Você está na página 1de 8

209

ESTADO1DO-MARANH'i

e

'” .. 山置‘1f '

-

e

.’

.

e

' -'e

~

~

~

e

Confere: (

)

ANO CXIV SO LUlS. MA, QUARTA-FEIRA, 21 DE MARO DE 2018 EDI9AO DE HOJE: 08 PGINAS

V PARTE - SERVICOS DIARIOS

I - ESCALA DE SERVICOS PARA O DIA 2i DE MARCO DE 2018. 1- COMANDO GERAL

24horas

MM QOCBM MARCO AURELIO TC QOCBM TEIXEIRA

24 horas

Sobreaviso

Superior de Dia:

Coordenador de Operaf6es: CAP QOCBM AQUILES CAP QOCBM LISBOA

M'dico de Servigo:

Das 08hA s i3h

Das 13hA s 18h

CEL QOSBM FERNANDO TC QOSBM LUIS CARLOS TC QOSBM ROBERTO TC QOSBM ROBERTO

Das 07hA s 13h

Das 13hA s 19h

Dentista de Servifo: CEL QOSBMA UREA

CEL QOSBMA UREA

1.1 - SERVICO INTERNO 24 horas

Oficial de Dia ao QCG:

ST BM AQUILES

Das 18hA s 08h

MM QOSBM ROBERTO

Das 19h A s 07h

CEL QOSBM A UREA

Sobreaviso

1TEN QOABM MUNIZ

Comandante da Guarda do QCG:

Permanencias da Guarda do QCG:

Refor'o da Guarda do QCG:

Motorista do AT 05:

Motorista da Vtr. do Superior de Dia:

Motorista da Vtr. do Coord. Opera96es:

Permanencia do DMAVE:

Enfermeiro/Assistente:

Almoxarifado:

1o SGT BM 147/94 ALTEMIR

30

SGT BM 444/94 lONG

30

SGT BM 048/10 DI6GENES

30

SGT BM 249/94 F. MARTINS

1o SGT BM 190/94 V. LIMA

30 SGT BM 055/94 GOMES OLIVEIRA

24

24

Das 07h30 as 14h

24 horas

horas

horas

Das2lh As06h

Sobreaviso - 24 horas

x-x-x-x-x-x x-x-x-x-x-x-x-x ・・x-x x-x-x-x-x

x-x-xx-xx-x-xx-x-x-x-x-x-x

3o SGT BM 60 1/94 FABIO COSTA

24

horas

2o TEN BM BERNARDO ST BM CLARINDO 1o SGT BM 496/94 NEUDINE

Das O8hAs 18b Sobreaviso Das 07h A s 19h

ST BM M. SANTOS

Das 08h' s 18h

QUARTA-FEIRA, 21 DE MARCO DE 2018

2" PARTE INSTRUCAO

SEM ALTERACAO

3' PARTE - ASSUNTOS GERAIS E

ADMNISTRATIVOS

I - ASSUNTOS GERAIS

PLANO PEDAGOGICO DO CURSO DE APERFEICOAMENTO T'CNICO PROFISSIONAL EM

REGENCIA

1

INTRODUCAO

O

Corpo de Bombeiros Militar do Maranhao - CBMMA ao

longo dos anos, visa formar, qualificar e aperfei9oar seus integrantes numa perspectiva educacional atual e abrangente, fundamentada em conhecimentos que contribuam para a excelencia dos servi9os prestados a sociedade maranhense.

O Org5o Central do sistema de planejamento, opera96es,

ensino e instru9ao da Corporaao 6 a Diretoria de Ensino e Pesquisa

(DEP) do CBMMA, que dentro das diversas atribui96es previstas em legisla9ao regimental, possui a obrigatoriedade de realizar estudos, elaborar diretrizes e normas sobre o emprego da Corpora9ao dentro de uma viso de assessoria ao Comando Geral,

al6m de planejar cursos, estgios e propostas de execu9o de

concursos e processos seletivos para realiza96es educacionais,

como tamb6m elaborar estudos sobre a politica de instru95o e manuten9ao de seu efetivo, tanto na necessidade natural de manuten9ao do ensino, como tambm quando a legislaao requerer. Como componente do planejamento da DEP para o ano de

2018. este plano de curso visa estabelecer normas e diretrizes oara

o UK U lit AYtK t1UAMt1NlU ILNILL) PROFISSIONAL EM REGENCIA, direcionando Coordenaao, Corpo Docente e Discente durante as atividades educacionais, para que se atinja um desempenho de excelncia na capacita9ao dos musicos militares desta Corpora9do. Apresenta-se neste plano a estrutura do Curso, funcionamento e estrutura curricular, metodologia de ensino, mtodos de avaliaao, estgio profissional, desligamento do curso

e outros assuntos referentes ao Curso de Regencia.

Portanto, espera-se que este planejamento esclare9a, de forma concisa e objetiva, os meios e subsidios necessrios para a execu9ao e desenvolvimento do processo ensino-aprendizagem

com eficiencia e eficacia por meio da articula o das a6es

desenvolvidas pela Banda de Msica em parceria com a Escola de Mhsica do Estado do Maranhao - EMEM, para a realizaao do primeiro Curso de Aperfei9oamento direcionado a m'sicos militares j' efetivado no Estado do Maranhao.

2 OBJETIVOS

2.1 Objetivo Geral

Promover a capacita o em prticas interpretativas visando

a qualidade das atividades musicais da Corpora o e na excelencia da regencia, abordando quest6es metodol6gicas voltadas aos profissionais da Banda de Musica.

