, juntos, o nome de cada uma delas. Depois vamos
circular e colorir as figuras que têm nome começando com o som "l".

4\.�i.a.betização Jônica 49
b) Agora vamos circular as palavras que começam com a letra L.

F
/

LA bota L UA

� LUTA too lata

lixo ..canna. FEL IZ lei te

limão
� ovo SO L

FOCA LEIA
� �

livr aria oca LULA


r

c) Vamos juntar a letra L com ca da uma das vogais , escreven do as s ílabas resultantes
no cade rno.

d) Vamos ler a Ficha de leitura da letra L, que está no fim do livro.

e) Agora vamos ler as palavras escritas abaixo , prestan do atenção em como essas
palavras começam. Vamos escrever a letra i nicial das palavras nos qua dra dinhos
logo ao lado delas , m anten do o mesmo t ipo de letra: m aiúscula de forma , m aiúscula
cursiva ou min úscula cursiva .

...._L_ÍN_a_u_A
_ _...._ __.I
..._

LAMA

50 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


f) Agora vejam estas figuras e seus nomes. Observem que estão faltando algumas
letras. Vamos completar os nomes escritos com as letras que faltam.

MÃO PI S BO

�R�
u
___ __

/J�
VAS TA z I TE

_ _ R A NJ A
� ÃO USA VRO

N CHE LA RE IRA

Atividade 34. Aliteração: manipulação de formas geométricas representando


os sons de palavras
Neste jogo, a professora vai escrever as palavras de um jeito diferente, com
formas geométricas. Vocês vão perceber que as palavras que começam com o mes­
mo som são escritas com a mesma forma geométrica.
A professora mostrará algumas palavras em que cada sílaba é representada por
uma forma geométrica.
Por exemplo, a palavra "sapo", que ela mostrará em uma figura, tem a sílaba "sa"
representada por uma estrela, e a sílaba "po" representada por um círculo.
Depois, vocês verão que várias palavras podem ser formadas mudando apenas a
forma geométrica final.
Alfabetização Jônica 51
Atividade 35. Introdução da letra S

Agora vamos conhecer a letra S e o seu som "s".

s s

a) Vejam estas figuras. Vamos dizer, juntos, o nome de cada uma delas. Depois vamos
circular e colorir as figuras que têm nome começando com o som "s".

52 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


b) Agora vamos circular as palavras que começam com a letra S.

trmn B OTA sopa �

SINAL �
� seguro

bacia SUA SACO .hJJ.JJ7

GALO moça � PANELA

h..ô'T\.ô" amarelo SALA caixa


. .

susto SUJerra SENHORA

c) Vamos juntar a letra S com cada uma das vogais, escrevendo as sílabas resultantes
no caderno.

d) Vamos ler a Ficha de leitura da letra S, que está no fim do livro.

e) Agora vocês vão ler este texto, com a professora. Depois, vão circular todas as
letras S que aparecerem nas palavras.

Sílvia gosta de sorvete. Ela gosta muito do sorvete de sonho de valsa.

Sílvia sempre sonha em sair com seus amigos para tomar sorvete na sor­
veteria da esquina.

Lá eles conversam e saboreiam vários sabores de sorvete até o sol se pôr e


a noite surgir suavemente.
Texto criado para esta obra.

Alfabetização Jônica 53
f) Agora vejam es tas figuras e seus nomes. Observem que estão faltando algumas
letras. Vamos comple tar os nomes escritos com as letras que faltam.

!'
co LA NU CA CO L A

NH A R
�� R FE R ROTE LA

~ LA DA N FO N A

MA R - _ JO

Atividade 36. Aliteração: manipulação de formas geométricas representando os


sons de palavras inventadas

Vamos continuar brincando com sons. Mas agora não teremos figuras e seus
nomes falados. Em ve z de nomes de coisas que exis tem, vamos inventar nomes que
não existem e representá-los com fo rmas geom étricas, mantendo o começo constante
para formar ali teraç ões.

54 Alessandra G Seabra e Fernando C . Capovilla


Atividade 37. Revisão das letras já aprendidas

a) Vamos recordar todas as letras que já aprendemos. Olhem o quadro abaixo. Vamos
dizer o som de cada letra. Depois vamos completar o quadro, unindo as letras e
escrevendo as sílabas correspondentes. Em seguida, vamos ler as sílabas formadas.

A E 1 o u ÃO

1
s
'

b) Agora vamos completar o alfabeto com as letras que já aprendemos.

-B-C-D- -G-H- -K-

_
- _ - _ - P - Q - R -_- T - _ -_- W - X - Y -
_

e� Vamos fazer uma atividade de ditado. A professora vai dizer algumas palavras
e vocês devem escrevê-las no caderno.

.;;-'Gbetização fônica 55
d) Vej am as figuras abaixo. Vamos escrever a primeira letra de se us nomes nos
qua dra dinhos.

e) Agora ve ja m estas figuras e seus nomes. Observem que estão faltan do algumas
letras. Vamos co mpletar os nomes escritos com as letras que faltam.


d�
R TE LA BR

CI PA _ _ _ _ TE

56 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


Atividade 38. Rima e aliteração: escolha de figuras cuj os nomes rimam ou
aliteram com um modelo

Vej am as figuras abaixo. Há um desenho na parte de cima: é uma cadeira. Há


também vários desenhos na parte de baixo: cabide, bruxa, golfinho, tartaruga, cader­
no, caju, cachorro e sanfona.

Vamos colorir as figuras que têm nomes iniciados com a mesma sílaba que na
palavra "cadeira", isto é, que começam com "ca" .

Ji.,..;:"abetização Jônica 57
Vejam as figuras abaixo. Há um desenho na parte de cima: é um tubarão. Há
também vários desenhos na parte de baixo: urso, televisão, uva, dinheiro, pavão,
balão, xícara, mão, sino, violão, pião e gelo. Vamos colorir as figuras que têm nomes
terminando do mesmo modo que na palavra "tubarão", isto é, terminando com "ão".

lll

58 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


Atividade 39. Introdução da letra R

Agora vamos conhecer a letra R e o seu som "R".

R r

R
a) Vejam estas figuras. Vamos dizer, juntos, o nome de cada uma delas. Depois vamos
circular e colorir as figuras que têm nome começando com o som "R".

_[

m �1 ..L

Alfabetização Jônica 59
b) Agora vamos circular as palavras que começam com a letra R.

RUA reu panela JABUTI

mala JACA � régua

r � RAIO �

J1.J!.fTTtô" BALA copo RIO

saia ru.im.o- REI rã

ROSTO roeu
ruir F

c) Vamos juntar a letraR com cada uma das vogais, escrevendo as sílabas resultantes
no caderno.

d) Agora vamos ler a Ficha de leitura da letra R, que está no fim do livro.

e) Vamos ler as palavras abaixo. Elas começam com a letra R. Vamos desenhar o que
cada palavra representa.

REI ROUPA RAIO

60 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla �


f) Agora vej am estas figuras e seus nomes. Observem que estão faltando algumas
letras. Vamos completar os nomes escritos com as letras que faltam.

SA TO IN HA BÔ

A DO co MÉD I O

DA ZA R


POSA LÓGIO MA R

Atividade 40. Consciência silábica: marcação de sílabas em canções

Nós j á aprendemos que as frases podem ser divididas em palavras. Agora vamos
ver que as próprias palavras também po dem ser divididas em pa rtes menores, que
são as sílabas. Vamos fazer o jogo oralmente com a professora.

Vamos cantar algumas m úsicas, batendo palmas a cada sílaba fa lada.


Alfabetização Jônica 61
Atividade 41. Introdução da letra X

Agora vamos conhecer a letra X e o seu som "x".

X X

X X

a) Vej am estas figuras . Vamos dizer, juntos, o nome de cada uma delas. Depois vamos
circular e colorir as figuras que têm nome começando com o som "x".

-- --!...:-
!'
b) Agora vamos circular as palavras que começam com a letra X.

XALE xampu oc& BRINQUEDO

'.X.2.TlôX AZUL x1cara ventilador

APAGA DO R
r+ XERETA

,
gelo lilás X%.X:lli k

DJIJii.5.f:r
/

XARA macaco XADREZ

. .
x mg ar ffTl.ÇO. LUZ X1X1

c) Vamos juntar a letraX com ca da uma das voga is , escreven do as s ílabas resultantes
no cade rno .

d) Vamos ler a Ficha de leitura da letra X, que está no fim do livro .

e) Agora le iam , com a professora , o texto a seguir. Depois , vocês vão circular as
palavras que contêm a letraX.

Vovô Xavier jogava xadrez com seu xará, o xerife, quando levou um xeque.
Então foi buscar a xepa para o jantar: xinxim, xerém, maxixe, abacaxi e mexerica.
Enquanto cuidava da netinha Xuxa, seu xodó, vovó Xênia costurava um
xergão e ouvia um xaxado, mas acabou indo à sala molhar o xaxim de
. .
x1quexique.
Depois de fazer xixi, a baixinha Xuxa, que é muito xereta, deixou o xererê
e a bexiga de lado e foi mexer na xícara de xarope de ameixa do vovô Xavier.

Quando a vovó Xênia percebeu . . . já era tarde demais !


- Xi ! Puxa vida ! - disse vovó Xênia, que não gosta nada de desleixo .
A xeretinha tinha virado a xícara de xarope no xale xadrez, que foi para o lixo.
Mas quando viu o xale, em vez de xingar, vovó Xênia sorriu e fez a faxina.
Texto criado especialmente para esta obra.

Alfabetização Jônica 63
f) Agora vej am estas figuras e seus nomes. Observem que estão faltando algumas
letras. Vamos completar os nomes escritos com as letras que faltam.

D REZ CA RA M PU RO PE

R I FE CA I RET A LI

PE I FA NA ME R I CA B RU

Atividade 42. Consciência silábica: contagem de sílabas em nomes próprios

Neste j ogo, vamos bater palmas a cada sílaba do nosso nome. Depois, vamos
contar quantas sílabas cada nome tem. Então vamos classificar todos os nomes num
quadro, conforme o número de sílabas.
64 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla
Atividade 43. Revisão das letras já aprendidas

a) Vamos recordar todas as letras que já aprendemos. Olhem o quadro abaixo. Vamos
dizer o som de cada letra. Agora vamos completar o quadro, unindo as letras e
escrevendo as sílabas resultantes. Depois de fazer isso, vamos ler as sílabas formadas.

A E 1 o u ÃO
F

b' Agora vamos completar o alfabeto com as letras que já aprendemos.

- B -C-D- -G-H- -K-

_-_- P - Q -_-_- T -_-_- W -


_
- Y -
_

,.;: 1 Yamos fazer uma atividade de ditado. A professora vai dizer algumas palavras e
Yocês devem escrevê-las no caderno.

·•1 ... :"':;}oetização Jônica 65


d) Vejam o exemplo abaixo. Vamos seguir o exemplo e continuar juntando as letras
para formar as pala vras.

1-i-m-ã-o JLvmoo S-U-J-0

m- e - n - 1- n - a r -i - f - a

v-i - o -1 -i - n - o r-e-1

e) Vamos ler as pala vras e desenhar o que elas represent am.

SOF A NAVIO

J ANELA LIXO

66 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


t) Agora vejam estas figuras e seus nomes. Observem que estão faltando algumas
letras. Vamos completar os nomes escritos com as letras que faltam.

B C _ _ _ BU PI

SE _ _ _ _ RO e e D

T N p

Atividade 44. Consciência silábica: contagem de sílabas durante a nomeação


oral de figuras

Neste jogo, vocês continuarão verificando quantas sílabas as palavras têm. Ini­
cialmente vamos dizer o nome de algumas figuras que a professora vai mostrar e
depois vamos contar quantas sílabas essas palavras têm.

A.Jfabetização jônica 67
Atividade 45. Introdução da letra B

Agora vamos conhecer a letra B e o seu som "b".

B b
B
a) Vejam estas figuras. Vamos dizer, juntos, o nome de cada uma delas. Depois vamos
circular e colorir as figuras que têm nome começando com o som "b".

68 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


b) Agora vamos circular as palavras que começam com a letra B.

bela BOIA bicicleta


F

r
,.

BABA B EATRI Z

k dente
� vestido

lata � BOA �

k CAD ERNO bombom TAPET E

FITA boba PENTE bondade

c) Vamo s juntar a letra B c o m c ada uma das vogai s , escrevendo as sílabas


correspondentes no caderno .

d) Vamos ler a Ficha de leitura da letra B, que está no fim do livro.

e) Agora vamos ler as palavras escritas nos retângulos abaixo. Observem que todas
elas têm a letra B. Depois , v amos separar as sílabas das palavras , escrevendo
cada sílaba em um quadradinho. Finalmente, vamos pintar os quadradinhos que
contêm sílabas com a letra B.

1 bola
1 rabo

l umbigo
1 1 boneca

acabar

Jii.1;fobetiz.ação Jônica
1 1 abacaxi

69
f) Agora vejam estas figuras e seus nomes. Observem que estão faltando algumas
letras. Vamos completar os nomes escritos com as letras que faltam.

LO LA co DE

TOM R R IG A _RÇO ZINA

LANÇA NÓ C U LO _ _LANÇAR RRO

q
SSOLA G OD E LA O FALO

Atividade 46. Consciência silábica: contagem de sílabas e classificação de


figuras conforme seu comprimento

Neste jogo, também vamos contar quantas sílabas os nomes de algumas figuras
têm. Depois vamos colocar cada figura em caixas marcadas com os números 1, 2 ou
3 , de acordo com o número de sílabas dos seus nomes.
70 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla
Atividade 47. Introdução da letra C

Agora vamos conhecer a letra C e o seu som "c" ("k"). A letra C só tem esse som
quando é seguida das vogais A,O e U, mas não quando é seguida das vogais E e 1.

e e

e
a1 Vej am estas figuras. Vamos dizer, juntos, o nome de cada uma delas. Depois vamos
circular e colorir as figuras que têm nome começando com o som "c".

���
u
___ ___

/j\

\ 1
Alfabetização jônica 71
b) Agora vamos circular as palavras que começam com a letra C.

� FEIA figura
I •

..arom..oJU.ô'

CARROÇA fazenda
r CAIU

boia
fr CAMA cola

� PENTE
� �
balanço � comida CUPIM

CACO coruJa CUIDADO garrafa

c) Vamos juntar a letra C com as vogais A , O e U , e screvendo as sílabas


corre spondente s no caderno .

d) Agora vamos ver os desenhos abaixo e ler seus nomes escritos. Depois vamos
colorir apenas os animais cujos nomes começam com a letra C.

CACHORRO JACARÉ CAMUNDONGO MACACO

o nça camelo co ruJa polvo

~�
72 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla
e) Vamos ler a Ficha de leitura da letra C, que está no final do livro.

f) Agora vejam estas figuras e seus nomes. Observem que estão faltando algumas
letras. Vamos completar os nomes escritos com as letras que faltam.

L AR RA CO L N CHA GUME LO

STE L O B IDE RTAR D E IRA

_ _ JU VA L I NHO RRE NTE N G URU

STU RA R MA RÃO E CA BRA

Alfabetização Jônica 73
Atividade 48. Consciência silábica: jogo do percurso

Vamos brincar com um jogo do percurso. Para isso, vocês precisarão do tabulei­
ro abaixo, peões coloridos e um montinho de cartas, cada uma com o desenho de um
objeto.

Cada um de vocês terá um peão colorido e deverá tirar uma carta da pilha e olhar
qual é a figura da carta. Então, deverá andar no percurso o número de sílabas que o
nome da figura tiver.

Por exemplo, quem tirar a carta que tem o desenho de um copo, deve andar duas
casas com o peão, porque a palavra "copo" tem duas sílabas.

Se o peão parar em uma casa que tem um texto, você deverá fazer o que está
indicado no texto.

Você precisa
cortar o cabelo!
Volte duas casas!

O
- -

gênio vai
ajudar você!
Avance duas casas.

Você pegou carona


em um avião!
Avance uma casa.

"711 Alo<<m11lrn r; ,(\pnhrn p PPrnnndn r.. rnnnvilla


Atividade 49. Revisão das letras já aprendidas

a) Vamos recordar todas as letras que já aprendemos. Olhem o quadro abaixo. Vamos
dizer o som de cada letra. Agora vamos completar o quadro, unindo as letras e
escrevendo as sílabas resultantes. Depois de fazer isso, vamos ler as sílabas formadas.

A E 1 o u ÃO
F
J
M
N
V
z
L

s
R
X
B
e

b) Agora vamos completar o alfabeto com as letras que já aprendemos.

-D- - G - H - - K -

_ - _- _ - P - Q - _ - _ - T - _ - _ W - _- Y -_

e) Vamos fazer uma atividade de ditado. A professora vai dizer algumas palavras
e vocês devem escrevê-las no caderno.

11,.]fabetização Jônica 75
d) Vamos ler este texto. É a letra de uma m úsica que vocês conhecem.

A CASA

ERA UMA CASA NINGUEM PODIA


,,

MUITO ENGRAÇADA FAZER PIPI


NÃO TINHA TETO PORQUE PINICO
NÃO TINHA NADA NÃO TINHA ALI

NINGUÉM PODIA MAS ERA FEITA


ENTRAR NELA, NÃO COM MUITO ESMERO
PORQUE NA CASA NA RUA DOS BOBOS
NÃO TINHA CHÃO NÚMERO ZERO

NINGUÉM PODIA

DORMIR NA REDE

PORQUE NA CASA

NÃO TINHA PAREDE

Vinicius de Moraes . A arca de Noé. São Paulo : Companhia das Letrinhas, 1991, p. 28 .
Direitos autorizados por VM Empreendimentos Artísticos e Culturais Ltda., © VM E;
© Cia. das Letras (Editora Schwarcz)

Agora vamos ou vir a m úsica.


76 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla
A seguir vocês têm algumas figuras de coisas que aparecem na música. Vamos
escrever o nome das figuras!

Atividade 50. Consciência silábica: adição e subtração de sílabas

Vamos escrever as palavras usando formas geométricas para representar as síla­


bas. Depois, vamos observar que podemos formar novas palavras se retirarmos ou
adicionarmos outras sílabas. Vamos fazer o jogo na lousa com a professora.

