Você está na página 1de 2

A Empresa

SM é uma empresa de administração de benefícios que possui 10 sites espalhados pelos Brasil, nas
principais áreas metropolitanas . Cada site têm o mesmo diagrama abaixo, um prédio com 10 andares e um
porão. Os trabalhadores nos prédios usam PCs principalmente para processamento de texto, acesso a BD
e e-mail. Os Bds é essencialmente texto ASCII. O TCP/IP é utilizado como protocolo de rede; os endereços
são administrados manualmente. A empresa usa um endereço classe B arbitrariamente selecionado e não
se encontra conectada à Internet.

Rede Atual
Cada andar possui de 40 a 50 PCs e de quatro a cinco servidores que estão conectados ao cabeamento
Ethernet. Os servidores em um andar são acessados somente por usuários desse andar. Há ainda dez
servidores no porão, acessados por todos os usuários no prédio. Todos os andares encontram-se
conectados ao porão por bridges. Os sites individuais não se encontram conectados uns aos outros
atualmente. Toda comunicação que precise ocorrer entre sites é feita via telefone (voz), correio
convencional ou serviço de expresso noturno.

Novos Requisitos de Rede


A SM está experimentando um crescimento expansivo. Ela prevê que haverá até 100 PCs de
usuário e 10 servidores por andar. Além disso, a empresa está efetuando atualização de aplicações. Esses
novos pacotes farão uso de apresentações gráficas de dados. A SM acredita que a inclusão de mais
usuários e aplicações mais recentes resultará em problemas graves de desempenho no acesso em sua
rede. Ela vê, ainda, uma necessidade de interconectar os sites principais, prognosticando que 1% do
tráfego de cada prédio irá para algum outro prédio. Espera-se que o crescimento futuro da empresa resulte
na inclusão de mais sites, até um máximo de 30, com os mesmos requisitos de usuário final.
O novo projeto de rede deve fornecer:
 Um método de interconexão altamente escalável no prédio.
 Isolamento lógico entre gurpos de trabalho (andares) para fins de controle administrativo.
 Uma recomendação detalhada para endereçamento IP da rede, com possibilidade de
conexão futura à Internet. Apresentar alternativas para a conexão à Internet
 Uma recomendação relativa aos protocolos de roteamento necessários, incluindo pelo
menos um script de configuração de amostra para o protocolo recomendado. A Empresa
pensa em considerar o reendereçamento de sua rede.
 Todo protocolo recomendado deve ser de padrões abertos (não proprietário) com pronta
entrega de vários fornecedores.

1. Descreva os problemas da ATUAL rede LAN e WAN da empresa SM.


 Bridges são tecnologias antigas, Hoje em dia não faz sentido usar bridges para dividir a rede em
segmentos porque os switches já desempenham essa função, criando segmentos individuais para cada
micro, o que praticamente elimina o problema das colisões.
 A utilização de padrão de rede 10BaseT de baixa velocidade pode causar gargalos na rede,
 Existe um grande problema de comunicação entre as unidades da empresa devido a falta de um
sistema de comunicação de dados eficiente. “Os sites individuais não se encontram conectados uns aos
outros atualmente. Toda comunicação que precise ocorrer entre sites é feita via telefone (voz), correio
convencional ou serviço de expresso noturno.”
 Não existe uma política de segurança que defina como a questão de segurança é tratada na empresa.
 “Os Bds é essencialmente texto ASCII” gera uma grande dificuldade no acesso e processamento dos
dados, pois os mesmos não estão organizados adequadamente, por exemplo num BD relacional.
 Pode haver duplicação de endereços e dificuldade de manutenção da rede devido a falta de um
esquema de endereçamento eficiente. “O TCP/IP é utilizado como protocolo de rede; os endereços são
administrados manualmente. “
 O uso de endereço arbirtrariamente selecionado poderá gerar problemas quando esta se conectar à
internet. O uso de endereçamento público deve ser evitado. “A empresa usa um endereço classe B
arbitrariamente selecionado e não se encontra conectada à Internet.”
2. Obtenha, em uma única frase, o objetivo maior da nova rede, do ponto de vista do negócio da
empresa.
 Aumentar a quantidade de clientes sustentada por uma infra-estrutura que forneça acesso rápido e
eficiente aos dados armazenados nos BD da empresa.
 Melhorar a qualidade na prestação dos serviços aos clientes
 Tornar mais eficiente a concessão de benefícios aos segurados através do uso de tecnologias da
informação
3. Quais são os 3 (três) principais objetivos TÉCNICOS da rede a ser projetada. Justifique sua
resposta.
 Escalabilidade – a empresa está crescendo, com previsão de aumento de mais de 100% em sua infra-
estrutura, além de atualização de suas aplicações que irão demandar mais capacidade da rede de
comunicação de dados. (gráficos). Novos usuários serão adicionados à rede e a interligação de todos
os sites. (até 30). “Um método de interconexão altamente escalável no prédio.”
 Disponibilidade – O objetivo da empresa é melhorar a qualidade dos serviços oferecidos aos segurados,
para isto os funcionários precisam de uma rede disponível para alcançar este objetivo.
 Desempenho – Novas aplicações (gráficas) irão requerer maior capacidade de tráfego da rede
corporativa. A interligação de vários sites demandará requisitos especiais de desempenho para que a
rede não sofra com congestionamento.
 Adaptabilidade - Todo protocolo recomendado deve ser de padrões abertos (não proprietário) com
pronta entrega de vários fornecedores.