Você está na página 1de 109

Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português

CNE em Números
Evolução estatística do CNE

ACTUALIZAÇÃO 2010

Agosto de 2010
Versão 1.0 – 2010-09-12 7:33
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

Índice Geral

Índice Geral ................................................................................................................................. 2

Índice de Gráficos ....................................................................................................................... 4

1. Introdução............................................................................................................................ 7
1.1. Enquadramento........................................................................................................................... 7

1.2. Documento ................................................................................................................................. 9

1.3. Referências e Fontes................................................................................................................... 9

1.4. Conceitos e Acrónimos ............................................................................................................ 10

1.5. Codificação das Regiões .......................................................................................................... 12

1.6. Codificação dos Núcleos .......................................................................................................... 13

1.7. Ficha técnica............................................................................................................................. 15

2. Sumário Executivo ............................................................................................................ 16


2.1. Evolução global dos associados e agrupamentos..................................................................... 16

2.2. Rotatividade.............................................................................................................................. 17

2.3. Pirâmide etária por secção em 2006......................................................................................... 19

2.4. Distribuição dos associados por sexo....................................................................................... 20

2.5. Distribuição dos associados por secção ................................................................................... 21

2.6. Distribuição dos associados por situação ................................................................................. 22

2.7. Distribuição dos associados por região em 2010 ..................................................................... 23

3. Evolução do efectivo global nacional............................................................................... 24


3.1. Efectivo 1961 a 1981................................................................................................................ 24

3.2. Efectivo – 1979 a 2010............................................................................................................. 25


3.2.1. Evolução dos associados não dirigentes......................................................................... 29
3.2.2. Evolução dos associados dirigentes................................................................................ 30

3.3. Agrupamentos – 1979 a 2010................................................................................................... 31

3.4. Média de jovens por dirigente – 1979 a 2010 .......................................................................... 38

3.5. Rotatividade dos escuteiros não dirigentes – 1990 a 2010 ...................................................... 38

3.6. Pirâmide etária por secção........................................................................................................ 45

Página 2
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

3.7. Efectivo por sexo – 1990 a 2010.............................................................................................. 47

3.8. Efectivo por secção – 1990 a 2010........................................................................................... 50

3.9. Efectivo por situação – 1990 a 2010 ........................................................................................ 54

3.10. Efectivo por região – 1990 a 2010 ........................................................................................... 58

3.11. Ano 2010 .................................................................................................................................. 65


3.11.1. Distribuição por situação e secção.................................................................................. 65
3.11.2. Distribuição por situação e região .................................................................................. 66
3.11.3. Distribuição por situação e sexo..................................................................................... 67
3.11.4. Distribuição por secção e região..................................................................................... 69
3.11.5. Distribuição por secção e sexo ....................................................................................... 71
3.11.6. Distribuição por sexo e região ........................................................................................ 73

3.12. Variação do efectivo nos últimos 5 e 10 anos.......................................................................... 75


3.12.1. Secção ............................................................................................................................. 75
3.12.2. Situação........................................................................................................................... 77
3.12.3. Sexo ................................................................................................................................ 78
3.12.4. Região ............................................................................................................................. 79

4. Índice de agrupamentos.................................................................................................... 82

Página 3
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

Índice de Gráficos

Gráfico 2.1 - Evolução efectivo nacional - 1979 a 2010............................................................ 16

Gráfico 2.2 - Evolução do número de agrupamentos activos - 1979 a 2010............................... 17

Gráfico 2.3 - Rotatividade global nacional histórica - 1996 a 2010............................................ 18

Gráfico 2.4 - Rotatividade nacional histórica por secção - 1993 a 2010..................................... 18

Gráfico 2.5 - Pirâmide etária nacional por secção - 2010 ........................................................... 19

Gráfico 2.6 - Distribuição do efectivo nacional por sexo - 1990 a 2010..................................... 20

Gráfico 2.7 - Distribuição do efectivo nacional por secção - 1990 a 2010 ................................. 21

Gráfico 2.8 - Distribuição do efectivo nacional por situação - 1990 a 2010............................... 22

Gráfico 2.9 - Distribuição do efectivo nacional por região em 2010 .......................................... 23

Gráfico 3.1 - Evolução efectivo nacional - 1961 a 1981............................................................ 24

Gráfico 3.2 - Evolução efectivo nacional - 1979 a 2010............................................................ 26

Gráfico 3.3 - Variação relativa de efectivo nacional - 1979 a 2010........................................... 27

Gráfico 3.4 - Variação absoluta de efectivo nacional 1979 a 2010............................................ 28

Gráfico 3.5 - Evolução dos associados não dirigentes - 1979 a 2010 ......................................... 29

Gráfico 3.6 - Evolução dos associados dirigentes - 1979 a 2010................................................ 30

Gráfico 3.7 - Evolução do número de agrupamentos - 1979 a 2010........................................... 32

Gráfico 3.8 - Variação relativa do número de agrupamentos - 1979 a 2010.............................. 33

Gráfico 3.9 - Variação absoluta do número de agrupamentos - 1979 a 2010 ............................ 34

Gráfico 3.10 - Evolução do número de agrupamentos por região - 1979 a 2010........................ 36

Gráfico 3.11 - Número médio nacional de elementos por agrupamento – 1979 a 2010 ............. 37

Gráfico 3.12 - Número médio nacional de jovens por dirigente – 1979 a 2010 ......................... 38

Gráfico 3.13 - Número de ingressos no CNE por ano - 1990 a 2010......................................... 40

Página 4
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

Gráfico 3.14 - Número de saídas do CNE por ano - 1990 a 2010.............................................. 41

Gráfico 3.15 - Rotatividade global nacional imediata - 1990 a 2010.......................................... 42

Gráfico 3.16 - Rotatividade global nacional histórica - 1996 a 2010.......................................... 43

Gráfico 3.17 - Rotatividade nacional histórica por secção - 1993 a 2010................................... 44

Gráfico 3.18 - Pirâmide etária nacional por secção - 1990 ......................................................... 46

Gráfico 3.19 - Pirâmide etária nacional por secção - 2010 ......................................................... 46

Gráfico 3.20 - Evolução do efectivo nacional por sexo - 1990 a 2010 ....................................... 48

Gráfico 3.21 - Distribuição do efectivo nacional por sexo - 1990 a 2010................................... 48

Gráfico 3.22 - Variação absoluta do efectivo nacional por sexo - 1990 a 2010.......................... 49

Gráfico 3.23 - Evolução do efectivo nacional por secção - 1990 a 2010 .................................... 51

Gráfico 3.24 - Distribuição do efectivo nacional por secção - 1990 a 2010 ............................... 52

Gráfico 3.25 - Variação absoluta do efectivo nacional por secção - 1990 a 2010 ...................... 53

Gráfico 3.26 - Evolução do efectivo nacional por situação - 1990 a 2010 ................................. 55

Gráfico 3.27 - Distribuição do efectivo nacional por situação - 1990 a 2006............................. 56

Gráfico 3.28 - Variação absoluta do efectivo nacional por situação - 1990 a 2010.................... 57

Gráfico 3.29 - Evolução do efectivo nacional por região - 1990 a 2010..................................... 59

Gráfico 3.30 - Distribuição do efectivo nacional por região em 1990 ........................................ 60

Gráfico 3.31 - Distribuição do efectivo nacional por região em 2010 ........................................ 61

Gráfico 3.32 - Variação relativa do efectivo regional entre 1990 e 2010 .................................. 63

Gráfico 3.33 - Evolução do número de associados exclusivamente afectos às juntas - 1990 a


2010............................................................................................................................................. 64

Gráfico 3.34 - Distribuição do efectivo nacional por secção e situação em 2010....................... 65

Gráfico 3.35 - Distribuição do efectivo nacional por região e situação em 2010 ....................... 67

Gráfico 3.36 - Distribuição do efectivo nacional por sexo e situação em 2010 .......................... 68

Gráfico 3.37 - Distribuição do efectivo nacional por região e secção em 2010.......................... 70

Gráfico 3.38 - Distribuição do efectivo regional por secção em 2010........................................ 71

Gráfico 3.39 - Distribuição do efectivo nacional por sexo e secção em 2010 ............................ 72

Gráfico 3.40 - Distribuição do efectivo nacional por região e sexo em 2010 ............................. 74

Página 5
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

Gráfico 3.41 - Distribuição do efectivo regional por sexo em 2010 ........................................... 74

Gráfico 3.42 - Variação relativa do peso de cada secção entre 2000 e 2010 .............................. 76

Gráfico 3.43 - Variação relativa do peso de cada situação entre 2000 e 2010............................ 77

Gráfico 3.44 - Variação relativa do peso de cada sexo entre 2000 e 2010.................................. 78

Gráfico 3.45 - Variação relativa do peso de cada região entre 2000 e 2010 ............................... 80

Página 6
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

1. Introdução

1.1. Enquadramento

Para uma boa gestão é cada vez mais importante conhecer bem a realidade existente.
Compreender a evolução do efectivo é uma das muitas variáveis importantes para a boa gestão.

O CNE é a maior organização de juventude portuguesa. Em 2010, o efectivo do CNE


corresponde a 321% do efectivo de 1979. Uma evolução muito grande que se tem vindo a
adaptar ao crescimento e à realidade social. Mas como evolui em termos de género? E idade? E
por região? E por secção? E em termos de rotatividade? E de agrupamentos?

Com o objectivo de apoiar todos os dirigentes que pretendem planear ou gerir a associação ou
parte desta foi elaborador o CNE em números 2007. Passados 3 anos foi sentida a necessidade
de o actualizar. É neste sentido que surge o presente estudo. Espero que promova um melhor
conhecimento da associação que somos por um “(…) mundo um pouco melhor (…)” como nos
delegou BP.

A presente actualização do estudo não contempla o capítulo da implementação porque ainda não
se realizou novos censos gerais da população.

Como no CNE em números 2007, o rigor foi a principal directiva na preparação da


informação. Contudo, dada a abrangência dos dados é possível a existência de eventuais gralhas.
Se o leitor descobrir alguma, agradeço a rápida comunicação para se proceder de imediato à
correcção.

O presente estudo contempla os dados de 1979 a 2010, sendo que para os censos de 2010 foram
considerados os dados entrados nos serviços centrais até 2010/08/13 quando se contabilizava a
falta na entrega dos censos de 13 Agrupamentos activos, 1 Junta Regional e 3 Juntas de Núcleo.

Página 7
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

Os dados anteriores a 1990 foram retirados das publicações anteriores “CNE em números”. Os
números retirados das anteriores publicações “CNE em números” incluem as estimativas1 dos
associados e agrupamentos em vez dos associados e agrupamentos recenseados. Esta é a razão
pelo que os valores a partir de 1990 identificados neste documento não coincidem com os
valores das anteriores publicações do “CNE em números”. Com exclusão dos números
anteriores a 1990, todos os dados indicados foram aqueles que constam dos censos. Pelas
opiniões recolhidas, é muito provável que os números aqui indicados sejam inferiores à
realidade nacional, embora de forma marginal.

Actualmente, os censos são realizados anualmente e referem-se ao dia 1 de Janeiro de cada ano.

Complementando este documento mais gráfico, é disponibilizado um documento, no formato


MS Excel, com todos os dados detalhados por secção, situação, género, região/núcleo e ano.

A todos os que colaboraram directa ou indirectamente neste estudo, obrigado.

Sempre Alerta para Servir

Edgar Batalha Zeferino

1
Foram calculadas estimativas para os agrupamentos que não entregaram censos mas que se presumia
estarem activos.

Página 8
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

1.2. Documento

O presente documento pretende resumir a informação do estudo efectuado, de forma simples


para uma fácil leitura e orientada às necessidades da associação, nos seus vários membros, sem
perder o rigor indispensável a um trabalho como o presente. Este documento não pretende ser
uma exposição de conclusões mas uma descrição de factos e valores.

Dadas as várias necessidades específicas, foram inseridos gráficos semelhantes, como é o caso
da evolução, variação absoluta e variação relativa.

Os gráficos utilizaram as cores normalizadas sempre que possível, isto é, para representar o
género feminino e masculino, utilizou-se, respectivamente, cor de rosa e azul. Para representar
as secções e os dirigentes utilizou-se as respectivas cores. Para representar as categorias inclui-
se legenda visto não existirem cores próprias. As regiões também não possuem cores
específicas. Para estes há que consultar a legenda ou as descrições nos respectivos eixos.

Em termos de estrutura, o documento inicia-se com um sumário executivo para um


conhecimento rápido ao que se segue a análise detalhada do efectivo nacional segundo várias
dimensões.

No fim apresenta-se a lista completa dos agrupamentos com o estado e localização de cada um.

1.3. Referências e Fontes

Para a realização deste estudo foram utilizados os dados do estudo CNE em números – edição CNE, 2007
e os censos do CNE, disponibilizados pelos Serviços Centrais do CNE até 2010/08/13.
Para o capítulo 4 – Índice de agrupamentos – foi considerada a informação recebida dos Serviços Centrais
do CNE em 2010/08/23.

Página 9
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

1.4. Conceitos e Acrónimos

Agrupamento – Unidade territorial do CNE Dados Qualitativos – Representam a


com gestão própria, normalmente, associada à informação que identifica alguma qualidade,
área de uma paróquia. Um agrupamento está categoria ou característica, não susceptível de
integrado numa região e eventualmente num medida, mas de classificação, assumindo várias
núcleo modalidades. Exemplos: 1) o nome do
agrupamento 1103 é Santo Isidoro. 2) o
Aspirante – Escuteiro que ainda não realizou a agrupamento 1103 pertence à freguesia com o
promessa escutista código DTCCFG: 110913

Caminheiros – Escuteiros com 18 a 22 anos Equipa – Conjunto de 4 a 8 pioneiros ou


(pertencem à IV secção) caminheiros, apoiados por uma equipa de
animação própria
Candidato – Adulto que inicia uma preparação
para se tornar dirigente escutista Exploradores – Escuteiros com 10 a 14 anos
(pertencem à II secção)
CIL – Caminheiro em Insígnia de Ligação
F – Feminino; Associados do sexo feminino
CNE – Corpo Nacional de Escutas – Escutismo
Católico Português Género – Ver conceito “Sexo”

Companheiros – IV Secção – Escuteiros I – Primeira Secção – Alcateia – Lobitos dos 6


marítimos com 18 a 22 anos. Equivalente a aos 10 anos
Caminheiros
II – Segunda Secção – Grupo Explorador
D – Dirigente /Flotilha – Exploradores/Moços dos 10 aos 14
anos
Dirigente – Educador. Escuteiros formadores,
“irmão mais velho” III – Terceira Secção – Grupo Pioneiro/Frota –
Pioneiros/Marinheiros dos 14 aos 18 anos
Dados Quantitativos – Representam a
informação resultante de características INE – Instituto Nacional de Estatística –
susceptíveis de serem medidas, apresentando-se Portugal
com diferentes intensidades, que podem ser de
natureza discreta (descontínua) – dados discretos, Investido – Escuteiro que já fez a sua promessa
ou contínua – dados contínuos. Exemplo: o na secção a que pertence
agrupamento nº 1 no ano 1950 tinha 5 escuteiros
masculinos investidos na I secção IV – Quarta Secção – Clã/Comunidade –
Caminheiros/Companheiros dos 18 aos 22 anos

Página 10
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

JC – Junta Central do CNE Patrulha – Conjunto de 4 a 8 exploradores,


apoiados por uma equipa de animação própria
JN – Junta de Núcleo do CNE
Pioneiros – Escuteiros com 14 a 18 anos
JR – Junta Regional do CNE (pertencem à III secção)

Junta – Órgão executivo - Equipa de uma População alvo – População alvo do estudo.
estrutura territorial do CNE, eleita por elementos Exemplo: Na referência a pioneiros, a população
que lhe estão afectos e que gere a respectiva alvo é aquela que possui entre 15 e 18 anos.
estrutura
Promessa – Compromisso; cerimónia onde se
Junta Central – Órgão executivo nacional do confirma a intenção e compromisso de fazer
CNE; equipa que gera a associação no nível parte da associação de acordo com as suas regras
nacional num estilo próprio de vida, depois de dado como
apto pelos dirigentes
Junta de Nucleo – Órgão executivo do núcleo;
equipa que gere um núcleo Região (CNE) – No contexto do CNE significa
divisão territorial da associação. Cada região
Junta Regional – Órgão executivo regional do possui uma equipa de gestão própria.
CNE; equipa que gere uma região (CNE) Normalmente, a área das regiões coincidem com
as áreas das dioceses portuguesas. Uma região
Lobitos – Escuteiros com 6 a 10 anos poderá estar subdividida em núcleos
(pertencem à I secção) (aplica-se a escuteiros
terrestres e marítimos) Região (INE) – No contexto do INE significa
área relativa a um NUT II
M – Masculino; Associados do sexo masculino
Secção – Grupo de escuteiros numa faixa etária
Marinheiros – III Secção – Escuteiros específica: I, II, III e IV
marítimos com 14 a 18 anos. Equivalente a
Pioneiros Serviços Centrais – Equipa coordenada pela
Junta Central que gere a associação em termos
Média – Termo estatístico que significa: nacionais e que apoia a referida Junta nas acções
quociente da divisão da soma de diferentes necessárias
quantidades pelo número destas
Sexo – conjunto dos indivíduos que têm o
Moços – II Secção – Escuteiros marítimos com mesmo sexo. Pode ser feminino ou masculino
10 a 14 anos. Equivalente aos exploradores.
Situação – Estado do escuteiro em relação à
Noviço – Escuteiro que realizou a sua promessa associação: aspirante/candidato, investido ou
numa secção anterior à actual mas ainda não a noviço/CIL; Categoria
realizou na secção presente

Núcleo – Divisão de uma região escutista em


zonas com gestão própria

Página 11
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

1.5. Codificação das Regiões

Abaixo apresenta-se a lista das regiões do CNE bem como os respectivos códigos oficiais,
actualmente em vigor, que são utilizados ao longo deste documento. Utiliza-se o código “00”
para os valores que não estão afectos a nenhuma região.

Numa perspectiva histórica, considerou-se os agrupamentos como fazendo sempre parte da


actual região. Tal situação justifica-se com a necessidade de poder efectuar comparações
evolutivas. Alguns agrupamentos extintos ou que só existiram enquanto agrupamentos em
formação não foram considerados sempre que a informação não era totalmente credível.

Nº Nome
00 Nível Nacional
01 Açores
02 Algarve
03 Aveiro
04 Beja
05 Braga
06 Bragança
07 Coimbra
08 Évora
09 Guarda
10 Lamego
11 Leiria
12 Lisboa
13 Madeira
14 Portalegre e Castelo Branco
15 Porto
16 Santarém
17 Setúbal
18 Viana Castelo
19 Vila Real
20 Viseu
21 Macau
22 Suíça

Página 12
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

1.6. Codificação dos Núcleos

Abaixo apresenta-se a lista dos núcleos do CNE bem como os respectivos códigos oficiais, que
são utilizados ao longo deste documento. Indica-se ainda o código da região a que o núcleo
pertence e o seu estado actual (activo, extinto ou virtual2).

Ao longo do documento utiliza-se o código “00” para os valores que não estão afectos a
nenhum núcleo.

Numa perspectiva histórica, considerou-se os agrupamentos como fazendo sempre parte do


actual núcleo. Tal situação justifica-se com a necessidade de poder efectuar comparações
evolutivas. Alguns agrupamentos extintos ou que só existiriam enquanto agrupamentos em
formação não foram considerados sempre que a informação não era totalmente credível.

Nº Região Nº Núcleo Nome Actividade (2010)


1 01 Faial Activo
1 02 Graciosa Activo
1 03 Pico Activo
1 04 São Miguel Activo
1 05 Terceira Activo
1 06 São Jorge Activo
1 07 Santa Maria Activo
5 01 Barcelos Activo
5 02 Braga Activo
5 03 Cego do Maio Activo
5 04 Fafe Activo
5 05 Guimarães Activo
5 06 Vieira do Minho Activo
5 07 Famalicão Activo
5 08 Vila Verde Activo
5 09 Póvoa de Lanhoso Activo
5 96 TERRAS DO BOURO Extinto
5 97 CELORICO B Extinto
5 98 ESPOSENDE Extinto
5 99 CABEC.BASTO Extinto
7 01 Centro-Norte Activo
7 02 Mondego-Sul Activo

2
Utilizado apenas para simplificação administrativa/trabalho. Não existe como estrutura.

Página 13
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

Nº Região Nº Núcleo Nome Actividade (2010)


7 04 Zona de Apoio Pedagógico do Sul Virtual
7 05 Zona de Apoio Pedagógico da Beira-Mar Virtual
7 06 Zona de Apoio Pedagógico do Nordeste Virtual
7 99 NORDESTE Extinto
12 01 Barra Activo
12 02 Moinhos de Vento Activo
12 03 Solarius Activo
12 04 Lisboa Ocidental Activo
12 05 Oeste Activo
12 06 Oriental de Lisboa Activo
12 07 Serra da Lua Activo
14 99 CENTRO TEJO Extinto
15 01 Centro Norte Activo
15 02 Cidade do Porto Activo
15 03 Douro Sul Activo
15 04 Este Activo
15 05 Litoral Activo
15 06 Norte Activo
15 07 Terras de Santa Maria Activo

Página 14
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

1.7. Ficha técnica

CNE em Números – actualização 2010


Evolução estatística do CNE: 1990 a 2010

Publicação do Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico português

www.cne-escutismo.pt

Publicado em Agosto de 2010

Versão: 1.0

Autor: Edgar Zeferino, edgar.zeferino@gmail.com

Colaboraram nas tarefas de disponibilização e validação da informação bem como na revisão final os
seguintes dirigentes: Teresa Loja e José Machado.

Página 15
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

2. Sumário Executivo

Este capítulo resume os principais gráficos do estudo para uma análise rápida do essencial. O
capítulo seguinte apresenta quadros e gráficos complementares para uma análise mais detalhada.

2.1. Evolução global dos associados e agrupamentos

O CNE teve um desenvolvimento significativo do seu efectivo ao longo das últimas décadas do
século passado, tendo estabilizado no início deste século, mostrando nos últimos anos uma
variação pouco significativa.

Ao longo das últimas décadas o número de agrupamentos activos tem aumentado.

Há alguns anos de pico sobre os quais se sugere uma análise aprofundada para verificar se existe
alguma relação com grandes actividades no período próximo.

69907 70082 69921


68528 69061 68778 69015
67638 67354 67921 67900
66363

62915
60337
60000 58154
55195
52693
51110
48487
47598
46143 46168
43888
42788
41525
Efectivo

40000 37292
38520

30854

28033
25528

21470 22481

20000

0
1979 1980 1981 1982 1983 1984 1985 1986 1987 1988 1989 1990 1991 1992 1993 1994 1995 1996 1997 1998 1999 2000 2001 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010
Ano

Gráfico 2.1 - Evolução efectivo nacional - 1979 a 2010

Página 16
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

1200

1021 1033 1027


979 988 1016
1000 965 983
928 939 945
909
892
866
815 828 843
806
800 775 768 785
750
705
674
630
602 588
600 567
538
505
482
446

400

200

0
1979 1980 1981 1982 1983 1984 1985 1986 1987 1988 1989 1990 1991 1992 1993 1994 1995 1996 1997 1998 1999 2000 2001 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010
Ano

Gráfico 2.2 - Evolução do número de agrupamentos activos - 1979 a 2010

2.2. Rotatividade

Os associados não dirigentes permanecem cada vez menos tempo no movimento. Segundo este
cálculo, em 1996 a permanência média era de 5,2 anos e em 2006 esta baixou para os 3,9 anos.
A partir de 2006 voltou a recuperar encontrando-se nos 4 anos, em 2010.

