Você está na página 1de 43

Procedimento Corporativo #119

e Mudanças na NFPA 70E


versão 2012

Copyright © 2011 Bridgestone Americas, Inc. | March 00, 2011


Mudanças NFPA 70-E 2012

SEGURANÇA ELÉTRICA
NO TRABALHO

TREINAMENTO PARA
PESSOAS QUALIFICADAS e
AUTORIZADAS
Copyright © 2011 Bridgestone Americas, Inc. | March 00, 2011
Quando devo fazer a reciclagem?

Pessoal Qualificado
Por que do requerimento de treinamento em Segurança
para Profissionais Qualificados?
A mudança do trabalho "Códigos.“;
As Leis e mudança dos regulamentos;
Mudança de equipes;
A mudança das práticas;
Novas Tecnologia;
Mudança de lay out... Outros;

Copyright © 2011 Bridgestone Americas, Inc. | March 00, 2011


Definições
• Condição Eletricamente Segura - um estado em que um condutor elétrico ou circuito
parcial foi desconectado de partes energizadas, bloqueado e marcado de acordo com
padrões estabelecidos, testados para garantir a ausência de tensão, e aterrado se
determinado necessário.

• Exposto - (como aplicado a condutores elétricos energizados ou partes do circuito).


Capaz de se tocar inadvertidamente. É aplicada aos condutores elétricos de circuitos
ou partes que não estão devidamente resguardados, encapados ou isolados.

• Trabalhos energizados - (condutores elétricos energizados ou partes do circuito).


Entrar em contato com condutores elétricos energizados ou partes dos circuitos com
as mãos, pés ou outras partes do corpo, com ferramentas, sondas, ou com
equipamento de teste, independentemente do equipamento de protecção individual a
pessoa está vestindo. Existem duas categorias de “trabalhos energizados".
 
Diagnóstico (Teste) – tomar medição ou ver um equipmento elétrico energizado com a
utilização de equipamentos elétricos de medição e testes aprovados não requerendo fazer
mudanças físicas no equipamento.
 
Reparar ou fazer qualquer alteração física elétrica nos equipamentos (refazer conexões,
troca de componentes, remoções, etc).

Copyright © 2011 Bridgestone Americas, Inc. | March 00, 2011


Perigo/Avaliação do Risco

Serviços de teste (medições), diagnósticos não exigem uma


avaliação documentada de perigos / riscos se as avaliações deste tipo
for executada e documentada por companheiros com formação
qualificada.

Copyright © 2011 Bridgestone Americas, Inc. | March 00, 2011


NFPA - National Fire Protection Association

O que é 70E?

• NFPA 70E-2012, "Norma para a Segurança Elétrica em Lugares de


Trabalho" em consentimento com a ANSI - American National
Standards Institute ("Instituto Nacional Americano de
Padronização") - Salvaguardar os integrantes.

Copyright © 2011 Bridgestone Americas, Inc. | March 00, 2011


LIÇÕES APRENDIDAS DE OUTRAS VERSÕES DA NFPA

•DISTÂNCIA DO CÁLCULO PARA CORRENTE DE CURTO CIRCUITO FASE/FASE E


FASE/NEUTRO(TERRA);

•TREINAMENTO PARA AFETADOS DE USO DE EQUIPAMENTOS de MEDIÇÃO;

•TESTAR OS EQUIPAMENTOS DE MEDIÇÃO ANTES DE IR À CAMPO;

• AUDITORIAS DE COMPORTAMENTO (VERIFICAÇÃO SE ESTÃO CUMPRINDO OS


PROCEDIMENTOS – ENG. DE SEG);

• EM ALGUNS CASOS USO DE BATACLAVA ALÉM DO CAPUZ;

•CONTRATADOS (TERCEIROS) DEVEM SER TREINADOS E COMPROVADO


CONHECIMENTO;

•TREINAMENTO PARA USO DE DESFIBRILADOR;

•PERMISSÃO E 2º HOMEM ACIMA DE 600VAC;

Copyright © 2011 Bridgestone Americas, Inc. | March 00, 2011


Modified PP Training slides due to changes in 70E - 2012

• Se as partes elétricas não são colocados em uma condição de trabalho


eletricamente segura, então o trabalho é considerado energizado e você
está trabalhando dentro do limite abordagem limitada ou limite de arco pode
ser feita apenas por autorização escrita

AUTORIZAÇÃO DE TRABALHO ENERGIZADO

• Proteção auditiva devem ser usadas ​sempre que trabalhar dentro do


limite do arco voltaico.

• Circuito de Proteção de Falha de Aterramento


- Obrigatório em locais altamente condutores (molhado)
- Necessária quando se utiliza ferramentas elétricas manuais
com motor ou iluminação com um cabo de extensão.
- Deve ser testada antes de cada utilização.

