Você está na página 1de 22

A actualidade da crítica de Gil Vicente.... é possível ou não? Diz-nos o que pensas.

Se fosse hoje, que diria Gil Vicente sobre a nossa sociedade? Sobre quem e sobre o quê recairia a sua crítica?

os mesmos defeitos.. pois pensam que são perfeitas. se estivesse vivo. criticava principalmente o governo Português e também o Povo.Gil Vicente Se Gil Vicente ainda estivesse vivo. Gil Vicente. os altos impostos que pagamos.Algumas das críticas feitas na época mantêm-se actualmente. . a sua obra é universal e intemporal. mas não me vem mais nenhuma à cabeça.. não criticava apenas o povo. mas também os governantes deste pais. sendo que apresentam os mesmos erros. gananciosas e ambiciosas. Possivelmente existiriam muitas mais críticas... Este. Se Gil Vicente estivesse vivo. pois esses são os que mais erros cometem. com as suas regras. diria que algumas pessoas são egoístas.. e essa seria outra das críticas. Helder Costa 9º E nº 6 \ Escola E B 2’3 de Celeirós Eu acho que é possível e isso reflecte um pouco no que o Helder Costa disse. Gil Vicente apresenta-nos grupos de pessoas não têm consciência dos erros que cometem.. eu acho que a sua crítica à sociedade não mais teria fim.

por exemplo. pois algumas das personagens referidas na obra têm semelhanças a algumas classes sociais ou até a profissionais actuais. Como por exemplo a Alcoviteira poderá representar a classe das prostitutas ou Carolina Salgado.O. em que uns vivem muito bem cheios de luxos e outros que vivem na miséria. Beatriz Santos nº2 9ºB EBI Charneca de Caparica Considerada pelo próprio autor como um “Auto de Moralidade”. Quanto a vocês não sei. que representa os Bancos. Alguns dos assuntos que trata são ainda pertinentes na actualidade.B. mas é isto que eu penso. William Pires 9ºA E. Charneca de Caparica Na minha opinião. sendo completamente adequadas. Do meu ponto de vista. o Frade poderá representar os Padres Pedófilos. cheios de luxos.Na actualidade. fazendo a crítica com as personagens-tipo. o Fidalgo poderá representar os políticos ou até mesmo a Ministra da Educação. pois no Auto da Barca do Inferno estes não têm pecados e se olharmos bem à nossa volta podemos verificar que todos temos pecados sejem eles pequenos ou grandes. Diogo Pereira Nº9 9ºB EBI123Charneca de Caparica Na minha opinião as críticas feitas por Gil Vicente no “Auto da Barca do Inferno” podem-se verificar em algumas situações da actualidade. pois como os meus colegas Beatriz Santos e Fernando Cascão referiram anteriormente. de certeza que não encontraria nenhuma classe ou profissão que pudesse representar os Cavaleiros. o Fidalgo. respectivamente.I. poderão ser aplicadas na actualidade. que mal ganham para comer. que cobram os juros e o Corregedor e o Procurador. pois ainda existe uma diferença entre classes sociais.B. Charneca de Caparica Na minha opinião. o Onzeneiro poderá representar os Bancários ou até mesmo o Ministro das Finanças. o Onzeneiro. as personagens deste livro assemelham-se a profissões e classes sociais da actualidade. já não existem classes muito acentuadas ------------- . que representa todos aqueles que vivem bem. Se fosse hoje. que representam os juízes e os advogados. o próprio criticaria provavelmente inúmeras situações como por exemplo o nosso governo.Penso que as suas criticas recairia presidente e na ministra da educação. o “Auto da Barca do Inferno” proporciona uma amostra do que era a sociedade das décadas do século XVI. as críticas feitas pelo autor Gil Vicente na sua obra "Auto da Barca do Inferno". Fernando Cascão 9ºB E. Se Gil Vicente vivesse na actualidade. as críticas feitas por Gil Vicente no ''Auto da Barca do Inferno'' também podem ser consideradas críticas da actualidade. que representam o comportamento comum a uma classe ou a um grupo profissional/social. Algumas das personagens-tipo podem representar ainda algumas personalidades actuais. Gil Vicente apontaria principalmente o egoísmo e cinismo do governo e criticaria a ganância de alguns.

Se fosse hoje Gil Vicente diria que desde aquele tempo a sociedade mudou bastante. classe média e classe baixa.a Nobreza. sendo as críticas apropriadas para a nossa actualidade. Mara Cuevas 9ºA / E. Eu penso que quem Gil Vicente criticaria mais na actualidade seriam os políticos. A crítica residiria nas pessoas em geral. não teria qualquer problema em criticar os problemas do nosso país.B. É que há pessoas que pensam que são perfeitas mas acabam por se enganarem no momento da verdade. se Gil Vicente vivesse neste tempo. porque todos os defeitos apontados pelo autor. visto que as pessoas hoje em dia dão muita importância aos bens materiais. a educação. porque no estado que estamos ele não hesitaria em escrever. Mas eu penso também que se não houvesse “maus” a vida também não tinha graça. A classe alta tem melhor estilo de vida que a classe baixa. SLAVIC GHITU Nº23 . quando o Governo do nosso país "luta" contra esta diferença. como a luxúria e a vaidade estão presentes na sociedade actual. no entanto não vemos melhores resultados. se Gil Vicente vivesse ainda hoje.como existiam no século XVI. o Clero. Gonçalo Sousa nº 10 9ºA As críticas de Gil Vicente têm ainda alguma actualidade. O autor crítica muito as diferenças entre as classes da época. não ia ter descanso em criticar a politica da actualidade. o estado do desemprego entre outras. nem diferenças nas condições de vida do nosso país. e já não tanta importância aos bens essenciais. talvez para pior. teria o grande gozo de escrever a criticar o governo português.I Charneca de Caparica _________________________________________________ _______________________ Na minha opinião. a Burguesia e o Povo mas as classes sociais ainda existem hoje em dia. E acho que Gil Vicente tinha a mesma opinião para ter feito uma história cómica com essas criticas.classe alta. Mas as criticas referidas num livro que já foi escrito há alguns séculos ainda continuam ate aos dias de hoje e se pensarmos bem ainda vão continuar assim como o livro do Gil Vicente. Carla Tavares nº5 9ºA Se Gil Vicente ainda estivesse vivo. Na minha opinião. pois o pecado é comum a todas as pessoas. como o consumismo e ainda a vaidade.