A média de anos de permanência na unidade para as três secções mais novas, nos últimos anos,
é inferior aos 2 anos, notando-se uma ligeira recuperação nos últimos anos. O tempo de
permanência na IV secção teve um decréscimo mais acentuado que as restantes secções, em que
sendo aquela que tinha um tempo médio de permanência mais longo, tem-se vindo a aproximar
das demais secções.

Página 17
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

4
Nº de anos

0
1996 1997 1998 1999 2000 2001 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010
Ano

Gráfico 2.3 - Rotatividade global nacional histórica - 1996 a 2010

3
Nº de anos na secção

0
1993 1994 1995 1996 1997 1998 1999 2000 2001 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010
Ano

Gráfico 2.4 - Rotatividade nacional histórica por secção - 1993 a 2010

Página 18
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

2.3. Pirâmide etária por secção em 2006

Na análise comparativa da pirâmide etária do CNE entre 1990 e 2010, verifica-se que a
percentagem de dirigentes aumentou significativamente, os lobitos apresentaram uma ligeira
subida, tendo as restantes três secções reduzido o seu peso. No que respeita à distribuição entre
os dois sexos, houve um aumento médio de 3% nas secções para o sexo feminino, sendo o
menor aumento nos caminheiros. Nas quatro secções o peso do efectivo feminino aumentou e o
do efectivo masculino diminuiu. Os rapazes continuam maioritários face ao número de
raparigas.

Gráfico 2.5 - Pirâmide etária nacional por secção - 2010

Página 19
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

2.4. Distribuição dos associados por sexo

Comparando a evolução do efectivo por sexos verifica-se que o número de associados do sexo
feminino foi sempre crescente estando quase equiparados.

100%

90%

80%

53% 53% 52% 51%


55% 55% 54% 54%
58% 57% 56%
61% 60% 59%
70% 64% 64% 63% 62% 61%
66% 65%

60%

50%

40%

30%

47% 47% 48% 49%


45% 45% 46% 46%
42% 43% 44%
39% 40% 41%
20% 36% 36% 37% 38% 39%
34% 35%

10%

0%
1990 1991 1992 1993 1994 1995 1996 1997 1998 1999 2000 2001 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010
Ano

Gráfico 2.6 - Distribuição do efectivo nacional por sexo - 1990 a 2010

Página 20
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

2.5. Distribuição dos associados por secção

Em termos de peso relativo percebe-se alguma estabilidade na I e III secções, contrastando com
a diminuição da II e IV. Os dirigentes têm vindo a aumentar a sua representatividade no
movimento.

100%

12% 12% 12% 13% 13% 13% 13% 13% 13% 15% 15% 16% 16% 16% 17% 17% 18% 18% 18% 18% 19%
90%

14% 14% 14% 15%


80% 16% 16% 16% 17% 16% 14% 13% 13% 13% 13% 12% 12% 12% 12% 11% 11% 11%

70%

20% 20% 21% 21% 21% 19% 19%


21% 21% 21% 20% 21% 21% 21% 20% 20% 20% 20% 20% 19% 19%
60%

50%

40% 30% 30% 30% 27% 27%


29% 28% 28% 28% 28% 27% 27% 27%
29% 28% 28% 28% 27% 27% 28% 28%

30%

20%

23% 23% 23% 23% 23% 23% 23% 23% 23% 23% 23% 24% 24% 24% 24% 24%
22% 22% 22% 22% 22%
10%

0%
1990 1991 1992 1993 1994 1995 1996 1997 1998 1999 2000 2001 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010
Ano

Gráfico 2.7 - Distribuição do efectivo nacional por secção - 1990 a 2010

Página 21
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

2.6. Distribuição dos associados por situação

Ao longo dos últimos anos houve uma aumento do peso percentual dos indivíduos que entram
nas secções (aspirantes + candidatos + noviços + CIL) em detrimento dos investidos. Este dado
confirma o aumento da rotatividade: estando cada escuteiro, em termos médios, menos tempo
na Associação e na Secção, os que entram ganham um peso relativo maior.

100%

15% 16% 15% 15% 15% 16% 17% 15% 16%


18% 18% 17% 18% 19% 19% 17% 19% 18% 19% 17% 19%
90%

80% 11% 11% 11%


13% 13%
13% 13%
14% 14%
15% 15%
15% 15% 15% 15%
15% 15% 15% 16% 15% 16%
70%

60%

50%

40%
73% 74% 74%
72% 72% 71%
69% 72% 69%
67% 68% 68% 67%
65% 66% 68% 66% 66% 66% 67%
30% 66%

20%

10%

0%
1990

1992

1994

1996

1998

2000

2002

2004

2006

2008

2010

Ano

Investidos Noviços/CIL Aspirantes /candidatos

Gráfico 2.8 - Distribuição do efectivo nacional por situação - 1990 a 2010

Página 22
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

2.7. Distribuição dos associados por região em 2010

Na comparação do peso das regiões no efectivo nacional entre 1990 e 2010 verifica-se que de
um modo geral o peso de cada região se mantem. As maiores variações encontram-se nos
Açores com uma queda superior a 1% e em Leiria e Algarve com uma subida acima do 1%.

Viseu : 1.896 : 3%
Vila Real : 1.240 : 2%
Viana Castelo : 1.742 : 3% Açores : 3.791 : 5%
Suiça : 103 : 0% Algarve : 2.054 : 3%
Setúbal : 4.097 : 6% Aveiro : 3.160 : 5%
Nível Nacional : 48 : 0% Beja : 652 : 1%
Santarém : 2.188 : 3%

Porto : 8.535 : 12%

Braga : 15.244 : 22%

Port./Cast.Bra. : 1.114 : 2%
Madeira : 970 : 1%
Macau : 72 : 0%

Bragança : 462 : 1%

Lisboa : 11.596 : 17% Coimbra : 4.199 : 6%


Évora : 1.409 : 2%
Guarda : 1.245 : 2%
Lamego : 767 : 1%
Leiria : 2.431 : 4%

Gráfico 2.9 - Distribuição do efectivo nacional por região em 2010

Página 23
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

3. Evolução do efectivo global nacional

O presente capítulo espelha a realidade estatística do CNE ao longo dos últimos anos numa
visão nacional.

3.1. Efectivo 1961 a 1981

O gráfico reproduzido abaixo, publicado na revista Flor de Lis de Abril/Maio de 1983, contém a
evolução do efectivo nos 20 anos anteriores à sua publicação e uma previsão para os anos
seguintes.

A partir da leitura deste gráfico constata-se que até meados da década de 70 do Século XX o
CNE teve um crescimento com oscilações pouco significativas. Contudo a partir desta altura
houve um crescimento acentuado que se manteve durante os primeiros anos da década de 80.

Para uma melhor compreensão do gráfico, recomenda-se a leitura do referido estudo publicado
da revista indicada.

Gráfico 3.1 - Evolução efectivo nacional - 1961 a 1981

Página 24
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

3.2. Efectivo – 1979 a 2010

Os gráficos das páginas seguintes resultam dos dados sistematizados no quadro que se segue.
Estes dados derivam do Censo Anual do CNE, recolhido e tratado internamente, desde os finais
da década de 70 até ao ano de 2010.

As variações apresentadas no quadro comparam o ano corrente com o ano anterior.

Associados
Efectivo Variação Variação Associados
Ano não
total absoluta (∆) Percentual (%) dirigentes
dirigentes
1979 21470 2703 18767
1980 22481 1011 4,7% 2647 19834
1981 25528 3047 13,6% 2875 22653
1982 28033 2505 9,8% 3080 24953
1983 30854 2821 10,1% 3172 27682
1984 37292 6438 20,9% 4348 32944
1985 38520 1228 3,3% 4568 33952
1986 41525 3005 7,8% 5052 36473
1987 42788 1263 3,0% 5258 37530
1988 43888 1100 2,6% 5430 38458
1989 46143 2255 5,1% 5765 40378
1990 46168 25 0,1% 5769 40399
1991 47598 1430 3,1% 5854 41744
1992 48487 889 1,9% 6004 42483
1993 51110 2623 5,4% 6489 44621
1994 52693 1583 3,1% 6827 45866
1995 55195 2502 4,7% 6982 48213
1996 58154 2959 5,4% 7351 50803
1997 60337 2183 3,8% 7902 52435
1998 62915 2578 4,3% 8447 54468
1999 66363 3448 5,5% 9723 56640
2000 69907 3544 5,3% 10800 59107
2001 67638 -2269 -3,2% 10616 57022
2002 67354 -284 -0,4% 10882 56472
2003 70082 2728 4,1% 11533 58549
2004 69921 -161 -0,2% 11823 58098
2005 68528 -1393 -2,0% 11900 56628
2006 67921 -607 -0,9% 12031 55890
2007 67900 -21 0,0% 12158 55742
2008 69061 1161 1,7% 12650 56411
2009 68778 -283 -0,4% 12689 56089
2010 69015 237 0,3% 12950 56065

Página 25
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

O CNE teve um desenvolvimento significativo do seu efectivo ao longo das últimas décadas do
século passado, tendo estabilizado no início deste século, mostrando nos últimos anos uma
oscilação pouco significativa.

69907 70082 69921


68528 69061 68778 69015
67638 67354 67921 67900
66363

62915
60337
60000 58154
55195
52693
51110
48487
47598
46143 46168
43888
42788
41525
Efectivo

40000 37292
38520

30854

28033
25528

21470 22481

20000

0
1979 1980 1981 1982 1983 1984 1985 1986 1987 1988 1989 1990 1991 1992 1993 1994 1995 1996 1997 1998 1999 2000 2001 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010
Ano

Gráfico 3.2 - Evolução efectivo nacional - 1979 a 2010

Página 26
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

Apesar do crescimento referido acima, a taxa de crescimento do CNE tem vindo a baixar desde
a primeira metade da década de 80 até aos nossos dias. Saliente-se que a partir do ano escutista
2000/2001 esta taxa de crescimento passou a assumir valores negativos, embora com oscilações
e em valores próximos de zero.

25%

20%

15%
Taxa de Crescimento

10%

5%

0%

-5%
79

80

81

82

83

84

85

86

87

88

89

90

91

92

93

94

95

96

97

98

99

00

01

02

03

04

05

06

07

08

09

10
19

19

19

19

19

19

19

19

19

19

19

19

19

19

19

19

19

19

19

19

19

20

20

20

20

20

20

20

20

20

20

20
Ano

Gráfico 3.3 - Variação relativa de efectivo nacional - 1979 a 2010

Página 27
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

A análise da variação absoluta do efectivo permite verificar, em números absolutos, a evolução


da variação do efectivo já descrita pelo gráfico anterior. Os anos de 1984 e 2001 são os que
apresentam, respectivamente, a maior variação positiva e a maior variação negativa.

Há alguns anos de pico sobre os quais se sugere uma análise aprofundada para verificar se existe
alguma relação com grandes eventos ou actividades no período próximo.

7000
6438

6000

5000

4000
3448 3544
3047 3005 2959
3000 2821 2728
2505 2623 2578
2502
2255 2183
2000
1430 1583
1228 1263
1011 1100 1161
889
1000

237
25
0
-161 -21
-284 -283
-607
-1000

-1393
-2000
-2269

-3000
1980 1981 1982 1983 1984 1985 1986 1987 1988 1989 1990 1991 1992 1993 1994 1995 1996 1997 1998 1999 2000 2001 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010
Ano

Gráfico 3.4 - Variação absoluta de efectivo nacional 1979 a 2010

Página 28
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

3.2.1. Evolução dos associados não dirigentes

A evolução do efectivo de associados não dirigentes segue sensivelmente a evolução do efectivo


global. Houve um crescimento constante até ao início deste século, denotando-se a partir daí
uma tendência para o decréscimo, de forma não significativa.

60.000

50.000

40.000

30.000

20.000

10.000

0
1979 1980 1981 1982 1983 1984 1985 1986 1987 1988 1989 1990 1991 1992 1993 1994 1995 1996 1997 1998 1999 2000 2001 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010

Gráfico 3.5 - Evolução dos associados não dirigentes - 1979 a 2010

Página 29
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

3.2.2. Evolução dos associados dirigentes

A evolução do efectivo dos associados dirigentes foi crescente, não acompanhando nos últimos
anos a tendência de estabilização apresentada pelo efectivo global. Nos anos considerados,
apenas em 1980 e 2001 houve um decréscimo do número de dirigentes.

12.000

10.000

8.000

6.000

4.000

2.000

0
1979 1980 1981 1982 1983 1984 1985 1986 1987 1988 1989 1990 1991 1992 1993 1994 1995 1996 1997 1998 1999 2000 2001 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010

Gráfico 3.6 - Evolução dos associados dirigentes - 1979 a 2010

Página 30
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

3.3. Agrupamentos – 1979 a 2010


O quadro que se segue tem por base o número de agrupamentos activos no CNE desde o final
da década de 70. Os gráficos das páginas seguintes evidenciam os dados deste quadro.

Agrupamentos Activos3 Média de elementos por agrupamento4


Ano
Variação Variação Variação Variação
Nº Nº
absoluta (∆) Percentual (%) absoluta (∆) Percentual (%)
1979 446 48
1980 482 36 8,1% 47 -1 -2,1%
1981 505 23 4,8% 51 4 8,5%
1982 538 33 6,5% 52 1 2,0%
1983 567 29 5,4% 54 2 3,8%
1984 602 35 6,2% 62 8 14,8%
1985 588 -14 -2,3% 66 4 6,5%
1986 630 42 7,1% 66 0 0,0%
1987 674 44 7,0% 63 -3 -4,5%
1988 705 31 4,6% 63 0 0,0%
1989 775 70 9,9% 60 -3 -4,8%
1990 750 -25 -3,2% 61 1 2,2%
1991 768 18 2,4% 62 1 0,7%
1992 785 17 2,2% 62 0 -0,3%
1993 806 21 2,7% 63 1 2,6%
1994 815 9 1,1% 64 1 1,9%
1995 828 13 1,6% 66 2 3,1%
1996 843 15 1,8% 69 3 3,4%
1997 866 23 2,7% 69 0 0,9%
1998 891 25 2,9% 70 1 1,5%
1999 909 18 2,0% 73 3 3,4%
2000 928 19 2,1% 75 2 2,5%
2001 939 11 1,2% 72 -3 -3,8%
2002 945 6 0,6% 71 -1 -1,1%
2003 965 20 2,1% 72 1 1,9%
2004 979 14 1,5% 71 -1 -1,7%
2005 988 9 0,9% 69 -2 -2,8%
2006 983 -5 -0,5% 69 0 -0,4%
2007 1016 33 3,4% 67 -2 -3,2%
2008 1021 5 0,5% 67 0 1,3%
2009 1033 12 1,2% 66 -1 -1,7%
2010 1027 -6 -0,6% 67 1 0,9%

3
Foram considerados aqueles que entregaram censos para o ano em causa.
4
Para o cálculo da média a partir do ano 1990, não foram considerados os elementos inscritos apenas nas juntas
(núcleo, regionais, central).

Página 31
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

Ao longo das últimas décadas o número de agrupamentos activos tem aumentado com pequenas
oscilações.

1200

1021 1033 1027


979 988 1016
1000 965 983
928 939 945
909
892
866
815 828 843
806
800 775 768 785
750
705
674
630
602 588
600 567
538
505
482
446

400

200

0
1979 1980 1981 1982 1983 1984 1985 1986 1987 1988 1989 1990 1991 1992 1993 1994 1995 1996 1997 1998 1999 2000 2001 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010
Ano

Gráfico 3.7 - Evolução do número de agrupamentos - 1979 a 2010

Página 32
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

A taxa de crescimento do número de agrupamentos activos no período a que reportam os dados


– 1979 a 2010 – foi quase sempre positiva. Esta taxa de crescimento foi maior nos anos 80 do
século passado.

Note-se que a fonte para os dados até 1989 é diferente da dos restantes anos, dado incluir
estimativas, como é explicado na introdução ao presente documento. A variação de 1990 poderá
dever-se a esta situação.

10%

8%

6%
Taxa de Crescimento

4%

2%

0%

-2%

-4%
79

80

81

82

83

84

85

86

87

88

89

90

91

92

93

94

95

96

97

98

99

00

01

02

03

04

05

06

07

08

09

10
19

19

19

19

19

19

19

19

19

19

19

19

19

19

19

19

19

19

19

19

19

20

20

20

20

20

20

20

20

20

20

20
Ano

Gráfico 3.8 - Variação relativa do número de agrupamentos - 1979 a 2010

Página 33
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

No mesmo sentido do gráfico anterior, a variação absoluta do número dos agrupamentos tem
sido quase sempre positiva. Ela atinge níveis negativos nos anos de 1985, 1990, 2006 e 2010. O
decréscimo no ano de 2010 está influenciado pelos censos que habitualmente chegam atrasados
aos Serviços Centrais do CNE e que portanto não estão considerados na contagem à data da
elaboração deste estudo.

80

70

60

44
42
40 36 35
33 33
31
29
26
23 23 20
21 19
18
20 17 17
13 15 14 12
11
9 9
6 5

-5 -6

-20 -14

-25

-40
1980 1981 1982 1983 1984 1985 1986 1987 1988 1989 1990 1991 1992 1993 1994 1995 1996 1997 1998 1999 2000 2001 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010
Ano

Gráfico 3.9 - Variação absoluta do número de agrupamentos - 1979 a 2010

Página 34
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

Nos quadro e gráfico seguintes podemos visualizar a evolução do número de agrupamentos por
região. As regiões de Braga, Lisboa e Porto são as que têm um maior número de agrupamentos,
ultrapassando cada uma, nos últimos anos, a centena de agrupamentos e representando no seu
conjunto cerca de metade dos agrupamentos do país.

Região 1990 1991 1992 1993 1994 1995 1996 1997 1998 1999 2000 2001 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010 Média

Açores 48 54 57 57 55 51 55 56 58 61 62 66 70 69 66 69 70 73 72 76 77 63

Algarve 16 15 15 17 17 18 18 17 17 17 17 20 22 22 26 25 25 27 29 32 32 21

Aveiro 30 32 31 34 34 36 36 37 42 40 42 40 40 40 40 40 41 41 40 43 43 38

Beja 15 15 17 17 16 16 17 13 15 17 17 15 16 18 16 13 12 14 11 12 14 15

Braga 196 201 204 206 207 211 207 218 230 229 228 233 229 241 240 243 240 244 241 246 243 226

Bragança 11 10 10 8 9 10 11 11 10 12 9 9 9 10 11 12 13 13 12 11 11 11

Coimbra 44 42 44 46 49 47 45 49 50 51 52 53 53 54 52 53 53 55 55 55 54 50

Évora 16 17 19 19 19 20 22 22 23 25 26 23 23 22 21 21 21 20 22 20 20 21

Guarda 22 23 24 25 24 24 24 25 25 26 26 27 26 25 24 23 21 26 22 24 24 24

Lamego 14 17 15 15 15 15 16 16 16 16 19 20 19 18 19 19 16 19 14 16 19 17

Leiria 12 12 13 15 20 21 23 25 29 29 30 32 32 33 35 35 33 33 32 34 34 27

Lisboa 92 96 100 105 108 109 107 110 109 111 114 117 120 122 131 131 131 132 133 132 133 116

Macau 1 1 1 1 1 1 1 1 1 1

Madeira 13 12 11 11 11 11 13 16 16 13 17 15 14 13 15 15 15 14 14 14 13 14

Port.Cast. Br. 19 20 20 19 22 21 24 23 20 23 22 21 17 18 18 18 17 18 18 18 17 20

Porto 80 80 82 86 86 94 97 100 96 100 103 103 101 100 101 107 109 110 109 111 112 98

Santarém 14 15 16 17 17 18 19 19 20 25 25 27 28 29 30 29 29 29 29 29 29 23

Setúbal 33 33 33 33 34 33 33 34 37 40 41 41 42 43 44 44 45 44 45 46 46 39

1 1 1 1

Viana Castelo 28 29 29 30 29 30 31 30 29 29 27 26 31 32 33 32 30 29 29 27 26 29

Vila Real 21 21 21 19 20 22 21 21 20 19 21 22 22 23 24 25 24 24 23 22 22 22

Viseu 26 24 24 27 23 21 24 24 29 26 30 29 30 32 32 33 30 32 33 34 32 28

Total 750 768 785 806 815 828 843 866 891 909 928 939 945 965 979 988 976 998 985 1004 1003 903

Página 35
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

250

225

200

175
Nº de agrupamentos

150

125

100

75

50
Braga
Lisboa
Porto
25 Açores
Coimbra
Setúbal
Aveiro
Leiria
Vila Real
0 Santarém
Algarve
Viseu

es
Viana Castelo
1990
1991

Guarda
1992


1993

Évora
1994

eg
1995

Port.Cast. Branco
1996

R
1997

Lamego
1998

Madeira
1999
2000

Bragança
2001
2002

Beja
2003

Ano
2004

Macau
2005
2006

Suiça
2007
2008
2009
2010

Gráfico 3.10 - Evolução do número de agrupamentos por região - 1979 a 2010

Página 36
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

Na evolução do número médio de elementos por agrupamento denota-se um crescimento até ao início
do milénio, verificando-se nos últimos anos uma estabilização à volta dos 67 elementos por
agrupamento.

Na análise do presente gráfico tenha-se em conta que a partir de 1990 (inclusive) os elementos não
pertencentes aos agrupamentos activos oficializados não foram considerados. Ou seja, os escuteiros
pertencentes aos agrupamentos em formação e os filiados pelas estruturas central, regionais e de
núcleo não foram considerados para este cálculo.

80
75
73
72 71 72
69 70 71 69 69
69
70 67 67 67
66 66 66
66 64
63 63 63
62 61 62 62
60
60
54
52
51

50 48 47

40

30

20

10

0
1979 1980 1981 1982 1983 1984 1985 1986 1987 1988 1989 1990 1991 1992 1993 1994 1995 1996 1997 1998 1999 2000 2001 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010
Ano

Gráfico 3.11 - Número médio nacional de elementos por agrupamento – 1979 a 2010

Página 37
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

3.4. Média de jovens por dirigente – 1979 a 2010

No que diz respeito ao rácio do número de crianças e jovens por dirigente este foi decrescendo
ao longo das últimas décadas. Isto deveu-se ao aumento do número de dirigentes mas também
ao ligeiro decréscimo do número de jovens nos últimos anos.

