Você está na página 1de 11

1

PLANO DE ENSINO
CURSO: PROGRAMA DE PÓS GRADUAÇÃO INTERDISCIPLINAR EM
PERFORMANCES CULTURAIS - PPGIPC
DISCIPLINA: TÓPICOS AVANÇADOS EM PERFORMANCES CULTURAIS III
PERFORMANCES CULTURAIS: MEMÓRIAS E SENSIBILIDADES

PROFESSORES:
Nádia Maria Weber Santos, Eduardo Reinato.

ANO/SEMESTRE:2019/2
Todas as terceiras e quartas sextas-feiras do mês (noite, das 19 às 22h) e todos terceiros e
quartos sábados do mês, de agosto a novembro (manhã, das 9 às 12h).
CARGA HORÁRIA: 60 hs

1. EMENTA ESPECÍFICA

Estudo das Performances Culturais na sua inter-relação com os campos da memória social,
memória cultural e sensibilidades.

2. OBJETIVOS

A disciplina intenta trabalhar com os conceitos transdisciplinares de Memória (Social e


Cultural) e Sensibilidades iluminando o campo das Performances Culturais nas suas inter-
relações teóricas e práticas. Para isto, serão abordadas questões teóricas e metodológicas nos
campos da Memória e das Sensibilidades e suas interfaces temáticas, com discussão
contemporânea em outros campos dos diversos saberes (Neurociências, Literatura,
Antropologia, História, Psicologia, Ciências Sociais, Patrimônio Cultural). Serão abordados
autores clássicos e seus comentadores contemporâneos, bem como autores que contribuem
para discussões atuais na intersecção destas áreas.

3. CONTEÚDO

 Memória Social: fundamentos teóricos e metodológicos – autores ‘clássicos’ e revisão


bibliográfica;
 Memória individual e memória coletiva – diferenças epistemológicas; memória voluntária e
memória involuntária;
2

 Memória e identidade;
 Memória, neurociências e psicologia – Aspectos interdisciplinares; Memória e
Literatura/Literatura de Testemunho;
 Memória e História das Sensibilidades;
 Memória Cultural e seus autores;
 Dever e abusos de Memória; Memória e Trauma; Memória, esquecimento e silêncio;
 Memória e espaços; Memória e espaço virtual;
 Memória, imagem e arte contemporânea.

4. METODOLOGIA DE ENSINO

Aulas expositivas e dialogadas com leitura prévia dos textos por parte dos alunos. Seminários
dos alunos. Trabalho em grupo. Uso de material didático projetado (slides, data show).
Discussão de Filme.

5. PROCEDIMENTOS DE AVALIAÇÃO
A avaliação será feita através de dois instrumentos:
1- Monografia final (individual, no formato de publicação/artigo em revista acadêmica,
seguindo os critérios de submissão à revista Qualis da área interdisciplinar a escolher)
a ser entregue em data ainda a combinar, depois do final das aulas- 50%;
2- Duas resenhas de textos apresentados em aula, a escolher, e entregues durante o
período de aulas - 50%.

6. BIBLIOGRAFIA MEMÓRIA E SENSIBILIDADE

ABREU, Regina; CHAGAS, Mário. (orgs) Memória e Patrimônio – ensaios


contemporâneos. Rio de Janeiro: Lamparina, 2009.
ASSMANN, Aleida. Espaços da Recordação – formas e transformações da Memória
Cultural. Campinas: editora da UNICAMP, 2011.
AUZAS, Vicent; TRAN, Van Troi (orgs). Patrimoine Sensibles: mots, espaces, pratiques.
Quebec: Presses de l´Université Laval, 2010.
BARROS, José D'Assunção. História e memória: uma relação na confluência entre tempo e
espaço. Mouseion: Revista Eletrônica do Museu e Arquivo Histórico La Salle, Canoas, RS ,
v. 3, n. 5, p. 35-67, jan. 2009.
BENJAMIN, Walter. Obras escolhidas I – Magia e técnica, arte e política. São Paulo:
Brasiliense, 1986.
BENJAMIN, Walter. Obras escolhidas II – Rua de mão única. São Paulo: Brasiliense,
1987.
BERGSON, H. Matéria e Memória. São Paulo: Martins Fontes, 2006.
BERND, Zilá. Por uma Estética dos Vestígios Memoriais; releitura da literatura
contemporânea das Américas a partir dos rastros. Belo horizonte: Fino Traço, 2013
BORGES, J. L. Funes, o memorioso. Ficções. São Paulo: Companhia das Letras, 2007.
BOSI, Ecléa. Memória & sociedade: lembrança de velhos. 12. ed. São Paulo: T.A., 2004.
BRESCIANI, Maria Stella Martins; NAXARA, Márcia (Org). Memória e (res) sentimento:
3

