EDUCACIONAL

Física
Dinâmica
02. Represente todas as forças agentes no corpo da figura em cada caso. a) corpo em repouso em um plano horizontal

FORÇAS
01. Um corpo é submetido simultaneamente a apenas duas forças, de intensidades 9N e 12N, respectivamente. Determinar a intensidade da resultante agente no corpo, nos seguintes casos: a) as forças têm a mesma direção e o mesmo sentido; b) as forças têm a mesma direção e sentidos opostos; c) são perpendiculares entre si; d) possuem direções que formam entre si um ângulo de 60º.
Resolução:

R = F1 + F2
→ F1 → F2 → → F2 → F1 →

b) superfície lisa

a) R

R = F1 + F 2 = 9 + 12 = 21N

b)
→ F1

R

R = F 2 − F1 = 12 − 9 = 3N

c) pêndulo movendo-se da direita para a esquerda

c)

R

→ F2
2 2 R 2 = F 1 + F 2 ⇒ R 2 = 92 + 122 ⇒

Resolução: a)
N

R 2 = 81 + 144 = 225 ⇒ R = 15N d)
→ F1 →
N

P

R

b)

60º
2 2

→ F2

P

R 2 = F 1 + F 2 + 2 . F F2 cos 60 º ⇒ 1 1 R 2 = 92 + 122 + 2 . 9 . 12 . 2 R 2 = 81 + 144 + 108 = 333 R ≈ 18,2N

c)
T

P

FISCOL0403-R

1

2

FÍSICA

DINÂMICA
EDUCACIONAL

03. (FATEC) O caixote de peso P deve permanecer em equilíbrio na posição figurada, sendo sustentado pelo fio OA e por outro fio que pode ser preso a um dos ganchos I, II, III, IV ou V. Se quisermos a menor força de tração no fio OA, deveremos prender o outro fio no gancho: a) b) c) d) e) I II III IV V
II III IV V P 0 I A

Resolução: Na posição I o peso do bloco se distribui igualmente nos dois fios. Alternativa A

04. (CESGRANRIO) Sobre uma partícula agem as quatro forças representadas na figura. A intensidade da força resultante é: 8N a) b) c) d) e) 6N 0N 14N 26N 10N

Resolução: R2 = (12 − 4)2 + (8 − 2)2 Alternativa E ⇒ R = 10 N

4N 12N 2N

05. Um astronauta com o traje completo tem uma massa de 120kg. Ao ser levado para a Lua, onde a gravidade é, aproximadamente, 1,6m/s2, a sua massa e o seu peso serão, respectivamente: a) 75kg; 120N b) 120kg; 192N c) 192kg; 192N d) 120kg; 120N e) 75kg; 192N 06. (PUC) Um plano inclinado, que faz ângulo de 30º com a horizontal, tem uma polia em seu topo. Um bloco de 30kg sobre o plano é ligado, por meio de um fio que passa pela polia, a um bloco de 20kg, que pende livremente. Faça a figura que representa a situação acima indicando as forças que atuam nos blocos. 07. Um astronauta tem, na Terra, massa de 60kg e pesa 600N. O astronauta vai para a Lua, onde a aceleração da gravidade é seis vezes menor do que na Terra. A massa e o peso do astronauta, na Lua, serão, respectivamente: a) b) c) d) e) 60kg e 600N 10kg e 100N 60kg e 100N 10kg e 600N 60kg e 3 600N

Resolução: A massa não varia. P = m . g = 120 . 1,6 = 192 N Alternativa B

Resolução:

N

T

→ →

T P1

30º

P2

Resolução: A masssa não se altera. 10 = 100 N 6

P = m . g = 60 . Alternativa C

FISCOL0403-R

DINÂMICA
EDUCACIONAL

FÍSICA

3

08. Uma partícula é submetida simultaneamente à ação de apenas duas forças de intensidades 6N e 8N, respectivamente. Determinar a intensidade da resultante agente na partícula, nos seguintes casos: a) b) c) d) as forças têm a mesma direção e o mesmo sentido; as forças têm a mesma direção e sentidos opostos; as forças são perpendiculares entre si; as forças formam entre si um ângulo de 60°.

