Você está na página 1de 37

DELPHI MULTEC- IEFI- 6 M CORSA MPFI 1.0/1.6 OMEGA 2.2 S10 2.

2 BLAZER
2.2
DELPHI MULTEC - IEFI- 6

GM
CORSA MPFI 1.0/1.6
OMEGA 2.2
S10 2.2
BLAZER 2.2
SISTEMA DE INJEÇÃO ELETRÔNICA DELPHI MULTEC IEFI-6
Este sistema foi desenvolvido especialmente para GM é um sistema tanto
monoponto como multiponto. Este é um sistema sofisticado, ele mantém o motor
funcionando nas melhores condições.
É um sistema que possui autodiagnose própria possui através dos códigos de falhas
localizar defeitos sem a necessidade de um SCANNER. Sempre que a lâmpada de
advertência se acender será indicação que o sistema apresentou defeito gravado na
memória.
A CENTRALINA UTILIZA AS SEGUINTES LEITURAS.
1 - Sensor de detonação. 2 - Sonda lambda relação ar combustivel.
3 - Chave liga/desliga do ar condicionado.
4 - Velocidade do veiculo Km/h.
5 - Tensão do sistema elétrico.
6 - Posição da borboleta do acelerador.
7 - Temperatura do liquido de arrefecimento.
8 - Pressão absoluta do coletor de admissão.
9 - Rotação do motor.
10 - Posição da árvore de manivela.
A CENTRALINA ÉO CORAÇÃO ELETRÔNICO DO SISTEMA CONTROLA OS
SEGUINTES COMPONENTES.

R
elação ar/combustivel e quantidade injetada de combustivel.

Â
ngulo de permanência e de avanço da faisca.

R
otação da marcha lenta.

A
cionamento do ventilador do sistema de arrefecimento.

C
orte de combustivel durante desaceleração.
CENTRALINA .
COMO CONSEGUIR O CÓDIGOS DE FALHAS.
Este sistema possui autodiagnose de defeitos, o que reduz o tempo de pesquisa de
falhas. A indicação de falhas do sistema é feito por Piscadas fornecidas pela
lâmpada de advertência no painel de instrumentos. Pelos dados abaixo verificamos
se existe problemas ou não.

Ignição Lâmpada de advertência Diagnose.

Chave somente ligada. Lâmpada acesa. Sem problemas.

Motor funcionando. Lâmpada apagada. Sem problemas.

Motor funcionando Lâmpada acesa. Com falhas

A lâmpada de Advertência não é indicativa de todos os defeitos, algumas partes


como sistema de ignição como cabos de velas e também bomba, filtro, regulador de
pressão do sistema de combustivel não são detectados.
A lâmpada de Advertência funciona como as luzes de advertência da pressão
do óleo ou da bateria como por exemplo.
Deve acender ao ligar a chave e deve apagar ao motor entrar em
funcionamento.
Se lâmpada permanecer acesa com o motor funcionando, existe falhas.
OS QUATRO PASSOS PARA CONSEGUIR O CÓDIGO DE FALHAS.
1-Localização do Conector de diagnostico -ALDL. 3 - Ligue a chave de contato sem
dar a partida. Agora o sistema está no modo para apresentar os diagnósticos.
Irá apresentar os defeitos se existirem.
Ao energizar todos os componentes controlados pela Centralina, menos o relé da
bomba de combustível.
Isto ocorrendo permite os circuitos difíceis de serem energizados sem o veículo
funcionar.
Os componentes permanecerão energizados enquanto a centralina estiver no modo
apresentação de Diagnostico.
Fechar a válvula de ar motor de passo.
4 - Conte o número de piscadas para identificar o código.
Localização do relé e Unidade Central do Corsa 1.0 e 1.6
Localização dos Relés da S10 e Blazer 2.2.

Localização dos Relés da Omega 2.2.

Localização dos ALDL Omega 2.2, Corsa 1.0 e 1.6, S10 e Blazer 2.2
MODELOS DOS CONECTORES ALDL

IDENTIFICAÇÃO DOS CÓDIGOS


Como exemplo vamos citar o código 13
Lâmpada. Piscada Pausa Piscada Piscada Piscada Pausa maior.