!lffabetização Jônica 77
Atividade 51. Introdução da letra P

Agora v amos conhecer a let ra P e o seu som "p".

p p

f
a) Vejam estas figuras. Vamos dizer, juntos , o nome de cada uma delas. Depois vamos
c ircular e colorir as figuras que t êm nome começando com o som "p" .

• o o

"

78 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


b) Agora vamos circular as palavras que começam com a letra P.


,,

botão PE doente

FOTO
� pião k

rL ouro PAI JATO

PEDRO PANELA
rk FILME

lixo � PERA papo

pipa boto �
rmn
e) Vamos juntar a letra P com cada uma das vogais, escrevendo as sílabas
correspondentes no caderno.

d) Vamos ler a Ficha de leitura da letra P, que está no fim do livro.

e) Agora vamos usar jornais e revistas para procurar cinco palavras que começam
com a letra P. Vamos recortar e colar essas palavras no quadro abaixo. Depois,
vamos contar o número de letras em cada uma dessas palavras e escrever esse
número ao lado dela, no retângulo correspondente.

�iabetização jônica 79
f) Agora vejam estas figuras e seus nomes. Obser vem que estão faltando algumas
letras. Vamos completar os nomes escritos com as letras que faltam.

11 �

POCA RCO NA

DIM P AG A I O PA A

4 ( )�
DEIRO XAR TECA NTOR

L T R O NA RU DREIRO MB A

Atividade 52. Consciência silábica: síntese de sílabas


Agora vamos nos sentar formando um círculo para brincar do jogo Teia de
Aranha. A professora segura um no velo de lã. Ela diz uma pala vra de vagar, separan ­
do uma das sílabas. Assim: " ma-caco" . Depois , diz a pala vra inteira: "macaco" .
Passa o no velo para um aluno em qu alquer ponto da roda , mas continua segur ando a
ponta da linha. O aluno repete as duas p artes e forma a pala vra , segurando a sua p arte
da linha. Se não conseguir dizer a pala vra , a professora vai a judá-lo. A professora diz
outro conjunto de s ílaba -pala vra e esco lhe outro aluno. E assim por diante.
Cada aluno que responder vai segurar uma parte da linha , at é se formar uma teia
de aranha. Ao final , todos cantam a m úsica Dona Aranha.
80 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla
Atividade 53. Introdução da letra D

Agora vamos conhecer a letraD e o seu som "d".

D d

a) Vejam estas figuras. Vamos dizer, juntos, o nome de cada uma delas. Depois vamos
circular e colorir as figuras que têm nome começando com o som "d".

A./fabe?ização Jônica 81
b) Agora vamos circular as palavras que começam com a letraD.

� BANDEIRA doeu �

decisão aDJO DINOSSAURO COPO

PEITO � 1TlQh.O. doido


rt dinamite �

� AMENDOIM � fantasma

,.

DIA pão DODOI SERRA

c) Vamos juntar a letra D com cada uma das vogais, escrevendo as sílabas
correspondentes no caderno.

d) Vamos ler a Ficha de leitura da letra D, que está no fim do livro.

e) Vamos circular no texto a palavra DOCE toda vez que ela aparecer. Depois, vamos
escrever no quadrado o número de vezes que a palavra DOCE apareceu.

O doce perguntou ao doce

qual é o doce mais doce.

E o doce respondeu ao doce

que o doce mais doce

é o doce de batata-doce.

82 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


f) Agora vejam estas figuras e seus nomes. Observem que estão faltando algumas
letras. Vamos completar os nomes escritos com as letras que faltam.

DOS CE

SCANSAR R IG I R

--'"'

o

DAL RD O RRETER SCASCAR

(])<:?

e{g
MAS
-U ...___

S C A RG A
- ---._\
@0
1 \ \//�
R R UB A R

Atividade 54. Consciência silábica: transposição de sílabas

Vamos continuar a usar formas geométricas para escrever as sílabas das palavras.
Depois, vamos falar as palavras de trás para frente, invertendo as sílabas para criar
novas palavras. Por exemplo : fa-ço [so-fá]; ver-de [de-ver].
Vamos fazer o jogo na lousa com a professora.

Alfabetização jônica 83
Atividade 55. Revisão das letras já aprendidas

a) Vamos recordar todas as letras que já aprendemos. O lhem o quadro abaixo. Vamos dizer
o som de cada letra. Depois vamos completar o quadro, unindo as letras e escrevendo as
sílabas correspondentes. Depois de fazer isso, vamos ler as sílabas formadas.

A E o u AO
-

F
J
M
N
V
z
L
s
R
X

B
e
p
D

b) Agora vamos completar o alfabeto com as letras que já aprendemos .

- G - H - -K-_ -

-_ -

_ - _ - Q -

_ -_ - T - _ - _ - W -

_ - Y - _

c) Vamos fazer uma atividade de ditado. A professora vai dizer algumas palavras e
vocês devem escrevê-las no caderno.

84 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


d) Vamos olhar as figuras abaixo e procurar no diagrama o nome dessas figuras.

E D o M 1 N o 1
B A L E 1 A R N
V D p 1 p o e A
p M u L E Ã o G

J e F A D A R p

e) Vamos escrever o nome destas figuras nas linhas.

Atividade 56. Identidade fonêmica : identificação do mesmo fonema em


palavras diferentes

Neste jogo, vocês verão que existem palavras que começam com o mesmo som.
Nas estórias e nas músicas, por exemplo, podemos encontrar várias palavras que
começam da mesma forma. A professora vai contar uma estória para vocês identifica­
rem as palavras que começam com o mesmo som.

Alfabetização jônica 85
Atividade 55. Revisão das letras já aprendidas

a) Vamos recordar todas as letras que já aprendemos. Olhem o quadro abaixo. Vamos dizer
o som de cada letra. Depois vamos completar o quadro, unindo as letras e escrevendo as
sílabas correspondentes. Depois de fazer isso, vamos ler as sílabas formadas.

A E 1 o u ÃO
F
J
M
N
V I

z
L
s
R
X

B
e
p
D

b) Agora vamos completar o alfabeto com as letras que j á aprendemos.

- G - H - -K-_ -

-_ - _ - _ - Q - _ - _ - T - _ - _ - W - _ - Y - _

c) Vamos fazer uma atividade de ditado. A professora vai dizer algumas palavras e
vocês devem escrevê-las no caderno.

84 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


d) Vamos olhar as figuras abaixo e procurar no diagrama o nome dessas figuras.

E D o M 1 N o 1
B A L E 1 A R N
V D p 1 p o e A
p M u L E Ã o G
J e F A D A R p

e) Vamos escre ver o nome destas figuras nas linhas.

Atividade 56. Identidade fonêmica: identificação do mesmo fonema em


palavras diferentes

Neste jogo , vocês verão que existem pala vras que começam com o mesmo som.
Nas estórias e nas m úsicas, por exemplo, podemos encontra r várias palavras que
começam da mesma forma. A professora va i contar uma estória para vocês identifica ­
rem as palavras que começam com o mesmo som.

Alfabetização Jônica 85
Atividade 57. Introdução da letra T

Agora vamos conhecer a letra T e o seu som "t".

T t

1
a) Vejam estas figuras. Vamos dizer, juntos, o nome de cada uma delas. Depois vamos
circular e colorir as figuras que têm nome começando com o som "t".

86 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


b) Agora vamos circular as palavras que começam com a letra T .

COLEGA tm& tesoura �


,,

lanche TAMANDUA noite

tudo TORNEIRA Wak PLANTA


,,

gelo SITIO gaiola

COMIDA & toca TAPETE

JOgo ALMOFADA � k

e) Vamos juntar a letra T com cada uma das vogais, escrevendo as sílabas corres­
pondentes no caderno.

d) Vamos ler a Ficha de leitura da letra T, que está no fim do livro .

e) Agora vamos ler este texto . Depois , v amos circular todas as palavras que
começam com a letra T .

~ 4�
O tatu teimoso faz sua toca escavando buracos na terra.

O tatu tem unhas compridas e afiadas , e uma carapaça


muito dura para proteção contra tudo que tem no mato .

No sítio da tia Teres a há muito s tatu s , tucanos , tartaru­


gas e tamanduás , mas prefiro o tico-tico .

Texto criado especialmente para esta obra.

Alfabetização Jônica 87
f) Agora vejam estas figuras e seus nomes. Obser vem que est ão faltando algumas
letras. Vamos completa r os nomes escritos com as letras que faltam.

IA B AR Ã O LE V IS Ã O M AD A

P E TE GRE M ANDUÁ RN E IRA

M A TE IM OS O UR O RR ADA

M B OR C AN O FÃ O N IS

Atividade 58. Identidade fonêmica : identificação do fonema inicial para


classificação de figuras

A pro fessora vai dis tribuir desenhos cujos nomes começam com um dentre três
sons di ferentes. Vamos juntar os desenhos que têm nome começando com o mesmo
som.
88 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla
Atividade 59. Leitura de texto: As tias

Vamos ler este texto que fala sobre as tias.

As tias

A tia Catarina
cata a linha.

A tia Teresa
bota a mesa.

A tia Ceição
amassa o pão.

A tia Dora
,,
so namora.

A tia Maria
dorme de dia.

A tia Salima
fecha a rima.

Elias José. Namorinho no portão.


S ão Paulo: Moderna, 1 9 86.

Alfabetização Jônica 89
Gostaram da estória? Agora desenhem, no espaço abaixo, uma das tias de que
fala o poema e escrevam o nome dela.

Nome da tia:

Atividade 60. Identidade fonêmica: dominó com figuras

Vamos jogar dominó? Só que esse dominó n ão é de n úmeros, é de figuras. Vocês


v ão juntar as peças que tenham figuras com nomes começando com o mesmo som,
como por exemplo "morango" e "moeda". A professora vai distribuir as c artas do
JOg O.

90 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


Atividade 61. Introdução da letra G

Agora vamos conhecer a letra G e o seu som "g" . A letra G só tem esse som
quando é seguida das vogais A, O e U, mas não quando é seguida das vogais E e 1.

G g

a) Vejam estas figuras. Vamos dizer, juntos, o nome de cada uma delas . Depois vamos
circular e colorir as figuras que têm nome começando com o som "g".

Alfabetização Jônica 91
b) Agora vamos circular as palavras que começam com a letraG.

GOLA � camelo galão

titia GADO
� �

r � gago TOCA

GOTA banca SAPATO


rnn

rb
.
,,

relógio GARRAFA armano

M_ PATO galho CAIXOTE

c) Vamos juntar a letra G com cada uma das vogai s , escrevendo as sílabas
correspondentes no caderno .

d) Vamos ler a Ficha de leitura da letra G, que está no fim do livro.

e) Agora vejam estas figuras e seus nomes escritos, logo abaixo delas. Observem
bem as quatro palavras escritas. As quatro palavras são iguais em tudo, menos em
uma letra. Em cada palavra, vocês vão fazer um círculo em tomo da única letra que
é diferente das demais palavras.

gato mato pato rato

92 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


f) Agora v ejam estas figuras e s eus nom es. Observ em que est ão faltando algumas
letras. Vamos completar os nom es escritos com as l etras qu e faltam.

L FE TA LO LA

NS O IAB A L OS O L F I NH O

M BÁ IT A TA V ET A

LE IR O RF O TO RR O

.Alfabetização Jônica 93
Atividade 62. Identidade fonêmica: escolha de figuras cujos nomes comecem
com o mesmo som de um desenho modelo

Vejam as figuras ab aixo. Há um desenho na p arte de cima: é um na vio. Há tam ­


b ém vários desenhos na parte de baixo: injeção , ne ve , la var , tênis , Natal , nó, ab ridor,
nenê , nadar, trator, nariz e nozes.

Vamos colorir as figuras que têm nomes começando com o som "n" , como na
pala vra "na vio".

94 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


Atividade 63. Revisão das letras já aprendidas

a) Vamos recordar todas as letras que já aprendemos. Olhem o quadro abaixo. Vamos
dizer o som de cada letra. Depois vamos completar o quadro, unindo as letras e
escrevendo as sílabas resultantes. Depois de fazer isso, vamos ler as sílabas formadas.

A E 1 o u AO
F
J
M
N
V
z
L
s
R
X
B
e -- --

p
D
T
G -- --

b) Agora vamos completar o alfabeto com as letras que já aprendemos.

-H- -K-

_-_-_- Q -_-_-_-_-_- W -_- Y -_

e l Vamos fazer agora uma atividade de ditado. A professora vai dizer algumas pala­
vras e vocês devem escrevê-las no caderno.

�Uàbetização Jônica 95
d) Agora vamos escre ver o nome das figuras abaixo com os dois tipos de letra , de
forma mai úscula e cursi va min úscula , conforme o exemplo.

FOGO

Atividade 64. Consciência fonêmica : correção de palavras com trocas


fonêmicas

Agora vamos brincar de fantoche. Mas este fantoche ainda não sabe falar direito ,
ele fala algumas pala vras de modo errado. Quando ele falar alguma coisa de modo
errado , vocês terão de corrigir, pronunciando a pala vra corretamente.
A professora t rará fantoches.
Vamos começar !
96 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla
Atividade 65. Introdução da letra Q

Agora vamos conhecer a letra Q e o seu som "q" . Observem que essa letra tem o
mesmo som da letra e.
Então, o som "c" é escrito com a letra C quando vem seguido dos sons "a" e "o"
(como em CASA e CORUJA) . O som "c" é escrito com as letras QU quando vem
seguido de "e" e "i" (como em QUEIJO e QUIABO). Quando o som "c" é seguido
do som "u", às vezes ele é escrito com C (como em CURIOSO) e, às vezes, com Q
(como em QUARTO) .

Q q
Q
4
a) Vamos ler e cantar uma música. Nesta música há várias palavras que contêm a
sílaba QUE. Por exemplo: "bosque", "quero" e "porque" .

NESTA RUA
NESTA RUA, NESTA RUA SE EU ROUBEI, SE EU ROUBEI
TEM UM B OSQUE TEU CORAÇ ÃO,
QUE SE CHAMA, QUE SE CHAMA TU ROUBASTE, TU ROUBASTE
SOLID ÃO . O MEU TAMB ÉM.

DENTRO DELE, DENTRO DELE SE EU ROUBEI, SE EU ROUBEI


MORA UM ANJO TEU CORAÇ ÃO,
QUE ROUBOU, QUE ROUBOU É PORQUE, É PORQUE
MEU CORAÇ ÃO. TE QUERO BEM.

iijJ& !?q JJ 1 U IJ l2J23 iO 1 J


Do folclore brasileiro

:r 1 i JJ l(f§fJ 1
� .

i!fíbh&tb e J'.J O'I r J

Alfabetização Jônica 97
b) Vejam estas figuras . Vamos dizer, juntos, o nome de cada uma delas . Depois
vamos circular e colorir as figuras que têm nome começando com o som "q".

c) Agora vamos circular as palavras que começam com a letra Q.

I •

QUINTA lata mar



� QUEBRADO janela

Jovem quilo QUEIJO �



/

QUINZE RATO

� BOTA mago QUILÔMETRO

papai
rmh ROS A quiabo

98 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capoi'ill.a


d) Vamos juntar a letra Q com UE e UI, escrevendo as sílabas correspondentes no
caderno.

e) Vamos ler a Ficha de leitura da letra Q em QUE e QUI, que está no fim do livro.

f) Agora vamos ler as palavras destas colunas. Notem que algumas destas palavras
começam com a letra Q e outras não. Vamos ligar a letra Q às palavras que
começam com essa letra.

QUEST Ã O

vestido QUI ABO

queimado tomate

Q, q, 4 QUINDIM

que1 Jo din amite

REPOLHO COSTUME

QUÍMICA p êssego

Alfabetização jônica 99
g) Agora vejam estas figuras e seus nomes. Observem que estão faltando algumas
letras. Vamos completar os nomes escritos com as letras que faltam.

15
ES LO ___ BRA-CABEÇA LO - - -
NZE

r.1
�(:Z -O (j
ó ô ô
��

� �
'- 6.11 ey

_ _ _ IJ O IX O - - -
RER - - -
NTE


A BO _ __ BR AD O IM AR C A_ _ _

Atividade 66. Consciência fonêmica: síntese de fonemas ri''L


; ii'
.Q
'

��
y,

Nesta at ivida de, vamos cont inuar brincan do com fantoches. Este
fantoche ta mbém não sabe falar direito, ele pronuncia as p alavras se-
par ando-as em sons. Por exemplo, "b-oneca", em ve z de "boneca".
1(___
\.� _
#

Vamos assistir à peça do teatro de fantoches corrigindo as pala ­


vras que forem pronunciadas incorretamente.

1 00 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


Atividade 67. Interpretação de texto: Susto

Vamos ler o texto abaixo e responder às perguntas.

SUSTO

UM HIPOPÓTAMO TURISTA
-É ESTRANHO MAS É VERDADE -

NO CENTRO DA CIDADE.

A RECEPCIONISTA FICOU LOUCA,


FUGIU TODA A CLIENT ELA,
E QUANDO O BICHO ABRIU A BOCA
O DENTISTA SALTOU PELA JANELA.

Sidónio Muralha. A dança dos pica-paus. S ão Paulo: Global, 1 998.

1) Qual é o título da estória?


F

2) Para onde foi o hipopótamo turista?

3) Imagine o hipopótamo na cidade e desenhe-o no espaço abaixo.

Alfabetização Jônica 101


4) O que o dentista fez ao ver a boca do hipopótamo?

5) Você já foi ao dentista?

6) Complete as frases abaixo com as palavras do quadro.

7) Agora forme frases com as seguintes palavras:

HI POPÓTAMO �������

Atividade 68. Consciência fonêmica: substituição de vogais em palavras

Vamos cantar uma música divertida, pois vamos trocar as


vogais das palavras, pronunciando-as nas línguas do A, E, 1, O e
U. Depois, vamos brincar de falar palavras nessas línguas para
nossos colegas adivinharem qual é a palavra correta !

102 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


Atividade 69. Introdução da letra H

Agora nós vamos conhecer a letraH. Essa letra, ao contrário das outras, não tem
som, mas é a letra com que escrevemos palavras como "harpa", "herói", "hino",
"hora", "humilde".