2.2 Objetivos EspecIficos

Refletir acerca da atividade profissional do msico

militar;

Conhecer os fundamentos da regencia com nfase em

banda de mhsica; Aperfeioar os conhecimentos e habilidades na prtica da regencia, por meio de conhecimentos tericos e prticos;

. Desenvolver a prtica de banda por meio de tcnicas

aplicadas a prepara o do grupo, dinamica de ensaio e difusao de

repertrio;

. Favorecer a formao de plateia por meio de realiza5o

de apresenta6es p'blicas durante o curso; Promover a realiza9ao do I Concerto Sinfnico da Banda do CBMMA, visando contribuir para o fortalecimento da msica

de concerto na cidade de So Luis. 4 ESTRUTURA DO CURSO A estrutura do Curso de Aperfei9oamento Tcnico- Profissional em Regencia, compreende:

.

.

- Coordena o Geral;

- Coordena o:

BGN32 Confere:(

)

210

,

.

Banda de M'sica (CBMMA);

.

Escola de Musica do Estado do Maranhao (EMEM).

Corpo docente.

. Professores da EMEM; e Militares da Banda de M'sica.

Todos os militares pertencentes a coordenaao e corpo docente sero nomeados em portaria do Comandante Geral.

4.1 Coordenao Geral

A Coordenaao Geral' composta por um coordenador da

Banda de Mhsica, sendo Oficial Superior, que ser respons'vel pelo controle e fiscaliza9o das atividades, al'm das atribui96es seguintes:

- Orientar e supervisionar a observncia dos direitos e deveres do Corpo docente e discente;

- Propor linha de a o dos casos omissos ou no regulados no presente planejamento;

Orientar o processo ensino-aprendizagem;

- Escolher e convocar instrutores e monitores para ministrar as disciplinas do Curso;

Homologar e assinar notas de instru9ao regulando visitas,

servi9os e encerramento do Curso, observando o que preve o

presente Plano;

Planejar as diversas atividades do Curso.

4.2 Coordenao

A coordena o ser composta al'm de (01) um

Coordenador Geral, (01) um Subcoordenador e um (01) auxiliar da coordenaao.

O coordenador ser um oficial da Banda de M'sica que ter

as seguintes atribui96es:

- Manter a Coordena o Geral informada de todas as

atividades do Curso; Elaborar ao final do Curso relat6rio circunstanciado, a fim

de ser encaminhado a Coordenaao Geral;

- Propor a Coordena o Geral o pessoal BM necessrioa

execu9ao das atividades administrativas e de apoio ao ensino;

- Prover o Curso de material permanente e de consumo

utilizado nas atividades de apoio ao ensino e administra o;

- Fiscalizar as avalia96es das disciplinas e dos instrutores do Curso;

Aprovar notas de instru9ao regulando visitas, servi9os e encerramento do curso, observando o que preve o presente Plano;

- Fiscalizar todo o servi9o administrativo do Curso, como

Plano de Aula, Quadro de Trabalho Semanal (QTS) e outros afins.

O Subcoordenador ser do quadro de professores efetivos

da Escola de M'sica do Estado, institui9o parceira para realiza9o deste curso que ter as atribui96es elencadas abaixo:

Auxiliar o Coordenador na elaboraao de relat6rio circunstanciado ao final do Curso, a fim de ser encaminhado ao

Coordenador Geral;

- Elaborar notas de instru9o regulando visitas, servi9os e

encerramento do Curso, observando o que preve o presente Plano;

- Controlar a frequncia e disciplina do Corpo Discente;

Organizar a aplica o das avalia96es das disciplinas e dos instrutores do Curso;

- Supervisionar os servi9os de manuten9o e limpeza das

instala6es do Curso;

- Realizar todo o servi9o administrativo do Curso, como

Plano de Aula, QTS e outros afins.

O Auxiliar da Coordena o ser um subtenente habilitado

ou um 10 sargento que ter as seguintes atribui96es:

- Auxiliar o Subcoordenador no controle da frequencia e

disciplina do Corpo Discente.

- Auxiliar o Subcoordenador a supervisionar os servi9os de manuten9o e limpeza das instala96es do Curso;

- Auxiliar o Subcoordenador a realizar todo o servi9o

administrativo do Curso, como Plano de Aula, QTS e outros afins. - Chefiar o almoxarifado do Curso, guardando o material de consumo e os equipamentos utilizados pelos alunos.

QUARTA-FEIRA,QUARTA-FEIRA, 2121 DEDE MARCOMARÇO DEDE 20182018

- Administrar o recebimento e expedição da

da

correspondência correspondencia do do Curso Curso e e das das demais demais atividades atividades administrativas administrativas

a

a

Administrar o recebimento e expedi9o

ele ele referentes; referentes;

Escrever Escrever as as atas atas pertinentes pertinentes ao ao Curso; Curso;

Organizar Organizar as as listas listas de de frequência frequencia e e disciplinas disciplinas dos dos

instrutores, instrutores, bem bem como como o o número nmero de de horas-aula horas-aula ministradas ministradas por por cada cada

um um deles. deles.