11. Um bloco está em repouso sobre a superfície de uma mesa. De acordo com o princípio da ação e reação de Newton, a reação ao peso do bloco é: a) a força que o bloco exerce sobre a mesa. b) a força que a mesa exerce sobre o bloco. c) a força que o bloco exerce sobre a Terra. d) a força que a Terra exerce sobre o bloco. e) uma outra força aplicada ao bloco.
Resolução: O peso do bloco é a força com que a Terra atrai o bloco. Logo, a reação a esta força é recebida pela Terra e aplicada pelo bloco. Alternativa C

Resolução: a) R = 6 + 8 = 14 N b) c) d) R = 8 − 6 = 2N R2 = 62 + 82 ⇒ R = 10 N R2 = 62 + 82 + 2 . 6 . 8 . cos 60º = 100 + 48 ⇒ R = 12,17 N

14. Dois blocos A e B de massas 3kg e 2kg, respectivamente, encontram-se em contato e apoiados num plano horizontal liso. Uma força constante F = 20N, paralela ao plano de apoio, é aplicada ao corpo A, conforme mostra a figura.

09. (FATEC) Uma moto move-se a 72km/h numa estrada horizontal plana. A resultante de todas as forças que agem na moto é zero. Nessas condições, a velocidade da moto: a) b) c) d) e) diminuirá de forma constante. diminuirá de forma variável. aumentará de forma constante. aumentará de forma variável. continuará a ser de 72km/h.

F

A

B

Desprezando a resistência do ar, determine: a) a intensidade da aceleração adquirida pelo sistema; b) a intensidade da força de contato trocada pelos blocos.
Resolução: a) Isolam-se os corpos e esquematizam-se as forças agentes em cada corpo. → γ → → NB NA → → FBA → FAB A B F
→ PA
→ →

Resolução: Pelo Princípio da Inércia, um corpo em movimento, submetido a uma Resultante Nula, manterá um Movimento Retilíneo e Uniforme. Alternativa E

PB

10. (MED ABC) A figura representa a resultante R das forças que atuam em uma partícula em um certo instante. Dos segmentos orientados mostrados, o que poderia representar a aceleração da partícula no mesmo instante seria o segmento número: → a) b) c) d) e) 1 2 3 4 5
1 2 3 5 4 R

FAB e FBA correspondem a um par ação e reação. Aplicando o princípio fundamental para cada corpo temos: corpo A: R A = F − FBA = M A . γ corpo B: R B = FAB = M B . γ ∴ 20 – FBA = 3 . γ FAB = 2 . γ I

II

Resolvendo o sistema, temos: 20 − FBA = 3 γ FAB = 2 . γ 20 = 3γ + 2 γ

Resolução: O Princípio Fundamental é baseado no fato de que Resultante e aceleração “têm sempre” a mesma direção e sentido. Alternativa B

+

∴ 5 γ = 20 ⇒ γ = 4m/s2 b) Aplicando o resultado do item anterior na equação II , temos: FAB = 2 . 4 = 8N

FISCOL0403-R

4

FÍSICA

DINÂMICA
EDUCACIONAL

13. No esquema abaixo os blocos 1 e 2 têm massas respectivamente iguais a 10 kg e 20 kg. Supondo a superfície livre de atritos, calcule a aceleração dos blocos.

Resolução: F F 60 = = 2 m/s2 = m1 + m 2 m 10 + 20

a=

F = 60 N

1

2

14. Se a resultante das forças que agem num corpo é nula, podese afirmar que: a) b) c) d) e) o corpo está em repouso. o corpo está em M.R.U. a aceleração do corpo pode ser nula. o corpo pode estar em equilíbrio. o corpo pode estar com velocidade escalar constante, movendo-se em trajetória retilínea.

Resolução: O corpo pode estar em MRU. Alternativa E

15. Um paraquedista desce verticalmente com velocidade constante de 0,4m/s. A massa do paraquedista é 90kg. g = 10m/s2 a) Qual a aceleração do movimento? Justifique. b) Calcule a resultante das forças que se opõem ao movimento. 16. Um homem tenta levantar uma caixa de 5kg, que está sobre uma mesa, aplicando uma força vertical de 10N. Nesta situação, o valor da força que a mesa aplica na caixa é: g = 10m/s2 a) 0 N b) 5 N c) 10 N d) 40 N e) 50 N

Resolução: a) a = 0, pois V = cte b) R = 0
→ →

FR = P = m . g = 90 . 10 = 900 N

Resolução: P = 5 . 10 = 50 N T = 10 N ∴ N = 40 N
T

N

g

Alternativa D

P

5kg

17. (PUC) Quando a resultante das forças que atuam sobre um corpo é 10N, sua aceleração é 4m/s2. Se a resultante das forças fosse de 12,5N a aceleração seria de: a) 2,5m/s2 b) 5,0m/s2 c) 7,5m/s2 d) 2,0m/s2 e) 12,5m/s2

Resolução: F=m.a m= F 10 = = 2,5 kg 4 a F' 12,5 = = 5 m/s2 m 2,5

a'=

Alternativa B

FISCOL0403-R

DINÂMICA
EDUCACIONAL

FÍSICA

5

18. (ESPM) Aplica-se uma força F de intensidade 50N ao bloco A, conforme a figura. Os blocos A e B possuem massas respectivamente de 2,0kg e 3,0kg. As superfícies de contato são perfeitamente lisas. Determine a aceleração dos corpos.

