Você está na página 1de 32

Universidade Federal do Rio Grande – FURG

Instituto de Matemática, Estatística e Física


Física Geral – C II

Campo Elétrico

Profª. MSc. Rafaele Rodrigues de Araújo

2015
Conteúdos:

• Campo Elétrico;
• Linhas de Campo Elétrico;
• Campos Elétricos produzidos;
Como as partículas sabem da existência de
outras partículas?

Se as partículas não se tocam, por que a


presença de partículas afetam outras?

O que constitui essa ação a distância, já que


não existe uma ligação visível entre as
partículas?
Como sabemos que a partícula 2 exerce certa
influência na partícula 1?

Quando a partícula 2 é colocada a 1 sofre


efeitos da força elétrica, podemos dizer que a
partícula 2 cria um campo elétrico no espaço
que a cerca.
1. Campo Elétrico

1) Colocamos uma carga


positiva q0, carga de prova.
2) Medimos a força eletrostática
que age sobre a carga q0.
1. Campo Elétrico

1) Módulo: E = F/q0
2) Orientação: é a orientação da força eletrostática
que age sobre a carga de prova.
3) Unidade: Newton por Coulomb (N/C)

O campo elétrico existe independentemente da carga


de prova.
1. Campo Elétrico

Para investigar o papel de um campo elétrico na


interação entre objetos carregados:

1) Calcular o campo elétrico produzido por uma dada


distribuição de cargas.
2) Calcular a força que um campo elétrico dado
exerce sobre uma carga.
2. Linhas de Campo Elétrico

Michael Faraday

Espaço nas vizinhanças de um corpo eletricamente


carregado era ocupado por linhas de força.
2.1 Relação das linhas de campo e os vetores
de campo elétrico

1) Em qualquer ponto, a orientação de uma linha de


campo retilínea ou a orientação da tangente a uma
linha de campo não retilínea é a orientação do
campo elétrico nesse ponto.

2) As linhas de campo são desenhadas de tal forma


que o número de linhas por unidade de área, medido
em um plano perpendicular às linhas, é proporcional
ao módulo do campo elétrico.
2.1 Relação das linhas de campo e os vetores
de campo elétrico

As linhas de campo elétrico se afastam das cargas


positivas (onde começam) e se aproximam das
cargas negativas (onde terminam).
2.2 Campo Elétrico Uniforme

• Os vetores campo elétrico e as linhas de campo são


perpendiculares à placa.
• Como a carga esta distribuída uniformemente na
placa, todos os vetores campo elétrico têm o mesmo
módulo.
• Vetores com mesmo módulo e a mesma orientação,
em todos pontos do espaço.
3. Campo Elétrico produzido por
uma Carga Pontual

1) Colocamos uma carga de prova em um ponto.


2) De acordo com a Lei de Coulomb.
3. Campo Elétrico produzido por
uma Carga Pontual

Princípio da Superposição:
Exercício
4. Campo Elétrico produzido por um
Dipolo Elétrico

Dipolo Elétrico: São suas


partículas carregadas com
carga q e sinais opostos ,
separados por uma
distância d:
4. Campo Elétrico produzido por um
Dipolo Elétrico

• Podemos usar o sentido do momento do dipolo


para especificar a orientação de um dipolo elétrico.
• O campo elétrico de um dipolo diminui mais
rapidamente com a distância que o campo elétrico
produzido por uma carga isolada.
Exercício
5. Campo Elétrico produzido por uma Linha de
Cargas

• Distribuição de cargas muito próximas distribuídas


ao longo de uma linha, superfície ou volume.

• Distribuição contínua de cargas → densidade de


cargas
5. Campo Elétrico produzido por uma Linha de
Cargas

Nome Símbolo Unidade do SI


Carga q C
Densidade linear de λ C/m
cargas
Densidade Superficial σ C/m²
de cargas
Densidade volumétrica ρ C/m³
de cargas
Campo Elétrico produzido por um anel carregado

Qual é o campo elétrico no


ponto P, sobre o eixo central, a
uma distância z do plano do
anel?
Campo Elétrico produzido por um anel carregado

No caso de:

• z >> R → R→ 0, a equação se torna

• z = 0 (Centro do Anel): E = 0 e F = 0
A força exercida por um elemento qualquer do anel é
cancelada pela força exercida pelo elemento
diametralmente oposto.
Campo Elétrico produzido por um disco carregado

Qual é o campo elétrico no


ponto P, situado no eixo
central, a uma distância z do
disco?
Campo Elétrico produzido por um disco carregado

No caso de:

• R→ ∞ e z é finito, ou seja, uma placa infinita, a


equação se torna

• z → 0 e R é finito: Mesmo resultado do anterior


Determinar o que acontece com uma
partícula carregada quando está na presença
de um campo elétrico produzido por cargas
estacionárias ou que estejam se movendo
lentamente.
6. Uma Carga Pontual em um Campo Elétrico

Em que:
q é a carga da partícula
e o campo elétrico é o produzido pelas outras
cargas na posição da partícula (Campo Externo)
Impressora Jato de Tinta

As gotas de tinta são produzidas no gerador G e recebem uma


carga na unidade de carregamento C. Um sinal elétrico
proveniente de um computador controla a carga fornecida a
cada gota e, portanto, o efeito de um campo constante sobre a
gota e a posição em que a gota atinge o papel.
Exercício
7. Um Dipolo em um Campo Elétrico

O momento do dipolo é um
vetor que aponta da carga
negativa para a carga positiva.

Sentido Horário
Energia Potencial em um Dipolo Elétrico

Energia Potencial é mínima quando o momento está alinhado


ao campo e aponta no mesmo sentido, e será máxima quando
estão alinhados mas em sentidos opostos.
Forno de Micro-ondas
Exercício
Referências Bibliográficas

Halliday; Resnick; Walker. Fundamentos de Física. Vol 3.


Eletromagnetismo. 2012.

Serway; Jewett Jr. Princípios de Física. Vol 3.


Eletromagnetismo. 2009.