Você está na página 1de 14

GRUPO

CONCURSO PÚBLICO MAGISTÉRIO


Reservado ao CEFET-RN

BIOLOGIA

14/MAIO/2006
; Use apenas caneta esferográfica azul ou preta.
; Escreva o seu nome e o número do seu CPF no espaço indicado nesta folha.
; Confira, com máxima atenção, a prova, observando se há defeito(s) de encadernação e/ou impressão que
venha(m) dificultar a sua leitura.
; Em havendo falhas dirija-se ao fiscal responsável dentro do prazo destinado previamente.
; Assine esta folha e seu cartão de respostas.
; A prova terá duração máxima de quatro horas.
Boa sorte!

GRUPO
CONCURSO PÚBLICO MAGISTÉRIO
Reservado ao CEFET-RN

BIOLOGIA
Nome

Assinatura CPF

_ _ _._ _ _._ _ _-_ _

www.pciconcursos.com.br
CONCURSO PÚBLICO – BIOLOGIA
CEFET/RN – 2006

1. A aranha-da-banana e o celular providencial a) A Tiamina é uma vitamina que atua no


metabolismo do cálcio e do fósforo, mantendo os
“Picado por uma ossos e dentes em bom estado e prevenindo o
armadeira - uma aranha raquitismo.
‘venenosa’ nativa do Brasil- b) O Tocoferol é uma vitamina que atua na
um chef de cozinha coagulação do sangue, prevenindo hemorragias.
britânico teve sua vida c) O Retinol é uma vitamina necessária para o
salva ao fotografá-la com crescimento normal e para o bom funcionamento
seu telefone celular e dos olhos, do nariz, da boca, dos ouvidos, dos
mostrar a foto aos médicos pulmões e para o tratamento de várias infecções,
no hospital. A vítima não como também, evita a cegueira noturna.
corre risco de vida e está d) O Ácido ascórbico é uma vitamina que atua como
se recuperando dos coenzima em processos energéticos celulares,
ferimentos. O episódio síntese de ácidos graxos e das bases
ocorreu em Bridgewater, 200 quilômetros a oeste de nitrogenadas púricas.
Londres, quando Matthew Stevens limpava o freezer de
seu pub. A armadeira - conhecida também como aranha- 3. O colesterol é um dos esteróides mais conhecidos,
da-banana - aparentemente havia saído de uma caixa principalmente pelo fato de estar associado ao infarto
dessas frutas. do coração e a outras doenças do sistema
Para a surpresa de Stevens, a aranha era uma cardiovascular. Sabe-se que a ingestão exagerada de
Phoneutria fera, ou aranha da banana, típica do Brasil, colesterol, na forma de gorduras, animais pode trazer
sendo considerada uma das mais ‘venenosas’ do mundo diversos distúrbios à saúde. Entretanto, o organismo
segundo o Livro dos Recordes. Certamente ele não humano necessita de colesterol, pois ele participa da
sobreviveria se não descobrisse a espécie da aranha. composição da membrana plasmática das células
‘Achei que não ia sobreviver. Meu peito estava tão animais e é precursor dos hormônios sexuais
apertado que eu mal conseguia respirar. Minha pressão masculino (testosterona) e feminino (estrógeno), dos
estava chegando ao teto’, afirmou o chef. A Phoneutria sais biliares e da vitamina D. O colesterol pode ser
fera está no Livro Guinness de Recordes como a aranha transportado no sangue humano associado a
mais venenosa do mundo, segundo o Times. Diríamos que lipoproteínas (proteínas ligadas a lipídios), que são
é a mais agressiva e responsável pelo maior número de conhecidas pelas siglas LDL (do inglês Low Density
acidentes”. Lipoprotein, lipoproteína de baixa densidade) e HDL
(do inglês High Density Lipoprotein, lipoproteína de
(ZeroHora, 29/04/2005). alta densidade). Talvez você já tenha ouvido falar do
“colesterol bom” e do “colesterol ruim”. Essas
Em virtude do acontecimento descrito acima, indique qual expressões não se referem à molécula de colesterol
foi o método mais eficaz para o tratamento deste chef de em si, mas às proteínas sangüíneas encarregadas do
cozinha, logo após a inoculação do veneno em seu corpo. transporte. De acordo com as alternativas abaixo, qual
a) A aplicação de soro porque apresenta antígenos é a explicação para as expressões do “colesterol bom”
que conseguem produzir anticorpos de que e “colesterol ruim”, usadas pelos médicos para se
necessita para combater contra o veneno referir aos efeitos do colesterol sobre a saúde
inoculado pela aranha. humana.
b) A aplicação de soro porque já contém os a) As LDL são as principais transportadoras de
anticorpos necessários para a inativação dos colesterol aos tecidos e, também, são utilizadas
antígenos. na síntese das membranas celulares, sendo por
c) A aplicação de vacina porque é constituída por isso chamada de “colesterol bom”, enquanto as
microorganismos mortos ou atenuados que, uma HDL captam parte do excesso de colesterol do
vez injetada, no corpo induzem a produção de sangue, transportando-o até a vesícula biliar, que
anticorpos. o excreta na bile, sendo por isso chamada de
d) A aplicação de vacina, pois algumas células “colesterol ruim”.
passam a atuar como células de memórias, b) As LDL são as principais fornecedoras de
capazes de se tornar imediatamente ativas na colesterol aos tecidos, sendo por isso chamada de
produção de antígenos. “colesterol ruim”, enquanto as HDL captam parte
do excesso de colesterol do sangue,
2. Quanto à solubilidade, as vitaminas podem ser transportando-o até o fígado, que o excreta na
classificadas em hidrossolúveis e lipossolúveis. A bile, sendo por isso chamada de “colesterol bom”.
importância dessa classificação está relacionada ao c) As LDL são as principais transportadoras de
modo de como as vitaminas devem ser ingeridas e o glicerídeos e de colesterol, sendo por isso
seu armazenamento no organismo. Assinale a chamada de “colesterol ruim”, enquanto as HDL
alternativa que julga corretamente a vitamina e o seu captam parte do excesso de colesterol do sangue,
principal uso no corpo. transportando-o até a vesícula biliar, que o excreta

BIOLOGIA - 1

www.pciconcursos.com.br
CONCURSO PÚBLICO – BIOLOGIA
CEFET/RN – 2006

na bile, sendo por isso chamada de “colesterol 5. A figura abaixo representa diversos tipos de transporte
bom”. de substâncias que são utilizados pela membrana
d) As HDL são as principais fornecedoras de celular. O símbolo • representa as substâncias a
colesterol aos tecidos, sendo assim chamada de serem transportadas pela membrana celular.
“colesterol ruim”, enquanto as LDL são as
principais transportadoras de fosfolipídios, sendo
por isso chamada de “colesterol bom”, que por sua
vez, são utilizadas na síntese das membranas
celulares.

4. Quando se analisa a matéria que constitue os seres


vivos, encontram-se principalmente os seguintes
elementos: carbono, hidrogênio, oxigênio, nitrogênio,
fósforo e enxofre. Apenas esses seis constituem cerca
de 98% da massa corporal da maioria dos seres vivos,
o que dá a idéia de sua abundância na matéria viva. A
matéria que constitui os seres vivos revela abundância
de água. Basta dizer que cerca de 70% a 85% da
massa de qualquer ser vivo é constituída por essa Identifique cada um dos processos indicados na figura
substância. O restante distribui-se entre proteínas pelos os seguintes números: 1, 2 e 3, respectivamente:
(10% a 15%), lipídios (2% a 3%), glicídios (1%), ácidos a) Osmose, difusão simples e difusão facilitada.
nucléicos (1%) e sais minerais diversos (1%). b) Osmose, difusão simples e transporte ativo.
c) Difusão simples, difusão facilitada e transporte
ativo.
d) Difusão facilitada, difusão simples e transporte
ativo.