Resolução: γ = F F 50 = = 10 m/s2 = mA + mB m 2+3

F = 50N A

B

19. (FUVEST) Uma força com intensidade de 160N produz o movimento, sobre um plano horizontal sem atrito, de dois corpos A e B de massas mA = 8kg e mB = 12kg, ligados por um fio ideal, como mostra a figura. Determine:

Resolução: a e b)
A T

γ

→ → →

T

B

F

A

B

F

T = mA . γ

F − T = mB . γ

a) a aceleração adquirida pelos corpos; b) a intensidade da força de tração no fio.

 T = 8γ   160 − T = 12γ

+

160 = 20γ ⇒ γ = 8 m/s2 ⇒ T = 8 . 8 T = 64 N

20. (PUC) Na figura temos três blocos de massas m1 = 1,0kg, m2 = 2,0kg e m3 = 3,0kg, que podem deslizar sobre a superfície horizontal, sem atrito, ligados por fios inextensíveis. Dado F3 = 12N, obtenha F1 e F2.

Resolução:
γ m1 F1
→ → →

m1

F1

m2

F2

F1

m2

F22

F 2 m2

F 23

m3

F3 F1 = m1 . γ F2 − F1 = m2 . γ F3 − F2 = m3 . γ

F1(N) a) b) c) d) e) 12 4,0 2,0 6,0 4,0

F2(N) 12 8,0 6,0 2,0 4,0

 F1 = γ   F2 − F1 = 2γ   12 − F2 = 3γ

+

12 = 6γ ⇒ γ = 2 m/s2 ⇒ F1 = 2 N F2 = 2γ + F1 ∴ F2 = 6 N Alternativa C

FISCOL0403-R

6

FÍSICA

DINÂMICA
EDUCACIONAL

21. (FUVEST) Dois móveis A e B estão ligados por um fio flexível e inextensível e movem-se sob a ação do campo de gravidade da Terra, suposto uniforme e de intensidade g = 10m/s2. Desprezando os atritos, determine o módulo da aceleração do conjunto e a intensidade da força que traciona o fio.
3,0kg A

Resolução:

T A T = mA . γ

T

B PB − T = m B . γ

PB

T = 3 . γ   10 − T = γ
B 1,0kg g

10 = 4γ T = 3γ

⇒ ⇒

γ = 2,5 m/s2 T = 7,5 N

22. (FATEC) A terceira Lei de Newton é o princípio da ação e reação. Esse princípio descreve as forças que surgem na interação de dois corpos. Podemos afirmar que: a) duas forças iguais em módulo e de sentidos opostos são de ação e reação. b) ação e reação estão aplicadas no mesmo corpo. c) a ação é maior que a reação. d) enquanto a ação está aplicada num corpo, a reação está aplicada no outro corpo. e) a reação em alguns casos pode ser maior que a ação.

Resolução: Pela teoria ⇒ Alternativa D

23. De acordo com a 3a Lei de Newton (ação e reação), um corpo, ao ser empurrado por uma pessoa, reage em sentido contrário ao da ação, e ainda assim pode entrar em movimento. Após analisar as afirmativas abaixo, assinale a opção correta. I. O corpo se movimenta porque a lei da ação e da reação só é válida enquanto o corpo está em repouso. II. O corpo se movimenta porque a ação é sobre ele e a reação é aplicada na mão de quem o empurrou. III. O corpo se movimenta porque a ação é maior do que a reação. IV. O corpo se movimenta porque a ação ocorre antes da reação. a) b) c) d) e) Apenas a afirmativa I está correta. Apenas a afirmativa II está correta. Apenas a afirmativa III está correta. Apenas a afirmativa IV está correta. Todas as afirmativas estão erradas.

Resolução: I. Falsa → Para corpos em movimento, vale a lei da ação e reação.

II. Verdadeira III. Falsa → Ação e reação têm mesmo módulo. IV. Falsa → Elas ocorrem simultaneamente. Alternativa B

FISCOL0403-R

DINÂMICA
EDUCACIONAL

FÍSICA

7

24. Um bloco de massa M encontra-se em repouso sobre uma mesa horizontal, num local onde a aceleração da gravidade é g. Faça um esquema representando o corpo, a mesa e a Terra, assinalando em cada corpo as forças agentes, identificando os pares ação e reação.