indagações sobre uma questão sensível. Campinas, SP: Ed. da UNICAMP, 2004.
BURKE, Peter. A história como memória social. In: _____. O Mundo como Teatro. Lisboa:
DIFEL, 1992.
CANDAU, Joel. Memória e Identidade. São Paulo, Contexto,2011 (trad. Maria Leticia M.
Ferreira)
CASALEGNO, Federico. Memória Cotidiana: comunidades e comunicação na era das redes
: diálogos. Porto Alegre: Sulina, 2006.
COSTA, I. T. M. e GONDAR, J. (orgs.) Memória e Espaço. Rio de Janeiro: 7 Letras, 2000.
DIDI-HUBERMAN, Georges. Imagens apesar de tudo. Lisboa: Ymago KKYM, 2012.
FARIAS, Francisco R. de (Org.). Apontamentos em Memória Social. Rio de Janeiro: Contra
Capa, 2011.
FERREIRA, Maria Leticia M. Políticas da Memória, Políticas do Esquecimento, Revista
Aurora, 10, 2011.
GAGNEBIN, J.M. Lembrar, Escrever, Esquecer. São Paulo: Editora 34, 2006.
GAGNEBIN, Jeanne Marie. Sete Aulas sobre Linguagem, Memória e História. 2. ed. Rio
de Janeiro: Imago, 2005.
GOMES, Angela de Castro (coord.). Direitos e Cidadania: memória, política e cultura. Rio
de Janeiro: FGV, 2007, pp. 15-43.
GONDAR, J. e DODEBEI, V. (Orgs.) O que é Memória Social? Rio de Janeiro: Contra
Capa, 2005.
GONDAR, Jô. Cinco Proposições sobre Memória Social. Páginas 19-40. Morpheus: revista
de estudos interdisciplinares em memória social, Rio de Janeiro, Edição Especial ‘Por que
Memória Social? ’ v. 9, n. 15, 2016. Disponível em:
http://www.memoriasocial.pro.br/painel/pdf/publ_19.pdf
GRAEBIN, Cleusa Maria Gomes; SANTOS, Nádia Maria Weber (Org.). Memória
Social: questões teóricas e metodológicas. Canoas, RS: Ed. do Unilasalle, 2013.
HALBWACHS, Maurice. A Memória Coletiva. São Paulo: Centauro, 2006.
HORN, Rebecca. Rebelião em Silêncio. Catálogo da exposição no Centro Cultural Branco do
Brasil (RJ), 2007. Disponível em:
http://www.bb.com.br/docs/pub/inst/dwn/CatalogoRebeccaHorn.pdf
HUYSSEN, Andreas. Culturas do Passado-Presente – modernismos, artes visuais, políticas
da memória. Rio de Janeiro: Contraponto, Museu de Arte do Rio, 2014.
HUYSSEN, Andreas. Seduzidos pela Memória. 2. ed. Rio de Janeiro: Aeroplano, 2004.
HUYSSEN, Andreas. Twilight Memories – Marking Time in a Culture of Amnesia. NY:
Routledge, 1995 (1 ed).
IZQUIERDO, Ivan. Questões sobre Memória. São Leopoldo: Ed Unisinos, 2009.
JEUDY, H.P. Memórias do Social. Rio de Janeiro: Forense-Universitária, 1990.
KERN, Maria Lúcia Bastos. Imagem, Historiografia, Memória e Tempo. ArtCultura,
Uberlândia, v. 12, n. 21, p. 9-21, jul.-dez. 2010. Disponível em:
http://www.artcultura.inhis.ufu.br/PDF21/m_kern.pdf
LABBÉ, Brigitte; DUPONT-BEURIER, P. -F. Memória e Esquecimento. São Paulo:
Scipione, 2008.
LE GOFF, J. História e Memória. Trad. Bernard Leitão et al. Campinas: Unicamp, 2003.
LOPES, Antonio Herculano; VELLOSO, Monica Pimenta; PESAVENTO, Sandra Jatahy.
(Org.). História e Linguagens: texto, imagem, oralidade e representações. Rio de Janeiro:
7Letras, 2006.
MAZZUCCHI Ferreira, Maria Letícia, MICHELON, Francisca Ferreira / orgs. Memória e
Esquecimento. Pelotas: Ed. da Universidade Federal de Pelotas, 2012.178p. (e-book)
Disponível também: <http://www.ufpel.edu.br/ich/ppgmp/
MELLO, Ana Maria Lisboa de; CORDEIRO, Verbena Maria Rocha (Org.). Literatura,
4

