Você está na página 1de 47

Gestão Estratégica Orientada

para Resultados

A evolução da gestão para resultados no


Mundo e no Brasil
Gestão para Resultados
responde as demandas atuais
Sociedade em geral
ƒ Há pressão cada vez maior da sociedade por resultados concretos
decorrentes da aplicação dos escassos recursos públicos

Órgãos de controle externo


ƒ Os órgãos de controle externo exigem a adoção de práticas visando maior
eficiência, eficácia, economicidade e efetividade no uso dos recursos
públicos

Público-alvo das organizações


ƒ A legitimidade e sobrevivência das organizações depende cada vez mais
de sua capacidade de produzir resultados de interesse dos públicos-alvo
que constituem sua razão de ser
Gestão Estratégica Orientada
para Resultados

A Gestão Estratégica Orientada para


Resultados no SEBRAE
A Geor no SEBRAE
Diagnóstico (2003)

Marca e equipe
‰ Marca reconhecida e prestigiada junto ao público-alvo

‰ Capacidade de atuar em ambientes de extrema diversidade social,


cultural, econômica, política e ambiental

‰ Equipe com forte postura empreendedora e poder de articulação de


parcerias

‰ Experiência acumulada no apoio aos micro e pequenos negócios

‰ Imagem externa do SEBRAE altamente positiva


A Geor no SEBRAE
Diagnóstico (2003)

Modelo de gestão
‰ Distância entre a formulação da estratégia e a execução

‰ Orçamento orientava e definia as ações, focadas na oferta de produtos


e nos processos internos

‰ Predominava a visão de curto prazo (Plano de Trabalho e Orçamento


anual)

‰ Ênfase colocada no esforço realizado e não em produzir resultados


relevantes para o cliente

‰ Não havia cultura de medição e avaliação sistematizada de resultados


Decisão Estratégica
(2003)
Construir um modelo de gestão com os seguintes
atributos

• Foco em resultados

• Transparência

• Simplicidade

• Flexibilidade
A transformação no Sebrae

Gestão por produtos e Gestão Estratégica Orientada para Resultados


processos (2003)

1
Clientes: MPEs em geral Clientes: públicos-alvo identificados e delimitados

Oferta de produtos Abordagens diferenciadas e por projetos para 2


padronizados produzir resultados no público-alvo

Aplicação de recursos ƒ Mobilização de recursos públicos e privados 3


públicos ƒ Ampliação de rede de parceiros

ƒ Plano Plurianual (3 anos) 4


Plano de Trabalho Anual
ƒ Alocação estratégica de recursos

Avaliação de resultados ƒ Mensuração de resultados finalísticos 5


de esforço ƒ Avaliação sistematizada dos projetos
A Geor no SEBRAE
Situação em setembro/2008

‰ Planejamento, orçamento e gestão são integrados


‰ O planejamento plurianual antecede e orienta o orçamento
‰ A atuação está organizada em projetos orientados para resultados
ƒ 1.024 projetos pactuados com 1.966 resultados finalísticos pactuados

ƒ Público-alvo: mais de 150 mil beneficiados

ƒ 3.168 parceiros somam recursos, competências e conhecimentos


• R$ 2,65 alocados por parceiros para cada R$ 1,00 do Sebrae

‰ Gerenciamento e monitoramento intensivo da execução: 379 gestores


de projetos
‰ Medição de resultados e avaliação de projetos sistematizada
Sistemas de Informação Gerencial
integrados e em tempo real
Planejamento Orçamento Gestão
ƒ Estratégia de atuação
ƒ Recursos Estruturação e
Validação

Detalhamento físico e Contratualização,


ƒ Projetos e Atividades
financeiro dos projetos Gerenciamento,
ƒ Análise da Carteira de
e das atividades Monitoramento e
Projetos
Avaliação dos projetos
ƒ Resultados Institucionais
Gestão Estratégica Orientada
para Resultados

Fundamentos da Geor
Princípios essenciais da Geor

6. Transparência e controle social

5. Gestão intensiva em tempo real

4. Mobilização de parcerias, recursos, competências


e trabalho em rede

3. Profissionalização e atitude empreendedora dos gestores

2. Foco em resultados acordados com o público-alvo

1. Participação direta do público-alvo no planejamento,


na execução e na avaliação
Gestão Estratégica Orientada
para Resultados

Formulação e Implementação de
estratégias na Geor
Formulação da Estratégia
Como vamos chegar lá?