6. Um atleta está participando de aulas de aeróbica com


um novo Personal Trainner que o incita a continuar o
exercício até que sinta seus músculos “queimarem”,
levando a uma sensação de fadiga muscular. Sabendo
que as células musculares podem obter energia
através da respiração aeróbica ou da fermentação,
qual seria a explicação do atleta por estar sentindo
essa sensação de fadiga muscular?
a) Nos músculos estriados esqueléticos do atleta, em
“Quem está crescendo não pode esquecer da gente! Somos os
alimentos construtores”. situações de intensa atividade, pode não haver
uma disponibilidade adequada de oxigênio para
Com base na frase acima, qual alternativa correta que promover a oxidação de glicose, ocorrendo então
explicaria o papel biológico das proteínas. a fermentação láctica, em que o ácido pirúvico
a) As enzimas são proteínas que catalisam ou originado da glicólise é transformado em ácido
aceleram uma reação biológica, independente da láctico acarretando a fadiga muscular.
temperatura ou do pH do meio. b) Nos músculos do atleta, em grande atividade
b) A queratina é uma proteína com função de defesa, muscular, haverá uma intensa respiração celular
sendo impermeabilizante, encontrada na pele, no aeróbica, em que o ácido pirúvico juntamente com
cabelo e nas unhas, evitando a dessecação e que o acúmulo de oxigênio, promoverá a oxidação de
contribui para a adaptação do animal à vida glicose, com isso, acarretando uma sensação de
terrestre. fadiga muscular.
c) O vitelo é uma proteína com função estrutural, c) Na atividade intensa dos músculos do atleta, a
sendo encontrado no embrião das aves. glicose é totalmente “desmontada” e a maior parte
d) A albumina é uma proteína estrutural e abundante da energia química é transformado em álcool
no plasma sangüíneo, relacionada com a etílico, em que o ácido pirúvico originado da
regulação osmótica e com a viscosidade do glicólise é convertida em etanol, levando os
plasma. músculos a uma sensação de fadiga muscular.
d) Nos músculos do atleta, haverá uma intensa
respiração anaeróbica que consiste no processo
de extração de energia de compostos orgânicos
com a participação de oxigênio,
conseqüentemente, causando uma sensação de
fadiga muscular.

BIOLOGIA - 2

www.pciconcursos.com.br
CONCURSO PÚBLICO – BIOLOGIA
CEFET/RN – 2006

8. “A palavra biotecnologia é formada por três termos de


origem grega: bio, que quer dizer vida; logos,
conhecimento e tecnos, que designa a utilização
prática da ciência. Com o conhecimento da estrutura
do material genético - a molécula do DNA (ácido
desoxirribonucléico) - e o correspondente código
genético, teve início, a partir dos anos 70, a
biotecnologia dita moderna, através de uma de suas
vertentes, a Engenharia Genética, ou seja, a técnica
de empregar genes em processos produtivos, com a
finalidade de se obter produtos úteis ao homem e ao
meio ambiente. Os métodos modernos permitem que
os cientistas transfiram genes de interesse originados
Vermelho de diferentes organismos de maneiras antes
impossíveis e com grande segurança”.
Amarelo

Laranja

(www.monsanto.com.br/ biotecnologia)
Violeta

Verde
Azul

A ilustração abaixo mostra a diferença entre o


melhoramento tradicional de plantas e a biotecnologia
450 550 650
de plantas.

MELHORAMENTO TRADICIONAL DE PLANTAS

Muitas
características
Característica podem ser
desejada Característica
transferidas desejada

X
Planta doadora Variedade
Nova Variedade
Comercial
7. A figura acima demonstra, de forma esquemática, o
experimento clássico de Thomas Engelmann (1883),
que iluminou uma alga filamentosa com o objetivo de BIOTECNOLOGIA DE PLANTAS
investigar a relação entre os diferentes comprimentos
de onda e a fotossíntese. Na experiência, cujos Apenas a característica
valores são apresentados na figura, um espectro de desejada é transferida
Característica
luz atuava sobre o filamento de alga verde desejada
Cladophora, colocada em um meio que continha
bactérias aeróbicas. A partir da análise dessa figura,
pode-se concluir que: +
a) Os aglomerados de bactérias nos comprimentos
doador Variedade
de onda, 400nm e 650nm, representam, Comercial
Nova Variedade
respectivamente, as cores azul e vermelha,
indicando maior capacidade fotossintética, com
liberação de oxigênio. Com base nas ilustrações acima, assinale, de forma
b) O comprimento de onda verde, que representa correta, a alternativa que diferencia o melhoramento
500nm, é o mais importante para o processo tradicional de plantas e a biotecnologia de plantas.
fotossintético, pois são os mais absorvidos pela a) O melhoramento tradicional é uma ferramenta da
alga. biotecnologia agrícola que oferece maior precisão
c) A presença de bactérias aeróbicas encontradas no dos cruzamentos, permitindo a inserção de genes
comprimento de onda de 500nm indica que a cujas características são conhecidas com
fotossíntese é realizada, mesmo com ausência de antecedência. Já a transgenia é um melhoramento
luminosidade. genético clássico em que se cruzam espécies
d) Uma maior quantidade de bactérias aeróbicas nos sexualmente compatíveis ocorrendo a mistura de
comprimentos de onda entre 500nm e 700nm, metade da carga genética de cada variedade
representada, respectivamente, pelas cores verde, parental.
amarelo e laranja, indica uma maior capacidade b) O melhoramento tradicional de plantas é uma
de absorção de luz. ferramenta de pesquisa agrícola caracterizada
pela transferência de genes de interesse

BIOLOGIA - 3

www.pciconcursos.com.br
CONCURSO PÚBLICO – BIOLOGIA
CEFET/RN – 2006

agronômico (e, conseqüentemente, de c) 1 – fase S; 2 – fase G1; 3 – fase G2;