Memória e História: travessias literárias e culturais. Rio de Janeiro: 7 Letras, 2012.


NORA, P. Entre memória e história: a problemática dos lugares. Projeto História, v. 10,
1993.
PESAVENTO, Sandra,; LANGUE, Frédérique. Sensibilidades na História: memórias
singulares e identidades urbanas. Porto Alegre: Ed. Da UFRGS, 2007.
PESAVENTO, Sandra. História e História Cultural.BH: Autêntica: 2013.
PESAVENTO, Sandra. Sensibilidades no Tempo, Tempo das Sensibilidades. Nuevo
Mundo Mundos Nuevos [En ligne], Colloques, mis en ligne le 04 février 2005, consulté le 12
mars 2017. http://nuevomundo.revues.org/229 ; DOI : 10.4000/nuevomundo.229
POLLACK, M. Memória e identidade social. Estudos Históricos: Revista da Associação de
Pesquisa e Documentação Histórica, v. 5, n. 10, p. 200-212, 1992.
POLLACK, Michel. Memória, esquecimento, silêncio. Estudos Históricos: Revista da
Associação de Pesquisa e Documentação Histórica, v. 3, n. 2, p. 3-15, 1989.
RICOUER, Paul. A Memória, a História, o Esquecimento. Campinas: Unicamp, 2007.
ROSSI, Paolo. O Passado, a Memória, o Esquecimento. Seis ensaios de história das ideias.
São Paulo: Ed. UNESP, 2010.
SACKS, Oliver. A paisagem dos seus sonhos. In: _______. Um antropólogo em marte. SP:
Cia das Letras, 1995.
SANTOS, Myriam Sepúlveda dos. Memória Coletiva & Teoria Social. São Paulo:
Annablume, 2003.
SANTOS, Myriam Sepúlveda dos. Memória Coletiva, Trauma e Cultura: um debate.
REVISTA USP , São Paulo , n. 98 . p. 51-68 . JUNHO/JULHO/agosto 2013.
SANTOS, Nádia Maria Weber. Histórias de sensibilidades e narrativas da Loucura. Porto
Alegre, Ed. da Universidade/ UFRGS, 2008.
SANTOS, Nádia Maria Weber e AZEVEDO, Paula. Entrelaçando Passado, Presente e
Futuro: uma busca sensível da memória familiar. In Revista Fenix, Jan/Março 2009.
Disponível em: http://www.revistafenix.pro.br/vol18nadia.php
SANTOS, Nádia Maria Weber. Cartear-se, mas com quem?? Memória e sensibilidades:
um estudo sobre fontes epistolares na correspondência de Lima Barreto. In: Zilá Bernd;
Nádia Maria Weber Santos. (Org.). Bens Culturais: temas contemporâneos. 1ed.Porto
Alegre: Movimento, 2011, v. 1.
SANTOS, Nádia Maria Weber. Entre a solidão e o fiorde: as paisagens subjetivas de
Edvard Munch. In: Alcides Freire Ramos; Rosângela Patriota. (Org.). Paisagens subjetivas,
paisagens sociais. 1ed.São Paulo: Hucitec, 2012, v.1, p. 223-243.
SANTOS, Nádia Maria Weber. Histórias de vidas ausentes: a tênue fronteira entre a
saúde e a doença mental. Passo Fundo: editora da UPF, 2000. 1 ed. 2ª edição ampliada e
revista em E-book: SP: Edições Verona, 2013, E-book.
SANTOS, Nádia Maria Weber. Memória como narrativas do sensível: entre
subjetividades e sensibilidades. In: Cleusa Maria Gomes Graebin; Nádia Maria Weber
Santos. (Org.). Memória Social: questões teóricas e metodológicas. 1ed.Canoas: UniLasalle,
2013, v. 1, p. 131-156.
SARLO, B. Tempo passado: cultura da memória e guinada subjetiva. São Paulo: Companhia
das Letras; Belo Horizonte: UFMG, 2007.
SCHAMA, Simon. Paisagem e memória. São Paulo: Companhia das Letras, 1996.
SELIGMANN-SILVA, Márcio (Org.). Palavra e imagem, memória e escritura. Chapecó,
SC: Argos, 2006.
SELIGMANN-SILVA, Marcio. História, Memória e Literatura. O Testemunho na Era das
Catástrofes. São Paulo: UNICAMP, 2003.
SELIGMANN-SILVA. Testemunho e a Política de Memória: o tempo depois das
catástrofes. Projeto História, São Paulo, (30), p. 71-98, jun. 2005.
5