H h

a) Veja as seguintes figuras: cogumelo, hipopótamo, suco, helicóptero, almoço, ho­


mem, harpa, sanfona, alfinete, hospital, mato e balança. Vamos circular e colorir
aquelas que têm nome começando com a letra H.

l=-

Alfabetização Jônica 103


b) Agora vamos circular as palavras que começam com a letra H.

hortelã � HORA
ur
MAMÃE história BOM hino

� CART Ã O esquilo
1rili
GASOLINA hotel � HOJE

� �

JACARE hiena

esmalte � dominó DIFERENTE

c ) Vamos j untar a letra H com cada uma das vogai s , escrevendo as sílabas
correspondentes no caderno .

d) Vej am as palavras deste quadro. Copiem no caderno somente as palavras que


começam com a letra H.

HOTEL HIPOPOTAMO CAMINHÃO HIENA

BALEIA HORTELÃ ARARA HOMEM

roupa hora tempo hino

honra jaula hélice nave

fom& � w

� 'Tíl o e.a Cô"
� �

e) Vamos ler a Ficha de leitura da letra H, que está no fim do livro.

104 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilfa


f) Agora vejam estas figuras e seus nomes. Observem que estão faltando algumas
letras . Vamos completar os nomes escritos com as le tras que faltam.

l�
MEM POPÓTAMO L I CÓ PTERO S P ITA L

R PA P IS M O NEST O E NA

NO S T IA ST Ó R IA RA

Atividade 70. Consciência fonêmica: análise de fonemas

Nesta atividade , a professora vai falar uma palavra para cada um de voc ês e vai
escrev ê-la na lousa . Cada aluno deverá , então , pronunciar os sons da palavra isolada ­
mente . Depois a cl asse toda vai di zer os sons da palavra.

Alfabetização Jônica 105


Atividade 71. Introdução das letras K, W eY

Agora nós vamos conhecer as letras K, W e Y.

A letra K tem sempre o som da letra C, antes de A, O e U. Ela aparece , por


exemplo , na palavra KART (um tipo de carrinho de corrida) , que é pronunciada
"cart" .

A letra W tem o som do U (como na palavra WATT, que é pronunciada "uóte")


ou do V (como no nome WAGNER , que é pronunciado "Vagner") .

A letra Y tem o som do 1 (como na palavra YOGA , que é pronunciada "iôga").

Essas letras foram introdu zidas recentemente no nosso alfabeto , e nós podemos
usá-las em algumas palavras de origem estrangeira e em alguns nomes próprios.

K k

w w

y y

a) Vamos ler a Ficha de leitura das letras K, W e Y, que está no fim do livro.

1 06 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovillc


b) Agora vamos fazer um jogo de adivinhação.

1 . Sou uma marca de sorvete. Meu nome começa com a letra K.

2. Sou uma marca de aparelho eletrodoméstico. Meu nome começa com a letra W.

3. Sou um aparelho que serve para cantar em festas, e fui criado pelos japoneses.
Meu nome começa com a letra K.

4. Sou um molho vermelho, e acompanho a mostarda no cachorro-quente. Meu


nome começa com a letra K.

5 . Sou uma marca de sorvete. Meu nome começa com a letra Y.

6. Sou uma antiga arte marcial chinesa desenvolvida no Japão. Meu nome começa
com a letra K.

7 . Sou uma fruta. Por dentro sou verdinha e por fora sou marrom. Tenho nome
parecido com o de um pássaro da Austrália. Meu nome começa com a letra K.

Alfabetização Jônica 1 07
8. Sou a medida de brilho de uma lâmpada. Meu nome começa com a letra W.

9. Sou um carrinho de corrida, tenho motor de motocicleta e as crianças gostam


muito de correr em mim. Meu nome começa com a letra K.

c) As letras K, W e Y estão nos nomes de várias pessoas. Vamos pesquisar os nomes


dos colegas da classe ou de pessoas conhecidas que possuem essas letras. De ­
pois vamos escrever esses nomes nas linhas abaixo.

108 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


Atividade 72. Consciência fonêmica: adição de fonemas

Agora vamos escrever as palavras usando formas geométricas para representar


os sons. Depois, vamos observar que podemos formar novas palavras se adicionar­
mos outros sons. O jogo será feito na lousa com a professora, que vai desenhar as
formas geométricas e pronunciar os sons, mas sem pronunciar a palavra inteira, nem
escrever as letras. Conforme ela pedir, vocês vão acrescentando outras formas geo ­
métricas (que correspondem a letras), para formar novas palavras.
Ela pode criar um símbolo para "a", outro para "t" e outro para "o", por exem ­
plo, e desenhá-los na lousa para formar a palavra "ato ". Depois ela pode pedir que um
aluno invente um novo símbolo para colocar antes ou depois de "ato" e, assim,
formar uma nova palavra.

Alfabetização Jônica 1 09
Atividade 73. Revisão de todas as letras

a) Vamos recordar as letras que j á aprendemos. Olhem o quadro abaixo. Vamos dizer o
som de cada letra. Depois vamos completar o quadro, unindo as letras e escrevendo
as sílabas correspondentes. Em seguida, vamos ler as sílabas formadas.

A E 1 o u ÃO
F
J
M
N
V
z
L
s
R
X
B
e
p
D
T
G
Q
H

b) Nós já aprendemos todas as letras do alfabeto ! Vamos escrevê-las nos espaços abaixo.

1 10 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


c) Vamos fazer uma atividade de ditado. A professora vai dizer algumas palavras e
vocês devem escrevê-las no caderno.

d) Agora vamos ver a Folha mnemônica com as letras do alfabeto, que contém o
alfabeto, escrito nos vários tipos de letras, com um desenho e seu nome escrito
associados a cada uma das 26 letras. Essa folha está no fim do livro, logo antes das
fichas de leitura.

e) Observem os desenhos abaixo e seus nomes escritos. Vamos ligar os desenhos


seguindo a ordem alfabética.


�'

c;>-:T
'�-�---/\
(>,

/;#
r

'C'-,,_j'

Árvore Xícara
Yasmin Zíper U
Faca

Gato

Dados
V aca _)Q
C@
-�
/ w�
/ (1

'
1
Walkman Helicóptero
Estrela

Sapo

Uva
C ab ide
Jacaré

Igrej a
Tartaruga

Morango
p Lápis Rato

� Pena

D Quiabo
Õvo
A lfabetização Jônica 111
f) Vamos escrever o nome destas figuras e formar uma frase com cada nome.

·.

1 12 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


g) Vamos ler as quatro frases abaixo e fa zer um desenho para cada uma delas,
representando o que está acontecendo .

A vovó viaja de avião.

A menina come o bolo.

O sapo vive no lago.

Esta bola é bonita.

Alfabetização jônica 1 13
h) Agora que nós já aprendemos todas as letras do nosso alfabeto, vamos ler o texto
a seguir, que fala sobre o surgimento do alfabeto.

ABC

Dona Alfa e seu Beto


Certo dia se encontraram,
Se sentaram, conversaram -

E inventaram o Alfabeto.
Pondo as letras a marchar,
Cada qual no seu lugar,
Para divertir você
Com as rimas do ABC .

Tatiana Belinky. ABC.


São Paulo: Elementar, 200 1 .

i) Escreva no espaço abaixo a letra inicial do nome de uma pessoa de quem você
gosta muito. Escreva esse nome e, depois, escreva outras palavras que começam
com essa mesma letra.

114 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


j) Vamos formar palavras ! Para isso, vamos escrever a letra inicial do nome dos
desenhos.

� ... ...
... ...
...
...

�/ifl0!JEG@a&
.._,_,..--,--11 (J /'--r-,..,_.._/

Alfabetização Jônica 1 15
1) Vamos recordar quais são as vogais do nosso alfabeto lendo o texto a seguir.

A vaca e as vogais

Hoj e vou andaaa r

1
bastante por aílí. . .

u até anoiteceeer
no meu curraaa l .


V u comer capiiim rr__�
_
ate fazer ffilngaaa u �( - ---�

de tanto mastigaaar

A
vou querer dormiiir.

Vou ao beleléééu
bem perto daquiii
• • A .A .A
1mag1ne voceee
pois é pra quêêê?

o Vou fechar os ooo lhos


fazer biiico na boooca
E
vou soltar um beeeij o
na caaa ra do touuuro.

Fernando Paixão. Poesia a gente inventa.


São Paulo: Ática, 2000.

1 16 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


m) Agora vamos recordar as consoantes do nosso alfabeto. Vamos escrever as
consoantes abaixo em escrita cursiva.

B, b e, e D, d F, f G, g H, h J, j K, k L, l M, m

N, n P, p Q, q R, r s, s T, t V, V W, w X, X Z, z

n) Agora vamos completar a cruzadinha escrevendo o nome dos dese nh�,


� �

Atividade 74. Consciência fonêmica : substituição de fonemas

Neste jogo a professora vai escrever as palavras de um jeito diferente. As formas


geométricas vão representar os sons das palavras e vocês vão trocar as formas para
fazer rimas e aliterações, inicialmente com a ajuda de figuras e, depois, sem elas. O
jogo será feito na lousa com a professora.

Alfabetização Jônica 1 17
Atividade 75. Interpretação de texto: A gente pode e a gente não pode

Vamos ler o texto abaixo e responder às perguntas.

A gente pode e a gente não pode

A gente pode . . .
... mexer com tesoura sem ponta na escola .
... aprender a ler e a escrever sozinho .
... tomar banho sozinho.
... guardar os brinquedos depois de brincar.

A gente não pode . . .


... mexer com fogo sozinho .
... acender balão .
... esquecer a torneira da pia aberta depois de escovar os dentes .
... rasgar os livros.

Anna Claudia Ramos e Ana Raquel. A gente não pode . . . ; A gente pode . . São Paulo : DCL,
. 200 1 .

1 ) Qual é o título do texto?

2) Quem são as autoras do texto?

3) Cite duas ações que a gente pode fazer:

4) Cite duas ações que a gente não pode fazer:

1 18 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


5) Que tipo de coisa você gosta de fazer sozinho?

6) Que tipo de coisa você gosta de fazer acompanhado?

7) Faça um desenho sobre a sua brincadeira predileta.

Atividade 76. Consciência fonêmica: análise e contagem de fonemas

Neste jogo vamos escrever as palavras usando formas geométricas. Primeiro


vamos contar quantos sons cada palavra tem, depois vamos colocar uma forma para
cada som. O jogo será feito na lousa com a professora.

Alfabetização jônica 1 19
Atividade 77. Formação de frases e produção de texto com sequência de figuras

a) Vamos olhar estas figuras com atenção. Depois vamos escrever uma frase sobre
cada uma delas, contando o que está acontecendo na figura.

1 20 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


b) Agora vamos olhar estas três figuras. Elas contam uma estória. Vamos escrever
uma frase para cada figura para, no final, termos contado a estória inteira.

Atividade 78. Consciência fonêmica: síntese de fonemas

Neste j ogo a professora vai pronunciar algumas palavras de um j eito diferente,


sem falar o primeiro som da palavra. Então vamos tentar adivinhar qual palavra a
professora está falando.
Nós vamos nos sentar formando um círculo para brincar do j ogo de Teia de
Aranha. Vej am como é:
A professora segura um novelo de lã. Ela diz o nome de um dos alunos, sem pronun­
ciar o primeiro som. Por exemplo: "aís" , para Taís ; "árbara", para Bárbara. Passa o
novelo para um aluno em qualquer ponto da roda, mas continua segurando a ponta da
linha. O aluno deve dizer o nome inteiro, acrescentando a letra que falta, segurando a sua
parte da linha. Se não conseguir dizer a palavra, a professora vai ajudá-lo.
Cada aluno que responder vai segurar uma parte da linha, até se formar uma teia
de aranha. Ao final, todos cantam a música Dona Aranha .

.a 1 r 1 • • - r,,., • 1 � 1
Atividade 79. Introdução do dígrafo CH

Agora nós vamos conhecer o dígrafo CH, que tem o som igual ao da letra X, ou
seja, "x".

CH eh
a) Vamos ler e cantar esta música.

MACHADINHA

AH ! AH ! AH ! MINHA MACHADINHA.
AH ! AH ! AH ! MINHA MACHADINHA.
QUEM TE PÔ S A MÃO SABENDO QUE ÉS MINHA?
QUEM TE PÔ S A MÃO SABENDO QUE ÉS MINHA?

AH ! AH ! AH ! EU TAMB ÉM SOU TUA.


AH ! AH ! AH ! EU TAMB ÉM SOU TUA.
PULA, MACHADINHA, PRO MEIO DA RUA.
PULA, MACHADINHA, PRO MEIO DA RUA.
Cantiga popular.

1$tb bbtE g Ei fJI JJ J] ÊJ I r r & lJIJ J n tr 1

lfy tbtL bH J J J J 1 e r 1

Nesta música as letras CH aparecem na palavra "machadinha" . Elas têm o


som "eh" .
1 22 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla
b) Vejam estas figuras. Vamos dizer, juntos, o nome de cada uma delas. Agora vamos
circular e colorir as figuras que têm nome começando com o som "eh".

e) Agora vamos circular as palavras que começam com CH.

� JACA chá chão

CHIFRE � l\1ENINA �

� CHATEADO
F CHOCALHO

chuchu sabão CHICLETE ontem

ROSA chaveiro � �
homem � sala FELIZ

d ) Vamos juntar o dígrafo CH com cada uma das vogais, escrevendo as sílabas
resultantes no caderno.

e) Vamos ler a Ficha de leitura do dígrafo CH, que está no final do livro. Em
seguida, vamos ler a Ficha de leitura comparativa entre X e CH.
Aljabeti-:,ação Jônica 123
l J J-\.gura, v amo s n s iar aez paiavras que começam com x e Clez palavras que
começam com CH .

X CH
1- 1-
2- 2-
3- 3-
4- 4-
5- 5-
6- 6-
7- 7-
8- 8-
9- 9-
1 0- 10-

g) Vejam as figuras e seus nomes escritos. Todos eles são escritos com C H. Vamos
formar uma frase com cada nome.

churrasco

chorar

chinelo

1 24 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


bolacha

chaminé

chutar

Atividade 80. Consciência fonêmica: síntese de fonemas

A professora vai pronunciar algumas palavras de um jeito diferente, falando


cada som separadamente. Vamos unir esses sons para formar as palavras . Por
exemplo, ela diz : "o - s s - o", e os alunos dizem "osso" .

Depois vamos fazer o mesmo j ogo, mas formando palavras inventadas , que
não existem.

_4�fabetização Jônica 1 25
Atividade 81. Produção de texto: troca de figuras por palavras escritas em
texto

Vamos observar e ler o texto abaixo. Ele mistura palavras e figuras !

� �·
José é um menino que gosta muito de animais. Ontem ele foi ao zoológico.

Lá José viu u e um

No lago, o � p �ia tão bonzinho que José nem ficou com medo !
Numa gaiola estava um � bem colorido !

José viu também um abrindo sua enorme boca.

- - ---
Mas o maior animal que José viu foi o

� . Ele era mesmo muito grande.
-

José gostou muito da visita ao zoológico.

Agora vamos copiar o texto nas linhas abaixo, escrevendo as palavras corres­
pondentes às figuras.

1 26 Alessandra G Seabra e Fe mando C. Capovilla


Escreva você mesmo um texto no quadro abaixo, trocando algumas palavras
por desenhos . Depois vej a se os seus colegas conseguem adivinhar o que você
escreveu !

Atividade 82. Consciência fonêmica: adição e subtração de fonemas

Neste jogo vamos representar as sílabas e os sons das palavras . A professora


,-ai pronunciar algumas palavras e então vai desenhar um retângulo para cada
sílaba. Depois ela vai desenhar, dentro de cada retângulo, as formas geométricas,
sendo uma forma para cada som da palavra. Então ela vai apagar ou acrescentar
um som e os alunos deverão dizer como a palavra vai ficar. Vamos fazer o jogo na

lousa com a professora.

Alfabetização jônica 1 27
Atividade 83. Introdução de QUA e QUO

Vamos conhecer as sílabas QUA e QUO. QUA é formada pelos sons "c" + "u"
+ "a", e QUO é formada pelos sons "c" + "u" + "o".

QUA qua

QUO quo

a) Vejam estas figuras. Vamos dizer, juntos, o nome de cada uma delas. Depois vamos
circular e colorir as figuras que têm nome começando com a sílaba "qua".

/1 \
40
1 28 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla
b) Agora vamos circular as palavras que contêm as sílabas QUA ou QUO.

QUARTO tapa
� sabonete

elefante
� COLORIDO

r CABELO quadra TESOURA

quatro chafariz QUALIDADE esquadro

CALOR
� � SENHORA

rrur QUASE aquoso


c) Vamos ler a Ficha de leitura das sílabas QUA e QUO, que está no final do livro.

d) Vamos ler as palavras abaixo e, depois, escrevê-las novamente, separando as


sílabas .

AQUARELA quanto

QUARTO quaresma

QUALIDADE quarteto

AQUOSO

QUASE

quadrúpede

quando

quadro
rF
Alfabetização jônica 129
e) Vamos ler o texto a seguir.

O periquito Quito andava pela mata. .f1


Ele procurava, aqui e ali, alguma �@
coisa pra beliscar.
E encontrou. ·

Encontrou lascas de queijo, uns farelos

g...,.,
de quindim, pedacinhos de quiabo e
meio quilo de quirera.
Quito comeu tudo . Encheu a pança. ��
Sonia Junqueira. O susto do periquito. S ão Paulo : Ática, 1 99 8 , p. 3-4.

1. Vamos grifar no texto as palavras com Q e reescrevê-las nas linhas abaixo.

2. Existem outras palavras escritas com Q como, por exemplo, a palavra "aquário".
Você já viu um aquário?

130 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


3 . Agora olhe este aquário. Ele está vazio. Vamos desenhar os peixinhos no aquário e,
depois, pintar o desenho.

Atividade 84. Consciência fonêmica: contagem e manip ulação de fonemas

Neste jogo também vamos representar as sílabas e os sons das palavras. A pro­
fessora vai pronunciar algumas palavras. Então cada um de vocês vai desenhar um
retângulo para cada sílaba e depois vai desenhar, dentro de cada retângulo, as formas
geométricas, sendo uma forma para cada som da palavra. Então a professora vai
apagar ou acrescentar um som e vocês deverão dizer como a palavra vai ficar. Vamos
fazer o jogo na lousa com a professora.

Alfabetização Jônica 13 1
Atividade 85. Introdução de CE e CI

Agora nós vamos conhecer as sílabas CE e CI. Quando o C vem seguido das
letras E e 1 ele tem o som "s".

