Você está na página 1de 7

Plano de Recuperação

Nome: Ano: 4º
Idade: Ano
Lectivo de

Recomendação do Conselho Escolar:

O Conselho Escolar,ao abrigo do disposto no Art.2 do despacho normativo nº 50/20005 e a partir


dos resultados verificados na avaliação Formativa e sumativa, decidiu recomendar a aplicação de um plano
de recuperação, para aplicação imediata, com vista à superação das dificuldades observadas, tendo como
objectivo primordial a promoção do sucesso do aluno nas suas aprendizagens.

O Director
______________
Data ____/____/____

Áreas disciplinares Intervenientes Programa de Intervenção


Apoiadas
Língua Portuguesa X Prof. Titular X
Sala de Aula X
Matemática X Professor Apoio X (Actividade curricular)

Estudo do Meio □ Psicólogo □ Sala de Apoio X


(A.P.A.)
Expressão: Enc. De Educação X
Musical/Dramática □
Físico-Motora □ Outros: Período de aplicação
Plástica □ ______________________
______________________ 2º e 3º Períodos
Objectivos do Plano de Recuperação:

a) Colmatar as necessidades evidenciadas pelo aluno nos diferentes âmbitos;


b) Desenvolver as capacidades do aluno;
c) Utilizar uma estratégia educativa adequada às dificuldades e necessidades evidenciadas e
não ultrapassadas;
d) Prevenir situações de retenção.

Plano de Apoio Anexado: Sim □ Não □

Assinaturas:

Encarregado de Educação: _______________________________________________________________________

Professor Ensino Regular: _________________________________________________________________________

Professor Apoio Pedagógico Acrescido: ______________________________________________________________

Data ____/____/____
Avaliação Final – Breve síntese Descritiva

__________________________________________________________________________________________________

__________________________________________________________________________________________________

__________________________________________________________________________________________________

__________________________________________________________________________________________________

__________________________________________________________________________________________________

__________________________________________________________________________________________________

__________________________________________________________________________________________________

__________________________________________________________________________________________________

Observações Gerais:

_____________________________________________________________
_____________________________________________________________
_____________________________________________________________
_____________________________________________________________
_____________________________________________________________

Assinaturas:
Encarregado de Educação:
____________________________________________________________________________

Professor Ensino Regular:


____________________________________________________________________________

Professor Apoio Pedagógico Acrescido:


____________________________________________________________________________

Director: ____________________________________________
Data ____/____/____
Plano de Recuperação
Aluno: Ano: 4º

Principais Dificuldades Diagnosticadas

O …… é um aluno que apresenta potencial para aprendizagem, no entanto tem uma personalidade
forte o que faz com que muitas vezes se torne agressivo. Ao longo do primeiro período apresentou uma
desmotivação total na aprendizagem, realizando os trabalhos com pouco brio e interesse. Para que possa ter
sucesso nas suas aprendizagens precisa de sentir o empenhamento por parte do encarregado de educação,
visto que as suas atitudes não são mais do que chamadas de atenção para si.

Língua Portuguesa Matemática

Números e Cálculo:
Compreensão oral / Expressão oral
- Organização de números por ordem crescente e
-Localização da acção no espaço e no tempo. decrescente;
- Descoberta num contexto o sentido de palavras -Identificação de ordens e classes da milésima ao
desconhecidas. milhão;
- Desenvolvimento da capacidade de retenção da - Calcula quocientes entre números inteiros (dois
informação oral. algarismos no divisor);
-Estabelecimento da sequência de acontecimentos. Resolução de problemas com autonomia;
- Expressividade; - Diferentes tipos de contagens 10-10 100- 100
- Reconto oral de uma história ou texto; -Estabelece correspondência entre dois conjuntos com
- Formulação de recados, avisos, instruções. base numa variável dada
- Retenção de informação -Resolve operações com incógnita através da operação
- Utilização diversificada de vocabulário novo; inversa.
- Composição e decomposição de números decimais;
Leitura e compreensão: - Memorização da tabuada;
- Adições com transporte e com números decimais
- Leitura expressiva; - Subtracções com empréstimo e com números
-Leitura dialogada, distinguindo a intervenção das decimais
personagens. - Multiplicação por 2 números
- Ritmo adequado ao sentido do texto - Divisão por dois algarismos;
- Compreensão e interpretação de textos - Aplicação do calculo mental na resolução de
-Apreende o sentido de um texto no qual foram problemas
apagadas ou semi-apagadas partes. Simples;
- Cálculo o quociente e o resto da divisão de números
Expressão escrita: inteiros/decimais de 4 algarismos por números de 2
algarismos;
-Construir materiais de informação, consulta e - Exercícios de raciocínio e calculo mental
estudo;
- Identifica verbos e aplica as formas verbais: Resolução de problemas:
Presente, Pretérito e Futuro. - Compreensão e interpretação de enunciados
-Treina a consulta de dicionários, prontuários. - Resolução de situações problemáticas
- Estrutura de um texto. - Recolha de dados simples
- Sequência lógica de ideias na construção de textos. -Organização de dados recorrendo a diferentes tipos
- Identificação dos diferentes tipos de textos; de representação
- Reconhecimento e aplicação de regras gramaticais; -Construção de tabelas
- Escrita com correcção ortográfica
- Determinação de relações de significado entre Grandezas e medidas:
palavras;
- Organização família de palavras. - Comparação de grandezas
- Aplicação de diferentes medidas

Geometria:

-Identificação de sólidos geométricos a partir da sua


planificação;
- Aplicação prática de noções de geometria;
- Utilização correcta dos instrumentos de apoio à
geometria compasso e régua.

Língua Portuguesa
Avaliação
Objectivos Estratégias / Actividades 2º Período 3º Período
ONA OED OA ONA OED OA

Compreensão oral/ -Invenção de histórias


Expressão oral colectivamente, por exemplo: o
professor escreve no quadro as
- Exprimir-se oralmente por frases de sequência da história
iniciativa própria que cada aluno, por iniciativa
- Participar em relatos própria, vai inventando.
- Participar em conversas e - Recontos a partir de frases
diálogos soltas ou imagens desordenadas;
- Criar e contar histórias a - Participação em diálogos e
partir de imagens ou conversas;
palavras-chave - Descrição oral de objectos e
-descrever imagens imagens;
-praticar a memorização de - Jogos de repetição e
informação. memorização;
- Reter a informação - Jogos que envolvam a escrita
transmitida por um texto. de recados.
- Diversificar e enriquecer -Técnicas de mnemónica;
o vocabulário - Intervenção em debates,
conversas e efectuar entrevistas.
- Dramatização de diferentes
textos.

Leitura e compreensão - Jogos de descoberta e


construção de outras palavras
- Ler com a expressividade - Leituras colectivas e individuais
correcta; - Reprodução de frases com
- Ler com o ritmo adequado diferentes entoações .
- Ler de forma audível; - Leitura de textos com
- Ler textos e histórias; diferentes finalidades (relatos
- Fazer vários tipos de de futebol, poemas, etc).
leitura - Em fichas pré-elaboradas,
-Compreender e interpretar completar lacunas.
textos - jogos com lengalengas, rimas e
trava -línguas.
Expressão escrita
- Participação no jornal da
- Escrever textos escola.
livremente - Reconto escrito
- Escrever frases - Exercícios de escrita criativa;
complexas e textos de - Ordenação de frases soltas com
forma orientada para formar textos com sentido.
- Experimentar diferentes - Fichas de trabalho diversas.
situações de escrita - Produção de textos individual
- Praticar a escrita -Utilização de guiões de leitura.
respeitando a estrutura do - Exercícios escritos de
mesmo interpretação, compreensão de
- Escrever com sequência frases e textos.
lógica de ideias; - Exercícios escritos para
- Aplicar os sinais de aplicação das regras gramaticais
pontuação e acentuação - Jogos diversos de escrita:
-Aplicar correctamente a acrósticos, palavra puxa palavra,
gramática rimas, provérbios, lengalengas,
- Escrever com correcção trava-línguas …
ortográfica - Crucigramas ortográficos
- Construção de dicionário
ilustrado, do vocabulário novo.
- Inventar situações lúdicas com
entoação de palavras, destacando
o seu sentido.