TEDESCO, João Carlos. Nas Cercanias da Memória: temporalidade, experiência e


narração. Passo Fundo, RS: Ed. da UPF; Caxias do Sul, RS: Ed. da UCS, 2004.
TODOROV, Tzvetan. Los Abusos de la Memoria. Barcelona: Paidós, 2000.
VIEIRA, Martha. A metaforização da memória ou a Dialética da rememoração em Walter
Benjamin. In: _____ e Silva, Isabel de Oliveira. Memória, subjetividade e educação. Belo
Horizonte: Argumentum, 2007.
YATES, F. A. A Arte da Memória. Campinas: Ed. da Unicamp, 2007.
6

CRONOGRAMA

Aula Data Assunto e dinâmica de aula Obs.


1 23/08 Apresentação da disciplina: bibliografia; avaliação; Nádia e
cronograma de entrega de trabalhos e apresentações orais. Eduardo
Divisão dos textos para seminários discentes (duplas de
alunos).
Leitura conjunta em aula:
BENJAMIN, Walter. Escavando e recordando. IN: ___. Rua
de mão única. Obras escolhidas vol. II. São Paulo,
Brasiliense, 1998. Leitura em aula e comentários dos alunos.
Apresentação e discussão do ‘Curta Metragem’:
“Memória a dois”, de Anderson Simão, Evandro Scorsin,
Nuno Chinaglia. 2009. 5 min. Diante de uma fotografia
antiga, dois casais são convidados a resgatar
lembranças que instiguem as memórias da fotografia em
questão.
https://www.youtube.com/watch?v=jx__v2Dku18

Memória Social: fundamentos teóricos e metodológicos – Nádia


autores contemporâneos, abordagens e revisão
2 24/08 bibliográfica – Aula expositiva com leitura prévia dos Aula
textos pelos alunos expositiva e
Parte I - Memória Social – teoria e metodologia dialogada,
O que é memória social? GONDAR, Jô. Cinco proposições com leitura
sobre memória social. Páginas 19-40. Morpheus: revista de prévia de
estudos interdisciplinares em memória social, Rio de textos pelos
Janeiro, Edição Especial ‘Por que Memória Social? ’ v. 9, n. alunos.
15, 2016. Disponível em: Enviarei textos
http://www.memoriasocial.pro.br/painel/pdf/publ_19.pdf por e-mail
Verbetes do E-Mnemon Dicionário: Matéria e Memória;
Memória Social; Memória Coletiva, Quadros Sociais da
Memória, História e Memória. Disponível em
http://www.memoriasocial.pro.br/painel/pdf/publ_19.pdf
Breve panorama de estudos sobre Memória. Questões
teóricas e metodológicas (paper) –
Bernd BERND, Zilá. Estratégias memoriais na sociedade
contemporânea. In: GRAEBIN, Cleusa Maria; SANTOS,
Nadia Maria Weber (orgs.). Memória social: questões
teóricas e metodológicas. Canoas RS: Editora UnilaSalle,
2013, v.5 , p. 45-66.