características desejadas) entre um organismo 4 – mitose; 5 – fase G1.
doador (que pode ser uma planta, uma bactéria, d) 1 – fase G2; 2 – fase S; 3 – fase G1;
um fungo etc.) e plantas, com segurança. Já a 4 – mitose; 5 – fase G1.
transgenia é a evolução deste processo em que
há uma mistura de genes de diferentes espécies, 10. A bioética, que etimologicamente significa a ética da
ocorrendo uma combinação simultânea de vários vida, é o novo campo das ciências biológicas e áreas
outros genes. afins que foi assumida pela ética. A palavra é formada
c) O melhoramento genético clássico de plantas por dois vocábulos de origem grega: bios (vida) e ética
permite um melhoramento pontual por meio da (costumes; valores relativos a determinado
inserção de um ou mais genes, com o objetivo de agrupamento social, em algum momento de sua
ampliar a variedade de genes que podem ser história). Os temas mais apresentados atualmente
introduzidos em plantas. Já a transgenia é uma pela bioética são chamados de direitos reprodutivos
ferramenta da biotecnologia agrícola que permite (esterilização, aborto, eutanásia, doenças terminais,
cruzar espécies, com o objetivo de combinar engenharias genéticas e entre outros). Hoje, a bioética
vários genes e conseqüente expressão de é uma disciplina norteadora de teorias do biodireito e
características desejáveis. para a legislação, com a finalidade de assegurar mais
d) No melhoramento tradicional de plantas, cruzam- humanismo no cotidiano das práticas médicas e nas
se as espécies sexualmente compatíveis e ocorre experimentações científicas que utilizam seres
a combinação simultânea de vários genes. Já a humanos. Os avanços da engenharia genética têm
transgenia é uma evolução deste processo, com o permitido o conhecimento mais amplo dos
objetivo de acelerá-lo e de ampliar a variedade de cromossomos, facilitando a identificação genética -
genes que podem ser introduzidos nas plantas, DNA fingerprint ou impressão digital de DNA - de um
permitindo um melhoramento "pontual" através da indivíduo pela análise de DNA, a partir de sangue, de
inserção de um ou poucos genes e da sêmen ou de fios de cabelos e outros tipos de
conseqüente expressão de uma ou poucas materiais existentes no corpo de uma pessoa. Uma
características desejáveis. das técnicas utilizadas para a identificação de
parentesco é a comparação entre os DNAs
9. Os citologistas dividem o ciclo celular em duas etapas: mitocondriais. A escolha desse teste está relacionada
divisão celular e interfase. A divisão celular é o ao fato de:
processo pelo qual uma célula se transforma em duas a) o DNA mitocondrial será herdado das duas avós,
novas células-filhas. Nesse caso, dividir significa por meio de uma mistura dos genes do pai e da
duplicar, pois as novas células são capazes de crescer mãe, garantindo uma confiabilidade à identificação
e de se transformar em células idênticas à original. Em do grau de parentesco.
geral, a divisão celular dura menos de 1 hora, o que b) o DNA mitocondrial que, por sua vez, é herdado
da avó paterna, por meio das mitocôndrias
Quantidade de DNA existentes no citoplasma, permite traçar árvores
2X familiares confiáveis.
c) o DNA mitocondrial que, por sua vez, é herdado
X
do avô paterno, por meio das mitocôndrias
existentes no citoplasma do espermatozóide do
1 2 3 4 5 pai, permite identificar o grau de parentesco com
Quantidade de DNA em relação às diferentes fases do ciclo maior segurança.
celular
d) o DNA mitocondrial que, por sua vez, é herdado
corresponde a cerca de 5% da duração do ciclo da avó materna, por meio das mitocôndrias
celular. Nos 95% do tempo restante a célula existentes no citoplasma do ovócito da mãe,
permanece em interfase, definida como o período permite traçar árvores genealógicas confiáveis.
entre duas divisões.
11. As conquistas da biotecnologia só foram possíveis
graças à descoberta de novas técnicas de cultura de
Acima, temos a representação esquemática do ciclo microorganismos e de tecidos vegetais e animais,
celular. Indique, respectivamente, as etapas 1, 2, 3, 4 além de outras técnicas laboratoriais e do isolamento
e 5, os quais contemplam as duas fases do ciclo de inúmeras enzimas. As principais enzimas que
celular. atuam nestes processos são: de restrição, ligases,
DNA polimerase e transcriptase reversa. Assinale a
a) 1 – fase G1; 2 – fase G2; 3 – fase S; alternativa que representa as funções de cada enzima
4 – mitose; 5 – fase G1. descrita acima.
b) 1 – fase G1; 2 – fase S; 3 – fase G2;
4 – mitose; 5 – fase G1. a) As enzimas de restrição podem cortar o DNA em
pontos determinados, funcionando como

BIOLOGIA - 4

www.pciconcursos.com.br
CONCURSO PÚBLICO – BIOLOGIA
CEFET/RN – 2006

verdadeiras tesouras químicas de precisão; as enzima que irá atuar fora da célula, desde o local de
ligases funcionam como cola, unindo fragmentos sua produção até o local de atuação.
de DNA, produzindo moléculas de DNA a) Retículo endoplasmático não-granuloso ⇒
recombinadas; a DNA polimerase produz fita lisossomos ⇒ meio extracelular.
complementar de DNA; a transcriptase reversa faz b) Complexo golgiense ⇒ retículo endoplasmático
a transcrição reversa de RNA para DNA. não -granuloso ⇒ meio extracelular
b) As enzimas de restrição podem cortar fragmentos c) Retículo endoplasmático granuloso ⇒
de RNA em pontos específicos; as ligases atuam complexo golgiense ⇒ meio extracelular.
como colas de precisão, unindo os nucleotídeos
d) Retículo endoplasmático granuloso ⇒ lisossomos
de RNA; a DNA polimerase sintetiza uma fita
⇒ complexo golgiense ⇒ meio extracelular.
complementar de RNA; a transcriptase reversa faz
a tradução de RNA para DNA.
14. Os leucócitos são células esféricas e nucleadas, em
c) As enzimas de restrição cortam pequenos
geral bem maiores que as hemácias. Eles se originam
pedaços de DNA em pontos variados; as ligases
a partir da mesma linhagem de células - tronco da
unem fragmentos de RNA, funcionando como uma
medula óssea vermelha que produz as hemácias. Em
cola. A DNA polimerase atua na produção de um
condições normais, há entre 5 e 10 mil leucócitos em
filamento de DNA complementar; a transcriptase
cada mm3 de sangue humano. Sua função mais
reversa faz a tradução de RNA para DNA.
importante é defender o organismo contra
d) As enzimas de restrição podem cortar o RNA em
microorganismos ou substâncias estranhas que
pontos específicos, funcionando como tesouras
penetram nos tecidos. Os leucócitos são classificados
biológicas; as ligases unem filamentos
em dois tipos básicos: granulócitos e agranulócitos.
complementares de RNA; a DNA polimerase
Dentre os agranulócitos, temos os linfócitos B e T, que
sintetiza uma nova fita complementar de DNA; a
em geral, são os principais responsáveis pela
transcriptase reversa faz a produção de proteínas.
imunidade. Assinale a alternativa que julga
corretamente o tipo de linfócito e a sua principal
função:
12. O desenvolvimento embrionário tem início com a
a) Os linfócitos B são especializados na produção de
primeira divisão mitótica do zigoto e pode ser dividido
proteínas da classe das imunoglobolinas
em três etapas: segmentação, gastrulação e
denominadas anticorpos, estes por sua vez,
organogênese. Durante a fase de gastrulação, as
reconhecem os microorganismos e as substâncias
células embrionárias continuam a se multiplicar e se
estranhas que penetram no corpo e as combatem.
organizam, formando a gástrula.
Já os linfócitos T podem ser de dois tipos
3 12 principais: auxiliadores ou linfócitos CD4 e
citotóxicos ou linfócitos CD8. Os linfócitos T
5 auxiliadores estimulam os linfócitos B a produzir
4 anticorpos e os linfócitos T citotóxicos a atacar e
destruir células anormais, como as cancerosas ou
as infectadas por vírus.
b) Os linfócitos T citotóxicos são especializados na
atividade fagocitária e produzem interleucinas que
são capazes de reconhecer os invasores e de
combatê-los. Já os linfócitos T auxiliadores
Na representação da figura acima, temos o processo produzem proteínas denominadas anticorpos e
de transição de gástrula para a nêurula de um anfíbio. reconhecem os microorganismos e as substâncias
Identifique os processos indicados da etapa I, estranhas que penetram no corpo e as combatem.
representados pelos os seguintes números: 1, 2, 3, 4 e Os linfócitos B são células responsáveis pela
5, respectivamente: produção de antígenos que reconhecem os
a) Ectoderma, blastocela, endoderma, blastóporo e microorganismos e os destroem.
arquêntero. c) Os linfócitos T auxiliadores são responsáveis pela
b) Ectoderma, blastocela, celoma e bastóporo. resposta inflamatória na região de um ferimento,
c) Ectoderma, mesoderma, endoderma, blastóporo e que, por sua vez, liberam bradicinas (pequenas
arquêntero. cadeias de aminoácidos), que estimulam células
d) Ectoderma, celoma, mesoderma, blastóporo e nervosas próximas a levar a informação da lesão
intestino primitivo. ao cérebro, que interpreta como dor. Os linfócitos
citotóxicos produzem uma proteína chamada de
13. “As enzimas são moléculas polipeptídicas grandes, histamina que desempenha um papel importante
enroladas sobre si mesmas, de modo a formar um nas inflamações e respostas alérgicas. Os
glóbulo como uma espécie de encaixe”. Assinale a linfócitos B são responsáveis pela síntese das
alternativa a seguir que indica o caminho de uma

