Você está na página 1de 12

OFUN

10 Búzios abertos - Décimo sexto na ordem de chegada II II

Respondem: Iroko - Orixá Oko - Olokum - Oduduà I I

Todos Orixás Funfun -(Orunmilà- Obatalà- etc...) II II

Obs : Odù determinante I I

Arquétipo:
As pessoas portadoras deste Odù são sinceras, honestas, demasiadamente teimosas, inteli-
gentes, sabem fazer boas amizades e as conservam. Que o consulente nasceu com destino
muito proveitoso e tem Karma de ajudar família. Pessoa à qual a família um dia estará sob
sua dependência. Pessoas fadadas a viverem muitos anos, conhecendo o sucesso e a
realização plena somente depois da meia idade (vitória demorada, sempre após aos 40
anos), quando adquirem bens materiais se encontram e se realizam espiritualmente, na
medida em que se descobrem interiormente. Pessoas portadoras de problemas relacionados
com sono (ou dormem demais ou são portadoras de insônia), não gostam de seguir conse-
lhos, portadoras de grande clareza intelectual. O ovo representa Ofun Meji, envolvendo
todos os outros Odùs e a si próprio, Ofun è mãe e pai de Odù Ejionile, e possui os dois
sexos, sendo portanto hermafrodita. Ejionile, sendo seu filho mais velho, reina sobre os
demais. Ofun e portador de um Lò ( awo - segredo - mistério ), que seria na realidade o
incesto praticado com seu filho Oshê. Em decorrência disso, todos os segredos e mistérios
são regidos por Ofun que, conhecendo o segredo da morte, possui o dom de ressuscitar os
mortos. Ofun, depois de Ejionile, engendrou os demais Odùs, possuindo assim o mundo,
onde cada Odù criou e simboliza uma parte, sempre sob as ordens e leis estabelecidas por
Ofun. Suas atribuições são tantas que è impossível enumerá-las, assim como é impossível
enumerar tudo que está sob seu domínio. Odù que rege homens e mulheres, estreitamente
ligado às Kennesi e às aves ligadas à feitiçaria. Estão sob sua custodia todas as coisas que
se movem, tudo que é branco, como por exemplos os Albinos, Cavalos brancos e as
pessoas demasiadamente velhas. Comanda, juntamente com Osà, Etaogundà e Ierossun as
regras femininas. Odù muito perigoso o qual a maioria dos adivinhos omitem seu nome na
presença de profanos. É portador de uma negatividade muito grande. É um Odù velho,
rico, teimoso e não gosta da cor preta.

Quando em Irê ( + )
Vitória garantida, sucesso eventualmente garantido, fortuna em dinheiro, aquisição.
Longevidade aumento de energias físicas e espirituais, credibilidade, segurança, grande

Marcelo Alban contato:4444-0883/97268-7929 Página 66


fama no meio profissional, oportunidade de proteger toda família, realização de um grande
destino, vitória pela persistência, raciocínio claro e lúcido, velhice com independência e
lucidez. Não terá morte acidental conhecerá a velhice.

Quando em Oshogbo ( - )
Para mulher : Ficará grávida, porém poderá perder a criança, se já estiver grávida risco de
aborto. Doenças, coisas ruins, desgraças, doenças que derivam de terceiros, perigo de ser
traído por amigos, avareza, obsessão em acumular riqueza, desmoralizarão, perda do
respeito público, coisas acontecendo em ritmo lento, morte por doenças diversas (princi-
palmente barriga e sistema nervoso), trabalhos feitos, melancolia, solidão, tristeza, lágri-
mas e medo.

Doenças:
Problemas Circulatórios - Obesidade - Apoplexia - Aborto - Extirpação do Útero e do
Ovário - Cirurgias Abdominais - Inchaços - Problemas na área Respiratória (Laringite -
Faringite - Brônquios - Pulmão) - Problemas Nasais - Pressão - Coração e Sanguíneo.

Necessidades:
 Pode indicar necessidade de uma iniciação.
 Não discutir com as pessoas para provar a sua superioridade.
 Cuidado com doenças que derivam de terceiros.
 Evitar viagens.
 Se estiver doente, cuidado para não agravar ( ou Ikù )
 Evitar disputas que podem lhe causar prejuízo.
 Fazer oferenda para Ogun e para Orì.
 Soprar pó sagrado sobre seu Orì.
 Não colocar roupas escuras.
 Analisar os conselhos pelo seu conteúdo e não por quem os trazem.