-

-

- -

4.3 Corpo Docente

4.3 Corpo Docente

SerSeri constituido constituido por por Professores Professores da da Escola Escola de de Musica Música do do

Estado do Maranhao, assim como por Instrutores (Oficiais),

Estado do Maranhao,

assim como por Instrutores (Oficiais),

Monitores Monitores (Graduados) (Graduados) Bombeiros Bombeiros Militares Militares especialistas especialistas nas nas

disciplinas disciplinas relacionadas relacionadas na na Proposta Proposta de de Curso Curso apresentada apresentada A a

DEP/CBMMA DEP/CBMMA ou ou militares militares de de outras outras Institui96es. Instituições.

O 0

- Manter Manter os os alunos alunos permanentemente permanentemente motivados, motivados, lan9ando lançando

mão mao da da tecnologia tecnologia educacional educacional disponivel disponivel a a fim fim de de despertar despertar o o

interesse interesse inicial, inicial, onde onde enfatizard enfatizar a a compreensao compreensão por por parte parte dos dos

alunos, alunos, dos dos objetivos objetivos de de ordem ordem pratica prtica e e emprego emprego profissional profissional do do

ensino ensino ministrado; ministrado;

o ativa dos alunos, e

- Estabelecer a interação e participação ativa dos alunos, e

destes destes com com o o instrutor instrutor ou ou monitor, monitor;

Estimular Estimular os os alunos alunos a a solicitarem solicitarem esclarecimentos esclarecimentos sobre sobre

os os assuntos assuntos ministrados ministrados durante durante a a aula; aula;

Incutir Incutir e e desenvolver desenvolver hábitos h'bitos de de trabalho trabalho mental, mental, de de

atenção aten9ao e e reflexio, reflexo, assim assim como como espirito espirito de de ordem, ordem, método, mtodo, anfilise anlise

e

e

Utilizar Utilizar todos todos os os recursos recursos de de clareza clareza e e precisio preciso de de

Corpo Corpo Docente Docente tern ter as as seguintes seguintes atribui96es: atribuições:

- Estabelecer a intera5o e participa

- -

- -

sintese; sintese;

- -

linguagem, para bem se fazer compreender;

linguagem, para bem se fazer compreender;

Lan9ar Lançar constantes constantes vistas vistas retrospectivas retrospectivas sobre sobre os os assuntos assuntos

lecionados, para que os alunos adquiram visão do conjunto da

lecionados, para que os alunos adquiram visao do conjunto da

- -

disciplina;

disciplina;

Estimular Estimular a a dedicação dedica o ao ao trabalho trabalho e e a a pesquisa pesquisa em em todas todas

as as' Areas reas e e fases fases de de ensino, ensino, desenvolvendo desenvolvendo a a confiança confian9a no no esforgo esforo

pessoal pessoal do do aluno; aluno;

Verificar Verificar constantemente constantemente a a aprendizagem aprendizagem adquirida adquirida pelos pelos

- -

- -

alunos de modo que possa constatar se houve a indispensvel

alunos de modo que possa constatar se houve a indispensivel

fixa9ao fixação dos dos pontos pontos essenciais essenciais de de cada cada assunto; assunto;

Estimular Estimular a a cooperação coopera9o entre entre os os alunos, alunos, atrav6s através de de

- -

trabalhos em grupos.

trabalhos em grupos.

5

5 CORPO DISCENTE

CORPO DISCENTE

Corpo Corpo Discente Discente sera ser constituido constituido pelos pelos militares militares da da Banda Banda

de de Música M"sica do do CBMMA CBMMA matriculados matriculados no no Curso Curso de de Aperfei9oamento Aperfeiçoamento

O 0

DIAS HORÁRIOS 8h — 9h45

9h45 10h15

10h15 — 12h

SEGUNDA

Inglês Instrumental

INTERVALO

Prática Instrumental

O primeiro tempo de aula no turno matutino iniciar sempre

0 primeiro tempo de aula no turno matutino iniciará sempre

as As 08h00. 08h00.

Conforme Conforme entendimento entendimento do do Comando Comando Geral, Geral, atrav6s através do do seu seu

gestor, gestor. aliado aliado a a disponibilidade disnonibilidade financeira financeira para rara realização realizaao do do

referido referido curso curso e e a a possiveis possiveis parcerias parcerias com com outros outros Orgaos 0rgãos de de

Seguran9a Publica, poder ser viabilizado durante o periodo do

Segurança Pública, poderd ser viabilizado durante o periodo do

Curso, Curso, o o intercAmbio intercambio com com outros outros musicos músicos e e regentes regentes de de outras outras

Bandas Bandas Militares Militares ou ou professores professores de de renome renome internacional. internacional.

6.1 6.1

Todas as atividades do Curso serão consideradas Atos de

Todas as atividades do Curso sero consideradas Atos de

Da Da Frequência Frequencia e e Pontualidade Pontualidade

Serviço, portanto, obrigatório o percentual máximo de presença e

Servi9o, portanto, obrigat6rio o percentual maximo de presen9a e

pontualidade. pontualidade.

Somente Somente o o Comandante Comandante Geral Geral e e a a Coordenação Coordenaao Geral Geral do do

Curso, Curso, em em caso caso de de emergência emergncia e e comprovada comprovada necessidade, necessidade, poderdo podero

dispensar dispensar o o aluno aluno de de qualquer qualquer atividade. atividade.