Sr. Professor: oriente os alunos quanto aos sinas das forças → → −N1 e − Pmesa sobre a Terra. Resolução:
→ →

N1

N

− N1

→ PM

–N

→ Pmesa

– PM

− Pmesa

bloco

mesa

Terra

Obs.: Se fôssemos mais rigorosos, a força N1, (contato entre a Terra e a mesa, deveria ser dividida entre os pés da mesa.

25. (VUNESP) Considerando o esquema abaixo e despreze o atrito. Determine a intensidade da aceleração dosistema, a intensidade da força aplicada pelo corpo B sobre A e a tensão na corda. Dados: mA = 15 kg; mB = 5,0 kg mC = 20 kg
g = 10 m/s2 A B

Resolução: a = 5 m/s2 FBA = 25 N T = 100 N

Aguarde resolução completa

C

26. (FUVEST) A figura mostra dois blocos A e B empurrados por uma força horizontal, constante, de intensidade F = 6,0 N, em um plano horizontal sem atrito.

Resolução:

Aguarde resolução completa
a) a = 2 m/s2 b) FR = 4 N

F

B A

O bloco A tem massa de 2,0 kg e o bloco B tem massa de 1,0kg. a) Qual o módulo da aceleração do conjunto? b) Qual a intensidade da força resultante sobre o bloco A?

FISCOL0403-R

8

FÍSICA

DINÂMICA
EDUCACIONAL

27. Dois blocos A e B de massas mA = 3,0 kg e mB = 2,0 kg estão unidos por um fio ideal (sem peso e inextensível) que passa por uma polia a qual está pendurada em um diâmetro.
dinamômetro

Resolução: a) a = 2 m/s2 b) T = 24 N c) D = 48 N

Desprezam-se: o atrito no eixo da polia, o efeito do ar e a massa da polia. Sendo g = 10 m . s–2, pede-se: a) o valor da aceleração dos blocos; b) a intensidade da força tensora no fio; c) a indicação do dinamômetro.

Aguarde resolução completa

B A

28. Um corpo de massa 2kg está apoiado num plano inclinado sem atrito, conforme a figura.

Resolução: a) Num plano inclinado sem atrito, temos R = Px = P . sen 30º m . γ = m . g . sen 30º 1 γ = 10 . = 5m/s 2 2 b) N = Py = P. cos 30º N = m . g . cos 30º

F sen30º = GH

1 e cos 30 º = 2

3 2

I JK

Determinar:

30º

a) a aceleração do corpo; b) a intensidade da força Normal que o apoio aplica sobre o corpo. 29. As figuras mostram dois arranjos (A e B) de polias construídos para erguer um corpo de massa M = 8 kg. Despreze as massas das polias e da corda, bem como os atritos.

N = 2 . 10 .

3 = 10 3 N 2

Resolução: Isolando os corpos, temos:

T

T
→ →

FA

T1

P (A)

T1

M

M FA M FB Em (A) temos: F A = P ⇒ F A = P = 8 . 10 = 80 N Em (B) temos:

P (B)

(A)

(B)
2F B = T1 = P ⇒ F B = P = 40 N 2

Calcule as forças FA e FB, em newton, necessárias para manter o corpo suspenso e em repouso nos dois casos.

FISCOL0403-R

DINÂMICA
EDUCACIONAL

FÍSICA

9

Esta explicação refere-se aos exercícios 30 e 31. Um homem de peso igual a 600N, apoiado em patins, é puxado para cima por meio de uma corda, paralela ao plano inclinado. Atritos são desprezíveis.

V

30º

30. (FCC) Se o movimento tem velocidade constante, a força F aplicada para fazer o homem subir é, em módulo e em newtons, igual a:

Resolução: Para velocidade constante:
N

F − Px = 0


Px
30º

F

a) 600 b) 600 c) 300 d) 450 e) n.d.a.
3 2
F = Px = 300 N Alternativa C

30º

P

31. (FCC) O movimento do homem se faz agora com aceleração → de 1m/s2, ascendente. A força F aplicada para fazer o homem subir é, em módulo e em newtons, igual a: g = 10m/s2 a) 600 b) 360 c) 1200 d) 300 e) nda

Resolução: F − Px = m . a F = Px + 60 . 1 = 360 N Alternativa B

32. (FAAP) A pessoa da figura deseja puxar o tronco de 100N rampa acima. Despreze os atritos e determine a intensidade da força que o homem deve aplicar para que o tronco suba com velocidade constante. sen 30° = 0,50

Resolução: 1 = 50 N 2
N

F = Px = P sen 30º = 100 .