CE ce

CI

.

Cl .D..

a) Vamos ler as palavras do quadro abaixo e circular aquelas que contêm as sílabas
CE ou CI.

CEBOLA escuro dQodo ACIMA

rruL LAVANDERIA PÉ �
cereJa
� cenoura JOia

� gaiola BACIA 1TUffiiJn.o-

cipó OFERECER
� CIDADE

GIRAR k cimento Cecília

b) Vamos ler a Ficha de leitura das sílabas CE e CI e também a Ficha de leitura


do texto Cadê o toucinho que estava aqui? Elas estão no fim do livro.

1 32 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


c) Agora vamos listar palavras com CE e CI.

CE CI

d) Vamos ler as palavras com CE e CI. Depois disso, em cada palavra, vamos
circular apenas as sílabas que contêm CE ou CI.

CESTA você

CIRCO cebolinha

CERA c i nto

SACI céu

OFICINA vacina

CEGO cedo

Alfabetização Jônica 1 33
e) Vej am as palavras escritas a seguir. Elas não estão completas, há partes faltando.
Vamos completar com CE ou CI e descobrir quais são as palavras.

BA - -
A CAPA - -
TE - -
GAR RA - -
B O LA

- -
nza co -
_ gas - -
do va - -
na

k - -
h.D.. - - - -
� - -
JTU!JTíl.,O.

f) Agora vamos olhar os desenhos abaixo e ler os seus nomes escritos. Todos eles
têm CE ou CI. Depois, vamos formar frases com cada uma dessas palavras.

cesta

céu

morcego

1 34 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capm·illa


ClfCO

doce

cigarra

Atividade 86. Consciência fonêmica: inversão de fonemas

Vamos continuar a usar formas geométricas para escrever as palavras, sendo


uma forma para cada som. Depois, vamos falar as palavras de trás para frente, inver­
tendo os sons para criar novas palavras. Por exemplo : "olá" e "alô" ; "ai" e "ia".
Vamos fazer o jogo na lousa com a professora.

Alfabetização Jônica 1 35
Atividade 87. Interpretação de texto: A raposa e a cegonha

Vamos ler o texto abaixo e responder às perguntas.

A raposa e a cegonha

Era uma vez uma raposa e era uma vez uma cegonha.
Um dia, a raposa convidou a cegonha para j antar e serviu sopa em dois
pratos rasos . . .
Coitada da cegonha ! Não conseguiu tomar nada da sopa, e voltou para
casa com fome.
No dia seguinte, a cegonha convidou a raposa para j antar em sua casa e
serviu sopa em duas vasilhas compridas . . .
A raposa não conseguiu tomar nada e voltou para casa morrendo de fome
e com o rabo entre as pernas .

Adaptação da fábula de Esopo . Eliana Garcia. Língua e linguagem -


Alfabetização. São Paulo : Saraiva, 2000.

1. Qual é o título da fábula?

2. Sublinhe no texto os nomes das personagens da fábula e reescreva os seus nomes


na linha abaixo.

3 . Quem não conseguiu tomar sopa no prato raso? Por quê?

1 36 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


4. Quem não conseguiu tomar sopa na vasilha comprida? Por quê?

5. Discuta com seus colegas qual é a moral da história e escreva nas linhas abaixo.

6. A seguir estão algumas frases da fábula. Porém, as palavras foram escritas todas
juntas. Vamos reescrever as frases separando as palavras.

Atividade 88. Consciência fonêmica: alfabeto inventado

Neste jogo a professora vai escrever as palavras usando um alfabeto diferente,


com letras que vocês não conhecem. São símbolos como: um triângulo para repre­
sentar a letra A; um triângulo invertido para a letra B ; um círculo para a letra C,
etc.Vamos tentar descobrir qual palavra ela escreveu. Vamos fazer o j ogo na lousa
com a professora.

A.lfabetização Jônica 1 37
tt. u nuüuii; 07. uuruuuçau uu u1gra10 l"l ll

Agora nós vamos conhecer o dígrafo NH e o seu som "nh" .

NH nh
a) Vamos ler este texto. Ele contém várias palavras com NH.

NA LOJA DO MESTRE ANDRÉ

FOI NA LOJA DO MESTRE ANDRÉ


QUE EU COMPREI UMA CORNETINHA.
� TÁ, TÁ, TÁ, UMA CORNETINHA,
/;/ � AI-OLÉ, AI-OLÉ, FOI NA LOJA
DO MESTRE ANDRÉ.
FOI NA LOJA DO MESTRE ANDRÉ
QUE EU COMPREI UM PIANINHO.
PLIM, PLIM, PLIM, UM PIANINHO,
TÁ, TÁ, TÁ, UMA CORNETINHA,
AI-OLÉ, AI-OLÉ, FOI NA LOJA
DO MESTRE ANDRÉ.
FOI NA LOJA DO MESTRE ANDRÉ
L �-- � -= < " QUE EU COMPREI UM TAMBORZINHO.
TUM, TUM, TUM, UM TAMBORZINHO,


���

, PLIM, PLIM, PLIM, UM PIANINHO,
1 mr?J
TÁ, T , TÁ, 1!MA CORNETINHA,
AI-OLE, AI-OLE, FOI NA LOJA
DO MESTRE ANDRÉ.
FOI NA LOJA DO MESTRE ANDRÉ
QUE EU COMPREI UM VIOLÃO .
DÃO, DÃO, DÃO, UM VIOLÃO,
TUM, TUM, TUM, UM TAMBORZINHO,
PLIM, PLIM, PLIM, UM PIANINHO,
TÁ, TÁ, TÁ, UMA CORNETINHA,
AI-OLÉ, AI-OLÉ, FOI NA LOJA
DO MESTRE ANDRÉ. [ . . . ]
Cantiga do folclore brasileiro; trecho citado de memória. Marcelo Xavier. Festas:
o folclore do Mestre André. B elo Horizonte: Formato, 2000. p. 5 .
138 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capm.'iAm
b) Vamos ler, no fim do livro, a Ficha de leitura do dígrafo NH e a Ficha de leitura
do texto Tamanho das coisas .

c) Vamos j untar o dígrafo NH com cada uma das vogais, escrevendo as sílabas
resultantes no caderno.

d) Agora vamos circular as palavras que contêm o dígrafo NH.

� REDE ganhou mamRn


GALINHA sal JIPE tapete

vinho tili � CONSIDERAR

verde sonho BANHEIRO �

APETITE � horizonte COZINHA

T MINHOCA � farinha

e) Vamos ler as palavras e separar as sílabas.

LINHA ninho

S ONHO amanhecer

NENlillMA
r
COZINHA �
DINHEIRO �
farinha �
banheiro �
carinho �

Alfabetização jônica 1 39
f) Vamos listar palavras com NH.

g) Agora vamos escrever as palavras no diminutivo, conforme o exemplo.

borboleta borboletinha

gato

bota

1 40 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla



�(JJ\J
banana

(f

chicote

Atividade 90. Consciência fonêmica: inversão de nomes próprios

Neste jogo vamos brincar com os


nossos nomes, escrevendo-os de trás
para frente ! Observem e ste nome :
CAIO. Vamos escrevê-lo de trás para
frente. Vej am, formou OIAC . Agora,
você vai escrever seu nome no cader­
no. Depois, escreva-o começando pela
última letra e leia para seus colegas .
Observe que podemos formar nomes
muito engraçados !
O Grande compositor Adoniran
B arbosa, autor de " Saudosa Maloca"
e "Samba do Arnesto", tinha um par­
ceiro músico chamado Nicola que gos­
tava de assinar seu nome de trás para
frente, deste jeito: Alocin.

:4. (fabetização Jônica 141


Atividade 91. Introdução de GE e GI

Agora nós vamos conhecer as sílabas GE e GI. Quando o G vem seguido das
letras E e 1, ele tem o som "j" .

GE ge

GI

.

a
a) Vamos circular as palavras que contêm GE ou GI.

medo GELEIA .coJo. geladeira

ARROZ
� AGITADO
r
J!..hCJJJl..ô" girassol pai GIGANTE

+
" .

gemo LONGE cabeça

r S OL
r PISTA

GIRAR bonito girafa


rruk
� FOLHA
� MESA

1 42 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


b) Agora vamos ler, no fim do livro, a Ficha de leitura das sílabas GE e GI e a
Ficha de leitura do texto O girassol.

c) Vamos ler as palavras do quadro. Depois disso, em cada palavra, vamos circular
apenas as sílabas que contêm GE ou GI.

GEMA tigela

GIZ gilete
T
GENTE bobagem

MUGIR gmcana
nur
GELADO genial

GIGANTE ginástica

d) Vamos escrever, nas linhas abaixo, palavras com GE e GI.

e) Agora vamos olhar as sílabas abaixo. Cada linha tem uma palavra, mas as sílabas
estão embaralhadas, fora de ordem. Vamos ordenar as sílabas para formar palavras.

bi gi

la ge do

te gi g an 1
la ge na
1 ti 1
Alfabetização Jônica 1 43
f) Agora vamos ler este texto e aprender outras palavras com GE e GI.

Gênio e Gina

Plantei semente de amor


em uma linda tigela.
Quando ela germinar
vou deixar na sua j anela.

� Fico longe do relógio


não vej o a hora passar.
Fecho os olhos e imagino
eu e você no altar.

Espero resposta urgente


não demore por favor !
l\1eu coração é pequeno

i
para guardar tanto amor !

1 JI Regina logicamente
disse "sim" a tal pedido.
E Eugênio se tomou
seu legítimo marido.

Cristina Porto. Gênio e Gina . São Paulo : FTD.

g) Circule no texto as palavras com GE e GI. Depois copie as palavras que você
circulou nas linhas abaixo:

1 44 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


Atividade 92. Interpretação de texto: Brincando de não me olhe

Vamos ler a poesia Brincandb de não me olhe e fazer o que é pedido a seguir.

Brincando de não me olhe

Não me olhe de lado


que eu não sou melado .

Não me olhe de banda


que eu não sou quitanda.

Não me olhe de frente


que eu não sou parente .

Não me olhe no meio


que eu não s ou recheio .

Não me olhe na j anela


que eu não sou panela.

Não me olhe no olho


que eu não sou caolho .

Não me olhe na mão


que eu não sou mamão .

Não me olhe no j oelho


que eu não sou espelho .

Não me olhe de cima


que acabou a rima.

Elias José. Namorinho no portão . São Paulo : Moderna, 1 986.

Alfabetização Jônica 1 45
1. Vamos escrever:

o título da poesia: _____________________


_

o nome do autor da poesia : ___________________


_

2. Observem que há, no texto, várias palavras que rimam. Vamos circular as palavras
que combinam, usando uma cor para cada rima.

3 . Agora vamos completar as frases abaixo com as palavras do quadro, formando


rimas conforme a poesia que nós lemos.

espelho recheio quitanda

Não me olhe de banda

que eu não sou _____________

Não me olhe no meio

que eu não sou ____________

Não me olhe no joelho /


que eu não sou ____________

1 46 Alessandra G Seabra e Fernando C. Cavovilla


4 . Agora também vamos completar /as frases com as palavras do quadro. Mas
estas frases não estão na poesia. Precisamos escolher a palavra que forme a
rima corretamente.

pregmçoso casado menininho tenente lindo cupim

Não me olhe assim Não me olhe contente


que eu não sou ________ que eu não sou _________

Não me olhe assado Não me olhe sorrindo


que eu não sou ________ que eu não sou tão ________

Não me olhe furioso Não me olhe com esse jeitinho


que eu não sou ________ que eu não sou. __________

5 . Vamos continuar a poesia, inventando rimas para os versos a seguir.

Não me olhe ------

que eu não sou _____________

Não me olhe ------

que eu não sou _____________

Não me olhe ------

que eu não sou _____________

Alfabetização fónica 1 -ri


Atividade 93. Introdução de GUE e GUI

Agora nós vamos conhecer as sílabas GUE e GUI. Quando o G vem seguido da
letra U e depois de E ou 1, ele tem o som "g" e o U não tem som.

GUE gue

.
GUI gu1

r
a) Vamos circular as palavras que contêm GUE ou GUI.

.
,,
,,

GUERRA musica Guilherme XICARA

festa
� VENTO �

guerreiro LEITURA
� guitarra

� caranguejo nome pardal


,,

CEU VACA ÁGUIA

� GUILHOTINA �

b) Vamos ler a Ficha de leitura das sílabas GUE e GUI, que está no fim êlQ livro.

1 48 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


c) Vamos ler as palavras do quadro a seguir. Depois, vamos circular a sílaba GUE
com lápis verde e a sílaba GUI com lápis azul.

GUERRA AGUILHÃO GUIA PAGUE

GUINCHO JOGUE GUERREIRA FOGUEIRA

d) Vamos escrever, nas linhas abaixo, palavras com GUE e GUI.

e) Olhem as palavras a seguir. Elas têm uma parte faltando . Vamos completá-las
escrevendo GUE ou GUI.

FO -

- -
TE
1- TARRA - - -NCHO I MAN_ - _ I RA I
1 fo r m i_ _ _i r o 1 ,.

a - - -
a açou_ _ _ fo- - -1ra

- - - .doo .o.mú - - - nfu - - -� - - - Jl.TU..iJw-

Alfabetização Jônica 1 49
Atividade 94. Produção de texto coletivo

Nesta atividade, a professora vai ler um livro para toda a classe. Vamos ouvir com
atenção, porque, assim que ela terminar, vocês vão contar a estória e a professora vai
escrevê-la na lousa. Depois, vamos copiar a estória nas linhas abaixo.

1 50 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


Atividade 95. Introdução de GUA e GUO

Agora nós vamos conhecer as sílabas GUA e GUO. A sílaba GUA é formada
pelos sons "g" + "u" + "a" . E a sílaba GUO é formada pelos sons "g" + "u" + "o".

GUA gua

GUO guo

a) Vamos circular as palavras que contêm GUA ou GUO.

,. I
AGUA azeite LIMÃO

,.

� r ,.
AGUO oca

guarda PO régua

'lr(M
� guarda-chuva AZEDO

papel LÁPIS língua GUARDANAPO

,.
EGUA
� � enxáguo

b) Vamos ler a Ficha de leitura das sílabas GUA e GUO, que está no fim do livro.

Alfabetização Jônica 151


c) Vamos ler estas palavras e separar as sílabas.
,

AGUA aguardente

GUACHE linguagem

GUARDAR aguo
,
/

GUARANA


,

LINGUA

AGUARDE

aguar

aguardar

, /

egua
T
d) Agora vamos ler o texto a seguir.
Cheiro de mata molhada
Léguas após a exígua água da poça, aguentando a sede,
a égua estendeu o olhar agudo para além do monte e da roça estiada,
e fitou, ao longe, as pesadas nuvens que desaguavam, escuras,
um estrondoso aguaceiro na lagoa do horizonte.
Guardou, então, a esperança daquela chuva que lava a mágoa e a pena.
E aguardou, serena, sorvendo na brisa o cheiro fresco da mata molhada.

Texto criado para esta obra.

e) Faça desenhos ou cole figuras de objetos que tenham nomes escritos com GUA
ou GUO. Depois, escreva os nomes dos objetos representados nas figuras.

152 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capol·illa


f) Vamos formar frases com as palavras:

-� égua

fúu

rr� água

-=�
A
nuvem

chuva

mata

estiagem

Alfabetização Jônica 1 53
Atividade 96. Interpretação de texto: A chuva

Vamos aprender sobre o ciclo da água. Para começar, vamos ler este texto.

A chuva

A chuva é água que da atmosfera cruu.


E como foi que essa água pra atmosfera subiu?
O sol esquentou, a água evaporou,
� Dos mares, dos rios, dos lagos também.

<{_{�
�e :;:::;:::
)
� �
Dos poços cavados, das roupas molhadas,
,,
D as poças n chão em evap ração.
,,
0 ca1 or do iogo faz a agua ierver. �
E a água em vapor vai desaparecer. �ê.Y-i �
Formando as nuvens que flutuam no ar,
Que é pra depois, com o tempo,
vir o solo molhar.
E dessa evaporação em nuvens brancas
Vai se transformar.
� p
Até que um dia, o vento frio
: C7
/
tf? /
�y0
é? d'
Faz a nuvem branca se acinzentar.
E dessa mudança de cor
'P' t:? / e:7 &?

�� �
Mudam-se as nuvens, muda-se o vapor,
Que o vento frio em gotas formou,
E em chuva grossa a terra molhou. (T
(Y'�11__
0--, __

-=-::::-
,:1 / / /
I: �
Das nuvens, a chuva 1 1 1 1; 1
Em gotas lá de cima cam. / / 1 1 ; 11
Foi em vapor que a água é/ � l1 1; 1 1
Lá pra cima subiu.
A nuvem, a água, a chuva!
J. Collares . Ilha dos sonhos. São Paulo : Paulinas, 1997.

1. Escreva:

o sobrenome do autor: �������

1 54 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


2. Vamos desenhar a poesia A chuva .

O
sol esquentou, a água evaporou, E a água em vapor vai desaparecer.
Dos mares, dos rios, dos lagos também. Formando as nuvens que flutuam no ar.

Até que um dia, o vento frio Das nuvens, a chuva


Faz a nuvem branca se acinzentar. Em gotas lá de cima caiu.

3. Vamos procurar no dicionário o que significam estas palavras:

Alfabetização Jônica 155


4. De onde vem a água que forma as nuvens?

5 . O que acontece se não chover por muito tempo?

6. Vamos fazer uma pesquisa no supermercado e anotar o nome de fontes de águas


rrunerais.

7. Agora faça um desenho bem bonito de um dia chuvoso.

156 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


Atividade 97. Introdução do dígrafo LH

Agora vamos conhecer o dígrafo LH que tem o som "lh" .

LH Ih

a) Vamos circular as palavras que contêm o dígrafo LH.

GALHO � bilhete �
mulher TELHADO 14un
roon
calha DOCE � FERRO

� L FIGO tigela

JABUTICABA velhinha � RAMALHETE

sorvete FOLHA peteca palhaço

b) Vamos juntar o dígrafo LH com cada uma das vogais, escrevendo as sílabas
resultantes no caderno.

c) Vamos ler, no fim do livro, a Ficha de leitura do dígrafo LH e a Ficha de leitura


do texto O medo do menino .