BIOLOGIA - 5

www.pciconcursos.com.br
CONCURSO PÚBLICO – BIOLOGIA
CEFET/RN – 2006

proteínas denominadas anticorpos que atuam no a) Adsorção ⇒ Biossíntese ⇒ Penetração no


reconhecimento de substâncias estranhas. material genético da célula hospedeira ⇒
d) Os linfócitos T auxiliadores se deslocam Montagem ⇒ Liberação (lisogênico).
continuamente pelo corpo, reconhecendo as b) Adesão⇒ Biossíntese ⇒ Maturação ⇒
substâncias estranhas e coordenando a ação dos Penetração no material genético da célula
macrófagos. Os linfócitos T citotóxicos estimulam hospedeira ⇒ Liberação (lise).
os linfócitos B a produzirem interleucinas durante c) Adesão ⇒ Penetração ⇒ Biossíntese ⇒
uma resposta inflamatória.
Maturação ⇒ Liberação (lise).
d) Adsorção⇒ Eclipse ⇒Penetração ⇒ Montagem⇒
15. O BRASIL NÃO CUMPRE META DA OMS SOBRE A
Liberação (lisogênico).
CURA DA TUBERCULOSE
17. O termo “protozoário” é empregado pelos biólogos
O Brasil não cumpriu a meta da Organização
para designar um grupo de organismos unicelulares
Mundial da Saúde (OMS) de curar 85% dos casos de
heterotróficos, cujo comprimento pode variar entre 2 e
tuberculose em 2005. A doença tem tratamento barato e
seu primeiro sinal é fácil de detectar: tosse por mais de 1000µm. Algumas espécies são parasitas, habitando o
três semanas. O país ficou no patamar de 75% de cura, interior do corpo de animais invertebrados e
mas, segundo o Ministério da Saúde, deverá alcançar a vertebrados, em muitos casos provocando doenças.
meta ainda neste ano. Ontem foi o dia internacional de Assinale a alternativa que julga corretamente a
combate à doença. Anualmente são detectados cerca de doença, o agente causativo, o modo de transmissão e
85 mil casos novos da doença no país. O Brasil é o 16ª os principais sintomas causados por protozoários.
país do mundo com maior incidência em números a) A Doença do sono é causada pelo Trypanosoma
absolutos de tuberculose. gambiensis através da picada da mosca tse-tsé
Diário de Natal, 25/03/06 (Folhapress) (Glossina palpalis), levando no primeiro estágio,
febre, cansaço e anemia e no segundo estágio
São muitas as doenças que afligem a humanidade. crônico, perturbações do sistema nervoso central,
Para algumas existem vacinas, para outras não há com sonolência profunda.
cura ou tratamento. Assinale a alternativa b) A doença de Chagas é causada pelo
INCORRETA sobre esse assunto. Trypanosoma cruzi, através da picada do
mosquito Triatoma infestans, levando no primerio
a) A Sífilis é causado pela bactéria Treponema estágio, dores, febres e cansaço e no segundo
pallidum, que se transmite por via sexual ou da estágio crônico, lesões no coração e insuficiência
mãe ou do feto, durante a gestação. cardíaca.
b) A bactéria Bacillus anthracis, conhecida como c) A malária é uma doença causada pelo
antraz, causa o carbúnculo, levando a produzir Plasmodium, através da picada do mosquito-palha
uma infecção purulenta localizada quando penetra (Lutyzomia), levando geralmente a febre em
no ferimento, havendo perigo de septicemia e intervalos regulares, dependendo da espécie de
pode ser usada como uma arma biológica. plasmódio.
c) O inseto Aedes aegypti, um tipo de mosquito de d) A leishmaniose visceral é causada pela
hábitos diurnos, é o responsável pela transmissão Leishmania brasiliensis, através da picada do
do dengue. Em face dessa condição, o vírus do mosquito Anopheles, levando à febre, a cansaço e
dengue se classifica entre os arbovírus. afetando seriamente órgãos do sistema
d) Difteria, Disenteria Bacilar, Coqueluche e hematopoiético (baço, fígado e medula óssea).
Tuberculose são viroses e por isso não podem ser
tratados com antibióticos. 18. SUSHI: QUANDO O JAPÃO CONQUISTA O BRASIL
“Bolinhos de arroz especialmente temperados com sal,
16. A reprodução é o processo pelo qual os seres vivos açúcar, vinagre de arroz, envoltos de algas, com o toque
perpetuam a sua espécie. Em particular, os vírus final de peixes crus e molho de soja (shoyu). Eis alguns
enquanto não encontram uma célula em que possa dos ingredientes mais usados no prato, que enche os
penetrar, não manifestam nenhuma atividade viral. olhinhos puxados dos japoneses e, claro, os olhos gulosos
Quando encontra a célula hospedeira apropriada, o dos brasileiros que não dispensam uma boa qualidade
vírus introduz nela o seu programa genético e este nipônica”.
entra em ação, usando para isso a “maquinaria” Revista Saúde & Beleza, nº. 3 abril/2006.
bioquímica celular. O ciclo reprodutivo do bacteriófago
T4 apresenta uma seqüência de acontecimentos. Diversas espécies de algas são comestíveis, dentre
Assinale a seqüência correta dos acontecimentos do elas temos a alga vermelha do gênero Porphyra, que
ciclo reprodutivo do vírus bacteriófago T4. depois de seca e prensada, transforma-se em folhas
usadas na preparação de sushis e de outros pratos da
culinária japonesa. Além de serem comestíveis, quais

BIOLOGIA - 6

www.pciconcursos.com.br
CONCURSO PÚBLICO – BIOLOGIA
CEFET/RN – 2006

seriam outros produtos que podem ser extraídos das c) 1 – indica o lenho ou xilema, constituído de vasos
algas vermelhas? lenhosos;
a) O gellidium e a laminarina. O gellidium é um 2 – indica o líber ou floema, constituído pelos
dissacarídeo de alto poder nutritivo e também vasos liberianos ou tubos crivados;
pode ser usado na pesquisa científica, como por 3 – indica o câmbio vascular, constituído de
exemplo, na cultura microbiana. A laminaria, células responsáveis pelo crescimento da raiz.
semelhante ao gellidium, é utilizada na indústria d) 1 – indica o líber ou floema, constituído pelos
da produção de medicamentos. vasos liberianos ou tubos crivados;
b) O ágar e a carragenina. O ágar é um 2 – indica o lenho ou xilema, constituído de vasos
polissacarídeo coloidal com diversas aplicações lenhosos;
na indústria e na pesquisa científica. A 3 – indica o parênquima cortical, constituído por
carragenina, semelhante ao agar, também é várias camadas celulares, sendo responsável pelo
utilizada na indústria, principalmente para manter revestimento externo da raiz.
a estabilidade de emulsões.
c) A nitella e o ágar. A nitella é uma proteína de alto
poder nutritivo que pode ser utilizada na indústria 20. Analise atentamente o gráfico abaixo:
de medicamentos. O ágar é um lipídio coloidal que
pode ser usado na indústria de cosmético.
d) A carragenina e o gellidium. São produtos que 100 caule
gema

Estimulo
apresentam a mesma composição química – um raiz
polissacarídeo coloidal, que tem um alto valor na 50
indústria de cosméticos e na produção de
medicamentos.
0
I II III IV V
Inibição

19. O esquema abaixo apresenta um corte transversal da


região jovem de uma raiz do grupo das angiospermas. –50
Algumas estruturas estão identificadas por um número
e pelo nome, enquanto outros estão indicados apenas –100
por números.

