Você está na página 1de 32

possvel?

(2)
Luiz Fernando Rodrigues Torres, 33
Soberano Grande Comendador

Meus Queridos Irmos

E m nossa Mensagem, no nmero 23 da


Revista ASTRA, abordamos um dos
aspectos mais srdidos da vida cotidiana: a
corrupo que assola nosso pas. E onde, redigi-
mos o seguinte trecho: Quando e de que modo
Somente o fim da impunidade far decrescer
este flagelo que nos envergonha, defrauda e atrasa
o desenvolvimento da Nao.
No h notcia de condenao de corruptos ou
de corruptores no noticirio recente, nem remoto.
veremos reaes firmemente contrrias a tal Os processos rolam anos nos Tribunais, espera
estado catico de coisas? da consequente prescrio que ir salvar os rus
Bem, verificamos, agora, uma intensa grita, de eventual priso e da perda do produto de seus
severa toarda da imprensa, imprecaes, at, dos srdidos atos.
envolvidos nos mensales, cuecas, meias, e Enfim, vitoriosos, cevam-se nos recursos
outros. At nosso Supremo Magistrado resolveu dolosamente adquiridos. E ns, contribuintes
enviar Mensagem ao Congresso Nacional forados do errio pblico, eleitores frustrados,
propondo medidas severas contra os corruptos e quedamos-nos, embasbacados, dando razo ao
corruptores, em anteprojeto de lei. insigne Rui Barbosa: o homem se envergonha
Na medida proposta, h nova tipificao de ser honesto.
criminal contra os autores do Crime, de corrup- Incrementemos os protestos, aumentamos a
o ativa ou passiva, titulando-o de hediondo. grita, sobretudo no sentido de serem eliminados
Prope, ainda, o Anteprojeto, o aumento das os foros privilegiados, a fim de que o preceito
penas aplicveis constitucional inscrito no artigo 5 de nossa
timo, porm ir este Anteprojeto de lei juntar- Carta Magna: Todos so iguais perante a lei,, 33

se s dezenas de outros que mofam nas gavetas sem distino de qualquer natureza..., seja
tumulares das Comisses competentes de nossas realmente observado.
Casas Legislativas? Continuemos insistindo, possvel que
De outro ngulo de viso, a simples tipificao venamos.

1
de hediondez, e o consequente aumento das possvel.
penas, se aprovados e transformarem-se em lei,
iro amedrontar os corruptos e, consequentemen- A\
Que o G\D\
U\
nos acuda.
te, diminuir a corrupo em nosso pas?