Você está na página 1de 3

Tipos de linhas elétricas

Especificação e dimensionamento de eletrovias

Objetivos: definir as dimensões dos condutos que irão conter ou proteger um conjunto de cabos
contra influências externas (choques mecânicos, agentes químicos). Podem também proteger o
meio-ambiente contra incêndios e explosões resultantes de curto-circuito nos condutores.

Eletrovia: conjunto aberto ou fechado destinado a proteger os condutores e direcioná-los da fonte à


carga.

Tipos:
Eletroduto: elemento de linha elétrica fechada, de seção circular ou não, destinado a conter
condutores elétricos, permitindo tanto a colocação quanto a retirada de fiação (por puxamento).
-tubo
-conduto formado por diversos tubos

Nos eletrodutos:
-condutores isolados,
-cabos unipolares,
-cabos multipolares,
-condutor em eletroduto isolante exclusivo quando o condutor for destinado a aterramento:

a)Qualquer eletroduto pode ser embutido desde que:


-resista aos esforços característicos do tipo de construção;
-não seja danificado nos procedimentos de enfiação e retirada dos condutores quantas vezes forem
necessárias

b)Os eletrodutos que podem propagar a chama devem ser envolvidos por materiais incombustíveis
(ex.: parede, teto,lage). Para instalações aparentes, recomenda-se eletrodutos metálicos.

c)As dimensões internas dos eletrodutos e acessórios, os comprimentos entre os pontos de puxada e
o número de curvas devem permitir que os cabos possam ser facilmente instalados e retirados. Para
isto:
-condutores ou cabos não devem ocupar mais do que:
-53% da área útil do eletroduto para 1 condutor ou cabo;
-31% da área útil do eletroduto para 2 condutores ou cabos;
-40% da área útil do eletroduto para 3 ou mais condutores.
-não deve haver trecho contínuo retilíneo de tubulação (sem interposição de caixas de derivação)
superiores a 15m. Este valor deve ser reduzido de 3m para cada curva de 90o.
ex.: 3 curvas 90o: 15m – 3 x 3m = 6m
-entre duas caixas ou extremidades, devem ser previstas no máximo 3 curvas de 90o(270o), ou
equivalente; não devem ser previstas curvas com mais de 90o.

d)Caixas de derivação devem ser previstas:


-Em pontos de entrada ou saída de condutores da tubulação. Exceção: transição de linhas abertas
para eletrodutos (ex.: entrada da instalação).
-Em pontos de emenda ou derivação dos condutores ou cabos.
-Para dividir a tubulação, quando a distância for grande.

e)Quando o ramal de eletrodutos passar por áreas inacessíveis, onde não for possível colocar caixas
de derivação, aumentar a distância da seguinte forma:
-Calcula-se a distância máxima permitida, considerando-se as curvas;
-Para cada 6m ou fração de aumento além da distância máxima, utiliza-se um eletroduto de tamanho
nominal imediatamente superior ao utilizado.
ex.: valores comerciais: 50mm, 65mm, 80mm.
50mm = escolhido;
65mm para 6m adicionais;
80mm para 12m adicionais.