3 30/08 Memória Social: fundamentos teóricos e metodológicos – Nádia


autores contemporâneos, abordagens e revisão
bibliográfica – SEMINÁRIO DOS ALUNOS (CADA
DUPLA DEVE ESCOLHER UM TEXTO PARA SEMINÁRIO
APRESENTAR – SERÃO DIVIDIDOS NO PRIMEIRO DOS
DIA DE AULA) ALUNOS
Parte II – Relação de autores clássicos e contemporâneos
e suas contribuições ao campo da Memória Social e
7

Cultural: Halbwacks, Huyssen, Beatriz Sarlo.


Textos:
HALBWACHS, Maurice. A memória coletiva. São Paulo:
Centauro, 2006.
HUYSSEN, Andreas. “Resistência à Memória: os usos e
abusos do esquecimento público”. In BRAGANÇA, Aníbal
e MOREIRA, Sônia (org.). Comunicação, Acontecimento
e Memória. São Paulo: Intercom, 2005. [livro em pdf em
anexo]
HUYSSEN, A. Seduzidos pela memória. 2. ed. Rio de
Janeiro: Aeroplano, 2004. [Excertos em anexo] [Livro em
pdf em anexo]
SARLO, Beatriz. Tempo passado; cultura da memória e
guinada subjetiva. São Paulo: Cia das Letras; Belo
Horizonte: UFMG, 2007. Ler o capítulo “ Pós-memória”,
páginas 90-113. [Livro completo pdf em anexo]

4 31/08 Memória Social: fundamentos teóricos e metodológicos Nádia e


– autores contemporâneos, abordagens e revisão Eduardo
bibliográfica – SEMINÁRIO DOS ALUNOS (CADA
DUPLA DEVE ESCOLHER UM TEXTO PARA SEMINÁRIO
APRESENTAR – SERÃO DIVIDIDOS NO PRIMEIRO DOS
DIA DE AULA) ALUNOS
Parte III - Relação de autores clássicos e
contemporâneos e suas contribuições ao campo da
Memória Social e Cultural: Aleida Assmann, Paul
Ricoeur, Jeanne-Marie Gagnebin,
Textos:
ASSMANN, Aleida. Introdução (conceito de memória
cultural). IN____ Espaços da recordação: formas e
transformações da memória cultural. Campinas: Editora da
Unicamp, 2011, p. 15-27. [pdf em anexo]
GAGNEBIN, Jeanne-Marie. O rastro e a cicatriz:
metáforas da memória. In: ____. Lembrar, escrever,
esquecer. São Paulo, editora 34, 2006. P.107-118. [pdf em
anexo]
RICOEUR, Paul. Memória, história, esquecimento.
Conferência. 8 de Março de 2003, Budapeste. Título
original: “Memory, history, oblivion”, no âmbito de uma
conferência internacional intitulada “Haunting Memories?
History in Europe after Authoritarianism”. [pdf em anexo]
RICOEUR, Paul. O esquecimento de recordação: usos e
abusos. In: _____. A memória, a história, o esquecimento.
Campinas: Unicamp, 2007, p. 451-462.