pois as classes sociais ainda existem apesar de não serem tão significativas. a arrogância. acho que Gil Vicente tenta alertar-nos para não cometermos os mesmos erros que as personagens do "Auto da Barca do Inferno" . XVI.I. na actualidade. em grupos profissionais ou até sociais. O El Solitaiu poderia substituir a personagem Enforcado devido á sua vida criminosa. Na sociedade actual. poderia ser substituida pela Carolina Salgado devido aos seus roubos cometidos e sua antiga profissão. enquanto que outros levam a vida cheia de luxos e a gastar dinheiro em coisas desnecessárias. esquecendo um pouco a abordagem religiosa e a censura á religião judaica. Indentificaria o Frade com o tão conhecido pela vida mundana. existe muitos assuntos que este podia criticar. a vaidade. Penso que esta obra é muito interessante pelas críticas satíricas que são feitas à sociedade. 9ºB – EBI da Charneca de Caparica Gil Vicente. penso que a religião já não seja um factor tão relevante nos dias de hoje. Zézé Camarinha. O Sapateiro pode ser equiparado. cometem pecados para consigo e com os outros e julgam-se sempre canonizados. E. poderiam ser os dois. Gil Vicente. a prostituição. ou seja. fá-lo-ia actualmente de novo. nº12 .. Isabel Tavares. a luxúria. O Procurador e o Corregedor podem ser equiparados ao advogado Jamil Chokr devido aos subornos e corrupção. a tirania. Mas quem é que Gil Vicente criticaria nos dias de hoje? Seria o povo ou quem governa tal país e gente? Na minha opinião. criticaria toda a sociedade. a crítica de Gil Vicente pode perfeitamente ser actualizada abordando o mesmo tipo de assuntos como o desrespeito pelos mais fracos. Refiro também que a sua opinião sobre a sociedade seria mais precisa do que nunca porque. na minha opinião. porque tanto o povo como os governantes de um país. existem pecados ou defeitos como o egoísmo ou infortúnio para uns com os outros. á actual Ministra da Educação pois também é desonesta com os alunos e professores.B. Os Quatro Cavaleiros poderiam ser substituídos pelos soldados que estão a defender o Iraque para a paz no mundo. pois na sociedade actual existe maior liberdade e maior respeito. A personagem que representa a Nobreza. mesmo tendo já passado cinco séculos. Hoje em dia todas as pessoas arranjam um pretexto seja de que maneira for. Sendo que. Mesmo sendo o povo governado. as personagens que Gil Vicente escolheu teriam que ser adaptadas á sociedade actual. se ainda fosse vivo. não sendo considerados assuntos tão relevantes. poderia ser trocada pelos bancos portugueses. da Charneca de Caparica Na minha opinião. nem que seja só pela maneira como se vestem. Não individualmente. Não consigo equiparar o Judeu a nenhuma pessoa na sociedade actual pois. Alguns exemplos de pecados que estão presentes na obra são o roubo. etc. esta continua pertinente ou ainda pior. tendo como objectivo criticar a sociedade no séc. na minha opinião pelo José Castelo Branco pela sua presunção e vaidade. mas como fez na obra do “Auto da barca do Inferno”. pois muitas pessoas ainda cometem os pecados que o autor aponta na obra. seria substituída. Se a obra fosse escrita na época actual. cometem erros tal como nós. As crianças substituiriam o Parvo pela sua simplicidade e ingenuidade. para julgar ou maltratar outras pessoas. Mas será que a culpa de o povo ter pecados é de quem o governa? A resposta é não. 9ºA. Muitas pessoas só pensam em ganhar dinheiro para alimentar os seus filhos. desonestidade. as pessoas que dirigem este país também seriam criticadas pois. a luxúria. A Alcoviteira. ou Seriamos actualmente criticados? . teria muito que dizer sobre o que se passa por esta altura pois. criados desde sempre pela população. corrupção. na actualidade.As criticas ainda têm alguma actualidade.. Gil Vicente criticaria vários assuntos entre os quais um deles seria a luxúria.Na minha opinião. roubo. O Onzeneiro que representa a Burguesia. Marta nº20.