O gráfico revela que os níveis de AIA são capazes de


6-Endoderme 3 promover o adequado crescimento de uma planta que
varia nas diferentes partes do vegetal. Com base no
7-Periciclo gráfico acima, qual é alternativa correta que tem como
base os efeitos do AIA.
a) A raiz cresce entre I e III – a partir do ponto I,
qualquer elevação na concentração de AIA eleva
5-Epiderme a taxa de crescimento da raiz até o ponto II,
concentração denominada ótima para esse órgão.
A partir do ponto II, o AIA começa a inibir o
1 2 crescimento da raiz, até que esse crescimento
cessa ao atingir o ponto III.
b) A raiz cresce entre I e II – a partir do ponto I,
qualquer elevação na concentração de AIA eleva
Com base nesses esquemas, indique os números 1, 2 a taxa de crescimento da raiz até o ponto II,
e 3, correspondentes à região jovem da raiz: concentração denominada parcial para esse
a) 1 – indica o lenho ou xilema, constituído de vasos órgão. A partir do ponto III, o AIA começa a inibir o
lenhosos; crescimento da raiz e da gema apical, até que
2 – indica o líber ou floema, constituído pelos esse crescimento cessa ao atingir o ponto IV.
vasos liberianos ou tubos crivados; c) O caule cresce entre o II e V, o AIA atua como
3 – indica o súber, constituído de células estimulador do crescimento do caule. A partir do
responsáveis pelo revestimento das raízes. ponto IV, o AIA cessa o crescimento.
b) 1 – indica o líber ou floema, constituído pelos d) O II é o ponto de concentração ótima para o
vasos liberianos ou tubos crivados; crescimento do caule e o IV é o ponto inibitório da
2 – indica o lenho ou xilema, constituído de vasos raiz.
lenhosos;
3 – indica o córtex, constituído por várias camadas 21. As angiospermas surgiram há 100 milhões de anos a
celulares que surgem a partir do meristema partir da gimnosperma e diversificaram-se pelo planeta
fundamental. graças a seu eficiente sistema de vasos condutores e

BIOLOGIA - 7

www.pciconcursos.com.br
CONCURSO PÚBLICO – BIOLOGIA
CEFET/RN – 2006

à presença de flores e de frutos (estrutura exclusiva peixes, qual a alternativa que explica corretamente
desses vegetais), que ajudam na dispersão da planta. esse processo?
Os representantes deste grupo independem da água a) Os rins são órgãos excretores que, além de retirar
para a fecundação e se reproduzem por alternância de os excretas nitrogenadas do sangue, também
gerações. No processo reprodutivo, podemos dividir participam da regulação do peixe em diferentes
em três etapas: polinização, germinação do pólen e profundidades. Se um peixe de profundidade é
fertilização. Na fertilização, o núcleo da célula trazido rapidamente para a superfície, os rins
geradora divide-se e origina duas células dilatam-se, levando o peixe a explodir.
espermáticas chegando ao ovário e promovendo uma b) A bexiga natatória encontrada nos peixes
dupla fecundação. De acordo com o processo da condrictes regula a densidade do peixe em
fertilização, assinale a alternativa correta. diversas profundidades. Se um peixe cartilaginoso
a) Na fecundação das angispospermas, um dos é trazido rapidamente para a superfície, a pressão
núcleos espermáticos funde-se com a micrópila e interna aumenta e os gases dentro da bexiga
o outro com as antípodas, formando, natatória dilatam-se, levando o peixe a explodir.
respectivamente, o zigoto e um núcleo diplóide. c) A bexiga natatória regula a densidade do peixe em
b) Na fecundação das angiospermas, um dos diferentes profundidades. Se um peixe de
núcleos espermáticos do tubo polínico funde-se profundidade é trazido rapidamente para a
com a oosfera e o outro com os núcleos polares, superfície, a pressão diminui e os gases dentro da
formando, respectivamente, o zigoto e um núcleo bexiga natatória dilatam-se, levando o peixe a
triplóide. estourar.
c) Na fecundação das angiospermas, um dos d) A bexiga natatória ou bexiga de gás controla a
núcleos espermáticos funde-se com a micrópila e flutuação dos peixes condríctes, sendo localizada
o outro com as sinérgides, formando, na porção dorsal da cavidade corporal desses
respectivamente, o zigoto e um núcleo diplóide. peixes, permitindo-lhe manter-se em grandes
d) Na fecundação das angiospermas, um dos profundidades. Se um peixe cartilaginoso é trazido
núcleos espermáticos degenera na entrada do rapidamente para a superfície, a água exerce uma
ovário e o outro fecunda a micrópila, formando o pressão cada vez menor sobre ele, comprimindo o
zigoto. gás na bexiga natatória que, por sua vez, dilata-
se, levando o peixe a estourar.
22. Um homem foi levado ao hospital e ficou internado
com convulsões e problemas neurológicos. A partir de 24. Os néfrons são unidades responsáveis pela formação
vários exames, foi constatado que ele apresentava da urina, localizados no córtex renal. Um néfron é uma
cisticercose cerebral. A família desse homem iniciou estrutura tubular que possui, em uma das
um processo na justiça contra o açougue do qual extremidades, uma expansão em forma de taça, a
comprava carne diariamente, alegando que este lhe cápsula renal, no interior da qual situa-se o glomérulo
forneceu carne contaminada com o agente causador renal. O conjunto formado pela cápsula renal e pelo
da cisticercose. A acusação contra o açougue tem glomérulo em seu interior é chamado de corpúsculo
fundamento? renal. A cápsula renal comunica-se com um longo
a) Sim, pois se adquire a cisticercose pela ingestão tubo, o glomérulo néfrico, que apresenta três regiões
de carne malcozida contendo cisticercos. Estes distintas, denominadas: túbulo contorcido proximal,
são bolsas ovóides e esbranquiçadas e alça néfrica, túbulo contorcido distal e os ductos
semitransparentes, conhecidas popularmente por coletores. Assinale a alternativa que corresponde às
“canjiquinhas”, devido ao seu aspecto. regiões do glomérulo néfrico e o seu principal uso na
b) Sim, pois a cisticercose é transmitida pelo formação da urina.
consumo de carne malcozida e contaminada por a) No túbulo contorcido proximal, ocorre a difusão e
larvas encistadas, os cisticercos. o transporte ativo executado pelas células dos
c) Não, pois a cisticercose não é transmitida pela túbulos que devolvem substâncias do filtrado para
ingestão de carne, mas, sim, pela picada de os capilares sanguíneos. Na alça néfrica ocorre
mosquitos vetores. osmose e a reabsorção de água do filtrado para
d) Não, pois se uma pessoa ingerir ovos de tênia os capilares sanguíneos. No túbulo contorcido
eliminados nas fezes dos hospedeiros, ela servirá distal ocorre o transporte ativo executado pelas
de hospedeira intermediária do verme. As células dos túbulos que removem excretas dos
oncosferas libertam-se dos ovos e podem atingir capilares sangüíneos, lançando-os na urina e os
musculatura ou cérebro da pessoa, ductos coletores recebem a urina e a conduz ao
transformando-se em cisticercos, ureter.
b) No túbulo contorcido proximal ocorre o transporte
23. Alguns representantes de peixes que habitam ativo, executado pelas células dos túbulos que
profundezas oceânicas explodem quando trazidos devolvem substâncias do filtrado para as arteríolas
rapidamente para a região da superfície. Utilizando os aferentes. Na alça néfrica ocorre difusão e a
conhecimentos sobre a anatomia e a fisiologia dos reabsorção de sais do filtrado para as arteríolas

