Você está na página 1de 19
ESTERILIZADOR BAUMER HI VAC PLUS Registro ANVISA n°: 10345500043 M A N U A L D
ESTERILIZADOR BAUMER HI VAC PLUS Registro ANVISA n°: 10345500043 M A N U A L D

ESTERILIZADOR BAUMER

HI VAC PLUS

Registro ANVISA n°: 10345500043

M

A

N

U

A

L

D

E

M

A

N

U

T

E

N

Ç

Ã

O

Código:

Modelo:

Fabricado em:

Num. Série:

Software Versão:

BAUMER - Compromisso com a saúde

Responsável Técnico: Eng. Sérgio Yukio Koseki CREA-SP: 0601577094 - Cart.: 157709/D - Início da Respons. Técnica: 31/01/1994 Fabricado e Distribuído por Baumer S.A. Divisão STIC - Esterilização e Controle de Infecção Av. Pref. Antonio Tavares Leite, 181 - Parque da Empresa - Caixa Postal 1081 13.803-330 - Mogi Mirim - SP - Indústria Brasileira E-mail: baumer@baumer.com.br - www.baumer.com.br

Vendas: 11 3670 0000 - SAT 19 3805 7698

versão: 2004/10

De acordo com a política de contínuo desenvolvimento de seus produtos, a Baumer S.A. reserva-se o

De acordo com a política de contínuo desenvolvimento de seus produtos, a Baumer S.A. reserva-se o direito de efetuar, sem notificação prévia, modificações no equipamento que este documento descreve. A Baumer S.A. não aceita responsabilidade por eventuais perdas ou prejuízos decorrentes de erros ou omissões deste documento. As especificações apresentadas não podem ser entendidas como um contrato. O manual do usuário é considerado parte do equipamento. Deve ser mantido com o equipamento e consultado antes da operação. Em caso de perda ou dano do mesmo, solicite uma cópia a GPV - Gestão Pós-Venda. A leitura deste manual é um pré-requisito para o uso apropriado e a operação correta deste produto. Somente acessórios que são especificados neste manual e que foram testados com o equipamento, podem ser usados. A Baumer S.A. não se responsabiliza pelas conseqüências de negligências não reportadas neste manual. As figuras deste manual podem representar detalhes ou particularidades diferentes dos componentes instalados no equipamento. Desenhos e dados técnicos estão sujeitos a variações sem notificação prévia ao cliente. Todos os direitos reservados. Nenhuma parte desta publicação pode ser reproduzida, armazenada em sistema de recuperação de informações, nem transmitida sob nenhuma forma ou por nenhum meio, seja eletrônico, mecânico, fotocópia, gravação ou de outro modo, sem a autorização prévia Baumer S.A. Estas informações destinam-se somente para o uso com este produto. A Baumer S.A. não assume nenhuma responsabilidade pelo uso destas informações, se aplicadas a outros produtos.

INFORMAÇÃO SOBRE A RESPONSABILIDADE DO PRODUTO:

A Baumer S.A. considera-se responsável pelas conseqüências de segurança, de confiabilidade e desempenho do produto se:

• A instalação, as modificações ou os reparos forem executados somente pela Baumer S.A., ou por um agente autorizado. • A instalação elétrica estiver de acordo com este manual. • O equipamento for usado de acordo com este manual.

INTRODUÇÃO:

A AUTOCLAVE HI VAC PLUS que você acaba de receber, foi projetado para atender suas necessidades de modo eficiente e seguro por longos anos. Neste manual você encontrará todas as recomendações necessárias para operar corretamente seu equipamento.

Recomendamos a leitura atenta destas instruções.

Caso sua empresa decida por utilizar pessoal especializado para desembalar e instalar este equipamento, a Baumer S.A., através de sua rede de Agentes e Filiais, ou de sua Divisão de GPV - Gestão Pós-Venda poderá oferecer a instalação e assistência técnica necessária, com suporte técnico suficiente para orientar ou executar estas tarefas. Todas as Filiais e Agentes possuem vários planos para Contratos de Manutenção Preventiva (CMP), com os quais você terá, além da vida útil de seu produto prolongada, maior tranquilidade e a certeza de um perfeito funcionamento a baixo custo. A Baumer S.A. se coloca à disposição de seus clientes para maiores esclarecimentos e espera que você possa desfrutar do uso de seu produto por muitos anos.

Consulte-nos.