5 20/09 MEMÓRIA, HISTÓRIAS E PERFORMANCES Eduardo


CULTURAIS
8

Apresentação e discussão do FILME – Uma cidade sem Aula


passado., expositiva,
Sonja (Lena Stolze) começa a fazer um projeto na escola com o com leitura
tema "Minha Escola no Terceiro Reich" e descobre que a sua prévia de
cidade foi essencial para a ascenção de Hitler. Quanto mais ela
procura, mais os cidadãos tentam esconder esse passado.
textos pelos
Baseado em fatos reais. alunos
Título original Das schreckliche Mädchen
1990 (1h 34min)
Direção: Michael Verhoeven
Elenco: Lena Stolze, Monika Baumgartner, Michael
Gahr mais
Gêneros Drama, Histórico
Nacionalidade Alemanha Ocidental

https://www.youtube.com/watch?v=kKiykbMCtRM

TEXTO- TAYLOR, Diana. A Memória como prática


Cultural: mestiçagem, Hibridismo e transculturação: IN____
Arquivo e Repertório, performances e memória cultural nas
Américas, Belo Horizonte: Ed. UFMG,p.125-164.

6 21/09 TEXTO – HARTMANN, Luciana. Gesto, palavra e Eduardo


memória, performances de contadores de casos, Florianópolis: Aula
Ed. Da UFSC,2011. Cap. 2 . expositiva,
Livro em PDF em anexo com leitura
prévia de
textos pelos
alunos
7 27/09 TEXTO - GAGNEBIN, Jeanne-Marie , O trabalho de Eduardo
rememoração de Penélope. IN____ GAGNEBIN, Jeanne- Aula
Marie. Limiar, Aura e Rememoração, ensaios sobre Walter expositiva,
Benjamin. São Paulo, editora 34, 2014, p.217-250. com leitura
prévia de
textos pelos
alunos

8 28/09 TEXTO- TAYLOR, Diana. Encenando a memória Eduardo


Traumática: YUACHICANI, IN____ Arquivo e Repertório, Aula
performances e memória cultural nas Américas, Belo expositiva,
Horizonte: Ed. UFMG,p.165-1964. com leitura
prévia de
textos pelos
alunos
9

9 18/10 Memória, neurociências e psicologia Nádia


Textos para leitura prévia dos alunos:
SACKS, Oliver. A paisagem dos seus sonhos. (p165-197, Aula
com imagens). In: Um antropólogo em marte. SP: Cia das expositiva,
Letras, 1995. (Leitura obrigatória) com leitura
IZQUIERDO, Ivan. O que é a memória? Há diferentes tipos prévia de
de memória? Onde se localiza no cérebro cada tipo de textos pelos
memória? Por que costumamos lembrar de fatos muito alunos
antigos? In: ________. Questões sobre memória. São
Leopoldo: Ed. Unisinos, 2009.
VERBETES: Memória e neurociências; Memória e Psicologia
Analítica, Memória e Psicanálise. In: In: Bernd, Zilá, Kayser,
Patricia, Bruscatto, Underleia. E-mnemon E-Dicionário de
Expressões da Memória Social, dos Bens Culturais e da
Cibercultura. Canoas: EditoraUnilasalle, 2011. Disponível
em: http://edicionario.unilasalle.edu.br/

10 19/10 Memória e Sensibilidades Nádia


SEMINÁRIO DOS ALUNOS (CADA DUPLA DEVE
ESCOLHER UM TEXTO PARA APRESENTAR – SERÃO SEMINÁRIO
DIVIDIDOS NO PRIMEIRO DIA DE AULA) DOS
Textos: ALUNOS
PESAVENTO, Sandra. História e História Cultural.BH:
Autêntica: 2013. (capítulo sobre sensibilidades)
PESAVENTO, Sandra. Sensibilidades no tempo, tempo
das sensibilidades. Nuevo Mundo Mundos Nuevos [En ligne],
Colloques, mis en ligne le 04 février 2005, consulté le 12
mars 2017. http://nuevomundo.revues.org/229 ; DOI :
10.4000/nuevomundo.229 [pdf em anexo]
SANTOS, Nádia Maria Weber e AZEVEDO, Paula.
Entrelaçando passado, presente e futuro: uma busca
sensível da memória familiar. Disponível em:
http://www.revistafenix.pro.br/vol18nadia.php
Relato da pesquisa “sensibilidades à margem”: memória,
imigração e loucura.

11 25/10 Memória, Mito, Arquétipo e Símbolos Nádia


Fundamentos simbólicos da experiência humana:
memória, símbolos, arquétipos e mito. Alunos devem
Aula expositiva ler o texto
APRESENTAÇÃO DE POWERPOINT PELA previamente
PROFESSORA.