F

Px
30º

P 30°

30º

FISCOL0403-R

10

FÍSICA

DINÂMICA
EDUCACIONAL

33. (UNISA) Na figura abaixo, a roldana R tem massa desprezível e não há atrito entre ela e o fio. O corpo A possui massa 4,0kg. Sabe-se que o corpo B desce com movimento acelerado e aceleração de módulo 2,0m/s2. Adote g = 10m/s2 e calcule: a) a massa de B. b) a intensidade da força que traciona o fio.
B A

Resolução: a e b)

T A

T B

γ

γ

R

PA

PB

T − PA = mA . γ  T − 40 = 4 . 2   mB . 10 − T = mB . 2

PB − T = mB . γ T = 48 N

10mB − 40 = 8 + 2mB ⇒ 8 mB = 48 mB = 6 kg

34. (FUVEST) Considere o esquema representado na figura abaixo. As roldanas e a corda são ideais. O corpo suspenso da roldana móvel tem peso P = 500N.

Resolução:
→ →

a) T

T

T=

P = 250 N 2

P

P

a) Qual o módulo da força vertical (para baixo) que o homem deve exercer sobre a corda para equilibrar o sistema ? b) Para cada 1 metro de corda que o homem puxa, de quanto se eleva o corpo suspenso ?

b) O corpo se eleva de metade do valor que o homem puxa; Como ele puxou 1 metro, o corpo subiu 0,5 metro. 50 cm

35. (CESGRANRIO) Em cada uma das figuras seguintes é representada uma partícula com todas as forças que agem sobre ela. Essas forças, constantes, são representadas por vetores; todas têm o mesmo módulo. Em quais situações a partícula pode estar executando um M.R.U.? I II

Resolução: Em I e IV, pois em I não há forças agindo e em IV a resultante pode ser zero.

III

IV

FISCOL0403-R

DINÂMICA
EDUCACIONAL

FÍSICA

11

36. Um automóvel de 1 000kg de massa viaja em um trecho retilíneo e horizontal de uma estrada, com velocidade constante de 54km/h. A resultante de todas as forças que atuam sobre o veículo tem módulo: a) b) c) d) e) 54 000N 15 000N 0,015N nula n.d.a.

Resolução: Não há aceleração. Alternativa D

37. (MACK) Uma pessoa, no interior de um elevador que sobe com movimento acelerado, exerce no piso uma força de módulo: a) maior que o do seu peso, somente quando a aceleração é maior que a da gravidade. b) zero, quando a aceleração é a da gravidade. c) igual ao do seu peso. d) maior que o do seu peso. e) menor que o do seu peso. 38. A figura abaixo representa o arranjo de Atwood. A força que traciona o fio, em N, vale: a) b) c) d) e) 20 50 80 50/3 80/3

Resolução: O contato entre o chão e a pessoa aumenta. A normal fica maior que o peso e a pessoa entra em movimento acelerado. Alternativa D

Resolução:
T
→ →

g

Rm1 = 2 kg |m = 4 kg S 2 |g = 10 m / s2 | T

T

γ

m1

γ

m2

P1

P2

m1

T − P1 = m1 . γ P 2 − T = m2 . γ

 T − 20 = 2γ   40 − T = 4γ 20 = 6γ γ= 10 m/s2 3

m2

∴ T = m . γ + P1 = 2 . Alternativa E

80 10 + 20 = N 3 3

39. (UnB) A figura (1) representa um corpo suspenso por um fio. A figura (2) representa as forças atuantes sobre cada parte do sistema da figura (1). Pela 3a Lei de Newton, podemos afirmar que: a) D e P formam um par ação e reação. b) P e B formam um par ação e reação. c) A e C formam um par ação e reação. d) B e C formam um par ação e reação. e) A e B formam um par ação e reação. A B C D P
figura 1

Resolução: O teto puxa o fio, logo o fio puxa o teto. Alternativa E

P
figura 2

FISCOL0403-R

12

FÍSICA

DINÂMICA
EDUCACIONAL

40. (UNIP) Considere uma pedra arremessada para cima a partir da superfície terrestre. Enquanto a pedra estiver subindo, podemos afirmar que: a) a Terra atrai a pedra e a pedra repele a Terra, com forças de mesma intensidade. b) a Terra repele a pedra e a pedra atrai a Terra, com forças de mesma intensidade. c) a Terra atrai a pedra e a pedra atrai a Terra, porém a atração da Terra é muitíssimo mais intensa. d) a Terra e a pedra se repelem mutuamente, com forças de mesma intensidade. e) a Terra e a pedra se atraem mutuamente, com forças de mesma intensidade.