Índice Seção Tópico ........................................................Pág 1 Garantia ..........................................................4 2 Manutenção Preventiva ................................5 3 Solucionando Problemas 10 4

Índice

Seção

Tópico ........................................................Pág

  • 1 Garantia ..........................................................4

  • 2 Manutenção Preventiva ................................5

  • 3 Solucionando Problemas

10

  • 4 Peças e Reposições

14

  • 5 Módulo de

16

  • 6 Precauções e Advertências

........................

18

  • 7 Procedimento de Estocagem

19

  • 8 GPV - Gestão Pós-Venda

19

1. Garantia Agradecemos pela sua escolha e confiança. Abaixo informações importantes sobre a garantia de seu

1. Garantia

Agradecemos pela sua escolha e confiança. Abaixo informações importantes sobre a garantia de seu produto. Recomendamos sua leitura atentamente. A garantia geral para o equipamento da Baumer S/A identificado no RET - (folha de

rosto) é de 13 (Treze*) meses (12+1), salvo material elétrico/eletrônico que é de 06 (seis meses), contados a partir da data da emissão da nota fiscal e condicionado ao retorno da RET (Relatório de Entrega Técnica) devidamente preenchido, bem como dos serviços de instalação (consulte em seu manual as “Condições e metodologias de instalação”) executados pelo agente autorizado local ou pela equipe da Gestão Pós-Venda da Baumer S.A. (mediante contratação). Havendo cláusulas especiais de garantia previamente contratadas, serão registradas em contrato de fornecimento. A correta observação das condições de instalação, constantes no Manual de Instalação; e a execução das rotinas de manutenção preventiva, citadas no Manual de Manutenção, são condições básicas para a validade da garantia. A não observância de quaisquer condições indicadas anulará automaticamente o presente termo. Dentro do prazo da Garantia o Comprador estará isento do pagamento de eventual mão-de-obra de assistência técnica e substituição de peças defeituosas, salvo se, comprovadamente, o dano ou problema tiver sido causado pelo Comprador ou seus prepostos, em especial quanto à intervenção desautorizada no(s) equipamento(s), falta de manutenção preventiva, uso indevido ou utilização de

peça ou componente não recomendado pela Baumer S.A

Nestes casos, a

.. garantia estará revogada e o Comprador arcará com todos os custos, incluindo peças, deslocamento e intervenção do técnico. O prazo de garantia para material elétrico/eletrônico é de 06 (seis) meses, excluindo- se componentes de aquecimento, lâmpadas e outros de desgaste normal. Não estão coberto danos causados por falhas no suprimento de água, de energia elétrica (interrupção, sub ou sobre tensão, transientes) ou de deficiência no aterramento. Se, por responsabilidade do Comprador, a montagem do(s) equipamento(s) for (em) realizada (s) após o vencimento do prazo de garantia, as peças e/ou componentes que eventualmente estejam defeituosos, bem como as horas técnicas necessárias para tal, serão faturados em separado ao Comprador, mediante apresentação de orçamento. Nesse caso, solicite avaliação prévia do agente da Baumer S.A .. Modificações, acréscimos ou reparos efetuados por pessoas não autorizadas pela Baumer S.A., cancelam de imediato as garantias previstas neste Termo.

Não fazem parte da Garantia:

  • 1. Componentes externos ao equipamento.

  • 2. Materiais de limpeza, conservação e de desgaste normal pelo uso.

  • 3. Mão-de-obra de manutenção preventiva.

  • 4. Ensaios de qualificação , e de validação de processos.

  • 5. Aferição e calibração periódicas dos instrumentos de medição e controle.

  • 6. Atualização de software do controlador (quando for o caso), salvo nos casos onde falhas comprovadas de programa prejudiquem as condições de operação e segurança.

  • 7. Despesas de viagem, estadia do técnico, fretes, embalagens e seguro (passíveis, contudo, de negociação junto ao nosso Representante Legal).

  • 8. Custas com terceirização de processos em função de manutenções corretivas e preventivas.

1. Garantia Toda peça e ou componente substituído em garantia deve ser devolvido formalmente ao Fornecedor,

B

1. Garantia

Toda peça e ou componente substituído em garantia deve ser devolvido formalmente ao Fornecedor, sob pena de cobrança posterior. Nossos autorizados técnicos, bem como o departamento central de Gestão Pós- Venda estará a disposição para procedimentos de manutenção e outros serviços como: reposição, instalação, validação, etc ao equipamento fora do período de garantia. Consulte-nos.

(*) Importante - O equipamento da Baumer S.A. não será considerado “Entregue Tecnicamente”, por um período de 30 (trinta) dias após seu START já que receberá acompanhamento periódico de performance e ajuste do processo. Acompanhamento este, que será realizado pelo autorizado da Baumer S.A. e ou equipe da Gestão Pós-Venda.

