Você está na página 1de 20
Hemorragia e choque hemorrágico Sangue, o rio da vida Dr.Alexandro de Sousa Barbosa. Dr.Aristóteles Brito.
Hemorragia e choque hemorrágico Sangue, o rio da vida Dr.Alexandro de Sousa Barbosa. Dr.Aristóteles Brito.
Hemorragia e choque hemorrágico Sangue, o rio da vida Dr.Alexandro de Sousa Barbosa. Dr.Aristóteles Brito.
Hemorragia e choque hemorrágico Sangue, o rio da vida Dr.Alexandro de Sousa Barbosa. Dr.Aristóteles Brito.
Hemorragia e choque hemorrágico Sangue, o rio da vida Dr.Alexandro de Sousa Barbosa. Dr.Aristóteles Brito.

Hemorragia e choque hemorrágico

Hemorragia e choque hemorrágico Sangue, o rio da vida Dr.Alexandro de Sousa Barbosa. Dr.Aristóteles Brito. Enfermeiros

Sangue, o rio da vida

Dr.Alexandro de Sousa Barbosa.

Dr.Aristóteles Brito. Enfermeiros Autores

Hemorragia e choque hemorrágico Objetivo Conhecer os efeitos fisiopatológicos de uma grande hemorragia; Realizar

Hemorragia e choque hemorrágico

Hemorragia e choque hemorrágico Objetivo Conhecer os efeitos fisiopatológicos de uma grande hemorragia; Realizar

Objetivo

Conhecer os efeitos fisiopatológicos deHemorragia e choque hemorrágico Objetivo uma grande hemorragia; Realizar contenção das hemorragias realizando os

uma grande hemorragia;

Realizar contenção das hemorragiasos efeitos fisiopatológicos de uma grande hemorragia; realizando os curativos adequados; Reconhecer e prevenir o

realizando os curativos adequados;

ReconhecerRealizar contenção das hemorragias realizando os curativos adequados; e prevenir o choque hemorrágico. estado de

e

prevenir

o

choque hemorrágico.

estado

de

Hemorragia e choque hemorrágico Conceito Hemorragia é perda sanguínea decorrente de lesão vascular. Classificação

Hemorragia e choque hemorrágico

ConceitoHemorragia e choque hemorrágico Hemorragia é perda sanguínea decorrente de lesão vascular. Classificação Hemorragia

Hemorragia e choque hemorrágico Conceito Hemorragia é perda sanguínea decorrente de lesão vascular. Classificação

Hemorragia

é

perda

sanguínea

decorrente de lesão vascular.

Classificaçãoé perda sanguínea decorrente de lesão vascular. Hemorragia interna – não há solução de continuidade

Hemorragia interna – não há solução de continuidade da pele. – não há solução de continuidade da pele.

Hemorragia externa – há solução de continuidade da pele. – há solução de continuidade da pele.

Hemorragia arterial – ocorre lesão de uma artéria. – ocorre lesão de uma artéria.

Hemorragia venosa – ocorre lesão de uma veia. – ocorre lesão de uma veia.

Hemorragia Hemorragia interna É resultante de um ferimento profundo com lesão de órgão interno. Sintomas:

Hemorragia

Hemorragia Hemorragia interna É resultante de um ferimento profundo com lesão de órgão interno. Sintomas: Pulso

Hemorragia interna

É resultante de um ferimento profundoHemorragia Hemorragia interna com lesão de órgão interno. Sintomas: Pulso fraco e rápido, pele fria, suadores,

com lesão de órgão interno.

Sintomas: Pulso fraco e rápido, pele fria, suadores, sede e tonteira . Pulso fraco e rápido, pele fria, suadores, sede e tonteira .

TIPOS DE HEMORRAGIA INTERNA ESTOMATORRAGIA - Hemorragia proveniente da boca . Primeiros socorros: Dar líquidos

TIPOS DE HEMORRAGIA INTERNA

ESTOMATORRAGIA - Hemorragia proveniente da boca.