Resolução: O peso é uma força de campo. Pela 3a Lei de Newton, se a Terra atrai a pedra, esta reage e atrai a Terra. Alternativa E

41. (FCC) Um corpo P, parado, pesa 10N. Quando esse corpo cai de 10m de altura e está em queda livre, ele: a) b) c) d) e) não exerce ação sobre a Terra. atrai a Terra com força de módulo maior que 10N. atrai a Terra com força de 10N. atrai a Terra com força constante menor que 10N. atrai a Terra com força menor que 10N, porém crescente linearmente com a velocidade.

Resolução: Ação e reação. Alternativa C

42. (PUC) No esquema, P1 = P2 = 10N. A tensão na corda, supondo g = 10m/s2, vale: a) b) c) d) e) 100N 10N 20N zero 200N

Resolução: Para que os blocos fiquem em equilíbrio, a tração no fio deve ser igual ao peso. Alternativa B

P1

P2

43. (AMAN) Na figura abaixo, não havendo atrito, se B pesa 10 N, o valor do peso de A para que o sistema esteja em equilíbrio é: a) b) c) d) e) 10 N 17,32 N 20 N 22,5 N 35 N

Resolução: Px = T = PB P sen 30º = 10 Alternativa C ⇒ P = 20 N

N T Px
30º

30º

P

A 30º

B

FISCOL0403-R

DINÂMICA
EDUCACIONAL

FÍSICA

13

44. (UNISA) Dois corpos A e B, de massas 2,0kg e 3,0kg, estão ligados por um fio inextensível e sem peso, que passa por uma polia sem atrito, como mostra a figura abaixo. A aceleração em m/s2 dos corpos é de: (Adote g = 10m/s2) a) b) c) d) e) 1,0 2,0 3,0 5,0 n.d.a. A B

Resolução:
T
→ →

T

γ

A

B

γ

PA

PB

T − PA = mA . γ  T − 20 = 2γ   30 − T = 3γ 10 = 5γ Alternativa B ⇒

PB − T = mB . γ

γ = 2 m/s2

45. (Medicina Taubaté) A relação entre as massas m 1 e m 2 para o sistema abaixo esquematizado estar em equilíbrio é: a) m 1 = m 2 b) m 1 = 2 m 2 c) m 2 = 2 m 2 d) m 1 = m 2 e) m 1 = m 2
m1 m2
2

Resolução: A polia móvel divide o peso por dois ⇒ m1 = 2 . m2 Alternativa B

46. (CESGRANRIO) A figura representa esquematicamente uma composição ferroviária com uma locomotiva e três vagões idênticos, movendo-se com → aceleração constante a. Sejam F 1 , F 2 e F 3 os módulos das forças exercidas por cada uma das barras de acoplamento (1), (2) e (3), respectivamente, sobre os vagões. Se as forças de atrito exercidas sobre os vagões forem desprezíveis, podemos afirmar que: a)
1 1 F = F = F3 3 1 2 2 1 1 F = F 2 2 3 3
a

Resolução: Sendo m a massa de cada região: F3 acelera uma massa m F2 acelera uma massa 2m F1 acelera uma massa 3m ∴ F3 = F2 F = 1 2 3       

a=

F2 F3 F 1 = = 2m 3m m

b) F 1 =

Alternativa A (3) (2) (1)

c) F 1 = F 2 = F 3 d) F 1 = 2F 2 = 3F 3 e) 3F 1 = 2F 2 = F 3

FISCOL0403-R

14

FÍSICA

DINÂMICA
EDUCACIONAL

47. Considere o sistema representado na figura, onde os fios e as polias são ideais. A aceleração da gravidade tem módulo 10 m/s2 e as massas de A e B são respectivamente iguais a 3,0 kg e 2,0 kg. Sendo aA e aB os módulos das acelerações dos blocos A e B, determine:

Resolução: aA aB = 4

a)

A

b) aA = 8 m/s2 aB = 2 m/s2 c) T = 6 N
B

a) a relação entre aA e aB; b) os valores de aA e aB; c) o módulo da tração no fio ligadoao bloco A.