2. Manutenção Preventiva

O procedimento de manutenção de qualquer equipamento é de vital importância para garantir a qualidade do processo e a longevidade do produto e deve ser encarnado pela instituição como um fator econômico, assim como a aquisição e uso do equipamento.

Conceito de Manutenção

São todas as ações necessárias para manter um equipamento ou sistema em operação ou para restituí-lo ao funcionamento.

Manutenção inclui conservação , reparo, modificação, revisão, inspeção e determinação da eficiência do trabalho.

Atenção: Para efetuar a manutenção aguarde o resfriamento do equipamento para evitar queimaduras

Nos equipamentos da Baumer S.A., pelo menos duas modalidades de manutenção devem ser previstas: a manutenção corretiva e preventiva.

Manutenção Corretiva

É a execução de tarefas de manutenção não planejadas para restaurar a capacidade de funcionamento de um equipamento ou sistema danificado ou que funciona mal.

Economicamente a manutenção corretiva pode equivaler à perda de recurso não planejado dada a sua natureza aleatória.

Um bom programa de manutenção preventiva deve comtemplar todas as atividades necessárias para manter o equipamento em plena operação pelo intervalo de tempo programado entre as intevenções.

A Manutenção Preventiva consistirá não só na limpeza e inspeção, mas também na troca programada de peças que tenham seu tempo de vida útil estimado, evitando- se a sua quebra durante o uso. A troca programada de componentes sujeitos a desgaste mantém o equipamento em operação dentro dos parâmetros adequados de qualidade e performance.

A rede de representantes da Baumer S.A. está apta no sentido de oferecer programas exclusivos de manutenção preventiva aos nossos clientes em condições especiais, mesmo durante o período de garantia do produto.

2. Manutenção Preventiva Atenção Imprescindível Os procedimentos de manutenção preventiva não estão contemplados na garantia e,

2. Manutenção Preventiva

Atenção

Imprescindível

Os procedimentos de manutenção preventiva não estão contemplados na garantia e, inclusive, a não observância destes poderá anular a garantia do produto.

NOTA: De acordo com as regulamentações da ANVISA, o teste biológico deve ser utilizado ao término de todas as manutenções preventivas e corretivas.

Durante os procedimentos de manutenção, testes de esforço e ou exames de funcionamento por técnicos credenciados, a área ao redor do equipamento deve estar isolada, sem a presença de usuários. Somente o técnico responsável deve estar na área limitada. A demonstração dos trabalhos executados e a liberação do isolamento se dará, após a conclusão dos procedimentos. A manutenção preventiva periódica é imprescíndivel para manter o equipamento em condições adequadas de funcionamento e a não observância destes procedimentos implicam na anulação da garantia pelo fabricante.

 

Diariamente

Ao final do dia realizar a drenagem da água do gerador de vapor, caso exista. Certifique-se no dia seguinte de que esta válvula esteja realmente fechada antes de iniciar os trabalhos.

Abra a válvula de drenagem do gerador de vapor ao final do dia de trabalho, para esgotamento de água. Feche-a ao término da descarga para reinício do ciclo no período seguinte.

Lubrifique a(s) guarnição(ões) utilizando o lubrificante especial para guarnições SealLub, no primeiro ciclo do dia com a máquina fria, aplicando o lubrificante por toda a extensão da canaleta.

Executar a limpeza das partes externas do equipamento com pano limpo e umedecido caso seja necessária a remoção de sujidade, utilize uma pequena quantidade de sabão ou detergente neutro.

Semanalmente

• Realizar a limpeza das superfícies internas da câmara de esterilização, estando fria e não utilizando-se de ferramentas cortantes ou palha de aço. Se a câmara apresentar material incrustado, proceda a limpeza com ACTS ® (Código Baumer

ER-501).

Remover a grelha do dreno limpando fiapos ou qualquer outro tipo de material que possa causar obstrução ou entupimento.

• Lubrificar a guarnição de silicone de vedação das portas. • Examinar as indicações dos instrumentos do painel do esterilizador. • Examinar o elemento do filtro de água e limpar se necessário.

 

Mensalmente

Nos dois primeiros meses reapertar os contatos dos contatores da bomba de vácuo e das resistências do gerador.

2. Manutenção Preventiva • Examinar a válvula de segurança quanto à eventuais vazamentos. Acionar uma ou

2. Manutenção Preventiva

• Examinar a válvula de segurança quanto à eventuais vazamentos. Acionar uma ou duas vezes a haste promovendo escape de vapor sob pressão para verificar o não colamento da guarnição em sua sede.

Examinar toda a tubulação de água e vapor observando a presença de eventuais vazamentos.