Números ------1------- ------------- ---------3- -------

Os números sempre são compostos de dois dígitos como o 13 primeiro uma piscada
depois pausa curta e depois três piscadas e pausa maior os códigos serão mostrados
sempre três vezes, mostrando sempre o código menor no final começa tudo
novamente.
NO MËTODO SIMPLO DEVE SE UTILIZAR EQUIPAMENTOS
FUNDAMENTAIS PARA TESTES DOS COMPONENTES NÖS
TRABALHAMOS EM CIMA DE TRES FERRAMENTAS BÁSICAS, UM
MULTITESTE DIGITAL AUTOMOTIVO, CANETA PONTA DE PROVA E
MANOMETRO DE PRESSÃO E VAZÃO.

* Apenas no Omega e na S10

** Apenas na S10

*** Apenas no Corsa.

OBS. No Omega e no corsa é mandado diretamente do painel de instrumentos para um


módulo chamado DRAC e daí para centralina não existe sensor na caixa de câmbio do
veiculo.
LISTA DE CODIGO DE FALHA
Código Componente com defeito Falha

13 Sonda lambda circuito aberto

14 Sensor de temperatura da água voltagem baixa

15 Sensor de temperatura da água voltagem alta

19 Sinal de RPM incorreto

21 Sensor posição da borboleta voltagem alta

22 Sensor posição da borboleta voltagem baixa

24 Nenhum sinal de velocidade do veiculo

25 Válvula injetora voltagem baixa

29 Relé da bomba de combustível voltagem baixa

31 Falha da EGR

32 Relé da bomba de combustível voltagem alta

33 Sensor MAP voltagem alta

34 Sensor MAP voltagem baixa

35 Controle da ar na marcha-lenta motor de passo

41 Bobina cilindros 2-3 verificar pino C3 da centralina voltagem alta

42 Bobina cilindros 1-4 verificar pino D10 da centralina voltagem alta

43 Circuito do sinal de detonação

44 Escapamento pobre sonda lambda

45 Escapamento rico sonda lambda

49 Bateria voltagem alta

51 Substituir centralina ou PROM

55 Substituir centralina

63 Bobina cilindros 2-3 verificar pino C3 da centralina voltagem baixa

64 Bobina cilindros 1-4 verificar pino D10 da centralina voltagem baixa

66 Falha do transdutor de pressão do condicionador de ar

69 Sensor de temperatura do ar voltagem baixa


71 Sensor de temperatura do ar voltagem alta

81 Válvula injetora voltagem alta

93 Lâmpada de advertência e/ou sinal do tacômetro e/ou


válvula EGR

94 Relé ar-condicionado, relé do ventilador de alta, relé do


ventilador de baixa

TESTE RÁPIDOS QUANDO MOTOR NÃO FUNCIONA


OS CINCO PASSOS A SEGUIR.
Verifique se há centelha durante a partida com centelhador faça o teste para
todos cilindros.
Verifique se as válvulas injetora está injetando combustível.
Se houver centelha e não houver injeção. Testar o sistema de combustível
Se não houver centelho e houver injeção. Testar o sistema ignição.
Se não houver centelha nem injeção - Testar relés, distribuidor, fusíveis,
fiação e conexões

PLANO DE BUSCA DE FALHA PELO SINTOMA


FALHA CAUSAS SOLUÇÕES

Motor de partida vira 1- Filtro de ar e sua tubulação Ver roteiro de como


mas não pega. entupidos. testar neste mesmo
2- Escapamento entupido capítulo
3- Ver bateria
4- Verificar bomba de combustível e
mangueira,filtro,etc
5- Relés e fuziveis dos sistemas de
injeção e bomba de combustível.
6- Transformador, bobina, sistema de
ignição...
7- Alimentação da centralina

Marcha lenta elevada 1- Ver bateria 2- Sensor da pressão Ver roteiro de como
absoluta testar neste mesmo
3- Válvula de controle de marcha lenta capítulo
4- Sensor da temperatura da água
5- Sensor de temperatura do ar
6- Potenciômetro da borboleta