Serão Sero justificadas justificadas apenas apenas as as faltas faltas decorrentes decorrentes do do gozo gozo de de

nojo, nojo, baixa baixa ao ao hospital hospital e e dispensa dispensa médica mdica por por acidente acidente em em servi9o serviço

e e

Curso. Curso.

as as oriundas oriundas do do cumprimento cumprimento de de ordem ordem do do Coordenador Coordenador Geral Geral do do

BGBG N°N 3232 Confere:Confere: ((

)

211211

Técnico-Profissional Tcnico-Profissional em em Regencia Regência de de Banda, Banda, mediante mediante publicação publica9o

em em Boletim Boletim Geral Geral (BG), (BG), assim assim como como militares militares e e musicos músicos de de bandas bandas

de de outras outras instituições institui96es que que terão tero como como atribui96es: atribuições:

- -

- Cumprir Cumprir os os dispositivos dispositivos regulamentares regulamentares e e as as

Dedicar-se Dedicar-se ao ao Curso Curso e e as as atividades atividades escolares; escolares;

determinações determina6es superiores; superiores;

Contribuir - Contribuir para para o o prestigio prestigio do do Curso Curso e e da da Corporação; Corporaao;

- Executar Executar com com probidade probidade os os trabalhos trabalhos escolares, escolares,

manifestando manifestando sua sua capacidade capacidade de de expressão expressao dos dos conhecimentos conhecimentos

obtidos; obtidos;

Empenhar-se Empenhar-se em em práticas prticas sadias sadias de de higiene higiene individual individual e e

coletiva; coletiva;

Cooperar Cooperar e e primar primar para para a a conserva9ao conservação dos dos materiais materiais e e

- -

- -

equipamentos da Corpora9ao;

equipamentos da Corporação;

Comparecer com o uniforme determinado aos trabalhos

-

Comparecer com o uniforme determinado aos trabalhos

escolares; escolares;

- -

Manter-se Manter-se atento atento contra contra a a influência influencia contraria contrria a a disciplina, disciplina,

as as institui96es instituições e e a a Ptria. Patna.

6

6 FUNCIONAMENTO DO CURSO E ESTRUTURA

FUNCIONAMENTO DO CURSO E ESTRUTURA

CURRICULAR CURRICULAR

Curso Curso de de Aperfeiçoamento Aperfei9oamento Técnico-Profissional Tcnico-Profissional em em

Regência Regncia ser seri realizado realizado no no perodo periodo de de 21 21 de de maro março a a 29 29 de de junho junho

do do ano ano de de 2018 2018 e e tern. ter uma uma carga carga horria horária total total de de 160 160 horas/aula, horas/aula,

distribuidas distribuidas em em quatro quatro disciplinas disciplinas a a saber: saber:

O 0

01W.

DISCIPLINAS

CH

PESO

01

Iniciação A Regência

60

3

02

Prática de Banda de Música

60

3

03

Pedagogia e Prática Instrumental

20

2

04

Inglês Instrumental Básico

20

2

CARGA HORÁRIA TOTAL DO CURSO

160

Sao Luis na

As atividades do curso serão realizadas em São Luis na

Escola Escola de de Música Mhsica do do Estado Estado Maranhão, Maranh'o, localizada localizada na na Rua Rua da da

Estrela, Estrela, 365, 365, Praia Praia Grande Grande - - Centro Centro ou ou em em outro outro local local previamente previamente

estabelecido estabelecido pela pela Coordenação Coordenaao do do Curso, Curso, e e ser sera desenvolvido desenvolvido

mediante mediante Quadro Quadro de de Trabalho Trabalho Semanal Semanal (QTS), (QTS), conforme conforme Plano Plano de de

Curso. Curso.

Curso Curso ser sera ministrado ministrado no no periodo periodo matutino matutino durante durante a a

QTS

semana, as segundas, quartas e sextas-feiras, conforme o QTS

abaixo: abaixo:

semana, as segundas, quartas e sextas-feiras, conforme o

As atividades do curso sero realizadas em

O

0

QUARTA

Pratica de banda

INTERVALO

Prática de banda

SEXTA

Iniciação A Regência

INTERVALO

Iniciação A Regência

7

7 METODOLOGIA DE ENSINO

As As atividades atividades pedag6gicas pedag6gicas do do Curso Curso de de Aperfei9oamento Aperfeiçoamento

Técnico-Profissional Tcnico-Profissional em em Regncia Regencia desenvolver-se-5o desenvolver-se-ão tendo tendo como como

ponto ponto de de partida partida as as experiencias experiências e e conhecimentos conhecimentos que que os os discentes discentes

trarão, traro, a a partir partir de de suas suas experincias experiências vivenciadas vivenciadas ao ao longo longo da da pritica prtica

em em bandas bandas militares militares e/ou e/ou civis. civis.

Diante Diante disso, disso, o o curso curso vem vem de de encontro encontro A a demanda demanda

apresentada apresentada por por esse esse organismo organismo musical musical através atraves de de conteúdos contedos

imprescindiveis imprescindiveis aos aos músicos musicos militares, militares, visando visando a a qualificação qualificaao e e o o

METODOLOGIA DE ENSINO

necessfirios para a ascensio na

aprimoramento técnico-musical

carreira carreira dentro dentro das das corporações. corpora6es. Desta Desta forma, forma, este este curso curso será ser

oferecido oferecido de de maneira maneira exclusiva exclusiva aos aos militares militares do do CBMMA, CBMMA, podendo podendo

se se expandir expandir para para outros outros servi9os serviços militares militares se se assim assim for for de de interesse interesse

da da institui9ao. instituição.