Alfabetização Jônica 157


d) Agora vamos escrever o nome das figuras e formar uma frase com cada nome.
Observem que todos esses nomes têm o dígrafo LH.

158 Alessandra G. Seabra e Fernando C. Capovilla


e) Vamos ler este texto.

Trabalho

Sem o trabalho, ainda que chacoalhe ao vento, o espantalho falha em seu


intento de espantar a forne.
Por isso, o velho e o filho trabalham. Com olhos no milho e navalhas,
retalham a palha, aparam restolhos, chacoalham bugalhos, e colhem sabugos
dourados - medalhas pelo trabalho dobrado.
Cultivando grãos de ouro e pepitas de milho, o velho e o filho não falham,
não ralham, não se fingem de espantalho ou coisa que o valha. O velho e o
filho trabalham e, assim, amealham o carinho e o respeito um do outro. Feliz
é o trabalho capaz de transformar espantalho em palhaço, medo em sorriso e
soluço triste em alegre gargalhar.

Texto criado especialmente para esta obra.

f) Vamos circular no texto as palavras com o dígrafo LH.

g) Cole figuras de objetos que tenham nomes escritos com o dígrafo LH . Depois,
escreva os nomes dos objetos representados nas figuras.

h) Agora vamos formar duas frases com algumas dessas palavras:

Alfabetização Jônica 159


Atividade 98. Produção de texto a partir de uma se quência de figuras

Observem estas três figuras. Elas representam uma estória em três partes. Agora,
pensem na estória e escrevam uma redação explicando o que aconteceu.

1 60 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


Atividade 99. Introdução de cedilha

Vamos conhecer esta letra: Ç. É a letra C com o sinal cedilha. A cedilha é um sinal
usado nas sílabas ÇA, ÇO, ÇU e ÇÃ O para que o C fique com som de S, o som
"s". Mas lembrem-se: nunca se usa cedilha no começo de palavras !

ç ç

a) Vamos circular as palavras que contêm Ç.

CABEÇA melão açúcar LEIA

� .cocru:k ESPERANÇA

caça D O RMIR � coração

ROEDOR cnança VERÃO açude

1TlO..Çô"

/

CALABOUÇO

;

.

rádio canano DOENÇA

b) Vamos ler este texto que conta a estória da letra C e por que CE e CI não têm cedilha.

Alfabetização Jônica 161


Os filhos peraltas

Era uma vez uma senhora chamada Conceição. Ela tinha seis filhinhos: ÇA
- CE - CI - ÇO - ÇU - ÇÃO.
Um certo dia, Dona Conceição e sua famHia foram convidadas para uma
festa de aniversário.
Conceição arrumou seus filhos, um por um, colocando roupas bonitas e
lacinhos para enfeitar. Ela os deixou bem bonitinhos e mandou que ficassem
sentadinhos no sofá, para não amassarem as roupas ou perderem os lacinhos.
Mas, quando ela terminou de arrumar todos os seis filhos, o CE e o CI,
como eram muito peraltas, já haviam perdido os lacinhos.
Conceição ficou muito zangada e disse:
- Não ponho mais lacinho no CE e no CI !
E até hoje o CE e o CI não usam lacinhos !

Texto criado es pecialmente p ara esta obra.

c) Vamos juntar a letra Ç somente com as vogais A, O, U, escrevendo as sHabas


resultantes no caderno.

d) Vamos ler a Ficha de leitura de Ç, que está no fim do livro.

e) Vamos ler as palavras do quadro. Depois, em cada palavra, vamos circular apenas
as sílabas que contêm Ç.

DANÇA esperança �
PALHAÇO maço
T

,,.

AÇUCAR paçoca

FUMAÇA aliança j JLOJT\ÇQ

AÇO abraço
F
AÇUDE açucarado jâl!OÇJI
CRIANÇA pança �
MOÇO maçã

1 62 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla
t) Vamos listar palavras com Ç.

g) Olhem os desenhos abaixo e seus nomes escritos. Vamos formar frases com essas
palavras. Observem que elas possuem as sílabas ÇA, ÇO ou ÇU.

fumaça

J : :-:' \ �

açúcar

carroça

Alfabetização Jônica 1 63
poço

berço

h) Vamos ler este texto com atenção e colocar a cedilha quando for necessário.

O PALHACO DESFILOU PELA


CIDADE EM UMA CARROCA.

NO PESCOCO, ELE TINHA UM


LACO VERMELHO.

NA CABECA, UM CHAPÉU
CINZA.

E SE DIVERTIU MUITO COM AS


PALHACADAS .

1 64 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


Atividade 100. Interpretação de texto: Ciranda, cirandinha

Vamos ler o texto abaixo e responder às perguntas.

Ciranda, cirandinha

Ciranda, cirandinha,

Vamos todos cirandar,

Vamos dar a meia-volta,

Volta e meia vamos dar.

O anel que tu me deste


Era vidro e se quebrou.
O amor que tu me tinhas
Era pouco e se acabou.

Por isso, dona Chica,

Faz favor de entrar na roda,

Diga um verso bem bonito,

Diga adeus e vá- se embora.

Cantiga popular.

1. Qual é o título do texto?

Alfabetização Jônica 1 65
2. Do que era feito o anel?

3. Você já brincou de roda?

4. Escreva um verso bem bonito nas linhas abaixo.

5 . Forme duas frases com a palavra "anel".

6. A seguir estão alguns trechos do texto. Porém, as palavras foram escritas todas
juntas. Vamos reescrever as frases separando as palavras.

u�.

1 66 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


Atividade 101. Introdução dos demais usos da letraR:R intervocálico,R em
final de sílabas e RR

Agora vamos rever a letraR e aprender que ela pode ter outros sons.

Observem esta outra palavra: "pera". Ela também é escrita com a letraR, mas
aqui esta letra tem um outro som, "r", que chamamos de r fraco. OR sempre tem
este som quando ele está entre duas vogais.

Além dessas duas posições, no início de palavras e entre vogais, oR pode


aparecer, ainda, em outra posição : entre uma vogal e uma consoante, como na
palavra "porta" .

Agora observem esta palavra: "carro" . Nela usamos duas vezes a letraR. Para o
R ter o som forte entre duas vogais, precisamos colocar duas vezes a letra, ou sej a,
RR.

a) Vamos ver as ilustrações abaixo e ler as dicas.

A letraR no início da palavra tem um som forte.

R "Começando a palavra, esta é a lei,


Meu som é forte, como em REI."
REI

A letraR entre vogais tem um som mais fraco.

r
"No meio de vogais, não vai dar pé,
Meu som é fraco, como em JACARÉ."
JACARÉ

Para a letraR ficar forte entre duas vogais,


precisamos colocar RR .

RR "Para ficar forte, peço ajuda lá no bairro,


CARRO RR tem som forte, como em CARRO."

Alfabetização Jônica 1 67
b) Vamos ler, no fim do livro, a Ficha de Leitura comparativa entreR inicial, RR,
R intervocálico e R no final de sílaba.

c) Agora vamos pesquisar em revistas cinco palavras que comecem com R, cinco
palavras com R intervocálico, cinco palavras com RR e cinco palavras com R no
final de sílaba. Em seguida, vamos recortar as palavras e colá-las no quadro abaixo.

R inicial R entre vogais


("r" forte) ("r" fraco)

RR R no fim da sílaba
("r" forte)

1 68 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


d) Vamos ler o texto a seguir. Depois, vamos circular as palavras que têm r fraco,
copiá-las nas linhas abaixo do texto e separar as sílabas.

Raridade
A arara
é uma ave rara
pois o homem não para
de ir ao mato caçá-la
para a pôr na sala
em cima de um poleiro
onde ela fica o dia inteiro
fazendo escarcéu
porque já não pode
voar pelo céu.

E se o homem não para


de caçar arara,
hoje uma ave rara,
ou a arara some
ou então muda seu nome
para arrara.

José Paulo Paes. Olha o bicho. 2ª ed. S ão Paulo: Ática, 1 99 1 . p. 4 .

Alfabetização Jônica 1 69
e) Agora vamos ligar as figuras aos seus nomes escritos. Preste atenção no som do R.
No início da palavra, ele tem o som forte.

rádio

rodo

rinoceronte

roda

Quando usamos RR, o som também é forte.

c arro

b ar r i g a

s errote

e s c o rre g ad o r

Preste atenção no som do r no final de sílaba.

m ar t e l o

b ar c o

b orb o l e t a

porta

E agora preste atenção quando o R aparece entre vogais. Ele fica com o som fraco.

xíc ara

p erere c a

m o r an g o

b ar a t a

1 70 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


t) Agora vamos ler as palavras do quadro a seguir com atenção. Vamos procurar a
diferença entre os pares de palavras.

CARINHO CARRINHO

CARETA CARRETA

CARO CARRO

VARA VARRA

ENCERAR ENCERRAR

g) Vamos ler com atenção as palavras abaixo. Observem que a letra R aparece em
todas as palavras. Vamos escrever as palavras nas colunas a seguir, conforme o R
apareça na mesma posição da palavra já escrita.

rei p erna orelha arroz roup a farol corda corrida

R forte no início R fraco no início R no fim


RR
da palavra de sílaba da sílaba

rosa coroa barco barro

Alfabetização Jônica 171


h) Vej am as palavras da lista a seguir. Elas estão com as sílabas separadas. Vamos
juntar as sílabas e formar as palavras inteiras.

BAR - RI - GA

CAR - RE - TA

MAR - RE - CO

CAR - RO

SER - RO - TE

TER - RA

i) Agora vamos fazer o contrário ! Vamos separar as sílabas destas palavras .


Lembrem-se: as letras RR não ficam juntas na mesma sílaba.

FERRO

BARRACA

CIGARRA

GORRO

CARROÇA

GARRAFA

j) Vamos completar estas palavras com R ou com RR.

ODA AMA ELO FA OFA A oz

u UBU ABO TE A A EIA

co IDA BU ACO OSA MA IDO

ATO EI CONHECE SE OTE

A o AMA AR A --
A --
A ESPEITO

1 72 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


Atividade 102. Produção de texto a partir de uma figura

Observem a figura. Há algo muito engraçado acontecendo ! Em seguida imaginem


e escrevam uma estória sobre a figura.

Alfabetização Jônica 173


Atividade 103. Introdução dos demais usos da letra S: S intervocálico com
som "z" e SS

Agora vamos rever a letra S e aprender que ela pode ter outros sons.

Nesta palavra, "pasta", a letra S também tem o som "s", como em "saia".

Mas observem esta palavra: "peso". Ela também é escrita com a letra S; mas .
aqui, essa letra tem um outro som: o som da letra Z, ou seja, "z" . O S sempre terr:.
esse som quando está entre duas vogais.

Agora observem esta palavra: "pássaro" . Nessa palavra, usamos duas vezes a
letra S . Assim, para que o S que vem entre vogais tenha o som "s" , ele precisa
aparecer dobrado, ou seja, como SS.

a) Vamos estudar as ilustrações e as dicas abaixo.

A letra S no início da palavra tem o som "s" .

s "Começando a palavra, eu não desafino,


SINO Meu som é forte, como em SINO."

A letra S no final de sílaba também tem o som "s" .

s "No final da sílaba, não tem grilo,


ES Q UILO Meu som é forte, como em ESQUILO."

A letra S entre vogais tem o som "z".


S com
- ll som "No meio de vogais, que surpresa !
de Z Meu som é o de Z, como em MESA."
MESA

Para a letra S ter o som "s" entre duas vogai s .


dobrá-la colocando SS.
ss
"Para ter meu som entre vogais, sozinho não posso.
osso Preciso de dois S, como em OSSO."

1 74 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capai-ili.;


b) Vamos ler, no fim do livro, a Ficha de leitura comparativa entre S inicial, SS , S
intervocálico e S no final de sílaba.

c) Vamos pesquisar em revistas cinco palavras que comecem com S, cinco palavras
com S intervocálico, cinco palavras com SS e cinco palavras com S no final de
sílaba. Depois, vamos recortá-las e colá-las no quadro abaixo.

S inicial S entre vogais


(som "s") (som "z")

ss S no final de sílabas
(som "s") (som "s")

Alfabetização jônica 175


d) Agora vamos ligar as figuras aos seus nomes escritos. Preste atenção no som do S.

No começo da palavra, ele tem o som "s".

� � selo

(.----- -. ·--:•ç
-· .�-�) C
__.j
sapato
_. -- ·

sapo

semáforo

Entre uma vogal e uma consoante, ele também tem o som "s".

mosca

dentista

pasta

esquilo

Entre duas vogais, ele tem o som "z" .

ro s a

c as a

c a s aco

v as o

Preste atenção nas palavras com SS . Para ter o som "s" entre duas vogais, é preciso
colocar SS .

pássaro

míssil

osso

assustado

176 A lessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


e) Agora vamos ler com atenção as palavras abaixo. Observem que a letra S aparece
em todas as palavras. Vamos escrever as palavras nas colunas a seguir, conforme o
S apareça na mesma posição da palavra j á escrita.

,,

sol castor rosa passaro suco casa mosca assar

S no início da S intervocálico S no final


ss
palavra com som de "z" de sílaba

SlllO lousa costa passo

f) Vej am as palavras abaixo. Elas estão com as sílabas separadas . Vamos juntar as
sílabas e formar as palavras inteiras.

"

PES - SE - GO

SES - SEN - TA

AS - SA - DO

MIS - SA

PRO - FES - SO - RA

NOS - SA

OS - SO

-
Alfabetização Jônica l """'
g) Agora vamos fazer o contrário ! Vamos separar as sílabas destas palavras. Lem­
brem-se: as letras SS não ficam juntas na mesma sílaba.

ASSINAR

ESSA
/

PAS SARO

S O S S EGO

VAS SOURA

RUS SO

PAS SEAR

h) Vamos completar estas palavras com S ou com SS.

APATO DEZE EIS PA TA PROFE ORA \

GO TO PE OA APO ME A

A OBIO VE TIR CA A OPA

178 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capmiii..l


i) Agora vamos ler e cantar.

Sereno

Sereno, eu cru.o, eu cru.o


Sereno, deixa cair.
Sereno da madrugada
Não deixou meu bem dormir.

Minha vida, ai, ai, ai,


É um barquinho, ai, ai, ai,
Navegando por mares sem luz.
Quem me dera, ai, ai, ai,
Ter agora, ai, ai, ai,
O farol dos teus olhos azuis.

Sereno, eu caio, eu caio Sereno, eu caio, eu caio


Sereno, deixa cair. Sereno, deixa cair.
Sereno da madrugada Sereno da madrugada
Não deixou meu bem dormir. Não deixou meu bem dormir.

Minha vida, ai, ai, ai, Vivo triste, ai, ai, ai,
É um barquinho, ai, ai, ru., Soluçando, ai, ai, ai,
Navegando por mares tamanhos. Recordando o amor que perdi.
Quem me dera, ai, ai, ai, O sereno, ai, ai, ai,
Ter agora, ai, ai, ai, É o pranto, ai, ai, ai,
O farol dos teus olhos castanhos. Dos meus olhos que choram por ti.

Cantiga popular adaptada.

Sua farru1ia conhece alguma cantiga popular? Pergunte em casa nomes de outras
cantigas populares e escreva-os nas linhas abaixo.

Alfabetização Jônica 179


Atividade 104. Produção de texto: estruturação de diálogo

Existem alguns tipos de escrita que mostram a fala dos personagens durante
um diálogo . Nas estórias em quadrinhos dos gibis, por exemplo , são escritos
diálogos . As falas dos personagens são escritas em balões , como na estória a
seguir. Vamos ler.

--

Não sei, procurei de tudo :)



quanto foi jeito e não consegui
··· Aonde foi?

Sonia Junqueira. O esp elho da p rincesa,


4ª ed. Coleção B aú de Histórias . São Paulo : Atual, 1994, p. 23 .

1 80 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


a) Agora observem esta figura. Há duas pessoas conversando ! Vamos seguir o exemplo
da estória em quadrinhos e escrever o diálogo dos personagens dentro dos balões.

b) Vamos escrever agora a fala entre os personagens dos quadrinhos a seguir. Esses
quadrinhos foram desenhados por Mauricio de Sousa, o artista que criou a Mônica
e toda a sua turma.

Maurício de Sousa. Chico Bento, número 3 84.


Rio de Janeiro, RJ : Editora Globo & Maurício de Sousa Editora, 200 1 .

A{fabetização Jônica 181


Atividade 105. Introdução da letra L com som "u"

Vamos rever a letra L e aprender que ela pode ter outro som, o som "u" .

a) Vamos ver as ilustrações abaixo e ler as dicas.

L com som A letra L no início da


" l" sílaba tem som de "l" .
LEITE CASTELO

com som A letra L no final da


"u" sílaba tem som "u" .
B OLSA MEL

b) Vamos ler a Ficha de leitura da letra L com som ''u", que está no fim do livro.

c) Vamos ler as palavras e separar as sílabas.

ALMOÇO calma �

PAPEL soltar w

BRASIL funil .am&

ANZOL culto �

1 82 Alessandra G Seabra e Fe mando C. Cq •


d) Vamos ler as palavras a seguir. Depois, vamos copiá-las nas colunas correspondentes,
conforme elas tenham as letras AL, EL, IL, OL ou UL.

MIL FAROL IGUAL AZUL ANEL

colmeia animal último mel juvenil

}Q � � � �

AL EL IL OL UL

e) Vamos listar palavras que tenham a letra L. Na primeira coluna vamos colocar as
palavras em que a letra L tem som "l" e, na segunda coluna, as palavras em que ela
tem o som "u".

L com som "l" L com som "u"

.4.lfabetização Jônica 1 83
O Agora vamos ler e completar as palavras abaixo com as vogais e a letra L. Depois,
vamos formar frases com essas palavras.

G PINHO

BARR

CASCAV

GEMAS

FUTEB \

BRAS

1 84 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


Atividade 106. Produção de texto: estruturação de diálogos

Vamos estudar mais um pouco os diálogos. Agora vamos aprender como escre­
ver as falas das personagens num texto, em vez de escrever nos balões das estórias
em quadrinhos. Para começar, vamos ler o texto a seguir.

Lili e o telefone

Mal tocava o telefone, Lili corria para atender. Só sabia falar:

- Alô ! Alô ! Qual é o seu nome?