No cálculo foram considerados todos os dirigentes do CNE e todos os escuteiros não dirigentes
([total de escuteiros não dirigentes] / [total de dirigentes]).

9,00 8,7

8,1
8,00 7,9
7,5 7,6
7,4
7,2 7,1
6,9 7,1 7,1 7,0 7,0 7,1 6,9 6,9
6,9
7,00 6,7 6,6
6,4

6,00 5,8
5,5
5,4
Nº de Escuteiros

5,2
5,1 4,9
5,00 4,8 4,6
4,6 4,5 4,4
4,3

4,00

3,00

2,00

1,00

0,00
1979

1980

1981

1982

1983

1984

1985

1986

1987

1988

1989

1990

1991

1992

1993

1994

1995

1996

1997

1998

1999

2000

2001

2002

2003

2004

2005

2006

2007

2008

2009

2010
Ano

Gráfico 3.12 - Número médio nacional de jovens por dirigente – 1979 a 2010

3.5. Rotatividade dos escuteiros não dirigentes – 1990 a 2010

Não existem dados suficientes para o cálculo da rotatividade histórica dos dirigentes pelo que
apenas foi considerada a rotatividade dos escuteiros não dirigentes.

Página 38
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

Para a rotatividade global dos escuteiros não dirigentes utilizaram-se duas fórmulas distintas: a
rotatividade histórica e a rotatividade imediata5. Para o cálculo das “admissões” em termos
globais considerou-se o número de aspirantes6. Para o cálculo da rotatividade nas secções foi
utilizado o princípio histórico e considerou-se nas “admissões” a soma do número de aspirantes
e de noviços7.

Saídas Rotatividade imediata Rotatividade


Aspirantes Total do
Ano Histórica
efectivo (sem (sem
Taxa Anos Anos
(sem dirigentes) (com base nas
dirigentes) dirigentes) (com base nas (com base nas (com base nas
saídas) saídas) admissões) entradas)

1990 7064 40399 6096 15% 5,63 4,72


1991 7441 41744 6357 15% 5,57 4,61
1992 7096 42483 5651 13% 6,52 4,99
1993 7789 44621 6648 15% 5,71 4,73
1994 7893 45866 6470 14% 6,09 4,81
1995 8817 48213 7185 15% 5,71 4,47
1996 9775 50803 7574 15% 5,71 4,20 5,2
1997 9206 52435 8098 15% 5,48 4,70 5,2
1998 10131 54468 9055 17% 5,02 4,38 5,1
1999 11227 56640 8873 16% 5,38 4,04 4,9
2000 11340 59107 12445 21% 3,75 4,21 4,8
2001 10360 57022 11707 21% 3,87 4,50 4,5
2002 11157 56472 10022 18% 4,63 4,06 4,2
2003 12099 58549 12147 21% 3,82 3,84 4,2
2004 11696 58098 11987 21% 3,85 3,97 4,1
2005 10517 56628 12265 22% 3,62 4,38 4,1
2006 11527 55890 10951 20% 4,10 3,85 3,9
2007 10803 55742 10431 19% 4,34 4,16 3,9
2008 11100 56411 10519 19% 4,36 4,08 4,0
2009 10197 56089 11000 20% 4,10 4,50 4,1
2010 10976 56065 4,11 4,0

5
Ver fórmulas adiante, nesta secção.
6
Os dados disponíveis para este cálculo são: o nº de elementos de cada ano e o nº de aspirantes (que salvo
raras excepções, coincide com as entradas nesse ano). É de admitir um eventual erro marginal.
7
No CNE denominam-se “aspirantes” aos admitidos pela primeira vez na Associação e “noviços” aos
admitidos pela primeira vez numa Secção e que portanto transitam da secção anterior. Cf. os art. 24º e art.
25º do Regulamento Geral do CNE.

Página 39
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

Tendo em consideração os dados disponíveis na Base de Dados do CNE, foram considerados


como novos ingressos os aspirantes. Os dirigentes não foram considerados.

O número de ingressos no CNE de associados não dirigentes esteve em crescente até ao


princípio da presente década. Nos últimos anos este crescimento apresenta tendência para
estabilizar à volta das 11.000 entradas por ano.

14000

12.099
12000 11.696 11.527
11.22711.340 11.157 11.100
10.803 10.976
10.517
10.131 10.360 10.197
10000 9.775
9.206
8.817
7.789 7.893
8000 7.441 7.096
7.064
Efectivo

6000

4000

2000

0
1990 1991 1992 1993 1994 1995 1996 1997 1998 1999 2000 2001 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010
Ano

Gráfico 3.13 - Número de ingressos no CNE por ano - 1990 a 2010

Página 40
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

As saídas do activo foram calculadas tendo por base o número de efectivos do ano corrente8,
deduzindo-lhe o número de efectivos do ano seguinte sem os respectivos aspirantes9.

Saídas = nº de efectivos do ano corrente – (nº de efectivos do ano seguinte – nº de admissões do ano seguinte)

O número de saídas foi aumentando até ao ano 2000 onde atingiu o máximo do período
analisado, com a saída de 12.479 associados não dirigentes. De 2005 a 2007 verificou-se uma
redução à qual se seguiu um aumento das saídas.

14000

12.445 12.265
12.147 11.987
12000 11.707
10.951 11.000
10.431 10.519
10.022
10000
9.055 8.873
8.098
8000 7.574
7.185
Efectivo

6.357 6.648 6.470


6.096
6000 5.651

4000

2000

0
1990 1991 1992 1993 1994 1995 1996 1997 1998 1999 2000 2001 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010
Ano

Gráfico 3.14 - Número de saídas do CNE por ano - 1990 a 2010

8
Dados relativos ao início do ano, que englobam os aspirantes e em que se consideraram estes como os
ingressos do ano.
9
Dados que correspondem à posição final do ano corrente, onde logicamente os aspirantes são os
ingressos do ano seguinte

Página 41
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

Para calcular a rotatividade global imediata foram utilizadas as seguintes fórmulas10:

Rotatividade com base nas entradas = (nº de associados / associados que entraram) – 1

Rotatividade com base nas saídas = (nº de associados / associados que saíram) – 1

Estas fórmulas referem-se apenas às saídas/entradas no ano corrente.

O valor indicado mostra o número médio de anos que um escuteiro permaneceu na associação.

Em termos médios os escuteiros têm saído da associação cada vez mais cedo. No início da
década passada, em termos médios, o percurso escutista situava-se entre 5 a 6 anos, enquanto
que nos últimos anos, o tempo de permanência média no CNE dos associados não dirigentes
ronda os 4 anos.

4
Nº de anos

0
1990 1991 1992 1993 1994 1995 1996 1997 1998 1999 2000 2001 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010
Ano

Rotatividade com base nas saídas Rotatividade com base nas entradas

Gráfico 3.15 - Rotatividade global nacional imediata - 1990 a 2010

10
Os dados disponíveis para este cálculo são: o nº de elementos de cada ano e o nº de aspirantes (que
salvo raras excepções, coincide com as entradas nesse ano). É de admitir um eventual erro marginal.

Página 42
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

Para calcular a rotatividade global histórica foi utilizado o seguinte princípio:

<Rotatividade do ano N> = X – 1

De modo que:

N
total _ escuteiros _ ano _ N ≅ ∑ aspirantes _ do _ ano _ i
i =( N − X )

Este princípio considera as admissões dos últimos anos face ao efectivo do ano corrente,
indicando quantos anos de admissões foram necessários para se atingir o actual efectivo.

Este cálculo confirma a conclusão anterior de que os associados não dirigentes permanecem
cada vez menos tempo no movimento. Segundo este cálculo, em 1996 a permanência média era
de 5,2 anos e em 2010 esta baixou para os 4 anos, tendo atingido o mínimo de 3,9 anos em 2006
e 2007.

4
Nº de anos

0
1996 1997 1998 1999 2000 2001 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010
Ano

Gráfico 3.16 - Rotatividade global nacional histórica - 1996 a 2010

Página 43
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

Para o cálculo da rotatividade nas secções considerou-se a fórmula da rotatividade histórica


acima apresentada mas em que se admitiu que para o preenchimento do efectivo corrente
contribuíram o somatório dos aspirantes e noviços admitidos na secção nos últimos X anos.

A tendência de diminuição do tempo médio de permanência dos associados não dirigentes é


confirmada pelo cálculo individualizado para cada secção do CNE, em que há uma confluência
da tendência da rotatividade entre as quatro secções. A média de anos de permanência na secção
para as três secções mais novas, nos últimos anos, é inferior aos 2 anos, tendo-se afastado cada
vez mais do objectivo desejado de 4 anos. O tempo de permanência na IV secção tem tido um
decréscimo mais acentuado que as restantes secções: sendo aquela que tinha um tempo médio
de permanência mais longo, tem-se vindo a aproximar das demais secções.

3
Nº de anos na secção

0
1993 1994 1995 1996 1997 1998 1999 2000 2001 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010
Ano

Gráfico 3.17 - Rotatividade nacional histórica por secção - 1993 a 2010

Página 44
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

3.6. Pirâmide etária por secção

Na análise comparativa da pirâmide etária do CNE entre 1990 e 2010, verifica-se que a
percentagem de dirigentes aumentou significativamente e o peso dos lobitos apresentaram uma
subida ligeira, tendo as restantes três secções reduzido o seu peso. No que respeita à distribuição
entre os dois géneros, houve um aumento médio de 3% nas secções para o sexo feminino, sendo
o menor aumento nos caminheiros. Nas quatro secções o peso do efectivo feminino aumentou e
o do efectivo masculino diminuiu. Os rapazes continuam maioritários face ao número de
raparigas.

Feminino Masculino
Ano
D I II III IV D I II III IV
1990 4% 9% 10% 7% 4% 9% 14% 20% 13% 10%
1991 4% 9% 11% 7% 4% 9% 15% 20% 13% 9%
1992 4% 9% 11% 8% 5% 9% 14% 19% 13% 10%
1993 4% 9% 11% 8% 5% 9% 14% 18% 13% 10%
1994 4% 9% 11% 8% 5% 9% 13% 17% 13% 10%
1995 4% 9% 11% 8% 6% 9% 13% 17% 13% 11%
1996 4% 9% 11% 8% 6% 9% 13% 17% 12% 11%
1997 4% 9% 12% 9% 6% 9% 13% 16% 12% 11%
1998 4% 9% 12% 9% 6% 9% 13% 16% 12% 10%
1999 5% 10% 12% 9% 5% 10% 13% 15% 12% 9%
2000 5% 10% 12% 9% 5% 10% 13% 16% 11% 8%
2001 5% 10% 12% 9% 5% 10% 13% 15% 11% 8%
2002 6% 10% 13% 9% 5% 10% 12% 15% 11% 8%
2003 6% 11% 13% 10% 5% 10% 12% 15% 10% 7%
2004 6% 11% 13% 10% 5% 11% 13% 14% 10% 7%
2005 6% 11% 13% 10% 5% 11% 12% 14% 10% 7%
2006 7% 11% 13% 10% 5% 11% 12% 14% 10% 7%
2007 7% 12% 13% 10% 5% 11% 12% 14% 10% 7%
2008 7% 12% 13% 10% 5% 11% 13% 14% 9% 6%
2009 7% 12% 14% 10% 5% 11% 12% 14% 9% 6%
2010 7% 12% 14% 10% 5% 11% 12% 13% 9% 6%

Página 45
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

9% 4%

10% 4%

13% 7%

20% 10%

14% 9%

25% 20% 15% 10% 5% 0% 0% 5% 10% 15% 20% 25%

Gráfico 3.18 - Pirâmide etária nacional por secção - 1990

Gráfico 3.19 - Pirâmide etária nacional por secção - 2010

Página 46
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

3.7. Efectivo por sexo – 1990 a 2010

Na relação do efectivo entre sexos verifica-se que o número de associados do sexo feminino foi
sempre crescente ao longo da última década do século passado, tendo uma taxa de crescimento
superior à do número de associados masculinos. Face aos números dos últimos anos conclui-se
que o ligeiro decréscimo do efectivo global se deve essencialmente à diminuição do número de
associados masculinos. O peso relativo do sexo feminino face ao sexo masculino aumentou
sempre desde 1990 até 2010.

Valores absolutos Percentagem


Ano
Total Feminino Masculino Feminino Masculino
1990 46168 15473 30695 34% 66%
1991 47598 16488 31110 35% 65%
1992 48487 17271 31216 36% 64%
1993 51110 18440 32670 36% 64%
1994 52693 19616 33077 37% 63%
1995 55195 20952 34243 38% 62%
1996 58154 22495 35659 39% 61%
1997 60337 23761 36576 39% 61%
1998 62915 25359 37556 40% 60%
1999 66363 27291 39072 41% 59%
2000 29435 40472 2000 42% 58%
2001 29003 38635 2001 43% 57%
2002 29365 37989 2002 44% 56%
2003 31237 38845 2003 45% 55%
2004 31404 38517 2004 45% 55%
2005 31238 37290 2005 46% 54%
2006 31268 36653 2006 46% 54%
2007 31681 36219 2007 47% 53%
2008 32753 36308 2008 47% 53%
2009 32962 35816 2009 48% 52%
2010 33499 35516 2010 49% 51%
Média 42% 58%

Página 47
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

45.000

40.000

35.000

30.000

25.000

20.000

15.000

10.000

5.000

0
1990 1991
1992 1993
1994 1995
1996 1997
1998 1999
2000
Ano 2001
2002
2003
2004 M
2005
2006 F
2007
2008
2009
2010

Gráfico 3.20 - Evolução do efectivo nacional por sexo - 1990 a 2010

100%

90%

80%

53% 53% 52% 51%


55% 55% 54% 54%
58% 57% 56%
61% 60% 59%
70% 64% 64% 63% 62% 61%
66% 65%

60%

50%

40%

30%

47% 47% 48% 49%


45% 45% 46% 46%
42% 43% 44%
39% 40% 41%
20% 36% 36% 37% 38% 39%
34% 35%

10%

0%
1990 1991 1992 1993 1994 1995 1996 1997 1998 1999 2000 2001 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010
Ano

Gráfico 3.21 - Distribuição do efectivo nacional por sexo - 1990 a 2010

Página 48
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

O cálculo da variação absoluta permite evidenciar a partir do ano de 2000 uma tendência de
diminuição do efectivo de elementos do sexo masculino e ao mesmo tempo uma tendência de
estabilização ou ligeiro crescimento por parte do efectivo feminino.

2.500

2.000

1.500

1.000

500

-500

-1.000

-1.500

-2.000
1991 1992
1993 1994
1995 1996
1997 1998
1999
2000
2001
Ano 2002
2003
2004 M
2005
2006 F
2007
2008
2009
2010

Gráfico 3.22 - Variação absoluta do efectivo nacional por sexo - 1990 a 2010

Página 49
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

3.8. Efectivo por secção – 1990 a 2010

Os dados seguintes referem-se à repartição do efectivo do CNE por associados dirigentes e por
associados não dirigentes, estando estes distribuídos por secções.

Valores absolutos Percentagem


Ano
Total D I II III IV D I II III IV
1990 46.168 5.769 10.725 14.001 9.250 6.423 12% 23% 30% 20% 14%
1991 47.598 5.854 11.115 14.477 9.553 6.599 12% 23% 30% 20% 14%
1992 48.487 6.004 11.201 14.354 9.975 6.953 12% 23% 30% 21% 14%
1993 51.110 6.489 11.642 14.679 10.757 7.543 13% 23% 29% 21% 15%
1994 52.693 6.827 11.539 15.053 10.989 8.285 13% 22% 29% 21% 16%
1995 55.195 6.982 11.991 15.520 11.737 8.965 13% 22% 28% 21% 16%
1996 58.154 7.351 12.761 16.359 12.107 9.576 13% 22% 28% 21% 16%
1997 60.337 7.902 13.218 16.859 12.356 10.002 13% 22% 28% 20% 17%
1998 62.915 8.447 13.849 17.296 13.240 10.083 13% 22% 27% 21% 16%
1999 66.363 9.723 15.092 18.168 14.247 9.133 15% 23% 27% 21% 14%
2000 69907 10800 15993 19610 14358 9146 15% 23% 28% 21% 13%
2001 67638 10616 15416 18713 13870 9023 16% 23% 28% 21% 13%
2002 67354 10882 15265 18765 13505 8937 16% 23% 28% 20% 13%
2003 70082 11533 16236 19311 14062 8940 16% 23% 28% 20% 13%
2004 69921 11823 16343 19284 13832 8639 17% 23% 28% 20% 12%
2005 68528 11900 15876 18895 13395 8462 17% 23% 28% 20% 12%
2006 67921 12031 16166 18244 13292 8188 18% 24% 27% 20% 12%
2007 67900 12158 16281 18292 13151 8018 18% 24% 27% 19% 12%
2008 69061 12650 16847 18604 13409 7551 18% 24% 27% 19% 11%
2009 68778 12689 16628 18706 13184 7571 18% 24% 27% 19% 11%
2010 69015 12950 16591 18851 13186 7437 19% 24% 27% 19% 11%

Página 50
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

Com a análise da evolução do efectivo por secções e dirigentes, pode-se constatar a


predominância da pré-adolescência na associação. A II Secção é aquela que apresenta um
efectivo maior. Seguem-se a I e a III Secções. A IV Secção é a que apresenta um efectivo mais
baixo. A tendência dos números aponta para uma redução das secções mais velhas e maior peso
da I, o que pode denotar uma propensão para a infantilização da Associação.

20.000

18.000

16.000

14.000

12.000

10.000

8.000

6.000

4.000

2.000

0
1990
1991
1992
1993
1994
1995
1996
1997
1998
1999
2000
2001
2002

Ano
2003

2004

2005

II
2006

I
2007

III
2008

2009

D
2010

IV

Gráfico 3.23 - Evolução do efectivo nacional por secção - 1990 a 2010

Página 51
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

Em termos de peso relativo, percebe-se alguma estabilidade na I e III secções, contrastando com
a diminuição da II e IV. Os dirigentes têm vindo a aumentar a sua representatividade no
movimento.

100%

12% 12% 12% 13% 13% 13% 13% 13% 13% 15% 15% 16% 16% 16% 17% 17% 18% 18% 18% 18% 19%
90%

14% 14% 14% 15%


80% 16% 16% 16% 17% 16% 14% 13% 13% 13% 13% 12% 12% 12% 12% 11% 11% 11%

70%

20% 20% 21% 21% 21% 19% 19%


21% 21% 21% 20% 21% 21% 21% 20% 20% 20% 20% 20% 19% 19%
60%

50%

40% 30% 30% 30% 27% 27%


29% 28% 28% 28% 28% 27% 27% 27%
29% 28% 28% 28% 27% 27% 28% 28%

30%

20%

23% 23% 23% 23% 23% 23% 23% 23% 23% 23% 23% 24% 24% 24% 24% 24%
22% 22% 22% 22% 22%
10%

0%
1990 1991 1992 1993 1994 1995 1996 1997 1998 1999 2000 2001 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010
Ano

Gráfico 3.24 - Distribuição do efectivo nacional por secção - 1990 a 2010

Página 52
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

O cálculo da variação absoluta do efectivo por secções e dirigentes permite confirmar a


tendência de diminuição, nos últimos anos, do efectivo nas secções mais velhas, a sua
manutenção com oscilações nas secção mais novas e a continuidade do crescimento do número
de dirigentes.

1.500

1.000

500

-500

-1.000
1991 1992 1993 1994 1995 1996 1997 1998 1999 2000 2001 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010
Ano

Gráfico 3.25 - Variação absoluta do efectivo nacional por secção - 1990 a 2010

Página 53
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

3.9. Efectivo por situação – 1990 a 2010

Com base na repartição do efectivo global entre [Aspirantes + Candidatos a Dirigente],


[Investidos] e [Noviços + Caminheiros em Insígnia de Ligação (CIL)] poderemos analisar a
respectiva evolução e peso proporcional no efectivo.

Valores absolutos Percentagem


Ano
Aspirantes/ Noviços Aspirantes / Noviços
Total Investidos Investidos
Candidatos / CIL Candidatos / CIL
1990 46.168 7.064 33.813 5.291 15% 73% 11%
1991 47.598 7.441 35.115 5.042 16% 74% 11%
1992 48.487 7.096 35.834 5.557 15% 74% 11%
1993 51.110 7.789 36.654 6.667 15% 72% 13%
1994 52.693 7.893 37.937 6.863 15% 72% 13%
1995 55.195 8.817 39.063 7.315 16% 71% 13%
1996 58.154 9.775 40.405 7.974 17% 69% 14%
1997 60.337 9.206 43.246 7.885 15% 72% 13%
1998 62.915 10.131 43.686 9.098 16% 69% 14%
1999 66.363 12.023 44.511 9.829 18% 67% 15%
2000 69907 12539 47206 10162 18% 68% 15%
2001 67638 11438 46069 10131 17% 68% 15%
2002 67354 12345 45067 9942 18% 67% 15%
2003 70082 13482 45877 10723 19% 65% 15%
2004 69921 13040 46258 10623 19% 66% 15%
2005 68528 11826 46327 10375 17% 68% 15%
2006 67921 12852 44633 10436 19% 66% 15%
2007 67900 12260 44860 10780 18% 66% 16%
2008 69061 12805 45673 10583 19% 66% 15%
2009 68778 11872 46336 10570 17% 67% 15%
2010 69015 12783 45471 10761 19% 66% 16%

Página 54
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

Até ao ano 2000 a par de um aumento do número de investidos houve um crescimento das
transições e entradas nas secções. Nos últimos anos assistiu-se a uma tendência de estabilização
nestas três situações.

50.000

45.000

40.000

35.000

30.000

25.000

20.000

15.000

10.000

5.000

0
1990
1991
1992
1993
1994
1995
1996

1997

1998

1999

2000

2001

2002

2003

2004

Ano
2005

2006

2007

Investidos
2008

Aspirantes /candidatos
2009

2010
Noviços/CIL

Gráfico 3.26 - Evolução do efectivo nacional por situação - 1990 a 2010

Página 55
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

Ao longo da última década e meia houve uma aumento do peso relativo dos indivíduos que
entram nas secções (aspirantes + candidatos + noviços + CIL) em detrimento dos investidos.
Este dado confirma o aumento da rotatividade, estando cada escuteiro, em termos médios,
menos tempo na associação e na secção. Assim, os que entram ganham um peso relativo maior.

100%

15% 16% 15% 15% 15% 16% 17% 15% 16%


18% 18% 17% 18% 19% 19% 17% 19% 18% 19% 17% 19%
90%

80% 11% 11% 11%


13% 13% 13%
13%
14% 14%
15% 15%
15% 15% 15% 15%
15% 15% 15% 16% 15% 16%
70%

60%

50%

40%
73% 74% 74%
72% 72% 71% 72%
69% 69%
67% 68% 68% 67%
65% 66% 68% 66% 66% 66% 67%
30% 66%

20%

10%

0%
1990
1991
1992
1993
1994
1995

1996

1997

1998

1999

2000

2001

2002

2003

2004

2005

2006

2007

2008

2009

2010

Ano

Investidos Noviços/CIL Aspirantes /candidatos

Gráfico 3.27 - Distribuição do efectivo nacional por situação - 1990 a 2006

Página 56
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

Na análise deste gráfico podemos ver a mudança de sentido da tendência no ano de 2000. Nos
últimos anos há oscilações sem tendências claras.