na minha opinião. pois estes. por mais que o tempo passe continuam a ter perturbações mentais. os bancos substituem o seu papel na perfeição pois os juros cobrados às pessoas são cada vez mais altos. Bem… Gil Vicente então criticaria a sociedade e o povo. egoísmo. com algumas das personagens do “Auto da barca do Inferno”. O Pagem por um lado porque é uma personagem domada pelo Fidalgo. mentirosas e etc . julga-se algo que no entanto não é. luxúria. Talvez precisemos de outra obra como a de Gil Vicente… Quem se iria atrever a escrever uma? Daniela Martins nº8. Isto deve-se ao facto da sociedade continuar a apresentar sinais de arrogância. tal como na obra. Acho que sempre irão existir críticas e cada vez mais porque a sociedade agora só pensa em vaidade . E nós. – Nós. pois estes. penso que a maioria dos padres que existem actualmente. logo penso que estes não se podem associar aos frades da época. por exemplo o governo compararia com o Fidalgo pois é uma personagem extremamente egoísta. pois ambos vivem à custa de outros. nas medidas. Pelo que sei. A alcoviteira continua a ser substituída pelas prostitutas. acho que poderia comparar a sociedade. considero que na .por serem de uma sociedade inferior. corrupção. roubo. seriamos o Pajem e o Onzeneiro.e não o mais principal saúde . pois eu também não tenho muitos conhecimentos acerca dessa religião.etc . as críticas sociais de Gil Vicente da obra “O Auto da Barca do Inferno”. o povo. Cipriana Moreira n :5 9B EB 2 /3 de Celeiros Na minha opinião. pode ser um simples vendedor. maltratando-os. o que não acontece com o povo actualmente. ainda mais do que outrora. O judeu.em bens materiais e etc .criticava o povo mas principalmente os governos . posso afirmar que o fidalgo poderia ser um ministro. embora actualmente como existem diversas carreiras e maior facilidade em segui-las. ser padre é um interesse vocacional que se está a perder.carinho e amor . na minha opinião. dedicam-se e entregam-se completamente àquilo que fazem. prostituição e muitos outros aspectos. estando associado à corrupção comercial. nos preços. O frade poderia ser substituído por padres. actualmente. nos arredondamentos. Em consideração. obviamente. enganam os clientes. Portanto. não de igual maneira. infelizmente.Também criticava algumas pessoas que são gananciosas. estando cheias de tirania e pecado no coração. continuam. No caso do onzeneiro. mas por outro é uma personagem que nunca cometeu nenhum pecado. e adora fazer o povo de servente. fazendo tudo o que ele manda ou sugere. desonestidade. que apodera-se da inocência dos outros. querendo que lhe obedeçam severamente. Seleccionaria o Onzeneiro também. actuais. é a personagem mais difícil de enquadrar na nossa sociedade. O sapateiro. gostam. pois o governo também permite coisas desumanas indeterminadas. 9ºB EBI Charneca de Caparica Eu acho que se Gil Vicente fosse vivo fazia a mesma critica . mais uma vez levados pela ganância. porque maior parte das pessoas só pensam no dinheiro. O parvo. Comparando as personagens da obra à sociedade actual. na minha opinião poderia ser um deficiente mental. falsas.

o crime. Temos o caso do Fidalgo. nº25. Temos ainda na nossa actualidade bastantes humoristas que criticam bastante a sociedade. as críticas feitas por Gil Vicente no “Auto da Barca do Inferno” está ainda muito presente no século XXI. Como por exemplo (e como já referiu a Beatriz). todavia.sociedade da época eles eram muito mal vistos pois não pertenciam à religião católica. o crime e muito mais os temas ainda relacionados com a actualidade. sendo a vaidade. EBI Charneca de Caparica Na minha opinião. a prostituição. EBI Charneca de Caparica Na minha opinião. O procurador e o corregedor representam a justiça portuguesa. Carina Santos. tal como na obra. Portugal apresenta um regime democrático. a burla. O enforcado. Algumas das personagens referidas nesta obra. Muitos pecados são ainda realizados nos tempos de hoje. . Tiago Afonso. como Gil Vicente. embora por vezes pense o contrário pois considero que a combater não se promove a paz. podem ser os reclusos pois estes. a ganância.B. Um bom exemplo das criticas à nossa sociedade são os "Gato Fedorento" que apesar de. pois apenas esses conseguem contratar os melhores advogados. pela sua vaidade. nº15. tal como o enforcado. a vaidade. centram a sua crítica em personagens individuais e importantes da nossa sociedade. que representa por exemplo o Castelo Branco. 9ºA . O Frade os padres pedófilos. pois além de considerar que o seu número diminuiu.E. corrupção. Inês Lopes.B. cometeram crimes mas actualmente já não são enforcados. etc. entre muitos outros.E.nº11. pois em muitos casos a vitima inocente não pode provar tal. que apesar de representarem cargos "novos" apresentam um comportamento que leva a um tipo de cómico semelhante ao de Gil Vicente. como por exemplo. Inês Alexandre. os padres pedófilos poderiam ser representados pelo Frade. pela sua avareza e usura. a justiça acaba por favorecer aqueles que têm dinheiro. 9ºA. Os quatro cavaleiros podem ser os militares/soldados. pois a lei impõe tantas exigências que só com recurso a um advogado se pode dizer algo em sua justiça. cada um é livre de pensar e acreditar no que quiser. a tirania. as criticas feitas por Gil Vicente no "Auto da Barca do Inferno" ainda estão bastante presentes nos dias de hoje. por terem uma vida mundana e uma má consciência religiosa. porque muitos dos pecados que as personagens cometeram naquela altura ainda se revelam hoje. 9ºB. que é uma prostituta. o suborno. roubo. A Alcoviteira a Carolina Salgado. vigarice. actualmente estes são muito melhor aceites. tal como na obra continuam a combater pela paz. logo. ignorância religiosa. 9ºB . a desonestidade. prostituição.I. desonestidade. Charneca de Caparica Na minha opinião. José Sócrates e outros ministros poderiam ser representados pelo Fidalgo. Penso que se Gil Vicente fosse vivo ainda teria muito para criticar.I Charneca de Caparica. pois estes. O Onzeneiro os Bancários. os Bancos poderiam ser representados pelo Onzeneiro. podemos comparar com profissionais ou classes sociais da actualidade. Por vezes. se Gil Vicente ainda fosse vivo tinha muitas pontas por onde pegar para criticar a nossa sociedade. o roubo. criticarem personagens-tipo.