• Treinamento sobre a NFPA 70-E deverá ser refeito à cada 3 anos.

Copyright © 2011 Bridgestone Americas, Inc. | March 00, 2011


Intervalos de Teste no Equipamento de
Isolamento de Borracha
Antes do uso Semestral Anual obs:
Capacetes X
Sapatos s/ Biqueira de Aço X
X antes do 1º uso - Teste de
Luvas de Segurança Elétrica (mesmo que em estoque no
almoxarifado da empresa)
Resistência Dielétrica
Luvas de Cobertura (p/Eletricista) X Visual
antes do 1º uso - Teste de
Mantas de Borracha X
Resistência Dielétrica
X antes do 1º uso - Teste de
Magotes (mesmo que em estoque no
almoxarifado da empresa)
Resistência Dielétrica
Sempre que detectado suspeita
Isolantes e Borrachas
de rompimento de isolação
Sempre que detectado suspeita
Cobertores de Linhas
de rompimento de isolação
Se o equipamento de isolamento foi eletricamente testado, mas não usado em serviço, não podem ser colocados em
serviço a menos que tenha sido testado eletricamente dentro dos 12 meses anteriores

Copyright © 2011 Bridgestone Americas, Inc. | March 00, 2011


Copyright © 2011 Bridgestone Americas, Inc. | March 00, 2011
Os Cuidados da Luva

• Danificação pode ser causada por:


– Produtos Químicos
– Óleos
– Gasolina
– Fluido Hidráulico
– Furação, Buraco, Cortes, Rasgos
– Ozonio
– Mau uso
• Teste:
– Resistencia Dielétrica e
– Inserção de Ar
Copyright © 2011 Bridgestone Americas, Inc. | March 00, 2011
Calibrações do Instrumento...

A= V
R
• Instrumentos de teste,
equipamentos e acessórios
devem ser:
– Calibrados para os circuitos e
equipamento aos quais serão
conectados.
– Projetados para o ambiente ao
qual serão usados.

NOTE: Lesões devido ao uso de testadores indevidamente classificados é


mais comum do que você imagina.
Copyright © 2011 Bridgestone Americas, Inc. | March 00, 2011
Checar Seu Equipamento de Testar…

• Checar equipamento de teste numa fonte viva


conhecida da mesma capacidade para assegurar que o
mesmo funcione antes de você executar o teste.

• Quando usado no 600V e acima, o detetor de


voltagem deverá ser testado antes e imediatamente
após cada teste.

Copyright © 2011 Bridgestone Americas, Inc. | March 00, 2011


Medição em Carga

D(cm)

Copyright © 2011 Bridgestone Americas, Inc. | March 00, 2011


Segurança Elétrica
Funcionários Bridgestone:

• Somente pessoas, no mínimo, autorizadas podem


trabalhar, próximo as partes elétricas energizadas
– NR 10 / NFPA 70E
• Capacitado;
• Autorizado;
• Qualificado;
Funcionários Terceiros:
• Habilitado;

Obs: É necessário ter treinamento específico para ser


autorizado (somente experência não é considerada suficiente)

Copyright © 2011 Bridgestone Americas, Inc. | March 00, 2011


Quem são as pessoas não qualificadas?

Pessoas com pouco ou nenhum treinamento para estar perto ou no local


de instalação elétrica (incluindo cabo ou fiação)

Copyright © 2011 Bridgestone Americas, Inc. | March 00, 2011


Atmosfera Explosiva – item 10.8.8.4 nr10

CONCEITOS IMPORTANTES:
 
- Área classificada: área com possibilidade de atmosfera explosiva em
condições normais e anormais de operação.
 
- Gás vapor:
Zona 0: continuamente presente ou por longo períodos ou frequentemente
Zona 1: ocasionalmente
Zona 2: não é provável, mas se ocorrer irá persistir por um curto período
 
- Poeira:
Zona 20: continuamente presente ou por longo períodos ou frequentemente
Zona 21: ocasionalmente
Zona 22: não é provável, mas se ocorrer irá persistir por um curto período

Copyright © 2011 Bridgestone Americas, Inc. | March 00, 2011


Iluminação

• Quando trabalha na proximidade de partes vivas expostas, é importante


iluminação suficiente seja providenciada (30 candelas ≈ 300lux).

• Quando a falta de iluminação ou uma obstrução impede a execução de


um trabalho,funcionários não devem executar serviço perto das partes
energizadas expostas.

• Não se aproxime de área que pode conter partes energizadas sem,


enchergar perfeitamente o conteúdo interno.

Copyright © 2011 Bridgestone Americas, Inc. | March 00, 2011


Deveres de Housekeeping

• Quando partes vivas estão expostas, funcionários não devem executar tarefas
de limpeza/pinturas nas distâncias já ditas (p/ 50kv – 3 metros...) de partes
vivas ou que há possibilidades de contato, a menos que proteções são
providenciadas (Tais como equipamentos de isolamento ou barreiras).