3.000

2.500

2.000

1.500

1.000

500

-500

-1.000

-1.500

-2.000
1991 1992 1993 1994 1995 1996 1997 1998 1999 2000 2001 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010
Ano

Noviços/CIL Aspirantes /candidatos Investidos

Gráfico 3.28 - Variação absoluta do efectivo nacional por situação - 1990 a 2010

Página 57
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

3.10. Efectivo por região – 1990 a 2010

A distribuição do efectivo pelas regiões do país, em que se encontra dividido o CNE, permite
analisar a respectiva evolução atendendo a esta divisão geográfica.

REGIÃO 1990 1991 1992 1993 1994 1995 1996 1997 1998 1999 2000 2001 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010

Açores 3.254 3.768 3.986 3.989 3.746 3.370 3.507 3.661 3.841 4.189 4.187 4.305 4.152 3.929 3.854 4.013 4.082 3.830 3.933 4.095 3.791

Algarve 886 923 930 959 763 938 1.055 1.106 1.222 1.171 1.244 1.207 1.177 1.272 1.546 1.533 1.625 1.700 1.888 2.014 2.054

Aveiro 2.124 2.011 2.036 2.286 2.485 2.689 2.731 2.832 2.962 3.010 3.100 3.054 3.094 3.194 3.239 3.105 3.146 3.113 3.077 3.087 3.160

Beja 700 810 852 876 866 882 1.002 777 831 1.018 1.028 837 779 958 887 720 591 677 598 554 652

Braga 10.410 10.512 10.921 11.496 12.535 13.105 13.432 14.152 14.619 15.372 15.877 15.836 15.318 16.272 16.022 15.748 15.373 15.287 15.648 15.324 15.244

Bragança 650 543 473 395 346 418 558 586 569 601 562 505 480 518 535 612 655 658 597 530 462

Coimbra 2.356 2.387 2.479 2.653 2.899 3.035 3.066 3.199 3.246 3.435 3.619 3.428 3.620 3.828 3.736 3.659 3.736 3.835 3.963 4.226 4.199

Évora 798 733 896 944 1.090 1.224 1.287 1.344 1.333 1.516 1.717 1.525 1.480 1.427 1.390 1.413 1.491 1.455 1.523 1.391 1.409

Guarda 1.271 1.301 1.320 1.476 1.313 1.417 1.370 1.510 1.644 1.810 1.734 1.606 1.510 1.461 1.372 1.197 1.108 1.128 1.203 1.230 1.245

Lamego 415 470 346 411 435 455 541 565 661 676 843 800 834 834 837 778 731 700 629 652 767

Leiria 803 850 1.003 1.053 1.241 1.423 1.509 1.582 1.927 2.016 2.165 2.192 2.209 2.391 2.592 2.465 2.464 2.478 2.518 2.485 2.431

Lisboa 7.358 7.806 7.879 8.061 8.083 8.660 8.951 9.303 9.467 10.025 10.600 10.398 10.734 11.241 11.208 10.937 10.934 10.955 11.229 11.236 11.596

Macau 97 94 81 83 70 72 73 90 72

Madeira 812 776 791 841 855 856 974 980 992 968 1.150 1.082 991 892 931 888 975 923 974 955 970

Port./Cast.Bra. 1.142 1.080 1.235 1.244 1.436 1.418 1.539 1.592 1.491 1.571 1.507 1.366 1.176 1.264 1.213 1.218 1.103 1.123 1.204 1.149 1.114

Porto 5.274 5.813 5.658 6.174 6.242 6.926 7.604 7.938 8.054 8.494 8.996 8.515 8.232 8.491 8.396 8.409 8.329 8.545 8.436 8.354 8.535

Santarém 1.120 1.289 1.294 1.430 1.372 1.438 1.551 1.566 1.692 2.038 2.188 2.269 2.341 2.453 2.400 2.308 2.247 2.261 2.314 2.275 2.188

Nível Nacional 27 22 34 22 32 25 37 38 49 48

Setúbal 2.756 2.916 2.793 2.950 2.998 2.939 3.207 3.362 3.600 3.725 3.959 3.807 3.840 3.997 4.113 4.093 4.194 3.996 3.980 3.928 4.097

Suiça 81 125 103

Viana Castelo 1.484 1.505 1.416 1.609 1.597 1.655 1.748 1.645 1.675 1.754 1.783 1.585 1.902 2.027 1.955 1.780 1.751 1.779 1.873 1.784 1.742

Vila Real 1.135 933 910 845 964 1.065 1.159 1.181 1.186 1.221 1.422 1.348 1.376 1.395 1.351 1.285 1.267 1.282 1.270 1.273 1.240

Viseu 1.420 1.172 1.269 1.418 1.427 1.282 1.363 1.456 1.903 1.753 2.199 1.951 1.978 2.122 2.231 2.259 2.012 2.065 2.050 1.972 1.896

Total 46.168 47.598 48.487 51.110 52.693 55.195 58.154 60.337 62.915 66.363 69.907 67.638 67.354 70.082 69.921 68.528 67.921 67.900 69.061 68.778 69.015

Na generalidade das regiões constata-se uma evolução não muito díspar. Nos últimos anos
assistiu-se a uma estagnação do efectivo. Tal como já observado em relação ao número de
agrupamentos, as regiões de Braga, Lisboa e Porto destacam-se também quanto ao efectivo.
Estas três regiões, no seu conjunto, representam sensivelmente metade do efectivo nacional. As
regiões do litoral têm tipicamente maior efectivo do que as regiões do interior do país.

Página 58
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

18.000

16.000

14.000

12.000

10.000

8.000

6.000

4.000 Braga
Lisboa
Porto
Setúbal
Açores
Coimbra
Aveiro
2.000 Leiria
Santarém
Viseu
Suiça
Algarve
Évora
Viana Castelo
Guarda
Port./Cast.Bra.
Madeira
1990
1991

Lamego
1992
1993
1994

Bragança
1995
1996
1997

Beja
1998
1999
2000

Macau
2001
2002
2003

Nível Nacional
2004
2005
2006
2007
2008
2009
2010

Gráfico 3.29 - Evolução do efectivo nacional por região - 1990 a 2010

Página 59
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

Na comparação do peso das regiões no efectivo nacional entre 1990 e 2010 verifica-se que de
um modo geral, o peso de cada região se mantém. As maiores variações encontram-se nos
Açores com uma queda superior a 1% e em Leiria e Algarve com uma subida acima do 1%.

Viseu : 1.420 : 3%
Vila Real : 1.135 : 2%
Viana Castelo : 1.484 : 3% Açores : 3.254 : 7%
Suiça : : 0% Algarve : 886 : 2%

Setúbal : 2.756 : 6% Aveiro : 2.124 : 5%

Nível Nacional : : 0% Beja : 700 : 2%


Santarém : 1.120 : 2%

Porto : 5.274 : 11%

Braga : 10.410 : 23%

Port./Cast.Bra. : 1.142 : 2%
Madeira : 812 : 2%
Macau : : 0%

Bragança : 650 : 1%
Lisboa : 7.358 : 16% Coimbra : 2.356 : 5%
Évora : 798 : 2%

Guarda : 1.271 : 3%
Leiria : 803 : 2%
Lamego : 415 : 1%

Gráfico 3.30 - Distribuição do efectivo nacional por região em 1990

Página 60
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

Viseu : 1.896 : 3%
Vila Real : 1.240 : 2%
Viana Castelo : 1.742 : 3% Açores : 3.791 : 5%
Suiça : 103 : 0% Algarve : 2.054 : 3%
Setúbal : 4.097 : 6% Aveiro : 3.160 : 5%
Nível Nacional : 48 : 0% Beja : 652 : 1%
Santarém : 2.188 : 3%

Porto : 8.535 : 12%

Braga : 15.244 : 22%

Port./Cast.Bra. : 1.114 : 2%
Madeira : 970 : 1%
Macau : 72 : 0%

Bragança : 462 : 1%

Lisboa : 11.596 : 17% Coimbra : 4.199 : 6%


Évora : 1.409 : 2%
Guarda : 1.245 : 2%
Lamego : 767 : 1%
Leiria : 2.431 : 4%

Gráfico 3.31 - Distribuição do efectivo nacional por região em 2010

Página 61
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

Na análise da variação do efectivo entre 1990 e 2010, por regiões, verifica-se uma variação
positiva para a generalidade das regiões. A região de Leiria destaca-se pois nas duas últimas
décadas triplicou o seu efectivo. Seguiram-se Algarve, Santarém, Lamego, Coimbra e Évora. A
presente análise considera os valores absolutos independentemente da evolução da população.
Para análises em relação à população portuguesa deve consultar-se o estudo CNE em números
de 2007.

REGIÃO ∆ %
Açores 537 17%
Algarve 1.168 132%
Aveiro 1.036 49%
Beja -48 -7%
Braga 4.834 46%
Bragança -188 -29%
Coimbra 1.843 78%
Évora 611 77%
Guarda -26 -2%
Lamego 352 85%
Leiria 1.628 203%
Lisboa 4.238 58%
Macau
Madeira 158 19%
Portal. Cast.Branco -28 -2%
Porto 3.261 62%
Santarém 1.068 95%
Nível Nacional
Setúbal 1.341 49%
Suíça
Viana Castelo 258 17%
Vila Real 105 9%
Viseu 476 34%
TOTAL 22.847 49%

Página 62
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

Açores
Viseu 200% Algarve

Vila Real 150% Aveiro

100%
Viana Castelo Beja
50%

Setúbal 0% Braga

-50%

Santarém -100% Bragança

Porto Coimbra

Port./Cast.Bra. Évora

Madeira Guarda

Lisboa Lamego
Leiria

Gráfico 3.32 - Variação relativa do efectivo regional entre 1990 e 2010

Página 63
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

Contrariamente à tendência de estabilização do número de escuteiros nos agrupamentos ao


longo dos últimos anos, o número de dirigentes afectos aos serviços de núcleos, regionais e
nacionais aumentou. No ano de 2000 verificou-se um acréscimo extraordinário do número de
elementos afectos a estas estruturas para cerca de 750 11.

800

700

600

500
Nº de elementos

400

300

200

100

0
1990 1991 1992 1993 1994 1995 1996 1997 1998 1999 2000 2001 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010

Gráfico 3.33 - Evolução do número de associados exclusivamente afectos às juntas - 1990 a 2010

11
Durante o estudo não se conseguiu provar esta situação anómala, houve contudo vários comentários
que sugeriram poder tratar-se de problemas administrativos e de classificação incorrecta de elementos.

Página 64
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

3.11. Ano 2010

O presente capítulo procura mostrar a fotografia do CNE em 2010, o último ano em análise.
Para o efeito cruzam-se os dados entre combinações de duas das seguintes dimensões: secção,
situação, sexo e região.

3.11.1. Distribuição por situação e secção

O escutismo oferecido pelo CNE tem um maior impacto na fase da pré-adolescência face às
fases da adolescência e da juventude. Este decréscimo de impacto confirma-se também pela
diminuição do número de aspirantes e noviços ao longo das secções.
Valores Absolutos Percentagem
D I II III IV Total D I II III IV Total
Aspirante /
Candidato 1807 6403 2785 1337 451 12783 2,6% 9,3% 4,0% 1,9% 0,7% 18,5%
Investido 9344 10188 12097 8646 5196 45471 13,5% 14,8% 17,5% 12,5% 7,5% 65,9%
Noviço / CIL 1799 3969 3203 1790 10761 2,6% 0,0% 5,8% 4,6% 2,6% 15,6%
Total 1807 6403 2785 1337 451 12783 18,8% 24,0% 27,3% 19,1% 10,8% 100,0%

14000

12000

10000

8000

6000

4000

2000

Investido
0
Aspirante / Candidato
D
I
II Noviço / CIL
Secções III
IV

Gráfico 3.34 - Distribuição do efectivo nacional por secção e situação em 2010

Página 65
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

3.11.2. Distribuição por situação e região

Na distribuição por situação e região do efectivo, pode-se observar o menor peso dos [aspirantes
+ candidatos + noviços + CIL] nas regiões de Bragança e Braga e um maior peso destes nas
regiões de Macau, Setúbal e Lisboa.

Valores Absolutos Percentagem


Aspirante / Noviço / Aspirante / Noviço /
Investido Total Investido Total
Candidato CIL Candidato CIL
Nível Nacional 1 45 2 48 0,0% 0,1% 0,0% 0,1%
Açores 786 2573 432 3791 1,2% 3,8% 0,6% 5,6%
Algarve 488 1278 288 2054 0,7% 1,9% 0,4% 3,0%
Aveiro 586 2012 562 3160 0,9% 3,0% 0,8% 4,7%
Beja 189 412 51 652 0,3% 0,6% 0,1% 1,0%
Braga 2297 11047 1900 15244 3,4% 16,3% 2,8% 22,5%
Bragança 65 366 31 462 0,1% 0,5% 0,0% 0,7%
Coimbra 718 2716 765 4199 1,1% 4,0% 1,1% 6,2%
Évora 283 912 214 1409 0,4% 1,3% 0,3% 2,1%
Guarda 261 788 196 1245 0,4% 1,2% 0,3% 1,8%
Lamego 197 522 48 767 0,3% 0,8% 0,1% 1,1%
Leiria 409 1562 460 2431 0,6% 2,3% 0,7% 3,6%
Lisboa 2376 7068 2152 11596 3,5% 10,4% 3,2% 17,1%
Macau 16 42 14 72 0,0% 0,1% 0,0% 0,1%
Madeira 202 611 157 970 0,3% 0,9% 0,2% 1,4%
Port. Cast. Branco 212 742 160 1114 0,3% 1,1% 0,2% 1,6%
Porto 1580 5522 1433 8535 2,3% 8,1% 2,1% 12,6%
Santarém 424 1416 348 2188 0,6% 2,1% 0,5% 3,2%
Setúbal 902 2461 734 4097 1,3% 3,6% 1,1% 6,0%
Suíça 6 74 23 103 0,0% 0,1% 0,0% 0,2%
Viana Castelo 231 1167 344 1742 0,3% 1,7% 0,5% 2,6%
Vila Real 193 837 210 1240 0,3% 1,2% 0,3% 0,0%
Viseu 361 1298 237 1896 0,5% 1,9% 0,3% 2,8%
Total 12783 45471 10761 69015 18,9% 67,1% 15,9% 100,0%

Página 66
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

12000

10000

8000

6000

4000

2000

0
es

ro
rv
or

ja

ag a
ei
ga

Be

ça
g

a
Av

a
Al

br
an

a
Br

Investido
or

o
rd
m

a
eg
Év

oa

Aspirante / Candidato
iri
ua
oi

au
Br

ra
Le
C

sb
G

co

Noviço / CIL
ac
La

rto
ei
Li

ém
an
ad
M

l
na
Po

l
ba
Br

a
ar
M

io

lo


nt

l
ea
t.

ac

te
Su

u
Se
as

Sa

se
as
N

R
C

Vi
C

la
el
rt.

ív

Vi
a
Po

an
N

Regiões

Vi

Gráfico 3.35 - Distribuição do efectivo nacional por região e situação em 2010

3.11.3. Distribuição por situação e sexo

Em 2010 o peso dos elementos femininos já ultrapassou os do sexo masculino nas entradas12,
sendo igual entre os noviços e CIL. Os elementos investidos ainda continuam a ser
maioritariamente masculinos mas com uma diferença de 3%.

12
Aspirantes e candidatos a dirigente

Página 67
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

Valores Absolutos Percentagem


F M Total F M Total
Aspirante / Candidato 6543 6240 12783 9,5% 9,0% 18,5%
Investido 21569 23902 45471 31,3% 34,6% 65,9%
Noviço / CIL 5387 5374 10761 7,8% 7,8% 15,6%
Total 33499 35516 69015 48,5% 51,5% 100,0%

25000

20000

15000

10000

5000

0 Género
F
Aspirante / Candidato
Investido M
Noviço / CIL

Gráfico 3.36 - Distribuição do efectivo nacional por sexo e situação em 2010

Página 68
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

3.11.4. Distribuição por secção e região

De um modo geral as regiões apresentam um peso aproximado na distribuição do efectivo por


secções face ao peso dessa distribuição em termos nacionais, em que há um maior efectivo nas
secções mais novas e menor nas secções mais velhas. Face à média nacional, as regiões de Beja
e Algarve são as mais jovens e Setúbal e Braga como as menos jovens.

Valores Absolutos Percentagem


D I II III IV Total D I II III IV Total
Nível Nacional 48 0 0 0 0 48 0,1% 0,0% 0,0% 0,0% 0,0% 0,1%
Açores 840 892 1010 634 415 3791 1,2% 1,3% 1,5% 0,9% 0,6% 5,5%
Algarve 319 585 623 373 154 2054 0,5% 0,8% 0,9% 0,5% 0,2% 3,0%
Aveiro 562 779 847 652 320 3160 0,8% 1,1% 1,2% 0,9% 0,5% 4,6%
Beja 142 198 194 85 33 652 0,2% 0,3% 0,3% 0,1% 0,0% 0,9%
Braga 2815 3225 3970 3151 2083 15244 4,1% 4,7% 5,8% 4,6% 3,0% 22,1%
Bragança 111 114 112 68 57 462 0,2% 0,2% 0,2% 0,1% 0,1% 0,7%
Coimbra 711 1033 1135 842 478 4199 1,0% 1,5% 1,6% 1,2% 0,7% 6,1%
Évora 259 375 388 257 130 1409 0,4% 0,5% 0,6% 0,4% 0,2% 2,0%
Guarda 227 355 336 209 118 1245 0,3% 0,5% 0,5% 0,3% 0,2% 1,8%
Lamego 141 180 197 139 110 767 0,2% 0,3% 0,3% 0,2% 0,2% 1,1%
Leiria 469 514 645 504 299 2431 0,7% 0,7% 0,9% 0,7% 0,4% 3,5%
Lisboa 2148 2879 3316 2145 1108 11596 3,1% 4,2% 4,8% 3,1% 1,6% 16,8%
Macau 17 15 18 13 9 72 0,0% 0,0% 0,0% 0,0% 0,0% 0,1%
Madeira 162 237 267 216 88 970 0,2% 0,3% 0,4% 0,3% 0,1% 1,4%
Port. Cast. Br. 233 287 307 180 107 1114 0,3% 0,4% 0,4% 0,3% 0,2% 1,6%
Porto 1701 2059 2371 1567 837 8535 2,5% 3,0% 3,4% 2,3% 1,2% 12,4%
Santarém 425 528 644 389 202 2188 0,6% 0,8% 0,9% 0,6% 0,3% 3,2%
Setúbal 629 1121 1177 815 355 4097 0,9% 1,6% 1,7% 1,2% 0,5% 5,9%
Suiça 21 10 35 28 9 103 0,0% 0,0% 0,1% 0,0% 0,0% 0,1%
Viana Castelo 405 365 456 338 178 1742 0,6% 0,5% 0,7% 0,5% 0,3% 2,5%
Vila Real 194 341 303 245 157 1240 0,3% 0,5% 0,4% 0,4% 0,2% 1,8%
Viseu 371 499 500 336 190 1896 0,5% 0,7% 0,7% 0,5% 0,3% 2,7%
Total 12950 16591 18851 13186 7437 69015 18,8% 24,0% 27,3% 19,1% 10,8% 100,0%

A região com maior peso dos dirigentes é Bragança e a com menor é Setúbal. Por sua vez a
região com maior peso da I é Beja e no extremo oposto encontramos Suíça, Macau e Viana do
Castelo.

Página 69
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

Para a II, temos a Suíça e Algarve onde a secção tem maior peso e o inverso em Vila Real. A III
tem maior peso na a Suíça e Madeira enquanto que o menor peso encontra-se em Beja. Por fim,
a região com maior peso da IV secção é Lamego, sendo Beja a que possui menor peso.

4000

3500

3000

2500

2000

1500

1000

500

0
es

I
ro

ja
rv
or

ag a

III
ça
ei
Be

a
g
ga

a

D
br

a
Av

a
an

or

o
rd

a
Br
Al

IV
eg

oa
m

au
i ri
Év

Br a
ua

co
oi

Le

r
sb

rto
m

ac

ém
ei
Br

l
an
La

na

l
Li

ba
Po

ça
M

lo
a

ar

l
io

ea

u
M

ui

te
nt

se
ac

S
Se

R
as
t.

Sa

Regiões
Vi
as

la
C
el
C

Vi
a
ív

an
rt.

N
Po

Vi

Gráfico 3.37 - Distribuição do efectivo nacional por região e secção em 2010

Página 70
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

100% 0%

90%
24% 26% 25% 24%
27% 27% 26% 27% 28% 27% 27% 28% 28% 26% 26%
29% 28% 29% 29%
30% 30%
34%
80%

70%
21%
21% 25% 23% 21% 21%
24% 10% 28%
25% 25%
60% 27% 29% 25%
24% 26% 24%
24%
26%
27%
28% 30%

50% 100%

18%
15% 19%
21% 21% 27%
17% 18%
40% 21% 20% 16% 18% 20% 18%
18% 18% 22% 18%
17%
13% 20%
18%
30%
24% 18% 24%
18%
22% 19% 23%
20% 18% 17%
18% 18% 19%
21% 20% 19% 20%
16% 20%
17%
22% 15%
16%

10%
14% 14% 13%
11% 12% 11% 12% 13%
10% 9% 9% 10% 9% 10% 10% 9% 9% 9% 10% 10%
7%
5%
0% 0%
ro

ra
ve

au

to

u
a

l
es

ja

oa

ém
ça

al

l
o

co

ea
ba
or

rd
br
ag

se
eg

i ri

el
Be

on
r
ei
ei
r
or

an

an
ac
sb

Po

Su
Le

R
t
ga

ar
Év

ua
m

Vi
Av

ad

as
Br

i

ac
M
Li
ag

Se
Br
oi

nt

la
Al

La
G

C
M
C

Sa

Vi
N
Br

t.

a
Regiões

as

el

an
ív
C

Vi
N
rt.
Po

Gráfico 3.38 - Distribuição do efectivo regional por secção em 2010

3.11.5. Distribuição por secção e sexo

No que diz respeito à distribuição do efectivo por secção e por sexo, em 2010, nota-se um
relativo equilíbrio entre os dois sexos, havendo uma maior divergência nos dirigentes, onde o
sexo masculino tem um peso relativo maior.