Hugo. era isso que o autor Gil Vicente queria passar para nos com esta peça. Nelson Pinto nº21 9B. as criticas feitas por Gil Vicente na obra "Auto da Barca do Inferno" ainda se reflectem no nosso dia a dia. EBI da Charneca de Caparica Na minha opinião as criticas feitos por Gil Vicente na sua época ainda são bastante actuais. media baixa e media alta. nº 6. . as criticas feitas por Gil Vicente tanto dão para aquela época como para esta. ainda hoje se podem comparar com algumas classes sociais ou profissionais existentes por exemplo o Onzeneiro que se pode comparar com o director do BPN. 9ºB. As críticas feitas aos frades ainda hoje se aplicam nos padres que violaram pessoas.o suborno. No entanto já temos os Gato Fedorento a fazê-lo. como por exemplo a prostituição a vaidade. entre outros. etc. Beatriz Grilo nº3 9ºB EBI da Charneca de Caparica Na minha opinião. porque muitos dos pecados cometidos na sua obra ainda existem em grande número na nossa actualidade. EBI Charneca de Caparica Na minha opinião. pois o autor falava nas profissões e na classe social naquele tempo. por terem uma vida boa. os Bancos. a Ministra da Educação. classes trabalhadoras corruptas e sobre pessoas VIP’s como Castelo Branco. se o Gil Vicente fosse vivo iria criticar o Sócrates. Daniel Martins.etc. Mas se vivesse hoje ainda era pior pois hoje em dia e tudo pior a falta de emprego as classes sociais pensam que são as maior mas engana-se pois todos temos os mesmos direitos quer seja trabalhar divertirmo-nos etc. 9º B EBI Charneca de Caparica Como toda a gente aqui já disse. Cinha Jardim. Na minha opinião as críticas que Gil Vicente fez com a peça “Auto da Barca do Inferno” as várias classes sociais do século XVI.Ele criticou as classes sociais dizendo os pecados que cometiam. Pedro Pinheiro nº22 9B. Gil Vicente criticaria alguns membros da sociedade. Acho que se ele fosse vivo teria muito mais para criticar! Rafael Pereira 9ºA. o roubo. Na minha opinião as suas críticas cairiam sobre políticos. Gonçalo Henriques 9ºA. muitas personagens deste conto infantil chamado " Portugal" seriam criticadas. Muitas das críticas ainda se aplicam na actualidade e muitas outras apareceram devido ao passar do tempo. EBI Charneca de Caparica Se fosse hoje. o Joane (Parvo) pode ser comparado (agora menos) com a classe social baixa. EBI da Charneca de Caparica Gil Vicente Eu acho que as criticas que Gil Vicente fez á muitos anos ainda hoje se podem aplicar. mas não só. A sua crítica seria dirigida aos políticos. sobre o actual estado dos impostos. assim como o fidalgo que hoje se compara com pessoas ricas que desrespeitam os mais pobres. como podemos ver na nossa sociedade actual. etc.Muitos políticos seriam atacados. principalmente os de alta sociedade. falta de empregos e baixos salários.

