Você está na página 1de 10

CEV – COLÉGIO

LISTA DE EXERCÍCIO – 2° ANO – TERMOQUÍMICA


PROFESSORES: ÉDER E JURANDIR

1. (FEI-SP) A queima de 46 g de álcool etílico (C2H6O) libera 32,6 kcal. Sabendo que
a densidade do álcool é de 0,8g/cm3, o calor liberado na queima de 28,75 litros de
álcool será, em kcal,
a) 65,2 · 103 b) 32,6 · 103 c) 24,45 · 103 d) 16,3 · 103
e) 10,9 · 10 3

2. (FMTM-MG) Dentro das células, as moléculas de monossacarídeos são


metabolizadas pelo organismo, num processo que libera energia. O processo de
metabolização da glicose pode ser representado pela equação:
C6H12O6 + 6 O2 6 CO2 + 6 H2O + energia
(Dados: massas molares: C = 12; H = 1; O = 16)
Cada grama de açúcar metabolizado libera aproximadamente 17kJ.
a) Calcule a quantidade, em mols, de oxigênio necessário para liberar 6.120 kJ de
energia.
b) O soro glicosado, frequentemente usado em hospitais, é uma solução aquosa
contendo 5% (em massa) de glicose.
Calcule a energia liberada para cada litro de soro metabolizado pelo organismo.
Obs: Considere a densidade do soro glicosado = 1 g/cm3.

3. (UFRN-RN) O preparo de uma solução de hidróxido de sódio em água ocorre com


desenvolvimento de energia térmica e consequente aumento de temperatura,
indicando tratar-se de um processo:
a) sem variação de entalpia. b) sem variação de energia livre.
c) isotérmico. d) endotérmico.
e) exotérmico.

4. FMU-SP) Em um texto encontramos a seguinte frase: “Quando a água funde,


ocorre uma reação exotérmica”.
Na frase há:
a) apenas um erro, porque a água não funde.
b) apenas um erro, porque a reação química é endotérmica.
c) apenas um erro, porque não se trata de reação química, mas de processo físico.
d) dois erros, porque não se trata de reação química nem o processo físico é
exotérmico.
e) três erros, porque a água não sofre fusão, não ocorre reação química e o processo
físico é endotérmico.

5. (Mackenzie-SP) Observando-se os dados a seguir, pode-se dizer que o reagente


apresenta menor energia que o produto somente em:

a) II b) III c) III e II d) III e I e) I

6. (FCC-BA) A queima completa do carbono é uma reação exotérmica. Assim,


considerando-se as energias (E) armazenadas nos reagentes e produto, pode-se
afirmar que:
7. (FCC–BA) A equação:

representa uma reação química que:


a) libera 121 kJ por mol de O2(g) consumido.
b) absorve 121 kJ por mol de O2(g) consumido.
c) libera 242 kJ por mol de H2O(g) produzido.
d) libera 242 kJ por mol de O2(g) consumido.
e) absorve 242 kJ por mol de H2O(g) produzido.

8. (UFMG-MG) Ao se sair molhado em local aberto, mesmo em dias quentes, sente-


se uma sensação de frio. Esse fenômeno está relacionado com a evaporação da água
que, no caso, está em contato com o corpo humano.
Essa sensação de frio explica-se corretamente pelo fato de que a evaporação da
água:
a) é um processo endotérmico e cede calor ao corpo.
b) é um processo endotérmico e retira calor do corpo.
c) é um processo exotérmico e cede calor ao corpo.
d) é um processo exotérmico e retira calor do corpo.

9. (Unicamp-SP) Grafite e diamante são formas alotrópicas do carbono, cujas


equações de combustão são apresentadas a seguir:

a) Coloque os dados em um gráfico e calcule a variação de entalpia necessária para


converter 1,0 mol de grafite em diamante.
b) Qual a variação de entalpia na queima de 120 g de grafite?

10. (UEPG-PR) Considere a representação gráfica da variação de entalpia abaixo.