OWORIN
11 Búzios abertos - Sexto Odù na ordem de chegada. II II

Marcelo Alban contato:4444-0883/97268-7929 Página 67


Respondem: Oya - Omolu - Egun - Exù II II

I I

I I

Arquétipo:
As pessoas portadoras deste Odù são alegres e se realizam em todas as áreas precocemente.
São dotados de grande sorte, atraentes, espalhafatosos, exagerados, generosos, dominado-
res e entusiasmados.

Não conhecem desafios que não possam vencer, gostam do que è bom, caro e não medem
esforços para obterem o que desejam. Pessoas assediadas por espíritos durante período de
sono. Fala de viagens e de possível gravidez. Pessoas que tem pronto restabelecimento de
saúde, nunca ficam tempo demasiado de cama. Pessoas necessitadas de iniciação espiritual.
Odù que prenuncia vida curta à seus portadores.

É um Odù muito poderoso que revela inúmeras doenças localizadas no abdome. É o


assistente direto de Ikù, a morte, durante a noite, e de GBE, a vitória, durante o dia. Cria-
dor das cores transmite a ideia do colorido, de estampado. Introduziram neste mundo as
rochas e as montanhas, as mãos e os pés dos seres humanos e as cólicas femininas.

Quando em Irê ( + ) :
Sucesso em empreendimentos comerciais ajuda financeira inesperada, amplo apoio da
família, recompensa pelos seus esforços, nobreza de atitude, uma decisão que leva a um
bom resultado, nova fase na vida profissional, planos que darão certo, proteção do alto,
ajuda de terceiros, fortuna e riqueza. Viagem com sucesso e filho a caminho.

Quando em Oshogbo ( - ) :
Morte repentina, má influência espiritual, injustiça, vítima de falsidade, feitiço pessoa
querendo lhe roubar ou lhe enganar, falsas acusações, risco de vida, acidentes, morte súbita
ou prematura, vida curta, problemas com justiça.

Doenças:
Hipertensão - Excesso de Sangue - Hipertrofia dos Órgãos - Problemas no Olho Direito -
Congestões - Problemas Respiratórios - Cardíacos - Dores de Dente - Peso nos Ombros.

Necessidades:

Marcelo Alban contato:4444-0883/97268-7929 Página 68


 Evitar problemas que não são seus.
 Não andar desacompanhado na rua ao anoitecer.
 Não desejar o mau para seus parentes.
 Deve ter paciência e agir no momento certo.
 Fazer preceito e oração para os seus antepassados.
 Ter cautela ao emitir opinião sobre terceiros.
 Oferecer Adimù para Orixá.
 Não frequentar cemitérios.
 Fazer ebò Ikù para afastar espírito de antepassado que atrapalha o consulente.
 Indica necessidade de iniciação.

E J I LA S E B O R À

12 Búzios abertos - Terceiro Odù na ordem de chegada. II II

I I

I I

II II

Arquétipo:
As pessoas portadoras deste Odù são prestativas, inteligentes justas, e possuem bom
coração. Jamais perdem a pose, mesmo quando não ocupam posição social elevada. Pessoa
quase sempre predestinada à trabalho pesado, destinada a receber boa herança e ter grande
futuro. Prenúncio de grandes batalhas na vida.

Pessoas sensíveis, amáveis e cordiais. Suas atitudes são pautadas na diplomacia, na habili-
dade e na polidez. Dotadas de profunda percepção assimilam com facilidade os conheci-
mentos de caráter subjetivo, o que fortalece suas estruturas espirituais. Pessoas de compor-
tamento instável, mudam constantemente de opinião e, para não parecerem contraditórios
preferem permanecer ''em cima do muro “, adoram relacionamentos superficiais e numero-
sos, dificilmente assumem compromissos de longa duração, o que provoca constante troca
de parceiros. A inconstância é uma das suas características mais marcantes Possuem gosto
apurado, mas ficam entediados com qualquer coisa que vire rotina. Pessoas arrogantes,
inteligentes, justas e de bom coração, detestam serem mandados. É um dos quatro Odùs
principais do sistema de Ifà, este Odù ensinou o costume de comer carne para o ser huma-
no. Representa Shuji- o sul, e Kali ( os animais selvagens que habitam as florestas, as
bestas ferozes) principalmente o xla ( hiena ) e o Kinikini (leão).Expressa a ideia de
contato, de troca, de relação entre dois seres ou duas coisas. Refere-se a tudo o que diz
respeito a união, casamento, contratos, pactos, acordos, compromissos, etc...Esta figura