roubos é o que não falta. má consciência religiosa e entre outros pecados cometidos. o povo mais pobre .I Charneca de Caparica Eu acho que a crítica se manteria devido a os problemas a que Gil Vicente se refere continuam a ser praticados nesta altura e possivelmente ainda com maior gravidade. as manifestações não param. O parvo representa um pouco do povo. o clero.B. O Sapateiro ser comparado com um Ministro visto que são todos desonestos e a Alcoviteira ser contejada com a Cicciolina que vivia da prostituição. Sobre o que é que recairia a sua critica? Fácil. João Diogo Ferreira Santos Nº16 9ºB Na minha opinião. outras sem outra alternativa recorrem à prostituição. a educação vai sei lá por onde.. em todas as coisas que disse anteriormente. Ch. O Onzeneiro ser substituido pelos Bancos que vivem repletos de dinherio e que são subordinados da população. a Nobreza por Paris Hilton visto que têm uma vida igualmente luxuosa e ostentada. No entanto alguns dos pecados enumerados anteriormente. etc. vaidade e luxúria. o desrespeito pelas outras religiões. a tirania.. a arrogância. a prostuitção. a crítica de Gil Vicente é inteiramente actualizada. de Caparica Tudo o que Gil Vicente criticava antigamente ainda pode ser visível na actualidade. o nosso querido 1º ministro. Carolina 9ºA Nº7 E. porque. XVI das provenientes da do século XVI. o Fidalgo representa ainda as pessoas que melhor vivem no país. são outras coisas que nem vale a pena comentar. o preço das coisas continua a subir sem pés nem cabeça. O onzeneiro representa todos os bancos. Gil Vicente diria que a nossa sociedade está de "pantanas". Entre elas estão a corrupção. Gil Vicente poderia criticar a Ministra da Educação e os seus regimes. desvalorizam os mais pobres e dão sempre razão aos da alta sociedade. a má fé. aqueles que o seu dia de trabalho é num campo de batalha. As personagens criticadas por Gil Vicente são reflectidas em várias pessoas do País.I. a avareza. As suas criticas recairiam. O governo vai de mal a pior. ainda estão bem presentes todas as classes socais. José Socrates e em todos os elementos do governo que prometem tudo e mais alguma coisas. roubo. nobreza e o povo são classes que ainda se observa bastante no país. Será que vai a haver alguém com coragem e talento suficiente para igualar Gil Vicente? Era bom que sim para podermos ver se as coisas mudavam e fica aqui a minha opinião. para no fim de contas não cumprirem com nada. a exploração dos mais fracos.Adriana Rebelo 9ºA EBI CHARNECA DA CAPARICA Se fosse hoje. o roubo. as trafulhices do BPN. pois são eles que fazem de tudo para receber mais dinheiro. a luxúria. Como a traição. A sociedade do séc. há gente a viver na rua. XVII pouco muda da sociedade de hoje. crianças que passam dias sem comer. ainda existem mas são praticados de forma mais leviana.B. muitas mulheres sofrem nas mãos dos maridos. sobre a ministra da educação. que têm melhor vida. Joana Fonseca nº9 9ºA – E. ou seja. Finalmente os Cavaleiros a qualquer pessoa que a sua vida seja a lutar pelos outros e pelas suas crenças. aborda a mesma temática de “defeitos” para a sociedade do século. Por exemplo poderia susbtiruir o Fidalgo. Ninguém tem respeito por ninguém. Se o famoso autor do “Auto da Barca do Inferno” ainda fosse vivo poderia reescrever a sua obra com personalidades do presente que as suas maledicências continuariam efectivas.

que iam desde personagens divinas a diabólicas. denunciando tudo o que na opinião de Gil Vicente era merecedor de atenção e mudança. e para conseguir abranger o máximo de características possível.será ela actual? O Auto da Barca do Inferno é uma obra de evidente sátira social e que. a tirania. João Diogo Ferreira Santos Nº16 9ºB EBI Charneca de Caparica . o inferno. esta continua actual. o onzeneiro. As personagens do Auto da Barca do Inferno podem ser encontradas. que ganham a vida com a exploração e a gestão da prostituição. Penso que a crítica de Gil Vicente pretendia chamar a atenção de forma a alterar os costumes de uma época marcada pela falta de valores. as trafulhices do BPN. a usura.de Portugal e outras personagens que neste momento não me lembro de exemplos visíveis no país. passando por todas as classes. No entanto. Pode-se assim dizer que Gil Vicente foi um corajoso denunciante da ingenuidade dos grandes. Daniela Oliveira nº7 9ºB EBI Charneca de Caparica Crítica de Gil Vicente . Devido a isto. pois a falta de valores conseguiu estender-se até aos nossos dias. a prostituição.. Será que vai a haver alguém com coragem e talento suficiente para igualar Gil Vicente? Era bom que sim para podermos ver se as coisas mudavam e fica aqui a minha opinião. esta crítica ajusta-se aos dias de hoje.. O escritor refere nela todos os pormenores que caracterizam as personagens. Gil Vicente poderia criticar a Ministra da Educação e os seus regimes. Na minha opinião. através do seu cómico. pode hoje ser comparado com os sistemas de crédito e juros aplicados. Raquel Pires nº3 9ºA Eu acho que a critica se manteria devido a problemas a que Gil Vicente se refere continuam a ser praticados nesta altura e possivelmente ainda com maior gravidade. A arrogância. Os resultados não foram muitos. a ganância. a vaidade. XVI. com as suas "meninas" e o seu jeito depravado. como a classe social a que pertencem. critica a sociedade. sem poupar a mais alta hierarquia eclesiástica. A obra é como que um "retrato" da sociedade portuguesa do séc. podem hoje ser comparados ao sistema judicial português. a corrupção e a burla são os pecados cometidos pelas várias personagens do Auto da Barca do Inferno e que os levaram a ser severamente punidos com o destino mais cruel. A alcoviteira. no nosso dia-adia. a desonestidade. o autor usou personagens-tipo. os seus vícios e impulsos intelectuais e religiosos. que actuam sobre uma justiça segundo os seus princípios e interesses económicos. pode hoje ser comparada com os "chulos". onde a justiça é muitas vezes difícil de se conseguir e sobretudo muito lenta. O procurador e o corregedor. a luxúria. e que os levaria a sofrer eternamente as consequências do seu modo de vida pecaminoso. ainda hoje. Por exemplo. que emprestava dinheiro com juros de 11% (um autêntico roubo naquela altura).