Entre os processos que ela pode representar figuram:


01) a fusão da água;
02) a vaporização da água;
04) a oxidação da gordura;
08) a solidificação da água;
16) o preparo de uma solução aquosa de NaOH, com aquecimento espontâneo do
frasco.
O processo esquematizado no gráfico libera calor, ou seja, é exotérmico. Assim, quais
os que podem representá-lo?
Soma das alternativas corretas ( )

11. Considere a reação de combustão das variedades alotrópicas do carbono,


representadas no gráfico:

Resolva as seguintes questões:


I — As duas combustões são exotérmicas ou endotérmicas?
II — Calcule o ΔH das combustões da grafite e do diamante.
III —Em qual delas ocorre maior liberação de calor?
IV — A transformação de grafite em diamante é um processo exotérmico ou
endotérmico?

12. (FEI-SP) São dadas as seguintes variações de entalpia de combustão.

Considerando a formação do metano, segundo a equação:

A quantidade em quilocalorias, em valor absoluto, envolvido na formação de 1 mol


de metano, é:
a) 442 b) 50 c) 18 d) 254 e) 348

13. (Unitau-SP) Sejam as seguintes afirmações, que representam consequências


importantes da lei de Hess:
I) Invertendo-se uma equação termoquímica, o calor ou a entalpia de reação
permanecerá inalterado.
II) Multiplicando-se ou dividindo-se uma equação termoquímica, o calor da reação
permanece inalterado.
III) Podemos somar algebricamente equações termoquímicas.
a) Nenhuma é correta
b) Todas são corretas
c) Somente I é correta
d) Somente II é correta
e) Somente III é correta

14. (Fatec-SP) Considere as afirmações a seguir, segundo a lei de Hess:


I) O calor de reação (ΔH) depende apenas dos estados inicial e final do processo.
II) As equações termoquímicas podem ser somadas como se fossem equações
matemáticas.
III) Podemos inverter uma equação termoquímica desde que inverta o sinal de ΔH.
IV) Se o estado final do processo for alcançado por vários caminhos, o valor de ΔH
dependerá dos estados intermediários através dos quais o sistema pode passar.
Conclui-se que:
a) as afirmações I e II são verdadeiras.
b) as afirmações II e III são verdadeiras.
c) as afirmações I, II, III são verdadeiras.
d) todas são verdadeiras.
e) todas são falsas.

15. (Puc-Campinas-SP) Dadas as equações termoquímicas:

Pode-se concluir que a reação:

tem ΔH, em kJ/mol, igual a:


a) +693 b) –693 c) +99,0 d) –99,0 e) +44,5

16. Considere as seguintes equações termoquímicas

Qual é a variação de entalpia que pode ser designada calor de formação?


a)ΔH1 b)ΔH2 c)ΔH3 d)ΔH4 e)ΔH5

17. (PUC-Campinas-SP) De forma simplificada, a reação da fotossíntese ficaria:

Dadas as entalpias de formação de CO2 (– 94 kcal/mol), da H2O (–58 kcal/mol), da


glicose (–242 kcal/mol), pode-se concluir que o processo é:
a) endotérmico e a energia envolvida, 1152 kcal/mol de glicose.
b) endotérmico e a energia envolvida, 670 kcal/mol glicose.
c) exotérmico e a energia envolvida, 1152 kcal/mol glicose.
d) exotérmico e a energia envolvida, 670 kcal/mol glicose.
e) endotérmico e a energia envolvida, 392 kcal/mol glicose.

18. Quando o acetileno, C2H2, sofre combustão a 25 °C, a quantidade de calor


liberada é 310 kcal/mol. Dados os calores de formação: CO 2(g) : ΔHf = - 94 kcal/mol;
H2O(ℓ) : ΔHf = - 68 kcal/mol

Pode-se concluir que o valor de formação (ΔHf) do acetileno gasoso é:


a) + 144 kcal/mol b) - 144 kcal/mol c) + 122 kcal/mol
d) - 54 kcal/mol e) + 54 kcal/mol

19. (Fuvest-SP) Com base nos dados da tabela,


pode-se estimar que o ΔH da reação representada por H2(g) + Cℓ2(g)  2 HCℓ(g), dado
em kJ por mol de HCℓ(g), é igual a:
a) - 92,5 b) – 185 c) – 247 d) + 185
e) + 92,5

20. (Unifesp-SP) Com base nos dados da tabela

pode-se estimar que ΔH da reação representada por

dado em kJ por mol de H2O(g), é igual a:


a) + 239. b) + 478. c) + 1 101. d) – 239.
e) – 478.