Na gestão estratégica orientada para resultados


• O Plano define as estratégias de longo e médio prazo
da organização e identifica uma carteira de projetos
estratégicos
Implementação da Estratégia

• A estratégia é implementada por meio da execução


da carteira de projetos estratégicos
• Os projetos são planejados, executados e avaliados
observando os fundamentos, princípios e conceitos
da Gestão Estratégica Orientada para Resultados
Gestão Estratégica Orientada
para Resultados

O projeto orientado para resultados


Projeto orientado para resultados
Características específicas

‰ Resultados tangíveis, mensuráveis, debatidos e acordados com o


público-alvo

‰ Seletividade: foco bem definido, com ações necessárias e suficientes


para produzir os resultados

‰ Mobilização de recursos, competências e conhecimentos da


organização, do público-alvo e de parceiros para produzir os resultados

‰ Empoderamento, responsabilização e atitude empreendedora dos


gestores

‰ Gestão intensiva, continuada e em tempo real


Projetos relacionados
à atuação finalística
‰ São aqueles relacionados com a finalidade e missão da
organização, visando atender as demandas e
necessidades do público-alvo externo

Exemplos:

Construção da Escola de Governo do RN

Educação Sebrae – Cursos pela internet 2008

Desenvolvimento da Piscicultura nas regiões do Alto e


Médio Oeste, Vale do Açu e Seridó
Projetos relacionados
à gestão interna
‰ São aqueles que visam melhorar, ativar ou desativar
processos de trabalho relacionados à gestão da
organização, gerando benefícios diretos ao seu público
interno

Exemplos:

Digitalização do arquivo público


Projeto Universidade Corporativa SEBRAE
Implantação do Sistema de Gestão de Parceiros Institucionais
Relação entre tipos de projetos
e tipos de resultados

Resultados finalísticos
Projeto relacionado à
atuação finalística
Resultados do tipo produto Projeto relacionado
à gestão interna
Gestão Estratégica Orientada
para Resultados

Pilares do projeto orientado para


resultados
Projeto Orientado para Resultados
Quatro Pilares

Intensidade,
Foco em Orientação Adensamento prontidão e
público-alvo das ações e da Visão proximidade
definido recursos para Estratégica da ação
resultados gerencial
Pilares do projeto orientado para resultados
1. Foco em público-alvo definido

¾ Clara delimitação do público-alvo

¾ Identificação das demandas e desafios com o


público-alvo

¾ Participação direta do público-alvo na estruturação,


execução e avaliação do projeto

Tornar os integrantes do público-alvo parceiros atuantes na


busca de resultados é fator crítico de sucesso na gestão de
projetos orientados para resultados
Pilares do projeto orientado para resultados
2. Orientação de ações e recursos para resultados

¾ Resultados concretos, tangíveis, mensuráveis, negociados e


pactuados com o público-alvo
¾ Resultados que representem o compromisso negociado, mais
do que a formulação técnica perfeita
¾ Conjunto de recursos e ações necessárias e suficientes para
produzir os resultados pactuados

Transformação concreta que ocorre no


Resultado finalístico
público-alvo com a realização do projeto

Bem ou serviço de interesse do público-alvo


Resultado tipo Produto
entregue com a realização do projeto
Pilares do projeto orientado para resultados
3. Adensamento da visão estratégica

Cultivar os seguintes atributos


na estruturação e execução dos projetos

‰ Visão sistêmica Ver o projeto como uma totalidade


e de longo prazo organizada, com iniciativas múltiplas e
diversas que devem ser articuladas para
produzir resultados

‰ Seletividade Selecionar somente as ações e os recursos


necessários e suficientes para produzir os
resultados
‰ Consideração do Levar em consideração os fatores e atores
ambiente externo externos que influenciarão o projeto ou serão
por ele influenciados
Pilares do projeto orientado para resultados
3. Adensamento da visão estratégica