BIOLOGIA - 8

www.pciconcursos.com.br
CONCURSO PÚBLICO – BIOLOGIA
CEFET/RN – 2006

eferentes. No túbulo contorcido distal ocorre o 26. A espécie humana possui diversas glândulas
transporte ativo executado pelas células dos endócrinas, algumas delas responsáveis pela
túbulos que removem excretas dos capilares produção de mais de um tipo de hormônio. As
sangüíneos, lançando-os na urina e os ductos principais glândulas endócrinas humanas são: a
coletores recebem a uréia e a conduzem ao hipófise, a glândula tireóidea, as glândulas
ureter. paratireóideas, o pâncreas, as supra-renais e as
c) No túbulo contorcido proximal ocorre a difusão gônadas. Assinale a alternativa que corresponde,
executada pelas células dos túbulos que devolvem respectivamente, à glândula, o hormônio e o seu
substâncias do filtrado para as arteríolas principal efeito na espécie humana.
eferentes. Na alça néfrica ocorre osmose e a a) A glândula tireóidea produz a calcitonina, que é
reabsorção de água do filtrado para os arteríolas responsável pelo aumento do nível de cálcio no
aferentes. No túbulo contorcido distal ocorre a sangue.
difusão executada pelas células dos túbulos que b) A glândula adenoipófise produz a prolactina, que é
removem excretas dos capilares sanguíneos, responsável em estimular o corpo amarelo e a
lançando-os na urina e os ductos coletores ovulação, nas mulheres, e as células intersticiais,
recebem a uréia e a conduzem à uretra. nos homens.
d) No túbulo contorcido proximal ocorre a osmose c) As glândulas paratireóideas produzem o
executada pelas células dos túbulos que devolvem paratormônio, que é responsável pelo aumento do
substâncias do filtrado para os capilares nível de cálcio no sangue.
sangüíneos. Na alça néfrica ocorre a difusão e a d) A glândula tireóidea produz os glicocorticóides,
reabsorção de água do filtrado para os capilares que são responsáveis em estimular a quebra de
sangüíneos. No túbulo contorcido distal ocorre o glicogênio no fígado.
transporte passivo executado pelas células dos
túbulos que removem excretas dos capilares 27. Além da identificação genética - DNA fingerprint ou
sanguíneos, lançando-os na urina e os ductos impressão digital de DNA - de um indivíduo pela
coletores recebem a urina e a conduzem à uretra. análise de DNA, há exames mais simples que podem
esclarecer qualquer dúvida sobre a paternidade.
25. HIPERTENSÃO ARTERIAL Temos por exemplo, o teste de tipagem sangüínea do
“A Hipertensão Arterial é a subida anormal e constante sistema ABO, que permite determinar quem não pode
da pressão arterial (“pressão alta”), que causa lesões nos ser o pai de uma criança. Assinale a alternativa que
vasos sangüíneos e favorece a ocorrência de apresenta uma situação que possa assegurar a
aterosclerose, derrame e insuficiência cardíaca, podendo exclusão da paternidade.
acometer também outros órgãos (rins, olhos etc.). É a) A criança é do tipo O, a mãe do tipo O e o suposto
necessário que o indivíduo tenha um acompanhamento pai do tipo A.
médico, faça atividades físicas, sua dieta alimentar seja b) A criança é do tipo A, a mãe do tipo A e o suposto
controlada e que diminua a ingestão de sal.” pai do tipo B.
Doenças cardiovasculares, Sérgio Linhares e Fernando c) A criança é do tipo B, a mãe do tipo B e o suposto
Gewandsznajder, 2003.
pai do tipo O.
d) A criança é do tipo AB, a mãe do tipo AB e o
A quantidade de sódio no sangue é controlada pelo suposto pai do tipo O.
hormônio aldosterona, secretado pelo córtex da
glândula renal. Assinale a alternativa que descreve o 28. Na década de 1940, Landsteiner e sua equipe
que acontece quando a quantidade de sódio baixa no descobriram um novo sistema de grupos sangüíneos
sangue? chamando-o de sistema Rh, a partir do sangue do
a) Diminui a secreção do hormônio aldosterona, que macaco Rhesus (Macaca mulatta). O sangue desse
atua sobre os túbulos contorcidos proximais e macaco, uma vez injetado em cobaias ou coelhos,
distais, estimulando a reabsorção de sódio. provocava nesses animais a síntese de anticorpos que
b) Aumenta a secreção do hormônio aldosterona, podiam promover a aglutinação do sangue doado. O
que atua sobre os túbulos contorcidos distais e fator Rh foi classificado em dois tipos: Rh positivo e Rh
sobre os ductos coletores, estimulando a negativo. O DHRN ou Doença Hemolítica do Recém-
reabsorção de sódio e do filtrado glomerular. nascido refere-se ao fato de ocorrer destruição de
c) Aumenta a secreção do hormônio aldosterona, hemácias pelos anticorpos anti-Rh. Para evitar que um
que atua sobre o glomérulo renal, estimulando a filho apresente essa doença é necessário que:
reabsorção de sódio e de um outro hormônio, a a) uma mulher Rh negativo que vai dar luz a uma
renina. criança Rh positivo, no momento do parto, receba
d) Diminui a secreção do hormônio aldosterona e uma injeção intravenosa contendo aglutinina anti-
aumenta a secreção do hormônio ADH Rh. Estes destroem rapidamente as hemácias
(Antidiurético), levando a reabsorção de água e do fetais Rh positivo que penetram na circulação
filtrado glomerular. materna durante o parto, evitando que elas
causem sensibilização na mulher.