21. A transformação representada por N2(g)  2N(g) é:


a) endotérmica, pois envolve ruptura de ligações intramoleculares.
b) endotérmica, pois envolve ruptura de ligações intermoleculares.
c) endotérmica, pois envolve formação de ligações intramoleculares.
d) exotérmica, pois envolve ruptura de ligações intramoleculares.
e) exotérmica, pois envolve formação de ligações intermoleculares.

22. (CESGRANRIO) Sendo dadas as seguintes entalpias de reação:

indique a opção que apresenta a energia de ligação H-C, aproximada:


a) 5 kcal/mol b) 20 kcal/mol c) 50 kcal/mol
d) 100 kcal/mol e) 400 kcal/mol

23. Vários combustíveis alternativos estão sendo procurados para reduzir a demanda
por combustíveis fósseis, cuja queima prejudica o meio ambiente devido à produção
de dióxido de carbono (massa molar igual a 44 g/mol). Três dos mais promissores
combustíveis alternativos são o hidrogênio, o etanol e o metano. A queima de 1 mol
de cada um desses combustíveis libera uma determinada quantidade de calor, que
estão apresentadas na tabela a seguir.
.

Combustível Massa Molar Calor liberado n a queima


(g/mol) (kJ/mol)
H2 2 270
CH4 16 900
C2H5OH 46 1350
Considere que foram queimadas massas, independentemente, desses três
combustíveis, de forma tal que em cada queima foram liberados 5400 kJ. O
combustível mais econômico, ou seja, o que teve a menor massa consumida, e o
combustível mais poluente, que é aquele que produziu a maior massa de dióxido de
carbono (massa molar igual a 44 g/mol), foram, respectivamente,
a) o etanol, que teve apenas 46 g de massa consumida, e o metano, que produziu
900g de CO2.
b) o hidrogênio, que teve apenas 40 g de massa consumida, e o etanol, que produziu
352g de CO2.
c) o hidrogênio, que teve apenas 20 g de massa consumida, e o metano, que produziu
264g de CO2.
d) o etanol, que teve apenas 96 g de massa consumida, e o metano, que produziu
176g de CO2.
e) o hidrogênio, que teve apenas 2 g de massa consumida, e o etanol, que produziu
1350g de CO2.

24.Os romanos utilizavam CaO como argamassa nas construções rochosas. O CaO
era misturado com água, produzindo Ca(OH)2, que reagia lentamente com o CO‚
atmosférico, dando calcário:
Ca(OH)2(s) + CO2(g) → CaCO3(s) + H2O(g)

A partir dos dados da tabela, a variação de entalpia da reação, em kJ/mol, será igual
a:
a) +138,2 b) +69,1 c) -69,1 d) -220,8
e) -2 828,3

25. Considere a reação:


H2(g) → 2 H(g)
Dado: massa molar do H = 1 g/mol
Considere os seguintes diagramas da variação de entalpia para a reação acima:
Qual dos diagramas corresponde à reação?
a) I b) II c) III d) IV e) V

26. Com base nos dados da tabela,

pode-se estimar que o ∆H da reação representada por


H2(g) + Cl2(g) → 2 HCl(g)
dado em kJ por mol de HCl(g), é igual a:
a) -92,5 b) -185 c) -247 d) +185
e) +92,5

27. A variação de entalpia para a reação dada pela equação:


4 HCl(g) + O2(g) → 2 H2O(g) + 2 Cl2(g) é:
Dados: (Energia de ligação em kcal/mol)

a) +1089,2 kcal b) -467,4 kcal c) -26,7 kcal d) +911,8 kcal


e) -114,8 kcal

28. Pode-se conceituar energia de ligação química como sendo a variação de entalpia
(∆H) que ocorre na quebra de 1 mol de uma dada ligação.
Assim, na reação representada pela equação:
NH3(g) → N(g) + 3 H(g) ∆H = 1170 kJ/mol NH3
são quebrados 3 mols de ligação N ─ H, sendo, portanto, a energia de ligação N ─ H
igual a 390 kJ/mol.
Sabendo-se que na decomposição:
N2H4(g) → 2 N(g) + 4 H(g) ∆H = 1720 kJ/mol N2H4
são quebradas ligações N ─ N e N ─ H, qual o valor, em kJ/mol, da energia de ligação
N ─ N?
a) 80 b) 160 c) 344 d) 550 e) 1 330