Cultivar os seguintes atributos


na estruturação e execução dos projetos
‰ Atenção à Estruturar e executar o projeto observando
singularidade e sua singularidade e complexidade, e
complexidade evitando padronizações

‰ Senso de oportunidade Aproveitar oportunidades para


potencializar a produção dos resultados

Buscar soluções inovadoras e criativas


‰ Inovação para agregar valor na produção dos
resultados
Pilares do projeto orientado para resultados
4. Intensidade, prontidão e proximidade
da ação gerencial

¾ Atuação gerencial empreendedora


e intensiva para fazer acontecer as
ações e produzir os resultados
¾ Proximidade do público-alvo e dos
acontecimentos relacionados à
execução do projeto
¾ Responsabilização de pessoas
físicas e articulação e construção
de compromissos
Gestão Estratégica Orientada
para Resultados

Ciclo de Elaboração e Gestão do Projeto


Orientado para Resultados
Ciclo do Projeto
Orientado para Resultados

Estruturaçãoee
Estruturação
Avaliação
Avaliação Contratualização
Contratualização

Fazer Resultados
Resultados
Acontecer

Monitoramento
Monitoramento Gerenciamento
Gerenciamento
Gestão Estratégica Orientada
para Resultados

Estruturação e Contratualização
do projeto orientado para resultados
Projeto Orientado para Resultados
Lógicas de estruturação e execução

Projetos relacionados à Projetos relacionados à


atuação finalística gestão interna

Público-Alvo Demandante
e Usuários

Execução do Projeto
Estruturação do Projeto

Objetivo Objetivo
Geral Geral
Foco Identificação
Estratégico da Demanda

Resultados Resultados

Ações e Ações e
Recursos Recursos
Gestão Estratégica Orientada
para Resultados

Gerenciamento do projeto
Gerenciamento
Características

‰ Responsável: Gestor do projeto Avaliação


Avaliação
Estruturação e
Estruturação e
Contratualização
Contratualização

Foco: Execução das ações para Fazer

‰ Acontecer Resultados
Resultados

transformar intenções em resultados Monitoramento


Monitoramento Gerenciamento
Gerenciamento

concretos
‰ Participantes: Gestor do projeto e coordenadores das
ações
‰ Produto: Ações executadas, observados os padrões de
qualidade, custo e prazos requeridos

Desafio é fazer acontecer o projeto


Gestor do Projeto
Principais atribuições no gerenciamento

‰ Atuar, de forma empreendedora, para que os resultados


aconteçam
‰ Articular-se com todos os envolvidos no projeto
‰ Assegurar o cumprimento de prazos, custos e requisitos de
qualidade
‰ Avaliar riscos, identificar restrições e buscar soluções
‰ Disseminar informações atualizadas do projeto
Gestão Estratégica Orientada
para Resultados

Gerenciamento do Projeto

Linha gerencial do projeto


Linha gerencial
Composição
Linha gerencial do projeto
ƒ Comitê Gestor
• gestor, coordenadores de ação, público-alvo, parceiros, unidades
responsáveis pela viabilização financeira, outros
• gestor, coordenadores de ação, representante do demandante ,
parceiros, unidades responsáveis pela viabilização financeira,
outros
ƒ Gestor do Projeto
• executivo responsável pela execução do projeto
ƒ Coordenadores de ação
• responsáveis pela execução de cada ação do projeto
Linha gerencial
Lembretes

A linha gerencial deve:


1. Ajustar-se às características das organizações envolvidas e à
complexidade do projeto
2. Integrar-se à cadeia decisória da organização e à sua estrutura interna
3. Assegurar o cumprimento das normas, procedimentos e processos de
tomada de decisão em cada projeto
4. Elaborar e operar uma agenda de trabalho, priorizando tarefas e
decisões
5. Construir e operar uma rede de relações
6. Acompanhar os cronogramas financeiro e físico do projeto
7. Utilizar o Sistema de Informação Gerencial
Apoio à Disseminação da Gestão
Estratégica Orientada para Resultados junto
a Parceiros do Sebrae

Monitoramento do projeto
Monitoramento
Características

‰ Responsáveis: componentes da linha


decisória do projeto Avaliação
Avaliação
Estruturação e
Estruturação e
Contratualização
Contratualização