BIOLOGIA - 9

www.pciconcursos.com.br
CONCURSO PÚBLICO – BIOLOGIA
CEFET/RN – 2006

b) uma mulher Rh positivo que vai dar luz a uma e, por sua vez, a criança fenilcetonúrica apresenta
criança Rh negativo, até o terceiro dias após o um grande ressecamento na pele.
parto, receba uma dose de vacina contendo
aglutinogênios anti-Rh. Estes destroem as 30. DESTRUIÇÃO DA CAMADA DE OZÔNIO
hemácias do feto Rh negativo que penetram na
circulação materna, evitando que causem A região mais afetada pela destruição da camada
sensibilização na mulher. de ozônio é a Antártida. Nessa região, principalmente no
c) uma mulher Rh positivo que vai dar luz a uma mês de setembro, quase a metade da concentração de
criança Rh negativo, no momento do parto, receba ozônio é misteriosamente sugada da atmosfera. Esse
uma injeção intravenosa contendo aglutinina anti- fenômeno deixa uma área de 31 milhões de quilômetros
Rh. Estes destroem os glóbulos vermelhos do feto quadrados afetada, maior que toda a América do Sul, ou
Rh positivo que penetram na sua circulação, 15% da superfície do planeta. Nas demais áreas do
evitando que elas causem sensibilização no feto. planeta, a diminuição da camada de ozônio também é
d) aplicando-se uma dose de vacina contendo sensível; de 3 a 7% do ozônio que a compunha já foi
aglutinogênio anti-Rh até o terceiro dia após o destruído pelo homem. Mesmo menores que na Antártida,
parto em uma mulher Rh negativo que vai dar a esses números representam um grande alerta ao que nos
luz a uma criança Rh positivo. Estes destroem os poderá acontecer, se continuarmos a fechar os olhos para
eritrócitos maternos, evitando que causem a esse problema.
sensibilização do feto. www.geocities.com
A camada de ozônio da atmosfera é importante para o
29. A pleiotropia é o fenômeno de um gene condicionar ou meio ambiente porque:
influenciar mais de uma característica no indivíduo. a) em camadas mais altas da atmosfera o ozônio
Um exemplo de pleiotropia, na espécie humana, é a fornecerá oxigênio, reduzindo a respiração
doença denominada fenilcetonúria. Assinale a vegetal.
alternativa correta que explica como se apresenta uma b) facilita a passagem da radiação infravermelha,
criança fenilcetonúrica. diminuindo a ocorrência de mutações genéticas.
a) Uma criança fenilcetonúrica é portadora de um par c) dificulta a reação do ácido sulfúrico com o
heterozigoto de genes autossômicos, que oxigênio, impedindo que ocorra a formação da
condiciona uma alteração na enzima hidroxilase, chuva ácida.
responsável pela conversão do aminoácido d) em camadas mais altas da atmosfera forma-se um
fenilalanina em leucina. O aminoácido leucina escudo protetor contra a penetração de um tipo de
também participa da produção de melanina e, por radiação ultravioleta do sol muito prejudicial aos
sua vez, a criança fenilcetonúrica exibe também o seres vivos.
albinismo.
b) Uma criança é portadora de um gene epistático 31. Os itens enumerados a seguir são exemplos de
que condiciona um defeito na enzima hidroxilase diferentes relações entre os seres vivos.
fenilalanina, responsável pela conversão do I- Os corais constroem um esqueleto calcário
aminoácido fenilalanina em metionina. O compartilhado por centenas, milhares ou milhões de
aminoácido metionina também participa na indivíduos de uma mesma espécie que vivem
variabilidade fenotípica da pele humana, podendo fisicamente juntos.
apresentar diferentes intensidades e, por sua vez, II- A Obelia é um cnidário que vive flutuando nas águas
a criança fenilcetonúrica exibe pele mais escura. do mar e apresenta indivíduos alimentadores,
c) Uma criança fenilcetonúrica é portadora de um par chamados de gastrozóides, e indivíduos
de alelos recessivos, que condiciona um defeito reprodutores, chamados de gonozóides.
na enzima fenilalanina hidroxilase, responsável III- Os cupins ou térmitas são insetos pertencentes à
pela conversão do aminoácido fenilalanina em ordem Isoptera, que vivem em túneis no interior do
tirosina. Em conseqüência, a fenilalanina acumula- solo ou de madeira. Os cupins apresentam pelo
se no sangue, provocando lesões no sistema menos três castas, uma delas é constituída por
nervoso central e ocasionando deficiência mental. rainhas e reis; outra casta é a dos operários; e a
O aminoácido tirosina também participa da outra dos soldados.
produção de melanina e, por sua vez, a criança IV- Algumas clorofíceas vivem no interior de células de
fenilcetonúrica exibe também pele mais clara do animais, principalmente os cnidários de água doce
que deveria ter. como a Hydra, sendo chamadas de zooclorelas.
d) Uma criança é portadora de um par homozigoto V- O cipó-chumbo é uma planta que tem raízes
dominante de genes autossômicos, que especializadas, denominadas haustórios, capazes
condiciona uma alteração na proteína fenilalanina de penetrar na planta hospedeira até os vasos
oxidase, responsável pela conversão do liberianos, de onde extrai seiva elaborada.
aminoácido fenilalanina em leucina. O aminoácido VI- As plantas epífitas crescem sobre árvores de grande
leucina também auxilia na produção da queratina porte para obter maior suprimento de luz para a

BIOLOGIA - 10

www.pciconcursos.com.br
CONCURSO PÚBLICO – BIOLOGIA
CEFET/RN – 2006

fotossíntese, principalmente no ambiente pouco compõem o aspecto característico das plantas da


iluminado do interior das florestas. caatinga, denominadas xeromórficas.
As relações descritas nesses itens são classificadas, ( ) Os manguezais ou mangues são biomas
respectivamente, como: litorâneos com vegetação arbustiva característica,
onde o solo é lodoso e salgado. Podemos
a) Colônias heteromorfas/ Colônias isomorfas/ distinguir três tipos de vegetação do mangue: o
Sociedades/ parasitismo/ inquilinismo/ mangue-vermelho (Rhizophora mangle), o
Parasitismo. mangue-branco (Laguncularia racemosa) e o
b) Colônias isomorfas/ Colônias heteromorfas/ mangue-seriba (Avicennia). Esses três tipos de
Sociedades/ Endossimbiose/ Parasitismo/ mangue estão presentes, juntos ou separados,
Inquilinismo. nas diversas regiões do Brasil. Não há vegetação
c) Colônias isomorfas/ Colônias heteromorfas/ rasteira nos manguezais, e são poucas as plantas
Sociedades/ parasitismo/ inquilinismo/ epífitas presentes. A planta Rhizophora mangle é
Parasitismo. um arbusto facilmente identificado por seus
d) Colônias isomorfas/ sociedades/ colônias rizóforos, ramos caulinares com formação
heteromorfas/ simbiose/ Parasitismo/ Inquilinismo. arqueada que penetram no solo, onde
eventualmente formam as raízes adventícias.Os
32. Sobre os principais biomas brasileiros, indique se é rizóforos são adaptações ao solo pouco firme do
verdadeiro (V) ou Falso (F) cada uma das afirmativas manguezal, conferindo maior área de sustentação
a seguir. às plantas. As plantas do gênero Avicennia têm
( ) O bioma denominado floresta pluvial costeira, ou raízes especiais denominadas pneumatóforos,
floresta atlântica, situa-se nas montanhas e que crescem eretas e emergem do solo alagado,
planícies costeiras, desde o Rio Grande do Norte garantindo a obtenção de gás oxigênio necessário
até o Rio Grande do Sul. A região sul do Espírito à respiração das raízes.
Santo e de Cabo Rio, no Rio de Janeiro, são as
únicas áreas onde esse bioma não se A seqüência correta é:
desenvolveu originalmente. A floresta Atlântica a) F – F – V – V
tem árvores com folhas largas (latifoliadas) e b) F – V – F – V
perenes, como as da floresta amazônica. A altura c) V – F – V – F
média do andar superior oscila entre 30 m e 35 m, d) V – V – V – V
mas a maior densidade da vegetação é a do andar
arbustivo. Há grande diversidade de bromélias e 33. O lançamento de poluentes por veículos automotivos e
orquídeas. por indústrias é mais ou menos constante ao longo de
( ) A floresta de araucárias situa-se nos estados do um período anual, entretanto, nas grandes metrópoles
Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná e São brasileiras que apresentam centros industriais, têm-se
Paulo, em regiões com índices pluviométricos em verificado níveis alarmantes de poluentes atmosféricos
torno de 1400 mm anuais e temperaturas junto ao solo, principalmente nos meses mais frios.
moderadas, com baixas significativas no inverno. Assinale a alternativa correta que explica a razão
A floresta de araucárias apresenta três andares deste processo.
vegetais bem definidos. O andar arbóreo é a) A poluição aumenta nos meses mais frios devido
constituído, principalmente, pelas copas do ao processo do efeito estufa, pois a energia
pinheiro-do-paraná, chegando a atingir 25m de absorvida pela superfície é reirradiada na forma
altura. O andar arbustivo é muito denso, com de calor (radiação infravermelha) para a
diversos tipos de arbusto e samambaias atmosfera, mantendo a superfície terrestre
arborescentes. O andar herbáceo há gramíneas aquecida.
formando a vegetação rasteira. b) A poluição aumenta nos meses mais frios porque
( ) A caatinga é um bioma que ocupa cerca de 10% o poluente atmosférico, o dióxido de enxofre, um
do território brasileiro, estendendo-se pelos gás tóxico proveniente da queima industrial de
estados do Piauí, Ceará, Rio Grande do Norte, combustíveis, juntamente com o dióxido de
Paraíba, Pernambuco, Alagoas, Sergipe, Bahia e nitrogênio, também liberado pela indústria, podem
o norte de Minas Gerais. A caatinga tem índices manter a temperatura terrestre mais aquecida.
pluviométricos baixos, em torno de 500 mm a 700 c) A poluição aumenta nos meses de inverno devido
mm anuais. As condições climáticas são rigorosas ao fenômeno de inversão térmica, que impede a
da caatinga e são submetidas a ventos fortes e dispersão dos poluentes.
secos, que contribuem para a aridez da paisagem d) A poluição aumenta nos meses mais frios devido
nos meses de seca. A vegetação da caatinga é ao poluente monóxido de carbono, um gás incolor,
formada por plantas com marcantes adaptações inodoro, um pouco mais leve que o ar e muito
ao clima seco, como folhas transformadas em tóxico. Esse gás é lançado pelos motores de
espinhos, cutículas altamente impermeáveis e automóveis, ônibus e caminhões e mantém a
caules que armazenam água. Essas adaptações superfície terrestre mais aquecida.