29. Os propelentes de aerossol são normalmente clorofiuorcarbonos (CFCs), como


freon11 (CFCIa) e freon-12 (CF2Cl2). Tem sido sugerido que o uso continuado destes
pode reduzir a blindagem de ozônio na estratosfera, com resultados catastróficos,
para os habitantes de nosso planeta.
Na estratosfera, os CFCs e o O2 absorvem radiação de alta energia e produzem,
respectivamente, átomos Cl (que têm efeito catalítico para remover ozônio) e átomos
O. Dadas as equações termoquímicas:
O2 + Cl → CIO +O Δ H = +64 kcal
O3 + Cl → CIO + O2 Δ H = -30 kcal
Calcule o valor de Δ H, em quilocalorias, para a reação da remoção de ozônio,
representada pela equação
O3+ O →2O2
a) +34 kcal b) -34 kcal c) -54 kcal d) +94 kcal
e) – 94 kcal

30. Um indivíduo queria transformar grafita em diamante e sabia que:


C(grafita) + O2(g)  CO2(g)  H = - 94,1 Kcal/mol
C(diamante) + O2(g)  CO2(g)  H = - 94,5 Kcal/mol
A quantidade de calor em Kcal para efetuar a transformação de 2,4 Kg de grafita em
diamante é:
(Dado: massa atômica do carbono = 12)
a) 0,8 b) 8 c) 80 d) 0,5 e) 94,5

31. O calor liberado na combustão de um mol de metano é 212 Kcal. Quando 80g de
metano são queimados, a energia liberada é:
Dados:C = 12 g/mol.; H = 1gmol
CH4 + 2 O2 → CO2 + 2 H2O
a) 1060 Kcal. b) 530 Kcal. c) 265 Kcal. d) 140 Kcal.
e) 106 Kcal.

32. Observe o diagrama de um processo químico abaixo:

Diagrama de energia de um processo químico


Pode-se afirmar que esse processo é:
a) exotérmico, com ΔH = + 230 kJ.
b) endotérmico, com ΔH = + 570 kJ.
c) endotérmico, com ΔH = + 230 kJ.
d) exotérmico, com ΔH = - 230 kJ.
e) exotérmico, com ΔH = - 570 kJ.

33. Ozonizador é um aparelho vendido no comércio para ser utilizado no tratamento


da água. Nesse aparelho é produzido ozônio (O 3) a partir do oxigênio do ar (O2), que
mata os micro-organismos presentes na água. A reação de obtenção do ozônio a
partir do oxigênio pode ser representada pela equação:
3 O2(g) ↔ 2 O3(g) ΔH = +284 kJ
Com base nessa equação, e considerando a transformação de 1000 g de O 2(g) em
O3(g), a quantidade de calor envolvida na reação é:
a) 2958,33 kJ e a reação é endotérmica.
b) 1479,16 kJ e a reação é exotérmica.
c) 739,58 kJ e a reação é exotérmica.
d) 369,79 kJ e a reação é endotérmica.
e) 184,90 kJ e a reação é endotérmica.

34. Acima de que temperatura você esperaria que uma reação se tornasse
espontânea se Δ H = +322 kJ e Δ S = +531 J/K?
a) 171 K
b) 209 K
c) 606 K
d) A reação será espontânea a qualquer temperatura.
e) A reação não será espontânea em nenhuma temperatura.
35. Dadas as seguintes equações termoquímicas:
2 H2(g) + O2(g) → 2 H2O(ℓ) ∆H = -571,5 kJ
N2O5(g) + H2O(ℓ) → 2 HNO3(ℓ) ∆H = -76,6 kJ
½ N2(g) + 3/2 O2(g) + ½ H2(g) → HNO3(ℓ) ∆H = -174,1 kJ
Baseado nessas equações, determine a alternativa correta a respeito da formação de
2 mols de N2O5(g) a partir de 2 mols de N2(g) e 5 mols de O2(g):
a) libera 28,3 kJ b) absorve 28,3 kJ. c) libera 822,2 kJ.
d) absorve 822,2 kJ. e) absorve 474 ,0 kJ.