Valores Absolutos Percentagem


F M Total F M Total
D 5.119 7.831 12.950 7,4% 11,3% 18,8%
I 8.249 8.342 16.591 12,0% 12,1% 24,0%
II 9.594 9.257 18.851 13,9% 13,4% 27,3%
III 6.897 6.289 13.186 10,0% 9,1% 19,1%
IV 3.640 3.797 7.437 5,3% 5,5% 10,8%
Total 33.499 35.516 69.015 48,5% 51,5% 100,0%

Página 71
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

10000

9000

8000

7000

6000

5000

4000

3000

2000

1000

0
M
D
I Género
II F
Secção III
IV

Gráfico 3.39 - Distribuição do efectivo nacional por sexo e secção em 2010

Página 72
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

3.11.6. Distribuição por sexo e região

As regiões mantêm um relativo equilíbrio ente os géneros. Viana do Castelo é a região com
menor peso de elementos do sexo feminino e Beja é a região com maior peso de elementos do
sexo feminino.

Valores Absolutos Percentagem


F M Total F M Total
Açores 2037 1754 3791 3,0% 2,5% 5,5%
Algarve 1037 1017 2054 1,5% 1,5% 3,0%
Aveiro 1629 1531 3160 2,4% 2,2% 4,6%
Beja 361 291 652 0,5% 0,4% 0,9%
Braga 6965 8279 15244 10,1% 12,0% 22,1%
Bragança 229 233 462 0,3% 0,3% 0,7%
Coimbra 2104 2095 4199 3,0% 3,0% 6,1%
Évora 691 718 1409 1,0% 1,0% 2,0%
Guarda 647 598 1245 0,9% 0,9% 1,8%
Lamego 371 396 767 0,5% 0,6% 1,1%
Leiria 1213 1218 2431 1,8% 1,8% 3,5%
Lisboa 5577 6019 11596 8,1% 8,7% 16,8%
Macau 39 33 72 0,1% 0,0% 0,1%
Madeira 486 484 970 0,7% 0,7% 1,4%
Port. Cast. Branco 547 567 1114 0,8% 0,8% 1,6%
Porto 4088 4447 8535 5,9% 6,4% 12,4%
Santarém 1126 1062 2188 1,6% 1,5% 3,2%
Nível Nacional 11 37 48 0,0% 0,1% 0,1%
Setúbal 1985 2112 4097 2,9% 3,1% 5,9%
Suiça 51 52 103 0,1% 0,1% 0,1%
Viana Castelo 785 957 1742 1,1% 1,4% 2,5%
Vila Real 630 610 1240 0,9% 0,9% 1,8%
Viseu 890 1006 1896 1,3% 1,5% 2,7%
Total 33499 35516 69015 48,5% 51,5% 100,0%

Página 73
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

9000

8000

7000

6000

5000

4000

3000

2000

1000

0
Al es

e
ro
rv
or

ja
Br aga
ei
ga

ça
Be

a
Av

a
br
an

a
Br

or

o
rd
m

a
eg
ag

Év

M
oa
iri
ua
oi

au

Br a
m

Le

sb
C

F Género
co
r
G

ac

rto
ei
La

ém
Li

an

l
ad
M

na
Po

Se a
al

ar
M

lo
io

úb

l
Su
nt

ea
te
ac

u
t.

Sa

se
t
as

Região

as

R
N

Vi
C

la
el
rt.

Vi
ív

a
an
Po

Vi
Gráfico 3.40 - Distribuição do efectivo nacional por região e sexo em 2010

100%

90%

80%
46% 45% 46%
50% 48% 48% 49% 49%
50% 50% 51% 52% 50% 50% 51% 52% 50%
52% 52% 53%
54% 55%
70%

77%
60%

50%

40%

30%
54% 55% 54%
50% 52% 52% 51% 51%
50% 50% 49% 50% 50% 49% 48% 50%
48% 48% 48% 47%
46% 45%
20%

23%
10%

0%
l
al

lo
ro

oa

ira

u
e

a
ja

ra

au

co
s

ça

rto

m
a

ea
ba
e

rv

ag

se
rd

iri
eg
br

te
Be


ei

o
an

an
or

de
sb

ac

Po

Su

R

io
Le
ga

Év

ua
m

as

Vi
Av

Br

ta

ac
Li

Br

Se
ag

a
oi

la
Al

La
G

C
M
C

Vi
Sa

lN
Br

t.

a
as

an
e
ív
C

Vi
N
rt.

Região
Po

Gráfico 3.41 - Distribuição do efectivo regional por sexo em 2010

Página 74
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

3.12. Variação do efectivo nos últimos 5 e 10 anos

A fim de anular os desvios de circunstância e melhor se conseguir perspectivar as tendências de


médio e longo prazo, analisa-se a variação do efectivo nos últimos 5 (2010 – 2005) e nos
últimos 10 anos (2010 – 2000), atendendo a várias dimensões: secção, situação, sexo e região.

3.12.1. Secção

Nos últimos cinco e nos últimos dez anos os dirigentes e a primeira secção aumentaram e as
restantes secções diminuíram.

Abaixo apresenta-se um quadro com o efectivo e peso de cada secção e as respectivas variações
absolutas bem como a variações relativas. Os dados são apresentados para 5 e 10 anos.

Variação a 5 Anos (2005 a 2010) Variação a 10 Anos (2000 a 2010)


Efectivo Absoluto Peso por Secção
Secção Absoluta (∆) Relativa (%) Absoluta (∆) Relativa (%)
2000 2005 2010 2000 2005 2010 Efectivo Peso Efectivo Peso Efectivo Peso Efectivo Peso
D 10800 11900 12950 15% 17% 19% 1050 1,4% 8,8% 8,1% 2150 3,3% 19,9% 21,5%
I 15993 15876 16591 23% 23% 24% 715 0,9% 4,5% 3,8% 598 1,2% 3,7% 5,1%
II 19610 18895 18851 28% 28% 27% -44 -0,3% -0,2% -0,9% -759 -0,7% -3,9% -2,6%
III 14358 13395 13186 21% 20% 19% -209 -0,4% -1,6% -2,3% -1172 -1,4% -8,2% -7,0%
IV 9146 8462 7437 13% 12% 11% -1025 -1,6% -12,1% -12,7% -1709 -2,3% -18,7% -17,6%
Total 69907 68528 69015 100% 100% 100% 487 0,0% 0,7% 0,0% -892 0,0% -1,3% 0,0%

Página 75
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

Nos últimos 10 anos os dirigentes apresentam um acréscimo significativo e a IV Secção é a que


apresenta o decréscimo mais agravado.

4,0%

2,0%

0,0%

-2,0%

-4,0%

D
I
II
III
IV

Gráfico 3.42 - Variação relativa do peso de cada secção entre 2000 e 2010

Página 76
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

3.12.2. Situação

O peso dos aspirantes e dos noviços tem aumentado ao longo dos anos em detrimento dos
investidos.

Abaixo apresenta-se um quadro com o efectivo e peso de cada categoria e as respectivas


variações absolutas bem como a variações relativas. Os dados são apresentados para 5 e 10
anos.

Variação a 10 Anos (2000 a


Variação a 5 Anos (2005 a 2010)
Efectivo Absoluto Peso por Situação 2010)
Situação
Absoluta (∆) Relativa (%) Absoluta (∆) Relativa (%)

2000 2005 2010 2000 2005 2010 Efectivo Peso Efectivo Peso Efectivo Peso Efectivo Peso

Aspirantes / Candidatos 12539 11826 12783 18% 17% 19% 957 1,3% 8,1% 7,3% 244 0,6% 1,9% 3,3%
Investidos 47206 46327 45471 68% 68% 66% -856 -1,7% -1,8% -2,5% -1735 -1,6% -3,7% -2,4%
Noviços / CIL 10162 10375 10761 15% 15% 16% 386 0,5% 3,7% 3,0% 599 1,1% 5,9% 7,3%
Total 69907 68528 69015 100% 100% 100% 487 0,0% 0,7% 0,0% -892 0,0% -1,3% 0,0%

O aumento de peso relativo dos aspirantes e noviços nos últimos 10 anos evidencia também
uma maior rotatividade dos associados.

4,0%

0,0%

-4,0%

Aspirantes / Candidatos
Investidos
Noviços / CIL

Gráfico 3.43 - Variação relativa do peso de cada situação entre 2000 e 2010

Página 77
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

3.12.3. Sexo

Embora ainda com um maior peso o efectivo do sexo masculino tem vindo a diminuir, perdendo
peso relativo a favor do sexo feminino.

Abaixo apresenta-se um quadro com o efectivo e peso de cada género e as respectivas variações
absolutas bem como a variações relativas. Os dados são apresentados para 5 e 10 anos.

Variação a 5 Anos (2005 a 2010) Variação a 10 Anos (2000 a 2010)


Efectivo Absoluto Peso por Sexo
Sexo Absoluta (∆) Relativa (%) Absoluta (∆) Relativa (%)
2000 2005 2010 2000 2005 2010 Efectivo Peso Efectivo Peso Efectivo Peso Efectivo Peso
Feminino 29435 31238 33499 42% 46% 49% 2261 3,0% 7,2% 6,5% 4064 6,4% 13,8% 15,3%
Masculino 40472 37290 35516 58% 54% 51% -1774 -3,0% -4,8% -5,4% -4956 -6,4% -12,2% -11,1%
Total 69907 68528 69015 100% 100% 100% 487 0,0% 0,7% 0,0% -892 0,0% -1,3% 0,0%

Nos últimos 10 anos, o género feminino aumentou de 42% para 49% enquanto o género
masculino reduziu na quantidade inversa. Numa análise da evolução anual, percebe-se que há
uma tendência para o equilíbrio.

20,0%

15,0%

10,0%

5,0%

0,0%

-5,0%

-10,0%

-15,0%
Feminino Masculino

Gráfico 3.44 - Variação relativa do peso de cada sexo entre 2000 e 2010

Página 78
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

3.12.4. Região

A região que teve o crescimento mais significativo foi o Algarve. A que mais diminuiu foi Beja.
Contudo esta análise deve ser complementada com a análise da evolução da população que não
é incluída nesta actualização. Para mais detalhes consultar o CNE em números 2007.

Abaixo apresenta-se um quadro com o efectivo e peso de cada região e as respectivas variações
absolutas bem como a variações relativas. Os dados são apresentados para 5 e 10 anos.

Variação a 5 Anos (2001 a 2006) Variação a 10 Anos (1996 a 2006)


Efectivo Absoluto Peso por região
Região Absoluta (∆) Relativa (%) Absoluta (∆) Relativa (%)
1996 2001 2006 1996 2001 2006 Efectivo Peso Efectivo Peso Efectivo Peso Efectivo Peso
Nível Nacional 27 25 48 0% 0% 0% 23 0,0% 92,0% 90,6% 21 0,0% 77,8% 80,1%
Açores 4187 4013 3791 6% 6% 5% -222 -0,4% -5,5% -6,2% -396 -0,5% -9,5% -8,3%
Algarve 1244 1533 2054 2% 2% 3% 521 0,7% 34,0% 33,0% 810 1,2% 65,1% 67,2%
Aveiro 3100 3105 3160 4% 5% 5% 55 0,0% 1,8% 1,1% 60 0,1% 1,9% 3,3%
Beja 1028 720 652 1% 1% 1% -68 -0,1% -9,4% -10,1% -376 -0,5% -36,6% -35,8%
Braga 15877 15748 15244 23% 23% 22% -504 -0,9% -3,2% -3,9% -633 -0,6% -4,0% -2,7%
Bragança 562 612 462 1% 1% 1% -150 -0,2% -24,5% -25,0% -100 -0,1% -17,8% -16,7%
Coimbra 3619 3659 4199 5% 5% 6% 540 0,7% 14,8% 13,9% 580 0,9% 16,0% 17,5%
Évora 1717 1413 1409 2% 2% 2% -4 0,0% -0,3% -1,0% -308 -0,4% -17,9% -16,9%
Guarda 1734 1197 1245 2% 2% 2% 48 0,1% 4,0% 3,3% -489 -0,7% -28,2% -27,3%
Lamego 843 778 767 1% 1% 1% -11 0,0% -1,4% -2,1% -76 -0,1% -9,0% -7,8%
Leiria 2165 2465 2431 3% 4% 4% -34 -0,1% -1,4% -2,1% 266 0,4% 12,3% 13,7%
Lisboa 10600 10937 11596 15% 16% 17% 659 0,8% 6,0% 5,3% 996 1,6% 9,4% 10,8%
Macau 83 72 0% 0% 0% -11 0,0% 72 0,1%
Madeira 1150 888 970 2% 1% 1% 82 0,1% 9,2% 8,5% -180 -0,2% -15,7% -14,6%
Port. Cast. Branco 1507 1218 1114 2% 2% 2% -104 -0,2% -8,5% -9,2% -393 -0,5% -26,1% -25,1%
Porto 8996 8409 8535 13% 12% 12% 126 0,1% 1,5% 0,8% -461 -0,5% -5,1% -3,9%
Santarém 2188 2308 2188 3% 3% 3% -120 -0,2% -5,2% -5,9% 0 0,0% 0,0% 1,3%
Setúbal 3959 4093 4097 6% 6% 6% 4 0,0% 0,1% -0,6% 138 0,3% 3,5% 4,8%
103
Viana Castelo 1783 1780 1742 3% 3% 3% -38 -0,1% -2,1% -2,8% -41 0,0% -2,3% -1,0%
Vila Real 1422 1285 1240 2% 2% 2% -45 -0,1% -3,5% -4,2% -182 -0,2% -12,8% -11,7%
Viseu 2199 2259 1896 3% 3% 3% -363 -0,5% -16,1% -16,7% -303 -0,4% -13,8% -12,7%
Total 69907 68528 69015 100% 100% 100% 487 0,0% 0,7% 0,0% -892 0,0% -1,3% 0,0%

Página 79
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

Nos últimos 10 anos a região do Algarve foi a que aumentou mais a sua representatividade
nacional e Beja a região que mais perdeu.

Açores
75,0%
Viseu Algarve

50,0%
Vila Real Aveiro

25,0%

Viana Castelo Beja


0,0%

-25,0%

Setúbal Braga
-50,0%

-75,0%

Santarém -100,0% Bragança

Porto Coimbra

Port. Cast. Branco Évora

Madeira Guarda

Lisboa Lamego
Leiria

Gráfico 3.45 - Variação relativa do peso de cada região entre 2000 e 2010

Página 80
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

Página 81
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

4. Índice de agrupamentos
Abaixo listam-se todos os agrupamentos do CNE ordenado por número. A informação refere-se a
2010/08/2313.

A primeira coluna indica o código da freguesia14 de acordo com a numeração do INE15 onde se situa o
agrupamento.

Código Nº de
DTCCFG
Nome do Agrupamento Região Núcleo Estado
Agrup.
030352 1 Sé (Braga) Braga Braga Activo
030342 2 S. José de São Lazaro Braga Braga Activo
030351 3 São Vítor Braga Braga Activo
131404 4 Vila das Aves Braga Famalicão Activo
030840 5 Ronfe Braga Guimarães Activo
131202 6 Bonfim Porto Cidade do Porto Activo
131503 7 Ermesinde Porto Centro Norte Activo
130601 8 Águas Santas Porto Litoral Activo
131203 9 Campanhã Porto Cidade do Porto Activo
131204 10 Cedofeita Porto Cidade do Porto Activo
030325 11 Ruães Braga Braga Activo
030310 12 Dume Braga Braga Activo
030214 13 Alcaide Faria Braga Barcelos Activo
030351 14 São Vítor Braga Braga Extinto
031205 15 Bente Braga Famalicão Activo
031342 16 Prado Braga Vila Verde Activo
131214 17 Sé Porto Cidade do Porto Activo
040245 18 São João de Deus Bragança Activo
030349 19 São Vicente Braga Braga Activo
050320 20 Covilhã Guarda Activo
030606 21 Fão Braga Cego do Maio Extinto
030816 22 São Paio de Figueiredo Braga Guimarães Activo
430207 23 Santa Cruz Açores Terceira Activo
011319 24 Vila Cucujães Porto Terras de Santa Maria Activo
030347 25 São Pedro Merlim Braga Braga Activo
031232 26 Pousada de Saramagos Braga Famalicão Activo
031204 27 Bairro Braga Famalicão Activo
030865 28 São Torcato Braga Guimarães Activo
131213 29 São Nicolau Porto Cidade do Porto Activo
030345 30 São Paio Merel Braga Braga Activo
050304 31 Barco Guarda Activo
090742 32 Sem Guarda Guarda Extinto

13
Todo o documento excepto este capítulo refere-se a dados de 2010/08/13. Este capítulo refere-se aos
dados de 2010/08/23.
14
Códigos de Distrito + Concelho + Freguesia
15
Codificação utilizada nos censos gerais da população em 2001

Página 82
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

Código Nº de
DTCCFG
Nome do Agrupamento Região Núcleo Estado
Agrup.
050101 33 Belmonte Guarda Activo
071201 34 Vendas Novas Évora Activo
100912 35 Sem Maior Leiria Extinto
101001 36 Marinha Grande Leiria Activo
070517 37 Évora Évora Activo
131310 38 Imaculada Conceição Braga Cego do Maio Activo
110630 39 Santa Isabel Lisboa Lisboa Ocidental Activo
110650 40 São Sebastião da Pedreira Lisboa Lisboa Ocidental Activo
150904 41 Minas Lousal Beja Extinto
110625 42 Penha Franca Lisboa Oriental de Lisboa Activo
110644 43 Arroios Lisboa Oriental de Lisboa Activo
141812 44 Tomar Santarém Activo
111005 45 Caxias Lisboa Barra Activo
111101 46 Agualva-Cacém Lisboa Serra da Lua Activo
110615 47 Encarnação - Chiado Lisboa Lisboa Ocidental Activo
110628 48 Santa Catarina Lisboa Lisboa Ocidental Activo
110622 49 Mercês Lisboa Lisboa Ocidental Activo
110642 50 São João de Brito Lisboa Oriental de Lisboa Activo
110629 51 Santa Engrácia Lisboa Oriental de Lisboa Activo
141620 52 Santarém Santarém Activo
110610 53 Serafina Lisboa Lisboa Ocidental Activo
150302 54 Monte da Caparica Setúbal Activo
111508 55 Amadora Lisboa Serra da Lua Activo
110649 56 São Paulo Lisboa Lisboa Ocidental Extinto
110608 57 Benfica Lisboa Lisboa Ocidental Activo
100101 58 Alcobaça Lisboa Oeste Activo
151205 59 São Sebastião Setúbal Activo
111107 60 Queluz Lisboa Serra da Lua Activo
110633 61 Santa Maria dos Olivais Lisboa Oriental de Lisboa Activo
151203 62 Setúbal Setúbal Activo
110616 63 Graça Lisboa Oriental de Lisboa Suspenso
151205 64 Camarinha Setúbal Activo
141914 65 Torres Novas Santarém Activo
110618 66 Lumiar Lisboa Oriental de Lisboa Activo
110633 67 Bairro da Encarnação Lisboa Oriental de Lisboa Activo
141504 68 Salvaterra de Magos Santarém Activo
111603 69 Odivelas Lisboa Moinhos de Vento Activo
150301 70 Almada Setúbal Extinto
110505 71 Parede Lisboa Barra Activo
150702 72 Montijo Setúbal Activo
110611 73 Carnide Lisboa Lisboa Ocidental Activo
150401 74 Barreiro Setúbal Activo
110504 75 Estoril Lisboa Barra Activo
150603 76 Moita Setúbal Activo
111007 77 Cruz Quebrada Lisboa Barra Activo
110202 78 Arruda dos Vinho Lisboa Solarius Extinto
110626 79 Prazeres Lisboa Lisboa Ocidental Activo
110632 80 Santa Maria de Belém Lisboa Lisboa Ocidental Activo
110621 81 Marvila Lisboa Oriental de Lisboa Suspenso
030611 82 São Bartolomeu do Mar Braga Cego do Maio Activo
030844 83 Airão Santa Maria Braga Guimarães Activo

Página 83
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

Código Nº de
DTCCFG
Nome do Agrupamento Região Núcleo Estado
Agrup.
030866 84 Serzedelo Braga Guimarães Activo
160906 85 Sao Pedro - Barroselas Viana Castelo Activo
030212 86 Balugães Braga Barcelos Activo
030806 87 Barco Braga Guimarães Activo
030723 88 São Francisco de Assis Braga Fafe Activo
031213 89 Delães Braga Famalicão Activo
030343 90 Paços Braga Braga Extinto
011505 91 Ovar Porto Terras de Santa Maria Extinto
131708 92 Lever Porto Douro Sul Extinto
131422 93 São Tomé de Negrelos Porto Norte Activo
131803 94 Trofa Porto Norte Activo
130607 95 Maia Porto Litoral Activo
130411 96 Valbom Porto Centro Norte Activo
97 Benguela ANGOLA Extinto
080504 98 Faro Algarve Activo
171106 99 Medrões Vila Real Extinto
081406 100 Tavira Algarve Activo
121303 101 Ponte de Sôr Portalegre e Castelo Branco Activo
182324 102 Santa Maria Viseu Activo
160919 103 Monserrate Viana Castelo Activo
111108 104 Tabaqueira / Albarraque Lisboa Barra Extinto
160417 105 Monção Braga Extinto
030856 106 Selho São Lourenço Braga Guimarães Activo
420312 107 São Sebastião Açores São Miguel Activo
030815 108 Fermentões Braga Guimarães Activo
060318 109 Santo António dos Olivais Coimbra Centro-Norte Activo
131204 110 Carvalhido Porto Cidade do Porto Activo
430206 111 Base Áerea nº4 Açores Terceira Activo
112 Praia Bispo ANGOLA Extinto
110506 113 São Domingos de Rana Lisboa Barra Activo
430105 114 Seminário de Angra Açores Terceira Activo
060302 115 Seminário Maior Coimbra Centro-Norte Activo
091220 116 Seia Guarda Activo
010513 117 Seminário Santa Joana Aveiro Extinto
118 Nova Lisboa ANGOLA Extinto
140901 119 Coruche Évora Activo
050417 120 Fundão Guarda Activo
182324 121 Viseu Viseu Extinto
111313 122 Torres Vedras Lisboa Oeste Activo
131310 123 São José de Ribamar Braga Cego do Maio Activo
031224 124 Lousado Braga Famalicão Activo
031247 125 Vermoim Braga Famalicão Activo
142106 126 Cova Iria Leiria Extinto
100912 127 Sé (Leiria) Leiria Activo
121408 128 Portalegre Portalegre e Castelo Branco Extinto
020515 129 Beja Beja Extinto
121302 130 Montargil Évora Extinto
131612 131 S. Simão da Junqueira Braga Cego do Maio Activo
140501 132 Benavente Évora Extinto
031225 133 Mogege Braga Famalicão Activo
090742 134 Guarda Guarda Activo