JUNG, C.G. “Sobre os arquétipos do inconsciente coletivo”.


IN: _________. Os arquétipos e o inconsciente coletivo.
Petrópolis: Vozes, 2010. PP. 11-50. [pdf em anexo]

12 26/10 Memória, Imagem e Arte Nádia


SEMINÁRIO DOS ALUNOS (CADA DUPLA DEVE
10

ESCOLHER UM TEXTO PARA APRESENTAR – SERÃO SEMINÁRIO


DIVIDIDOS NO PRIMEIRO DIA DE AULA) DOS
Textos: ALUNOS
DIDI-HUBERMAN, Georges. Imagens apesar de tudo.
Lisboa: Ymago KKYM, 2012. Pp. 1-47.[pdf em anexo]
HORN, Rebecca. Rebelião em silêncio. Catálogo da
exposição no Centro Cultural Branco do Brasil (RJ), 2007.
Disponível em:
http://www.bb.com.br/docs/pub/inst/dwn/CatalogoRebeccaHo
rn.pdf [pdf em anexo]
KERN, Maria Lúcia Bastos. Imagem, historiografia,
memória e tempo. ArtCultura, Uberlândia, v. 12, n. 21, p. 9-
21, jul.-dez. 2010. Disponível em:
http://www.artcultura.inhis.ufu.br/PDF21/m_kern.pdf . [pdf
em anexo]

13 22/11 Memória e identidade. Memória e subjetividade. Nádia


SEMINÁRIO DOS ALUNOS (CADA DUPLA DEVE
ESCOLHER UM TEXTO PARA APRESENTAR – SERÃO SEMINÁRIO
DIVIDIDOS NO PRIMEIRO DIA DE AULA) DOS
POLLACK, M. Memória e identidade social. Estudos ALUNOS
Históricos: Revista da Associação de Pesquisa e
Documentação Histórica, v. 5, n. 10, p. 200-212, 1992.
Disponível em
http://bibliotecadigital.fgv.br/ojs/index.php/reh/article/viewAr
ticle/1941
CANDAU, Joël. Memória e Identidade. São Paulo: Contexto,
2012. [Ler Introdução e Primeiro capítulo]. [pdf em anexo]
SANTOS, Nádia M W. Memória como Narrativas do
Sensível: entre subjetividades e sensibilidades. In:
GRAEBIN, Cleusa Maria; SANTOS, Nadia Maria Weber
(orgs.). Memória Social: questões teóricas e metodológicas.
Canoas RS: Editora UnilaSalle, 2013, v.5, p. 131-156. [pdf
em anexo]
14 23/11 Memória, narrativa, ficção e esquecimento Nádia

OS NARRADORES de Javé. Direção: Eliane Caffé. 2003.


Filme. Apresentação
e discussão do
Leitura prévia aos alunos, para acompanhamento do filme filme em aula
e discussão posterior:
BENJAMIN, Walter. O narrador: considerações sobre a obra
de Nikolai Leskov. In: ____. Magia e técnica, arte e política
- obras escolhidas. v. I. São Paulo: Brasiliense, 1994, p. 197-
221
POLLACK, Michael. Memória, esquecimento, silêncio.
Estudos históricos – Revista da Associação de Pesquisa e
Documentação Histórica, v. 3, n. 2, 1989, p. 3-15.
SANTOS, Myrian Sepúlveda. História e Memória: o caso do
Ferrugem. Revista Brasileira de História. São Paulo, v.25, nº
11

46, PP. 271-295, 2003. Disponível em:


http://www.scielo.br/pdf/rbh/v23n46/a12v2346.pdf

15 29/11 Orientação e supervisão dos trabalhos a serem escritos: Nádia e


apresentação dos resumos pelos alunos e discussão em Eduardo
aula.
16 30/11 Orientação e supervisão dos trabalhos a serem escritos: Nádia e
apresentação dos resumos pelos alunos e discussão em Eduardo
aula.
Avaliação da disciplina.