mas também o resto da população não se safava das suas críticas. mais violentas e vai gerando um mau estar de toda a gente. nos sabemos isso pelo livro escrito por ele titulado por : Auto da Barca do Inferno. devido às atitudes e valores que a sociedade actual tem parecidas com a sociedade vicentina. Carina Dias 9ºA nº4 EB 2 e 3 de Celeirós Na minha opinião. ESCOLA EB 2 E 3 CELEIRÓS ******************** . Também criticaria o governo. se Gil Vicente vivesse na actualidade continuaria a criticar os estratos sociais de hoje em dia como o fez na época em que viveu. em que Gil Vicente critica todos os estratos sociais pela forma como vivem e como agem. Teria como quase todas as opiniões. Concluindo. se Gil Vicente vivesse na nossa sociedade acho que ele criticava todos os estratos sociais. pela taxa elevada de desemprego e também seria muito rigoroso ao nível de escolaridade. sendo que as personagens do Auto têm muita características parecidas com determinadas pessoas da nossa sociedade.Gil Vicente Se Gil Vicente fosse hoje. TIAGO MARQUES. da nossa sociedade criticaria da mesma forma que o fez naquela época. porque todas as características por ele criticadas nas personagens do "Auto da Barca do Inferno" continuam a existir na nossa sociedade. porque as pessoas cada vez são mais antipáticas. Criticaria o povo. lançar fortes críticas ao governo e há alta sociedade deste país. Cláudia Sá nº6 9ºA E. 9ºE Nº21. por aumentar os preços a tudo. se Gil Vicente vivesse agora teria o mesmo espírito crítico da sua época. por isso penso que Gil Vicente criticaria da mesma maneira que criticou na época em que viveu. 2/3 de Celeirós Gil Vicente Certamente que.B. como ele tenta retratar na sua obra.

como tal as suas críticas permanecem actuais. existia a vaidade. a mania das grandezas. pois como sabemos. não criticaria apenas os políticos. deveria ser um homem bastante corajoso. mas também as pessoas que.Se Gil Vicente ainda fosse vivo provavelmente as suas críticas iriam manter-se sem muitas alterações. em vez de se preocuparem com o seu carácter. sendo capazes..corrupção no governo onde a personagem-tipo poderia ser um político. aliás está pior de ano para ano neste ponto de vista. os maus tratos e a falta de civismo. Nº 5500. As pessoas. A sua obra é intemporal e. as mulheres "vendiam-se" e cometiam-se os maiores pecados. um ministro implicado no caso Freeport. não querem trabalhar e preferem receber o rendimento mínimo. o mundo não evoluiu assim tanto como dizem. Já no tempo do Mestre Gil.corrupção no futebol onde as personagens-tipo poderiam ser os dirigentes desportivos. homens e mulheres eram infiéis. as suas críticas à sociedade eram muito fortes. mas sim todas as pessoas gananciosas que se acham importantes e poderosas. . Patrícia Lopes 9ºA Escola Artur Gonçalves Gil Vicente criticaria. o povo era explorado pelas classes sociais mais abastadas. na sua época. vivendo às custas dos outros. Claro que criticaria também os políticos pelo mal que fazem à nossa sociedade. Penso que as suas críticas iriam abordar sobretudo a corrupção em Portugal.corrupção na banca destacando-se a situção do BPN. o desrespeito. . Como podemos verificar. ~~~~~~~~~~~~~~~~~~ Penso que Gil Vicente.. Isso estará correcto? Claro que não! Todos se criticam uns aos outros e ninguém tem consciência ao que se pode habilitar no futuro. pensam apenas nas aparências. CATARINA RODRIGUES. A sociedade portuguesa continua. tendo como exemplo vários casos: . pois acho que se Gil Vicente fosse vivo. 9ºC .. Tenho uma opinião um pouco diferente dos meus colegas acima. Também as pessoas agarradas aos vícios. Acho as críticas de Gil Vicente extremamente actuais..

. o adultério. a tirania. hoje em dia. Bárbara de Marco 9º C ********** Se Gil Vicente.. etc. e levavam uma vida mundana. que achava que era mais importante que os outros. apesar das doenças sexualmente transmissiveis e da gravidez não desejada.. Ana Rita Ferreira. podem fazer tudo o que lhes apetece sem pedir a opinião de ninguém. o roubo. Hoje. Nº5139. 9ºE Escola Artur Gonçalves . continua a haver pessoas com cargos superiores que pensam estar imunes a tudo e continuam a fazer tudo o que querem sem ninguém interferir e denunciar e só pensam em si próprias e não nas outras pessoas. mandando em tudo e em todos. Na altura. Gil Vicente criticaria o facto de ser muito lenta a resolver os casos e por vezes errar nas decisões que toma e também a corrupção. a desonestidade. a falsa crença também é uma realidade actual tanto como a corrupção (na justiça). Em relação à igreja. Hoje.Torres Novas *** Se Gil Vicente fosse um dramaturgo dos dias de hoje continuaria a ter vários tipos sociais para criticar. Nesse tempo criticava-os por não cumprirem os votos religiosos. Hoje. sobretudo nos mais necessitados. representada pelo corregedor e pelo procurador. a corrupção. Hoje em dia. As figuras políticas são um desses tipos. pelo discurso ser igual ao de muitos anos atrás. a vaidade. as aldrabices nos processos judiciais. por serem do governo. Gil Vicente criticava os Frades para apontar os defeitos da igreja. mesmo que prejudique a sociedade e abusam do poder que têm.a ganância. . Gil Vicente criticava a política através do Fidalgo. os ministros e os deputados consideram que. por não compreender os jovens.ESCOLA ARTUR GONÇALVES . mesmo sendo criticadas. criticava os subornos. porque tinham "amantes". o desprezo pelos mais pobres. elemento da Nobreza.Torres Novas A crítica de Gil Vicente mantem-se viva. criticaria o facto de a igreja continuar a dizer NÃO ao preservativo. falando sobre as suas acções e suas consequências. aspectos que Gil Vicente criticou nas suas obras e fê-lo de maneira a que as pessoas. A crítica está bem viva porque. se riam do seu modo de vida ao verem-no representado no palco. criticava-a por não ser justa. Em relação à justiça. pois esta critica as pessoas de todas as classes sociais.

