Você está na página 1de 3

Efeito Camaleão Químico

Efeito Camaleão Químico Efeito Camaleão Químico Arthur Miranda, Bruna Ribeiro, Danilo Tabatini, Fernanda Fadelli, Gleice Rodrigues,

Efeito Camaleão Químico

Arthur Miranda, Bruna Ribeiro, Danilo Tabatini, Fernanda Fadelli, Gleice Rodrigues, Marcelo Costa, Marcos Mendes, Matheus Conegundes, Wesley Moralles.

Professor: Ruth James, CCNH

Santo André

Resumo

Efeito Camaleão Químico Efeito Camaleão Químico Arthur Miranda, Bruna Ribeiro, Danilo Tabatini, Fernanda Fadelli, Gleice Rodrigues,

Apresentar as reduções sofridas pelo Permanganato de Potássio (MnO4 ) ao se encontrar em soluções alcalinas com sacarose (açúcar), podendo ser verificado sua “transformação” em Manganato (MnO4 2 ) e em seguida em Dióxido de Manganês (MnO 2 ) através das respectivas colorações: violeta, verde e marrom.

INTRODUÇÃO

O experimento aqui apresentado tem como fundamentos teóricos a Cinética Química, ou seja, o estudo da velocidade em que as reações ocorrem e de possíveis fatores que possam modificá-las, como exemplo observado nesse experimento, temos o processo de oxidação sofrido pela sacarose (açúcar) em virtude das propriedades oxidantes do permanganato.

OBJETIVO

Medir

os

tempos

decorridos

para

os

processos de oxiredução do Permanganato de Potássio (MnO 4 ) em diferentes concentrações reagindo com soluções de Água (H 2 O), Hidroxido de Sódio (NaOH) e Sacarose (C 12 H 22 O 11 ).

METODOLOGIA

Primeiramente foi

dissolvido o

Permanganato de Potássio em diferentes quantidades em um béquer com de 300 ml de água cada um, obtendo assim, a primeira solução para o nosso experimento,

conforme Tabela 1.

Em seguida foram

misturados a Sacarose, Hidróxido de Sódio

e

a

água,

formando a segunda

solução

para realização do experimento, conforme Tabela 2. Com as duas soluções já

preparadas, foi

iniciado

o

processo

de

mistura de ambas, obtendo dados e

medições no final de cada transformação conforme Tabela 3.

Efeito Camaleão Químico Efeito Camaleão Químico Arthur Miranda, Bruna Ribeiro, Danilo Tabatini, Fernanda Fadelli, Gleice Rodrigues,

Tabela 1: Solução de Permaganato de Potássio em diferentes quantidades

Efeito Camaleão Químico Efeito Camaleão Químico Arthur Miranda, Bruna Ribeiro, Danilo Tabatini, Fernanda Fadelli, Gleice Rodrigues,

XIII Simpósio de Base Experimental das Ciências Naturais - Universidade Federal do ABC - 10 de agosto de 2015

Efeito Camaleão Químico

Figura 1: Permanganato de Potássio (MnO - 4 )

Tabela 2: Hidróxido de Sódio em diferentes
Tabela
2:
Hidróxido
de
Sódio
em
diferentes

quantidades, Sacarose e água.

Efeito Camaleão Químico Figura 1: Permanganato de Potássio ( MnO ) Tabela 2: Hidróxido de Sódio

Figura 2: Solução Hidróxido de Sódio (NaOH), água e Sacarose

Efeito Camaleão Químico Figura 1: Permanganato de Potássio ( MnO ) Tabela 2: Hidróxido de Sódio

Tabela 3: Soluções de cada reação e seu tempo.

Efeito Camaleão Químico Figura 1: Permanganato de Potássio ( MnO ) Tabela 2: Hidróxido de Sódio

Figura 3: Soluções resultantes e soluções com quantidades de permanganato de Potássio e água.

RESULTADOS E DISCUSSÃO

Todas as reações que ocorreram no experimento do Camaleão Químico foram realizadas em uma ordem específica, de acordo com a Tabela 3 do trabalho. Ao iniciar a reação de oxirredução com as duas soluções em questão, primeiramente utilizando a de maior concentração de permanganato (120mg), percebeu-se que a mudança de coloração do produto foi pouco perceptível, visto que a quantidade da substância permanganato de potássio era alta, deixando assim com um tom mais escuro. Ao mudar a concentração de forma gradativa e decrescente, foi possível enxergar melhor as diferentes tonalidades do experimento no decorrer da reação. Porém, o tempo com que ocorria tal fenômeno, era praticamente o mesmo em todas as soluções até então realizadas. Logo, foi inserido mais 30ml de Hidróxido de sódio nas duas últimas soluções restantes, conforme tabela 3. Com esta alteração, conseguimos aumentar o tempo da reação e visualizar melhor os diferentes tipos de tonalidades durante o processo.

CONCLUSÕES

A reação desenvolvida no experimento é uma demonstração das diferentes tonalidades obtidas através da redução do permanganato de potássio. Cada vez que este é reduzido, um elétron é absorvido durante o processo, alterando sua cor e sua composição, chegando até ao produto final dióxido de manganês. Consequentemente, a sacarose (açúcar) sofre o efeito contrário, e perde elétrons no decorrer da transformação. Quando utilizamos diferentes concentrações de Permanganato pode-se observar que o tempo de reação do experimento foi praticamente o mesmo no final do processo. Porém, quando

XIII Simpósio de Base Experimental das Ciências Naturais - Universidade Federal do ABC - 10 de agosto de 2015

Efeito Camaleão Químico

variamos o Hidróxido de Sódio (NaOH) da

solução com sacarose

e água,

a mesma

reação ocorreu em um tempo maior e

tornando visível

a transição

de cores

do

experimento, deixando

claro

que

o

responsável

pelo

tempo

de

duração

da

reação do experimento foi o Hidróxido de

sódio.

(acesso em

23/07/2015)

(acesso

 

em

23/07/2015).

ameleon (acesso em 23/07/2015).

23/07/2015).

(acesso

em

AGRADECIMENTOS

Agradecemos a todos os integrantes do

grupo pelo empenho em realizar o projeto e alcançar com êxito o resultado esperado, a

Professora

Ruth

James

por

nos

ajudar

durante

o

processo

de

realização

do

experimento e a Universidade Federal do Abc por disponibilizar tanto os equipamentos e utensílios quanto a estrutura para a conclusão do mesmo.

XIII Simpósio de Base Experimental das Ciências Naturais - Universidade Federal do ABC - 10 de agosto de 2015