A partir do terceiro mês, realizar o reaperto dos contatos dos contatores mensalmente.

• Realizar a limpeza das resistências do gerador de vapor, utilizando uma escova de aço. Através das verificações semanais pode ser detectada a necessidade desta limpeza a intervalos de tempos menores.

Quando o suprimento de água tiver alto teor de cálcario (água dura), e esta não for tratada, deve-se lavar a bomba mensalmente.

• Reapertar todas as conexões elétricas do painel de controle e conexões das válvulas. • Verificar as condições das guarnições da porta.

Trimestralmente

• Limpar a câmara do gerador de vapor com produto desincrustante. Após pelo menos três enxágües com água limpa a câmara estará pronta para uso novamente.

• Substituir o filtro de entrada de ar, localizado na lateral esquerda do equipamento, posição inferior à direita. Para esta operação não é necessário o uso de qualquer ferramenta. Soltar e apertar com a mão (Trimestralmente ou a cada 300 ciclos).

• Verificar o ajuste das portas. • Efetuar limpeza da impressora e trocar a fita. Trocar o assento das válvulas pneumáticas.

Substutuir o elemento do filtro de água. Atráves das verificações semanais pode ser detectada a necessidade desta substituação à intervalos de tempo menores.

Anualmente Trocar as guarnições do grupo gerador.

Efetuar a aferição e calibração dos instrumentos de medição e controle (temperatura e pressão).

Efetuar a re-avaliação do processo para assegurar a repetibilidade de equipamento.

NOTA: Anualmente recomenda-se que o processo de revalidação seja executado em todas as suas fases, como a verificação das condições de comissionamento, análise de distribuição térmica da autoclave (qualificação térmica), estudo de penetração de carga (validação) e treinamento dos operadores. Tais procedimentos, além de assegurarem a longevidade do produto garantem aos responsáveis pelo processo a total segurança e qualidade dos procedimentos adotados, com evidências documentadas da sistemática.

Atenção

2. Manutenção Preventiva Outras Recomendações Trocar a válvula de segurança por uma nova a cada dois

2. Manutenção Preventiva

Outras Recomendações Trocar a válvula de segurança por uma nova a cada dois anos.

Trocar o assento das válvulas pneumáticas anualmente.

Efetuar o ensaio hidrostático da câmara a cada cinco anos.

Lubrificação da guarnição de vedação da porta

• A vida útil de uma guarnição é diretamente proporcional à intensidade de uso do esterilizador (número de horas em funcionamento, número de ciclos por dia e cuidados de lubrificação).

Atenção

Nunca utilize vaselina líquida como lubrificante. A eficiência de lubrificação é baixa pois tal lubrificante é removido facilmente pelo calor e compromete a estabilidade da guarnição.

• Recomendamos a utilizacão de spray de silicone especialmente desenvolvida para a Baumer S.A. comercializada em frascos de 250 ml cód. 55471, utilizando um pequeno pincel ou as próprias mãos. • Lubrificar semanalmente. • Lubrificar as bordas da canaleta em toda a sua extensão e não o fundo. • Ao remover a guarnição para limpeza, nunca utilize ferramentas cortantes ou pontiagudas, como chave de fenda, faca, garfo ou outro qualquer. Utilize espátula especial de ponta curva código 86428. • Nunca remova uma guarnição quente, ela poderá romper na emenda. • Ao colocar uma guarnição nova na autoclave, coloque a emenda na parte superior central, encaixando primeiramente as porções retas verticais e horizontais e pos- teriormente os cantos.

Limpeza da câmara do gerador • Utilize um produto desincrustante. • Desligue a alimentação das resistências. Retire a flange da bóia. Derrame a solução na câmara. Monte novamente a flange. Deixe a solução pelo tempo estipulado pelo fabricante. Realize a drenagem do gerador. Ligue o gerador para entrada de água limpa. Realize nova drenagem.

• Repita os dois útlimos passos por três vezes.

Limpeza da superfície da câmara

• Se a câmara apresentar material incrustado borrife na superfície da mesma com o desincrustante ACTS ® ER-501. A temperatura da câmara deve ser baixa o suficiente para permitir o contato das mãos do operador.

2. Manutenção Preventiva • Aguarde 15 a 20 minutos e esfregue a câmara com escova não

2. Manutenção Preventiva

• Aguarde 15 a 20 minutos e esfregue a câmara com escova não metálica (ideal escova com cerdas de nylon). Remova o produto por enxagüe e/ou pano úmido. Cuidado para não deixar felpas sobre a superfície.