Marcelo Alban contato:4444-0883/97268-7929 Página 69


exprime tudo o que entra em contato, não só por associação, como também por oposição.
Desta forma, o confronto de dois homens, dois exércitos em luta, desde que ocorra um
contato bem próximo, corpo – a - corpo, assim como um acoplamento sexual ou um par de
dançarinos em ação, estão sempre sob sua influência. Pode significar ainda o fim de uma
estadia sobre a Terra, a morte do corpo físico, daí o seu nome pode significar "cortar a
cabeça".

Quando em Irê ( + ) :
Vitória em todos os sentidos, situação de desespero que chega ao final, superação através
de esforço, fortalecimento espiritual, inteligência, posição de comando, relacionamento de
amizade se transformando em romance, vitória numa disputa, casamento ou união senti-
mental, contrato bem sucedido, Orixá protegendo esta pessoa, perdas serão passageiras,
terá ajuda de parente, dificuldade chegando ao fim. Indica filho a caminho e que boa parte
dos problemas serão resolvidos através de oferenda à Ifà.

Quando em Oshogbo ( - ) :
Discussão por causa de herança, perigo de se perder grande tarefa por não aceitar ajuda de
terceiros, indicação de viagens difíceis ou muito trabalhosas. Alguém, entre as pessoas que
o cercam, com muita inveja prejudicando o consulente, traição em sociedade, morte,
doença, casos na justiça, inimigos, troca ruim que trará maus resultados, um inimigo difícil
de ser derrotado, derrota associação prejudicial, compromissos que não podem ser satisfei-
tos tendências ao suicídio e desespero.

Doenças:
Distúrbios Nervosos - Paralisias Locais e Gerais - Falta de Coordenação Motora - Epilep-
sia - Loucura Total - Catalepsia - Dores de Cabeça - Problemas com Pressão e com Sangue
- Hemorragia - Cortes no Corpo Problema de Menstruação.

Necessidades:
 Não discutir.
 Não prejudicar os outros.
 Não emprestar dinheiro.
 Estudar bem as pessoas antes de confiar.
 Cuidado com sociedades.
 Fazer ebò para conquistar dinheiro e caminhos abertos.
 Prestar atenção ao colocar seus planos em prática, ao contrário colocará tudo à
perder por causa de detalhe.
 Mulher: Não deve ter dúvida para realizar seus desejos.
 Firmeza na defesa de seus direitos.
 Perdoar os erros e ofensas de parentes mais novos.
 Não cultivar rancores e/ou querer desforras.
 Não comer a carne de qualquer animal morto por decapitação.

Marcelo Alban contato:4444-0883/97268-7929 Página 70


 Não comer qualquer alimento feito com farinha de milho.
 Não ingerir mel de abelha ou qualquer alimento que o contenha.
 Não matar ou colecionar borboletas, assim como possuir objetos,
quadros, joias, etc... adornados com as suas asas.

 No caso de viagem realizar oferenda para não encontrar o mal onde quer que vá.