Primeiros socorros:INTERNA ESTOMATORRAGIA - Hemorragia proveniente da boca . Dar líquidos gelado para a vitima beber Manter

Dar líquidos gelado para a vitima beber- Hemorragia proveniente da boca . Primeiros socorros: Manter a vítima em repouso Aplicar compressas geladas

Manter a vítima em repousoPrimeiros socorros: Dar líquidos gelado para a vitima beber Aplicar compressas geladas ou bolsas de gelo

Aplicar compressas geladas ou bolsas de gelo sobre o baixo ventre;. Primeiros socorros: Dar líquidos gelado para a vitima beber Manter a vítima em repouso Providenciar

Providenciar socorro médico.gelado para a vitima beber Manter a vítima em repouso Aplicar compressas geladas ou bolsas de

HEMOPTISE : Hemorragia proveniente dos pulmões : O sangue sai em golfadas pela boca, vermelho

HEMOPTISE : Hemorragia proveniente dos Hemorragia proveniente dos

pulmões: O sangue sai em golfadas pela boca,

vermelho vivo e espumoso.

Primeiros socorros:sangue sai em golfadas pela boca, vermelho vivo e espumoso. Bolsa de gelo no tórax .

Bolsa de gelo no tórax .pela boca, vermelho vivo e espumoso. Primeiros socorros: Deitar a vitima de forma que a cabeça

Deitar a vitima de forma que a cabeça fique mais baixa que o corpo .e espumoso. Primeiros socorros: Bolsa de gelo no tórax . Hemorragia proveniente do estômago : O

Hemorragia proveniente do

estômago: O sangue sai pela boca como se fosse borra de café, pode vir ou não com restos de alimentos.

HEMATÊMESE:

Primeiros socorros: Bolsa de gelo abaixo do umbigo. : Bolsa de gelo abaixo do umbigo.

OTÓRRAGIA: Hemorragia proveniente do ouvido . Classificação: Simples, Composta - TCE ( traumatismo crânio

OTÓRRAGIA: Hemorragia proveniente do ouvido . Hemorragia proveniente do ouvido.

Classificação: Simples, Composta - TCE ( traumatismo crânio encefálico).OTÓRRAGIA: Hemorragia proveniente do ouvido . Simples - Sangra muito e o sangue sai normal. Primeiros

Simples - Sangra muito e o sangue sai normal.Simples, Composta - TCE ( traumatismo crânio encefálico). Primeiros socorros: Compressão à distancia ( temporal ou

Primeiros socorros: Compressão à distancia ( Compressão à distancia (

temporal ou facial) . Tapar com algodão ou gaze

seca.

Composta - Sangra pouco e o sangue sai com( temporal ou facial) . Tapar com algodão ou gaze seca. liguor. Primeiros socorros : Lateralizar

liguor.

Primeiros socorros: Lateralizar a cabeça de forma que o sangue saia. : Lateralizar a cabeça de forma que o sangue saia.

EPISTAXE : Hemorragia proveniente do nariz. Primeiros socorros: Jamais vire a cabeça para trás, pois

EPISTAXE :Hemorragia proveniente do nariz. Hemorragia proveniente do nariz.

Primeiros socorros:EPISTAXE : Hemorragia proveniente do nariz. Jamais vire a cabeça para trás, pois o sangue pode

Jamais vire a cabeça para trás, pois o sangue pode: Hemorragia proveniente do nariz. Primeiros socorros: descer para o pulmão . Tapar com algodão ou

descer para o pulmão .

Tapar com algodão ou gaze seco .para trás, pois o sangue pode descer para o pulmão . Comprimir a narina e aplique

Comprimir a narina e aplique compressas frias no local. e aplique compressas frias no local.

Depois. Comprimir a narina e aplique compressas frias no local. de alguns minutos, afrouxe pressão a

de

alguns

minutos,

afrouxe

pressão

a

vagarosamente e não assoe o nariz.