9ºC Escola Artur Gonçalves . dos seus hábitos.  O Parvo não tem dinheiro. tendo em conta a posição que os nossos políticos e governantes máximos têm conseguido manter. posso considerar que a sua temática é bastante real. "só interessa $$$$" . da presunção do estatuto social e de muitos defeitos de uma sociedade corrupta. da ganância. fá-lo-ia com alguma verdade. da vaidade. foi possível traçar um quadro fiel das classes sociais apresentadas. do frade. A peça fala da injustiça. como por exemplo.Escola Artur Gonçalves *** *** Se Gil Vicente vivesse nos dias de hoje. Atendendo ao que analisei nas aulas e na peça de teatro que fui ver a Lisboa. o caso da Casa Pia. Muitas das persongens aí retratadas têm tudo a ver com a atualidade:  O Onzeniro representaria o Banco de Portugal. Através da peça que estudei. pois fico triste por já termos sido um GRANDE PAÍS e … agora … temos de pensar que Gil Vicente tinha razão! Rui Ramos .  O Fidalgo representaria a nobreza falida que vive do bom e do melhor e depois não tem dinheiro para pagar as despesas. Ele satirizava a sociedade do seu tempo. do onzeneiro. . que representam o comportamento de uma classe ou um grupo profissional/social. mostrando a sua visão crítica da sociedade. Penso que a sua obra é intemporal e bastante actual. do sapateiro. Se tivesse que comparar todo este mundo de corrupção com os dias de hoje. as críticas feitas por Gil Vicente no "Auto da Barca do Inferno" mostra-nos como era a sociedade do século XVI. defeitos e virtudes. da usura. representa "99% "da população de Portugal. troçava do fidalgo.Torres Novas *** Em minha opinião. Temos. da alcoviteira … enfim ! … Gil Vicente acabou por satirizar as pessoas do seu tempo. provavelmente ficaria escandalizado com a sociedade em que vivemos. Basta pensarmos em escândalos que nem nos passam pela cabeça. o caso Freeport. o caso do Apito Dourado. da prostituição. as classes privilegiadas como o clero e a nobreza e os magistrados corruptos. os casos de violência em permanente crescimento … E mais não digo. fazendo essa a crítica através das personagens-tipo. por exemplo o povo. o caso do desemprego desenfreado que todos os dias vemos nas notícias.

ainda hoje existe e é um assunto também muito falado. nesta época. Mas.   A Alcoviteira incita as moças à prostituição havendo muitas situações dessas hoje em dia. se Gil Vicente estivesse vivo criticaria bastante o modo como está a ser gerido o nosso país. Desde o desemprego nas fábricas e nas empresas. passando pela crise económica que todos nós vivemos. tinha mulher. à corrupção. eu acho que se Gil Vicente vivesse hoje. na nossa sociedade. que levava uma vida mundana. Uma expressão de Gil Vicente que caracteriza isto é “ridendo castigat mores”. porque além de corrigir os costumes. fê-lo de uma forma muito engraçada. as personagens Corregador e Procurador representavam a corrupção nos tribunais e. criticava os mesmos aspectos que criticou na sua época. Ele fazia as suas críticas. sabia dançar. ainda hoje. ********** André Silva 9ºC Escola Artur Gonçalves . A personagem Alcoviteira. Se eu estivesse na pele de Gil Vicente. O Frade. Gil Vicente fazia rir através da ironia e dos tipos de cómico. ainda hoje são visíveis. No auto. e isso ainda se vê de forma camuflada em alguns padres no século XXI. também foram alvo da crítica de Gil Vicente através do Onzeneiro. faz-nos rir. que representava o Clero. eu faria precisamente o mesmo que ele fez criticando os vícios e a hipocrisia desta sociedade. Filipa Mendes 9ºC Escola Artur Gonçalves **************** Crítica Vicentina Na minha opinião. ENTRE MUITOS OUTROS Actualidade da crítica de Gil Vicente Em minha opinião. como é o caso do futebol entre outros. O “Auto da Barca do Inferno” é um auto de moralidade. tal como criticou o modo como várias pessoas e vários níveis sociais viviam na sua época. a rir corrigem-se os costumes. mas ao mesmo tempo fazia rir quem as lia. Os altíssimos juros que são cobrados hoje pelos bancos. isso se nota. Gil Vicente. Quase todos os aspectos negativos que Gil Vicente crítica através do “ Auto da Barca do Inferno”. que representava a prostituição.