EJIOLOGBON

13 Búzios abertos. Segundo na ordem de chegada II II

II II

II II
II II
Arquétipo:
As pessoas portadoras deste Odù são honestas, dóceis, trabalhadoras, persistentes, têm
muita vontade própria, porém, preferem ser dirigidas e orientadas por alguém de sua
confiança. Falam de gêmeos, pessoas de muito bom gosto, que conciliam simplicidade e
beleza à praticidade. Não gostam de formularem teorias ou idéias próprias, porém pos-
suem muita vontade própria, são muito conscientes sensíveis e um tanto quanto vingati-
vas. Pessoas que detém o poder do verbo. Intelectualmente receptivos, tem a capacidade
de guardar e acumular grande quantidade de informações. Pessoas que tem facilidade de
se renovar constantemente. Pessoas normalmente infelizes no amor. Vencem as maiores
dificuldades, pessoas teimosas, Suas cores são o negro e o cinza prateado, representado
por um circulo inteiramente negro ao contrário de Eje-onile, representa a noite e a mor-
te, introduziu a morte e dele depende o chamamento das almas e suas reencarnações,
participa dos rituais fúnebres, comanda a abóbada celestial durante a noite e o crepúscu-
lo. Exercem influência sobre a agricultura e toda sua produção.
Exerce grande influência e estreita relação com o elemento Terra em oposição à Eje-
onile que comanda o céu. Este Odù ensinou os homens à se alimentarem de peixes.
Alem dos peixes vieram ao mundo sob este signo o couro do crocodilo, o focinho do
hipopótamo, o chifre do rinoceronte os animais de hábitos noturnos que tenham pelos
ou penas, os nós das madeiras e os nós das cordas. Representa tudo que è neutro, inefi-
ciente, fatal, conformista, comum, sem importância, aquilo que cai, que se decompõe. È
o declínio do Sol o final do dia, fim de uma etapa, a noite que se aproxima e a morte,
um acontecimento nefasto, uma noticia desagradável, um falecimento, uma condenação
na justiça. Determina sempre o final radical de uma situação e/ou fim de um período
de sofrimento.

Quando em Irê ( + ):

Marcelo Alban contato:4444-0883/97268-7929 Página 71


Final de período de sofrimento, mudanças para melhor, boa orientação, desmascara-
mento, intuição correta, capacidade de convencer, fidelidade no amor, neutralidade em
relação a uma briga, vitória sobre dificuldade, surgimento de oportunidade para realizar
objetivos, afastamento de coisas ruins, desgraças e doenças, superação de dificuldades,
recompensa por sacrifícios ajuda de um visitante que trará boas noticias, escapará de
acidente ou morte, cura de doença e mudanças extremas na vida( para melhor).

Quando em Osogbo ( - ):
Fala em risco de morte para o consulente e/ou para sua família, (mulher):briga com o
marido ou a perda deste, risco de doenças contagiosas, amor impossível falta de sorte no
amor, ineficiência, falta de iniciativa, noticias ruins, impossibilidade de ser ajudado,
vida com perturbarão ilusões, doenças e pobreza. Risco de prejuízo ao se desprezar pe-
quenos detalhes.

Doenças:
Problema com o Aparelho Digestivo – Olhos – Bexiga – Útero – Queda de Temperatura
– Anemia – Obsessões – Alucinações – Depressões - Stress Emocional –

Necessidades:
 Não tomar atitudes no momento de raiva.
 Ter calma para não colocar as coisas à perder.
 Ter persistência e dar atenção constante aos detalhes.
 ( Ao babalorixá ) Soprar Yerosun em sua própria Orì.
 Ifá è quem vai trazer boas coisas (reverenciá-lo).
 Não usar perfumes muito fortes.
 Não usar roupas vermelhas
 Não cultivar plantas que produzem espinhos.
 Não beber Emù.
 Não destruir qualquer tipo de formigueiro.
 Não comer comidas muito fortes ou muito temperadas.
 Não comer carne de : Antílope – Veado e qualquer ave de rapina.
 Banhar-se com folhas de cabaceira e algas (p/ manter o Odù +)
 Usar como amuleto a pérola negra e o quartzo fumado.

IKÁ

Marcelo Alban contato:4444-0883/97268-7929 Página 72


14 Búzios abertos. Décimo primeiro na ordem de chegada. II II
I I

II II

II II

Arquétipo:
As pessoas naturais deste Odù são impulsivas, corajosas e quase sempre violentas. Ati-
vas e perspicazes, costumam deixar-se levar mais pela paixão que pela razão, tomando
atitudes inesperadas e corajosas. Pessoas vingativas, porem de bom coração. Destinadas
a ter vida longa, rápidos de reflexos, corpo normalmente esguios, desconfiadas e deta-
lhistas. Este odu sempre coloca os seus portadores em boa posição, seja social e/ou eco-
nômica. Pessoas que superam obstáculos com sua obstinação, têm tendência a serem
traídas por amizades muito próximas.