• A causa Nº1 de eletrocuções é equipamento condutivo (manopla ou bicos


longos de pistola de pintura, vassouras, pás, pás de recolher lixo, rodos,etc.)
que entra em contato ou se aproxima perigosamente de partes vivas elétricas.

• Items proibidos incluem…


– Palha de aço
– Roupa metalizada
– Carbureto de silicone
– Soluções líquidas condutivas

Copyright © 2011 Bridgestone Americas, Inc. | March 00, 2011


Classes e EPIs para NFPA 70E

Copyright © 2011 Bridgestone Americas, Inc. | March 00, 2011 20


Copyright © 2011 Bridgestone Americas, Inc. | March 00, 2011
Fronteira de Proteção contra um Arco Elétrico

Máscara

Copyright © 2011 Bridgestone Americas, Inc. | March 00, 2011


NFPA-70E
BOMBEIROS BRIDGESTONE

SEJAM BEM VINDOS !!!


NFPA70E
Copyright © 2011 Bridgestone Americas, Inc. | March 00, 2011
NFPA-70E

CONCEITOS DO FOGO

Fogo é um processo químico de transformação.


Podemos também defini-lo como o resultado de uma
reação química que desprende luz e calor devido à
combustão de materiais diversos.

Copyright © 2011 Bridgestone Americas, Inc. | March 00, 2011


NFPA-70E

ELEMENTOS QUE COMPÕEM O FOGO

– Combustível
– Comburente (oxigênio)
– Calor

IO

CA
ÊN
– Reação em cadeia

L
G

O
XI

R
O

COMBUSTÍVEL
Copyright © 2011 Bridgestone Americas, Inc. | March 00, 2011
NFPA-70E

REAÇÃO EM CADEIA
Os combustíveis, após iniciarem a combustão,
geram mais calor(1). Esse calor provocará o
desprendimento de mais gases ou vapores
combustíveis (2), desenvolvendo uma transformação
em cadeia ou reação em cadeia, que, em resumo, é o
produto de uma transformação gerando outra
transformação.

Copyright © 2011 Bridgestone Americas, Inc. | March 00, 2011


NFPA-70E
CLASSES DE INCÊNDIO Os incêndios são
INCÊNDIO DE CLASSE “A”
classificados de acordo
com as características
INCÊNDIO DE CLASSE “B” dos seus combustíveis.
Somente com o
conhecimento da
INCÊNDIO DE CLASSE “C” natureza do material
que está se queimando,
pode-se descobrir o
melhor método para
INCÊNDIO DE CLASSE “D”
uma extinção rápida e
segura.

Copyright © 2011 Bridgestone Americas, Inc. | March 00, 2011


NFPA-70E
CLASSES DE INCÊNDIO
Classe A

Caracteriza-se por fogo em


materiais sólidos;
Queimam em superfície e
profundidade;
Após a queima deixam
resíduos, brasas e cinzas;
Esse tipo de incêndio é extinto
principalmente pelo método
de resfriamento, e as vezes
por abafamento através de
jato pulverizado.

Copyright © 2011 Bridgestone Americas, Inc. | March 00, 2011


NFPA-70E
AGENTES EXTINTORES
Água Pressurizada

É o agente extintor indicado para incêndios de


Classe A;
Age por resfriamento e/ou abafamento;
Pode ser aplicado na forma de jato compacto,
chuveiro e neblina. Para os dois primeiros
casos, a ação é por resfriamento. Na forma
de neblina, sua ação é de resfriamento e
abafamento.
ATENÇÃO:
Nunca use água em fogo das classes C e D.
Nunca use jato direto na classe B.

*Pressurizado

Copyright © 2011 Bridgestone Americas, Inc. | March 00, 2011


NFPA-70E
CLASSES DE INCÊNDIO
Classe B

Caracteriza-se por fogo em


combustíveis líquidos
inflamáveis;
Queimam em superfície;
Após a queima, não deixam
resíduos;
Esse tipo de incêndio é
extinto pelo método de
abafamento.

Copyright © 2011 Bridgestone Americas, Inc. | March 00, 2011


NFPA-70E
AGENTES EXTINTORES

Pó Químico
– É o agente extintor indicado
para combater incêndios da
classe B;
– Age por abafamento, podendo
ser também utilizados nas
classes A e C, podendo nesta
última danificar o equipamento.

Pressurizado

Copyright © 2011 Bridgestone Americas, Inc. | March 00, 2011


NFPA-70E
CLASSES DE INCÊNDIO
Classe C
Caracteriza–se por fogo em
materiais/equipamentos
energizados (geralmente
equipamentos elétricos);
A extinção só pode ser realizada
com agente extintor não-
condutor de eletricidade, nunca
com extintores de água ou
espuma;
O primeiro passo num incêndio de
classe C, é desligar o quadro de
força, pois assim ele se tornará
um incêndio de classe A ou B.