As As aulas aulas sero serdo presenciais presenciais e e expositivas, expositivas, com com atividades atividades em em

gnipo grupo de de maneira maneira interdisciplinar interdisciplinar entre entre o conteúdo o contedo teórico terico e e pritico, prtico,

aprimoramento tcnico-musical to necessrios para a ascens5o na

desenvolvido desenvolvido em em parceria parceria com com a a Escola Escola de de Música M'sica do do Estado Estado do do

Maranhão Maranho sob sob a a superviso supervisão do do Comando Comando da da Banda Banda de de Musica. Música. O 0

sera responsive] pela

CBMMA por meio da Banda de Música

organização e estruturação pedagógica do curso, assim como a

organiza9ao e estruturaao pedag6gica do curso, assim como a

CBMMA por meio da Banda de Musica ser responshvel pela

QUARTA-FEIRA, 21 DE MAR O DE 2018

indica5o de professores habilitados para ministrar as disciplinas que integram a matriz curricular.

A organiza9o do curso est estruturada na matriz

curricular constituida por uma base de conhecimentos cientificos

focados na formaao profissional, integrando disciplinas especificas para a rea de Regencia em Banda.

A EMEM disponibilizar, alm da estrutura fisica

adequada a s atividades musicais, professores para ministrar a disciplina de Inicia9oa Regencia e professores de instrumentos

que apresenta9ao palestras sobre a Pedagogia e Prtica Instrumental.

O curso abordar os conceitos e fundamentos te6ricos e

prticos da regencia que serviro de base para um trabalho prtico individual de desenvolvimento de uma tcnica gestual eficiente. Os diversos aspectos do trabalho do regente sero abordados buscando um repert6rio de solu96es e ferramentas a serem usadas no trabalho com os conjuntos musicais. Ser dada e nfase a vivencia prtica por meio da disciplina de Prtica de Banda de Musica que servir como laborat6rio. O aprimoramento gestual e dos fundamentos da regencia viro a partir da analise do desempenho apresentado nas sess6es prticas. Todos os alunos que concluirem com e xito o curso, recebero um certificado de Aperfei9oamento Tcnico em Regencia ou Prtica de Banda, de acordo com a participa5o ativa durante o curso com carga horria total referente s disciplinas cursadas.

8 DOS M TODOS DE AVALIACAO

A avalia9ao serconsiderada como um processo continuo

e cumulativo, buscando avaliar o processo de aprendizagem, a dedicaao, a assimila9ao e ao mesmo tempo o desenvolvimento de cada aluno tanto individualmente como em conjunto levando em

considera o o predominio dos aspectos qualitativos sobre os quantitativos. Tamb6m ser avaliado o e xito obtido das apresenta6es para publicos externos (concertos temticos,

concertos final e demais eventos promovidos durante a realiza9o do curso). 9 DO DESLIGAMENTO DO CURSO

O desligamento ser efetivado pelo Comandante Geral, por

proposta do Diretor de Ensino e Pesquisa do CBMMA e do

Coordenador Geral do Curso quando o aluno:

a. Requerer;

b.Utilizar meios ilicitos na realiza'o dos trabalhos e

provas;

c. For reprovado em qualquer disciplina;

d.No apresentar condies para o desempenho das miss6es que lhe forem confiadas; ou,

e. For julgado incapaz definitivamente para o servi9o ativo

do CBMMA. Ocorrendo qualquer uma das situa96es constantes das letras b, c ou e, sero adotadas as seguintes providncias:

1.0 Coordenador do Curso proceder com o trancamento da matricula do aluno e o encaminharao Coordenador Geral; 2. 0 Coordenador Geral solicitar que o aluno seja submetido a procedimento administrativo (sindicancia), a fim de garantir-lhe a ampla defesa e o contradit6rio; 3. O referido processo administrativo poder ter solu9o pelo desligamento e/ou cancelamento da matrcula do aluno do

Curso. Todos os casos omissos sero apreciados por um Conselho

de Ensino, cujos componentes deste sero nomeados em portaria do Comandante Geral, que utilizaro para anlise os regulamentos e normas vigentes no CBMMA. 10 DO REGIME DISCIPLINAR

O Regime Disciplinar do Curso de Aperfei9oamento

Tcnico em Regncia de Banda tem por finalidade especificar e classificar as transgress6es disciplinares, enumerando as causas e circunstncias que influem em seu julgamento, bem como enunciar as medidas disciplinares, estabelecendo uniformidade de critrio

em sua aplica9ao, considerando os princpios de legalidade, legitimidade, proporcionalidade e razoabilidade, tendo como

BG N32 Confere: (

)

212

prioridade os valores ticos, morais e politico-sociais.

O exercicio do Poder Disciplinar durante o Curso reger-se-

, no caso dos discentes, pelas normas estipuladas neste Plano.

A competncia para aplicar a medida disciplinar

atribui9o inerente ao cargo e nao ao grau hierrquico, sendo

competentes para aplic-las:

I. o Coordenador, nos casos de transgress6es disciplinares.

Aqueles que no possuirem competncia funcional para aplicar medidas disciplinares, ao tomarem conhecimento de um fato contrrio a disciplina, devero participar a ocorrncia ao

Auxiliar da Coordena o ou autoridade a que estiverem diretamente subordinados.