É um Odú de pessoas heroínas, pois nunca hesitam nem medem conseqüências frente ao
perigo. Pessoas que se renovam constantemente gostam de novas amizades, não gostam
de viver só, prestativas, agradáveis, vaidosas, gostam de serem notados e apontados
como os melhores de suas áreas e vivem lutando contra sua dupla personalidade.

Vivem perdendo grandes oportunidades, o que os aborrecem profundamente. Pessoas de


olhar intenso, penetrante e perigoso, vivem em constante estado de defesa, sempre pron-
tos à contra atacar, conseguem tirar proveito de qualquer situação. É um Odú de fluxo e
refluxo, e por este motivo é tido como muito rápido. Exprime a idéia de algo que esteja
prestes à explodir, e esta idéia se estende à situações como uma greve, uma briga
etc...Determina conquista pela forca sem tréguas nem piedade. É tido como um Odú de
muita riqueza.

Quando em Irê (+):


Momento oportuno para realização de objetivos, aniquilação de um inimigo, superação
de obstáculo, vitória sobre uma situação difícil e/ou sobre inimigo poderoso, coragem
para enfrentar um problema, proteção de Chefes Espirituais, tempo mais que necessário
para se fazer o que quer, sorte e fascínio com o sexo oposto, conquistas amorosas posi-
tivas, boas novas, exuberância, lucros em negócios, afinidade com arte, inteligência,
dinheiro próspero, confiança e ousadia.

Marcelo Alban contato:4444-0883/97268-7929 Página 73


Quando em Osogbo (-):
Tumultos, demanda nervosismo, confusões, violência, filho adulterino, adultério, trai-
ção, inconstância, oportunidade perdida, vingança, estelionato, calúnia, agressões, falta
de empenho, indecisão, excesso no fascínio sexual, perda de fé impulsividade.

Doenças:
Problemas Estomacais – Fígado – Vesícula – Impotência – Frigidez – Atrofias e Infla-
mações Musculares – Gravidez Problemática – Problemas com Menstruação e Fluxo
Sangüíneo – Hemorragia seguida de Aborto – Doenças de Pele(inclusive as transmissí-
veis).

Necessidades:
 Ter discernimento e coragem.
 Prestar culto ao Orixá.
 Dar comida à sua Orí para absorver sorte que está a caminho.
 Colocar planos em prática.
 Não agir com impulsividade, para não espantar sorte que está a caminho.
 Não perder a fé em si mesmo.
 Cautela com pessoas que não guardam segredos.
 Não comer amendoim (importante).
 Não beber nada em cabaça.
 Não comer carne de: Peixe defumado – Cobra – Jacaré – Pangolim – Macaco.
 Despachar nas águas todos os sacrifícios determinados pelo Odú.

OBEOGUNDÁ

Marcelo Alban contato:4444-0883/97268-7929 Página 74


15 Búzios Abertos – Décimo Quarto na ordem de chegada. I I
I I

II II

I I

Arquétipo:
Pessoas guerreiras e lutadoras, mas destinadas a serem bem sucedidas, pois a sorte está
em seus caminhos, vencem seus obstáculos e seus inimigos através da paciência, sem-
pre impulsionados pelo desejo de conquista. Pessoas que por vezes assumem atitudes
ameaçadoras visando manter eterno controle sobre qualquer situação. Corajosas, obsti-
nadas, audazes e presunçosas, porém boas de coração e sempre prontas à ajudar, traba-
lhadores, mas não muito disciplinadas. Pessoas que não medem esforços para conquista
de objetivos, pessoas seletivas em seus relacionamentos. Prenuncia problemas espiritu-
ais e problemas de ordem sentimental. É o signo da Terra e de domínio terrestre, desta
forma, tudo que está morto lhe pertence. Não deve jamais ser invocado na companhia de
Osê com referência ao grande problema gerado no encontro destes dois Odús

Quando em Irê (+):


Domínio absoluto de uma situação, prosperidade, riqueza, filho ou neto no caminho da
pessoa, sorte está em seu caminho, clareza de raciocínio, ajuda de amigos poderosos,
amor correspondido, respeito, dinamismo, vitória em justiça.