Página 84
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

Código Nº de
DTCCFG
Nome do Agrupamento Região Núcleo Estado
Agrup.
135 Lourenço Marques Moçambique Extinto
010505 136 Esgueira Aveiro Activo
120711 137 V Fernando Évora Extinto
050201 138 Alcains Portalegre e Castelo Branco Extinto
430109 139 Porto Judeu Açores Terceira Activo
180521 140 Lamego Lamego Activo
010104 141 Santa Eulália de Águeda Aveiro Activo
121409 142 Portalegre Portalegre e Castelo Branco Activo
130809 143 São Mamede de Infesta Porto Litoral Activo
031242 144 Oliveira São Mateus Braga Famalicão Activo
030804 145 Azurém Braga Guimarães Activo
030823 146 Guardizela Braga Guimarães Activo
040245 147 São José Bragança Extinto
100804 148 Figueiró dos Vinhos Coimbra Activo
181105 149 Ínsua Viseu Activo
150 Vila Pery Moçambique Extinto
060319 151 São Bartolomeu Coimbra Mondego-Sul Extinto
120904 152 Gavião Portalegre e Castelo Branco Extinto
050323 153 Teixoso Guarda Activo
430201 154 Agualva Açores Terceira Activo
155 Beira Moçambique Extinto
156 Nova Lisboa ANGOLA Extinto
050804 157 Proença-a-Nova Portalegre e Castelo Branco Activo
120701 158 Elvas Évora Activo
081103 159 Portimão Algarve Activo
050205 160 Castelo Branco Portalegre e Castelo Branco Activo
060511 161 Figueira da Foz Coimbra Extinto
060316 162 Santa Clara Coimbra Mondego-Sul Activo
060317 163 Santa Cruz de Coimbra Coimbra Centro-Norte Activo
180710 164 Moimenta da Beira Lamego Extinto
091207 165 Loriga Guarda Extinto
166 L Marques Moçambique Extinto
167 Capela Milit Moçambique Extinto
168 Lhanguene Moçambique Extinto
169 Malhangalene Moçambique Extinto
050912 170 Sertã Portalegre e Castelo Branco Activo
470106 171 Angústias Açores Faial Activo
140113 172 Abrantes Portalegre e Castelo Branco Activo
080706 173 Lagos Algarve Activo
131201 174 Aldoar Porto Cidade do Porto Activo
050201 175 Alcains Portalegre e Castelo Branco Activo
176 Nova Lisboa ANGOLA Extinto
177 Nova Lisboa ANGOLA Extinto
178 Boroma Moçambique Extinto
120904 179 Gavião Portalegre e Castelo Branco Extinto
180 Lourenço Marques Moçambique Extinto
081307 181 Silves Algarve Activo
030214 182 Barcelos Braga Barcelos Extinto
030728 183 Santo Amaro Braga Fafe Activo
031219 184 Joane Braga Famalicão Activo
131403 185 S. Tiago de Areias Braga Famalicão Activo

Página 85
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

Código Nº de
DTCCFG
Nome do Agrupamento Região Núcleo Estado
Agrup.
031241 186 Vale São Martinho Braga Famalicão Activo
187 Tete Moçambique Extinto
070803 188 Mourão Évora Extinto
011004 189 Ílhavo Aveiro Activo
011203 190 Murtosa Aveiro Activo
010513 191 Aveiro (Glória) Aveiro Activo
180501 192 Lamego Lamego Extinto
140106 193 Mouriscas Portalegre e Castelo Branco Activo
100401 194 Batalha Leiria Activo
060302 195 Sé Velha Coimbra Centro-Norte Activo
196 Quelimane Moçambique Extinto
197 Beira Moçambique Extinto
170349 198 Chaves Vila Real Activo
030812 199 Costa Braga Guimarães Activo
030837 200 Polvoreira Braga Guimarães Activo
030120 201 Sequeirô Braga Famalicão Activo
050324 202 Tortosendo Guarda Extinto
203 Inhambane Moçambique Extinto
150902 204 Alvalade Sado Beja Extinto
160919 205 Viana do Castelo Viana Castelo Extinto
031248 206 Santo Adrião Braga Famalicão Activo
030304 207 Sta Maria de Aveleda Braga Braga Activo
030314 208 Ferreiros Braga Braga Activo
160905 209 Areosa Viana Castelo Extinto
131712 210 Oliveira do Douro Porto Douro Sul Activo
211 Sá Bandeira ANGOLA Extinto
171424 212 São Pedro Vila Real Activo
131310 213 Lapa Braga Cego do Maio Extinto
160134 214 Arcos de Valdevez Viana Castelo Activo
310310 215 Sé (Funchal) Madeira Extinto
310310 216 Ilhéus Madeira Activo
310310 217 Sé Madeira Activo
031206 218 Brufe Braga Famalicão Activo
030319 219 Gualtar Braga Braga Activo
220 Luanda ANGOLA Extinto
010303 221 Anadia Aveiro Activo
141306 222 Mação Portalegre e Castelo Branco Extinto
150201 223 Alcochete Setúbal Activo
224 Bissau Guiné Extinto
142003 225 tancos Santarém Extinto
131624 226 Santa Maria Touguinha Braga Cego do Maio Extinto
031209 227 Carreira Braga Famalicão Activo
131212 228 Senhora da Conceição Porto Cidade do Porto Activo
130408 229 Rio Tinto Porto Centro Norte Activo
110633 230 Olivais Sul Lisboa Oriental de Lisboa Activo
090802 231 Snta Maria Guarda Activo
090803 232 São Pedro - Manteigas Guarda Activo
010802 233 Estarreja Aveiro Activo
142106 234 Fátima Leiria Extinto
060511 235 Figueira da Foz Coimbra Activo
310306 236 São Gonçalo Madeira Extinto

Página 86
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

Código Nº de
DTCCFG
Nome do Agrupamento Região Núcleo Estado
Agrup.
310308 237 Sagrada Família Madeira Extinto
310309 238 São Roque Madeira Activo
310304 239 Funchal Madeira Extinto
310302 240 Monte Madeira Extinto
060318 241 Colegio Sao teotonio Coimbra Centro-Norte Extinto
111005 242 Paço de Arcos Lisboa Barra Activo
080505 243 São José Algarve Extinto
244 Beira Moçambique Extinto
131424 245 Vilarinho Porto Norte Activo
246 Nampula Moçambique Extinto
247 Nova Lisboa ANGOLA Extinto
248 Benguela ANGOLA Extinto
249 Nova Lisboa ANGOLA Extinto
250 Cuima ANGOLA Extinto
251 Cristo Rei ANGOLA Extinto
252 Macuti Moçambique Extinto
151004 253 Seixal Setúbal Activo
141809 254 Vila Nova Santarém Extinto
111504 255 Damaia Lisboa Serra da Lua Activo
091011 256 Gouveia Guarda Extinto
031233 257 Requião Braga Famalicão Activo
131301 258 A-Ver-O-Mar Braga Cego do Maio Extinto
259 Canhe ANGOLA Extinto
420406 260 Ribeira Quente Açores São Miguel Activo
031221 261 Santa Maria de Landim Braga Famalicão Activo
110652 262 Sé Lisboa Lisboa Oriental de Lisboa Activo
110610 263 Campolide Lisboa Lisboa Ocidental Activo
264 Bolama Guiné Extinto
265 Luanda ANGOLA Extinto
266 Praia Cabo Verde Extinto
030601 267 São Paio Antas Braga Cego do Maio Extinto
031203 268 Avidos Braga Famalicão Activo
121201 269 Alpalhão Portalegre e Castelo Branco Extinto
270 H Carvalho ANGOLA Extinto
271 Baixa da Banheira ANGOLA Extinto
111203 272 Sobral Monte Agraço Lisboa Solarius Activo
140115 273 Tramagal Portalegre e Castelo Branco Activo
010702 274 Espinho Porto Douro Sul Activo
131215 275 São Bento Porto Cidade do Porto Extinto
130808 276 Santa Cruz do Bispo Porto Litoral Activo
130617 277 Pedroucos Porto Litoral Extinto
130409 278 Gondomar Porto Centro Norte Activo
031403 279 S. Miguel das Caldas de Vizela Braga Guimarães Activo
180304 280 Castro Daire Lamego Activo
281 Vila Pery Moçambique Extinto
170804 282 Godim Vila Real Activo
010512 283 Vera Cruz Aveiro Activo
284 Luanda ANGOLA Extinto
031202 285 Antas São Tiago Braga Famalicão Activo
286 Carmona ANGOLA Extinto
030703 287 Santa Maria de Antime Braga Fafe Activo

Página 87
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

Código Nº de
DTCCFG
Nome do Agrupamento Região Núcleo Estado
Agrup.
288 Beira Moçambique Extinto
050318 289 Minas Guarda Extinto
080809 290 Loulé Algarve Activo
031208 291 Calendário Braga Famalicão Activo
292 Negage ANGOLA Extinto
182123 293 Tondela Viseu Extinto
294 Sá da Bandeira ANGOLA Extinto
171419 295 Nossa Senhora da Conceição Vila Real Activo
296 São Tomé São Tomé Extinto
111006 297 Algés Lisboa Barra Activo
030724 298 Revelhe Braga Fafe Activo
180610 299 Mangualde Viseu Activo
131203 300 São Roque Porto Cidade do Porto Extinto
030405 301 Esposende Braga Cego do Maio Activo
302 Luanda ANGOLA Extinto
303 Cabinda ANGOLA Extinto
030354 304 Sequeira Braga Braga Activo
030338 305 Ruilhe Braga Braga Extinto
181404 306 Santa Comba Dão Viseu Activo
030838 307 S. João da Ponte Braga Guimarães Activo
031238 308 Arnoso Braga Famalicão Extinto
060311 309 Ceira Coimbra Mondego-Sul Activo
171414 310 Lordelo Vila Real Extinto
031222 311 Lemenhe Braga Famalicão Activo
031223 312 Louro Braga Famalicão Activo
011502 313 Cortegaça Porto Terras de Santa Maria Activo
021007 314 Moura Beja Activo
060310 315 Castelo Viegas Coimbra Mondego-Sul Extinto
030858 316 Sande Braga Guimarães Activo
111402 317 Alverca Lisboa Solarius Activo
120502 318 Castelo Vide Portalegre e Castelo Branco Extinto
010513 319 Santa Joana Aveiro Activo
070519 320 Évora Évora Activo
131724 321 Vilar do Paraíso Porto Douro Sul Activo
030871 322 Urgezes Braga Guimarães Activo
030842 323 Prazins (Santa Eufémia) Braga Guimarães Activo
170807 324 Peso da Régua Vila Real Activo
151102 325 Sesimbra Setúbal Activo
050503 326 Idanha-a-Nova Portalegre e Castelo Branco Activo
080302 327 Bordeira Algarve Extinto
130402 328 Fânzeres Porto Centro Norte Activo
091417 329 Vila Nova de Foz Côa Lamego Activo
031214 330 S. Pedro de Esmeriz Braga Famalicão Activo
030804 331 São Dâmaso Braga Guimarães Activo
030286 332 Vila Cova Braga Barcelos Activo
333 Timor Timor Extinto
334 Vigo Espanha Extinto
310303 335 Santa Luzia Madeira Extinto
060312 336 Cernache Coimbra Mondego-Sul Extinto
100603 337 Calda da Rainha Lisboa Oeste Activo
110646 338 São Mamede Lisboa Lisboa Ocidental Activo

Página 88
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

Código Nº de
DTCCFG
Nome do Agrupamento Região Núcleo Estado
Agrup.
081003 339 Olhão Algarve Extinto
131212 340 Santo Ildefonso Porto Cidade do Porto Extinto
341 Macau Macau Activo
111408 342 Vialonga Lisboa Solarius Activo
160905 343 Senhor do Socorro Viana Castelo Activo
430206 344 Lajes Açores Terceira Activo
150106 345 Comporta Évora Extinto
031309 346 Cervães Braga Vila Verde Activo
060318 347 São Jorge Coimbra Centro-Norte Activo
160917 348 Meadela Viana Castelo Activo
031226 349 Mouquim Braga Famalicão Activo
151101 350 Santana Setúbal Activo
351 Caala ANGOLA Extinto
352 Bailundo ANGOLA Extinto
021403 353 Vidigueira Beja Extinto
030273 354 Vila Frescainha (São Martinho) Braga Barcelos Extinto
060318 355 Montes Claros Coimbra Centro-Norte Activo
131703 356 Canelas Porto Douro Sul Extinto
031216 357 Gavião Braga Famalicão Activo
060325 358 Sé Nova Coimbra Centro-Norte Activo
359 Lobito ANGOLA Extinto
360 Nacala Moçambique Extinto
070520 361 Évora Évora Extinto
362 Nova Freixo ANGOLA Extinto
060317 363 Coselhas Coimbra Centro-Norte Activo
031240 364 Vale São Cosme Braga Famalicão Activo
030838 365 Corvite Braga Guimarães Activo
030807 366 Brito Braga Guimarães Activo
160701 367 Anais Viana Castelo Activo
368 Motael Timor Extinto
011506 369 São Vicente Porto Este Extinto
101612 370 Porto de Mós Leiria Activo
150602 371 Baixa da Banheira Setúbal Activo
150305 372 Trafaria Setúbal Activo
131306 373 Beiriz Braga Cego do Maio Activo
160902 374 S. Miguel - Alvarães Viana Castelo Activo
030344 375 São Mamede Est Braga Braga Activo
131716 376 Coimbrões Porto Douro Sul Activo
021304 377 Serpa Beja Activo
181305 378 Felgueiras Porto Litoral Extinto
111301 379 A-dos-Cunhados Lisboa Oeste Activo
110639 380 Calhariz de Benfica Lisboa Lisboa Ocidental Activo
011808 381 Seminário de Calvão Aveiro Extinto
060204 382 Cantanhede Coimbra Activo
080903 383 Monchique Algarve Activo
384 Catumbela ANGOLA Extinto
031234 385 Riba de Ave Braga Famalicão Activo
030850 386 S. Cristóvão Braga Guimarães Activo
131411 387 Palmeira Braga Famalicão Activo
160938 388 Vila Punhe Viana Castelo Extinto
070703 389 Mora Évora Extinto

Página 89
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

Código Nº de
DTCCFG
Nome do Agrupamento Região Núcleo Estado
Agrup.
131710 390 Mafamude Porto Douro Sul Activo
131202 391 Santo António das Antas Porto Cidade do Porto Activo
171228 392 Valpaços Vila Real Activo
393 Santo António Guiné Extinto
410105 394 Aeroporto Açores Santa Maria Activo
430105 395 Sé Angra Açores Terceira Extinto
160625 396 Vila Nova de Muía Viana Castelo Activo
160616 397 Ponte Barca Viana Castelo Extinto
131210 398 Amial Porto Cidade do Porto Extinto
131412 399 São Tiago de Rebordões Porto Norte Activo
131406 400 Burgães Porto Norte Activo
401 São Domingos Cabo Verde Extinto
010801 402 Santa Marinha de Avanca Aveiro Activo
141408 403 Rio Maior Santarém Activo
140301 404 Almeirim Santarém Activo
130412 405 Baguim do Monte Porto Centro Norte Activo
131312 406 Terroso Braga Cego do Maio Activo
111004 407 Oeiras Lisboa Barra Activo
131716 408 Santa Marinha Porto Douro Sul Activo
030821 409 Gondar Braga Guimarães Activo
131605 410 Bagunte Braga Cego do Maio Extinto
131625 411 Touguinho Braga Cego do Maio Extinto
111501 412 Alfragide Lisboa Serra da Lua Activo
080602 413 Ferragudo Algarve Activo
151002 414 Amora Setúbal Activo
151202 415 Santa Maria da Graça Setúbal Activo
070301 416 Borba Évora Extinto
030845 417 Santa Maria de Souto Braga Guimarães Extinto
031357 418 Vila Verde Braga Vila Verde Activo
031308 419 Cabanelas Braga Vila Verde Activo
310301 420 Imaculado Coração de Maria Madeira Extinto
030307 421 Seminário São Tiago Braga Braga Activo
030207 422 Alheira Braga Barcelos Activo
160923 423 São Romão de Neiva Viana Castelo Activo
030328 424 Nogueira Braga Braga Activo
030855 425 Sande S. Lourenço Braga Guimarães Extinto
030321 426 Lamaçães Braga Braga Activo
030306 427 Celeiros Braga Braga Activo
030864 428 Abação Braga Guimarães Activo
030326 429 Morreira Braga Braga Activo
030324 430 S. Pedro Maximinos Braga Braga Activo
031120 431 Vieira do Minho Braga Vieira do Minho Activo
310304 432 Sagrado Coração de Jesus Madeira Activo
420301 433 Arrifes Açores São Miguel Activo
440104 434 Santa Cruz da Graciosa Açores Graciosa Activo
130520 435 Santa Eulália Porto Norte Activo
420604 436 Vila França do Campo Açores São Miguel Activo
030709 437 Bairro Granja Braga Fafe Extinto
131622 438 Rio Mau Braga Cego do Maio Extinto
131628 439 S. João Batista Braga Cego do Maio Activo
131303 440 São Tiago de Amorim Braga Cego do Maio Activo

Página 90
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

Código Nº de
DTCCFG
Nome do Agrupamento Região Núcleo Estado
Agrup.
031210 441 Castelões Braga Famalicão Activo
031239 442 Oliveira Santa Maria Braga Famalicão Activo
031237 443 Arnoso Braga Famalicão Extinto
031236 444 Ruivães Braga Famalicão Activo
031207 445 Cabeçudos Braga Famalicão Activo
131505 446 Valongo Porto Centro Norte Activo
131802 447 Santiago de Bougado Porto Norte Activo
130133 448 Amarante Porto Este Activo
131207 449 S. S. Sacramento Porto Cidade do Porto Activo
160932 450 Serreleis Viana Castelo Activo
160907 451 Cardielos Viana Castelo Suspenso
160904 452 Vila Nova Anha Viana Castelo Activo
160815 453 São Teotónio-Valença Viana Castelo Activo
030827 454 Longos Santa Cristina Braga Guimarães Activo
030872 455 Vermil Braga Guimarães Activo
030868 456 Silvares Braga Guimarães Activo
030857 457 Candoso Braga Guimarães Activo
030337 458 São Francisco Braga Braga Activo
030331 459 Palmeira Braga Braga Activo
030361 460 Vimieiro Braga Braga Activo
150311 461 Feijó Setúbal Activo
131702 462 Avintes Porto Douro Sul Activo
031243 463 Seide Braga Famalicão Activo
031246 464 Telhado Braga Famalicão Activo
131710 465 Santo Ovídio Porto Douro Sul Activo
430110 466 Posto Santo Açores Terceira Activo
150309 467 Charneca da Caparica Setúbal Activo
030216 468 Cambeses Braga Barcelos Activo
090229 469 Vilar Formoso Guarda Extinto
131008 470 Cête Porto Este Extinto
101507 471 Mata Mourisca Coimbra Activo
430115 472 São Bento Açores Terceira Extinto
030213 473 Barcelinhos Braga Barcelos Activo
030277 474 Tamel São Veríssimo Braga Barcelos Activo
160922 475 Mujães Viana Castelo Activo
171109 476 Santa Marta de Penaguião Vila Real Extinto
070507 477 São Mamede Évora Extinto
040721 478 Mirandela Bragança Activo
131501 479 Alfena Porto Centro Norte Activo
011406 480 São Bartolomeu - Troviscal Aveiro Activo
010806 481 Salreu Aveiro Extinto
171423 482 Se Vila Real Activo
131209 483 Nevogilde Porto Cidade do Porto Activo
151201 484 Anunciada Setúbal Activo
110601 485 Ajuda Lisboa Lisboa Ocidental Activo
030272 486 Galegos São Martinho Braga Barcelos Activo
030211 487 Areias de Vilar Braga Barcelos Activo
110909 488 Mafra Lisboa Oeste Activo
110801 489 Lourinhã Lisboa Oeste Activo
140701 490 Chamusca Santarém Activo
491 não filiado Évora Extinto

Página 91
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

Código Nº de
DTCCFG
Nome do Agrupamento Região Núcleo Estado
Agrup.
430102 492 Nossa Senhora da Conceição Açores Terceira Activo
180204 493 Oliveira do Conde Viseu Extinto
141809 494 Paialvo Santarém Extinto
110724 495 Santo António dos Cavaleiros Lisboa Moinhos de Vento Activo
111306 496 Freiria Lisboa Oeste Activo
430116 497 São Mateus Açores Terceira Activo
031303 498 Portela do Vade Braga Vila Verde Activo
031306 499 Barbudo Braga Vila Verde Activo
030316 500 Fraião Braga Braga Activo
131713 501 Pedroso Porto Douro Sul Activo
131415 502 Roriz Porto Norte Activo
131417 503 São Bartolomeu Porto Norte Activo
150804 504 Quinta do Anjo Setúbal Activo
091317 505 Trancoso Guarda Activo
050314 506 Paul Guarda Activo
060322 507 Casais Campo Coimbra Mondego-Sul Extinto
011901 508 Arões Viseu Activo
030270 509 Bastuço ( São João Baptista) Braga Barcelos Activo
150306 510 Cacilhas Setúbal Activo
080603 511 Lagoa Algarve Activo
101401 512 Peniche Lisboa Oeste Activo
110112 513 Alenquer Lisboa Solarius Activo
110115 514 Carregado Lisboa Solarius Activo
110109 515 Ota Lisboa Solarius Extinto
100501 516 Bombarral Lisboa Oeste Activo
517 - Viseu Extinto
131307 518 Estela Braga Cego do Maio Extinto
131007 519 Paredes Porto Este Activo
131719 520 Seixezelo Porto Douro Sul Extinto
130810 521 Senhora da Hora Porto Litoral Activo
100107 522 Coz Lisboa Oeste Activo
110639 523 São Tomás Aquino Lisboa Lisboa Ocidental Activo
110303 524 Aveiras de Cima Lisboa Solarius Activo
130613 525 São Pedro Fins Porto Litoral Activo
031218 526 Jesufrei Braga Famalicão Activo
030919 527 Nª Senhora do Amparo Braga Póvoa de Lanhoso Activo
030243 528 Lijó Braga Barcelos Activo
030210 529 Areias São Vicente Braga Barcelos Activo
010803 530 S. Tomé de Canelas Aveiro Activo
011001 531 Gafanha do Carmo Aveiro Activo
030829 532 Mascotelos Braga Guimarães Activo
030846 533 Candoso Braga Guimarães Extinto
011308 534 Nogueira do Cravo Porto Terras de Santa Maria Activo
131617 535 Modivas Porto Litoral Extinto
140703 536 Arrepiado Santarém Extinto
160910 537 Castelo do Neiva Viana Castelo Activo
160911 538 Darque Viana Castelo Activo
182123 539 Tondela Viseu Extinto
170903 540 Cerva Vila Real Activo
110609 541 Pio Xii Lisboa Oriental de Lisboa Activo
141001 542 Entroncamento Santarém Activo