BIOLOGIA - 11

www.pciconcursos.com.br
CONCURSO PÚBLICO – BIOLOGIA
CEFET/RN – 2006

em que há alteração no número de cromossomos


34. Os itens abaixo são exemplos de adaptações que da célula.
alguns organismos apresentam em relação ao d) As aneuploidias surgem quando os cromossomos
ambiente em que vivem. se duplicam e a célula não se divide. Já as
euploidias surgem devido a erros na disjunção dos
I- A falsa-coral é uma serpente pouco peçonhenta, cromossomos durante as sucessivas divisões
mas que mantém afastados possíveis predadores celulares.
por se parecer com a coral-verdadeira.
II- As flores da orquídea Ophrys apifera 37. Os cientistas acreditam que, na história evolutiva da
assemelham-se a uma fêmea de abelha, vida, as espécies surgem normalmente por
produzindo um odor que atrai os zangões. Ao cladogênese, isto é, por diversificação de uma espécie
tentarem copular com as flores, os zangões ancestral. Ao fenômeno de formação de novas
transportam o pólen promovendo a reprodução da espécies dá-se o nome de especiação. Seguindo essa
orquídea. linha, os biólogos distinguem dois tipos de processos
III- As raposas-do-ártico têm pelagem totalmente de especiação: especiação alopátrica e especiação
branca durante o inverno, e pelagem acinzentada simpátrica.
nas outras épocas do ano, quando não há neve. Assinale a seqüência correta dos acontecimentos da
especiação alopátrica,
Assinale a seqüência correta que corresponde, a) Isolamento geográfico ⇒ formação de raças ou
respectivamente, a cada item acima. subespécies diferentes ⇒ mutações,
recombinações gênicas e seleções naturais
a) Camuflagem, mimetismo e camuflagem diferenciais ⇒ Isolamento reprodutivo.
b) Mimetismo, mimetismo e camuflagem b) Isolamento reprodutivo ⇒ formação de raças ou
c) Mimetismo, camuflagem e mimetismo subespécies diferentes ⇒ mutações,
d) Camuflagem, camuflagem e mimetismo recombinações gênicas e seleções naturais
diferenciais ⇒ Isolamento geográfico.
35. A forma hidrodinâmica do corpo de um pingüim, de um
c) Isolamento geográfico ⇒ mutações,
acará, de um ictiossauro e de um golfinho
recombinações gênicas e seleções naturais
desenvolveu-se independentemente nesses animais
diferenciais ⇒ formação de raças ou subespécies
como adaptação ao meio aquático. Podemos observar
neste caso, um exemplo de: diferentes ⇒ Isolamento reprodutivo.
a) divergência adaptativa. d) Isolamento reprodutivo ⇒ mutações,
b) convergência adaptativa. recombinações gênicas e seleções naturais
c) mimetismo. diferenciais ⇒ formação de raças ou subespécies
d) seleção natural. diferentes⇒ Isolamento geográfico.

36. Qualquer alteração que afete o número ou a estrutura 38. A fecundação compreende o processo de fusão dos
dos cromossomos de uma célula é denominada núcleos masculino e feminino dos gametas
mutação cromossômica. As mutações cromossômicas (haplóides), formando a célula-ovo ou zigoto (diplóide).
numéricas são classificadas em aneuploidias e Assinale a alternativa que apresenta o quadro
euploidias. De acordo com as alternativas abaixo, hormonal da situação em que o óvulo não fosse
marque a opção verdadeira. fecundado.
a) As aneuploidias são alterações em que há perda a) Após a ovulação, o nível de FSH no sangue
ou acréscimo de um ou mais cromossomos. Já diminui, já que a síntese desse hormônio é inibida
euploidias são alterações em que há perda ou pelos estrógenos. Em conseqüência, ocorre
acréscimo de lotes cromossômicos (genomas) redução na produção de estrógenos, uma vez que
completos. é o FSH que estimula a secreção desses
b) As aneuploidias surgem quando os cromossomos hormônios. A redução no nível de estrógenos
se duplicam e a célula não se divide. Algumas acarreta redução na síntese de LH. A carência de
espécies vegetais cultivadas apresentam LH determina o atrofiamento do corpo lúteo do
aneuploidias, como o trigo (gênero Triticum), em ovário e a diminuição do nível de progesterona no
que há variedades diplóides (2n=14), tetraplóides sangue. Com isso, parte do endométrio desliga-se
(4n=28) e hexaplóides (6n=42). Já euploidias do útero e é eliminado através do canal vaginal,
surgem devido a erros na distribuição dos juntamente com o sangue dos vasos rompidos na
cromossomos durante as divisões celulares. As mucosa uterina. Inicia-se, portanto, o fluxo
células resultantes da divisão anormal ficam com menstrual, fato que indica a não ocorrência de
excesso ou falta de cromossomos. fecundação.
c) As aneuploidias são aquelas em que há alteração b) Após a ovulação, o nível de LH no sangue
na forma ou no tamanho de um ou mais aumenta. Em conseqüência, ocorre o aumento na
cromossomos da célula. Já euploidias são aquelas produção de estrógenos, uma vez que é o LH que

BIOLOGIA - 12

www.pciconcursos.com.br
CONCURSO PÚBLICO – BIOLOGIA
CEFET/RN – 2006

estimula a secreção desses hormônios. O 39. Na espécie humana, a polidactilia é um caráter


aumento do nível de estrógenos acarreta redução dominante e a miopia, um caráter recessivo. Os genes
na síntese do FSH. A carência de FSH determina responsáveis por esses caracteres localizam-se em
o atrofiamento do corpo lúteo do ovário e a autossomos e apresentam segregação independente.
elevação do nível de progesterona no sangue. Uma mulher míope com polidactilia, cuja mãe era
Com isso, parte do corpo do útero desliga-se e é normal para as duas características, é casada com um
eliminado através do canal vaginal. Inicia-se, homem normal, cujo pai era míope. Qual é a
portanto, o ciclo menstrual, fato que indica a não probabilidade do casal em ter uma criança míope e
ocorrência de fecundação. com polidactilia?
c) Após a ovulação, os níveis de FSH e estrógenos a) 50%
no sangue estão muito baixos, e o nível de LH b) 75%
começa a se reduzir. A carência de FSH e de c) 25%
estrógenos determina o atrofiamento do corpo d) 35,5%
lúteo do ovário e a elevação do nível de
progesterona no sangue. Com isso, parte do 40. A fotossíntese é um processo celular pelo qual a
endométrio desliga-se do útero e é eliminado maioria dos seres autotróficos produz substâncias
através do canal vaginal. Inicia-se, portanto, o orgânicas. Esse processo é de fundamental
ciclo menstrual. importância para a reciclagem do carbono, oxigênio e
d) Após a ovulação, os níveis de FSH e estrógenos água na biosfera. Com base na fotossíntese, Assinale
no sangue estão muito altos, e o nível de LH a alternativa que apresenta substâncias produzidas
começa a se reduzir. O aumento de FSH e de em reações que acontecem nos grana e que são
estrógenos determina o atrofiamento do corpo consumidas em reações que acontecem no estroma
lúteo do ovário e a diminuição do nível de dos cloroplastos.
progesterona no sangue. Com isso, parte do a) CO2 e H2O
endométrio desliga-se do útero e é eliminado b) H2O e NADPH2
através do canal vaginal. Inicia-se, portanto, o c) ATP e NADPH2
ciclo menstrual. d) CO2 e ATP

BIOLOGIA - 13

www.pciconcursos.com.br