Quando em Osogbo (-):


Inveja e ambição, guerra, brigas, disputa por homem ou por mulher, falta de juízo, difi-
culdade para vencer, violência, cólera, violência sexual e/ou estupro pessoas desejando
o mal para o consulente, males diversos, inimigos, morte, derrota por excesso de sober-
ba, ciúmes, aventura com final desastroso.

Doenças:

Marcelo Alban contato:4444-0883/97268-7929 Página 75


Furúnculos – Varíola – Abcessos –Febres – Congestões – Irritações – Enfermidades
Inflamatórias – Pancadas – Traumatismos – Acidentes – Impotência – Atrofia Muscular
– Hepatite – Lesbianismo.

Necessidades:
 Fazer ebó para quebrar inveja.
 Ter discernimento e coragem.
 Prestar culto ao Orixá.
 Assumir sua parcela de culpa.
 Não comer: Macaco – Cobras – Cão – Farinha de milho ou de Sorgo – Antí lope –
Banana da Terra – Farinha de Acaçá – Feijão de Casca Vermelha – Galinha
d`angola – e qualquer animal encontrado já morto.

ALAFIA

16 Búzios Abertos – Décimo Terceiro na ordem de chegada I I


II II

I I

I I

Arquétipo:
As pessoas portadoras deste Odú são pessoas de raciocínio claro com tendência a ocu-
par cargos de chefia, comando, liderança, gerência e destaque em seu meio profissional
e social. Pessoas honestas, contam com grande proteção espiritual de Oxalá e Orunmilá.
Pessoas que tem como Karma aju As pessoas portadoras deste Odú são pessoas de raci-
ocínio claro com tendência dar a família, tendência a longevidade, um tanto quanto tei-
mosas e analíticas, críticos, rigorosos, capazes e obstinados. Sua cor é o branco, o azul e
o dourado, adora tudo o que é estampado com estas três cores, rege as raças humanas (
exceto a raça negra), a palavra , os Caramujos Ajê, os Esquilos, a Tartaruga Terrestre e
os animais inofensivos. Mestre das línguas, empresta o poder da eloqüência aos seus
portadores. Têm o domínio da boca e, como Exú diz coisas boas e más. Um Odú muito
bom quase sempre pronto à beneficiar. É um Odú rico, pessoas que são solicitadas à
resolver problemas alheios, pensam muito antes de agir e de coração bom.

Marcelo Alban contato:4444-0883/97268-7929 Página 76


Quando em Irê ( + ):

Nascimento de filho ou neto, sabedoria, conquista de objetivos, verdade, sucesso, paz,


bons lucros, recebimento de herança, viagens para o exterior, boas propostas, amor cor-
respondido, conquista de grande autoridade, poder, sorte com descendência, amizades
poderosas, oportunidade de ajudar família, rápida vitória em disputa, prazeres, sinceri-
dade, vocação artística.

Quando em Osogbo ( - ) :

Momentos difíceis, fracasso com objetivos momentâneos, excesso de rigor, influência


negativa de parente falecido, erros na educação dos filhos, sofrimento, solidão, falta de
determinação para dizer não, instintos dominando a razão, sem palavra, teimosia exces-
siva, sovinice.

Doenças:

Gravidez difícil – Excesso de Suor – Pés e Mãos gelados – Cardíaco – Pressão Alta ou
Baixa – Disfunções Fisiológicas – Apatia dos Órgãos – Relaxamento Patológico dos
Tecidos – Problemas do Sono ( falta ou excesso).

Necessidades:

 Usar branco Terça Sexta e Domingo;


 Não usar roupas apertadas.
 Colocar doces e frutas no local de trabalho.
 Não deixar de cumprir promessas.
 Não trair nem enganar pessoas que lhe ajudam.
 Fazer oferenda à Exú.
 Preceituar seus antepassados.
 Não possuir cão.
 Não portar facas ou armas brancas.
 Não vestir Agbadá.
 Não fazer uso de tabaco.
 Não ser indiscreto.
 Não comer carne de: Galo – Porco e Tartaruga.
 Não comer: milho assado e inhame pilado.
 Oferecer esmolas generosas.
 Evitar colocar roupas escuras.

Marcelo Alban contato:4444-0883/97268-7929 Página 77