Se a hemorragia persistir, volte a comprimir a narina e procure socorro médicoe aplique compressas frias no local. Depois de alguns minutos, afrouxe pressão a vagarosamente e não

Hemorragia externa A hemorragia externa é a perda de sangue ao rompimento de um vaso

Hemorragia externa

A hemorragia externa é a perda de sangue aoHemorragia externa rompimento de um vaso sanguíneo (veia ou artéria). Quando uma artéria é atingida, o

rompimento de um vaso sanguíneo (veia ou

artéria). Quando uma artéria é atingida, o

perigo é maior. Nesse caso, o sangue é

vermelho vivo e sai em jatos rápidos e fortes.

O controle da hemorragia deve ser feitoo sangue é vermelho vivo e sai em jatos rápidos e fortes. imediatamente, pois uma hemorragia

imediatamente, pois uma hemorragia

abundante e não controlada pode causar

morte em 3 a 5 minutos.

Hemorragia Externa Realizar contenção das hemorragias Pressão direta; Curativo compressivo; Elevação do membro;

Hemorragia Externa

Hemorragia Externa Realizar contenção das hemorragias Pressão direta; Curativo compressivo; Elevação do membro;

Realizar contenção das hemorragias

Pressão direta;Hemorragia Externa Realizar contenção das hemorragias Curativo compressivo; Elevação do membro; Compressão do Pulso;

Curativo compressivo;Realizar contenção das hemorragias Pressão direta; Elevação do membro; Compressão do Pulso; Pressão

Elevação do membro;das hemorragias Pressão direta; Curativo compressivo; Compressão do Pulso; Pressão indireta; Curativo oclusivo.

Compressão do Pulso;Pressão direta; Curativo compressivo; Elevação do membro; Pressão indireta; Curativo oclusivo. Torniquete.

Pressão indireta;Pressão direta; Curativo compressivo; Elevação do membro; Compressão do Pulso; Curativo oclusivo. Torniquete.

Curativo oclusivo. Torniquete. Torniquete.

Curativo compressivo; Elevação do membro; Compressão do Pulso; Pressão indireta; Curativo oclusivo. Torniquete.
Curativo compressivo; Elevação do membro; Compressão do Pulso; Pressão indireta; Curativo oclusivo. Torniquete.
Curativo compressivo; Elevação do membro; Compressão do Pulso; Pressão indireta; Curativo oclusivo. Torniquete.
Curativo compressivo; Elevação do membro; Compressão do Pulso; Pressão indireta; Curativo oclusivo. Torniquete.
Curativo compressivo; Elevação do membro; Compressão do Pulso; Pressão indireta; Curativo oclusivo. Torniquete.
Curativo compressivo; Elevação do membro; Compressão do Pulso; Pressão indireta; Curativo oclusivo. Torniquete.
HEMOSTASIA AÇÃO DE CONTENÇÃO DAS HEMORRAGIAS MÉTODOS DE HEMOSTASIA: - compressão direta – também chamada

HEMOSTASIA

HEMOSTASIA AÇÃO DE CONTENÇÃO DAS HEMORRAGIAS MÉTODOS DE HEMOSTASIA: - compressão direta – também chamada de

AÇÃO DE CONTENÇÃO DAS HEMORRAGIAS

MÉTODOS DE HEMOSTASIA: - compressão direta – também chamada de compressão no local. É o método mais utilizado - compressão direta – também chamada de compressão no local. É o método mais utilizado e eficaz.

ELEVAÇÃO DO SEGMENTO - USA-SE A GRAVIDADEcompressão no local. É o método mais utilizado e eficaz. À NOSSO FAVOR COMPRESSÃO DIRETA (

À NOSSO FAVOR

COMPRESSÃO DIRETA ( TAMBÉM CHAMADA DEe eficaz. ELEVAÇÃO DO SEGMENTO - USA-SE A GRAVIDADE À NOSSO FAVOR COMPRESSÃO NO LOCAL, É

COMPRESSÃO NO LOCAL, É O MÉTODO MAIS

EFICAZ)

Hemorragia Lesões específicas Amputação; Evisceração; Objeto impactado ou empalado; Ferida aspirante.

Hemorragia

Lesões específicasHemorragia Amputação; Evisceração; Objeto impactado ou empalado; Ferida aspirante.

Amputação;Hemorragia Lesões específicas Evisceração; Objeto impactado ou empalado; Ferida aspirante.

Evisceração;Hemorragia Lesões específicas Amputação; Objeto impactado ou empalado; Ferida aspirante.

Objeto impactado ou empalado;Hemorragia Lesões específicas Amputação; Evisceração; Ferida aspirante.

Ferida aspirante.Hemorragia Lesões específicas Amputação; Evisceração; Objeto impactado ou empalado;

Hemorragia Lesões específicas Amputação; Evisceração; Objeto impactado ou empalado; Ferida aspirante.
Amputação

Amputação

Amputação
Evisceração

Evisceração

Evisceração
Objeto Impactado ou Empalado

Objeto Impactado ou Empalado

Objeto Impactado ou Empalado
Objeto Impactado ou Empalado
Ferida aspirante

Ferida aspirante

Ferida aspirante
Ferida aspirante
Choque Hemorrágico Colapso do sistema cardiovascular decorrente da perda aguda de sangue, repercutindo na

Choque Hemorrágico

Choque Hemorrágico Colapso do sistema cardiovascular decorrente da perda aguda de sangue, repercutindo na

Colapso do sistema cardiovascular decorrente da perda aguda de sangue, repercutindo na

inadequada perfusão e oxigenação dos tecidos

e que poderá causar à morte.

Choque Hemorrágico Sinais e sintomas: pele - pálida e/ou cianótica; fria e sudoreica; pupila –

Choque Hemorrágico

Sinais e sintomas:Choque Hemorrágico pele - pálida e/ou cianótica; fria e sudoreica; pupila – dilatada (anóxia); sede; pulso

pele - pálida e/ou cianótica;Choque Hemorrágico Sinais e sintomas: fria e sudoreica; pupila – dilatada (anóxia); sede; pulso fraco e

fria e sudoreica;Sinais e sintomas: pele - pálida e/ou cianótica; pupila – dilatada (anóxia); sede; pulso fraco e

pupila – dilatada (anóxia);sintomas: pele - pálida e/ou cianótica; fria e sudoreica; sede; pulso fraco e rápido; P.A. –

sede;cianótica; fria e sudoreica; pupila – dilatada (anóxia); pulso fraco e rápido; P.A. – baixa. perfusão

pulso fraco e rápido;fria e sudoreica; pupila – dilatada (anóxia); sede; P.A. – baixa. perfusão capilar lenta ou inexistente;

P.A. – baixa.pupila – dilatada (anóxia); sede; pulso fraco e rápido; perfusão capilar lenta ou inexistente; tontura e/ou

perfusão capilar lenta ou inexistente;sudoreica; pupila – dilatada (anóxia); sede; pulso fraco e rápido; P.A. – baixa. tontura e/ou perda

tontura e/ou perda de consciência.pupila – dilatada (anóxia); sede; pulso fraco e rápido; P.A. – baixa. perfusão capilar lenta ou

Choque hemorrágico Prevenindo o choque hemorrágico Realizar contenção de hemorragia; Posicionar a vítima em decúbito

Choque hemorrágico

Choque hemorrágico Prevenindo o choque hemorrágico Realizar contenção de hemorragia; Posicionar a vítima em decúbito

Prevenindo o choque hemorrágico

Realizar contenção de hemorragia;Choque hemorrágico Prevenindo o choque hemorrágico Posicionar a vítima em decúbito dorsal; Afrouxar roupas, retirar

Posicionar a vítima em decúbito dorsal;o choque hemorrágico Realizar contenção de hemorragia; Afrouxar roupas, retirar calçados; Elevar membros

Afrouxar roupas, retirar calçados;Realizar contenção de hemorragia; Posicionar a vítima em decúbito dorsal; Elevar membros inferiores de 20 a

Elevar membros inferiores de 20 a 30 cm;Realizar contenção de hemorragia; Posicionar a vítima em decúbito dorsal; Afrouxar roupas, retirar calçados;

Duvidas?
Duvidas?
Duvidas?
Duvidas?

Duvidas?

Duvidas?
Duvidas?
Duvidas?
Duvidas?
Duvidas?
Duvidas?
Duvidas?
Duvidas?