Baixa potência do motor 1- Ver bateria 2- Sistema de ignição Ver roteiro de como
3- Filtro de ar e sua tubulação entupidos testar neste mesmo
4- Escapamento entupido capítulo
5- Sensor de pressão absoluta
6- Verificar bomba de combustível,
mangueira, filtro, etc
Motor com dificuldade 1- Sensor de pressão absoluta 2- Ver Ver roteiro de como
para pegar bateria testar neste mesmo
3- Filtro de ar e sua tubulação entupidos capítulo
4- Escapamento entupido
5- Sensor de temperatura da água
6- Sistema de ignição
7- Verificar bomba de combustível,
mangueira, filtro, etc

Marcha lenta irregular 1- Sensor de temperatura da água 2- Ver roteiro de como


Sonda lambda testar neste mesmo
3- Verificar bomba de combustível, capítulo
mangueira, filtro,etc
4- Válvula de controle da marcha lenta
5- Entrada falsa de ar no coletor de
admissão
6- Sensor de pressão absoluta

Baixa potência do motor 1- Ver bateria 2- Sensor da pressão Ver roteiro de como
absoluta testar neste mesmo
3- Escapamento entupido capítulo
4- Verificar bomba de combustível e
mangueira, filtro, etc
5- Filtro de ar e sua tubulação entupida
6- Sistema de ignição

Consumo elevado de 1- Ver bateria 2- Sensor da pressão Ver roteiro de como


combustível absoluta testar neste mesmo
3- Sensor de temperatura do ar capítulo
4- Escapamento entupido
5- Filtro de ar e sua tubulação entupida
6- Verificar bomba de combustível,
mangueira, filtro, etc
7- Sonda lambda
8- Sensor de temperatura da água
ESQUEMA ELÉTRICO DO OMEGA E SUPREMA 2.2 MPFI
ESQUEMA ELÉTRICO DO CORSA 1.0 E 1.6 MPFI
ESQUEMA ELÉTRICO DA BLAZER E S10 2.2
Esquema Elétrico Pick-Up Corsa 1.6
COMO TESTAR OS COMPONENTES
1 -COMO TESTAR A CENTRALINA.

Alimentação elétrica
TESTANDO

1- Ignição desligada, PONTA DE PROVA nos nos fios ligados aos terminais B1, C16 da
centralina> positivo (+) (12V).

2- Ignição desligada, PONTA DE PROVA nos fios ligados aos terminais A12, B10, D1 e
Y12 (somente para Omega)da centralina > negativa (-).

3- Ignição ligada, motor parado, PONTA DE PROVA no fio ligado ao terminal C4 da


centralina> positivo (+) (12V).
COMO TESTAR SENSORES
2- Como testar sensor de temperatura da água

CORES DO FIOS. Terminal A11 Corsa marron, Omega preto/azul, S10


preto Terminal B12 Corsa azul, Omega azul, S10 amarelo.

TESTANDO

1- Ignição ligada, motor parado, PONTA DE PROVA no fio ligado ao pino A11 da
centralina> negativo.

2- Ignição ligada, motor parado, MULTITESTE DIGITAL no modo voltimetro no fio


ligado ao pino B12 da centralina> tabela abaixo (motor quente: entre 80 e 90 graus).

DADOS : de valores aproximados


Temperatura 20 30 40 50 60 70 80 90 100 110
graus

Tensão(V) 2,34 1,79 1,36 3,62 3,26 2,84 2,40 2,02 1,67 1,35

Resistencia W 3530 2230 1450 630 660 465 325 235 175 129

3 - Como testar o sensor de temperatura do ar

CORES DOS FIOS Terminal A11 ou D2 Corsa marrom, Omega verde/preto, S10
preto Terminal D3 Corsa marrom/azul, Omega marrom/azul
S10bege.

TESTANDO

1-Ignição ligada, motor parado, PONTA DE PROVA no fio ligado ao pino A11 ou D2 da
centralina> negativo(-).

2-Ignição ligada, motor parado, MULTITESTE DIGITAL no modo voltímetro no fio


ligado ao pino W3 da centralina> Dados abaixo.

