Você está na página 1de 15

ALINHAMENTO

PASTORAL
{ O DZIMO E A SADE DA IGREJA
A entrega de contribuies e ofertas
financeiras uma prtica comum
entre as igrejas crists.
O reino de Deus, porm, no se
edifica com dinheiro, mas com
pessoas comprometidas com Jesus.
A maneira como lidamos com o
Dinheiro indica o nvel do nosso
Amadurecimento espiritual

Lucas 16.10-12
O ministrio de Jesus foi mantido
pela contribuio de pessoas
piedosas.

Lucas 8.1-3
Jesus aprova as contribuies
financeiras quando elas so feitas
com a motivao correta.

Marcos 12.41-44
no condenou a prtica
Jesus
do dzimo, mas o mau uso que as
pessoas faziam da mesma.

O dzimo no substitui o Amor a


Deus e ao prximo.

Lucas 11:42
A contribuio para atender aos
necessitados uma expresso da
comunho crist.

Atos 4:34, 35
A contribuio parte integrante da
adorao crist (do culto).

1 Corntios 16.1-4
A contribuio deve ser voluntria
e livre de qualquer coero, feitas
com alegria e contentamento.

2 Corntios 9.7
A contribuio crist obedece aos
princpios da fidelidade e da
proporcionalidade.

conforme a sua prosperidade.

2 Corntios 16:2
Ao ofertarem dez por cento, todos
ofertam em proporo igual.
Deus nunca exige que seus filhos
entreguem o que no tm.

2 Corntios 8:12
A liberalidade crist na contribuio
fruto de uma consagrao pessoal
a Deus.

2 Corntios 8:5
Somente aquele que j entregou o
seu corao a Cristo no ter
dificuldades de contribuir para com
a obra do Mestre.