Aguarde resolução completa

48. (UE-CE) As massas m1 e m2 estão ligadas por um fio flexível e inextensível, apoiado sobre uma polia ideal. Inicialmente, m1, é mantida sobre a mesa. Considere g = 10 m/s2. A razão da intensidade da força de tração no fio (T1), enquanto m1 é mantida sobre a mesa, para a intensidade da força de tração no fio (T1), enquanto m1 é mantida sobvre a mesa, para a intensidade da forçade tração no fio (T2), após m1 ser liberada, é: a) b) c) d) 1/2 1 2 3

Resolução:

Aguarde resolução completa
Alternativa C

m2 = 3 kg m1 = 1 kg

49. A inércia é uma propriedade associada a um corpo, segundo a qual o corpo: a) b) c) d) estando a acelerar, tende a manter a sua aceleração; estando suspenso, tende a cair para a Terra; estando a mover-se livremente, acaba por parar; estando a mover-se livremente, tende a manter sua velocidade vetorial; e) estando em órbita, tende a se manter em órbita. 50. (UNESP) As estatísticas indicam que o uso do cinto de segurança deve ser obrigatório para prevenir lesões mais graves em motoristas e passageiros no caso de acidentes. Fisicamente, a função do cinto está relacionada a: a) b) c) d) e) Primeira Lei de Newton; Lei de Snell; Lei de Ampère; Lei de ohm; Primeira Lei de Kepler.

Resolução:

Aguarde resolução completa
Alternativa D

Resolução:

Aguarde resolução completa
Alternativa A

FISCOL0403-R

DINÂMICA
EDUCACIONAL

FÍSICA

15

51. (UNICAMP) Um carrode massa 8,0 . 102 kg, andando a 108 km/h, freia uniformemente e pára em 5,0 s. a) Qual o módulo da aceleração do carro, durante a freada? b) Qual a intensidade da força resultante no carro, durante a freada? 52. Considere a figura abaixo:
B

Resolução: a) a = 6 m/s2 b) FR = 4,8 KN

Aguarde resolução completa
Resolução:

Aguarde resolução completa
Alternativa B
C g

A θ

As massas de A, B e C são, respectivamente, iguais a 15 kg, 20 kg e 5,0 kg. Desprezando os atritos, a aceleração do conjunto, quando abandonadoa si próprio, tem intensidade igual a:
Dados: g = 10 m/2 sen θ = 0,80 cos θ = 0,60

a) b) c) d) e)

0,25 m/s2 1,75 m/s2 2,50 m/s2 4,25 m/s2 5,0 m/s2

53. (FATEC) Uma força F paralela ao plano inclinado de ângulo q com a horizontal é aplicada aocorpo de massa 10 kg, para que ele suba o plano com aceleração de módulo igual a 2,0 m/s2 e dirigida para cima. Considerando-se desprezível o atrito, adotando-se para g o valor de 10m/s2, cos θ = 0,60 → e sen θ = 0,80, o módulo de F vale:

Resolução:

Aguarde resolução completa
Alternativa B

F

a) b) c) d) e)

120 N 100 N 80 N 60 N 20 N

θ

54. (MED. VIÇOSA) Um bloco de 3,0 kg é abandonado com velocidade inicial v0 = 0 sobre um plano inclinado de 37º com a horizontal, como mostra a figura abaixo. O coeficiente de atrito entre o bloco e o plano inclinado é 0,50. Despreze o atrito com o ar.
Dados: sen 37º = cos 53º = 0,60 cos 37º = sen 53º = 0,80 g = 10 m/s2

Resolução: a) a = 2 m/s2 b) ∆S = 4 m

Aguarde resolução completa

37º

a) Determine a intensidade da aceleração adquirida pelo bloco; b) Calcule a distância percorrida pelo bloco após decorrido um tempo de 2,0 s.
FISCOL0403-R

16

FÍSICA

DINÂMICA
EDUCACIONAL

55. (FEI) Na figura abaixo, o bloco A tem massa mA = 5,0 kg e o bloco B tem massa mB = 20 kg. Não há atrito entre os blocos → e os planos, nem na polia; o fio é inextensível. A força F tem módulo F = 40 N e adota-se g = 10 m . s–2.

Resolução: a) a = 2,4 m/s2 b) T = 52 N

F

A B 30º

Aguarde resolução completa

a) Qual o valor da aceleração do bloco B? b) Qual a intensidade da força tensora no fio? 56. (PUC) Uma força de 10N é aplicada separadamente a dois corpos cujas massas são m1 e m2, respectivamente, produzindo neles acelerações de 4m/s2 e 20m/s2. Se os corpos em questão fossem unidos, qual seria o valor da aceleração do sistema sob a ação da mesma força ?
Resolução: F = m . γ m1 = m2 = 10 = 2,5 kg 4 10 = 0,5 kg 20 ⇒ γ= 10 F = 2,5 + 0,5 ⇒ γ = 3,33 m/s2 m