DADOS: de valores aproximados


Temperatura 0 10 20 30 40 50 60 70 80 90 100
graus

Tensão (v) 3,51 2,93 2,34 1,79 1,36 3,62 3,26 2,84 2,40 2,02 1,67

Resistência W 9350 5580 3530 2230 1450 630 660 465 365 235 175
4 - Sensor de posição da borboleta

CORES DOS Terminal B8 - azul (Corsa e S10) e verde/branco (Omega)


FIOS
Terminal A8 - preto/branco (Corsa e Omega) e cinza (S10)

Terminal D2 - marrom (Corsa), verde/preto (Omega) e preto(S10)

TESTANDO

1- Ignição ligada, motor parado, PONTA DE PROVA no fio ligado ao pino D2 da


centralina> negativo(-)

2- Ignição ligada, motor parado, MULTITESTE DIGITAL no modo voltímetro no fio


ligado ao pino B8 da centralina> de 4,7 a 5,1 V.

3- Ignição ligada, motor parado, MULTITESTE DIGITAL no modo voltímetro no fio


ligado ao pino A8 da centralina. Gire o eixo da borboleta até o final> As leituras devem
estar de acordo com a (tabela A) abaixo (a variação da tensão deve ser continuo, sem
saltos)

Tabela A
Posição da borboleta Tensão (v)

Borboleta fechada 0,3 a 1,0

borboleta totalmente aberta 4,0 a 4,8

Tabela B
Resistência entre pinos KW

A e B borboleta fechada 4,0 a 9,0 W

A e b borboleta aberta valores estáveis

B e C borboleta fechada 1,0 a 3,0 W

B e C borboleta aberta 5,0 a 10,0 W


5 - Como testar sensor de pressão no coletor de admissão

CORES DOS FIOS Terminal A11 Corsa marrom, Omega preto/azul, S10
preto. Terminal A7 Corsa verde, Omega verde, S10
verde.Terminal B8 Corsa preto/branco, Omega preto/branco,
S10cinza.

TESTANDO

1- Ignição ligada, motor parado, PONTA DE PROVA no fio ligado ao pino A11 da
centralina> negativo (-)

2- Ignição ligada, motor parado, MULTITESTE DIGITAL no modo voltímetro no fio


ligado ao pino B8 da centralina> de 4,7 a 5,1V.

3- Ignição ligada, motor parado, MULTITESTE DIGITAL modo voltímetro no fio


ligado ao pino A7 da centralina. Com a bomba de vácuo ligada ao MAP, aplicar vácuo e
compare com tabela abaixo.

DADOS : de valores aproximados que variam de acordo com a altitude do local


(medições feitas a uma altitude entre 800 e 900 metros acima do nível do mar)

Vácuo (mmHg) 0 100 200 300 400 500

Tensão (V) 4,30 3,37 2,66 2,01 1,37 0,50


6 - Como testar sensor de rotação e pms

CORES DE FIO. Terminal A02 Corsa cinza/preto Omega cinza/preto S10


amarelo Terminal B03 Corsa cinza/vermelho, Omega
Cinza/vermelho.S10preto

TESTANDO

1- MULTITESTE DIGITAL no modo ohmimetro: medir resistência do sensor > 540W + ou - 1054

2- Motor desligado PONTA DE PROVA no fio ligado ao terminal 3 do conector> negativo (-)

7 - Como testar sensor de oxigênio no escapamento - sonda Lambda

CORES DOS Terminal B11 as cores são vinho ou rosa para todos carros.
FIOS

TESTANDO

1- Motor funcionando e aquecido, MULTITESTE DIGITAL modo voltímetro no fio do


sensor. Acelere> oscila de 0,1V a 0,9 V.

8 - Como testar sensor de detonação (somente Omega e S10)


CORES DOS FIOS Terminal B do sensor Omega preto S10 Rosa/preto. Terminal
C do sensor Omega Amarelo S10 Amarelo/preto.Terminal D
do sensor Omega marron, S10 preto.

TESTANDO
1- Ignição ligada, motor parado, PONTA DE PROVA no fio ligado ao terminal B do
Sensor> positivo (+) (12V)
2- Ignição desligada , PONTA DE PROVA no fio ligado ao terminal D do Sensor>
negativo (-).

