RESUMO – O 1° , 2° e 3° SETOR Podemos conceituar o Primeiro Setor como sendo o Estado, representado pela prefeituras municipais, governos dos

estados e a presidência da república, além das entidades a estes entes ligadas. Em outras palavras, denominamos de Primeiro Setor o "setor público". Em termos financeiros, o Primeiro Setor (Estado) aplica o dinheiro público em ações para a sociedade O Segundo Setor é o mercado constituído pelo conjunto das empresas que exercem atividades privadas, ou sejam, atuam em benefício próprio e particular. O Terceiro Setor é constituído de organizações sem fins lucrativos, atuando nas lacunas deixadas pelos setores públicos e privados, buscando o bem-estar social da população. No caso, o Terceiro Setor não é nem público nem privado. Em termos financeiros, o Primeiro Setor (Estado) aplica o dinheiro público em ações para a sociedade. O Segundo Setor (mercado) investe o dinheiro privado nas suas próprias atividades. Já o Terceiro Setor (ONGs) utiliza o dinheiro privado em atividades públicas. Podemos sintetizar o comportamento dos três setores da seguinte forma: Primeiro Setor - dinheiro público para fins públicos; Segundo Setor - dinheiro privado para fins privados; Terceiro Setor - dinherio privado para fins privados, nada impedindo, que o setor públicos transfira verbas para o terceiro setor, que nos dias atuais, movimenta mais de um bilhão de dólares por ano, o que o coloca na posição de oitava economia mundial, quando comparada ao PIB das nações mais ricas do planeta. Classificamos o 3 setor com as principais atividades citadas abaixo:  Fundações;  Entidades beneficentes;  Fundos comunitários;  Entidades sem fins lucrativos;  Organizações Não Governamentais (ONG's);  Empresas com Responsabilidade Social;  Empresas doadoras;  Elite filantrópica;  Pessoas físicas;  Imprensa;  Empresas Juniores Sociais.
O TERCEIRO S ET O R

O terceiro setor é relativamente nova, surgiu no Brasil há aproximadamente três décadas e é utilizada para definir um setor que se situa entre o público e o privado. Geralmente o termo terceiro setor é utilizado para identificar que o espaço dessas organizações na vida econômica não se confunde nem com o Estado nem com o mercado, trata-se de um setor que identifica-se com uma terceira forma de redistribuição de riqueza, diferente da do Estado e da do mercado.

2. meios. Produzir cursos e disseminar informações sobre o que é o terceiro setor e como agir profissionalmente no mesmo. do desemprego e permitir mobilizar recursos. As ações do terceiro setor partem da sociedade civil e obedecem à lógica do altruísmo. no crescimento do narcotráfico. inclusive porque as ONGs são financiadas. contenham qualidade na sua gestão. 1985). doadores e beneficiados de entidades beneficentes. O terceiro setor é uma mistura de princípios públicos e privados e. É o espaço do exercício da democracia que valoriza a co-responsabilidade dos cidadãos nos diferentes setores dos quais eles participam. das concepções morais e religiosas etc. pois o mesmo necessita da representação política que a autoridade legal pode lhe fornecer e. que exige um contínuo aprendizado. O cenário das Organizações sociais nos dias atuais é investir na qualificação e no desenvolvimento das suas próprias informações. o terceiro setor deve imprimir uma crescente aprendizagem da sociedade como um todo no que se refere à sua área de atuação e para tanto deve enfrentar e responder alguns desafios fundamentais para o seu fortalecimento. quando operacionalizados. 3. das doenças. da reciprocidade. portanto constitui um outro mecanismo redistribuidor de riqueza. Captar recursos para que ocorra a sustentabilidade das Organizações sociais. os quais sempre são feitos baseados em alguma noção de utilidade (Colozzi. . na explosão populacional. necessita de que todos os indivíduos sejam livres para que haja possibilidade de se estabelecer contatos. A redistribuição de mercado coordena a organização da sociedade capitalista. A colaboração entre esses setores por meio de ações em parceria estabelece um novo espaço de pensar e agir às questões sociais. da filantropia. Criar campanhas de esclarecimento e envolvimento público para gerar uma maior participação voluntária dos cidadãos às questões sociais. Elaborar projetos e programas para a administração das Organizações sociais que. também necessita do mercado. entre gestores. Essa responsabilidade implica na alternativa de compor projetos capazes de enfrentar fatores tais como: a exclusão social. A parceria está representando a soma de esforços com o intuito de se alcançar interesses que sejam comuns. A redistribuição conduzida pelo mercado. Ao mesmo tempo. instrumentos e pessoas com capacidade e segurança de implementar trabalhos de interesse da humanidade. No Brasil o terceiro setor possui aproximadamente 12 milhões de pessoas. geram uma verdadeira revolução cultural. além dos 45 milhões de jovens que vêem como sua missão ajudar o terceiro setor. Para atingir os seus objetivos. o terceiro setor. O mercado move-se pela lógica do aumento da riqueza. portanto de responsabilidade social. pois a propriedade privada é o marco de autonomia da sociedade diante do Estado e. Existe um intercâmbio do terceiro setor com o Estado. 4. diferente da redistribuição pela via política. ocorre a mobilização de novos instrumentos que. da pobreza. da falta de capacitação. também pelos órgãos do governo. voluntários. A realocação do Estado é movida pela lógica de justiça social. De outro lado. na destruição do meio ambiente.O Estado objetiva a redistribuição da produção da sociedade a todos os seus membros e tenta sanar as desigualdades produzidas pelo mercado. tais como: 1. dos costumes e tradições.

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful