Você está na página 1de 87

física

mecânica

QUESTÕES DE VESTIBULARES

2019.1 (1 o semestre)

2019.2 (2 o semestre)

CINEMÁTICA

sumário

VESTIBULARES

2019.1

2

VESTIBULARES 2019.2

18

LEIS DE NEWTON

VESTIBULARES

2019.1

25

VESTIBULARES

2019.2

41

TRABALHO E ENERGIA

VESTIBULARES

2019.1

49

VESTIBULARES

2019.2

61

GRAVITAÇÃO

VESTIBULARES

2019.1

67

VESTIBULARES

2019.2

71

ESTÁTICA

VESTIBULARES

2019.1

72

VESTIBULARES

2019.2

74

HIDROSTÁTICA

VESTIBULARES

2019.1

76

VESTIBULARES

2019.2

83

HIDRODINÂMICA

VESTIBULARES

2019.1

87

VESTIBULARES

2019.2

87

japizzirani@gmail.com

MECÂNICA

CINEMÁTICA

VESTIBULARES 2019.1

(UERJ-2019.1) - ALTERNATIVA: A Estima-se que um mosquito seja capaz de voar 3,0 km por dia, como informa um texto. Nessas condições, a velocidade média do mosquito corresponde, em km/h, a:

*a) 0,125

b) 0,250

c) 0,600

d) 0,800

(UERJ-2019.1) - ALTERNATIVA: C Em um equipamento industrial, duas engrenagens, A e B, giram 100 vezes por segundo e 6 000 vezes por minuto, respectivamente. O

período da engrenagem A equivale a T A e o da engrenagem B, a T B .

A razão T A / T B é igual a:

a) 1 / 6

b) 3 / 5

*c) 1

d) 6

(UERJ-2019.1) - ALTERNATIVA: C

O Sol é a estrela mais próxima da Terra e dista cerca de 150 000 000

km do nosso planeta.

Admitindo que a luz percorre 300 000 km por segundo, o tempo, em minutos, para a luz que sai do Sol chegar à Terra é, aproximada- mente, igual a:

a) 7,3

b) 7,8

*c) 8,3

d) 8,8

(UERJ-2019.1) - ALTERNATIVA: A Observe no gráfico a curva representativa do movimento de um ve- ículo ao longo do tempo, traçada a partir das posições registradas durante seu deslocamento.

partir das posições registradas durante seu deslocamento. O valor estimado da velocidade média do veículo, em
partir das posições registradas durante seu deslocamento. O valor estimado da velocidade média do veículo, em

O valor estimado da velocidade média do veículo, em m/s, corres-

ponde a:

*a) 1

b) 2

c) 3

d) 4

(UEG/GO-2019.1) - ALTERNATIVA: E

O espaço de um corpo material varia com tempo como descrito na

figura a seguir.

material varia com tempo como descrito na figura a seguir. No intervalo de tempo apresentado no

No intervalo de tempo apresentado no gráfico, o ponto material

a) passa pela origem dos espaços.

d) deve estar freando.

b) possui velocidade de 6,0 cm/s.

*e) está em repouso.

c) tem aceleração positiva.

japizzirani@gmail.com

(UNICENTRO/PR-2019.1) - ALTERNATIVA: E Nas proposições a seguir, assinale verdadeiro (V) ou falso (F) e, depois, marque a sequência obtida.

(

) Ponto material é um corpo cujas dimensões são desprezí- veis quando comparadas com as grandezas envolvidas no fenômeno em estudo.

(

) Um corpo está em movimento quando a distância entre o corpo e o referencial permanece constante.

(

)

Trajetória é a linha determinada pelas diversas posições que um corpo ocupa no decorrer do tempo.

(

)

Aceleração é a grandeza responsável pela variação da velo- cidade de um corpo.

(

) Movimento uniforme é aquele em que a aceleração é cons- tante e não nula.

a) V, F, V, F, V.

b) V, V, F, F, V.

c) F, V, F, F, F.

d) V, V, F, V, F.

*e) V, F, V, V, F.

(UNICENTRO/PR-2019.1) - ALTERNATIVA: A Se, num movimento, acontecer de a velocidade escalar instantânea ser igual à velocidade escalar média, num intervalo de tempo qual- quer, podemos afirmar que o movimento é

*a) uniforme.

b) retilíneo e uniforme.

c) retilíneo e uniformemente acelerado.

d) retilíneo e uniformemente desacelerado.

e) variado.

(UNIFENAS/MG-2019.1) - ALTERNATIVA: E Um metrô parte do repouso de uma estação X, acelera uniforme- mente por 5 segundos, atingindo velocidade máxima de 40 m/s. Em

seguida, mantém sua velocidade por mais 5 segundos. E, finalmen- te, desacelera no intervalo de 10 segundos, parando. Considerando

o trajeto retilíneo, obtenha a distância percorrida, em metros.

a) 50.

d) 250.

b) 100.

*e) 500.

c) 150.

(IME/RJ-2019.1) - ALTERNATIVA: B Duas pessoas executam um experimento para medir o raio da Terra

a partir da observação do pôr do Sol. No momento em que uma pes-

soa, deitada, observa o pôr do Sol a partir do nível do mar, uma outra

pessoa, de pé, inicia a contagem do tempo até que ela observe o pôr do Sol a partir da altura dos seus olhos. Sabendo-se que o intervalo de tempo entre as duas observações é Δt, o raio da Terra obtido por meio desse experimento é

Observações:

considere a terra uma esfera perfeita;

considere o eixo de rotação do planeta perpendicular ao pla- no de translação;

o

experimento foi executado na linha do Equador; e

desconsidere o movimento de translação da Terra.

Dados:

período de rotação da Terra: T; e

distância vertical entre os olhos do segundo observador e

a)

*b)

c)

o

nível do mar: h.

h

1 – cos ( 2p Δt

)

T

h

sec ( 2p Δt ) – 1

T

h cotg ( 2p Δt

)

T

d) h cosec ( 2p Δt

)

T

e)

h sen ( 2p Δt

)

T

1 – cos ( 2p Δt

)

T

2

(IME/RJ-2019.1) - ALTERNATIVA: A Uma partícula desloca-se solidária a um trilho circular com 0,5 m de raio. Sabe-se que o ângulo q , indicado na figura, segue a equação q = t 2 , onde t é o tempo em segundos e q é o ângulo em radianos.

t é o tempo em segundos e q é o ângulo em radianos. O módulo do

O módulo do vetor aceleração da partícula, em t = 1 s, é:

*a) 5

b) 2

c) 1

d) 25

e) 2

OBS.: Faltam as unidades nas alternativas, elas são m/s 2 .

(SENAI/SP-2019.1) - ALTERNATIVA: E

A ilustração a seguir representa a caminhada a pé de um garoto.

a seguir representa a caminhada a pé de um garoto. Fonte: Disponível em:

Fonte: Disponível em: <https://www.google.com.br/maps/@-21.7900142, -50.8746627,17.75z>. Acesso em: 05 jun. 2016.

Considerando que o garoto caminhe a uma taxa constante de 80 passos por minuto; que o passo médio dele tenha, aproximadamen-

te, 50 cm e que cada quarteirão possui a distância de 100 m, de- termine o número de passos dados e o tempo gasto para que ele percorra a distância do ponto A ao ponto B.

a) 8 passos e 0,1 minutos.

b) 400 passos e 5 minutos.

c) 400 passos e 10 minutos.

d) 800 passos e 5 minutos.

*e) 800 passos e 10 minutos.

(VUNESP-UNICID/SP-2019.1) - ALTERNATIVA: A Um observador, parado na plataforma de uma estação ferroviária, vê um trem A passar por um dos lados da plataforma com velocidade de 8,0 m/s e, no lado oposto, um trem B passar em sentido contrário ao do trem A.

oposto, um trem B passar em sentido contrário ao do trem A. Se um passageiro sentado

Se um passageiro sentado no trem A vê um passageiro sentado no trem B se deslocar com velocidade de 18 m/s, o observador parado na plataforma vê o trem B se deslocar com velocidade de *a) 10 m/s.

b) 13 m/s.

c) 20 m/s.

d) 26 m/s.

e) 16 m/s.

japizzirani@gmail.com

(SENAI/SP-2019.1) - ALTERNATIVA: A Considere que na fábula da tartaruga e da lebre, os animais percor- ram as distâncias indicadas no circuito a seguir.

percor- ram as distâncias indicadas no circuito a seguir. Nessa situação observou-se que: • o trajeto

Nessa situação observou-se que:

o trajeto percorrido pelos dois animais parte do ponto A e retor- na a ele, no sentido indicado pelas setas.

a lebre demorou 30 min para percorrer o trajeto de A até B; 2 horas de B até C; 5 horas de C até D; 30 min de D até A.

a tartaruga demorou 2 horas para percorrer o trajeto de A até B; 1 hora de B até C; 2 horas de C até D; 1 hora de D até A.

Considerando todas essas observações, as velocidades médias, em km/h, da lebre e da tartaruga são, respectivamente,

*a)

b)

c)

d)

e)

1,75 e 2,33.

1,25 e 1,66.

1,50 e 2,00.

0,57 e 0,43.

1,12 e 1,5.

(VUNESP-UNICID/SP-2019.1) - ALTERNATIVA: D

A velocidade com que um caramujo se desloca é aproximadamente

1 mm/s e a velocidade de um avião em voo de cruzeiro é aproxima- damente 900 km/h. A razão entre a velocidade do avião e a veloci- dade do caramujo, ambas na mesma unidade, é

a) 2,50×10 6 .

b) 3,24×10

c) 2,50×10

*d) 2,50×10 5 .

e) 3,24×10 6 .

3 .

2 .

(CESGRANRIO-FMP/RJ-2019.1) - ALTERNATIVA: A

Em um experimento, o tempo medido, para um carrinho percorrer uma distância de 1,190 ± 0,001 m, foi de 1,70 ± 0,01 s.

A velocidade média do carrinho, em m/s, expressa com o número

correto de algarismos significativos, é

*a) 7,00×10 1

b) 7,000×10 1

c) 7,0×10 1

d) 7,0000×10 1

e) 7×10 1

(PUC/RJ-2019.1) - ALTERNATIVA: E Um jogador chuta uma bola a partir do solo, e ela sai com um ângulo de 45° em relação à horizontal. Desprezando a resistência do ar, a bola atinge uma altura máxima de 2,5 m. Qual é o módulo da velocidade inicial da bola, em m/s?

a)

b)

c) 5,0

d) 502

*e) 10

10
10

2,52

Dados

g = 10 m/s

cos 45° = sen 45° = 2

2

2

(PUC/RJ-2019.1) - ALTERNATIVA: E Um pequeno satélite percorre uma órbita circular em torno de um pla- neta distante, com velocidade escalar constante igual a 2 400 km/h.

O período da órbita é de 3,14 horas.

Qual é o módulo da aceleração do satélite, em km/h 2 ?

a) 0

b) 764

c) 1200

d) 2 400

*e) 4 800

3

(CESGRANRIO-FMP/RJ-2019.1) - ALTERNATIVA: C Uma aeronave, antes de aterrissar no Aeroporto Santos Dummont

no Rio de Janeiro, faz uma curva no ar, mostrando aos passageiros

a bela vista da Baía de Guanabara. Suponha que essa curva seja

um círculo de raio 6 000 m e que a aeronave trace essa trajetória

com velocidade de módulo constante igual a 432,0 km·h 1 em re- lação ao solo.

A aceleração centrípeta da aeronave, em relação ao solo, vale, em

m·s 2 , aproximadamente

a) 7,200

b) 9,800

*c) 2,400

d) 31,10

e) 2,000

(PUC/RJ-2019.1) - ALTERNATIVA: B

Uma moça faz um programa de treinamento físico com duração de 40,0 min em uma esteira, de forma a intercalar caminhada e corrida em ciclos de 5,00 min: durante os primeiros 2,00 min, ela caminha

a uma velocidade de 6,00 km/h e, então, corre a uma velocidade de 9,00 km/h nos seguintes 3,00 min.

Ao fim do tempo de treinamento, qual é a leitura de distância total percorrida, em km, que a esteira indica?

a) 5,0

*b) 5,2

c) 6,0

d) 7,5

e) 7,8

(PUC/PR-2019.1) - ALTERNATIVA: D Estudos apontam que peixes migratórios, quando nadam contra a

correnteza, o fazem de forma a minimizar a energia requerida para percorrer determinada distância. Para isso, eles nadam em relação

à água com velocidade 50% maior do que a velocidade da corrente-

za. Nessas condições, o tempo gasto por um peixe migratório para

percorrer em linha reta 100 m em relação às margens de um rio, na- dando contra uma correnteza de 8m/s, medida também em relação às margens, é igual a

a) 5 s.

b) 12,5 s.

c) 20 s.

*d) 25 s.

e) 50 s.

(UVV/ES-2019.1) - ALTERNATIVA: B

O Biatlo é um esporte olímpico desde a década de 1960 (a versão

feminina só estreou nos Jogos de inverno em 1992), e teve origem com antigas práticas de caça e patrulhamento de fronteiras no norte da Europa. As provas combinam Cross-Country e tiro esportivo (Ca- rabina.22LR), variando de três a cinco voltas no percurso.

rabina.22LR), variando de três a cinco voltas no percurso. Disponível em: globoesporte.globo.com - Acesso em:

Disponível em: globoesporte.globo.com - Acesso em: 22/02/2018.

Na prova masculina, os atletas esquiam 15 km, e cada parada con- siste de uma bateria de cinco tiros realizados a 50 metros de distân- cia. Os tiros perdidos tornam-se penalidades. Um dos atletas posiciona seu rifle horizontalmente e efetua um dis- paro, acertando o centro do alvo. Considere que o projétil deixa a carabina com uma velocidade de 250 m/s e a gravidade como sendo de 10,0 m/s 2 . Contando a partir da linha horizontal do cano da arma, qual é a dis- tância vertical dessa arma até o centro do alvo?

a) 0,10 m.

*b) 0,20 m. e) 0,80 m.

c) 0,35 m.

japizzirani@gmail.com

d) 0,48 m.

(PUC/PR-2019.1) - ALTERNATIVA: C Para avaliar as condições de um determinado atleta, foi preparado um teste em pista retilínea e analisada sua velocidade escalar de acordo com o tempo. Um gráfico foi preparado, sendo o instante 0 o início e 10 segundos o final da análise.

o instante 0 o início e 10 segundos o final da análise. A respeito do movimento

A

respeito do movimento retilíneo desenvolvido pelo atleta entre 0

e

10 segundos, qual é módulo da velocidade média apresentada

por ele?

a) 5,0 m/s.

b) 6,5 m/s.

*c) 7,5 m/s.

d) 8,5 m/s.

e) 10 m/s.

(PUC-CAMPINAS/SP-2019.!) - ALTERNATIVA: C Um motorista pretendia percorrer a distância entre duas cidades de- senvolvendo a velocidade média de 90 km/h (1,5 km/min). Entretan- to, um trecho de 3,0 km da estrada estava em obras, com o trânsito fluindo em um único sentido de cada vez e com velocidade reduzida. Por esse motivo, ele ficou parado durante 5,0 minutos e depois per- correu o trecho em obras com velocidade de 30 km/h (0,5 km/min). Considerando que antes de ficar parado e depois de percorrer o trecho em obras ele desenvolveu a velocidade média pretendida, o tempo de atraso na viagem foi

a) 7,0 min.

d) 10,0 min.

b) 8,0 min.

e) 11,0 min.

*c) 9,0 min.

(VUNESP-StaCASA/SP-2019.1) - ALTERNATIVA: D Dois irmãos, João e Maria, moram juntos e saíram de casa condu- zindo seus respectivos veículos no mesmo sentido, por uma mesma

estrada retilínea. João conduzia seu veículo a 60 km/h e Maria, a 40 km/h. Sabendo que João saiu de casa 12 minutos depois de Maria,

a posição em que ele alcançou sua irmã dista de sua casa

a) 28 km.

*d) 24 km.

b) 26 km.

e) 30 km.

c) 22 km.

(UNICENTRO/PR-2019.1) - ALTERNATIVA: D Um avião, ao decolar, leva 40 s para atingir a velocidade de 72 km/h, partindo do repouso. Nessas condições, o valor de sua aceleração, em m/s 2 , é igual a

a) 0,2

b) 0,3

c) 0,4

*d) 0,5

(UNICENTRO/PR-2019.1) - ALTERNATIVA: A Com base nos dados do gráfico velocidade ×tempo, o caminho per- corrido, em metros, pelo móvel entre os instantes t 1 = 0 e t 3 = 10 s, é

per- corrido, em metros, pelo móvel entre os instantes t 1 = 0 e t 3

*a) 40

b) 60

c) 80

d)

120

4

(UNICENTRO/PR-2019.1) - ALTERNATIVA: A Uma esfera é lançada verticalmente para cima com uma velocidade inicial de módulo igual a 6,0 m/s. Desprezando-se a resistência do ar e considerando-se o módulo da

aceleração da gravidade local igual a 10m/s 2 , a altura atingida pela esfera é igual, em metros, a

*a) 1,8

b) 2,0

c) 3,0

d) 5,2

(UNICENTRO/PR-2019.1) - ALTERNATIVA: D Uma partícula é lançada, conforme figura, nas proximidades da su- perfície terrestre onde a intensidade do campo gravitacional é igual

a g.

onde a intensidade do campo gravitacional é igual a g. Para que a partícula atinja a

Para que a partícula atinja a altura máxima h, o módulo da velocida-

de de lançamento deve ser igual a gh
a)

2

2gh

(2gh) ½

cosq

b)

c)

*d) (2gh) ½

senq

(FGV/RJ-2019.1) - ALTERNATIVA: B

O navegante português Antônio Alvarinho partiu com sua caravela

da latitude 30° norte em direção ao sul. Após exatos 16 dias, nave- gando sempre para o sul, Alvarinho observou as estrelas do céu e notou que estava na latitude 15° sul.

as estrelas do céu e notou que estava na latitude 15° sul. Considerando que o raio

Considerando que o raio da terra é de aproximadamente 6 400 km,

a velocidade média da caravela de Alvarinho nestes 16 dias foi apro- ximadamente de

a)

250 km/dia

d) 825 km/dia

*b)

314 km/dia

e) 125 km/dia

c) 416 km/dia

(UFPR-2019.1) - ALTERNATIVA: D

Um objeto move-se numa pista retilínea, descrevendo um movimen-

to retilíneo uniformemente variado, quando observado por um sis-

tema de referência inercial. A posição desse objeto é descrita pela equação x(t) = 5 – 6t + 3t 2 , onde x é medido em metros e t em se- gundos. Sabe-se que a massa do objeto é fixa e vale m = 600 g. Ten- do em vista essas informações, considere as seguintes afirmativas:

1. A posição inicial do objeto vale 5 m.

2. A força agindo sobre o objeto durante o movimento vale, em módulo, F = 3,6 N.

3. O objeto tem velocidade nula em t = 1 s.

4. No intervalo de t = 0 a t = 3 s, o objeto tem deslocamento total nulo.

Assinale a alternativa correta.

a) Somente as afirmativas 1 e 2 são verdadeiras.

b) Somente as afirmativas 2 e 4 são verdadeiras.

c) Somente as afirmativas 3 e 4 são verdadeiras.

*d) Somente as afirmativas 1, 2 e 3 são verdadeiras.

e) As afirmativas 1, 2, 3 e 4 são verdadeiras.

japizzirani@gmail.com

(FGV/RJ-2019.1) - ALTERNATIVA: A Em 29 de abril de 2018, o jornal O Estado de S. Paulo publicou uma

reportagem de título “Órbita da Terra já acumula 7,5 mil toneladas de sucata”. A maior parte do lixo espacial é formada por satélites ina- tivos, partes descartadas de foguetes e pedaços de equipamentos que explodiram. Considere um satélite meteorológico inativo que or- bita a Terra a 1000 km de sua superfície e dá uma volta completa em torno da Terra em 90 minutos. O módulo da velocidade média deste pedaço de satélite, em relação ao centro da Terra, é *a) 28 000 km/h.

b) 14 000 km/h.

c) 4 000 km/h.

d) 8 000 km/h.

e) 24 000 km/h.

Considere que a Terra seja esférica, com raio de 6 000 km e que a órbita do satélite seja circular. Use o valor p = 3.

(SENAI/SP-2019.1) - ALTERNATIVA: E

Dois carros A e B, após atravessarem um cruzamento na cidade, deslocam-se seguindo uma trajetória perpendicular entre si. O carro

A segue na direção horizontal, sentido norte, enquanto que o carro B

segue na direção horizontal, sentido oeste.

A direção e o sentido da soma das velocidades entre os dois carros

são

a) horizontal para o oeste.

b) diagonal a nordeste.

c) vertical e para o norte.

d) horizontal e para o leste.

*e) diagonal a noroeste.

(SENAI/SP-2019.1) - ALTERNATIVA: C Os radares fixos são dispositivos utilizados em ruas e rodovias para flagrar um veículo que esteja trafegando acima da velocidade limite permitida naquela via. São compostos por três sensores magnéticos, fixados no solo, dis- tantes alguns centímetros um dos outros, e uma câmera fotográfica, fixada em um poste, um pouco à frente desses sensores. Um veículo que esteja trafegando nessa via, ao passar pelo primeiro sensor, dispara o cronômetro de contagem de tempo. Ao atravessar

o segundo sensor, o cronômetro é travado e, a partir do tempo trans- corrido entre os dois sensores, um processador calcula automatica- mente a velocidade média do veículo naquele trecho.

Caso a velocidade tenha superado o limite permitido na via, é calcu- lado o tempo entre o segundo e o terceiro sensor. Em se confirman- do a velocidade alta, um sinal é emitido para a câmera fotográfica, que registra a imagem do veículo. Certo veículo, trafegando em uma avenida, cujo limite de velocidade

é de 40 km/h, atravessa os dois primeiros sensores, distantes um do outro 75 cm, em um tempo de 0,05 segundo. Considerando essas condições e a confirmação de que a velocidade média entre o segundo sensor e o terceiro foi a mesma registrada entre o primeiro e o segundo, é correto afirmar que o motorista

a) será multado, pois sua velocidade média foi de 150 km/h.

b) será multado, pois sua velocidade média foi de 80 km/h.

*c) será multado, pois sua velocidade média foi de 54 km/h.

d) prosseguirá sem multa, pois sua velocidade média foi de 30 km/h.

e) prosseguirá sem multa, pois sua velocidade média foi de 15 km/h.

(UNITAU/SP-2019.1) - ALTERNATIVA: E Um objeto é lançado verticalmente para cima e atinge a altura máxi- ma do movimento apenas dois segundos após o lançamento. Após atingir essa altura máxima, o objeto cai até atingir o solo em um ponto dois metros abaixo do ponto de onde ocorreu o lançamento. Considere desprezíveis as dimensões do objeto, o atrito do objeto com o ar e, ainda, considere o módulo da aceleração gravitacional terrestre g = 10 m/s 2 . Assinale a alternativa que apresenta somente afirmações verdadei- ras sobre o movimento descrito.

a)

O tempo total de voo do objeto (intervalo de tempo decorrido entre

o

lançamento e a aterrissagem) foi de 4 s.

b)

Ao longo do movimento, o módulo da aceleração do objeto foi de

20 m/s 2 .

c)

O módulo da velocidade do objeto imediatamente antes de atingir

o

solo foi de 20 m/s.

d)

Ao atingir a altura máxima do movimento, o módulo da aceleração

do movimento foi de 0 m/s 2 . *e) O módulo da velocidade de lançamento do objeto foi de 20 m/s.

5

(UNITAU/SP-2019.1) - ALTERNATIVA: A

A tabela abaixo apresenta dados sobre o movimento de uma partí-

cula (objeto cujas dimensões são desprezíveis) que se desloca ao longo de uma linha reta.

t (s)

0

1

2

3

4

x (m)

10

15

24

31

42

v (m/s)

4

6

8

10

12

Nessa tabela, x é medido em metros e representa a distância da partícula em relação a um observador inercial, localizado na origem do sistema de coordenadas; v, medido em metros por segundos, é a velocidade instantânea do objeto; os valores de x e v são mostrados para alguns instantes de tempo (t), sendo t medido em segundos. Assinale a alternativa que apresenta somente funções que descre- vem CORRETAMENTE o movimento dessa partícula. *a) x(t) = 10 + 4t + t 2 e v(t) = 4 +2t

b)

c)

d)

e)

x(t) = 4t + 2t

x(t) = 10 + 15t

e

v(t) = 10 + 4t + t 2

e

v(t) = –4 + 2t

v(t) = 5 + 6t v(t) = 4 + 2t

x(t) = 10 + 5t + 3t 2 x(t) = 10 + 2t+2t 2

e

e

(VUNESP/UEA/AM-2019.1) - ALTERNATIVA: D A figura representa o líder (corredor A) e o segundo colocado (cor- redor B) de uma corrida de rua no momento em que A está a 900 m da linha de chegada e B está 300 m atrás de A. Nesse instante, o primeiro e o segundo colocados têm velocidades de 3,0 m/s e 3,5 m/s, respectivamente.

têm velocidades de 3,0 m/s e 3,5 m/s, respectivamente. Considerando que eles mantenham suas velocidades constantes

Considerando que eles mantenham suas velocidades constantes até o final da prova, pode-se afirmar que

a)

B vence a prova, cruzando a linha de chegada no instante em que

A

está 150 m atrás dele.

b)

B vence a prova, cruzando a linha de chegada no instante em que

A

está 50 m atrás dele.

c)

A vence a prova, cruzando a linha de chegada no instante em que

B

está 50 m atrás dele.

*d) A vence a prova, cruzando a linha de chegada no instante em que B está 150 m atrás dele.

e) A e B cruzam a linha de chegada juntos.

(VUNESP-UEA/AM-2019.1) - ALTERNATIVA: E Na montagem de determinado mecanismo, foi necessário acoplar duas engrenagens dentadas, A e B, de modo que elas girassem em sentidos contrários, como representado na figura.

em sentidos contrários, como representado na figura. As engrenagens A e B têm, em suas periferias,

As engrenagens A e B têm, em suas periferias, 15 e 60 dentes, res- pectivamente. Sabendo que o período de rotação da engrenagem A

é de 0,5 s, a frequência de rotação da engrenagem B é de

a) 2,0 Hz.

b) 0,2 Hz.

c) 1,5 Hz.

d) 1,0 Hz.

*e) 0,5 Hz

japizzirani@gmail.com

(VUNESP-UEA/AM-2019.1) - ALTERNATIVA: E Em determinado trecho de uma estrada retilínea, um motorista au- menta a velocidade de seu veículo de 36 km/h para 108 km/h. O ponteiro do velocímetro desse veículo indica essa variação de velo- cidade sofrendo uma rotação de 120º com velocidade angular média

p

de 30 rad/s.

de 120º com velocidade angular média p de 30 rad/s. Considerando essas informações, a aceleração escalar

Considerando essas informações, a aceleração escalar média des- se veículo nesse trecho da estrada foi de

a) 1,5 m/s 2 .

b) 1,2 m/s 2 .

c) 0,6 m/s 2 .

d) 0,8 m/s 2 .

*e) 1,0 m/s 2 .

(VUNESP-UEA/AM-2019.1) - ALTERNATIVA: A O gráfico indica a variação da velocidade de um carro, ao longo do tempo, enquanto se movimentava sobre uma estrada reta.

do tempo, enquanto se movimentava sobre uma estrada reta. Ao analisar o gráfico, percebemos que o

Ao analisar o gráfico, percebemos que o movimento desse carro

pode ser fracionado em três situações distintas: I, II e III. Sendo MRU a abreviação para movimento retilíneo e uniforme e MRUV a abreviação para movimento retilíneo uniformemente variado, as situações I, II e III, nesta ordem, correspondem a *a) repouso, MRUV e MRU.

b) repouso, MRU e repouso.

c) MRU, MRU e MRUV.

d) MRU, repouso e MRUV.

e) MRUV, MRUV e repouso.

(VUNESP-UEA/AM-2019.1) - ALTERNATIVA: E Numa bicicleta, os pedais estão unidos a uma roda dentada chama- da coroa, como mostra a imagem.

a uma roda dentada chama- da coroa, como mostra a imagem. (http://mtbculturaeliberdade.blogspot.com) Sabendo que os

(http://mtbculturaeliberdade.blogspot.com)

Sabendo que os pedais e os dentes da coroa completam uma volta ao mesmo tempo, pode-se afirmar que as velocidades lineares, as velocidades angulares e as frequências de ambos são, nesta ordem,

a) iguais, iguais e diferentes.

b) iguais, diferentes e iguais.

c) iguais, diferentes e diferentes.

d) diferentes, diferentes e iguais.

*e) diferentes, iguais e iguais.

6

(SENAI/SP-2019.1) - ALTERNATIVA: E Um passageiro observou que em 4 segundos o táxi em que viajava alterou a velocidade de 40 km/h para 90km/h. A aceleração escalar média aproximada do táxi é igual a

a) 1,0 m/s 2 .

b) 1,5 m/s 2 .

c) 2,0 m/s 2 .

d) 2,6 m/s 2 .

*e) 3,5 m/s 2 .

(VUNESP-UEA/AM-2019.1) - ALTERNATIVA: A Um objeto, após ser abandonado do repouso do alto de um edifício, cai verticalmente. Na figura, ele é mostrado em cinco instantes di- ferentes.

Na figura, ele é mostrado em cinco instantes di - ferentes. Desprezando a resistência do ar,

Desprezando a resistência do ar, adotando g = 10 m/s 2 e sabendo

que o objeto percorreu 8,75 m no último 0,5 s antes de tocar o solo, o tempo total de sua queda foi de *a) 2,0 s.

b) 1,5 s.

c) 2,5 s.

d) 3,5 s.

e) 3,0 s.

(UNIRG/TO-2019.1) - ALTERNATIVA: C No mês de setembro deste ano, na cidade litorânea de Ocean City (EUA), um fato inusitado chamou a atenção dos transeuntes. Um guaxinim foi visto escalando rapidamente um prédio até a altura do

piso do nono andar. Na sequência, o animal se precipitou, atingindo um solo arenoso que, felizmente, minimizou parte do impacto da queda. Supondo-se que a distância do solo ao piso do primeiro andar seja

de 4 metros e que a distância entre os pisos dos andares seja de

2 metros, o módulo da velocidade em que o animal atinge a areia será de

(Admita que a resistência do ar seja desprezível e que g = 10 m/s 2 ):

a) 40 km/h;

b) 56 km/h;

*c) 72 km/h;

d) 94 km/h.

(UNIRG/TO-2019.1) - ALTERNATIVA: D

O empresário e visionário Elon Musk desenvolveu o que seria o

meio de transporte terrestre mais rápido do mundo: o Hyperloop.

Consiste em uma cápsula hermeticamente fechada, posta dentro de um tubo de baixa pressão, energizado com 7 mil volts. Ele é capaz

de alcançar a incrível velocidade de 1152 quilômetros por hora. O

primeiro teste do Hyperloop ocorreu no Deserto de Nevada. A partir

do

repouso, a cápsula levou 1,2 segundo para atingir a velocidade

de

172,8 quilômetros por hora.

Considerando-se que a aceleração do Hyperloop seja constante, a distância percorrida até que ele atinja sua velocidade máxima, par- tindo do repouso, será de:

a) 576 metros;

b) 735 metros;

c) 970 metros;

*d) 1280 metros.

japizzirani@gmail.com

(VUNESP-UEA/AM-2019.1) - ALTERNATIVA: B Enquanto instalava uma antena na laje do prédio, o zelador aciden- talmente esbarrou em um parafuso que estava sobre a mureta, ar- remessando-o horizontalmente para fora do prédio, com velocidade

de 2 m/s.

para fora do prédio, com velocidade de 2 m/s. Considere que a aceleração da gravidade no

Considere que a aceleração da gravidade no local seja 10 m/s 2 e que a resistência do ar seja desprezível. Sabendo que a altura da

mureta até o chão era de 20 m, a distância d, entre a base do prédio

e o ponto P em que o parafuso caiu, foi de

a) 2 m.

*b) 4 m.

c) 5 m.

d) 6 m.

e) 8 m.

(ENEM-2018) - ALTERNATIVA: C

O sonorizador é um dispositivo físico implantado sobre a superfí-

cie de uma rodovia de modo que provoque uma trepidação e ruído quando da passagem de um veículo sobre ele, alertando para uma situação atípica à frente, como obras, pedágios ou travessia de pe- destres. Ao passar sobre os sonorizadores, a suspensão do veículo sofre vibrações que produzem ondas sonoras, resultando em um barulho peculiar. Considere um veículo que passe com velocidade constante igual a 108 km/h sobre um sonorizador cujas faixas são separadas por uma distância de 8cm.

Disponível em: www.denatran.gov.br. Acesso em: 2 set. 2015 (adaptado).

A frequência da vibração do automóvel percebida pelo condutor du-

rante a passagem nesse sonorizador é mais próxima de

a) 8,6 hertz.

b) 13,5 hertz.

*c) 375 hertz.

d) 1350 hertz.

e) 4 860 hertz.

(ENEM-2018) - ALTERNATIVA: A

Numa atividade de treinamento realizada no Exército de um determi- nado país, três equipes – Alpha, Beta e Gama – foram designadas

a percorrer diferentes caminhos, todos com os mesmos pontos de partida e de chegada.

A equipe Alpha realizou seu percurso em 90 minutos com uma velocidade média de 6,0 km/h.

A equipe Beta também percorreu sua trajetória em 90 minu- tos, mas sua velocidade média foi de 5,0 km/h.

Com uma velocidade média de 6,5 km/h, a equipe Gama con- cluiu seu caminho em 60 minutos.

Com base nesses dados, foram comparadas as distâncias d Beta ; d Alpha e d Gama percorridas pelas três equipes.

A ordem das distâncias percorridas pelas equipes Alpha, Beta e

Gama é

*a) d Gama < d Beta < d Alpha

b) d Alpha = d Beta < d Gama

c) d Gama < d Beta = d Alpha

d) d Beta < d Alpha < d Gama

e) d Gama < d Alpha < d Beta

7

(VUNESP-UEA/AM-2019.1) - ALTERNATIVA: C Atendendo a um pedido de socorro, um helicóptero de resgate, im- pedido de pousar na floresta, foi mantido parado a 50 m do solo. Enquanto isso, um socorrista desceu do helicóptero para efetuar o resgate, preso a uma corda desenrolada de uma carretilha, de ma- neira uniforme. A razão em que o socorrista efetuou a descida está descrita na tabela.

que o socorrista efetuou a descida está descrita na tabela. Tempo (s) Comprimento libera- do pela

Tempo (s)

Comprimento libera- do pela carretilha (m)

0

0,0

3

1,5

6

3,0

9

4,5

De acordo com os dados, o tempo total gasto para efetuar a descida completa do socorrista, do helicóptero ao solo, foi de

a) 1 minuto.

b) 1 minuto e 20 segundos.

*c) 1 minuto e 40 segundos.

d) 2 minutos.

e) 2 minutos e 30 segundos.

(UPS/RS-2019.1) - ALTERNATIVA: B Um corpo descreve um movimento circular uniforme cuja trajetória tem 5 m de raio. Considerando que o objeto descreve 2 voltas em 12 s, é possível afirmar que sua velocidade tangencial, em m/s, é de, aproximadamente

(Considere p = 3,14 rad.)

a) 3,14

*b) 5,2

c)15,7

d) 6,28

e) 31,4

(FGV/SP-2019.1) - ALTERNATIVA: 92B e 93C O enunciado e o gráfico a seguir referem-se às questões de núme- ros 92 e 93. Um velódromo de formato circular tem pista de raio 25 m. Deter- minado ciclista, cuja massa mais a da bicicleta somam 70 kg, tem anotadas as velocidades desenvolvidas durante um treinamento. O gráfico dessas velocidades, em função do tempo, é o da figura.

dessas velocidades, em função do tempo, é o da figura. Considere p @ 3. QUESTÃO 92

Considere p @ 3.

QUESTÃO 92 O número de voltas, em torno da pista, efetuadas pelo ciclista, no intervalo de tempo mostrado no gráfico, foi mais próximo de

a) 17.

*b) 19.

c) 22.

d) 23.

e) 25.

QUESTÃO 93 As rodas da bicicleta têm 60 cm de diâmetro e rolam pela pista sem deslizar. A frequência máxima, em Hz, com que elas giraram durante o treino, foi mais próxima de

a) 2.

b) 4.

*c) 6.

d) 8.

e) 10.

japizzirani@gmail.com

(UNICAMP/SP-2019.1) - ALTERNATIVA: D

O físico inglês Stephen Hawking (1942-2018), além de suas con-

tribuições importantes para a cosmologia, a física teórica e sobre a

origem do universo, nos últimos anos de sua vida passou a sugerir estratégias para salvar a raça humana de uma possível extinção, entre elas, a mudança para outro planeta. Em abril de 2018, uma empresa americana, em colaboração com a Nasa, lançou o satélite TESS, que analisará cerca de vinte mil planetas fora do sistema so- lar. Esses planetas orbitam estrelas situadas a menos de trezentos anos-luz da Terra, sendo que um ano-luz é a distância que a luz percorre no vácuo em um ano. Considere um ônibus espacial atual que viaja a uma velocidade média v = 2,0×10 4 km/s. O tempo que esse ônibus levaria para chegar a um planeta a uma distância de 100 anos-luz é igual a

(Dado: A velocidade da luz no vácuo é igual a c = 3,0×10 8 m/s.)

a) 66 anos.

b) 100 anos.

c) 600 anos.

*d) 1500 anos.

(UEPG/PR-2019.1) - RESPOSTA: SOMA = 14 (02+04+08)

Sobre os conceitos físicos envolvidos na Cinemática, assinale o que for correto. 01) Um jogador de futebol que desenvolve uma velocidade média de 8 m/s em 90 minutos de jogo, percorrerá uma distância de 720 m. 02) Quando um corpo qualquer se movimenta com velocidade esca-

lar constante, sua aceleração escalar é nula.

04) Se a velocidade de um carro varia de 0 a 20 m/s em um intervalo

de tempo de 5 s, pode-se concluir que sua aceleração escalar média

é de 4 m/s 2 .

08) O movimento é sempre relativo. Ele existe ou não, em relação a

um determinado referencial.

(IF/CE-2019.1) - ALTERNATIVA: B Considere um movimento de queda livre em que duas partículas, 1

e 2, têm massas m 1 = 1 kg e m 2 = 2 kg e estão localizadas a uma mesma altura acima do solo. As duas partículas são abandonadas simultaneamente. Para a partícula 1 observa-se que, no intervalo de tempo Δt = 2 s, se desloca verticalmente Δy = 20 m. Para o mesmo intervalo de tempo Δt = 2 s, o deslocamento vertical da partícula 2, em m, será

(Utilize g = 10 m/s 2 .)

a) 40.

b) 10.

*c) 20.

d) 5

e) 50.

(FMABC/SP-2019.1) - ALTERNATIVA: A

As figuras mostram uma seção de um cilindro oco que gira em torno

do seu eixo, disposto verticalmente, com velocidade constante, efe-

tuando 150 rotações por minuto. Um projétil penetra horizontalmente

no

te

pelo ponto B, o ponto A está a uma distância angular igual a 45° à frente do ponto B.

cilindro pelo ponto A, numa direção que passa perpendicularmen-

pelo eixo do cilindro. No momento em que o projétil sai do cilindro

Figura A

w
w

Figura B

w
w

Sabendo que o ponto A ainda não completou uma volta e que o mo-

vimento do projétil se deu sempre na direção horizontal, o intervalo

de tempo que o projétil demorou para atravessar o cilindro foi

*a) 0,25 s.

b) 0,30 s.

c) 0,10 s.

d) 0,15 s.

e) 0,20 s.

8

(UFVJM/MG-2019.1) - ALTERNATIVA: D

Animais predadores terrestres são capazes de correr em altas velo- cidades para perpetuar sua espécie obtendo alimento de caça. Considere que esses animais coexistam em um determinado am-

biente:

• Guepardo capaz de percorrer 192 metros em 6 segundos;

• Leoa capaz de percorrer 200 metros em 9 segundos;

• Coiote capaz de percorrer 247 metros em 13 segundos;

Esses animais são predadores dos antílopes que são capazes de atingir uma velocidade máxima de 80 km/h. Esse tipo de competição faz com que apenas algumas espécies consigam capturar antílopes

de forma eficiente passando para seus descendentes as mudanças

desenvolvidas durante a vida.

ASSINALE a alternativa que contém a velocidade correta do preda- dor mais propício e o nome da Lei de Lamarck que explica a passa- gem das mudanças desenvolvidas para os descendentes.

a) Leoa com 80 km/h e Seleção Natural

b) Coiote com 68,4 km/h e Lei da Mutação

c) Guepardo com 115,2 km/h e Lei do Uso e Desuso

*d) Guepardo com 115,2 km/h e Lei da Herança dos Caracteres Ad-

quiridos

(ACAFE/SC-2019.1) - ALTERNATIVA: D

O gráfico da figura abaixo mostra o comportamento da velocidade

(v) de um veículo variando em função do tempo (t) em uma trajetória

retilínea.

em função do tempo (t) em uma trajetória retilínea. A distância, em metros, percorrida por esse

A distância, em metros, percorrida por esse veículo durante o tempo

total de movimento (4s) será:

a) p .

b) 4p .

c) p /2.

*d) 2p .

(CEFET/RJ-2019.1) - ALTERNATIVA: C Podemos considerar que a velocidade de crescimento do cabelo hu- mano é, em média, de 1 milímetro a cada três dias.

Esta velocidade pode variar de pessoa para pessoa, mas é constan-

te para cada um de nós, não havendo qualquer base científica que

venha comprovar que podemos acelerar o crescimento capilar cor- tando o cabelo em determinada fase da Lua ou aparando as pontas

para dar força ao fio. O que se pode afirmar que os hábitos de ali- mentação e o metabolismo de cada indivíduo inflenciam diretamente

no crescimento dos fios.

Se os cabelos de uma jovem têm velocidade de crescimento que acompanha a média, em quanto tempo seu cabelo crescerá 9 cm?

a) 9 horas.

b) 9 dias.

*c) 9 meses.

d) 9 anos.

(IMT-MAUÁ/SP-2019.1) - ALTERNATIVA: C

O gráfico a seguir apresenta a velocidade de um corpo em função do

tempo em movimento unidirecional.

de um corpo em função do tempo em movimento unidirecional. O deslocamento total do corpo, entre

O deslocamento total do corpo, entre os instantes 0 e 6,0 segundos,

é de

a) 100 m

b) 20 m

*c) 40 m

d) 60 m

e) 80 m

japizzirani@gmail.com

(IF/CE-2019.1) - ALTERNATIVA: E Um automóvel possui velocidade constante v = 20 m/s. Ao avistar um semáforo vermelho à sua frente, o motorista freia o carro impri- mindo uma aceleração de –2 m/s 2 . A distância mínima necessária para o automóvel parar, em m, é igual a

(Despreze qualquer resistência do ar neste problema)

a) 50.

b) 200.

c) 400.

d) 10.

*e) 100.

(IMT-MAUÁ/SP- 2019.1)- ALTERNATIVA: D Um motorista dirige a uma velocidade de 90 km/h em linha reta, quando avista um acidente à sua frente. Acionando os freios, faz o carro parar após percorrer 30 m. Considerando que a aceleração seja constante, é correto afirmar que o módulo da aceleração e o tempo de frenagem valem, aproximadamente,

a) 1,5 m/s 2 e 17 s.

Bb 3 m/s 2 e 8,0 s.

c) 5 m/s 2 e 5,0 s.

*d) 10,5 m/s 2 e 2,4 s.

e) 21 m/s 2 e 1,2 s.

(UNIVAG/MT-2019.1) - ALTERNATIVA: B Em um prédio, para chegar ao 16º andar, a partir do térreo, uma pessoa embarca no elevador com a porta já aberta e digita o andar desejado. Considere as seguintes informações:

a altura que o elevador atingirá é de 48 m;

o processo de abertura ou de fechamento da porta leva 3 s;

a aceleração ou a frenagem do elevador ocorre com acelera- ção constante de módulo 0,25 m/s 2 ;

quando atingida a velocidade de 1 m/s, o movimento do eleva- dor segue em regime uniforme.

O

tempo necessário, a partir do momento em que o elevador inicia

o

fechamento da porta no andar térreo até o momento em que ele

conclui a abertura da porta, para o desembarque no 16º andar, é de

a) 46 s.

*b) 58 s.

c) 62 s.

d) 36 s.

e) 76 s.

(IFG/GO-2019.1) - ALTERNATIVA: B

O Veículo Leve sobre Trilhos (VLT) é um pequeno trem urbano, ge-

ralmente movido a eletricidade, que produz menos poluição e ba- rulho. Em uma determinada cidade o VLT pode chegar a uma velo- cidade média de até 80 km/h, saindo de um ponto A, fazendo uma parada no ponto B e chegando até o ponto C. A distância entre os pontos A e B é de 30 km e de B e C é de 10 km. Supondo que esse VLT funcione 1 hora em um dado período, é correto afirmar que, nesse tempo, ele teria realizado o percurso:

a) A – B – C.

*b) A – B – C – B – A.

c) A - B – C – B.

d) A – B – C – B – A – B.

(UFLA/MG-2019.1) - ALTERNATIVA: C Um grupo de 3 estudantes de um laboratório de física queria enten- der o comportamento do espaço em função do tempo, no caso da queda livre dos objetos. Para isso, os 3 estudantes subiram a anda- res diferentes de um prédio, e cada um soltou do repouso uma es- fera que levou um tempo de t 1 = 1 s, t 2 = 2 s e t 3 = 3 s até chegar no chão. Considerando g = 10 m/s 2 e desprezando o atrito do ar du- rante a queda da esfera, é CORRETO afirmar que os estudantes estavam nas alturas:

a) h 1 = 5 m, h 2 = 10 m e h 3 = 15 m

b) h 1 = 5 m, h 2 = 15 m e h 3 = 25 m

*c) h 1 = 5 m, h 2 = 20 m e h 3 = 45 m

d) h 1 = 5 m, h 2 = 25 m e h 3 = 45 m

9

(UNISC/RS-2019.1) - ALTERNATIVA: B Dois veículos se movimentam na mesma estrada, no mesmo sen- tido e com velocidades constantes V 1 e V 2 . Sabendo que o pri-

meiro veículo sai da posição escalr X 01 = –250 m, com velocidade

V 1 = +7 m/s, e que ao mesmo tempo o segundo veículo sai da po-

sição escalar X 02 = +250 m, com velocidade constante V 2 = +3 m/s,

o tempo, em segundos, necessário para que o primeiro veículo se distancie do segundo em +200 m é de:

a) 225

*b) 175

c) 125

d) 75

e) 25

(VUNESP-USCS/SP-2019.1) - ALTERNATIVA: C Analise o gráfico que representa a variação da velocidade, em fun- ção do tempo, de um objeto que se desloca seguindo uma trajetória retilínea.

objeto que se desloca seguindo uma trajetória retilínea. Nessa trajetória, a aceleração é a) negativa durante

Nessa trajetória, a aceleração é

a) negativa durante todo o movimento.

b) positiva apenas nos instantes de tempo menores que t 1 .

*c) positiva durante todo o movimento.

d) nula apenas no instante t 1 .

e) negativa apenas nos instantes de tempo menores que t 1 .

(UFLA/MG-2019.1) - ALTERNATIVA: C Uma das mais populares modalidades de automobilismo nos Esta- dos Unidos é a corrida de dragsters, que é um grande veículo proje- tado para atingir altas velocidades em um curto intervalo de tempo em uma pista reta. Considere dois veículos dragster que passam pelo ponto x = 0, ao mesmo tempo. O veículo I passa com velocida- de constante de 90 m/s, enquanto o veículo II parte do repouso com aceleração constante de 15 m/s 2 . Dessa forma, o gráfico: espaço percorrido x, em metros, em função do tempo t, em segundos, que representa o movimento dos veículos é:

a)

b)

segundos, que representa o movimento dos veículos é: a) b) japizzirani@gmail.com *c d) (FPS/PE-2019.1) - ALTERNATIVA:
segundos, que representa o movimento dos veículos é: a) b) japizzirani@gmail.com *c d) (FPS/PE-2019.1) - ALTERNATIVA:

japizzirani@gmail.com

*c

d)

dos veículos é: a) b) japizzirani@gmail.com *c d) (FPS/PE-2019.1) - ALTERNATIVA: B As funções horárias que
dos veículos é: a) b) japizzirani@gmail.com *c d) (FPS/PE-2019.1) - ALTERNATIVA: B As funções horárias que

(FPS/PE-2019.1) - ALTERNATIVA: B As funções horárias que descrevem as posições de dois corpos,

A e B, que se movem em linhas paralelas, são: s A (t) = c A + 40t e

s B (t) = c B + 50t. O espaço s está expresso em metros, o tempo t está expresso em segundos, e c A e c B são constantes expressas em metros. Sabe-se que em t = 0, s A – s B = 50 m. Determine o instante de tempo em que as posições dos dois corpos coincidem, isto é,

s A – s B = 0. Dê sua resposta em segundos

a) 1,0 s

*b) 5,0 s

c) 3,0 s

d) 4,0 s

e) 2,0 s

(FUVEST/SP-2019.1) - ALTERNATIVA: D

O consumo calórico de um animal de sangue quente é proporcional

à área superficial de seu corpo. Um animal com massa 3,5 kg con- some 250 kcal diárias. O gráfico relaciona a área superficial desse

animal com sua massa.

relaciona a área superficial desse animal com sua massa. Considerando o gráfico, conclui-se que, se a

Considerando o gráfico, conclui-se que, se a massa deste animal

dobrar, o seu novo consumo diário de energia, em kcal, será, apro-

ximadamente,

a) 130

b) 250

c) 310

*d) 390

e) 500

(FUVEST/SP-2019.1) - ALTERNATIVA: A Em uma fábrica, um técnico deve medir a velocidade angular de uma polia girando. Ele apaga as luzes do ambiente e ilumina a peça somente com a luz de uma lâmpada estroboscópica, cuja frequência pode ser continuamente variada e precisamente conhecida. A polia tem uma mancha branca na lateral. Ele observa que, quando a fre- quência de flashes é 9 Hz, a mancha na polia parece estar parada. Então aumenta vagarosamente a frequência do piscar da lâmpada e só quando esta atinge 12 Hz é que, novamente, a mancha na polia parece estar parada. Com base nessas observações, ele determina que a velocidade angular da polia, em rpm, é

*a) 2160

b) 1260

c) 309

d) 180

e) 36

(UEM/PR-2019.1) - RESPOSTA: SOMA = 18 (02+16) Em uma partida de futebol disputada em campo plano, um jogador chuta uma bola a partir do solo com uma velocidade de 20 m/s. Denote por q o ângulo que o vetor velocidade forma com o solo. Durante o movimento, a bola bate em um muro vertical ao campo e

localicado a 20 m do ponto de lançamento. Suponha g = 10 m/s 2 e despreze a resistência do ar na bola. Assinale o que for correto. 01) A trajetória que a bola descreve é uma elipse. 02) Se q = 30º, então o tempo de subida da bola (até a altura máxi- ma) é de 1 s. 04) Se q = 45º, então a bola leva 1 s para atingir a parede. 08) Caso a bola atinja o ponto mais alto do movimento, nesse ponto

a velocidade da bola é nula.

16) Enquanto a bola estiver subindo, o módulo da velocidade vertical diminui.

10

(UEM/PR-2019.1) - RESPOSTA: SOMA = 06 (02+04) Um homem adulto, durante uma corrida de 10 km, tem o seguinte desempenho: percorre em 10 minutos os primeiros 1000 m após a largada, acelerando de forma constante até atingir uma determinada

velocidade, com a qual permanece até o final da corrida, completada no tempo total de 1 hora. Com base nessas informações, assinale

o que for correto.

01) A velocidade escalar média durante a parte da corrida em que o movimento do homem é uniforme é de 10 km/h. 02) O controle nervoso sobre os músculos depende de proteínas da membrana plasmática (sintetizadas pelo retículo endoplasmático) presentes tanto nas células nervosas quanto nas musculares. 04) A energia cinética ao longo dos últimos 9 km é maior ou igual à alcançada ao longo do primeiro quilômetro. 08) Durante toda a corrida o sistema nervoso controla voluntaria- mente os músculos envolvidos. 16) A aceleração média do homem ao longo do primeiro quilômetro

é de 0,018 km/min 2 .

(UEM/PR-2019.1) - RESPOSTA: SOMA = 18 (02+16) Duas partículas, A e B, têm suas trajetórias definidas, no Sistema Internacional de Unidades, pelas seguintes funções horárias:

x A (t) = 3 t

e

x B (t) = 5(1 + 3) – t , em que t é o tempo. Sobre a região simultaneamente abaixo dessas trajetórias e acima do eixo do tempo, assinale o que for correto.

01) No intervalo 0 < t < 5(1 + 3), o contorno dessa região define um triângulo retângulo cuja altura é 53 .

02) A área da região para 0 < t < 5

04) As áreas das regiões para 0 < t < 5 e para 5 < t < 5(1 + 3) são iguais. 08) Se a velocidade da partícula A for dividida por 3 , a área da região para 0 < t < 5(1 + 3) será reduzida pela metade. 16) O triângulo definido para 0 < t < 5(1 + 3) possui um ângulo de

75º.

é 253

2

.

(UEM/PR-2019.1) - RESPOSTA: SOMA = 30 (02+04+08+16) Um projétil é lançado a partir de uma plataforma de testes, de um ponto que corresponde à origem do sistema de referência. O mo- vimento ocorre no plano xy, no quadrante em que x e y são posi- tivos. No instante inicial do lançamento, a componente horizontal da velocidade do projétil é igual a 2 m/s, e a componente vertical da velocidade é positiva, mas desconhecida. Esse experimento, nas

mesmas condições iniciais, é realizado em duas situações distintas:

1) na superfície da Terra, em um local em que g = 9,8 m/s 2 ; e 2) em

uma estação espacial em que a aceleração em queda livre de um projétil tem módulo igual a a. Nos dois casos, mede-se o alcance horizontal A do projétil (a distância horizontal, a partir do ponto de lançamento, em que o projétil retorna à altura inicial) obtendo-se A 1 = 2, 4 m (situação 1, na Terra) e A 2 = 6,2 m (situação 2, na esta- ção). Despreze forças de atrito e assinale o que for correto. 01) 1 s após o lançamento, a componente vertical da velocidade do projétil é positiva na situação 1 e negativa na situação 2. 02) No instante em que o projétil está na sua altura máxima, sua velocidade em relação à plataforma é igual nas duas situações. 04) Somando os tempos totais de voo do projétil nos dois experi- mentos, obtemos 4,3 s. 08) No instante inicial do lançamento, a componente vertical da ve- locidade do projétil é menor que 6 m/s. 16) a < 4 m/s 2 .

(IFSUL/MG-2019.1) - ALTERNATIVA: B Dois alunos fazem atividades durante a aula de Educação física. A atividade, propõem dar voltas em torno da quadra da escola. Cada aluno partiu, no mesmo instante, em sentidos diferentes. Um aluno dá uma volta completa em 18 minutos. O outro completa a volta em 27 minutos. Depois de quanto tempo, esses dois alunos voltarão a se encontrar no ponto de partida?

a) 2h

*b) 1h 48 min

c) 1h35 min

d) 46 min

OBS.: O primeiro encontro, no ponto de partida, se da aos 54 min. O tempo da alternativa B corrresponde ao segundo encontro.

japizzirani@gmail.com

(UCPel/RS-2019.1) - ALTERNATIVA: A Duas partículas, A e B, movimentam-se sobre um plano horizontal. Em um determinado instante t, a partícula A encontra-se na origem do sistema de coordenadas e a partícula B encontra-se em uma posição P (6,25m; 5m), conforme ilustra a figura que segue. A partir desse instante t, B mantém sua posição y constante, enquanto pro- gride no eixo Ox com velocidade constante de 5 m/s e A parte do repouso em movimento uniformemente acelerado.

e A parte do repouso em movimento uniformemente acelerado. Sabendo-se que A e B encontram-se 5

Sabendo-se que A e B encontram-se 5 s após o instante t, as com- ponentes a x e a y da aceleração da partícula A tem módulos respec- tivamente iguais a:

*a) 2,5 m/s 2 e 0,4 m/s 2

d) 0,4 m/s 2 e 2,4 m/s 2

b) 2,5 m/s 2 e 2,5 m/s 2

e) 0,4 m/s 2 e 2,5 m/s 2

c) 2,4 m/s 2 e 0,4 m/s 2

(UEM/PR-2019.1) - RESPOSTA: SOMA = 29 (01+04+08+16) Dois veículos A e B se deslocam sobre uma estrada retilínea cujo marco inicial é uma placa com a inscrição “KM 0”. As funções que descrevem a posição de A e B na estrada em função do tempo são, respectivamente, g(t) = 3t e f(t) = 3t + 4. Considere que as posições são medidas em quilômetros, que o tempo é medido em horas e que

t = 0h é o instante inicial dos movimentos. Assinale o que for correto. 01) O veículo A parte do marco inicial da estrada. 02) Em um mesmo intervalo de tempo, o veículo B percorre 4 km a mais que o veículo A. 04) Um dos veículos nunca ultrapassa o outro. 08) As velocidades dos dois veículos são constantes. 16) Os gráficos das posições em função do tempo dos veículos A e

B são retas paralelas.

(USS/RJ-2019.1) - ALTERNATIVA: D Um trem, inicialmente no ponto A, e um automóvel, inicialmente no ponto B, se deslocam em movimento uniforme até o cruzamento no ponto C. A velocidade do trem é de 60 km/h e as distâncias AC e BC são de 12 m e 20 m, respectivamente. Observe o esquema abaixo.

de 12 m e 20 m, respectivamente. Observe o esquema abaixo. Dentre as alternativas abaixo, a

Dentre as alternativas abaixo, a que melhor representa a velocidade mínima necessária, em km/h, para que o automóvel passe pelo pon-

to C antes do trem, será

a) 38

b) 52

c) 74

*d) 102

(CEDERJ-2019.1) - ALTERNATIVA: B Um automóvel, trafegando em linha reta com aceleração constante, aumenta a sua velocidade de 10 m/s para 20 m/s em 20 s. A distân- cia percorrida pelo automóvel durante esses 20 s foi de:

a) 200 m

*b) 300 m

c) 400 m

d) 600 m

11

(VUNESP-FMJ/SP-2019.1) - ALTERNATIVA: A

O piloto de um avião deseja ir em linha reta da cidade A para a

cidade B. Ele sabe que enfrentará um vento lateral constante per- pendicular à sua trajetória durante todo o tempo do percurso, como mostra a figura.

durante todo o tempo do percurso, como mostra a figura. O vetor que melhor ilustra a

O vetor que melhor ilustra a direção e o sentido da velocidade rela-

tiva ao ar que o piloto deverá proporcionar ao avião durante todo o

trajeto está representado em

*a)

*a) d)

d)

*a) d)

b)

b) e)

e)

b) e)

c)

c)

(UFJF/MG-2019.1) - ALTERNATIVA: B Um automóvel passa pelo marco quilométrico “km 25” de uma rodo-

via às 15 horas e 15 minutos. A partir desse momento o motorista mantém constante a velocidade do automóvel com módulo igual a

45 km/h. No sentido desse movimento os marcos quilométricos vão

aumentando. Nesse ritmo, às 15 horas e 55 minutos, o automóvel estará passando pelo seguinte marco quilométrico:

a) km 30

*b) km 55

c) km 70

d) km 90

e) km 185

(UFJF/MG-2019.1) - ALTERNATIVA: B

Ao localizar refugiados em um local

plano no deserto, o governo de um

país do Oriente Médio resolve utili- zar um avião para lançar alimentos

e outros itens de primeira neces-

sidade, dada a impossibilidade de outros meios de transporte chegar rapidamente ao local. Um equipa- mento do avião permite ao piloto registrar o gráfico da variação da altura com o tempo de queda do pacote que contém o material de ajuda humanitária. Observe o gráfico mostrado na Fi-

gura 1, e considere que em t = 0 s o pacote se desprende do avião. Para o pacote poder cair o mais pró- ximo possível dos refugiados, é razoável afirmar que (despreze a re-

sistência do ar e considere a aceleração da gravidade g = 10 m/s 2 ):

a) O piloto lançou o pacote a 500 metros de altura, exatamente aci-

ma do local onde se encontravam os refugiados.

*b) O piloto lançou o pacote a 500 metros de altura, um pouco antes

lançou o pacote a 500 metros de altura, um pouco antes Figura 1 - Gráfico da

Figura 1 - Gráfico da altura (h) do pacote em função do tempo de queda (t)

do

local onde se encontravam os refugiados.

c)

O piloto lançou o pacote a 500 metros de altura, um pouco depois

do

local onde se encontravam os refugiados.

d)

O piloto lançou o pacote um pouco antes do local onde se en-

contravam os refugiados, e este chega ao solo com velocidade de

50

m/s.

e)

O piloto lançou o pacote exatamente acima do local onde se en-

contravam os refugiados, e este chega ao solo com velocidade de

50

japizzirani@gmail.com

m/s.

(VUNESP-FMJ/SP-2019.1) - ALTERNATIVA: B Um foguete de brinquedo é lançado, a partir do repouso, vertical- mente para cima com aceleração constante e sua altura y varia con- forme o gráfico:

constante e sua altura y varia con- forme o gráfico: De acordo com a figura, a

De acordo com a figura, a função horária do foguete no Sistema Internacional de unidades é

a) y(t) = 600 + 10t 2

*b) y(t) = 100 + 5t 2

c) y(t) = 100 + 10t 2

d) y(t) = 100 – 5t 2

e) y(t) = 5t 2

(UFJF/MG-2019.1) - ALTERNATIVA: C Automóveis cada vez mais potentes estão sempre sendo apresenta- dos na mídia, de modo a atrair compradores. O desempenho de um novo modelo é registrado no gráfico abaixo:

de um novo modelo é registrado no gráfico abaixo: Gráfico da variação da velocidade do carro

Gráfico da variação da velocidade do carro em função do tempo

Se esse automóvel continuar se deslocando com a mesma acelera- ção dos 4 primeiros segundos de contagem do tempo, ele atingirá, aos 10 segundos, uma velocidade de:

a)

108 km/h

d) 230 km/h

b)

198 km/h

e) 243 km/h

*c) 216 km/h

(CEFET/MG-2019.1) - ALTERNATIVA: A Um automóvel que se movia a uma velocidade de 3,0 m/s é ace- lerado durante 4,0 segundos com uma aceleração constante de 2,0 m/s 2 . A velocidade média, em m/s, desenvolvida por ele, nesse intervalo de tempo foi de *a) 7,0.

b) 11,0.

c) 15,0.

d) 28,0.

(CEFET/MG-2019.1) - ALTERNATIVA: C A velocidade dos navios em relação ao solo é medida por uma uni- dade denominada nó que equivale aproximadamente a 1,85 km/h. Considere um navio que partiu às 02:00 h em direção a um porto si- tuado a 74 000 m, com uma velocidade de 10 nós em relaçãoà água. Supondo que não existam correntes marítimas e que a velocidade do navio permaneça constante, o navio chegará ao porto às

a) 18:00 h.

b) 09:40 h.

*c) 06:00 h.

d) 04:00 h.

12

(UFJF/MG-2019.1) - ALTERNATIVA: E

O sistema de freios ABS (Anti-lock Braking System) aumenta a

segurança dos veículos, fazendo com que as rodas não travem e continuem girando, evitando que os pneus derrapem. Uma cami-

nhonete equipada com esse sistema de freios encontra-se acima da velocidade máxima de 110 km/h permitida num trecho de uma rodo- via. O motorista dessa caminhonete avista um Fusca que se move

no mesmo sentido que ele, a uma velocidade constante de módulo

v = 108 km/h, num longo trecho plano e retilíneo da rodovia, como mostra a Figura 4. Ele percebe que não é possível ultrapassar o

Fusca, já que um ônibus está vindo na outra pista. Então, ele imedia- tamente pisa no freio, fazendo com que a caminhonete diminua sua velocidade a uma razão de 14,4 km/h por segundo. Após 5 s, depois

de acionar os freios, a caminhonete atinge a mesma velocidade do

automóvel, evitando uma possível colisão.

velocidade do automóvel, evitando uma possível colisão. Figura 4 - Camionete desacelerando para não colidir com

Figura 4 - Camionete desacelerando para não colidir com o Fusca.

O módulo da velocidade v o da caminhonete no momento em que o

motorista pisou no freio era de:

a) 128 km/h

b) 135 km/h

c) 145 km/h

d) 150 km/h

*e) 180 km/h

(CEFET/MG-2019.1) - ALTERNATIVA: D Uma esfera de aço é solta do ponto A em um trilho sem atrito no qual estão marcados também os pontos B e C, conforme figura abaixo.

marcados também os pontos B e C, conforme figura abaixo. Considere que, nesse trilho: • O

Considere que, nesse trilho:

O trecho AB apresenta inclinação e o trecho BC está na ho- rizontal;

Os cronômetros foram dispostos, igualmente espaçados e simultaneamente acionados, no instante em que a esfera é solta;

O primeiro cronômetro está no ponto A, o quinto encontra-se em B e o nono em C.

Os cronômetros param quando a esfera passa por eles.

Com base nessas informações, a figura que representa adequada- mente as marcações dos cronômetros em um eixo de tempo (t) é

A B C a) t A B C b) t A B C c) t
A
B
C
a)
t
A
B
C
b)
t
A
B
C
c)
t
A
B
C
*d)
t

(IF/TO-2019.1) - ALTERNATIVA: A

O professor Humberto é um motorista que possui consciência. Ao

perceber que os pneus de sua motocicleta estavam gastos, deslo- cou-se a uma loja para realizar a troca. A loja tinha apenas pneus com raio 4% maior do que o dos pneus originais. Como o professor

não tinha alternativa, resolveu trocá-los. Ao retornar para sua casa, o professor precisa dirigir por uma rodovia cuja velocidade aproxima-

da é de 90 Km/h. Com os pneus novos, a velocidade que ele deverá

respeitar no seu velocímetro, considerando que os pneus foram tro- cados por outros de modelo com diâmetro maior, é de:

*a) 86 Km/h d) 88 Km/h

b) e) 77 Km/h

c) 66 Km/h

japizzirani@gmail.com

76 Km/h

(SENAI/SP-2019.1) - ALTERNATIVA: C

Sabe-se que a distância do Sol à Terra é de, aproximadamente, 150 000 000 km. Considerando que um próton possa viajar entre o Sol e a Terra em velocidade constante e que tal percurso seja feito em 600 segundos, a velocidade média aproximada que esse próton desenvolveu foi de

a) 25 000 000 km/h.

b) 90 000 000 km/h.

*c) 900 000 000 km/h.

d) 9 000 000 000 km/h.

e) 90 000 000 000 km/h.

(IF/MA-2019.1) - ALTERNATIVA: B Um motorista de caminhão fez o trajeto de uma cidade A para uma

cidade B, com uma velocidade média de 50 km/h, em 4 horas. Em quantas horas esse motorista faria esse trajeto a uma velocidade média de 100 km/h?

a) 1 horas

*b) 2 horas

c) ½ hora

d) 8 horas

e) 3 horas

(UNITINS/TO-2019.1) - ALTERNATIVA: E

A aceleração e o tempo necessário para um cavalo que está a uma

velocidade de 35 km/h reduzir sua velocidade para 15 km/h em uma

distância de 53 m serão aproximadamente iguais a:

a) a = 0,73 m/s 2 e t = 7,6 s

b) a = –0,36 m/s 2 e t = 3,8 s

c) a = 0,73 m/s 2 e t = 3,8 s

d) a = –0,36 m/s 2 e t = 7,6 s

*e) a = –0,73 m/s 2 e t = 7,6 s

(PUC/SP-2019.1) - ALTERNATIVA: A O gráfico abaixo refere-se ao componente horizontal da trajetória de um projétil que foi lançado obliquamente, a partir do solo e de uma superfície plana, horizontal e muito extensa. Considere g = 10 m.s 2 .

e muito extensa. Considere g = 10 m.s – 2 . Desprezando qualquer forma de atrito,

Desprezando qualquer forma de atrito, determine a componente ver- tical da velocidade de lançamento desse projétil, em km/h, saben- do-se que a altura de 10 m foi alcançada pelo projétil, quando seu deslocamento horizontal era de 2 m:

a) 100,5.

*b) 97,2.

c) 54,0.

d) 28,1.

(UECE-2019.1) - ALTERNATIVA: C Um disco, do tipo DVD, gira com movimento circular uniforme, reali- zando 30 rpm. A velocidade angular dele, em rad/s, é

a) 30p.

b) 2p.

*c) p.

d) 60p.

(UECE-2019.1) - ALTERNATIVA: B Considere um veículo de massa constante que se desloca em linha

reta. Este veículo tem seu momento linear dado por p = 4t, onde t

é o tempo e a constante multiplicativa 4 tem a unidade de medida apropriada. Assim, é correto afirmar que

a) sua velocidade é constante.

*b) sua aceleração é constante.

c) sua energia cinética é constante.

d) sua energia cinética é decrescente.

13

(UNICEUB/DF-2019.1) - ALTERNATIVA: E Uma espingarda é posicionada horizontalmente enquanto um fei-

xe de LASER, paralelo e rente ao cano da espingarda, projeta um

ponto luminoso em um muro vertical, que se encontra adiante da arma. Quando um tiro é deflagrado, o projétil deixa a boca do cano

da espingarda a 400 m/s e atinge o muro, 20 cm abaixo do ponto indicado pelo LASER. Considerando desprezível a ação do ar sobre o projétil e admitindo

que a aceleração da gravidade seja 10 m/s 2 , a distância da boca do cano da espingarda até o muro é mais próxima de

a) 40 m.

b) 50 m.

c) 60 m.

d) 70 m.

*e) 80 m.

(UNICAMP-INDÍGENA/SP-2019.1) - QUESTÃO ANULADA

O ciclo de crescimento de árvores varia bastante de espécie para

espécie, mas geralmente há uma fase de crescimento intenso nos primeiros anos de vida. No gráfico a seguir é apresentado o ciclo de crescimento de um exemplar de cedro.

apresentado o ciclo de crescimento de um exemplar de cedro. Considerando as informações do gráfico, a

Considerando as informações do gráfico, a velocidade média de

crescimento dessa árvore até o terceiro ano de vida é de aproxima- damente

a) 68 cm/ano.

b) 75 cm/ano.

c) 83 cm/ano.

d) 100 cm/ano.

RESPOSTA CORRETA: 8,3 cm/ano

(MACKENZEI/SP-2019.1) - ALTERNATIVA: D No instante apresentado na figura dada, a partícula (A), que realiza um deslocamento com taxa de variação da velocidade constante, tem o seu movimento classificado como retrógrado retardado.

tem o seu movimento classificado como retrógrado retardado. Sabe-se que, no momento representado, o módulo da

Sabe-se que, no momento representado, o módulo da aceleração

vetorial da partícula vale 10 m/s 2 e o da velocidade vetorial, V 0 . Sen- do seis metros o raio (R) da trajetória circular da figura e adotan- do-se cosq = 0,80, pode-se afirmar corretamente que, no segundo seguinte ao da representação da figura, os valores da velocidade e da aceleração tangencial são, respectivamente, em unidades do SI (Sistema Internacional de Unidades)

a)

b)

c)

*d)

e) –6,0 ; 8,0

japizzirani@gmail.com

–14 ; 6,0

8,0 ; 6,0

6,0 ; 7,0

2,0 ; 8,0

(VUNESP-FAMEMA/SP-2019.1) - ALTERNATIVA: A Uma formiga cortadeira, movendo-se a 8 cm/s, deixa a entrada do

formigueiro em direção a uma folha que está 8 m distante do ponto em que se encontrava. Para cortar essa folha, a formiga necessita de 40 s. Ao retornar à entrada do formigueiro pelo mesmo caminho,

a formiga desenvolve uma velocidade de 4 cm/s, por causa do peso da folha e de uma brisa constante contra o seu movimento.

O tempo total gasto pela formiga ao realizar a sequência de ações descritas foi *a) 340 s.

b) 420 s.

c) 260 s.

d) 240 s.

e) 200 s.

(MACKENZIE/SP-2019.1) - ALTERNATIVA: D

Mbappé mais rápido que Bolt?

- ALTERNATIVA: D Mbappé mais rápido que Bolt? Kylian Mbappe é marcado por Javier Mascherano e

Kylian Mbappe é marcado por Javier Mascherano e Nicolas Tagliafico no jogo contra a Argentina (Foto: Getty Images)

Além dos dois gols na vitória da França sobre a Argentina por 4 a 3,

o camisa 10 francês protagonizou uma arrancada incrível ainda no

primeiro tempo da partida disputada na Arena Kazan, válida pelas oitavas de final da “Copa do Mundo da Rússia 2018”. Mbappé percorreu 64m do gramado com uma velocidade média de 38 km/h. O lance culminou em um pênalti a favor da seleção euro- peia, convertido por Griezmann. Uma comparação com Usain Bolt foi feita em relação ao atual recor-

de mundial na prova dos 100 m rasos, em 2009. Usain Bolt atingiu a marca de 9,58 s de tempo de prova.

O tempo de prova dos 100 metros rasos, caso um atleta mantivesse

uma velocidade média igual a de Mbappé, nesse famoso episódio da copa, seria

a) igual ao recorde mundial.

b) de aproximadamente 1,0 s a mais que o recorde mundial.

c) de aproximadamente 0,2 s a mais que o recorde mundial.

*d) de aproximadamente 0,1 s a menos que o recorde mundial.

e) de aproximadamente 0,5 s a menos que o recorde mundial.

(VUNESP-ANHEMBI/SP-2019.1) - ALTERNATIVA: C Quando uma embarcação está a 200 m de uma ponte levadiça, o trânsito local é parado e a ponte começa a ser levantada. Após a completa passagem da embarcação sob a ponte, é iniciado seu abaixamento, que demanda o tempo de 1 minuto, após o qual o trânsito é liberado.

o tempo de 1 minuto, após o qual o trânsito é liberado. Um barco de 80

Um barco de 80 m de comprimento se aproxima dessa ponte levadi- ça, que tem largura de 20 m. Se a velocidade do barco é constante, igual a 0,5 m/s, o trânsito local fica interrompido por um tempo de

a) 5 minutos.

b) 10 minutos.

*c) 11 minutos.

d) 7 minutos.

e) 13 minutos.

14

(VUNESP-FAC.ISRAELITA/SP-2019.1) - RESPOSTA NO FINAL Um garoto, em cima de uma plataforma para saltos ornamentais, a 6 m de altura em relação ao nível da água da piscina, chuta uma bola com velocidade inicial de 8 m/s inclinada em 45º com a hori- zontal. A intenção do garoto era a de que a bola caísse nas mãos de seu amigo, parado dentro da piscina, mas o chute não foi suficien- temente forte, e a bola atingiu a água antes da posição pretendida.

e a bola atingiu a água antes da posição pretendida. Adotando g = 10 m/s 2

Adotando g = 10 m/s 2 , sen45º = cos45º = 2

sistência do ar, calcule:

a) a altura máxima H, em m, em relação ao nível da água, atingida

pela bola nesse chute.

b) o módulo da velocidade inicial, em m/s, com que a bola deveria ter

sido chutada, mantida a inclinação de 45º com a horizontal, para que tivesse caído nas mãos do garoto parado dentro da piscina.

RESPOSTA VUNESP-FAC.ISRAELITA/SP-2019.1:

a) H = 7,6 m b) v 0 = 72 m/s

e desprezando a re-

2

(IFTM/MG-2019.1) - ALTERNATIVA: C Dois ciclistas A e B partem do mesmo ponto, no mesmo instante e no mesmo sentido, em uma pista de corrida circular. Se o ciclista A com- pleta cada volta em 16 minutos e o ciclista B completa cada volta em 18 minutos, assinale a alternativa que apresenta em quantas horas e minutos depois da largada eles irão se encontrar pela primeira vez no ponto onde partiram.

a) 2 horas e 04 minutos.

b) 2 horas e 14 minutos.

*c) 2 horas e 24 minutos.

d) 2 horas e 34 minutos.

e) 2 horas e 40 minutos.

(UEPG/PR-2019.1) - RESPOSTA: SOMA = 06 (02+04) Um sistema de transmissão consiste de dois discos, um menor de raio R e massa 2M e um maior de raio 2R e massa M, conectados através de uma correia (que não escorrega sobre os discos). O mó- dulo da velocidade de um ponto qualquer da correia é constante e igual a v. Diante disso, assinale o que for correto. 01) Os módulos das velocidades angulares dos dois discos são iguais. 02) O módulo da velocidade em um ponto situado a uma distância R do centro do disco menor é v. 04) A frequência de rotação do disco menor é maior que a do disco maior. 08) O período de rotação do disco maior é 4p Rv. 16) A aceleração angular do disco de raio 2 R é maior do que a de raio R.

(VUNESP-FAMERP/SP-2019.1) - ALTERNATIVA: B Ao se aproximar de um aeroporto, um avião se deslocava horizon- talmente com velocidade de 115 m/s. Ao tocar a pista, cinco minu- tos depois da aproximação, sua velocidade horizontal era 70 m/s. O módulo da aceleração escalar média horizontal a que o avião ficou sujeito nesse trecho foi

a) 0,23 m/s 2 .

*b) 0,15 m/s 2 .

c) 0,35 m/s 2 .

d) 0,46 m/s 2 .

e) 0,75 m/s 2 .

japizzirani@gmail.com

(UFSC-2019.1) - RESPOSTA: SOMA = 20 (04+16)

O Circo da Física apresenta um show de acrobacias com bicicletas

no qual o ciclista, de massa m, mostra toda a sua agilidade, equilí- brio e destreza. Para o grande final, ocorre o salto de bicicleta entre rampas, quando o piloto salta em duas situações. Primeiramente, o salto ocorre da rampa A até a rampa B, quando a bicicleta está com

velocidade V o , como mostra a Figura 1. Em seguida, para radicalizar ainda mais, o salto ocorre da rampa A até a rampa C, quando a bici- cleta está com velocidade V o , como mostra a Figura 2.

g = 10 m/s 2
g = 10 m/s 2

Desconsiderando a resistência do ar e com base no exposto, é cor- reto afirmar que:

01) com a velocidade V o = 6,00 m/s, o ciclista consegue fazer o salto até as rampas de pouso nas duas situações. 02) se o ciclista conseguir fazer o salto até as rampas de pouso nas duas situações com a mesma velocidade V o , então a energia cinéti-

ca ao tocar as rampas será a mesma nas duas situações.

04) se o ciclista, na situação da Figura 2, alcançar a altura máxima de 2,30 m, então conseguirá fazer o salto até a rampa C. 08) para fazer o salto corretamente, o conjunto ciclista+bicicleta de-

verá possuir uma velocidade V o mínima, que depende da massa do conjunto. 16) com a velocidade V o = 6,00 m/s, o tempo necessário para o ci- clista percorrer a distância horizontal de 3,60 m é de 0,75 segundos nas duas situações.

(IFSUL/RS-2019.1) - ALTERNATIVA: 21 B e 22 B

Leia com atenção o texto abaixo, para responder às questões 21 e 22.

A nota técnica número 148/92, da Companhia de Engenharia de

Tráfego da cidade de São Paulo, já alertava para a importância do tempo de reação do motorista na frenagem, bem como para a ne- cessidade de ser considerado esse tempo no cálculo de distâncias seguras até parar. O Físico Jearl Walker, da Universidade Estadual de Cleveland, define a distância percorrida até o carro parar como sendo aquela obtida pela soma da distância de reação, que é igual

à velocidade inicial multiplicada pelo tempo de reação do motorista, com a distância de frenagem, que é a distância percorrida pelo carro enquanto está freando até parar.

A tabela abaixo mostra os valores da velocidade inicial, da distância

de reação, da distância de frenagem e da distância total até parar,

para um veículo de teste. Considera-se ainda que a frenagem ocor- reu com aceleração constante.

ainda que a frenagem ocor- reu com aceleração constante. Velocidade inicial Distância de reação Distância de

Velocidade

inicial

Distância de

reação

Distância de

frenagem

Distância to- tal até parar

20,00 m/s

17,00 m

25,00 m

42,00 m

25,00 m/s

21,25 m

39,00 m

60,25 m

30,00 m/s

25,50 m

56,25 m

81,75 m

QUESTÃO 21

Considerando os dados da tabela acima, o tempo de reação do mo- torista até começar a frear é igual a

a) 0,80 s.

*b) 0,85 s.

c) 1,00 s.

d) 1,17 s.

QUESTÃO 22 Os dados da tabela acima permitem concluir que a aceleração retar- dadora a que o veiculo foi submetido tem módulo igual a

a) 4,76 m/s 2 .

*b) 8,00 m/s 2 .

c) 10,00 m/s 2 .

d) 11,76 m/s 2 .

15

(VUNESP-FAMERP/SP-2019.1) - ALTERNATIVA: E Uma pessoa parada sobre a linha do equador terrestre apresenta uma velocidade tangencial, devido à rotação da Terra, de módulo próximo a 1700 km/h.

(UNIMONTES/MG-2019.1) - ALTERNATIVA: D Em um jogo de futebol, o jogador A faz um lançamento oblíquo de longa distância para o jogador B, que corre abaixo da bola, em di-

reção ao ponto previsto onde ela irá tocar o solo. Nessa situação, desprezaremos a resistência

reção ao ponto previsto onde ela irá tocar o solo. Nessa situação, desprezaremos a resistência do ar.

reção ao ponto previsto onde ela irá tocar o solo. Nessa situação, desprezaremos a resistência do

Podemos afirmar que:

a) Para um observador na arquibancada, o jogador B move-se em

movimento retilíneo uniformemente variado.

b) Para o jogador B, a bola permanece em repouso.

c) Para o jogador B, a bola move-se em movimento retilíneo unifor-

me.

 

Sabendo que sen 21º = 0,36 e cos 21º = 0,93, uma pessoa em re- pouso sobre o solo, em São José do Rio Preto, cuja latitude é apro- ximadamente ϕ = 21º Sul, tem uma velocidade tangencial de módulo próximo a

a) 1830 km/h.

*d)

Para um observador na arquibancada, o jogador B move-se em

movimento retilíneo uniforme.

(ETEC/SP-2019.1) - ALTERNATIVA: A A Estrela da Morte é uma arma ícone da série cinematográfica Star Wars. De formato esférico ela era considerada similar a uma Lua. Essa arma/estação espacial podia se locomover pelo espaço na ve- locidade da luz, ou seja, 3,0×10 5 km/s. Admita que a Estrela da Morte precisasse se posicionar de maneira a realizar um ataque de máxima eficiência ao Planeta C. Inicialmen- te, a estação espacial encontrava-se no ponto A e, entre ela e o Planeta C, havia um grande asteroide, por isso necessitou ir para o ponto B, de modo a poder visualizar perfeitamente o Planeta C, conforme a figura.

visualizar perfeitamente o Planeta C, conforme a figura. Assinale a alternativa que contém o tempo que

Assinale a alternativa que contém o tempo que a Estrela da Morte demorou para se locomover do ponto A para o B.

*a) 5,0×10 4 s

b) 610 km/h.

c) 1700 km/h.

d) 4 700 km/h.

*e) 1580 km/h.

(VUNESP/UNIFESP-2019.1) - RESPOSTA: a) d = 40 m b) Δt = 2,5 s Do alto de um edifício em construção, um operário deixa um tijolo cair acidentalmente, a partir do repouso, em uma trajetória vertical que passa pela posição em que outro operário se encontra parado, no solo. Um segundo depois do início da queda do tijolo, o operário no alto grita um alerta para o operário no solo.

operário no alto grita um alerta para o operário no solo. Considerando o dado da figura,

Considerando o dado da figura, a resistência do ar desprezível, a

aceleração da gravidade g = 10 m/s 2 , a velocidade do som no ar igual a 350 m/s e 1400 = 37, calcule:

a) a distância percorrida pelo tijolo entre os instantes t = 1 s e t = 3 s

a 350 m/s e 1 4 0 0 = 37, calcule: a) a distância percorrida pelo

b)

15,0×10 4 s

após o início de sua queda.

c)

45,0×10 4 s

b) o intervalo de tempo, em segundos, que o operário no solo terá

para reagir e se movimentar, depois de ter ouvido o grito de alerta emitido pelo operário no alto, e não ser atingido pelo tijolo.

d)

e)

353 ×10 4 s 353 ×10 4 s

353 ×10 4 s

353
353

×10 4 s

3

(ETEC/SP-2019.1) - ALTERNATIVA: C Um escritório utiliza uma fragmentadora de papéis, que corta em tiras muito finas documentos cujo conteúdo não se deseja tornar público. Suponha que a fragmentadora desse escritório só aceite uma fo-

(INATEL/MG-2019.1) - ALTERNATIVA: C Durante os treinos de salto em distância, o atleta deverá saltar uma distância mínima de 10,0 m para se classificar para as competições entre repúblicas no Inatel (Instituto Nacional de Telecomunicações), em Santa Rita do Sapucaí, MG. Um atleta com massa de 90 kg du- rante os treinos adquiriu uma energia cinética de 540 J para a execu- ção de seu salto. O atleta saltou em um ângulo de 45° em relação à pista e a duração de seu salto foi de 5,00 s. Seu salto foi considerado válido e a marca atingida, aproximadamente, foi de:

a) 8,74 m

b) 10,56 m

c) 11,36 m

*d)

12, 25 m

lha por vez, sendo capaz de fazer sua função a uma velocidade de 3 metros por minuto. Sendo assim, para que um documento com 25 folhas seja fragmentado, levando em consideração que cada fo- lha desse documento tem comprimento de 30 cm, o tempo mínimo para realizar a completa fragmentação desse documento é de

a) 1 min 40 s.

b) 2 min 20 s.

*c) 2 min 30 s.

d) 3 min 50 s.

e) 3 min 40 s.

e)

15,84 m

japizzirani@gmail.com

16

(UFRGS/RS-2019.1) - ALTERNATIVA: A Um automóvel viaja por uma estrada retilínea com velocidade cons- tante. A partir de dado instante, considerado como t = 0, o automóvel sofre acelerações distintas em três intervalos consecutivos de tem- po, conforme representado no gráfico abaixo.

de tem- po, conforme representado no gráfico abaixo. Assinale a alternativa que contém o gráfico que

Assinale a alternativa que contém o gráfico que melhor representa o deslocamento do automóvel, nos mesmos intervalos de tempo. Informação: nos gráficos, (0,0) representa a origem do sistema de coordenadas.

*a)

(0,0) representa a origem do sistema de coordenadas. *a) d) b) e) c) (USP-TRANSF. 2019/2020) -

d)

(0,0) representa a origem do sistema de coordenadas. *a) d) b) e) c) (USP-TRANSF. 2019/2020) -

b)

representa a origem do sistema de coordenadas. *a) d) b) e) c) (USP-TRANSF. 2019/2020) - ALTERNATIVA:

e)

representa a origem do sistema de coordenadas. *a) d) b) e) c) (USP-TRANSF. 2019/2020) - ALTERNATIVA:

c)

a origem do sistema de coordenadas. *a) d) b) e) c) (USP-TRANSF. 2019/2020) - ALTERNATIVA: D

(USP-TRANSF. 2019/2020) - ALTERNATIVA: D Uma partícula está presa em um fio de comprimento R, em metros,

girando no sentido anti-horário com frequência angular de 1 Hz. No instante inicial, ela está na posição vertical e um projétil é disparado

da origem com velocidade constante , como indicado no esquema.

v

velocidade constante → , como indicado no esquema. v Note e adote: Despreze a força gravitacional

Note e adote:

Despreze a força gravitacional e a resistência do ar.

Para que o projétil atinja a partícula na primeira volta, ele deve ter velocidade, em m/s, igual a

a)

b)

c)

p R.

2 R.

2

3 4 p.

*d)

e)

4 R.

3

2 3 p.

japizzirani@gmail.com

(UNICAMP/SP-2019.1) - RESPOSTA NO FINAL DA QUESTÃO Nos cruzamentos de avenidas das grandes cidades é comum en- contrarmos, além dos semáforos tradicionais de controle de tráfego de carros, semáforos de fluxo de pedestres, com cronômetros digi- tais que marcam o tempo para a travessia na faixa de pedestres.

a) No instante em que o semáforo de pedestres se torna verde e o

cronômetro inicia a contagem regressiva, uma pessoa encontra-se

a uma distância d = 20 m do ponto de início da faixa de pedestres,

caminhando a uma velocidade inicial v 0 = 0,5 m/s . Sabendo que ela inicia a travessia da avenida com velocidade v = 1,5 m/s, calcule a sua aceleração constante no seu deslocamento em linha reta até o início da faixa.

b) Considere agora uma pessoa que atravessa a avenida na faixa

de pedestres, partindo de um lado da avenida com velocidade inicial v 0 = 0,4 m/s e chegando ao outro lado com velocidade final v = 1,2 m/s. O pedestre realiza todo o percurso com aceleração constante

em um intervalo de tempo de t = 15 s . Construa o gráfico da veloci- dade do pedestre em função do tempo e, a partir do gráfico, calcule

a largura da avenida.

RESPOSTA UNICAMP/SP-2019.1:

a) a = 0,05 m/s 2

b)

Largura da avenida L = 12 m N L =
Largura da avenida L = 12 m
N
L =

(UEMG-2019.1) - ALTERNATIVA: B Após estudar física exaustivamente para as provas de vestibular, Lívia sentiu-se mal e precisou receber a visita de um médico.

sentiu-se mal e precisou receber a visita de um médico.

Disponível:https://www.efeitojoule.com/2011/04/vestibulario-tirinhas-do-vestibular-de.html

Acesso: 11 dez. 2018.

Com base nas informações do diálogo apresentado e considerando uma roda que gire em torno do seu próprio eixo com velocidade angular (w) constante, o período de rotação dessa roda é dado por:

a) 2.(w.p) 1

*b) 2.p.w 1

c) w.2.p

d) w.(2.p) 1

(UERJ-2019.1) - RESPOSTA: d = 1613,6 m Uma estudante, para chegar à UERJ, embarca no metrô na estação São Cristóvão. Ao sair dessa estação, a composição acelera unifor- memente (1,10 m/s 2 ) até atingir a velocidade de 22 m/s e, após ter atingido essa velocidade, percorre 1200 m em movimento uniforme.

A partir daí, desacelera uniformemente (1,25 m/s 2 ) até parar na es-

tação seguinte, Maracanã. Estime, em metros, a distância total percorrida pela composição en- tre as duas estações.

17

VESTIBULARES 2019.2

(SENAI/SP-2019.2) - ALTERNATIVA: C

O texto abaixo se refere à questão 43.

( )

O mais veloz dos animais terrestres é o guepardo. Exímio caçador,

ele atinge 100 km/h em menos de três segundos, e vai além: seu limite máximo é em torno de 110 km/h. Pode-se comparar o felino

a um dos carros mais velozes do mundo, o Koenigsegg Agera R,

esportivo superleve que vai a 110 km/h em 2,9 segundos. ( )

Fonte: Disponível em: <https://noticias.terra.com.br/educacao/voce-sabia/tao-rapi-

do-quanto-trem-bala-quais-sao-os-animaismais-velozes,c118aaccde6da310VgnCL-

D200000bbcceb0aRCRD.html>. Acesso em: 10 jan. 2017.

QUESTÃO 43

No limite máximo de velocidade que consegue alcançar, se esse felino percorrer a distância de 210 m, o tempo, em segundos, gasto nesse percurso será de, aproximadamente,

a) 2 s.

b) 3 s.

*c) 7 s.

d) 37 s.

e) 70 s.

(SENAI/SP-2019.2) - ALTERNATIVA: E Em um elevador, descendo com velocidade constante, um dos pas- sageiros deixa cair uma moeda. Sendo g o valor da aceleração da gravidade local, o valor da ace- leração da moeda, antes de chegar ao piso do elevador, vista por um observador em repouso com relação ao poço do elevador, é de

a) 0.

b) g/2.

c) g2.

d) 2g.

*e) g.

(VUNESP-UNIVAG/MT-2019.2) - ALTERNATIVA: D Um trem desgovernado (T1) trafega a uma velocidade constante de 70 km/h. Para tentar controlar esse trem, outro trem (T2) parte do re- pouso, quando está a uma distância de 10 km de T1, iniciando uma perseguição. Após 30 minutos de aceleração constante, T2 atinge a velocidade de 100 km/h, conforme mostra a figura, e a mantém constante até alcançar a posição de encontro dos trens.

constante até alcançar a posição de encontro dos trens. (https://pt.vecteezy.com. Adaptado.) Sob essas condições,

(https://pt.vecteezy.com. Adaptado.)

Sob essas condições, o tempo total que T2 levou para alcançar T1, desde o repouso, foi de

a) 66 min.

b) 55 min.

c) 40 min.

*d) 70 min.

e) 80 min.

(UNIV. VASSOURAS/RJ-2019.2) - ALTERNATIVA: C Um automóvel, em repouso, parte de um posto e percorre 100 m em uma estrada retilínea, com aceleração constante igual a

2 m/s 2 . A seguir, alcança certa velocidade final e segue com veloci- dade uniforme. Um segundo automóvel, também em repouso, parte do mesmo pos-

to 10 s após o primeiro e percorre 150 m com aceleração constante

igual a 3 m/s 2 . A seguir, alcança certa velocidade final e segue ao longo da estrada com velocidade uniforme. Em determinado ponto da estrada, o segundo automóvel alcança o primeiro.

A distância desse ponto ao posto, em m, é igual a:

a) 800

b) 700

*c) 600

d) 500

japizzirani@gmail.com

(SENAI/SP-2019.2) - ALTERNATIVA: C Em maio de 2013, foi inaugurado no Estado do Texas, EUA, um dos mais altos brinquedos de parque de diversões do mundo. A torre, chamada de SkyScreamer, é uma nova versão do conhecido “cha- péu mexicano” e eleva seus usuários a cerca de 120 m do chão, girando-os a uma velocidade tangencial que chega aos 69 km/h, em uma trajetória circular que alcança cerca de 30 m de diâmetro.

circular que alcança cerca de 30 m de diâmetro. Fonte: SkyScreamer. Disponível em:

Fonte: SkyScreamer. Disponível em: <http://www.dailymail.co.uk news/article- 2331066/Six-Flags-Over-Texas-Amusement- Par -Worlds-highest-swing-ride-opens- takingthrill- seekers-400-FEET-air.html>. Acesso em: 3 jan. 2015.

Considerando-se a situação de “voo” mais extrema que um usuário do brinquedo pode experimentar, a aceleração centrípeta a que ele ficaria submetido, em m/s 2 , seria, aproximadamente, de

a) 1,28.

b) 19,17.

*c) 24,50.

d) 287,50.

e) 317,40.

(SENAI/SP-2019.2) - ALTERNATIVA: B Um automóvel descreve uma trajetória circular de raio 100 m, com velocidade escalar constante de 72 km/h. A intensidade da acelera- ção centrípeta do automóvel é de

a) 1 m/s 2 .

*b) 4 m/s 2 .

c) 6 m/s 2 .

d) 7 m/s 2 . e) 9 m/s 2 .

(VUNESP-USCS/SP-2019.2) - ALTERNATIVA: B No conto “O Ritual Musgrave”, Sherlock Holmes recebeu um papel em que estavam descritas as perguntas e respostas de um ritual a que todos os integrantes da família Musgrave deveriam se submeter ao atingir a maioridade:

— De quem era?

— De quem morreu.

— Quem a terá?

— Quem vier.

— Qual era o mês?

— O sexto desde o primeiro.

— Onde estava o sol?

— Lá no carvalho.

— Onde estava a sombra?

— Debaixo do olmo.

— Como se andava?

— Norte dez e dez, leste cinco e cinco, sul dois e dois, oeste um e um, e então embaixo.

— O que daremos por ela?

— Tudo o que é nosso.

— Por que devemos dar-lhe? — Por causa da confiança.

(Arthur Conan Doyle. As aventuras de Sherlock Holmes, vol. III, s/d.)

Holmes supôs que o ritual correspondia a um mapa de localização e que norte dez e dez significava vinte passos no sentido norte e assim sucessivamente. Considerando que cada passo corresponda a 50 cm, o módulo do vetor deslocamento entre o ponto em que Holmes iniciou a caminhada e o ponto em que a terminou é de, apro- ximadamente,

a) 5 m.

*b) 9 m.

c) 2 m.

d) 6 m. e) 12 m.

18

(VUNESP-USCS/SP-2019.2) - ALTERNATIVA: A Ao consultar um aplicativo de trânsito, uma pessoa foi informada de que a distância entre São Caetano do Sul e São José dos Campos é 98 km e que a viagem entre as duas cidades demoraria 1 hora e 24 minutos. Para determinar esse tempo, o aplicativo considerou que a velocidade escalar média desenvolvida pelo veículo no trajeto entre as duas cidades seria de *a) 70 km/h.

b) 60 km/h.

c) 65 km/h.

d) 75 km/h.

e) 80 km/h.

(UDESC-2019.2) - ALTERNATIVA: B Uma forma simples de medir o tempo de reação de um indivíduo é observar quanto tempo ele leva para fechar a mão e segurar uma régua graduada em queda livre. A Figura 1 mostra duas imagens. Uma com a mão aberta e uma régua graduada acima no momento em que ela é solta. A outra imagem mostra o momento em que a régua é segurada, registrando-se a distância h percorrida pela régua em queda livre.

a distância h percorrida pela régua em queda livre. A B FIGURA 1 Dois participante fizeram

A

B

FIGURA 1

Dois participante fizeram esse teste de reação. O participante A re- gistrou uma altura h e o participante B registrou h/2. Assinale a alternativa que corresponde à razão entre os tempos de reação t A / t B .

a) 2

*b) √2 1 c) 2
*b) √2
1
c)
2

d) 1 / 2

e) 1 / 4

(IF/CE-2019.2) - ALTERNATIVA: D Um móvel inicialmente em repouso no ponto de partida passa a ser

acelerado constantemente à razão de 3 m/s 2 no sentido da trajetória. A velocidade do móvel após ter percorrido 24 m, em m/s, foi

a) 6.

b) 10.

c) 8.

*d) 12.

e) 4.

(IF/CE-2019.2) - ALTERNATIVA: E Um corpo que descreve um movimento retilíneo e uniformemente variado sai do repouso e varia sua velocidade em 2 m/s a cada se- gundo. Nessas condições, podemos dizer que a velocidade do corpo e o seu deslocamento ao final do primeiro minuto, são, em m/s e m, respectivamente

final do primeiro minuto, são, em m/s e m, respectivamente a) 120 e 36. b) 100

a) 120 e 36.

b) 100 e 30.

c) 120 e 1800.

d) 100 e 60.

*e) 120 e 3 600.

japizzirani@gmail.com

(UNIFENAS/MG-2019.2) - ALTERNATIVA: C Uma bicicleta possui as seguintes características: raio da coroa, 20 cm; raio da catraca, 5 cm. O ciclista executa 2 pedaladas por segun- do. Qual é a frequência das rodas da bicicleta?

por segun- do. Qual é a frequência das rodas da bicicleta? https://www.google.com.br/search?q=foto+bicicleta a) 10 Hz.

https://www.google.com.br/search?q=foto+bicicleta

a) 10 Hz.

b) 9 Hz.

*c) 8 Hz.

d) 7 Hz.

e) 6 Hz.

(UNIFENAS/MG-2019.2) - ALTERNATIVA: C

O goleiro bate o tiro de meta. A bola adquire uma trajetória parabó-

lica. O vetor velocidade apresenta módulo de 108 km/h e forma 30º com a horizontal. Qual é o tempo de voo? Adote a módulo da acele-

ração da gravidade como 10 m/s 2 .

a módulo da acele- ração da gravidade como 10 m/s 2 .

www.google.com.br/search?biw=1360&bih=608&tbm=isch&sa=1&ei=Y-

TfXW8mYO4SKwgT8q4qYCA&q=foto+de+um+goleiro+batendo+tiro+de+meta

a) 1 s.

b) 2 s.

*c) 3 s.

d) 4 s.

e) 5 s.

(IF/RS-2019.2) - ALTERNATIVA: B Dois ciclistas, A e B, estão sobre uma estrada plana e reta. O ci- clista A pedala todo o trecho com velocidade constante de 12 m/s.

O ciclista B inicia seu movimento, no mesmo sentido do outro, com

aceleração constante de 3,2 m/s 2 no instante em que o ciclista A

passa por ele. O ciclista B, depois de ter passado 5,0 s desde o início do seu movimento, passa a realizar movimento uniforme. Conside- rando o intervalo de tempo de 1,0 min contado a partir do momento da ultrapassagem, é correto afirmar que a distância que separa os ciclistas é de

a) 180 m com o ciclista A na frente.

*b) 200 m com o ciclista B na frente.

c) 240 m com o ciclista A na frente.

d) 240 m com o ciclista B na frente.

e) 320 m com o ciclista A na frente.

(UNIRG/TO-2019.2) - ALTERNATIVA: D Um corredor em uma Olimpíada percorreu a prova dos 100 m rasos com uma velocidade média de 36,0 km/h. Desprezando-se a resis- tência do ar, a que altura deveria uma pedra ser solta a partir do re- pouso, no momento da largada da corrida, para que atingisse o solo no mesmo instante em que o corredor cruzasse a linha de chegada? Adote g = 9,8 m/s 2 .

instante em que o corredor cruzasse a linha de chegada? Adote g = 9,8 m/s 2

a) 36 m

b) 100 m

c) 360 m

d) 490 m

19

(MACKENZIE/SP-2019.2) - ALTERNATIVA: C As engrenagens A, B e C, de raios R A , R B e R C , abaixo desenhadas, fazem parte de um conjunto que funciona com um motor acoplado à engrenagem de raio R A = 20 cm, fazendo-a girar com frequência constante de 120 rpm, no sentido horário.

com frequência constante de 120 rpm, no sentido horário. Conhecendo-se o raio R B = 10

Conhecendo-se o raio R B = 10 cm e R C = 25 cm, pode-se afirmar que no SI (Sistema Internacional de Unidades) a aceleração de um ponto da periferia da engrenagem C, tem módulo igual a (Considere p 2 =10)

a) 1,6

b) 16,0

*c) 25,6

d) 32,0

e) 2560

(MACKENZIE/SP-2019.2) - ALTERNATIVA: E

Um bitrem, também chamado de treminhão, é comum nas zonas ru- rais do Brasil. Eles são enormes caminhões com três carretas e seu comprimento beira os vinte metros. Um deles, irregular, com 22,5

m de comprimento, trafega carregado por uma rodovia e passa por

um posto rodoviário com velocidade constante de 20 m/s. O policial,

que está sobre uma motocicleta assimilável a um ponto material, decide abordar o treminhão quando o ponto extremo traseiro deste está a uma distância de 42 m. Acelera então constantemente com

módulo 1,0 m/s 2 . Alcança o ponto extremo traseiro e prossegue com

a mesma aceleração constante até o ponto extremo dianteiro para

dar sinal ao motorista. Pode-se afirmar corretamente que o módulo aproximado da velocidade da motocicleta, em km/h, no momento em que o policial dá sinal ao motorista vale:

a) 100

b) 120

c) 135

d) 150

*e) 155

(VUNESP-FTT/SP-2019.2) - ALTERNATIVA: A Observe a figura, onde se destaca uma placa de fiscalização eletrô- nica de velocidade.

uma placa de fiscalização eletrô - nica de velocidade. (https://s04.video.glbimg.com/x720/6860323.jpg) No Sistema

(https://s04.video.glbimg.com/x720/6860323.jpg)

No Sistema Internacional de Unidades, os valores indicados na pla-

ca estão compreendidos no intervalo de

*a) 15 m/s a 25 m/s.

b) 18 m/s a 22 m/s.

c) 10 m/s a 20 m/s.

d) 18 m/s a 32 m/s.

e) 20 m/s a 50 m/s.

japizzirani@gmail.com

(PUC/PR-2019.2) - ALTERNATIVA: A

Num parque da cidade, uma criança lança uma bola verticalmente para cima, percebendo a sua trajetória de subida e descida e, de- pois, recebe-a em suas mãos.

O lançamento dessa bola poderá ser representado pelo gráfico po-

sição (y) versus tempo (t), em que a origem dos eixos coincide com as mãos da criança. Ao considerar a posição (y) da bola em função do tempo (t), assinale

o gráfico que descreve corretamente o seu movimento a partir das mãos da criança.

*a)

b)

c)

d)

e)

(t), assinale o gráfico que descreve corretamente o seu movimento a partir das mãos da criança.
(t), assinale o gráfico que descreve corretamente o seu movimento a partir das mãos da criança.
(t), assinale o gráfico que descreve corretamente o seu movimento a partir das mãos da criança.
(t), assinale o gráfico que descreve corretamente o seu movimento a partir das mãos da criança.
(t), assinale o gráfico que descreve corretamente o seu movimento a partir das mãos da criança.

20

(IF/CE-2019.2) - ALTERNATIVA: A Um automóvel mantém uma velocidade escalar constante de 54 km/h. Em uma hora e vinte minutos, a distância percorrida pelo automóvel, em km, foi *a) 72,0.

b) 64,8.

c) 57,6.

d) 50,4.

e) 43,2.

(PUC/PR-2019.2) - ALTERNATIVA: D Considere os dados a seguir.

O guepardo é um velocista por excelência. O animal mais rápido da

Terra atinge uma velocidade máxima de cerca de 110 km/h. O que

é ainda mais notável: leva apenas três segundos para isso. Mas

não consegue manter esse ritmo por muito tempo; a maioria das perseguições é limitada a menos de meio minuto, pois o exercício anaeróbico intenso produz um grande débito de oxigênio e causa uma elevação abrupta da temperatura do corpo (até quase 41°C, perto do limite letal). Um longo período de recuperação deve se se- guir. O elevado gasto de energia significa que o guepardo deve es- colher sua presa cuidadosamente, pois não pode se permitir muitas perseguições infrutí-feras.

ASHCROFT, Francis. A Vida no Limite – A ciência da sobrevivência. Jorge Zahar Editor, Rio de Janeiro, 2001.

Considere um guepardo que, partindo do repouso com aceleração constante, atinge 108 km/h após três segundos de corrida, manten- do essa velocidade nos oito segundos subsequentes. Nesses onze segundos de movimento, a distância total percorrida pelo guepardo foi de

a) 180 m.

b) 215 m.

c) 240 m.

*d) 285 m.

e) 305 m.

(VUNESP-FTT/SP-2019.2) - ALTERNATIVA: D O gráfico representa a variação da velocidade escalar de um móvel em função do tempo, sendo t 1 o instante em que a reta intercepta o eixo do tempo.

t 1 o instante em que a reta intercepta o eixo do tempo. A alternativa que

A alternativa que representa corretamente o gráfico da aceleração escalar desse móvel, também em função do tempo, é:

a)

b)

c)

desse móvel, também em função do tempo, é: a) b) c) *d) e) japizzirani@gmail.com (CEDERJ-2019.2) -

*d)

e)

japizzirani@gmail.com

função do tempo, é: a) b) c) *d) e) japizzirani@gmail.com (CEDERJ-2019.2) - ALTERNATIVA: B Uma partícula

(CEDERJ-2019.2) - ALTERNATIVA: B Uma partícula e um detector movimentam-se sobre uma linha reta, que define o eixo de coordenadas x. Quando a partícula encontra- se na posição x 0 = 0 m, com uma velocidade positiva de 10 m/s, o detector está na posição x = 24 m com velocidade, também positiva, de 4 m/s. As componentes (x) da posição e (v x ) da velocidade da partícula ao longo do eixo x, medidas em relação ao detector, são dadas por:

a) x = 24 m, v x = 14 m/s

*b) x = 24 m, v x = 6 m/s

c) x = 24 m, v x = 14 m/s

d) x = 24 m, v x = 6 m/s

(VUNESP-SÃO CAMILO/SP-2019.2) - ALTERNATIVA: B Depois de ter feito uma viagem entre duas cidades, o motorista cal- culou sua velocidade escalar média no percurso considerando seu deslocamento escalar e o intervalo de tempo gasto. Após alguns cálculos, ele concluiu que se tivesse feito a mesma viagem, pela mesma trajetória, com uma velocidade escalar média 25% maior, o intervalo de tempo gasto teria sido reduzido em