A - COMO TESTAR ATUADORES


9- Como testar válvula(s) injetora(s)

Monoponto
TESTANDO
1- Ignição ligada, motor parado, PONTA DE TESTE no fio preto(Corsa ou Omega)
ou rosa/preto (S10)> positivo (+).
2- Ignição ligada, motor parado, PONTA DE PROVA nos fios ligados aos pinos C11
e C15 (Corsa e Omega) ou C11 (S10) centralina > positivo (+) (12V).
3-Mesma situação anterior, dê partida no motor > Led verde pisca durante partida
ou com motor funcionando
4- MULTITESTE DIGITAL no ohmimetro, medir resistência das válvulas
injetoras> resistência de 2,0 a 3,0W.

Como testar o Tempo de Injeção


TESTANDO
4- Com um MULTITESTE DIGITAL no modo mile segundos checar o tempo de
Injeção que deverá ser de....... Corsa
MPFI...............................................................................................0,7 a 1.5 ms
S10 EFI - BLAZER EFI - OMEGA 2.2 MPFI..........................................0,7 A 1.9 ms
Em Marcha Lenta e motor aquecido
10 - Como testar bobina e modulo de ignição

Cores dos Terminal C12 - marrom (Corsa e Omega) e preto (S10) Terminal C03 -
fios preto/azul (Corsa e Omega) e preto (S10)
Terminal C04 - preto (Corsa e Omega) e rosa (S10)Terminal D10 -
preto/verde (Corsa e Omega ) e branco (S10)

TESTANDO
1-Centelhador colocado em cada saída da bobina. Dar partida no motor > centelha
forte (min. 2cm)durante partida.

2-Ignição ligada, motor parado, PONTA DE PROVA no fio ligado ao pino C04 da
centralina > positivo (+) (12V).

3- PONTA DE PROVA no fios ligados aos pinos C03 e D10 da centralina . Dar partida
no motor > Led verde piscar durante partida.

4- MULTITESTE DIGITAL no modo ohmimetro : medir resistência do primário e do


secundário da bobina > primário :0,6 a 0,8 W secundário: 5,5 a 6,5 K W.

5- PONTA DE PROVA no fio ligado ao pino C12 da centralina > negativo (-).

11 - Como testar motor de passo.

Terminal C05 Corsa verde/branco, Omega Verde/branco


CORES DOS FIOS S10 verde/preto.

Terminal C06 Corsa Verde Omega Verde, S10


Verde/branco.

Terminal C08 Corsa Azul/preto, Omega Azul/Preto, S10


Azul/branco.
Terminal C09 Corsa Azul/Verde Omega Azul/Verde, S10
Azul/Preto.

TESTANDO

1- Ignição ligada, motor parado. Conecte a ponta de prova em cada um dos fios do
motor de passo > Os leds deverão picar alternadamente quando for dada a partida
(logo que o motor pegar).

2- Ignição desligada. Desconecte o conector do motor de passo. Com o MULTITESTE


DIGITAL na posição ohmimetro , meça as resistências dos enrolamentos dos terminais
A, B, C, D do motor de passo > Devem estar de acordo com a tabela abaixo.

Tabela
Medição entre os Valor medida
terminais
AeB 50 a 65 W

CeD 50 a 65 W

BeC EEE (isolado)

AeD EEE (isolado)

Qualquer terminal e a EEE (isolado)


carcaça

Verifique também se não existe defeito mecânico na agulha trancada ou canal de


desvio entupido. Se a voltagem da bateria estiver abaixo de 9V, a centralina desliga
o motor de passo para não perder a referência.

12 - Como testar relé da bomba de combustível

TESTANDO
1- Retire o relé e coloque a PONTA DE PROVA no terminal 85 do conector. Dar
partida no moto.> negativa(-). durante a partida.
2- Ignição ligada, motor parado . Coloque o PONTA DE PROVA no terminal 86 do
conector. >positivo (+).
3- Ignição desligada, PONTA DE PROVA no terminal 30 (Corsa e Omega) ou
terminal 87 (S10) . positivo (+)
4- Coloque o relé no soquete e coloque a PONTA DE PROVA no fio ligado ao pino
87 do relé (pino 30 para a S10). Para o Omega e S10, desconectar os fios do
interruptor de pressão do óleo. Dar partida no motor. > positivo (+) durante a
partida ou com motor funcionando.