. Quanto à corrupção parece que continua. missas. mas também no processo da Casa Pia. Alguns pensam que Gil Vicente terá sido um famoso ourives que teria construído a famosíssima custódia de Belém. que pensava que bastava rezar e ir à missa para ir para o céu quando morresse. como por exemplo a classe da nobreza que vivia como queria e tinha todos os luxos. desde o fecho de empresas. do meu ponto de vista. Gil Vicente se ainda fosse vivo iria criticar. imaginese se vivesse num mundo que está a entrar numa recessão e que está a afundar a vida de muito boa gente… João Moita.mas de quase todas as personagens que julgavam que as rezas. que parece não ter fim. A crise económica continua a afectar vários sectores da sociedade. Afonso V. 9º C. Se Gil Vicente gostava tanto de criticar a sociedade do seu tempo. tal como na sua época as mesmas classes sociais e praticamente os mesmos vícios e maus costumes.Falando no desemprego. comunhões. Escola Artur Gonçalves ******************************************************************************************* ************************************************************************* Gil Vicente nasceu no reinado de D. tinham mais valor que praticar o bem. Na obra “O Auto da Barca do Inferno” podemos observar que Gil Vicente criticava alguns aspectos da sua sociedade. mais trabalhadores no desemprego”. alguns antes ou alguns anos depois de 1465 e faleceu entre 1536 e 1540. Esta má consciência religiosa não é só característica da nobreza . Ignorando-se a sua profissão e a sua condição social sabia-se que Gil Vicente era organizador de espectáculos realizados na corte. Gil Vicente criticaria o fecho de imensas empresas no nosso país. A primeira obra do dramaturgo foi o “Monólogo do Vaqueio” e a última a “Floresta de Enganos”. a dívidas de vários milhares de milhões de euros que vários países deixam acumular. Todos os dias ouvimos nas notícias:” mais uma empresa que fechou. não só no futebol com o processo “Apito Dourado”.

O José Castelo Branco é vaidoso. este auto adapta-se a qualquer altura pois as personagens representativas das classes sociais daquela época e as existentes na actualidade apresentam características muito semelhantes. José Castelo Branco poderia ser o Fidalgo. de Escolas Artur Gonçalves de Torres Novas *************************************** Gil Vicente.Rui Pedro Oliveira 9. ridículo. ganancioso. presunçoso. Gil Vicente . Assim. Este também é vaidoso. presunçoso. convencido e despreza os mais fracos. fez com que este possa ser atemporal. convencido. o Sr. existem muitas características semelhantes às do Fidalgo. “maniento” e acha que todos lhe devem obedecer e que tem poder sobre tudo e todos usando o seu dinheiro. ridículo. ao realizar este Auto da Barca do Inferno.ºD Agrup. ganancioso. Por exemplo. vendo bem. Poderia dar muitos mais exemplos mas achei que este era o mais explícito e engraçado.

um auto de todos os tempos que apresentará sempre semelhanças à actualidade.tornou o seu auto. Diana Antunes 9ºD Escola Secundária Artur Gonçalves ********************************************************************** ********************************************************************** ** .

apenas com elas próprias. têm as suas características. relativamente ao nível dos bancos ( nível montetário e financeiro ). relativamente a algumas opiniões e pensamentos das mulheres. João Mendes 9ºA Escola Artur Gonçalves Se Gil Vicene fosse vivo ? que criticaria hoje? A vida no passado e a vida actual são muito idênticas… cada uma destas. na politica. etc… . ainda existem pessoas que são infiéis e também duas coisas que não faltam nesta sociedade são as corrupções e roubos (enganar as pessoas). porque ainda hoje existem pessoas que não se importam minimamente com os outros.Actualidade de Gil Vicente Se Gil Vicente vivesse na sociedade de hoje em dia. eu acho que tudo o que ele já criticou na sua época continuaria a criticar. Acho que se Gil Vicente se estivesse vivo e escrevesse outra peça seria uma peça muito mais extensas. características em que são completamente iguais… seja na sociedade. porque nos dias de hoje o que não falta são pessoas egoístas que só pensão em si e injustiças. em muitas e certas opiniões.

mas. naquele tempo. quando pretende arranjar um namorado ou um companheiro. sem tirar nem por. os limites. pode até mesmo apaixonar-se e amá-la verdadeiramente. porque é exactamente igual. mas. charmoso. não pelo verdadeiro amor… a mulher. á mulher de antigamente. bem vestido. ligava muito á aparência. é igual á mulher do passado. tanto fisicamente como psicologicamente. o amor não é excessao… Se. é só e apenas mais completa. mais desenvolvida. é certo que muitas das vezes há excessóes. depois até de conhecer bem essa pessoa. á mulher do passado. giro. o grandioso Gil Vicente ainda cá estivesse entre nós.Falando um pouco de uma obra que já tive oportunidade de estudar. ou seja. ele não criticaria a mulher de hoje. mas. pode até mesmo apaixonar-se e amar profundamente alguém. á partida. simpático. porque na vida tudo á limites e. a mulher de hoje é “ uma fotocópia” da mulher há uns bons anos atrás… no . é evidente que se vai atrair e ter vontade de o conhecer e quem sabe algo mais… para a mulher a primeira vista. inicialmente. em que a mulher era interesseira. mas. tendo em conta. O Auto da Índia. o que fez com que a mulher se interessa-se por aquela pessoa foi só e apenas a aparência… Tudo bem que a mulher pode e deve lutar pelos seus interesses. tanto nela como no homem… Porém. mas muito raramente … A mulher de agora. a primeira vista é o que lhe chama mais á atenção… a primeira vista no fundo é o fruto para conhecer alguém… A mulher “tem olhinhos na cara” e ao ver um homem elegante. a aparência é o essencial… mais tarde. hoje a mulher também é assim. que só casava com um homem só e apenas pela aparência.

mais inteligente. mais racional… Cátia 9ºB E.3 de Celeirós .entanto.Braga . mais crescida.B 2. hoje é só mais desenvolvida.