Copyright © 2011 Bridgestone Americas, Inc. | March 00, 2011


NFPA-70E
AGENTES EXTINTORES
Gás Carbônico (CO2)

– É o agente extintor indicado para


incêndios da classe C, por não
ser condutor de eletricidade;
– Age por abafamento, podendo
ser também utilizado nas classes
A, somente em seu início e na
classe B em ambientes
fechados.

Pressurizado

Copyright © 2011 Bridgestone Americas, Inc. | March 00, 2011


NFPA-70E
CLASSES DE INCÊNDIO

Classe D

Caracteriza-se por fogo em metais pirofóricos


(alumínio, antimônio, magnésio, etc.)
São difíceis de serem apagados;
Esse tipo de incêndio é extinto pelo método de
abafamento;
Nunca utilizar extintores de água ou espuma
para extinção do fogo.

Copyright © 2011 Bridgestone Americas, Inc. | March 00, 2011


NFPA-70E
AGENTES EXTINTORES

Classe D , metais pirofóricos

•Extintor portátil com 9 kg de


pó classe D,
•a base de cloreto de sódio,
fabricado em aço carbono,
com pintura diferenciada
amarela
• e rotulação em vinil.

Copyright © 2011 Bridgestone Americas, Inc. | March 00, 2011


MÉTODOS DE EXTINÇÃO DO FOGO NFPA-70E
Partindo do princípio de que, para haver fogo, são
necessários o combustível, comburente e o calor,
formando o triângulo do fogo ou, mais modernamente, o
quadrado ou tetraedro do fogo, quando já se admite a
ocorrência de uma reação em cadeia, para nós
extinguirmos o fogo, basta retirar um desses elementos.

Com a retirada de um dos elementos do fogo, temos os


seguintes métodos de extinção: extinção por retirada do
material, por abafamento, por resfriamento.

Copyright © 2011 Bridgestone Americas, Inc. | March 00, 2011


NFPA-70E
MÉTODOS DE EXTINÇÃO DO FOGO
Extinção por retirada do material (Isolamento)

Esse método consiste em duas técnicas:


Retirada do material que está queimando;
Retirada do material que está próximo ao fogo.

nio

ca
igê

lo
ox

r
combustível

Copyright © 2011 Bridgestone Americas, Inc. | March 00, 2011


NFPA-70E

MÉTODOS DE EXTINÇÃO DO FOGO


Extinção por retirada do comburente (Abafamento)

Este método consiste na diminuição


ou impedimento do contato de
oxigênio com o combustível.

io
ca
ig ên

lo
ox

r
combustível

Copyright © 2011 Bridgestone Americas, Inc. | March 00, 2011


NFPA-70E

MÉTODOS DE EXTINÇÃO DO FOGO


Extinção por retirada do calor (Resfriamento)
Este método consiste na diminuição
da temperatura e eliminação do
calor, até que o combustível não
gere mais gases ou vapores
e se apague.

nio
ca
igê

lo r
ox
combustível

Copyright © 2011 Bridgestone Americas, Inc. | March 00, 2011


NFPA-70E
QUADRO RESUMO DE EXTINTORES

Incêndio Água PQS CO2


Classe “ A “ Eficiente Pouco Pouco
Eficiente Eficiente
Classe “ B “ Não eficiente Eficiente
Classe “ C “ Não Eficiente* Eficiente
Classe “ D “ Não PQS** Não
especial
Unidade
Extintora 10 Litros 4 Kg 6 Kg
Alcance
Médio do jato 10 m 5m 2,5 m
Tempo de
Descarga 60 Seg. 15 Seg. 25 Seg.
Método de Resfriamento Quebra da Abafamento
Extinção reação em (resfriamento)
cadeia
(abafamento)

Copyright © 2011 Bridgestone Americas, Inc. | March 00, 2011


NFPA-70E

TEL. DOS BOMBEIROS


BRIDGESTONE

5300
Copyright © 2011 Bridgestone Americas, Inc. | March 00, 2011
PERGUNTAS???

Copyright © 2011 Bridgestone Americas, Inc. | March 00, 2011


Lembre-se:
 Se a vítima estiver em contato com a fonte de energia, a primeira coisa a fazer é
desligar a fonte.

 Se não conseguir desligar, tente empurrar a vitima para longe da fonte com um
material isolante.

 Procure pôr-se de pé sobre um material isolante, como um jornal dobrado e


seco.

 Depois verifique os sinais vitais.

 Se necessário aplique a RCP.

 Jamais toque na vitima de acidente elétrico até ter certeza de que não corre
risco de levar um choque.

Copyright © 2011 Bridgestone Americas, Inc. | March 00, 2011