13 - Como testar pressão da bomba de combustível

TESTANDO
1- Antes de iniciar este teste, despresurize o sistema : dê partida, retire o fusível da
bomba e espere o carro morrer. Coloque o manômetro na entrada de combustível
(tubo distribuidor ou corpo de borboleta) e feche a válvula de esfera. Recoloque o
fusível e dê partida no motor > Deve indicar entre 4 e 6 bar e não deve cair. Mesmo
com a bomba desligada a pressão não deve cair rapidamente. OBS: Não faça
obstrução na linha de retorno, isto pode danificar o regulador de pressão.
2- Com o manômetro na mesma situação anterior, abra a válvula de esfera e dê
partida no motor > deve indicar uma pressão de 2,8 a 2,1 bar (Corsa e Omega) ou
1,8 a 2,1 bar (S10). Desligando-se a bomba , pressão deve cair (alivio do sistema).
3- Ainda com o manômetro ligado dê a partida no motor e acelere até
aproximadamente 2000rpm > A pressão não deve cair.

14 . Válvula EGR (Somente Omega e S10)

CORES DOS FIOS Terminal A09 Omega preto/amarelo S10 cinza. Fio da chave de
ignição Omega preto S10 rosa/preto.

TESTANDO
1- Ignição ligada, motor parado, PONTA DE PROVA no fio da ignição ligada á
EGR. > positivo (+)
2-Mesma situação anterior, PONTA DE PROVA no fio ligado ao pino A09 da
centralina> positivo (+)

15 - Como testar sensor velocidade (Somente S10)

TESTANDO
1- Levante as de tração (traseiras). Com o motor funcionando, engate em primeira
marcha. Com MULTITESTE DIGITAL no modo voltimetro , tensão alternada,
medir a voltagem entre os fios (verde/preto) e (vinho/branco) > Voltagem deve
variar com a rotação das rodas traseiras.
16 - Esquema Elétrico do Imobilizador?

17 - Como Funciona o Esquema do Imobilizador


COMO FUNCIONA
1 - Observe que o sistema imobilizador recebe o sinal de velocidade. No ato da
partida a linha que sai do terminal 7 da Unidade Central (UC) do imobilizador serve
de condutor para o sinal eletrônico da chave e depois já com o motor em
funcionamento, esta linha serve de condutora para o sinal do Sensor de Velocidade.
Em veículos sem imobilizador existe um jumpeamento entre o terminal 6 e 7 do
Conector da UC do imobilizador.

BOSCH MOTRONIC M1.5.5 MODELOS ASTRA 1.8 MPFI ASTRA 2.O MPFI
ASTRA 16V

BOSCH MOTRONIC M1.5.5


MODELOS
ASTRA 1.8 MPFI
ASTRA 2.O MPFI
ASTRA 16V

Procura de falha pelo sintoma


Motor com 1- Filtro de ar e sua tubulação entupida 2- Ver bateria Ver roteiro
dificuldade para 3- Relê e fusíveis de como
pegar 4- Alimentação da centralina testar neste
5- Ver ignição mesmo
6- Escapamento entupido7 Verificar bomba de capitulo
combustível, mangueira, filtro etc.

Motor falha na 1- Medidor de massa de ar 2- Verificar bomba de Ver roteiro


aceleração combustível, mangueira, filtro, etc. de como
3- Ver bateria testar neste
4- Ver ignição5- Válvula injetora mesmo
capitulo

Consumo 1- Ver bateria 2- Alimentação da centralina Ver roteiro


elevado de 3-Sistema de temperatura de ar de como
combustível 4- Escapamento entupido testar neste
5- Medidor de massa de ar mesmo
6- Filtro de ar e sua tubulação entupida capitulo
7- Verificar bomba de combustível, mangueira, filtro8-
Sonda lambda

Marcha lenta 1- Medidor de fluxo de ar 2- Sonda lambda Ver roteiro


irregular 3- Verificar bomba de combustível, mangueira, filtro. de como
4- Válvula de marcha lenta testar neste
5- Entrada falsa de ar no coletor de admissão6- Sensor de mesmo
temperatura de água capitulo

Motor de 1- Ver bateria 2- Alimentação da centralina Ver roteiro


partida vira mas 3- Escapamento entupido de como
não pega 4- Filtro de ar e sua tubulação entupida testar neste
5- Ver ignição mesmo
6- Relês e fusíveis7- Verificar bomba de combustível, capitulo
mangueira, filtro etc.