O uso freqüente do ACTS ® é recomendado para superfícies com excesso de material incrustado.

Os parâmetros de manutenção podem ter a sua periodicidade alterada em função qualidade dos suprimentos e frequência de utilização do equipamento.

Para trocar a bobina de papel:

Atenção

  • 1. Abra a tampa da impressora e coloque a bobina na posição indicada.

  • 2. Coloque a ponta do papel na fenda do mecanismo de impressão.

  • 3. Pressione a tecla "FEED" até o papel ultrapassar alguns centímetros o mecanismo de impressão.

  • 4. Posicione a bobina no lugar e passe a ponta do papel pela fenda da tampa, fechando-a em seguida.

Para trocar o cartucho de impressão:

  • 1. Abra a tampa da impressora e remova o cartucho da fita velha, pressionando-a para baixo.

  • 2. Insira o novo cartucho posicionando-o corretamente.

  • 3. Empurre cuidadosamente o novo cartucho, girando o botão existente para o perfeito encaixe na fenda do mecanismo de impressão.

Bobina - 88216 / Cartucho - 87917

Não imprima quando a impressora estiver sem a bobina de papel e/ou sem o cartucho da fita pois isto provoca a rápida deterioração das agulhas de impressão.

Não coloque objetos dentro da impressora, e não tracione manualmente a bobina de impressão com a impressora ligada. Evite choque e pancadas.

Atenção

3. Solucionando Problemas Problema Causas Medidas Corretiva s • Display do comando se apaga • Disjuntor

3. Solucionando Problemas

Problema

Causas

Medidas Corretivas

• Display do comando se apaga

• Disjuntor do comando desarmado • Conector entre interface e coman- do solto

Rearmar disjuntor Reapertar conector

Problema

Causas

Medidas Corretivas

• Movimento de abertura e fecha- mento de portas realizado com dificuldade

• Falta lubrificação na guarnição de vedação

• Regulador de fluxo obstruído

• Lubrificar a guarnição de vedação

• Reajustar regulador

Problema

Causas

Medidas Corretivas

• Pacotes saem molhados

• Ineficiência da bomba de vácuo

• Checar a bomba de vácuo

Entrada de ar na câmara interna

• Vapor úmido

• Checar a vedação das portas e também válvulas de retenção

• Checar a instalação de abastecmento de vapor direto ou gerador observando o correto funcionamento dos purgadores e separador de umidade.

• Preparação de pacotes ou carga inadequada

• Perfil do ciclo inadequado

• Respeitar o procedimento de pacotes e cargas mencionado

• Checar parâmetro do ciclo

Problema

Causas

Medidas Corretivas

• Pacotes, instrumentos ou utensílios manchados

• Qualidade do vapor / água

• Checar se a qualidade da água • Checar o elemento do filtro de água, substituindo-o se necessário. • Checar a câmara de geração de vapor, caso exista, quanto a quantidade de minerais e partículas em suspensão depositados em suas paredes, fundo e resistências, limpado-os caso necessário. • Verificar qualidade do vapor de linha. Instalar filtro se necessário.

3. Solucionando Problemas Problema Causas Medidas Corretiva s • Não imprime os dados na impressora •

3. Solucionando Problemas

Problema

Causas

Medidas Corretivas

• Não imprime os dados na impressora

• Impressora desabilitada

• Papel enroscado

• Cabo de conexão solto

• Habilitar

• Desenroscar o papel

• Reapertar o cabo

Problema

Causas

Medidas Corretivas

Porta não abre

• Falha na bomba de vácuo

• Guarnição enroscando

• Falha nas válvulas de controle

• Verificar relé térmico, disjuntores e tensão de alimentação

• Lubrificar guarnição

• Contatar a Gestão Pós Vendas

Problema

Causas

Medidas Corretivas

• Telas do display não alternam

• Falha na operação

• Pressionar tecla "0" e em seguida tecla "2"

• Chave

"RUN"/"PROG"

do

controlador na posição "PROG"

• Mudar a chave para posição "RUN"

Problema

Causas

Medidas Corretivas

• Positivando teste

• Vapor úmido

• Tempo de exposição incorreto

• Remoção de ar ineficiente

• Falha na penetração de vapor

• Verificar suprimento de vapor

• Programar tempo adequado

• Verificar programação dos parâmetros de vácuo

• Verificar a preparação do pacote

Problema

Causas

Medidas Corretivas

• Câmara interna não atinge a temperatura selecionada

• Falta pressão de alimentação

• Checar a pressão de entrada no cavalete de vapor • Checar o funcionamento dos componentes do cavalete de vapor • Checar o funcionamento do gerador de vapor