10.1 Das Transgress6es Disciplinares Transgressao Disciplinar e a violaao dos preceitos da tica, dos deveres e obriga6es profissionais, das regras de convivencia social e do padro de comportamento inerente aos alunos, em fun9ao do sistema de ensino peculiar no Corpo de Bombeiros Militar do Maranho (CBMMA). Todas as a6es e omiss6es contrrias a disciplina escolar sao consideradas transgress6es disciplinares, as quais esto descritas no anexo I do Regulamento Disciplinar do Exrcito

(RDE). Todas as transgress6es disciplinares

apuradas

conforme prescreve tal Regulamento. 11 DAS PRESCRIC6ES DIVERSAS

a. Para o Curso de Aperfei9oamento Tcnico em Regencia

de Banda, ser considerado como uma hora aula a contagem de 50 minutos;

b. A carga horria se destina exclusivamente a s atividades

de classe, no sendo computadas as horas/aula para as formaturas, treinamentos para formaturas, troca de uniformes, deslocamentos para os locais de instru9o e outros de carter administrativo;

c. Fica terminantemente proibido todo e qualquer tipo de

exercicio fisico ou mental (trote) que atente contra a integridade fisica, a dignidade e a honra da pessoa humana;

d. Todo e qualquer aluno que chegar atrasado por mais de

Ohl5min somente acessar a sala de aula no segundo tempo, considerando assim como tendo perdido o primeiro horrio de aula,

sendo equivalente a 01 (uma) falta.

e. As providncias e meios necessrios para o

funcionamento do Curso de Aperfei9oamento, ficaro a cargo da

Banda de Msica em articula o e parceria com a Escola de Musica do Estado do Maranho (EMEM), por meio de solicita9aoa Diretoria de Ensino e Pesquisa (DEP).

f. O Comandante Geral do CBMMA, diante da necessidade

de adequa o ao processo ensino-aprendizagem ou extrema necessidade de servi9o, ou por fora maior, poder, a qualquer tempo, alterar a duraao do Curso, de acordo com a conveniencia

administrativa do Poder Executivo Estadual;

g. Os alunos do Curso de Aperfei9oamento Tcnico em

sero

Regncia ficaro a disposi9ao da Diretoria de Ensino e Pesquisa

(DEP) do CBMMA durante todo o periodo do Curso;

h. Os casos omissos sero resolvidos pelo Diretor de Ensino

e Pesquisa do CBMMA. Clio Roberto Pinto de Arajo - Cel QOCBM Comandante Geral do CBMMA

ANEXO A EMENTAS DAS DISCIPLINAS ESTADO DO MARANHAO CORPO DE BOMBEIROS MILITAR DO MARANH O DIRETORIA DE ENSINO E PESQUISA CURSO DE APERFEIOAMENTO TCNICO- PROFISSIONAL EM REGENCIA EMENTAS INICIACAO A REGNCIA: 1)0 Regente; 2) No96es de Organologia; 3) Os Gestos convencionais; 4) Tcnicas de condu9o da msica vocal e instrumental; 5) Gestos padro para cada frmula de compasso, estudo do tempo, fraseado e articulaao. PEDAGOGIA E PRATICA INSTRUMENTAL: 1) Didtica e estratgias de estudo dos instrumentos de Madeira; 2) Didtica e estratgias de estudo dos instrumentos de Metais; 3)

QUARTA-FEIRA,QUARTA-FEIRA, 2121 DEDE MARCOMARCO DEDE 20182018

BGBG N3232 Confere:Confere: ((

)

213213

Didática Didtica e e estratgias estratégias de de estudo estudo dos dos instrumentos instrumentos de de Percuss5o; Percussão; 4) 4)

Música Msica de de Camara: Câmara; 5') 5) A A sande sade do do milsico m'sico instrumentista. instrumentista.

INGLES INGLÊS INSTRUMENTAL INSTRUMENTAL BÁSICO: BASICO: 1) 1) Estrutura Estrutura da da

Lingua Lingua Inglesa; Inglesa; 2) 2) Termos Termos musicais musicais em em inglês; ingls; 3) 3) Técnica Tcnica de de leitura leitura

e e

PRATICA PRATICA DE DE BANDA: BANDA: 1) 1) Preparação Prepara9o e e dindmica dinmica de de

ensaios; ensaios; 2) 2) Afinação Afinaao e e interpreta9ao interpretação musical; musical; 3) 3) T6cnicas Técnicas de de

articulação articulaao e e dinamicas; dinâmicas; 4) 4) Escalas Escalas e e aquecimento aquecimento para para banda banda de de

música; musica; 5) 5) Literatura Literatura para para banda. banda.

(Nota (Nota n° n19/DEP, 19/DEP, de de 20/03/18). 20/03/18).

interpretação interpreta5o de de textos; textos; 4) 4) Tradu9ao Tradução de de textos. textos.

II

II

A. A.

1.AFASTAMENTO 1. AFASTAMENTO TOTAL TOTAL DO DO SERVICO SERVICO

1.1 1.1 FERIAS FÉRIAS REGULAMENTARES REGULAMENTARES - - GOZO GOZO -

- - ASSUNTOS ASSUNTOS ADMNISTRATI ADMNISTRATIVOS VOS

ALTERAÇÃO ALTERACAO DE DE OFICIAIS OFICIAIS BM SM

SUSTACAO:

SUSTACAO:

Sejam sustadas as Frias Regulamentares, referente ao

Sejam sustadas as Ferias Regulamentares, referente ao

exercicio de 2017, do MAJ QOEBM JOSÉ ROGER SOUSA

exercicio de 2017, do MAJ QOEBM

JOSE ROGER SOUSA

SILVA, desta Diretoria de Apoio Logistico, publicada em B.G. n

SILVA, desta Diretoria de Apoio Logistico, publicada em B.G. n°

15

de de 26 26fevereiro2018, fevereiro 2018, no no plano plano geral geral de de ferias frias ficando ficando para para serem serem

gozadas gozadas posteriormente posteriormente no no mês mes de de julho julho /2018, /2018, por por necessidade necessidade de de

15

servi9o, serviço, pois pois o o referido referido militar militar encontra-se encontra-se na na fun95o função de de Chefe Chefe do do

Centro Centro de de Suprimento Suprimento e e Manuten9ao Manutenção DAL/QCG/CBMMA. DAL/QCG/CBMMA. (Nota (Nota

nn° 09/DAL, 09/DAL, de de 13/03/18). 13/03/18).