Marcha lenta 1- Potenciômetro da borboleta 2- Sensor de temperatura Ver roteiro


elevada de água de como
3- Válvula de controle de marcha lenta testar neste
4- Ver bateria5- Medidor de massa de ar mesmo
capitulo

Baixa potência 1- Ver bateria 2- Alimentação da centralina Ver roteiro


no motor 3- Escapamento entupida de como
4- Ver ignição testar neste
5- Medidor de massa de ar mesmo
6- Verificar bomba de combustível, mangueira, filtro capitulo
etc.7- Filtro de ar e tubulação entupida

Conector da UC
Esquema elétrico ASTRA 1.8/2.0 16V
Esquema elétrico ASTRA 1.8/2.0 8V

COMO TESTAR OS COMPONENTES


1) Como testar o Sensor de Temperatura de Água?

TESTANDO

1- Ignição ligada, motor parado, MULTITESTE DIGITAL no modo voltímetro no SENSOR


e confira os dados abaixo

DADOS

Temperatura °C 110 100 90 80 70 60 40 30 20

Tensão V 0,5 0,7 0,8 1,1 1,4 1,7 2,6 3,0 3.4

Resistência  150 200 255 330 440 600 1200 1700 2400

2) Como testar o Sensor de Temperatura do AR?


TESTANDO

1- Ignição ligada, motor parado, MULTITESTE DIGITAL no modo voltímetro no SENSOR e


confira os dados abaixo

DADOS

Temperatura °C 80 50 30 10

Tensão V 1,2 2,3 3,0 3,9

3) Como testar a Sonda Lambda?

TESTANDO

1 – Com um MULTITESTE DIGITAL no modo Ohmimetro checar a resistência da Sonda


Lambda aquecida que deverá ser de 3,0 a 3,7

1 – Com um MULTITESTE DIGITAL no modo Voltímetro checar a tensão da Sonda


Lambda aquecida que deverá ser de 12V.

1 – Com um MULTITESTE DIGITAL no modo voltímetro checar a tensão da Sonda


Lambda que deverá ser de 0,1 a 0,9V.

4) Como testar o Sensor de Rotação e PMS?

TESTANDO
1 – Com um MULTITESTE DIGITAL no modo ohmimetro checar a resistência entre os
pinos A32 e A22 que deverá ser de 800 a 1200  .

5) Como testar o Sensor de Pressão Absoluta?

TESTANDO

1 – Com um MULTITESTE DIGITAL no modo voltímetro e com uma Bombinha de Vácuo


checar as medidas da tabela abaixo

TABELA

Vácuo (mmg) 0 -100 -200 -300 -400 -500

Tensão V 3,6 a 4,30 3,03a3,58 2,46a2,86 1,89a2,14 1,32a1,42 0,75a0,70

6) Como testar o Sensor da Posição da Borboleta?

TESTANDO

1 – Com um MULTITESTE DIGITAL no modo voltímetro checar a tensão nos pinos A13 e
A1 que deverá ser de com Borboleta Aberta = 4,35 a 4,95 V Com a Borboleta fechada
= 0,15 a 0,7V.

1 – Com um MULTITESTE DIGITAL no modo Ohmimetro checar a resistência do Sensor


da Posição da Borboleta e conferir com os dados abaixo. OBS fazer teste de resistência com
o Sensor desligado.

DADOS

Sensor da Posição da Borboleta Fechada Aberta

Pinos A13 - A1 1,1 a 1,3 K 2,7 a 2,9 K

Pinos A13 – A29 2,5 a 2,7 K 0,9 a 1,1 K

Pinos A1 – A29 2,0 a 2,2 K 2,0 a 2,2 K

7) Como testar o Corretor da Marcha Lenta?