E ficava naquele alô alô danado, sem chamar quem foi chamado .
Um dia foi atender, como sempre assanhadinha, e saiu daquele alô, alô :

- Aqui é Lili . Aí, quem fala?

A fala falou grosso, do outro lado da linha:

- Quem fala é o fantasminha ! Hahahahá, é o fantasminha !

Agora, se o telefone toca, Lili nem se toca ou fica meio encolhidinha.

Tem vontade de atender, mas . . . e se for o fantasminha? !

Elias José. Caixa mágica de surpresa . S ão Paulo : Paulus , 1 984.

Vocês viram que, nesse texto, estão descritas as falas das personagens. Quando
isso acontece, devemos começar uma nova linha com parágrafo e colocar um traves­
são, que é este sinal: -

Alfabetização Jônica 1 85
Agora escreva um texto, a partir da figura abaixo, tentando descrever o diálogo
entre a professora e o aluno. Lembre-se de usar parágrafo e travessão.

Texto :
. nossa escola

1 86 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


Atividade 107. Introdução de N no final de sílabas

Vamos aprender que a letra N pode aparecer tanto no início da sílaba quanto no
final dela, como na palavra "canto".

a) Vamos ler, no final do livro, a Ficha de leitura da letra N no final de sílaba.

b) Vamos ler as palavras do quadro e separar as sílabas.

FANTASIA

PONTE

MUNDO

juntar

vento

ontem

rumr
nnt

Alfabetização Jônica 1 87
c ) Vamos ler as palavras dos três quadros abaixo. Depois, dentro de cada quadro,
vamos ligá-las às letras que elas possuem: AN, EN, IN, ON ou UN.

TINTA pintura �

PENTE AN fenda an
mvr
BONDE EN antena en

ELEFANTE IN pança m lm

CINTA ON monte on
rmr
FUNDO UN junto un tmÍru-t .um

DENTE pingo

d) Vamos escolher cinco palavras dos três quadros acima e formar uma frase com
cada uma delas .

1 88 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


Atividade 108. Introdução de M no final de sílabas

Agora nós vamos aprender que a letra M pode aparecer tanto no início quanto no
final da sílaba, do mesmo jeito que a letra N. Porém, a letra M sempre é usada antes
das letras B e P, e a letra N é usada antes de todas as demais consoantes. A letra M
aparece, por exemplo, nas palavras "tambor" e "campo" .

Além disso, sempre devemos usar M no final das palavras, como na palavra
"cem". Lembrem-se de que não devemos usar N no final das palavras !

a) Vamos ler, no fim do livro, a Ficha de leitura da letra M no final de sílaba.

b) Vamos ler as palavras abaixo. Depois, vamos copiá-las nas colunas correspondentes,
conforme elas tenham as letras AM, EM, IM, OM ou UM.

TEMPO POMBA CAMPO BUMBO LIMPO

limpeza rumba além comprido bambu

� �
� � Mvrn

AM EM IM OM UM

A (fabetização Jônica 1 89
c) Vamos ler as palavras dos três quadros abaixo. Depois, dentro de cada quadro,
vamos ligá-las às letras que elas possuem: AM, EM, IM, OM ou UM.

TROMBA AM
/

empano
.

am � ..arm.

CUMPRIR EM combate em

EMBORA IM ambulância nn
1mr lrm

TAMBOR OM tumba om
� ..ô'Tíl.

CARIMBO UM impedir um

d) Vamos listar dez palavras em que a letra M aparece no fim das sílabas. Depois,
vamos escolher duas dessas palavras e formar uma frase com cada uma delas.

1- 6-

2- 7-

3- 8-

4- 9-

5- 1 0-

1 90 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


e) Agora vamos completar as palavras abaixo com as letras M ou N. Lembre-se:
antes de P e B e no final das palavras usamos a letra M.

1 BO BEIRO
1 1 FO TE
1
1 PI GO
1 1 CA PO
1
1 CA TAR
1 1 DE TE
1
1 TA B ÉM
1 1 TE PO
1
1 bo bo
1 1 so
1
1 1 1 1
A

pa _ tano a _ JO

1 j ardi _
1 1 Belé
1
1 u _ bigo
1 1 ge _ te
1
1 1T\U._�
1 1 "'lr('._ _k
1
. Íunn
1 r- 1 1 b_k
1
1 k_�
1 1 r-
. ln
1
1
Alfabetização Jônica
F-t_ 1 1 �
1 191
Atividade 109. Produção de texto : cartas

Você já recebeu cartas de alguém? Agora vamos aprender a escrever cartas. Em


seguida, cada um de nós vai escrever uma carta para um colega da classe. Depois,
nós vamos colocar essas cartas no correio.

Vamos ver a carta abaixo.

Data : � 'P�. 15 � � � �O.

Saudação : � 'P.aÍrucin.

Assunto : � 1nn �?
Eu � � �
mhk .da � Dfu6. �
� �-� � �
jf-°-•
Eu mmdn � �

Despedida :

Assinatura :

1 92 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capoi·illa


Vamos escrever uma carta para um colega. Lembre-se de colocar todos estes
itens: data, saudação, assunto, despedida e assinatura.

Agora vamos aprender a preencher o envelope ! Vej am o modelo abaixo.

Este é o lado da frente, que deve conter o nome e o endereço da pessoa para
quem cada um de vocês está escrevendo e que receberá a carta. Essa pessoa é
chamada de destinatário.

Destinatário :

Rua e número :
iJnÍníctn
Rm �

�· 110
Cidade e estado : � . iJiJ
CEP : 11500-000

E este é o lado de trás, que deve conter o nome e o endereço da pessoa que está
enviando a carta, chamada de remetente, que é o autor da carta, ou seja, cada um de
vocês .

Remetente :

Rua e número : YOf,

Cidade, estado e CEP: OY1f,0- 030

Alfabetização Jônica 1 9.3


Atividade 110. Introdução dos sons irregulares da letra X

Vamos estudar os outros sons que a letra X pode ter. Vej am esta palavra: "xale" .
Nessa palavra, a letra X tem o som "x" ("eh") que vocês já conhecem.

Agora vej am estas outras palavras : "explosão", "próximo", "táxi" e "exame".


Todas elas também são escritas com a letraX, mas em cada uma delas o X tem um
som diferente. Observem:

- na palavra "explosão", o X tem valor de S, com o som "s" ;


- na palavra "próximo", o X tem valor de SS, com o som "s" ;
- na palavra "táxi", o X tem valor de CS, com o som "cs";
- na palavra "exame", oX tem valor de Z, com o som " z" .

" "
Então, a letra X pode ter estes vários sons: "eh", "s", "cs" e z .

a) Vamos ler este texto que fala sobre os sons da letra X.

Os sons do X

Sabem quem eu sou? O "xis" !


Gosto muito de brincar,
por isso meu som X
procuro sempre mudar.

Vamos ver quem percebe


-
os meus diferentes sons?
Em exercício, exemplo e exato,
X -
z
você já sabe que letra eu represento?
Se você falou o Z, meus cumprimentos.

eh
E nessas, com quem eu pareço:
-

X
xarope, caixa e faixa . . .
-
Pense bem, não vá errar,
pois meu som é de CH.

194 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


Ah ! Agora quero ver!
Apronte bem suas orelhinhas: -

excursão, explicação e exposição, X -


s
é de S o meu som. Você percebeu?

Em próximo, auxiliar e aproximar,


vamos ver se você vai acertar? -

É de SS também, X -
ss
não está gostoso brincar?

Aqui estou eu mais uma vez.


Nossa ! Aqui meu som muda bastante: -

táxi, fixar e maxilar. X -


cs
O som é de CS, não é interessante?

Agora você j á sabe


como posso aparecer.
Se meus sons você percebe
é porque já me conhece bem.

Lizette Geny Rando. Em: Apostila Positivo, língua portuguesa, 2 a. série.


Curitiba: Sociedade Educacional Positivo, 2000 .

b) Vamos ler a Ficha de leitura dos diversos sons da letraX, que está no fim do livro.

e) Agora vamos ligar o som da letraX, na primeira coluna, às palavras que têm aquele
som. Vamos seguir o exemplo e continuar a ligar as palavras. Vamos ligar cada som
com uma cor diferente.

"eh"
. "

boxe exército crucifixo expenenc1a


/México""' táxi
,
"cs" 1 explicação exemplo
"s" exame � saxofone coxa
.
exerc1c10
" "
z explosão bruxa excursão baixo
-��fabetização Jônica 1 95
d) Vamos ler estas palavras e separar as sílabas.
Palavras em que o X tem valor de CH, com o som "eh" .
1 . xale: _________________

2. xadrez: ________________

3 . xereta: ________________

Palavras em que o X tem valor de S, com o som "s" .


1 . exclamou :
2. exp l o di u : _____________

3 . excursão : -------

Palavras em que o X tem valor de SS, com o som "s".


1 . pró xi ma:
, .
) maximo: -------
- ·

3 . auxílio: ------

Palavras em que o X tem valor de C S, com o som "cs" .


1 . boxe: ____________
____

2. táxi : -------
3 . saxofone: -------

Palavras em que o X tem valor de Z, com o som "z".


1 . exército: -------
2. exame: _______ _________

3 . exagero: ________
______
_

e) Vocês sabem para que serve o táxi? Vamos pesquisar e procurar no dicionário.
Depois vamos fazer um desenho do táxi no espaço abaixo.

1 96 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


Atividade 111. Interpretação de texto : Uma turma inesquecível

Vamos ler o texto abaixo e responder às perguntas .

Uma turma inesquecível

Conheci um gato
Chamado Lencin,
Toda vez que miava
Espirrava atchim.

Conheci uma vaca


Chamada Quilate,
Dava um leite branquinho
Sabor chocolate.

Conheci um jumento
Chamado Merlim,
Comia poeira,
Cu spia capim.

Conheci uma girafa


Chamada Aída,
Só olhava para cima
De tão convencida.

Conheci um elefante
Chamado Fofão,
Pisava de leve
Com pena do chão.

Conheci uma onça


Chamada Ronron,
Se pintava todinha
Usava batom.

Conheci, conheci,
Não sei mais, esqueci.
Ei, e você também
Não conhece ninguém?

Duda Machado. Histórias com poesia, alguns bichos & eia. São Paulo: Ed. 34, 1 997 . pp. 1 0- 1 1 .

""'
Alfabetização Jônica 19
1 . Agora complete a frase a seguir com o seu nome, formando uma rima.

Conheci uma criança chamada ___________________

Toda vez que c antava _______________________

2. Como era o leite da vaca Quilate?

3 . Quem pisava de leve com pena do chão?

4. Volte ao texto Uma turma inesquecível e grife nele todos os nomes de animais.

5. Leia os exemplos abaixo e continue escrevendo as formas femininas dos nomes


dos animais. Observe os diferentes modos que podem ser usados para formar o
feminino.

macaco carneIro

g at o galo

pat o leão

r at o c ão

coelho cavalo

peru zangão

urso boi

1 98 Alessandra G. Seabra e Fernando C. Capovilla


Atividade 112. Introdução de encontros consonantais : BR e BL

Agora nós vamos aprender que duas consoantes podem vir juntas em uma sílaba,
formando os encontros consonantais. Vamos aprender alguns encontros consonantais
em que as consoantes se juntam com a letra R ou com a letra L.
Inicialmente vamos observar os encontros consonantais formados pela letra B .
Junto com a letra R , podemos formar:

BRA BRE BRI BRO BRU BRÃO

Junto com a letra L , podemos formar:

BLA BLE BLI BLO BLU BLÃO

a) Vamos completar as palavras abaixo usando o encontro consonantal BR e as


vogais indicadas na primeira linha.

A E 1 o u

--
SIL CA --
STO --
GA --
TAR --
XA

A _ ÇO _
QUE --
NCAR OM -- --
sco

b) Agora vamos completar as palavras abaixo usando o encontro consonantal BL e


as vogais indicadas na primeira linha.

A E 1 o u

--
SFEMAR EM --
MA --
NDAGEM _
QUEIO --
S ÃO

--
SFÊMIA --
FAR --
NDAR --
co --
SA

A lfabetização Jônica 1 99
c) Vamos olhar as figuras e escrever seus nomes. Depois, vamos ligar as palavras
escritas ao encontro consonantal correspondente: BR ou BL .

BR

BL

d) Você sabe fazer aquele doce gostoso de chocolate chamado brigadeiro? Vamos ler
a receita e depois fazer.

Receita de brigadeiro com coco

Ingredientes:

1 quilo de açúcar
1 lata de leite em pó
2 colheres de chocolate em pó
1 vidro de leite de coco
1 pacote de chocolate granulado

Modo de fazer:
Coloque todos os ingredientes, exceto o chocolate granulado, em uma vasilha e
misture-os bem. Amasse com as mãos até formar uma massa lisa e uniforme. Faça
bolinhas e passe-as no chocolate granulado. Coloque-as em formas de papel.

200 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


Atividade 113. Produção de texto a partir de uma sequência de figuras e já
iniciado

Observe as três figuras a seguir. Elas contam uma estória. Mas a estória j á está
começada ! Continue contando a estória até o final.

Pedro estava andando Ele foi ao médico__


�������

pela rua quando , de


repente , um c arro
passou e soltou muita
fumaç a . Pedro tos siu
bastante.

E l e v o l t o u p ar a
casa, mas não estav a
se sentindo bem.

Alfabetização Jônica 20 1
Atividade 114. Introdução de encontros consonantais : CR e CL

Agora nós vamos aprender os encontros consonantais formados p ela letra C.


Junto com a letra R, podemos formar:

CRA CRE CRI CRO CRU CRÃO

Junto com a letra L, podemos formar:

CLA CLE CLI CLO CLU CLÃO

a) Vamos completar as palavras abaixo usando o encontro consonantal CR e as


vogais indicadas na primeira linha.

A E 1 o u

--
vo ES --
VER --
STA A --
BACIA --
z

ES --
vo --
CHE --
ME --
CANTE --
CIFIXO

b) Agora vamos completar as palavras abaixo usando o encontro consonantal CL e


as vogais indicadas na primeira linha.

A E 1 o u

--
RO MOTOCI --
TA --
MA --
RO IN --
IR

--
RINETE BICI --
TA _
QUE CI -- --
BE

202 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


e ) Vamos listar palavras com os encontros consonantais CR e CL. Vamos escrever
cinco palavras com cada encontro.

CR CL

d) Vamos ler e cantar a música O cravo e a rosa .

() cravo e a rosa

O cravo brigou com a rosa


Debaixo de uma sacada
O cravo saiu ferido
E a rosa, despedaçada.

O cravo ficou doente


A rosa foi visitar
O cravo teve um desmaio
E a rosa pôs-se a chorar.

Cantiga popular.

Alfabetização Jônica 203


Atividade 115. Produção de texto a partir de uma figura e já iniciado

Observe a figura a seguir. Ela conta uma estória. Mas a estória j á está começada!
Vamos inventar a continuação da estória e escrever, terminando o texto .

.cinco-.

204 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


Atividade 116. Introdução de encontros consonantais : FR e FL

Vamos aprender os encontros consonantais formados pela letra F. Junto com a


letra R, podemos farmar:

FRA FRE FRI FRO FRU FRÃO

Junto com a letra L, podemos formar:

FLA FLE FLI FLO FLU FLÃO

a) Vamos completar as palavras abaixo usando o encontro consonantal FR e as


vogais indicadas na primeira linha.

A E 1 o u ÃO

_ QUE __ vo Á __ CA --
NHA --
TA CI --

--
LDA --
10 --
TAR A --
NTA --
STRADO AÇA _

b) Agora vamos completar as palavras abaixo usando o encontro consonantal FL e


as vogais indicadas na primeira linha.

A E 1 o u

--
VIA --
CHA A _ Ç ÃO --
co --
TUAR

--
UTA --
RTE CON --
TO --
RESTA A --
ENTE

A lfabetização Jônica 205


e) Vamos olhar as figuras e escrever seus nomes . Todos eles têm encontros
consonantais com a letra F. Depois, vamos formar uma frase com cada nome.

206 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


Atividade 117. Produção de texto: poesia

Vamos ler esta poesia.

As poesias são formadas por versos e estrofes. Verso é cada linha da poesia.
Estrofe é um conjunto de versos .

Observem que a poesia "A pagodeira" é formada por várias estrofes e cada
estrofe tem quatro versos . Em cada estrofe, o quarto verso rima com o segundo
verso.

A pagodeira

"Lá vem o Juca-ca Lá vem o Braga-ga


de perna torta-ta perna engessada-da
dançando a valsa-sa dançando rumba-ba
com a Maricota-ta." com a Imaculada-da.

Lá vem o Zeca-ca Lá vem a cidade-de


de cara chata-ta num sobe e desce-ce
dançando samba-ba pondo o que pode-de
com a Renata-ta no tal pagode-de.

Lá vem o Quica-ca
de dentadura-ra
dançando roque-que
com seu Ventura-ra.

Lá vem o Doca-ca
espinhela dura-ra
dançando tango-go
com a Ternura-ra.

Elias José. Segredinhos de amor. S ão Paulo : Moderna, 1 99 1 .

Alfabetização Jônica 207


Agora cada um de vocês vai criar sua própria poesia. Vamos tentar fazer estrofes
de quatro versos com rimas.

208 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


Atividade 118. Introdução de encontros consonantais : GR e GL

Agora nós vamos aprender os encontros consonantais formados pela letra G.


Junto com a letra R, podemos formar:

GRA GRE GRI GRO GRU GRÃO

Junto com a letra L, podemos formar:

GLA GLE GLI GLO GLU GLÃO

a) Vamos completar as palavras abaixo usando o encontro consonantal GR e as


vogais indicadas na primeira linha.

A E 1 o u ÃO

--
DE --
LHA --
LO --
sso --
PO --

A --
DAR A --
SIB --
TAR A --
NOMIA --
DAR _-VIZIR

b) Agora vamos completar as palavras abaixo usando o encontro consonantal GL e


as vogais indicadas na primeira linha.

A E 1 o u
/

--
CÊ IN --
s --
CEMIA --
SSARIO 1 --

--
DIADOR --
BA --
COSE --
BAL --
TÃO

A lfabetização Jônica 209


e) Vocês sabem o que significam as palavras "glossário" e "iglu"? Vamos procurar no
dicionário e escrever nas linhas abaixo.

glossário : _______________

d) Vamos pensar em uma palavra com GR ou com GL . Vamos escrever essa palavra
na linha dentro do quadro e fazer um desenho do que ela representa.