3. Solucionando Problemas Problema Causas Medidas Corretiva s • Câmara interna não atinge a tem- peratura

3. Solucionando Problemas

Problema

Causas

Medidas Corretivas

• Câmara interna não atinge a tem- peratura selecionada

• Válvula agulha bloqueada

• Filtro “Y” do sistema de purga obstruído

• Vazamento de vapor da câma- ra interna

• Vazamento de ar da canaleta para a câmara

• Temperatura câmara externa, falha purgação na câmara externa

• Limpar ou substituir o componente

• Limpar o componente

• Localizar e corrigir

• Verificar filtro e purgador

Problema

Causas

Medidas Corretivas

• Acúmulo de água no fundo ou porta do esterilizador

• Desnivelamento

• Válvula agulha bloqueada

• Filtro “Y” do sistema de purga obstruído

• Dreno obstruído

• Selecionado ciclo de líquidos

• Nivelar

• Limpar ou substituir o componente

• Limpar o componente

• Limpar o dreno

• Situação normal neste ciclo

Problema

Causas

Medidas Corretivas

No final do ciclo o retorno a pressão atmosférica demora além do normal

• Filtro de ar saturado

• Substituir o componente

3. Solucionando Problemas Problema Causas Medidas Corretiva s • Equipamento não realiza vácuo • Relé térmico

3. Solucionando Problemas

Problema

Causas

Medidas Corretivas

• Equipamento não realiza vácuo

• Relé térmico de proteção da bomba desligado

• Falta água de alimentação da bomba

• Câmara pressurizada acima de 0,10 kgf/cm²

• Rearmar. Caso o desarme seja constante, chamar a Gestão Pós-Venda

• Checar a abertura do registro no cavalete de água

• Situação normal do equipamento durante abertura da porta

Problema

Causas

Medidas Corretivas

 

• Disjuntor de proteção desliga- do

• Rearmar, caso o de desarme seja constante chamar a assistência técnica

Problema

Causas

Medidas Corretivas

• Subida de pressão na câmara interna sem disparo do ciclo

• Vazamento de ar comprimido da canaleta para a câmara in- terna

Falha na válvula de vapor da câmara interna

• Limpar ou trocar guarnição

• Acionar manutenção

Problema

Causas

Medidas Corretivas

• Oscilação na leitura de pressão

• Falha no aterramento

• Sensores de temperatura em curto

• Verificar aterramento e contatar manutenção

• Contatar manutenção

Problema

Causas

Medidas Corretivas

• Oscilação na temperatura

• Acúmulo de água no dreno

• Sensor de temperatura solto

• Desobstruir o dreno

• Reapertar o sensor

4. Peças e Reposições 14

4. Peças e Reposições

4. Peças e Reposições 14
4. Peças e Reposições COMPONENTES DE REPOSIÇÃO CÓDIGO BAUMER ITEM Alarme 24 Vcc 88027 1 Bobina

4. Peças e Reposições

COMPONENTES DE REPOSIÇÃO

CÓDIGO BAUMER

ITEM

Alarme 24 Vcc

88027

1

Bobina para Impressora

88216

2

Bomba de Vácuo 1,5 CV

891057

3

Bomba de Vácuo 3,0 CV

891058

4

Bomba de Vácuo 4,0 CV

87214

5

Bomba de Vácuo 5,0 CV

87048

6

Comando Microprocessado ATOS

87953

7

Contator 24 Vcc

55008

8

Elemento Filtrante 3/4"

88067

9

Elemento Filtrante 1"

88077

10

Elemento Filtrante 1 1/2"

88079

11

Filtro "Y" 1/2"

45062

12

Filtro de Ar 1/2"

895521

13

Fita para Impressora

87917

14

Fonte de Alimentação p/ Transdutor

87523

15

Fusível 0,5 A

87756

16

Guarnição B-125/B-255

86345

17

Guarnição B-365

80142

18

Guarnição B-525/B-705/B-875

80289

19

 

107040

20

Guarnição do Contrapeso Lâmpada do Botão 24 Vcc

88359

21

Manômetro

87609

22

Manovacuômetro

87700

23

MicroSwitch do Contra Peso

96313

24

Pressostato 1/4" NA para Ar Comprimido ou Água

88441

25

 

88442

26

Pressostato 1/4" NA para Vapor Purgador 1/2"

45078

27

Reparo Válvula Pneumática 1/2"

88485

28

Reparo Válvula Pneumática 1"

88484

29

Sensor PT-100 Duplo

89532

30

Sensor PT-100 Testemunho

890161

31

Transdutor de Pressão

87191

32

Válvula Agulha 1/2"