36. Em um conversor catalítico, usado em veículos automotores em seu cano de


escape para redução da poluição atmosférica, ocorrem várias reações químicas,
sendo que uma das mais importantes é:
1 CO(g) + ½ O2(g) → 1 CO2(g)
Sabendo-se que as entalpias das reações citadas abaixo são:
C(grafita) + ½ O2(g) → CO(g) ∆H1 = -26,4 kcal
C(grafita) + O2(g) → CO2(g) ∆H2 = -94,1 kcal
Pode-se afirmar que a reação inicial é:
a) exotérmica e absorve 67,7 kcal/mol.
b) exotérmica e libera 120,5 kcal/mol.
c) exotérmica e libera 67,7 kcal/mol.
d) endotérmica e absorve 120,5 kcal/mol.
e) endotérmica e absorve 67,7 kcal/mol.

37. O elemento químico tungstênio, W, é muito utilizado em filamentos de lâmpadas


incandescentes comuns. Quando ligado a elementos como carbono ou boro, forma
substâncias quimicamente inertes e muito duras. O carbeto de tungstênio, WC(s),
muito utilizado em esmeris, lixas para metais etc., pode ser obtido pela reação:
1 C(grafite) + 1 W(s) → 1 WC(s)
A partir das reações a seguir, calcule o ∆H de formação para o WC(s). Dados:
1 W(s) + 3/2 O2(g) → 1 WO3(s) ∆HCOMBUSTÃO = -840 kJ/mol
1 C(grafite) + 1 O2(g) → 1 CO2(g) ∆HCOMBUSTÃO = -394 kJ/mol
1 WC(s) + 5/2 O2(g) → 1WO3(s) + 1 CO2(g) ∆HCOMBUSTÃO =-1196 kJ/mol
a) - 19 kJ/mol
b) + 38 kJ/mol
c) - 38 kJ/mol
d) + 2 430 kJ/mol
e) - 2 430 kJ/mol

38. (UEL PR) Das alternativas abaixo, qual representa a mudança de estado físico
que ocorre em consequência do aumento da entropia do sistema?
a) CO2(g) → CO2(s)
b) CO2(l) → CO2(g)
c) CH3OH(l) → CH3OH(s)
d) CH3OH(g) → CH3OH(l)
e) H2O(g) → H2O(l)

39. Considere as supostas variações de entropia (ΔS) nos processos abaixo:


I. cristalização do sal comum (ΔS > 0)
II. sublimação da naftalina (naftaleno) (ΔS > 0)
III. mistura de água e álcool (ΔS < 0)
IV. ferro (s) ferro (l) (ΔS > 0)
V. ar comprimido (ΔS < 0)
As variações de entropia indicadas nos processos que estão corretas são:
a) I, III e IV.
b) III, IV e V.
c) II, III e V.
d) I, II e IV.
e) II, IV e V.

40. Observe a transformação a seguir:


N2O(g) → N2(g) + 1/2O2(g) à 25°C
Sabe-se que as entropias de seus participantes são, respectivamente: 55 cal/K.mol
, 45 cal/K.mol e 35 cal/K.mol. Podemos afirmar que a variação de entropia do sistema
é:
a) +7,5 cal/K.mol
b) –7,25 cal/K.mol
c) +5,7 cal/K.mol
d) +7,2 cal/K.mol
e) +8,5 cal/K.mol

41. A 25 °C e 1 atm têm-se:


∆H de formação do CO2 = - 94,1 kcal/mol
∆H de formação de H2O = - 68,3 kcal/mol
∆H de combustão do C2H2 = - 2310,6 kcal/mol
∆S de formação do C2H2 = - 0,048 kcal/mol
Escolha entre as alternativas relacionadas na tabela a seguir a que completa,
adequadamente, a afirmação:
A 25 °C e 1 atm, ∆H de formação do C 2H2 é ______, ∆G é ______, portanto o
processo é ______
∆H ∆G Esponeidade
kcal/mol kcal/mol
a) +54,1 -68,4 espontâneo
b) -54,1 +68,4 Não espontâneo
c) +54,1 +68,4 Não espontâneo
d) -54,1 -55,3 espontâneo
e) +54,1 +55,3 Não espontâneo