Página 92
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

Código Nº de
DTCCFG
Nome do Agrupamento Região Núcleo Estado
Agrup.
150304 543 Cova da Piedade Setúbal Activo
030313 544 Esporões Braga Braga Activo
030249 545 Milhazes Braga Barcelos Activo
030854 546 São Jorge Selho Braga Guimarães Activo
030218 547 Carapecos Braga Barcelos Extinto
130615 548 Vermoim Porto Norte Extinto
011505 549 Ovar Porto Terras de Santa Maria Activo
110501 550 Manique Lisboa Barra Activo
180506 551 Cepões Lamego Activo
180522 552 Valdigem Lamego Extinto
420507 553 São Miguel Açores São Miguel Extinto
081003 554 Olhão Algarve Activo
150301 555 Almada Setúbal Activo
150706 556 Pegões Velhos Setúbal Extinto
131124 557 Penafiel Porto Este Activo
031230 558 Pedome Braga Famalicão Activo
030242 559 Lama Braga Barcelos Activo
030113 560 Lago Braga Braga Activo
030244 561 Macieira de Rates Braga Barcelos Activo
031229 562 Outiz Braga Famalicão Extinto
030330 563 Padim da Graça Braga Braga Activo
030312 564 Espinho Braga Braga Activo
030351 565 S. Tiago Braga Braga Activo
030813 566 Creixomil Braga Guimarães Activo
031407 567 São Paio de Vizela Braga Guimarães Activo
131601 568 S.Miguel Arcos Braga Cego do Maio Activo
131310 569 Barreiros Braga Cego do Maio Extinto
131308 570 S. Miguel de Laúndos Braga Cego do Maio Activo
310305 571 Santo Amaro Madeira Activo
131616 572 Mindelo Porto Litoral Activo
160215 573 Seixas Viana Castelo Activo
090801 574 Sameiro Guarda Extinto
131717 575 São Félix da Marinha Porto Douro Sul Activo
160928 576 Portuzelo Viana Castelo Extinto
182328 577 S. José Viseu Activo
180903 578 S. Miguel - Nelas Viseu Activo
050309 579 Dominguiso Guarda Extinto
050324 580 Tortosendo Guarda Activo
150907 581 Vila Nova de Santo André Beja Activo
110709 582 Moscavide Lisboa Moinhos de Vento Activo
142004 583 Barquinha Santarém Activo
170349 584 Vilela Tamega Vila Real Extinto
151005 585 Corroios Setúbal Activo
150403 586 Palhais Setúbal Activo
081301 587 Alcantarilha Algarve Activo
011003 588 D.José de Lencastre Aveiro Activo
171106 589 Medrões Vila Real Extinto
430118 590 Terra Cha Açores Terceira Extinto
180103 591 Armamar Lamego Extinto
011902 592 Castelões Porto Terras de Santa Maria Activo
141910 593 Riachos Santarém Activo

Página 93
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

Código Nº de
DTCCFG
Nome do Agrupamento Região Núcleo Estado
Agrup.
110703 594 Camarate Lisboa Moinhos de Vento Activo
030209 595 Arcozelo Braga Barcelos Activo
031323 596 São Julião da Lage Braga Vila Verde Activo
110506 597 Tires Lisboa Barra Activo
081303 598 Armação de Pêra Algarve Activo
031406 599 Vizela Santo Adrião Porto Norte Activo
010913 600 Lourosa Porto Terras de Santa Maria Extinto
110410 601 Vilar Lisboa Oeste Activo
040520 602 Macedo de Cavaleiros Bragança Activo
060304 603 Antanhol Coimbra Mondego-Sul Activo
180901 604 Canas de Senhorim Viseu Activo
181604 605 Carvalhais Viseu Activo
430210 606 Vila Nova Açores Terceira Activo
050325 607 Unhais da Serra Guarda Activo
130807 608 Perafita Porto Litoral Activo
131017 609 Todeia Porto Este Extinto
131706 610 Grijó Porto Douro Sul Activo
180517 611 Penude Lamego Em Formação
180101 612 Aldeia de Cima Lamego Activo
182006 613 V Cha Monte Lamego Extinto
180524 614 Arneiros Lamego Extinto
180505 615 Quintião Lamego Extinto
131304 616 Argivai Braga Cego do Maio Extinto
031311 617 Couceiro Braga Vila Verde Activo
030268 618 Galegos (Santa Maria) Braga Barcelos Activo
030714 619 São Lourenço Braga Fafe Activo
031212 620 São Tiago Cruz Braga Famalicão Activo
030414 621 Refogos Bas Braga Fafe Extinto
160916 622 Mazarefes Viana Castelo Extinto
142002 623 Praia Ribat Santarém Extinto
050206 624 Cebolais de Cima Portalegre e Castelo Branco Activo
111108 625 Rio de Mouro Lisboa Serra da Lua Activo
111008 626 Linda-a-Velha Lisboa Barra Activo
030721 627 Queimadela Braga Fafe Extinto
131422 628 Santo Tirso Porto Norte Activo
131418 629 Reguenga Porto Norte Extinto
430113 630 Santa Bárbara Açores Terceira Activo
430207 631 Santa Luzia Açores Terceira Activo
131207 632 Vilar Porto Cidade do Porto Extinto
182103 633 Canas de Santa Maria Viseu Activo
141605 634 Alcanhões Santarém Activo
131805 635 São Romão do Coronado Porto Norte Activo
131128 636 Rans Porto Este Extinto
131116 637 Lagares Porto Este Extinto
170802 638 Fontelas Vila Real Extinto
071405 639 Vila Viçosa Évora Activo
010906 640 Santa Maria da Feira Porto Terras de Santa Maria Activo
020509 641 Beja Beja Suspenso
430205 642 Fontinhas Açores Terceira Activo
150803 643 Pinhal Novo Setúbal Activo
020102 644 Ervidel Beja Extinto

Página 94
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

Código Nº de
DTCCFG
Nome do Agrupamento Região Núcleo Estado
Agrup.
420510 645 Ribeira Grande Açores São Miguel Activo
420309 646 Feteiras Açores São Miguel Activo
111318 647 São Mamede da Ventosa Lisboa Oeste Activo
111302 648 Campelos Lisboa Oeste Activo
182403 649 Campia Viseu Activo
182108 650 Caramulo Viseu Extinto
151206 651 Azeitão Setúbal Activo
430119 652 Vila de São Sebastião Açores Terceira Activo
091017 653 Pinhel Guarda Extinto
420512 654 Ribeirinha Açores Terceira Activo
071002 655 Redondo Évora Activo
060703 656 Lousã Coimbra Mondego-Sul Activo
061104 657 Bobadela Coimbra Extinto
040304 658 Carrazeda de Ansiães Bragança Activo
121001 659 Beirã Portalegre e Castelo Branco Extinto
030101 660 Montariol Braga Braga Activo
030118 661 Rendufe Braga Braga Activo
030873 662 Vila Nova de Sande Braga Guimarães Activo
030831 663 Cónegos Braga Guimarães Activo
030826 664 Leitões Braga Guimarães Activo
030833 665 Oleiros Braga Guimarães Suspenso
030808 666 Caldas das Taipas Braga Guimarães Activo
030853 667 Airão São João Braga Guimarães Activo
060317 668 Pedrulha Coimbra Centro-Norte Activo
070201 669 Arraiolos Évora Extinto
150502 670 Grândola Beja Activo
030323 671 Lomar Braga Braga Activo
430207 672 Santa Rita Açores Terceira Extinto
030613 673 Palmeira Braga Cego do Maio Extinto
101509 674 Pombal Coimbra Activo
050311 675 Ferro Guarda Suspenso
131710 676 Cristo Rei Porto Douro Sul Activo
130806 677 Matosinhos Porto Litoral Activo
182110 678 Lobão da Beira Viseu Extinto
110906 679 Ericeira Lisboa Oeste Extinto
130321 680 Santão Porto Este Activo
010309 681 Sangalhos Aveiro Activo
142106 682 Fátima Leiria Activo
110618 683 Telheiras Lisboa Oriental de Lisboa Activo
142106 684 Fátima Leiria Extinto
081101 685 Alvor Algarve Activo
080704 686 Odeaxere Algarve Extinto
171103 687 Fontes Vila Real Activo
150601 688 Alhos Vedros Setúbal Activo
170905 689 Ribeira de Pena Vila Real Extinto
150401 690 Barreiro Setúbal Activo
480204 691 Santa Cruz das Flores Açores Activo
010511 692 São Jacinto Aveiro Activo
051003 693 Vila de Rei Portalegre e Castelo Branco Extinto
130320 694 Margaride Porto Este Activo
130331 695 Vila Fria Porto Norte Extinto

Página 95
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

Código Nº de
DTCCFG
Nome do Agrupamento Região Núcleo Estado
Agrup.
060108 696 Coja Coimbra Activo
140109 697 Rossio ao Sul do Tejo Portalegre e Castelo Branco Activo
141502 698 Marinhais Santarém Activo
151005 699 Miratejo Setúbal Activo
182330 700 Vildemoinhos Viseu Activo
030805 701 Balazar Braga Guimarães Activo
030830 702 Mesão Frio Braga Guimarães Activo
030824 703 Infantas Braga Guimarães Activo
111101 704 Mira Sintra Lisboa Serra da Lua Activo
110639 705 São Domingos de Benfica Lisboa Lisboa Ocidental Activo
140803 706 Coutada Portalegre e Castelo Branco Extinto
140803 707 Santa Margarida Portalegre e Castelo Branco Activo
171415 708 Mateus Vila Real Activo
430204 709 Fonte do Bastardo Açores Terceira Activo
100105 710 Benedita Lisboa Oeste Activo
061704 711 Vila Nova de Poiares Coimbra Mondego-Sul Activo
111301 712 Penafirme Lisboa Oeste Extinto
430209 713 São Brás Açores Terceira Activo
080101 714 Albufeira Algarve Activo
080601 715 Estombar Algarve Activo
182115 716 Nandufe Viseu Activo
430108 717 Feteira Açores Terceira Activo
151103 718 Quinta do Conde Setúbal Activo
151003 719 Arrentela Setúbal Activo
420204 720 São Jorge Vila de Nordeste Açores São Miguel Activo
050904 721 Cernache do Bonjardim Portalegre e Castelo Branco Activo
150906 722 Santiago do Cacém Beja Activo
030860 723 São Paio Braga Guimarães Extinto
030237 724 Gilmonde Braga Barcelos Activo
030334 725 Pedralva Braga Braga Activo
030909 726 Fonte Arcada Braga Póvoa de Lanhoso Activo
091130 727 Sabugal Guarda Activo
160726 728 São Martinho Viana Castelo Activo
110503 729 Cascais Lisboa Barra Activo
180203 730 Currelos Viseu Extinto
060802 731 Seixo de Mira Coimbra Activo
091134 732 Soito Guarda Activo
080811 733 Tor Algarve Extinto
430203 734 Cabo Praia Açores Terceira Extinto
101103 735 Vale dos Frades Lisboa Oeste Activo
070406 736 Estremoz Évora Activo
100914 737 Marrazes Leiria Activo
141305 738 Envendos Portalegre e Castelo Branco Extinto
420306 739 Fajã de Baixo Açores São Miguel Activo
131210 740 N. Sra. Areosa Porto Cidade do Porto Activo
150904 741 Ermidas do Sado Beja Extinto
171009 742 Sabrosa Vila Real Extinto
070703 743 Mora Évora Activo
151301 744 Sines Beja Extinto
051104 745 Vila Velha de Rodão Portalegre e Castelo Branco Suspenso
180409 746 Nespereira Porto Este Extinto

Página 96
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

Código Nº de
DTCCFG
Nome do Agrupamento Região Núcleo Estado
Agrup.
131113 747 Galegos Porto Este Activo
480105 748 Lajes Açores Extinto
182331 749 Torredeita Viseu Activo
182102 750 Campo de Besteiros Viseu Extinto
121002 751 Marvão Portalegre e Castelo Branco Extinto
111102 752 Algueirão Lisboa Serra da Lua Activo
101204 753 Óbidos Lisboa Oeste Activo
020201 754 Almodôvar Beja Em Formação
020701 755 Cuba Beja Extinto
170101 756 Alijó Vila Real Activo
110602 757 Alcantara Lisboa Lisboa Ocidental Activo
150201 758 Alcochete Setúbal Extinto
040810 759 Mogadouro Bragança Activo
110607 760 Beato Lisboa Oriental de Lisboa Activo
110624 761 Pena Lisboa Lisboa Ocidental Extinto
100913 762 Maceira Leiria Activo
030346 763 Este São Pedro Braga Braga Activo
060322 764 São Martinho do Bispo Coimbra Mondego-Sul Extinto
130912 765 Seroa Porto Este Activo
420405 766 Povoação Açores São Miguel Activo
420602 767 Ponta Garça Açores São Miguel Activo
450202 768 Norte Grande Açores São Miguel Extinto
450206 769 Santo António Açores São Jorge Extinto
460102 770 Lajes do Pico Açores Pico Activo
450206 771 Velas Açores São Jorge Activo
010306 772 Mogofores Aveiro Extinto
111406 773 Póvoa de Santa Iria Lisboa Solarius Activo
111010 774 Queijas Lisboa Barra Activo
110702 775 Bucelas Lisboa Moinhos de Vento Activo
100912 776 Cruz da Areia Leiria Activo
040716 777 Cachão Bragança Activo
040730 778 Torre Dona Chama Bragança Extinto
010502 779 Cacia Aveiro Activo
181314 780 São Martinho de Mouros Lamego Activo
180502 781 Avões Lamego Activo
171110 782 Cever Vila Real Extinto
181508 783 São João da Pesqueira Lamego Activo
141604 784 Tremez Santarém Extinto
030245 785 Manhente Braga Barcelos Extinto
040245 786 São Bento Bragança Extinto
160750 787 Vitorino dos Piães Viana Castelo Activo
040916 788 Torre de Moncorvo Bragança Activo
010109 789 Fermentelos Aveiro Activo
010907 790 Fiães Porto Terras de Santa Maria Activo
160417 791 Monção Viana Castelo Activo
101202 792 Amoreira Lisboa Oeste Extinto
430202 793 Biscoitos Açores Terceira Activo
010506 794 Vilar Aveiro Activo
160717 795 Estorãos Viana Castelo Extinto
060316 796 Bordalo Coimbra Mondego-Sul Activo
111004 797 Nova Oeiras Lisboa Barra Activo

Página 97
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

Código Nº de
DTCCFG
Nome do Agrupamento Região Núcleo Estado
Agrup.
420102 798 Cabouco Açores São Miguel Activo
131114 799 Guilhufe Porto Este Extinto
420304 800 Capelas Açores São Miguel Activo
050429 801 Valverde Guarda Activo
150307 802 Pragal Setúbal Activo
430104 803 São Pedro Açores Terceira Extinto
181903 804 Barcos Lamego Extinto
180109 805 Queimada Lamego Suspenso
130204 806 Frende Porto Este Extinto
160704 807 Arcozelo Viana Castelo Activo
460202 808 Candelária Açores Pico Activo
160747 809 Rebordões Santa Maria Viana Castelo Activo
030329 810 Nogueiró Braga Braga Activo
031330 811 Oleiros Braga Vila Verde Activo
031344 812 Carreiras - S. Tiago Braga Vila Verde Activo
030612 813 Marinhas Braga Cego do Maio Activo
030815 814 Nossa Senhora da Conceição Braga Guimarães Activo
030315 815 Figueiredo Braga Braga Activo
030736 816 Santo Estevão Braga Fafe Activo
030926 817 Taíde Braga Póvoa de Lanhoso Activo
030733 818 Travassós Braga Fafe Activo
150503 819 Melides Beja Extinto
071302 820 Viana do Alentejo Évora Extinto
110706 821 Frielas Lisboa Moinhos de Vento Extinto
011808 822 Vagos Aveiro Activo
111409 823 Vila Franca de Xira Lisboa Solarius Activo
011204 824 Torreira Aveiro Activo
310403 825 Machico Madeira Activo
011803 826 Fonte Angeão Aveiro Activo
041235 827 Vinhais Bragança Activo
050318 828 S. Jorge da Beira Guarda Suspenso
030235 829 Fragoso Braga Barcelos Activo
030847 830 Briteiros Braga Guimarães Activo
030834 831 Oliveira Braga Guimarães Extinto
181313 832 São J. Fontoura Lamego Extinto
182201 833 Alhais Lamego Activo
110606 834 Anjos Lisboa Oriental de Lisboa Activo
151001 835 Casal do Marco Setúbal Activo
010305 836 Avelãs de Cima Aveiro Activo
141807 837 Cem Soldos Santarém Activo
010201 838 Nª Sª Socorro _ Albergaria-a-Velha Aveiro Activo
171207 839 Carrazedo de Montenegro Vila Real Activo
170806 840 Moura Morta Vila Real Activo
310806 841 Santo da Serra Madeira Extinto
131419 842 São Martinho do Campo Porto Norte Activo
170809 843 Sedielos Vila Real Extinto
150103 844 Alcácer do Sal Évora Activo
430101 845 Altares Açores Terceira Extinto
450105 846 São Tomé Açores São Jorge Extinto
450204 847 São João Bosco Açores São Jorge Activo
110623 848 Nossa Senhora do Rosário de Fátima Lisboa Oriental de Lisboa Activo

Página 98
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

Código Nº de
DTCCFG
Nome do Agrupamento Região Núcleo Estado
Agrup.
450104 849 Santo Antão Açores São Jorge Activo
011801 850 S. Pedro de Calvão Aveiro Activo
011806 851 Ponte de Vagos Aveiro Activo
170407 852 Vila Marim Vila Real Activo
010117 853 Travassô Aveiro Activo
130804 854 Leça do Balio Porto Litoral Activo
031303 855 Atães Braga Vila Verde Activo
030916 856 Louredo Braga Póvoa de Lanhoso Activo
030502 857 Arnoia Braga Braga Activo
030828 858 Lordelo Braga Guimarães Activo
060902 859 Miranda do Corvo Coimbra Mondego-Sul Activo
141302 860 Amêndoa Portalegre e Castelo Branco Extinto
020602 861 Castro Verde Beja Extinto
181704 862 Ferreira de Aves Viseu Activo
031105 863 Cantelães Braga Vieira do Minho Activo
030104 864 Bico Braga Braga Extinto
031328 865 Moure Braga Vila Verde Activo
031110 866 Mosteiro Braga Vieira do Minho Activo
140201 867 Alcanena Santarém Activo
182120 868 São M. Outeiro Viseu Extinto
100112 869 São Martinho do Porto Lisboa Oeste Activo
030287 870 Vila Seca Braga Barcelos Activo
011503 871 Santa Maria de Esmoriz Porto Terras de Santa Maria Activo
170107 872 Favaios Vila Real Activo
131135 873 Urrô Porto Este Activo
060102 874 Arganil Coimbra Activo
010119 875 Valonga do Vouga Aveiro Extinto
060323 876 São Paulo de Frades Coimbra Centro-Norte Activo
100920 877 Pousos Leiria Activo
011002 878 Costa Nova Aveiro Activo
111606 879 Póvoa de Santo Adrião Lisboa Moinhos de Vento Activo
061116 880 São Paio de Gramaços Coimbra Activo
040732 881 Vale de Gouvinhas Bragança Extinto
030848 882 Prazins - Sto Tirso Braga Guimarães Activo
030843 883 St. Leocádia - Briteiros Braga Guimarães Activo
030832 884 Nespereira Braga Guimarães Activo
030835 885 Pencelo Braga Guimarães Extinto
030867 886 Serzedo Braga Guimarães Activo
030819 887 Gominhães Braga Guimarães Extinto
110617 888 Estrela Lisboa Lisboa Ocidental Activo
020506 889 Neves Beja Em Formação
070521 890 Senhora da Saúde - Évora Évora Activo
101505 891 Carriço Coimbra Activo
130410 892 São Pedro da Cova Porto Centro Norte Activo
060322 893 Fala Coimbra Mondego-Sul Activo
070604 894 Montemor-o-Novo Évora Activo
110715 895 São João Talha Lisboa Moinhos de Vento Activo
061012 896 Verride Coimbra Extinto
060322 897 P São Martinho Coimbra Mondego-Sul Extinto
111312 898 Runa Lisboa Oeste Activo
030732 899 Serafão Braga Fafe Activo

Página 99
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

Código Nº de
DTCCFG
Nome do Agrupamento Região Núcleo Estado
Agrup.
111117 900 Monte Abraão Lisboa Serra da Lua Activo
010927 901 Caldas de São Jorge Porto Terras de Santa Maria Activo
130609 902 Moreira Porto Litoral Activo
410102 903 Santa Bárbara Açores Santa Maria Activo
460204 904 Santa Maria Madalena Açores Pico Activo
110712 905 Sacavém Lisboa Moinhos de Vento Activo
180516 906 Penajoia Lamego Suspenso
030730 907 Arões Braga Fafe Activo
111003 908 Carnaxide Lisboa Barra Activo
100102 909 Alfeizerão Lisboa Oeste Activo
011103 910 Casal Comba Coimbra Centro-Norte Activo
011811 911 Santa Catarina Aveiro Extinto
131115 912 Irivo Porto Este Activo
160935 913 Vila Franca Viana Castelo Extinto
030229 914 Durrães Braga Barcelos Extinto
130510 915 Lodares Porto Este Extinto
430208 916 4 Ribeiras Açores Terceira Activo
161004 917 Covas Viana Castelo Extinto
020301 918 Alvito Beja Extinto
060314 919 Lamarosa Coimbra Activo
410101 920 Almagreira Açores Santa Maria Extinto
310805 921 Santa Cruz Madeira Activo
101502 922 Albergaria dos Doze Leiria Activo
101512 923 S. Simão de Litém Leiria Activo
101101 924 Famalicão Lisboa Oeste Activo
130104 925 Ataíde Porto Este Activo
440102 926 Nossa Senhora da Luz Açores Graciosa Activo
150404 927 Santo André_Barreiro Setúbal Activo
440103 928 São Mateus Açores Graciosa Suspenso
110632 929 Belém Lisboa Lisboa Ocidental Activo
011906 930 Macieira Porto Terras de Santa Maria Extinto
181603 931 Candal Porto Douro Sul Extinto
111105 932 Colares Lisboa Serra da Lua Activo
110611 933 Bairro Padre Cruz Lisboa Lisboa Ocidental Activo
090406 934 Escalhão Guarda Extinto
030814 935 Donim Braga Guimarães Activo
030809 936 Calvos Braga Guimarães Activo
030261 937 Pousa Braga Barcelos Activo
021111 938 Vila Nova de Milfontes Beja Activo
060509 939 Paião Coimbra Activo
040245 940 Sé (Bragança) Bragança Extinto
141802 941 Asseiceira Santarém Activo
460105 942 Ribeirinha Açores Pico Activo
310803 943 Assomada Madeira Activo
440101 944 Guadalupe Açores Graciosa Activo
141909 945 Pedrogão Santarém Extinto
460305 946 São Roque do Pico Açores Pico Suspenso
031006 947 Terras do Bouro Braga Braga Activo
020101 948 Aljustrel Beja Extinto
170112 949 Sanfins do Douro Vila Real Activo
020904 950 Mértola Beja Extinto