1.2 1.2 TRANSIT() TRANSITO E E INSTALACAO. INSTALACAO.

16 16 (dezesseis (dezesseis dias). dias).

De De acordo acordo com com os os§§ §§ 2° 2e e 3°, 3, incisos incisos III III e e IV IV do do Art. Art. 84 84 da da

Lei Lei nn° 6.513 6.513 de de 30 30 de de novembro novembro de de 1995, 1995, que que disp6em disp6em sobre sobre o o

Estatuto Estatuto dos dos Servidores Servidores Públicos P'blicos Militares Militares do do Estado Estado do do Maranh5o, Maranhao,

concedo concedo 08 08 (oito) (oito) dias dias de de transit° trnsito e e 08 08 (oito) (oito) dias dias de de instalação instala5o ao ao

Maj QOCBM Wadson Mayckel Carvalho, em virtude de sua

Maj QOCBM Wadson Mayckel

transferência transferncia da da 5a 5' Companhia Companhia Independente Independente de de Bombeiros Bombeiros

Militar/CBMMA, Militar/CBMMA, com com sede sede na na cidade cidade de de Chapadinha-MA, Chapadinha-MA, para para o o

Comando Comando Operacional Operacional de de Area-I Area-1 /CBMMA, /CBMMA, com com sede sede nesta nesta capital, capital,

conforme conforme Nota Nota nn° 086/DP- 086/DP-1/CBMMA, 1 /CBMMA, datada datada de de 16 16 de de março maro de de

2018. 2018. Sendo Sendo a a liberação libera9o a a contar contar do do dia dia 16 16 de de março maro de de 2018, 2018,

devendo devendo se se apresentar apresentar no no dia dia 1o 1° de de abril abril de de 2018, 2018, pronto pronto para para o o

servi9o serviço da da Corporação. Corpora9o. (Nota (Nota n° n87/DP- 87/DP-1, 1, de de 19/03/18). 19/03/18).

Carvalho, em virtude de sua

2.

2. APRESENTACAO DE DOCUMENTOS.

APRESENTACAO DE DOCUMENTOS.

Através Atravs do do Oficio Oficio nn° 051/2018/1a 051/2018/1' CIBM/CBMMA, CIBM/CBMMA, datado datado

de de 13 13 de de março maro de de 2018, 2018, o o Maj Maj QOCBM QOCBM Comandante Comandante da da 1" la

CIBM/CBMMA, CIBM/CBMMA, apresentou apresentou a a este este Comando Comando as as c6pias cpias dos dos

documentos documentos abaixo abaixo relacionados relacionados pertencentes pertencentes ao ao Cap Cap QOCBM QOCBM

Diogo Diogo Antônio Ant6nio Paiva Paiva Gomes, Gomes, para para fins fins de de publicação publica5o em em Boletim Boletim

Geral. Geral.

- Certificado Certificado do do Curso Curso de de Pritica Prtica de de Sustentabilidade, Sustentabilidade,

datado datado de de 03 03 de de abril abril de de 2016, 2016, expedido expedido pela pela IPED, IPED, contendo contendo 20 20

horas/aula; horas/aula;

- Certificado do Curso de Prehospital Trauma Life Support

Certificado do Curso de Prehospital Trauma Life Support

Provider Provider Course, Course, datado datado de de 15 15 de de outubro outubro de de 2015, 2015, expedido expedido pela pela

NAEMT; NAEMT;

- Certificado Certificado do do Curso Curso de de Elaboração Elabora o de de Projetos Projetos e e

Convênios, Convenios, Captação Capta5o de de Recursos Recursos Federais Federais e e Sistema Sistema de de Convenios Convênios

Federais Federais (SICONV), (SICONV), datado datado de de 29 29 de de novembro novembro de de 2013, 2013, expedido expedido

pela pela SSP/MA, SSP/MA, contendo contendo 20 20 horas/aula; horas/aula;

- Certificado Certificado do do Curso Curso de de Atendimento Atendimento Pré-hospitalar Pr-hospitalar 1, 1,

expedido expedido pela pela SENASP/MA, SENASP/MA, contendo contendo 60 60 horas/aula; horas/aula;

Certificado - Certificado do do Curso Curso de de Atendimento Atendimento Pré-hospitalar Pr-hospitalar 2, 2,

expedido expedido pela pela SENASP/MA, SENASP/MA, contendo contendo 60 60 horas/aula; horas/aula;

Certificado Certificado do do Curso Curso de de Licitação Licitaao e e Contratos, Contratos, expedido expedido

pela pela SENASP/MA, SENASP/MA, contendo contendo 60 60 horas/aula; horas/aula;

Certificado Certificado do do Curso Curso de de Planejamento Planejamento Estratégico, Estratgico,

expedido expedido pela pela SENASP/MA, SENASP/MA, contendo contendo 60 60 horas/aula; horas/aula;

