Você está na página 1de 12

A diferença entre charge, cartum, tirinha e caricatura

É essencial que todo vestibulando saiba diferenciar e interpretar charges,


cartuns, tirinhas e caricaturas. Dessa forma buscarei elucidar as
semelhanças e discrepâncias entre cada um desses tipos de ilustração
humorística.
A charge, um tanto quanto diferente do cartum, satiriza situações específicas, situadas no tempo e
no espaço, razão pela qual se encontra sempre apontando para um personagem da vida pública em
geral, às vezes um artista, outras vezes um político, enfim. Em se tratando da linguagem, também
costuma associar linguagem verbal e não verbal. Outro aspecto para o qual devemos atentar diz
respeito ao fato de a charge, expressa na língua francesa, possuir significado de “carga”, aderindo
por completo à intenção do chargista, ou seja, a de que ele realmente atua de forma crítica numa
situação de ordem social e política. Que tal então conferirmos um exemplo?

Charge de Júlio Costa Neto – jornalista e desenhista.

Ao nos atermos à charge em questão, ficamos convencidos de que o autor aponta para a tendência que as
pessoas trazem consigo que um dos meios de ganhar dinheiro é entrando na política, sobretudo pela desonestidade,
pela corrupção que se manifesta nesse meio, razão pela qual o personagem respondeu à professora dessa forma.
A charge faz uma sátira (crítica sarcástica) de acontecimentos atuais, geralmente na esfera social
e política, afim de demonstrar indignação e insatisfação com a situação vigente. Além disso, a
charge quase sempre utilizada a caricatura para delinear o(s) personagem(s) envolvidos. Isso pode
ser visto na ilustração do ministro Joaquim Barbosa. Nela o martelo e a capa foram realçados,
através de uma ampliação, indicando uma punição dolorosa aos réus do “mensalão” e a capa foi
diferenciada a fim de comparar o personagem com um herói, um justiceiro.

Para se expressar por meio da charge, é preciso estar atualizado com os acontecimentos e ter
senso crítico aguçado; o leitor também, para que possa entender a graça da charge.
O cartum se caracteriza com uma anedota gráfica em que nele podemos visualizar a presença
da linguagem verbal associada à não verbal. Suas abordagens dizem respeito a situações
relacionadas ao comportamento humano, mas não estão situadas no tempo, por isso são
denominadas de atemporais e universais, ou seja, não fazem referência a uma personalidade em
específico. Cientes disso, torna-se importante compreendermos que o nome cartum proveio de um
acontecimento ocorrido em Londres, em 1841. Tal acontecimento diz respeito ao fato de o príncipe
Albert, no intuito de decorar o Palácio de Westminster, ter promovido um concurso de desenhos feitos
em grandes cartões (cartoons em inglês), os quais seriam colados às paredes. Dessa forma, no intento
de satirizar, a revista Punch, considerada na época a primeira revista humorística do mundo, resolveu
publicar seus próprios cartoons. Vejamos, pois, um exemplo:

Cartum de Glasbergen - americano cartunista e ilustrador humorístico.

Constatamos que o cartum em referência aponta para o fato de as pessoas estarem tão acostumadas às redes
sociais que até um bebê que ainda não nasceu já possui mais amigos no Facebook que os próprios pais, revelando
uma crítica a esse comportamento tão recorrente.
O cartum também utiliza da caricatura, porém, diferente da charge, ele não retrata personagens
conhecidos e não tem como objetivo satirizar uma situação atual, simplesmente faz graça com uma
situação cotidiana. É algo próximo de uma piada. O cartunista representa uma cena ou até uma
sequência de cenas de uma situação engraçada com ou sem balões ou legendas.
O que é uma tirinha?
Uma tirinha nada mais é do que uma série de vinhetas chamada em inglês de comic
strips. As tirinhas mais tradicionais são publicadas diariamente em vários meios de
comunicação, principalmente em grandes jornais, onde encontrados Garfield, Haroldo,
entre outros personagens. As tirinhas engraçadas mais convencionais são produzidas
em equipes, com editores, escritores e artistas gráficos, porém, podem ser facilmente
criadas por anônimos na internet. Geralmente elas possuem apenas três quadros, com
uma piada rápida e de fácil entendimento. Normalmente são publicadas em
periodicidades diferentes, sendo divididas em tirinhas diárias e tirinhas dominicais.

Tirinhas diárias: Normalmente publicadas em poucas quantidades e em coloração


preto e branco devido ao ritmo de publicação.»

Tirinhas dominicais: Publicadas em grande quantidade e preenchendo sempre uma


página (jornais, revistas) no mínimo, além disso, são coloridas.
A tirinha é uma sequência de quadrinhos que geralmente faz uma crítica aos valores sociais. São
pequenas histórias engraçadas que tem no mínimo três e no máximo cinco quadrinhos, geralmente
desenhados na horizontal, publicadas com regularidade nos jornais e as mais famosas usadas em
vestibulares.
O que é tirinha de memes?
As tirinhas de memes são atualmente as tirinhas mais famosas da internet. Tais tirinhas são
publicadas em vários webcomics, chamados aqui no Brasil de sites de humor, onde
tirinhas e outras coisas engraçadas são publicadas diariamente. As tirinhas memes
normalmente são feitas por pessoas anônimas da internet, mas também podem ser
publicadas em sites que possuem criadores próprios.
O que são memes da internet? O que são memes? Essa é uma pergunta que muitas
pessoas que não estão por dentro do assunto de sites humorísticos se perguntam. Memes
nada mais são do que personagens que ganharam sucesso na internet; são feitos com
caricaturas simples em poucas linhas sem nenhuma perfeição.

Os memes utilizam diversas expressões para demonstrar o sentido da tirinha.


Caricatura é a representação exagerada de características ou hábitos de uma pessoa.
Os artistas se apropriam de características humanas, reproduzindo-as em exagero para realçar e dar
um ar divertido. Se a pessoa tem um nariz arrebitado, o exagero ao retratar será focado no nariz, o
queixo longo, ou pouco queixo, testa saliente, boca pequena ou grande, e assim por diante.

É possível registrar também alguns aspectos da personalidade, como algum gesto marcante, a
seriedade exagerada que traz rugas na testa, ou o bom humor marcado por sorrisos largos.

Observe as imagens abaixo:

A primeira representa muito bem o que é a caricatura. Veja que ela ressalta os dentes tortos, nariz largo e cabelos
longos (apesar desses não serem visíveis na foto) do jogador Ronaldinho Gaúcho.