Legenda: ONO - objectivo não observado ONA – objectivo não atingido OED – objectivo em
desenvolvimento OA –
objectivo atingido
Matemática
Avaliação
Objectivos Estratégias / Actividades 2º Período 3º Período
ONA OED O ONA OED OA
A
Números e Operações
- Ler e escrever números -Construção de um cartaz de
por ordens classes e ordens e classes.
extenso - Composição e decomposição de
- Fazer diferentes tipos de números com o ábaco, barras
contagens cuisenaire e peças multibásicas.
- Compor e decompor - Jogos de cálculo mental (jogo do
números 24).
- Memorizar a tabuada - Loto numérico;
Fazer operações - Jogos de memorização da
- Adição com transporte tabuada.
- Subtracção com -Construção de sequências
empréstimo crescentes e decrescentes.
- Multiplicação por dois ou - Jogos práticos de divisão de
mais números quantidades.
- Divisão com dois números - Resolução de problemas
no quociente oralmente
- Aplicar o cálculo mental na - Exercícios orais de leitura e
resolução de problemas interpretação de problemas.
- Fazer exercícios de
calculo mental e raciocínio
- Interpretar e
compreender enunciados
- Explicar um enunciado de
problema;
- Descoberta de estratégias
de resolução de problemas.

Geometria
- Reconhecer diferentes - Manipulação de sólidos diversos.
sólidos geométricos - Descoberta na sala de
- Aplicar noções de diferentes aplicações.
geometria em situações geométricas.
concretas - Construção de alguns motivos
- Construir motivos geométricos.
geométricos -Jogos de identificação.
- Utilizar correctamente os
materiais

Legenda: ONO – objectivo não observado, ONA – objectivo não atingido OED – objectivo em
desenvolvimento OA – objectivo atingido
Actividades/estratégias de recuperação da responsabilidade dos professores

Provocar um maior número de interferências com o aluno, solicitando a sua participação


Procurar acompanhar presencialmente a execução dos trabalhos
Propor, regularmente, exercícios de estudo para utilização de métodos simples: sublinhar, transcrever, …
Propor trabalhos simples aumentando, gradualmente, a complexidade dos exercícios
Manifestar expectativas positivas em relação ao trabalho dos alunos
Reflectir e procurar corrigir as dificuldades sentidas e/ou os erros cometidos, em actividades futuras
Acompanhar o aluno na abordagem dos trabalhos escritos dando orientações básicas para a sua
realização
Utilizar de forma privilegiada a diversificação dos instrumentos de avaliação
Reforçar a Auto – Avaliação
Utilizar a pedagogia diferenciada em ambiente de sala de aula
Desenvolver actividades de compensação sempre que julgar necessário, ao longo do Ano Lectivo.
Propor e desenvolver actividades de recuperação (apoio extra curricular, quando o aluno o solicitar).

Actividades/estratégias da responsabilidade do aluno


Adoptar os seguintes comportamentos:

Ter um comportamento responsável


Estudar mais
Esforçar-se por estar mais atento
Realizar os trabalhos de casa
Participar mais activamente nos trabalhos, questionando o professor sempre que tiver dúvidas
Repetir os exercícios da aula
Exprimir dúvidas e dificuldades
Aplicar métodos de trabalho (sublinhar, transcrever, …)
Identificar e articular saberes e conhecimentos
Utilizar as novas tecnologias de informação

Actividades/estratégias da responsabilidade do encarregado de educação

Verificar se o educando realiza os trabalhos de casa.


Proporcionar ao educando um ambiente de trabalho propício.
Reservar um tempo específico adequado para que o seu educando realize os trabalhos de casa.
Motivar o educando para um percurso escolar positivo, salientando a importância deste para o seu
futuro.
Incentivar o aluno para actividades regulares de leitura, escutando-o e ajudando-o, se necessário.
Tomar conhecimento e assinar as fichas de comportamento semanal e as Fichas de Avaliação Mensal.
Contactar com frequência o Professor Curricular da Turma.
Reforçar a Auto – Estima do Educando.