891071

33

Válvula de Retenção 1/2"

86154

34

Válvula de Segurança 1/2"

85201

35

Válvula Pneumática 1/2"

87217

36

Válvula Pneumática 1"

88254

37

Válvula Solenóide 1/2" Água

46979

38

Válvula Solenóide 1/4" para Ar

55010

39

Válvula Solenóide 1/8" para Ar NA

88255

40

Válvula Solenóide 1/8" para Ar NF

55009

41

Vedação Bomba de Vácuo 1,5/3,0 CV

84363

42

Vedação Bomba de Vácuo 4 CV

88028

43

Vedação Bomba de Vácuo 5 CV

88298

44

Reparo Válvula de Retenção 1/2"

85891

45

Reparo Válvula de Retenção 1"

86487

46

Mangueira borracha interna 19mm (1m)

101097

47

5. Módulo de Manutenção O equipamento HI-VAC Plus possui duas teclas do seu frontal destinadas aos

5. Módulo de Manutenção

O equipamento HI-VAC Plus possui duas teclas do seu frontal destinadas aos procedimentos de manutenção “ON LINE” pela equipe de manutenção. Essas teclas estão assinaladas com os nomes “MANUT” e “HEX”.

MANUT. HEX
MANUT.
HEX

Ao ser pressionada a tecla “MANUT”, com o ciclo disparado ou não, surge no equipamento a seguinte tela.

INDICAÇÃO DO VISOR:

AUXÍLIO A MANUTENÇÃO REGISTRO XXX OFF
AUXÍLIO A MANUTENÇÃO
REGISTRO XXX OFF

A

partir desta tela é possível ao agente

de

manutenção verificar o status de entradas e

saídas analógicas.

 

A tecla “HEX” destina-se a converter os caracteres numéricos de “1 a 6” nas letras “A a F” respectivamente. Quando a tecla “HEX” está na condição numérica, o led corresponde (anexado à tela) está apagado. Quando a tecla “HEX” está na condição alfabética (letras) o led correspondente estará aceso. Neste caso as teclas 1 a 6 correspondem as letras A a F, respectivamente. Logo com a combinação das teclas “MANUT” e “HEX” é possível ao mantenedor verificar todas as saídas e entradas digitais do equipamento.

Exemplos:

Suponhamos que se deseje saber se a válvula de entrada de vapor na câmara externa está ligada ou desligada.

Para isso, pressione a tecla “MANUT”.

5. Módulo de Manutenção O equipamento HI-VAC Plus possui duas teclas do seu frontal destinadas aos
5. Módulo de Manutenção Surgirá no visor a tela de auxílio a manutenção. INDICAÇÃO DO VISOR:

5. Módulo de Manutenção

Surgirá no visor a tela de auxílio a manutenção.

INDICAÇÃO DO VISOR:

AUXÍLIO A MANUTENÇÃO REGISTRO XXX OFF
AUXÍLIO A MANUTENÇÃO
REGISTRO XXX OFF

Entre então com o código correspondente a saída de vapor na câmara externa. Esse código está descrito no esquema elétrico, conforme tabela:

AUTOCLAVE A VAPOR - PLC ATOS MPC 4004

DESCRIÇÃO DAS ENTRADAS

  • 100 - Micro da Porta Lado de Descarga

  • 101 - Micro da Porta Lado de Carga

  • 102 - Pressostato de Vapor

  • 103 - Pressostato de Ar

  • 104 - Pressostato de Água

  • 105 - Rele Térmico Bomba de Vácuo

  • 106 - Botão Abrir Porta Lado de Descarga

DESCRIÇÃO DAS SAÍDAS

  • 180 - Descarga Rápida

  • 181 - Bomba de Vácuo

  • 182 - Ar Câmara Interna

  • 183 - Vapor Câmara Interna

  • 184 - Abrir Porta Lado de Descarga

  • 185 - Vapor Câmara Externa

  • 186 - Abrir Porta Lado de Carga

  • 187 - Vácuo na Câmara Interna

  • 188 - Ar Canaleta Lado de Descarga

  • 189 - Vácuo Canaleta Lado de Descarga

18A - Ar Canaleta Lado de Carga 18B - Vácuo Canaleta Lado de Carga 18C - Buzzer (Alarme) 18D - Lâmpada Abrir Porta Lado de Descarga

Como podemos observar na tabela o código correspondente à saída de vapor na câmara

interna é o “183”, digite esse valor no registro.

5. Módulo de Manutenção Surgirá no visor a tela de auxílio a manutenção. INDICAÇÃO DO VISOR:

Se a saída estiver ligada a tela mostrará após

o registro o valor “ON”.