‰ Foco: tomada de decisão para Fazer


Acontecer Resultados
Resultados

superar restrições e aproveitar


oportunidades Monitoramento
Monitoramento
Gerenciamento
Gerenciamento

‰ Participantes: componentes da linha


decisória e os coordenadores das
ações
‰ Produto: Restrições superadas e
oportunidades aproveitadas
Desafio é adotar medidas em tempo real
para superar restrições e aproveitar oportunidades
Monitoramento
Reuniões periódicas

Reunião Estratégica
‰ O gestor com o nível estratégico e
os membros da linha decisória
Seletividade
‰ Foco no projeto: restrições, marcos
críticos, recursos e impacto nos
resultados

Reunião Tático-operacional Produto das reuniões


Decisões e medidas de gestão
‰ O gestor com os membros da linha
para solucionar restrições
gerencial do projeto
e aproveitar oportunidades
Seletividade
‰ Foco nas ações: restrições, marcos
críticos, recursos e impacto nos
resultados
Monitoramento
Pauta das Reuniões

‰ Perspectiva de alcance dos


resultados
‰ Fatores de risco evidentes e
potenciais
‰ Atuação das partes interessadas
‰ Evolução dos marcos críticos
relevantes
‰ Qualidade dos produtos relevantes
para o alcance dos resultados
‰ Cumprimento dos cronogramas
‰ Execução de convênios e contratos
Apoio à Disseminação da Gestão
Estratégica Orientada para Resultados junto
a Parceiros do Sebrae

Avaliação do projeto
Avaliação do projeto
Características

‰ Responsável: Gestor do projeto


Estruturação e
Avaliação
Avaliação
Estruturação e
Contratualização
Contratualização

‰ Foco: Revisar e aperfeiçoar o projeto para


Fazer

assegurar o alcance dos resultados Acontecer Resultados


Resultados

‰ Participantes (atuação finalística): gestor, Monitoramento


Monitoramento
Gerenciamento
Gerenciamento

integrantes do público-alvo, parceiros e o


responsável pela mensuração dos resultados
‰ Participantes (gestão interna): gestor, demandante, integrantes da
linha gerencial e parceiros
‰ Produto: Aprendizagem e adensamento do projeto

Desafio é analisar e aperfeiçoar o projeto


com o público-alvo e os parceiros
Avaliação do projeto
Conceito e finalidades

‰ Conceito
ƒ Análise e interpretação objetiva do grau de obtenção dos
resultados, suas razões e conseqüências, realizada ao longo
do ciclo de vida do projeto
‰ Finalidades
ƒ Permitir o aperfeiçoamento do projeto para assegurar o
alcance dos resultados
ƒ Gerar aprendizado decorrente da execução do projeto
Avaliação do projeto
Divulgação

‰ Finalidade
ƒ Divulgar os resultados e as
recomendações de aperfeiçoamento
‰ Instrumentos
ƒ Sistema de informação gerencial
ƒ Cartas empresariais
ƒ Correspondências específicas
ƒ Reuniões
ƒ Contatos pessoais
ƒ Outros (a critério do gestor)
Apoio à Disseminação da Gestão
Estratégica Orientada para Resultados junto
a Parceiros do Sebrae

Encerramento do projeto
Encerramento do projeto

Motivação para o encerramento


‰ Projeto concluído
ƒ O encerramento deve ser precedido da mensuração final,
avaliação e divulgação dos resultados
‰ Projeto cancelado antes do término
ƒ O encerramento deve ser precedido de avaliação e o gestor
deve confirmar o encerramento com os signatários do
Acordo de Resultados

Atenção
É natural que o projeto termine e seja encerrado
Encerramento do projeto
Procedimentos

1. Realizar reunião com os signatários do acordo de resultados


2. Elaborar relatório sucinto de encerramento do projeto, com os
resultados alcançados e as lições aprendidas
3. Preservar os registros do histórico de execução
4. Encerrar contratos e convênios relacionados ao projeto
5. Liberar os recursos financeiros, materiais e humanos
6. Divulgação

a do
nc err
to E
j e
Pro