210 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capoi-illa


Atividade 119. Interpretação de texto: O grilo grilado

Vamos ler o texto abaixo e responder às perguntas .

O grilo grilado

O grilo coitado No fundo não ilude


anda grilado é só rep arar
e eu sei o que há. em sua atitude
pra se desconfiar.

S alta pra aqui , O grilo coitado


s alta pra ali . anda grilado
Cri-cri pra cá, e quer um anali sta
cri-cri pra lá. e quer um doutor.

O grilo coitado S eu grilo, eu sei :


anda grilado o seu grilo
e não quer contar. é um grilo de amor.

Elias José. Um pouco de tudo: de bichos, de gente,


deflores. S ão Paulo : Paulus, 1 9 82.

1 . Qual é o título da poesia?

2. Quem é o autor da poesia?

3 . Por que o grilo está grilado?

A lfabetização Jônica 21 1
4. O ruído que o grilo produz chama-se cri-cri. Quando o grilo faz esse som, dizemos
que ele cricrila. Pesquise como se chamam os sons feitos por outros animais e
escreva nas linhas a seguir, conforme os exemplos.

grilo: .crücru.k cachorro: .o.atn


gato: cavalo:

leão: ovelha:

boi: galinha:

sapo: pombo:

5 . Desenhe o grilo grilado e sua namorada no quadro abaixo . Imagine o diálogo entre
eles e escreva nos balões.

212 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


Atividade 120. Introdução de encontros consonantais : PR e PL

Vamos aprender os encontros consonantais formados pela letra P. Junto com a


letra R, podemos formar:

PRA PRE PRI PRO PRU

Junto com a letra L, podemos formar:

PLA PLE PLI PLO PLU

a) Vamos completar as palavras abaixo usando o encontro consonantal PR e as


vogais indicadas na primeira linha.

A E 1 o u

--
TA _ ÇO --
NCESA _ MOÇÃO -- MO

COM --
R A --
CIAR --
MEIRO --
FESSOR --
DENTE

b) Agora vamos completar as palavras abaixo usando o encontro consonantal PL e


as vogais indicadas na primeira linha.

A E 1 o u

--
NO --
NITUDE A --
CAR EX --
SÃO --
MA

--
CA --
ITEAR EX --
CAR EX --
RAR --
RAL

Alfabetização jônica 213


c) Vamos ler com atenção as palavras e olhar as figuras da primeira coluna. Depois
vamos completar as palavras com R ou com L , de acordo com as figuras da
segunda coluna.

PATO P ATO

PAN O P ANO

PE S O P ES O

PACA P _ AC A

214 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


Atividade 121. Desenho e produção de texto

a) Desenhe o que você fez no seu fim de semana.

b) Agora escreva uma estória sobre o que aconteceu, contando todos os detalhes.
Não se esqueça de colocar um título e de escrever sobre o que você fez, do que
você brincou, com quem e onde.

Alfabetização Jônica 215


c) Vamos completar a cruzadinha com os nomes dos brinquedos .


.-

d) Agora, escolha dois brinquedos de que você mais gosta. Escreva seus nomes
abaixo e forme frases com eles.

216 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capm'iliú


Atividade 122. Introdução de encontros consonantais : TR e TL

Vamos aprender os encontros consonantais formados pela letra T. Junto com a


letra R, podemos formar:

TRA TRE TRI TRO TRU TRÃO

Junto com a letra L, podemos formar:

TLA TLE TLI TLO TLU

a) Vamos completar as palavras abaixo usando o encontro consonantal TR e as


vogais indicadas na primeira linha.

A E 1 o u à O

--
PÉZIO ES --
LA --
GO --
MB A _ QUE PA --

--
BALHO --
ZE --
LHO --
co --
FA ENCON --

b) Agora vamos completar as palavras abaixo usando o encontro consonantal TL e


as vogais indicadas na primeira linha.

A E

A --
s A --
TA

A --
NTICO A --
TISMO

.4.�fabetização jônica 217


c) Vamos observar as figuras e ler as palavras. Todas elas têm encontros consonantais
com a letra T. Agora vamos escrever uma frase para cada figura.

OSTRA

A
/ : w�
/ lt \
ESTRELA

ATLETA

TRATOR

218 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


Atividade 123. Interpretação de texto : Gente tem sobrenome � @
Vamos ler o texto a seguir. '

Todas as coisas têm nome:


casa, janela e jardim.
Gente tem sobrenome

Tem sempre um nome


e depois do nome


� �

Coisas não têm sobrenome, tem sobrenome também.


mas a gente sim.

Todas as flores têm nome: Todos os brinquedos têm nome:


rosa, camélia e jasmim. bola, boneca e patins.
Flores não têm sobrenome, Brinquedos não têm sobrenome,
mas a gente sim. mas a gente sim.

O Chico é Buarque, o Caetano é Veloso. Coisas gostosas têm nome:


O Ary foi B arroso também. bolo, mingau e pudim.
Entre os que são Jorge Doces não têm sobrenome,
tem um Jorge Amado mas a gente sim.
e um outro que é o Jorge Ben.
Quem tem apelido
Dedé, Zacharias,
Mussum e Fafá de Belém.
Toquinho e Elifas Andreato, disponível no CD : Canção dos direitos da criança.
© 1 9 87 by TONGA (BMG Music Publishing Brasil) .

1 . Qual é o título do texto?

2 . O primeiro autor desse texto é um cantor que se chama Toquinho. Pesquise e


escreva abaixo o nome de outras músicas escritas por ele.

3 . No texto, os autores falam sobre a importância do sobrenome. Você sabe qual é o


seu sobrenome? Escreva seu nome completo na linha abaixo.

A.�fabetização Jônica 219


4. Na música, os autores citam algumas pessoas que têm apelidos, como Dedé e
Zacharias. Você tem algum apelido? Qual?

5 . Alguns apelidos são carinhosos, como Joãozinho. Outros apelidos são pejorativos,
como Porco-Espinho.

Vamos listar apelidos que são carinhosos na coluna à esquerda e, na coluna à


direita, apelidos que são pejorativos, isto é, que as pessoas não gostam muito de ter.

© ®

6. Vamos grifar todos os nomes de gente descritos no texto. Observem com atenção:
todos os nomes de pessoas são escritos com a primeira letra maiúscula. Vamos
escrever os nomes de alguns colegas da classe nas linhas a seguir. Não se esqueçam
de começar com letra maiúscula !
Atividade 124. Introdução de encontros consonantais: DR

Vamos aprender os encontros consonantais da letra D, que são formados apenas


com a letra R.

DRA DRE DRI DRO DRU DRÃO

a) Vamos completar as palavras abaixo usando o encontro consonantal DR e as


vogais indicadas na primeira linha.

A E 1

--
GÃO --
NO LA --
LHO

--
PEADO AN --
ZA --
BLAR

o u ÃO
,

--
MEDARIO QUA _ PEDE LA --

QUA _ MA --
GADA PA --

b) Agora vamos listar nomes de pessoas com o encontro consonantal DR. Vamos
seguir o exemplo.

Alfabetização Jônica 22 1
c) Vamos observar as figuras e ler as palavras. Todas elas têm encontros consonantais
com a letra D. Vamos escrever uma frase para cada figura.

QUADRO

VIDRO

LADRÃO

PADRE
222 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla
Atividade 125. Introdução de encontros consonantais : VR

Vamos aprender os encontros consonantais da letra V, que são formados apenas


com a letra R:

VRA VRE VRI VRO VRU VRÃO

a) Vamos completar as palavras abaixo usando o encontro consonantal VR e as


vogais indicadas na primeira linha.

A E 1 o à O

PALA --
LI --
LI --
NHO LI -
PALA --

b) Os encontros consonantais VL não são muito usados. Mas alguns nomes de


pessoas têm esses encontros consonantais. Por exemplo: Vladimir e Vlade.

c) Vamos ler o texto a seguir e depois grifar as palavras com VR.

Meu livrinho querido

Meu livrinho abençoado,


fonte de luz e saber;
para mim és um tesouro ,
pois agora j á sei ler.

Meu livrinho tão amigo !


Vou guardar-te com carinho,
quero ver-te sempre, sempre ,
mesmo quando eu for velhinho.

Maria Dulce S. Antunes . Em: Gerusa R. Pinto e Francis R. Pinto . Dia a dia do professor: datas
comemorativas, projetos e murais. Belo Horizonte: Fapi, 2000.

A)fabetização Jônica 223


Desenhem seu livro preferido no espaço abaixo e escrevam o nome dele.

Nome do livro:

d) Agora Yamos ler esta estória:

As letras intrometidas

To das as l et r i n has do alfabeto eram mu ito compo rtadas . Um


certo d ia , duas l etri nhas começaram a f i car i nq u i etas e se i ntrome­
ter no me io das sílabas . Essas l etr i n has eram o L e o R. Elas come­
çaram a entrar em al gumas sílabas , mudando o seu som.

O R , po r exemp l o , entrou na palavra PATO e fo rmou PRATO .


O L entrou n a CARA e fo rmou CLA RA !
E e l es não pararam po r aí. O L mudou o FOCO para FLOCO , o
PANO para PLA NO e o CARIN HO para CLA RIN HO!
O R mudou TE M para TR E M , G U D E para G R U D E e D A M A
para D R A M A !
Fo i uma confusão! O R entrou até n a PALA VRA! A h , não!

Texto criado especialmente para esta obra.

224 Alessandra G Seabra e Fernando C. Caporilla


Atividade 126. Produção de texto : poesias

Vamos conhecer alguns tipos de poesias . Nessas poesias, os autores brincam


com as palavras. Vamos ler a poesia a seguir em que o autor fala sobre isso.

Convite

Poesia
é brincar com palavras
como se brinca
com bola, papagaio, pião .

Só que
bola, papagaio, pião
de tanto brincar
se gastam.

As palavras não :
quanto mais se brinca
com elas
mais novas ficam.

Como a água do rio


que é água sempre nova.

Como cada dia


que é sempre um novo dia.

Vamos brincar de poesia?

José Paulo Paes. Poesia fora da estante .


São Paulo: Ática.

A)fabetização Jônica 22:;


O autor das poesias a seguir brincou de poesia! Vej am o que ele criou.

Jacaré letrado

Sérgio Caparelli. Tigres no quintal.


Porto Alegre: Kuarup, 1989.

Na poesia Jacaré letrado, o autor desenhou o j acaré formado com muitas


palavras "j acaré" .

126 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


Agora observem esta outra poesia em forma de flor:

A primavera endoideceu

Sérgio Caparelli. Tigres no quintal.


Porto Alegre: Kuarup, 1 989.

Em A primavera endoideceu, as palavras também formaram um desenho !

Alfabetização Jônica 227


Vamos brincar de criar poesias assim ! Usem o espaço abaixo.

228 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


Atividade 127. Introdução de encontros consonantais: NS

Agora nós vamos aprender um outro tipo de encontro consonantal: a união das
letras N e S no final de sílabas. Isso ocorre, por exemplo, nas palavras "transporte" e
"inspetor".

NS ns

a) Vamos ler as palavras abaixo, que contêm o encontro consonantal NS, e depois
reescrever as palavras separando as sílabas.

TRANSPORTE msprrar

GARAGENS bombons

INSPETOR instituir

CONSTANTE


TRENS

CONSTITUIR �
transtorno �
polens

instável �

A lfabetização Jônica 229


b) Vamos observar alguns itens da atividade anterior. Eles formam o plural de certas
palavras, conforme ilustrado a seguir.

TREM TRENS

BOMBOM B OMB ONS

Agora vamos escrever o plural das palavras abaixo.

PAJEM : _________ REFÉM : ------

PAISAGEM : ------
MIRAGEM : ------

SOM: B OM : -------

UM : -------
FIM : -------

Vamos escolher três palavras que contêm o encontro consonantal NS e formar


uma frase com cada uma delas.

230 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilll


Atividade 128. Interpretação de texto: O burrico e o jumento

Vamos ler este texto todos juntos e, depois, responder às questões :

O burrico e o jumento
Um burrico e um j umento pastavam sos segado s quando o fazendeiro o s
pegou para transportar carga p ara a fazenda vizinha. O burrico recebeu u m
grande fardo d e s al para o gado, e o j umento , u m enorme fardo c o m toda a
colheita de bucha seca.
Como a fazenda era longe e a sua carga de sal era muito pesada, numa
parada no meio do caminho, todo suado e ofegante, o burrico que carregava sal
pediu ao j umento que o aj udasse e dividi s s e o fardo . O burrico pediu que cada
um carregas se meia carga de sal e meia carga de bucha, as sim não ficaria pesa­
do para ninguém. No entanto, como o j umento era muito egoísta, ele não concor­
dou , e di sse que cada um deveri a carregar seu próprio fardo . E assim retoma­
ram a longa caminhada, o pobre burrico quase desmontando sob o peso do sal ,
e o egoísta j umento , feliz d a vida com a sua leve carga de bucha .
Contudo, o caminho para a fazenda pas sava por u m largo rio . Quando esta­
vam cruzando o rio , o fardo de s al do burrico foi se di s s olvendo e di s solvendo
até desaparecer na água, e a carga que era muito pesada se tornou tão leve que
ele nem acreditou quando chegou tão aliviado à outra margem.
Já a carga de bucha seca do j umento foi ab sorvendo a água do rio e se
tornando cada vez mai s inchada e pesada, de modo que a c arga que era leve se
tornou tão pesada que ele nem acreditou quando não cons eguiu sequer subir a
margem do rio . Depois de tentar levantar o enorme fardo de bucha encharcada
até a margem, o j umento acabou desistindo . Tentou e tentou gritar por aj uda,
pedindo ao burrico que dividi s sem a carga. Mas , como estava cansado e sem
fôlego de tanto carregar peso , ele nem conseguiu gritar. Quando tentou de novo,
percebeu que já estav a sozinho e que não havia mai s ninguém para aj udá-lo .

A lição que podemos aprender com essa estória é que devemo s s empre
aj udar o outro a carreg ar o seu fardo , pois nunca s abemo s quando nós mesmos
iremos precisar de aj uda.
Conto popular adaptado.

a) Quais são os animais que aparecem no texto?

A lfabetização Jônica 23 1
b) Você j á viu um burrico ou um jumento?

c) Grife, no texto, as palavras que você não conhece. Depois procure no dicionário o
que elas significam.

d) Esse texto transmite uma mensagem, ele tem uma moral. Essa moral é descrita no
último parágrafo. Leia novamente o último parágrafo e escreva a moral do texto
com as suas palavras.

e) Você acha importante ajudar as outras pessoas?

f) Escreva como você pode ajudar seus familiares e seus amigos.

g) Agora desenhe, neste quadro, você ajudando alguém.

232 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capovilla


Atividade 129. Introdução dos sinais de acentuação

Agora nós vamos aprender a usar os sinais de acentuação nas palavras. Vej amos
como é fácil.

Este sinal se chama til. Ele é usado sobre as vogais A e O, deixando-as com
um som nasal.
Exemplos : avião, coração, leões, tubarões, cartões, fogão e pavão.

Este sinal se chama acento agudo . Ele é usado sobre todas as vogais, sendo
que, quando é usado sobre as vogais E e O, ele as deixa com um som aberto.
Exemplos : água, café, elétrico, índio, suíno, ótimo, saúde e último.

Este sinal se chama acento circunflexo . Ele é usado sobre as v o g ai s A, E e O,


A
deixando-as com um som fechado.
Exemplos: âncora, câmara, você, pêssego, êxito, ônibus, bônus e vôlei.

Sempre que uma sílaba é acentuada, ela é pronunciada com mai s fo rç a ou


ênfase.

a) Leia e observe a diferença nas palavras abaixo. Quando usamos o acento agudo, as
vogais ficam com o som aberto. Quando usamos o acento circunflexo, elas ficam
com o som fechado.

óculos ônibus
café bebê
,, "
arvore ancora

b) Vamos ler as palavras abaixo e colocar os sinais de acentuação indicados .

- anao pao oraçao Joao coraçao

saude bone ola mascara passara

A voce pave ancora onibus tenis

Alfabetização Jônica 233


c) Agora vamos ler as palavras abaixo e colocar os sinais de acentuação que estão
faltando.

reumao nao ultima verao tambem c1po

mamae historia numero musica gemo taxi

prox1ma maximo maos pagma to nico coraçao

circulo pamco sene mnguem pe silaba

anoes bebes no ceu chapeu alem

J acare retangulo gemeos pi cole atençao hipopotamo

copia lingua timida limao medico nos

naçao açucar pao hortela fe chule

d) Vamos ler, no fim do livro, a Ficha de leitura com palavras contendo sinais de
acentuação.

234 Alessandra G Seabra e Fernando C. Caporilla


Atividade 130. Interpretação de provérbios

Vamos conhecer um outro tipo de texto. São os provérbios. Todos nós conhe­
cemos alguns provérbios. Por exemplo :

�.

�.

Os provérbios têm uma moral, ou sej a, eles transmitem uma mensagem de


orientação que nos aj uda a viver de modo mais correto e digno .

a) Vamos ler os provérbios a seguir. Depois vamos conversar com nossos colegas
sobre a moral de cada um deles e escrever nas linhas abaixo.

1. � iwn.

D
2. .9JJ.l;i.
�·

Alfabetização Jônica 235


b) Exi stem provérbios típicos de outros povo s . Vamos ler estes provérbios e
observar em que países eles foram criado s . Depois vamos pesquisar, no mapa,
onde ficam esses países .

País Provérbio

Arábia Saudita A sabedoria consiste em dar antes que lhe sej a solicitado.

Quando fizeres o bem, oculta-o; quando te fizerem o bem,


Arábia Saudita
proclama-o.

Fica sempre um pouco de perfume nas mãos que oferecem


China
rosas.

Egito Encara o sol, e as sombras cairão atrás de ti.

Espanha Amanhã é sempre o dia mais ocupado da semana.

Grécia Começar já é metade de toda ação.



Quando falares, cuida para que tuas palavras sej am melhores
India
que o silêncio.

Agora escolha um desses provérbios, copie-o no quadro abaixo e desenhe o


que ele representa.