57. (UF-MG) Na figura, considere os atritos e as massas dos fios e roldanas desprezíveis. As massas A, B, e C são, respectivamente: 10,0kg, 4,0kg e 2,0kg. A aceleração da gravidade pode ser considerada 10m/s2. a) Determine a aceleração de cada bloco. b) Determine as forças que cada fio exerce em cada bloco.
B

Resolução: a e b)

γ

→ → →

T1

T2

A

γ

T1

B

T2

γ

C

PA

PC

PA − T1 = mA . γ
A C

T1 − T2 = mB . γ

T2 − PC = mC . γ

 100 − T1 = 10γ   T1 − T2 = 4γ  T − 20 = 2γ  2 80 = 16γ ⇒ γ = 5 m/s2 ∴ T1 = 100 − 10γ = 50 N e T2 = 2γ + 20 = 30 N

58. No sistema abaixo, o corpo 1 de massa 6kg está preso na posição A . O corpo 2 tem massa de 4kg. Despreze os atritos e adote g = 10m/s2. Abandonando o corpo 1, a sua velocidade ao passar pela posição B será de:
1 1,0m A B 2 0,5m

Resolução: T = 6γ γ 40 − T = 4γ γ 40 = 10γ ⇒ γ

γ = 4 m/s2

m1 será acelerado durante uma distância de 0,5m. V2 = V02 + 2 . a . ∆S Alternativa C ⇒ V= 2 . 4 . 0,5 = 2 m/s

a) b) c) d) e)

0,5m/s 1m/s 2m/s 8 m/s 4m/s

FISCOL0403-R

DINÂMICA
EDUCACIONAL

FÍSICA

17

59. (FATEC) Um corpo de 3,0kg de massa está dependurado em um dinamômetro preso ao teto de um elevador. Uma pessoa no interior desse elevador observa a indicação fornecida pelo dinamômetro: 39N. Sendo a intensidade da aceleração local da gravidade de 10m/s2, podemos concluir que: a) o elevador pode estar em repouso. b) o elevador pode estar subindo com aceleração de 3,0m/s2. c) o elevador pode estar em movimento uniforme para cima. d) o elevador pode estar descendo com aceleração de 2,0m/s2. e) o elevador pode estar em movimento uniforme para baixo.

Resolução:

T = 39 N

T − P = m . γ γ = 9 = 3 m/s2 3

P = 30 N

(p/ cima)

Alternativa B

60. (PUC) Um corpo de 100kg de massa é elevado, a partir do repouso no solo, até uma altura de 10m, em 2s. Considere a aceleração da gravidade igual a 10m/s2, o fio inextensível e de massa desprezível e a roldana sem massa ou atrito. → Determine a intensidade da força motora F.

Resolução: ∆S 10 = 5 m/s = ∆t 2 V + V0 2 V =5 2

Vm =

mas Vm =

V = 10 m/s

γ=

∆V 10 = = 5 m/s2 ∆t 2
F

F−P=m.γ F = m (g + γ)

10m

F = 100 (10 + 5) = 1500 N

P

FISCOL0403-R

18

FÍSICA

DINÂMICA
EDUCACIONAL

61. Na figura abaixo, a roldana R tem massa desprezível e não há atrito entre ela e o fio. O corpo A possui massa 5,0kg. Sabe-se que o corpo B desce com movimento acelerado e aceleração de módulo 1,0m/s2. Adote g = 10m/s2 e calcule:

Resolução: a e b)

T A

T

γ

γ

B

PA

PB

R

T − PA = mA . γ

PB − T = mB . γ T = 55 N

B A

 T − 50 = 5 . 1   mB . 10 − T = mB . 1
10mB − 50 = 5 + mB 9mB = 55 mB = 6,1 kg

a) a massa de B. b) a intensidade da força que traciona o fio.

62. (AMAN) Na figura abaixo, as massas dos corpos A, B e C são respectivamente 2kg, 3kg e 5kg. A aceleração do sistema será: a) b) c) d) e) 1m/s2 2m/s2 3 3 m/s2 3,5m/s2 4 3 m/s2

Resolução:
NC NB bloco C

T1 T1 30º

T2 bloco B PB

B C 30º A

30º

PC

Px

C − T1 = mC . γ

T1 + Px B − T2 = mB . γ

T2 A

PA

T2 − PA = mA . γ  PC . sen 30º − T1 = 5γ   T1 + PB . sen 30º − T2 = 3γ   T2 − PA = 2γ 50 . γ= 1 1 + 30 . − 20 = 10γ 2 2 20 = 2 m/s2 10 ⇒ 10γ = 25 + 15 − 20

Alternativa B

FISCOL0403-R

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful