Você está na página 1de 41

Métodos de

MÉTODOS
DE
multiplicação de plantas
PROPAGAÇÃO DE
ESPÉCIES
FRUTÍFERAS
Prof° Leandro Cecílio Matte

Leandro Cecílio Matte

Multiplicação de plantas
Ciclo sexuado: ocorre recombinação
genética, formando indivíduos (Embriões
gaméticos das sementes) – REPRODUÇÃO.

Ciclo assexuado: É a multiplicação das plantas,
que ocorre naturalmente ou por métodos
controlados pelo homem, através de estruturas
determinadas propágulos. (Propagação)

Ciclo sexuado

Ciclo assexuado (clones)

É um conjunto de seres independentes,
geneticamente idênticos, originados de um
simples indivíduo através da propagação.

Métodos de multiplicação de plantas Por sementes Vegetativa Rebentos Rizoma Enxertia Estaquia .

Uso da multiplicação de plantas via semente Melhoramento genético Rápida disseminação de grande quantidade de indivíduos Formação de portas-enxerto .

Desvantagens da multiplicação por sementes Maior tempo gasto Segregação genética Ocorrência de dormência .

Causas da dormência •Tegumento impermeável •Embrião fisiologicamente imaturo •Substâncias inibidoras •Combinação de causas .

Métodos de quebra de dormência •Escarificação química •Escarificação física ou mecânica •Estratificação •Choque de temperatura •Água quente .

Maior exposição a pragas.Semeadura Direta: feita diretamente no local definitivo ( campo). . Geralmente conduzida em viveiro de mudas telado. doenças e intempéries . bandejas. canteiros e outros. Indireta: feita em sacolas. tubetes.

.

.

.

.

.

Vantagens da propagação vegetativa Manutenção das características genéticas da planta propagada Indispensável na propagação de espécies que não produzem sementes Evitar período juvenil .

Tipos de propágulos .

como no abacaxizeiro. Importante na propagação de espécies não multiplicadas por sementes. .Rebentos São brotações que ocorrem em alguma região da planta. bananeira. algumas palmeiras e outros que podem ser utilizadas para propagação direta.

.

com a capacidade de formar novas plantas geneticamente iguais a planta mãe (clones). .Rizoma É um órgão de reserva. contendo gemas.

.

inglês complicado. •Borbulhia •Encostia . inglês simples. passando a formar uma planta com duas partes: o enxerto (copa) e o porta-enxerto (sistema radicular). Os principais métodos são: •Garfagem: fenda cheia. geralmente da mesma espécie. com o objetivo de agregar características desejadas de cada parte. meia fenda.Enxertia A enxertia é a união dos tecidos de duas plantas.

.

.

.

.

.

cortado da parte madura da planta.Estaquia A estaquia é baseada no enraizamento de um pedaço de ramo (estaca). não muito nova. ou verde.5 a 2 cm de diâmetro. isto é. geralmente de 15 a 40 cm de comprimento e de 0. .

.

destaca-se de uma vez ou gradativamente a muda. depois. O ramo que vai ser enterrado deve ser desfolhado ou anelado e. Feito em espécies que apresentam dificuldades na utilização de métodos de enxertia. bambu ou pedaço de arame grosso. preso ao solo por uma estaca de madeira. curvado da planta que se quer propagar. para que enraíze e. . depois do enraizamento.Mergulhia A base do processo é o enterrio de uma porção de um ramo.

.

escolhe-se. cobrindo com saco plástico. É uma variação da mergulhia. cobre-se a parte anelada com substrato ou uma mistura de esterco e serragem úmida. bem amarrado. faz-se neles um anelamento (retirada da casca) de 3 a 5 cm e.Alporquia A alporquia é um método usado para propagar plantas difíceis de enxertar. em uma planta adulta. alguns ramos de 1 a 3 cm de diâmetro. . Neste método. forçando assim o enraizamento no local cortado. depois.

.

. com a utilização de meio de cultura e hormônios de crescimento. onde são utilizados partes do vegetal com capacidade de gerar novas plantas com sistema radicular e parte aérea.Cultura de tecidos É o método de propagação in vitro.

.

Tratamento e deposição das sementes ou mudas Irrigação Aclimatação antes do plantio definitivo no campo . etc. tubetes.Práticas realizadas na produção de mudas Escolha do substrato Tratamento do substrato Enchimento das sacolas. canteiros.

.

Substratos Funções: • fornecer água e nutrientes às plantas para um bom desenvolvimento do sistema radicular e parte aérea • dar sustentação para o bom desenvolvimento das plantas .

Preparo do substrato 2/4 de solo + ¼ de areia lavada + ¼ de material orgânico • •2/3 de solo + 1/3 de areia •Areia lavada .

.

Obrigado! .