236 Alessandra G Seabra e Fernando C. Capo\"illa


Atividade 130. Interpretação de provérbios

Vamos conhecer um outro tipo de texto. São os provérbios. Todos nós conhe­
cemos alguns provérbios. Por exemplo :

�.

�.

Os provérbios têm uma moral, ou sej a, eles transmitem uma mensagem de


orientação que nos aj uda a viver de modo mais correto e digno .

a) Vamos ler os provérbios a seguir. Depois vamos conversar com nossos colegas
sobre a moral de cada um deles e escrever nas linhas abaixo.

1. � iwn.

D
2. .9JJ.l;i.
�·

Alfabetização Jônica 235


Folha mnemônica Alfabeto

� �
�- ��
lnd10
Elefante
1 i
Ee j _i
E. _g_

$
(\.!'----

� --..::,--��

Macaco Navio

c:--9�
L I Pp
IQ 'P f Pato
Leão

K k �
Kiwi
%1 Queij o

J j
Rr
R .n.

1�
Rato

Jacaré
Ss

Hh
rJ,:i
Sapo
1f. R

Hipopótamo
Tt
J1
Jt
Tartaruga

Gato
Vv
üJ1r
Vaca
Ff

Foca 3� Ww
'W JJ..L

��
Walkman
D d
DJ Xx
Dominó
Xrx
Xícara
Cc
C .c
Cachorro

B aleia
Bb
B _Q,_
z

�1
z

�Zebra
Fichas de Leitura

Ficha de leitura das vogais

AI AU ou

EU AO

EI UI IA
�\\tf�1
) ,_,

h"1-r
')\ r- - OI UAI

Alfabetização Jônica - Seabra & Capovilla 239


Ficha de leitura da letra F

FA FE FI FO FU

FUI

FOI FIO

FEIA

FOFO

AFIA

FAFÁ

AFIOU

Alfabetização Jônica - Seabra & Capovilla 24 1


l Fíclta de feitura da letra J

JA JE JI JO JU

FEIJAO
,...,

JUJU

JÁ JIJI

JOAO FUJA
,...,

FEIJÓ JAÚ

Alfabetização Jônica - Seabra & Capovilla 243


Ficha de leitura da letraM

MA ME MI MO MU

MIMO MIOU MEIA

EMA MEU

MAO

MIMOU

Alfabetização Jônica - Seabra & Capovilla 245


Ficha de leitura da letra N

NA NE NI NO NU

NO MENINO .

NOME ANO

NAO
"' ,.._

NENE

Alfabetização Jônica - Seabra & Capovilla 247


Ficha de leitura da letra V

VA VE VI VO VU

vovó VOVÔ AVIAO


,..,

VIÚVA voou VEIO

VOA VIU

UVA ovo

OUVE VIVA

·
Alfabetização Jônica - Seabra & Capovilla 249
Ficha de leitura da letra Z

ZA ZE ZI zo zu

ZEZE ZUZA
/

ZIZI ZOA

OZÔNIO

Alfabetização jônica - Seabra & Capovilla 25 1


Ficha de leitura da letra L

LA LE LI LO LU

OLÁ LUA FALA

ALO LÁ
A

ALI LULA LEI

LEU ELA

LAMA VALE MALA

A lfabetização Jônica - Seabra & Capovilla 253


Ficha de leitura da letra S

SA SE SI so su

SOFÁ SUA SEI

soou
SAIU

SIM SEU SAO


,..._,

ESSE SALA

SAIA ISSO

Alfabetização Jônica - Seabra & Capovilla 255


Ficha de leitura da letra R

RA RE RI RO RU

RIFA RAIO

RUA RIO

,,,

REU ROEU

RE
,,,

RIU ARREIO

RALO

:1t1'.fabetização Jônica - Seabra & Capovilla 257


Ficha de leitura da letraX

XA XE XI xo xu

EIXO FAIXA
IT E
XEXEU XIXI xo
/ "

XALE
XAXIM

XAXADO FEIXE

Alfabetização jônica - Seabra & Capovilla 259


Ficha de leitura da letra B

BA BE BI BO BU

ABA BOA

BEBE OBA BEBE


A

BOBO

BOIA

BABAO BEBI BAÍA


l"W

Alfabetização Jônica - Seabra & Capovilla 26 1


Ficha de leitura da letraC

CA co cu

CACO cuco

rw

CAO

CUCA OCO

CUIA CACAU CUÍCA

CAMELO

Alfabetização Jônica - Seabra & Capovilla 263


Ficha de leitura da letra P

PA PE PI PO PU

PAPO PAPAI PE
,,

PIPA SAPO

PÓ PIA PILAO
-

PELE

PAO PIPOCAPÁ
-

Alfabetização Jônica - Seabra & Capovilla 265


Ficha de leitura da letra D

DA DE DI DO DU

DIA DÓ

DEU DOEU

DOIDO

LADO

DUDU

DOIDAO
-

Alfabetização Jônica - Seabra & Capovilla 267


Ficha de leitura da letra T
, .

TA TE TI TO TU

TATO TATU TUBA

TEU OITO

TAO
-

TITIA TUA

TITIO TOMADA ATE


,,,

@
TACO TOC A

Alfabetização Jônica - Seabra & Capov.illa 269


Ficha de leitura da letra G

GA GO GU

GOMA GAGÁ

GUGA

GOLE GAGO

GOIABA GAIOLA GOELA

GAITA GAIATO

Alfabetização Jônica - Seabra & Capovilla 27 1


Ficha de leitura da letra Q em QUE e QUI

QUE QUI
AQUI QUEIJO

QUIBE

AQUILO

QUINA QUIETO

--

Alfabetização jônica - Seabra & Capovilla 273


Ficha d e leitura da letra H

HA HE HI HO HU

HALITO
,,,

HINO HONESTO

HERÓI HUMANO

HAVIA HIGIENE HOSPITAL

� HELICÓPTERO HIENA

HUMOR HELICE

HOTEL HUMILDE HOMEM


r

HEPATIIE
Q . ,.. ,,,

-
)) HIPOPOTAMO
f= "'
RF ,
���:?<:.;"---� HABITO
HORÁRIO
HEBREU

HÁBIL HASTEAR HORA

Alfabetização Jônica - Seabra & Capovilla 275


Ficha de leitura das letras K, W e Y

KART
KARAOKÊ

KIWI

KETCHUP
KUNG FU

WINDSURF

WATI WALITA

YASMIM
WEB YOPA

Alfabetização Jônica - Seabra & Capovilla 277


Ficha de leitura do dígrafo CH

CHA CHE CHI CHO CHU

ACHAR � BOCHECHA

CHICO CHICÓRIA

CHALEIRA CHÁ

CHUVEIRO
CHUVA

BICHO

CHINELO

CHUCHU FICHA

Alfabetização Jônica - Seabra & Capovilla 279


Ficha de leitura comparativa entre X e CH

X CH
LIXA CHAPA

LUXO CHEFE
COXA CHUVA
BAIXO CHOCOLATE
FAIXA CHEGAR
AMEIXA CHUCHU

CAIXAO CACHORRO
XALE FLECHA
CAIXA CHAVE
MEXER CHIC O TE
LIXO CHUPETA
ROXO CHINELO
PEIXE
,,,

CHA
PUXA CHUVEIRO
FAXINA CHEGADA
XICARA
,,,

FICHA

Alfabetização Jônica - Seabra & Capovilla 28 1


Ficha de leitura das sílabas QUA e QUO

QUA QUO

TAQUARA QUATI

AQUÁRIO
QUADRADO
,....,

QUAO

QUATRO QUARTA

AQUOSO AQUARELA



���
�� ':::1 �

QUALIDADE
QUARTO

AQUOSIDADE QUANTO

A (fabetização Jônica - Seabra & Capovilla 283


Ficha de leitura das sílabas CE e CI

CE CI
A

VOCE CAPACETE CIDADE

DOCE CINEMA CELA

RECIBO CILADA CEDO

CIDADAO
-

MACIO VACINA

OFICINA CEBOLA

CIÚME TECIDO
CÉU

FOICE RECEITA BACIA

FACE CENOURA CEM

"I O C:
Ficha de leitura do texto Cadê o toucinho que estava aqui?

Cadê o toucinho que estava aqui?


Cadê o toucinho que estava aqui?
O gato comeu .
Cadê o gato ?
Fugiu pro mato .
Cadê o mato ?
O fogo queimou .
Cadê o fogo ?
A água apagou .
Cadê a água?
O boi bebeu .
Cadê o boi ?
Está carregando milho .
Cadê o milho ?
A galinha comeu .
Cadê a galinha?
Está botando ovo .
Cadê o ovo ?
O frade bebeu .
Cadê o frade ?
Está rezando missa.
.· �
--�

Cadê a missa?
Está no altar.
Cadê o altar?
Está na igrej a.
Cadê a igrej a?
Está no seu lugar.

Folclore Popular
' . �����

l �.:aç ão fónica - Seabra & Capovilla 287


Ficha de leitura do dígrafo NH

NHA NHE NID NHO NHU

LINHA BANHO NINHO

CAMINHAO
,..,,

PINHA

BANHA PUNHO

TENHO CAMINHO RISONHO

ESPINHO SONHO CUNHADO

TINHA UNHA JUNHO

ARANHA VIZINHO

COZINHA MINHOCA RAINHA

JOANINHA GAFANHOTO

Alfabetiza ç ão Jônica - Seabra & Capovilla 289


Ficha de leitura do texto Tamanho das coisas

Tamanho das coisas

Três gatos estavam brincando no pátio . Um era o

gato amarelo . O outro, o gatão preto. E o menor de

todos era o gatinho cinzento .

Havia uma grande poça de água no pátio. O gatinho

cinzento correu para lá e olhou para dentro da poça.

Na água ele viu um gato olhando para ele. O gatinho

cinzento fez uma careta, o gato da poça fez uma careta

também !
O gatinho cinzento saiu correndo e começou a gritar:
- Corram, corram, um gatão cinzento vem atrás de

nos .

Ofélia Fontes . O gato medroso . Rio de Janeiro : Ediouro .

A lfabetização jônica - Seabra & Capovilla 29 1


Ficha de leitura das sílabas GE e GI

GE GI
TIGELA GELATINA GELEIA

GEMA GIBI GEMIDO

GILETE GELADEIRA

"'

EUGENIA
AGITADA FUGIU

MÁGICA GINÁSTICA

GELO
LÓGICO
GENTIL

COLÉGIO RELÓGIO GIRAS SOL

Alfabetização Jônica - Seabra & Capovilla 293


Ficha de leitura do texto O girassol

O girassol

Sempre que o sol

Pinta de anil

Todo o céu

O girassol fica

Um gentil carro ssel

O girassol é o carro ssel das abelhas .

Vinícius de Moraes. A arca de Noé.


São Paulo: Companhia das Letrinhas, 1 99 1 , p. 22.
Direitos autorizados por VM Empreendimentos Artísticos e Culturais Ltda. ;
© VM E © Cia das Letras (Editora Schwarcz)

Alfabetização Jônica - Seabra & Capovilla 295


Ficha de leitura das sílabas GUE e GUI

GUE GUI

AÇOUGUE

CHEGUEI
-

GUIDAO

FOGUETE ;2 GUIAR APAGUE



FORMIGUEIRO PAGUE

GUERRA GUINDASTE

GUIRLANDA GUINCHO

GUITARRA

AGUIA

GUIA

GUINADA

GUILHERME

Alfabetização Jônica - Seabra & Capovilla 297


Ficha de leitura das sílabas GUA e GUO

GUA GUO

GUARANÁ
,,

GUARÁ LINGUA

LINGUARUDO
-
� GUARANI

,,
-
AGUA ÉGUA RÉGUA

PARAGUAI AGUOU GUACHE

AGUADO

AGUAR
,,

INGUA

SAGUAO AGUARDENTE AGUARDE


,....,

LÉGUA ÁGUO AGUARDAR


Alfabetização Jônica - Seabra & Capovilla 299
Ficha de leitura do dígrafo LH

LHA LHE LHI LHO LHU

B OLHA ORVALHO GALHO

ESPANTALHO ROLHA TRABALHA

COELHO
BRILHA ESPELHO

MOLHAR MOLHADO OLHO

CALHA AS SOALHO

PALHAÇ O

VERMELHO ESPALHA JOELHO

ALHO COALHADA CHOCALHO

Alfabetização fónica - Seabra & Capovilla 30 1


Ficha de leitura do texto O medo do menino

O medo do menino
Que barulho estranho,
vem lá de fora,
vem lá de dentro ? ! . . .

Que barulho medonho


no forro ,
no porao,
na cozinha,
ou na despensa ! . . .

S erá fantasma
ou alma penada?
S erá bicho furioso
ou barulhinho de nada?

E o menino olha
na escura escada
e não vê nada.

E olha na vidraça
e uma sombra o ameaça.

Quem se esconde ?
Esconde onde ?

E o menino encolhe ,
fica todo enroladinho .
E se embrulha nas cobertas ,
enfia a c abeça no traves seiro
e devagar, de-va-ga-ri-nho ,
sem segredo ,
vem o sono
e some o medo .

Elias José. Segredinhos de amor. São Paulo: Moderna, 1 99 1 .

Alfabetização Jônica - Seabra & Capovilla 303


Ficha de leitura do Ç

ÇA ÇO ÇU
CAÇA ROÇA FUMAÇA

PEDAÇ O AÇÚCAR BEIÇUDO

ESPAÇ O COLEÇAO

ANIMAÇAO
- -

EMOÇAO MOÇA

TAÇA POÇO AÇO

BAGAÇ O
-

SOLUÇO PESCOÇO ORAÇAO

CABEÇA CORAÇAO
ONÇA
A lfabetização fônica - Seabra & Caoovilla 305
Ficha de leitura comparativa entre R inicial, RR, R intervocálico e
R no fmal de sílaba

R no início de R no final de
RR R intervocálico
palavra sílaba

RAB O BARRA CARA COLAR

RAMO SERRA VARA PORTA

REDE TERRA ARAME CARTA

REI SURRA BURACO FORTE

REMO CORRE AMARELO COMER

RIU VARRE CARETA DOR

RODA CORREIA AREIA PERTO

RODO BARRIGA MARIDO SORTE

ROEU CORRIDA PERIGO CORTAR

ROLA SORRISO FERIADO ACORDAR

ROMA BURRO FAROFA CALOR

ROUPA FERRO GAROTA SORVETE

RUA VERRUGA XAROPE LAR

RUDE GARRAFA PERU CERTO

RUMO BARRACA URUBU MAR

Alfabetização Jônica - Seabra & Capovilla 307


Ficha de leitura comparativa entre S inicial, SS, S intervocálico e
S no final de sílaba

S no início S intervocálico S no final de


ss (som "z")
de palavra sílaba
SAPO PASSEIO CASA PASTA

SOMA ASSADEIRA MESA COSTAS

SUOR PROFESSORA RISO ROSTO


,....

SENTIR VASSOURA LOUSA MES


,,

SJNO PASSARO ROSA FESTA

SONECA SESSENTA COISA PASTEL

ES QUILO
,....

SAB ONETE PESSOA ESOFAGO


,,

SENTAR DEZESSETE ISOLAR HISTORIA

SOPA ASSINATURA ANALISAR HOSPITAL

suco SOSSEGO ASA ASMA


,,

SINAL RUSSO HIPOTESE PESCA

Alfabetização Jônica - Seabra & Capovilla 309


Ficha de leitura da letra L com som ''u"

FUNIL MIL ANEL

PAPEL BOLSA

MEL PULSO

CARRO S SEL AZUL

MAL

CALÇA B OLSO

FIL'IRO �- ALFACE

.Njabeti::_ação fônica - Seabra & Capovilla . 31 1


Ficha de leitura da letra N no final de sílaba

PINCEL ANTENA

MENTIRA VENTO MONTE

BRINCAR DANÇAR CINTO

MUND O ONZE

DENTE ANTES
'-- /;
PONTE ONTEM

ONDA TINTA CONTA

�ELEFANTE FUNDO

ONÇA CANTAR

BANDA CINZA

A lfabetização Jônica - Seabra & Capovilla 313


Ficha de leitura da letra M no final de sílaba

S OM TEMPO BOM

FIM BOMBEIRO ,� J& �í\ � LIMPO


�&f79=
MARROM SOMBRA

TAMB ÉM CAMPO

UMB IGO TAMBOR POMBA

TAMPA

CEM COMBATER

BATOM TROMPETE
( -

COMPRAR LOMBADA

COMBINAR

Alfabetização Jônica - Seabra & Capovilla 315


Ficha de leitura dos diversos sons da letra X

X com X com X com X com X com


" "
som "eh" som z som " cs " valor de S valor de SS
e com "s" e som "s "
/ /

XALE EXERCITO TAXI SEXTO APROXIMAR

/ / /

XICARA EXERCICIO BOXE TEXTO PROXIMO

PEIXE EXEMPLO FAX CONTEXTO MAXIMO

AMEIXA EXAME ANEXO EXCLAMAÇÃO SINTAXE

"'

XADREZ EXITO CONEXAO EXPLICAR PROXIMIDADE

"' /

XAMPU EXODO SAXOFONE EXCURSÃO AUXILIO

"'

BAIXO EXAGERO CRUCIFIXO EXPERIENCIA AUXILIAR

A lfabetização Jônica - Seabra & Capovilla 3 17


Ficha de leitura com palavras contendo sinais de acentuação


,.,,,,,; A
/ "
LAPIS MAO VOCE
/ "
FACIL CORAÇÃO PESSEGO
/ "
PEROLA PÃO vovo
/ "
NOS LIMAO ANCORA
/ "
COCEGAS SENSAÇÃO BEBE
/ "
so LEOES FOLEGO
/ "
E CAPITÃO ONIBUS
/ "
LINGUA CHAO MES
/ "
\lOVO ORAÇÃO . IPE
"
PÉ MAE GENIO
/ "
PICOLE BALOES LAMPADA
/ "
FE NÃO ESTOMAGO
/ "
SAUDE POE TENIS
/ A

OTIMO PIAO PORTUGUES


/ "
TAMBEM FEDAO INGLES
/ "
CEU ALEMÃO • METRO
/ "
CHAPEU PORTÃO TRANSITO
/ "
SAIDA CÃES NESPERA

Alfabetização Jônica - Seabra & Capovilla 3 19