TESTANDO

1 – Com um MULTITESTE DIGITAL no modo Ohmimetro checar a resistência do


Corretor da Marcha Lenta nos pinos A35 e A26 que deverá ser de 30 a 70 

8) Como testar as Válvulas Injetoras?


TESTANDO

1 – Com um MULTITESTE DIGITAL no modo Ohmimetro checar a resistência do da


Válvula Injetora que deverá ser de 12 a 15  (isolada)

2 – Com um MULTITESTE DIGITAL no modo milissegundos (ms) e checar o tempo de


injeção e comparar com os dados abaixo.

DADOS

Astra 8V 2,0 a 5,8 ms

Astra 16V 3,8 a 5,8 ms

9) Como testar a Pressão de Combustível?

TESTANDO

1 – Com um MANÔMETRO instalado checar a pressão de linha que deverá ser de 3,1 a 3,3
bar.

10) Como testar a Válvula de Canister?


TESTANDO

1 – Com um MULTITESTE DIGITAL no modo Ohmimetro checar a resistência do


Válvula de Canister nos pinos A34 e B17 que deverá ser de 25 a 35 

11) Como testar a Bobina de Ignição?

TESTANDO

1 – Com um MULTITESTE DIGITAL no modo Ohmimetro checar a resistência


do primário isolado 0,8 a 1,0 e primário pinos A28 e A10 1,6 a 2,0 secundário de 10,5 a
12,8 K

12 - Esquema Elétrico do Imobilizador


13 - Como Funciona o Imobilizador

COMO FUNCIONA

1 - Observe que o sistema imobilizador recebe o sinal de velocidade. No ato da partida a linha que sai

14) -Como apagar a lâmpada de aviso da troca de óleo e manutenção do Astra G?

1) Apertar e Manter Apertado o Botão de Resetar (A) com a chave na posição ON.

2) A lâmpada de manutenção com a inscrição INSP se acenderá por 2 segundos.

3) Apertar o Botão de resetar até apagar a inscrição.

4) Soltar o Botão de resetar.

5) Girar a chave a posição OFF.


Renault Master 2.5 Injecao Diesel

Problema: Motor gira mas não pega, luz vermelha (luz do sistema anti-arranque)
piscando rapidamente no painel.
Histórico/Causa do Problema:
Master 2009 até 2013
Junto ao polo positivo da bateria está um conjunto de fusíveis "maxifuse".
O conjunto de fusíveis e a bateria fica no assoalho do habitáculo do motorista próxima a
alavanca de marchas e está sujeito a vibrações.
Existem dois fusíveis de 30A montado nesse conjunto.
O carro perde alimentação da UCH e led do sistema anti-arranque (imobilizador) no painel
(bolinha vermelha) fica piscando mais rápido.
O motor gira mais não pega.
Dependendo da medição, você pode ser “enganado” pois nos testes de tensão ou
resistência o resultado dá ok.

Causa do defeito: Fusível de 30A "trincado" devido às vibrações do veículo.

Solução: Substituição do fusível trincado.

Marca: VW Modelo: Fox Motor: EA111 1.0 Ano: 2007 Combustível: Flex
Sistema: Injeção Eletrônica
Fabricante injeção: Magneti Marelli
Versão: IAW 4BV
Problema: Luz da injeção acesa e registro do código: 17745 ou P1337 - Sensor de
posição da árvore de cames, Banco 1 curto para à massa

Histórico/Causa do Problema:
Correia no ponto tudo certo.
Acusava curto circuito sensor de came (sensor de fase).
No local de alojamento do sensor de fase no cabeçote a ponta do eixo (janela do sinal de
fase) estava "entrando" no furo de alojamento do sensor.
Quando o comando está alinhadinho o ressalto/janela fica na região central do furo de
alojamento do sensor de fase, caso esteja "torcido" o ressalto vai ficar entrando ou saindo,
é indício de que está errado.
Removemos a tampa de válvulas com os mancais e constatamos o comando torcido.
O eixo comando torce porque trata-se de um componente "oco".

Solução:
Como forma "paliativa" adiantamos 2 dentes na correia dentada e a luz da injeção apagou-
se.
A solução correta é trocar o comando de válvulas.