Página 100
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

Código Nº de
DTCCFG
Nome do Agrupamento Região Núcleo Estado
Agrup.
020104 951 Negrilhos Beja Extinto
182117 952 Sabugosa Viseu Extinto
430114 953 São Bartolomeu Açores Terceira Activo
070518 954 Évora Évora Extinto
160909 955 Santa Maria Carvoeiro Viana Castelo Activo
182334 956 Repeses Viseu Activo
180403 957 Cinfães Lamego Activo
160207 958 Bom Jesus Mareantes Viana Castelo Extinto
050218 959 Rio Moinhos Portalegre e Castelo Branco Extinto
010120 960 Nossa Senhora da Salete - Borralha Aveiro Suspenso
030712 961 Fornelos Braga Fafe Activo
030722 962 São Martinho de Quinchães Braga Fafe Activo
030718 963 São Martinho Braga Fafe Activo
030708 964 Estorãos Braga Fafe Activo
030707 965 Cepães Braga Fafe Extinto
030716 966 Medelo Braga Fafe Activo
150706 967 Pegões_Nossa Senhora de Fátima Setúbal Activo
420203 968 Lomba da Fazenda Açores São Miguel Activo
010103 969 Aguada de Cima Aveiro Activo
011405 970 São Pedro de Palhaça Aveiro Activo
181710 971 Sátão Viseu Activo
061608 972 Midões Coimbra Mondego-Sul Activo
470112 973 Ribeirinha Açores Faial Activo
420321 974 São Vicente Ferreira Açores São Miguel Activo
450203 975 Rosais Açores São Jorge Activo
420601 976 Água D'Alto Açores São Miguel Activo
142115 977 Ourém Leiria Activo
040515 978 Grijó Bragança Activo
070905 979 Portel Évora Activo
011903 980 São João Baptista - Cepelos Porto Terras de Santa Maria Activo
161015 981 Campos Viana Castelo Activo
181707 982 S. Miguel Viseu Activo
111314 983 São Pedro da Cadeira Lisboa Oeste Activo
090408 984 Figueira de Castelo Rodrigo Guarda Extinto
071301 985 Alcáçovas Évora Extinto
131723 986 Vilar de Andorinho Porto Douro Sul Activo
140207 987 Moitas Venda Santarém Extinto
141106 988 Ferreira do Zêzere Coimbra Activo
100110 989 Pataias Leiria Activo
160931 990 Nossa Senhora de Fátima Viana Castelo Activo
120101 991 Alter do Chão Portalegre e Castelo Branco Extinto
021203 992 Ourique Beja Extinto
030915 993 Lanhoso Braga Póvoa de Lanhoso Extinto
131628 994 Caxinas Braga Cego do Maio Activo
150907 995 Aldeia de Santo André Beja Extinto
110637 996 Santos-o-Velho Lisboa Lisboa Ocidental Activo
110901 997 Azueira Lisboa Oeste Activo
110627 998 Sacramento Lisboa Lisboa Ocidental Extinto
320101 999 Porto Santo Madeira Activo
011504 1000 São Pedro de Maceda Porto Terras de Santa Maria Activo
030358 1001 Tenões Braga Braga Activo

Página 101
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

Código Nº de
DTCCFG
Nome do Agrupamento Região Núcleo Estado
Agrup.
030343 1002 São Vicente de Passos Braga Fafe Activo
031107 1003 Eira Vedra Braga Vieira do Minho Suspenso
031108 1004 Guilhofrei Braga Vieira do Minho Activo
030308 1005 Crespos Braga Braga Activo
182007 1006 Tarouca Lamego Suspenso
110401 1007 Alguber Lisboa Oeste Activo
111411 1008 Forte Casa Lisboa Solarius Activo
080103 1009 Paderne Algarve Activo
080604 1010 Porches Algarve Extinto
150402 1011 Lavradio Setúbal Activo
141501 1012 Glória do Ribatejo Santarém Activo
141304 1013 Carvoeiro Portalegre e Castelo Branco Extinto
090203 1014 Senhora das Neves Guarda Activo
140117 1015 Concavada Portalegre e Castelo Branco Extinto
030282 1016 Ucha São Romão Braga Barcelos Activo
030355 1017 Sobreposta Braga Braga Activo
031354 1018 Turiz Braga Vila Verde Activo
030836 1019 Pinheiro Braga Guimarães Activo
030803 1020 Atães Braga Guimarães Activo
011003 1021 Praia da Barra Aveiro Activo
110808 1022 Vimeiro Lisboa Oeste Activo
110716 1023 São Julião Tojal Lisboa Moinhos de Vento Activo
011002 1024 Gafanha da Encarnação Aveiro Activo
170812 1025 Canelas Vila Real Extinto
050211 1026 Lardosa Portalegre e Castelo Branco Extinto
030335 1027 S. Paio de Pousada Braga Braga Activo
161011 1028 Reboreda Viana Castelo Activo
182321 1029 Ranhados Viseu Activo
131018 1030 Rebordosa Porto Este Activo
050213 1031 Lousa Portalegre e Castelo Branco Extinto
181709 1032 São Miguel de Vila Boa Viseu Activo
420403 1033 Furnas Açores São Miguel Activo
180615 1034 Santiago de Cassurães Viseu Suspenso
060404 1035 Condeixa-a-Nova Coimbra Mondego-Sul Activo
011102 1036 Barcouço Coimbra Centro-Norte Activo
011105 1037 Sant'Ana - Mealhada Coimbra Centro-Norte Activo
061311 1038 Travanca do Mondego Coimbra Extinto
131024 1039 Vilela Porto Este Activo
141624 1040 Vale de Figueira Santarém Activo
100907 1041 Caranguejeira Leiria Activo
030339 1042 Santo L Algeriz Braga Braga Extinto
031402 1043 S. João das Caldas Braga Guimarães Activo
031118 1044 Tabuaças Braga Vieira do Minho Activo
010115 1045 Recardães Aveiro Activo
031227 1046 Santa Maria de Nine Braga Famalicão Activo
120403 1047 Campo Maior Évora Extinto
010922 1048 Santo Isidoro de Romariz Porto Terras de Santa Maria Activo
131006 1049 Bitarães Porto Este Extinto
110643 1050 São João Deus Lisboa Oriental de Lisboa Activo
011505 1051 Furadouro Porto Terras de Santa Maria Extinto
080805 1052 Quarteira Algarve Activo

Página 102
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

Código Nº de
DTCCFG
Nome do Agrupamento Região Núcleo Estado
Agrup.
140102 1053 Alferrarede Portalegre e Castelo Branco Activo
100917 1054 Monte Redondo Leiria Activo
041017 1055 S. Bartolomeu de Vila Flôr Bragança Activo
120802 1056 Fronteira Évora Activo
050425 1057 Soalheira Guarda Activo
031325 1058 Loureira Braga Vila Verde Activo
030923 1059 São João de Rei Braga Póvoa de Lanhoso Activo
030311 1060 Escudeiros Braga Braga Activo
131012 1061 Gondalães Porto Este Activo
120602 1062 Crato Portalegre e Castelo Branco Extinto
182315 1063 Fragosela Viseu Activo
470107 1064 N. S. da Conceição Açores Faial Activo
420310 1065 São Sebastião - Ginetes Açores São Miguel Activo
110810 1066 Ribamar Lisboa Oeste Activo
011106 1067 Pampilhosa Coimbra Centro-Norte Activo
070515 1068 Canaviais Évora Extinto
130512 1069 Macieira Porto Este Activo
021105 1070 Odemira Beja Activo
020802 1071 Ferreira do Alentejo Beja Activo
131311 1072 São Pedro Rates Braga Cego do Maio Activo
141628 1073 Gançaria Santarém Activo
061008 1074 Pereira Coimbra Mondego-Sul Extinto
100302 1075 Ansião Coimbra Extinto
101002 1076 Vieira de Leiria Leiria Activo
100916 1077 Monte Real Leiria Activo
142104 1078 Caxarias Leiria Activo
061307 1079 Penacova Coimbra Centro-Norte Activo
050608 1080 Oleiros Portalegre e Castelo Branco Activo
160732 1081 Moreira do Lima Viana Castelo Extinto
310201 1082 Santa Cecília Madeira Activo
470105 1083 Flamengos Açores Faial Activo
010118 1084 Trofa Aveiro Activo
071104 1085 Reguengos de Monsaraz Évora Activo
060307 1086 Palheira Coimbra Mondego-Sul Activo
031249 1087 Vilarinho das Cambas Braga Famalicão Activo
010510 1088 São Bernardo Aveiro Activo
420505 1089 Maia Açores São Miguel Activo
030920 1090 Oliveira Braga Póvoa de Lanhoso Extinto
030803 1091 São Cosme Braga Guimarães Activo
031404 1092 Infias Braga Guimarães Activo
140113 1093 Chainça Portalegre e Castelo Branco Activo
090316 1094 Celorico da Beira Guarda Extinto
130513 1095 Meinedo Porto Este Activo
181311 1096 Resende Lamego Activo
100109 1097 Maiorga Lisboa Oeste Activo
470102 1098 Castelo Branco Açores Faial Activo
011314 1099 Santiago de Riba-Ul Porto Terras de Santa Maria Activo
110709 1100 Parque das Nações Lisboa Moinhos de Vento Activo
070413 1101 Veiros Évora Activo
010105 1102 Santo André - Barrô Aveiro Activo
110913 1103 Santo Isidoro Lisboa Oeste Activo

Página 103
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

Código Nº de
DTCCFG
Nome do Agrupamento Região Núcleo Estado
Agrup.
131210 1104 Paranhos Porto Cidade do Porto Activo
131211 1105 Ramalde Porto Cidade do Porto Activo
182309 1106 Coração de Jesus Viseu Activo
080201 1107 Alcoutim Algarve Activo
030713 1108 Freitas Braga Fafe Activo
030913 1109 Garfe Braga Póvoa de Lanhoso Activo
031113 1110 Rossas Braga Vieira do Minho Activo
141627 1111 Várzea Santarém Activo
100924 1112 Souto da Carpalhosa Leiria Activo
101613 1113 Serro Ventoso Leiria Extinto
010701 1114 Anta-Espinho Porto Douro Sul Activo
170615 1115 Montalegre Vila Real Activo
010204 1116 Branca Aveiro Activo
151205 1117 Setúbal Setúbal Activo
151203 1118 São Paulo Setúbal Activo
150903 1119 Cercal do Alentejo Beja Activo
140601 1120 Cartaxo Santarém Activo
070514 1121 Giesteira Évora Activo
420317 1122 Livramento Açores São Miguel Activo
140302 1123 Benfica do Ribatejo Santarém Activo
091403 1124 Cedovim Lamego Suspenso
181206 1125 Penedono Lamego Activo
111009 1126 Porto Salvo Lisboa Barra Activo
140502 1127 Samora Correia Évora Activo
111104 1128 Belas Lisboa Serra da Lua Activo
030811 1129 São Martinho do Conde Braga Guimarães Activo
030841 1130 Briteiros S. Salvador Braga Guimarães Activo
030105 1131 Sta Maria de Caires Braga Braga Activo
030839 1132 Rendufe Braga Guimarães Activo
420504 1133 São Pedro Açores São Miguel Activo
111109 1134 Sintra Lisboa Serra da Lua Activo
150308 1135 Sobreda_Paróquia Nª Srª do Livramento Setúbal Activo
100908 1136 Carvide Leiria Activo
100106 1137 Cela Lisboa Oeste Extinto
420308 1138 Fenais da Luz Açores São Miguel Activo
141202 1139 Golegã Santarém Activo
141904 1140 Chancelaria Santarém Activo
050406 1141 Alpedrinha Guarda Activo
142110 1142 Olival Leiria Activo
011403 1143 Oiã Aveiro Activo
420506 1144 Pico da Pedra Açores São Miguel Activo
010203 1145 Angeja Aveiro Activo
310602 1146 Porto Moniz Madeira Em Formação
170705 1147 Murça Vila Real Activo
170205 1148 Boticas Vila Real Activo
030241 1149 Igreja Nova Braga Barcelos Extinto
030280 1150 Silveiros Braga Barcelos Activo
030359 1151 Trandeiras Braga Braga Activo
470104 1152 Feteira Açores Faial Activo
040802 1153 Bemposta Bragança Extinto
130511 1154 Lustosa Porto Norte Activo

Página 104
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

Código Nº de
DTCCFG
Nome do Agrupamento Região Núcleo Estado
Agrup.
131013 1155 Lordelo Porto Este Activo
182323 1156 Rio de Loba Viseu Activo
010501 1157 São Pedro de Aradas Aveiro Activo
030360 1158 Santa Cecília de Vilaça Braga Braga Activo
141614 1159 Pernes Santarém Activo
310203 1160 Encarnação Madeira Activo
031215 1161 Fradelos Braga Famalicão Activo
131704 1162 Canidelo Porto Douro Sul Activo
131707 1163 Gulpilhares Porto Douro Sul Extinto
111401 1164 Alhandra Lisboa Solarius Activo
111502 1165 Brandoa Lisboa Serra da Lua Activo
100901 1166 Amor Leiria Activo
100902 1167 Arrabal Leiria Activo
080801 1168 Almancil Algarve Extinto
180416 1169 Tendais Lamego Activo
180410 1170 Oliveira Douro Lamego Activo
020503 1171 Beringel Beja Em Formação
080505 1172 S. Luís Algarve Activo
130708 1173 Fornos - Marco de Canaveses Porto Este Activo
080804 1174 Boliqueime Algarve Activo
030709 1175 Fafe Braga Fafe Activo
030508 1176 Codessoso Braga Fafe Extinto
111602 1177 Famões Lisboa Moinhos de Vento Activo
010208 1178 S. Sebastião - Valmaior Aveiro Activo
021101 1179 Colos Beja Activo
150401 1180 Santa Cruz_Barreiro Setúbal Activo
490101 1181 Vila do Corvo Açores Activo
180509 1182 Figueira Lamego Activo
111316 1183 Silveira Lisboa Oeste Activo
182306 1184 Campo Viseu Activo
182304 1185 São Miguel de Bodiosa Viseu Activo
140303 1186 Fazendas de Almeirim Santarém Activo
141401 1187 Alcobertas Santarém Activo
110911 1188 Milharado Lisboa Oeste Activo
130408 1189 Corim Porto Centro Norte Activo
070206 1190 Vimieiro Évora Activo
070503 1191 Nossa Senhora de Machede Évora Suspenso
060207 1192 Febres Coimbra Activo
101302 1193 Pedrogão Grande Coimbra Activo
061609 1194 Mouronho Coimbra Suspenso
050202 1195 Almaceda Guarda Extinto
170202 1196 Ardãos Vila Real Extinto
420313 1197 São José Açores São Miguel Activo
100912 1198 Santo Agostinho Leiria Activo
060323 1199 Santa Apolónia Coimbra Centro-Norte Activo
081005 1200 Quelfes Algarve Activo
080501 1201 Conceição de Faro Algarve Activo
141201 1202 Azinhaga Santarém Extinto
030224 1203 S. Tiago de Cossourado Braga Barcelos Activo
030247 1204 Martim Braga Barcelos Activo
030711 1205 Felgueiras Braga Fafe Activo

Página 105
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

Código Nº de
DTCCFG
Nome do Agrupamento Região Núcleo Estado
Agrup.
030725 1206 Santa Maria de Ribeiros Braga Fafe Activo
061003 1207 Carapinheira Coimbra Activo
111006 1208 Miraflores Lisboa Barra Activo
100926 1209 Bidoeira Leiria Activo
101504 1210 Carnide Leiria Activo
100922 1211 Santa Catarina da Serra Leiria Activo
060502 1212 Alqueidão Coimbra Activo
141409 1213 São João da Ribeira Santarém Activo
160217 1214 Santa Marinha - Vila Praia de Âncora Viana Castelo Extinto
060512 1215 Tavarede Coimbra Activo
111605 1216 Pontinha Lisboa Moinhos de Vento Activo
030602 1217 Apulia Braga Cego do Maio Activo
031220 1218 Lagoa Braga Famalicão Activo
460206 1219 São Mateus Açores Pico Activo
120201 1220 Arronches Portalegre e Castelo Branco Extinto
040614 1221 Sendim Bragança Activo
050305 1222 Boidobra Guarda Activo
420604 1223 Vila Franca do Campo Açores São Miguel Activo
060508 1224 Marinha Onda Coimbra Activo
030266 1225 Rio Côvo - Santa Eulália Braga Barcelos Suspenso
100925 1226 Bajouca Leiria Activo
100906 1227 Boa Vista Leiria Activo
101402 1228 Atouguia da Baleia Lisboa Oeste Activo
050408 1229 Barroca Guarda Extinto
011501 1230 Arada Porto Terras de Santa Maria Activo
060801 1231 Mira Coimbra Activo
160404 1232 Barbeita Viana Castelo Extinto
060301 1233 Almalaguês Coimbra Mondego-Sul Activo
182318 1234 Mundão Viseu Activo
182307 1235 Cavernães Viseu Activo
182308 1236 Cepões Viseu Activo
170505 1237 Mondim de Basto Vila Real Activo
151003 1238 Pinhal de Frades Setúbal Activo
151005 1239 Vale de Milhaços Setúbal Activo
110505 1240 Murtal Lisboa Barra Activo
180806 1241 Mortágua Coimbra Centro-Norte Activo
111607 1242 Ramada Lisboa Moinhos de Vento Activo
110722 1243 Bobadela Lisboa Moinhos de Vento Activo
101506 1244 Louriçal Coimbra Activo
170706 1245 Noura Vila Real Activo
110504 1246 São Pedro e São João do Estoril Lisboa Barra Activo
031301 1247 Aboim da Nóbrega Braga Vila Verde Activo
031010 1248 Moimenta Braga Braga Activo
031315 1249 S. Pedro de Esqueiros Braga Vila Verde Activo
030203 1250 Adães Braga Barcelos Activo
031112 1251 Santa Maria de Pinheiro Braga Vieira do Minho Activo
131302 1252 N.S. da Boa Viagem Braga Cego do Maio Activo
130523 1253 Silvares Porto Este Activo
040608 1254 Miranda do Douro Bragança Activo
081002 1255 Moncarapacho Algarve Activo
080606 1256 Parchal Algarve Activo

Página 106
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

Código Nº de
DTCCFG
Nome do Agrupamento Região Núcleo Estado
Agrup.
160739 1257 São João da Ribeira Viana Castelo Activo
010602 1258 Castelo de Paiva Porto Terras de Santa Maria Activo
030849 1259 São Clemente de Sande Braga Guimarães Activo
110621 1260 Bela Vista Lisboa Oriental de Lisboa Activo
030717 1261 São Miguel do Monte Braga Fafe Activo
151205 1262 Nossa Senhora da Conceição Setúbal Activo
142103 1263 Ribeira do Fárrio Leiria Activo
111505 1264 Falagueira Lisboa Serra da Lua Activo
180107 1265 Fontelo Lamego Activo
031314 1266 Duas Igrejas Braga Vila Verde Activo
131021 1267 Sobrosa Porto Este Activo
111507 1268 Reboleira Lisboa Serra da Lua Activo
150805 1269 Nossa Senhora das Graças - Poceirão Setúbal Activo
430106 1270 Cinco Ribeiras Açores Terceira Activo
111510 1271 São Brás Lisboa Serra da Lua Activo
141905 1272 Lapas Santarém Activo
030303 1273 Arentim Braga Braga Activo
030504 1274 São Pedro - Britêlo Braga Fafe Activo
130302 1275 Airães Porto Este Activo
170626 1276 Salto Vila Real Extinto
110904 1277 Encarnação - Mafra Lisboa Oeste Activo
111002 1278 Barcarena Lisboa Barra Activo
111310 1279 Ponte do Rol Lisboa Oeste Activo
110201 1280 Arranhó Lisboa Solarius Activo
131502 1281 São Martinho Porto Centro Norte Activo
011601 1282 São João da Madeira Porto Terras de Santa Maria Activo
131801 1283 Alvarelhos Porto Norte Activo
010903 1284 Canedo Porto Terras de Santa Maria Activo
010902 1285 Arrifana Porto Terras de Santa Maria Activo
011705 1286 Rocas do Vouga Aveiro Activo
110719 1287 Portela Lisboa Moinhos de Vento Activo
310802 1288 Camacha Madeira Activo
430203 1289 Porto - Martins Açores Terceira Activo
420104 1290 Santa Cruz da Lagoa Açores São Miguel Activo
131402 1291 Água Longa Porto Centro Norte Activo
080601 1292 Mexilhoeira da Carregação Algarve Activo
081302 1293 Algoz Algarve Activo
150407 1294 Bairro Alentejano Setúbal Activo
010928 1295 São Miguel do Souto Porto Terras de Santa Maria Activo
030605 1296 Forjães Braga Cego do Maio Activo
030342 1297 Santo Adrião Braga Braga Activo
310102 1298 São Francisco Xavier Madeira Activo
090307 1299 Lageosa do Mondego Guarda Activo
1300 Pedreira Açores São Miguel Activo
1301 Alpiarça Santarém Activo
010415 1302 Rossas Porto Terras de Santa Maria Activo
1303 Aljezur Algarve Activo
1304 Santíssima Trindade Guarda Activo
1305 Santo Afonso - Luz Algarve Activo
131722 1306 Valadares Porto Douro Sul Activo
1307 Terrugem Évora Activo

Página 107
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português CNE em números – Actualização 2010

Código Nº de
DTCCFG
Nome do Agrupamento Região Núcleo Estado
Agrup.
1308 Nossa Senhora de Fátima Suiça Activo
1309 Terrugem Lisboa Serra da Lua Activo
1310 Arosa Braga Póvoa de Lanhoso Activo
182301 1311 Abraveses Viseu Activo
182111 1312 Molelos Viseu Activo
181004 1313 Oliveira de Frades Viseu Activo
1314 Pedro Miguel Açores Faial Activo
1315 Campeã Vila Real Activo
061302 1316 Figueira de Lorvão Coimbra Centro-Norte Activo
100919 1317 Parceiros Leiria Activo
1318 Aljubarrota Leiria Activo
1319 São Pedro da Figueira da Foz Coimbra Activo
1320 Vale Figueira Setúbal Activo
060513 1321 Vila Verde Coimbra Activo
1322 São Teotónio Beja Activo
1323 Carvalhal Braga Barcelos Activo
1324 Sé Algarve Activo
1325 Manadas Açores São Jorge Activo
1326 Ponta da Ilha Açores Pico Activo
061405 1327 Penela Coimbra Activo
1328 Foz do Sousa Porto Centro Norte Activo
131504 1329 Sobrado Porto Centro Norte Activo
1330 S. Braz de Alportel Algarve Activo
1331 Carvoeiro Algarve Activo
1332 S. Martinho das Chãs Lamego Activo
1333 Ribeira Chã Açores São Miguel Activo
1334 Santo António de Oliveirinha Aveiro Activo
1335 Aldeia de Joanes Guarda Activo
140206 1336 Minde Leiria Activo
1337 Urzelina Açores São Jorge Activo
131626 1338 Vairão Porto Litoral Activo
1339 Messines Algarve Activo
1340 Meda Lamego Activo
1341 Freamunde Porto Este Activo
1342 Santo António do Nordestinho Açores São Miguel Activo
1343 Sant'Ana da Carnota Lisboa Solarius Activo
1344 Lordosa Viseu Activo
1345 São Lourenço do Bairro Aveiro Activo
100927 1346 Memória Leiria Activo
1347 Álamos Madeira Activo
1349 Santa Maria de Loures Lisboa Moinhos de Vento Activo

Página 108
Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português – Agosto de 2010