INDICAÇÃO DO VISOR:

AUXÍLIO A MANUTENÇÃO REGISTRO 183 ON
AUXÍLIO A MANUTENÇÃO
REGISTRO 183 ON

Se a saída estiver desligada a indicação após o registro será “OFF”.

INDICAÇÃO DO VISOR:

AUXÍLIO A MANUTENÇÃO REGISTRO 183 OFF
AUXÍLIO A MANUTENÇÃO
REGISTRO 183 OFF

Suponhamos agora que se deseje verificar se a valvula de ar na canaleta do lado de carga está energizada ou não. Para isso pressione a tecla “MANUT” e entre com o código da saída correspon- dente (saída 18A).

5. Módulo de Manutenção Surgirá no visor a tela de auxílio a manutenção. INDICAÇÃO DO VISOR:
5. Módulo de Manutenção Para entrar com esse valor no registro será necessário alternar entre caracteres
  • 5. Módulo de Manutenção

Para entrar com esse valor no registro será necessário alternar entre caracteres numéricos e alfabéticos.

A sequência para entrada dos dados é a seguinte:

Tecla “1” – Tecla “8” – Tecla “HEX” – Tecla “1”.

1 8 HEX 1 PACOTE A-ESP PACOTE
1
8
HEX
1
PACOTE
A-ESP
PACOTE

Surgirá na tela a seguinte situação, se a saída correspondente estiver ligada.

Se a saída correspondente estiver desligada o status mostrará a seguinte tela.

INDICAÇÃO DO VISOR:

AUXÍLIO A MANUTENÇÃO REGISTRO 18A ON
AUXÍLIO A MANUTENÇÃO
REGISTRO 18A ON

INDICAÇÃO DO VISOR:

AUXÍLIO A MANUTENÇÃO REGISTRO 18A OFF
AUXÍLIO A MANUTENÇÃO
REGISTRO 18A OFF

Para desativar a tecla “HEX” no modo alfabético, pressione-a novamente de modo que o led correspondente apague. Para sair do modo de manutenção pressione a tecla “MANUT”.

  • 6. Precauções e Advertências

A esterilizadora não deve ser abastecida com cargas inflamáveis e explosivos, bem como outros que não constam nesse manual.

• Para ciclo de líquidos, quando for o caso, os recipientes não devem ser herméticos.

Tanto no abastecimento como na retirada de carga da autoclave, utilizar luvas apropriadas para evitar queimaduras.

• A falha ou ausência de aterramento na autoclave assim como mau dimensionamento da rede elétrica podem comprometer a segurança do operador.

Para efetuar manutenção, desligar o abastecimento de energia elétrica e o abastecimento de vapor quando for o caso, e aguardar o resfriamento do equipamento e só após efetuar manutenção.

7. Procedimentos de Estocagem Estocagem (inatividade) por longos períodos: Geral: • Manter o equipamento embalado e

7. Procedimentos de Estocagem

Estocagem (inatividade) por longos períodos:

Geral:

• Manter o equipamento embalado e protegido de intempéries; cuidado com goteiras; • Evitar umidade e poeira; • Manter embalagem plástica.

Bomba de vácuo:

• Forçar o eixo a girar (na direção da seta) com grifo ou alicate de pressão (retirar tampa do motor); • Lavar o cabeçote com óleo solúvel; • Efetuar teste de funcionamento.

Portas:

• Manter fechada(s) e travada(s) sem guarnição; • A guarnição deve ser guardada fora da máquina, lubrificada e embrulhada em plástico; • Á época do start-up do equipamento, efetuar limpeza e lubrificação da(s) canaleta(s) da(s) porta(s) e reinstalar a guarnição também limpa e lubrificada.

Válvulas solenóide:

• Bobinas: desligar e embrulhar / acondicionar para armazenagem; • Conjunto da sede (êmbolo/ eixo): vedar para evitar entrada e acúmulo de poeira e sujeira.

Comando Eletrônico:

• Na impossibilidade de desconectar, retirar, acondicionar e armazenar fóra da máquina, desconectar, embrulhar com plástico todos os conectores (para proteger de pó) e o próprio corpo do comando antes da re-ligação, verificar se não houve descarregamento (desinstalação) das funções do equipamento no software original instalado.

8. GPV - Gestão Pós-Venda

BAUMER S.A. Av. Prefeito Antonio Tavares Leite, 181 Parque da Empresa Mogi Mirim - SP CEP: 13803-330 Caixa Postal: 1081 Fone/Fax: 19 3805.7699 E-mail: gpv@baumer.com.br