Certificado do Curso de Sistema de Comando de

Certificado do Curso de Sistema de Comando de

Incidentes Incidentes 1, 1, expedido expedido pela pela SENASP/MA, SENASP/MA, contendo contendo 60 60 horas/aula; horas/aula;

Certificado Certificado do do Curso Curso de de Show Show do do Direito Direito LFG, LFG, expedido expedido

pela pela LFG LFG - - Caxias-MA, Caxias-MA, contendo contendo 30 30 horas/aula; horas/aula;

- Certificado Certificado do do Curso Curso Básico Bsico de de Ingles, Inglês, expedido expedido pelo pelo

Instituto Instituto Cultural Cultural Brasil Brasil - - Estados Estados Unidos, Unidos, datado datado de de 28 28 de de janeiro janeiro

de de 2003; 2003;

- Certificado Certificado do do Curso Curso Primeira Primeira Resposta Resposta em em Emergencia Emergência

com com Produtos Produtos Perigosos, Perigosos, expedido expedido pelo pelo CBMMA, CBMMA, contendo contendo 30 30

horas/aula; horas/aula;

Certificado Certificado do do Curso Curso de de Salvamento Salvamento Veicular Veicular CSV CSV

IV/20 IV/2011, 11, expedido expedido pelo pelo CBMMA, CBMMA, contendo contendo 40 40 horas/aula; horas/aula;

- Certificado Certificado do do Curso Curso de de Introdu9ao, Introdução, MS-DOS MS-DOS 6.22, 6.22,

Windows Windows 98, 98, Word Word 2000, 2000, Excel Excel 2000, 2000, Access Access 2000, 2000, Power Power Point Point

e e Digitação Digita5o Eletrnica, Eletrônica, expedido expedido pela pela Futuro Futuro Informitica Informtica

2000 2000

CBMMA, CBMMA, contendo contendo 20 20 horas/aula; horas/aula; (Nota (Nota n° n87/DP-1, 87/DP-1,de de 19/03/18). 19/03/18).

- -

- -

-

- -

- -

3. 3.

PORTARIAS PORTARIAS DO DO ILMO ILMO SENHOR SENHOR CORONEL CORONEL

OOCBM 00CBM COMANDANTE COMANDANTE GERAL GERAL DO DO CBMMA CBMMA

a. a. PORTARIA PORTARIA No N" 37/2017 37/2017- GAB.CMD/CBMMA GAB.CMD/CBMMA

O 0 COMANDANTE COMANDANTE GERAL GERAL DO DO CORPO CORPO DE DE

BOMBEIROS BOMBEIROS MILITAR MILITAR DO DO MARANHAO, MARANHAO, NO NO USO USO DAS DAS

ATRIBUIÇÕES ATRIBUIOES LEGAIS LEGAIS QUE QUE LHE LHE CONFERE CONFERE O 0 ART. ART. 1.o I.° DO DO

DECRETO DECRETO N.N.° 22.708 22.708 DE DE 27 27 DE DE NOVEMBRO NOVEMBRO DE DE 2006, 2006,

CONCOMITANTEMENTE CONCOMITANTEMENTE COM COM O 0 ART. ART. 19 19 DA DA LEI LEI 10.230 10.230 DE DE

23 DE ABRIL DE 2018.

23 DE ABRIL DE 2018.

RESOLVE: RESOLVE:

Nomear o Major QOCBM Jader Dawydy Mendes

Jader Dawydy Mendes

1. 1.

Nomear o Major QOCBM

Costa, Costa, para para exercer exercer a a função fun9ao de de Assessor Assessor para para elaboração elabora'o de de

Projetos Projetos Especiais Especiais do do Corpo Corpo de de Bombeiros Bombeiros Militar Militar do do Maranhao. Maranhao.

2. 2. Esta Esta Portaria Portaria entra entra em em vigor vigor nesta nesta data. data.

UARTEL DO COMANDO GERAL DO CORPO DE

QUARTEL DO COMANDO GERAL DO CORPO DE

Q

BOMBEIROS BOMBEIROS MILITAR MILITAR DO DO ESTADO ESTADO DO DO MARANHAO, MARANHAO, AOS AOS

SETE SETE DO DO MÉS MES DE DE MARCO MARCO DO DO ANO ANO DOIS DOIS MIL MIL E E DEZOITO. DEZOITO.

CÉLIO CELlO ROBERTO ROBERTO PINTO PINTO DE DE ARAUJO ARAOJO - - CEL CEL QOCBM QOCBM

COMANDANTE COMANDANTE GERAL GERAL DO DO CBMMA CBMMA

b. PORTARIA N

b.

0 COMANDANTE GERAL DO CORPO DE BOMBEIROS MILITAR DO MARANHAO, NO USO DE SUAS ATRIBUIÇÕES

O

COMANDANTE GERAL DO CORPO DE BOMBEIROS MILITAR DO MARANHAO, NO USO DE SUAS ATRIBUI6ES

070/2018/DP-l/CBMMA

PORTARIA N.° 070/2018/DP-1/CBMMA

1.° DO DECRETO N.° 22.708 DE 27 DE NOVEMBRO DE 2006,

LEGAIS, QUE LHE CONFERE O ART. 1.0 DO DECRETO N.22.708 DE 27 DE NOVEMBRO DE 2006,

LEGAIS, QUE LHE CONFERE 0 ART.

RESOLVE: RESOLVE:

1. 1.

Exonerar os militares abaixo relacionados, das respectivas fun96es do 9Batalhao de Bombeiros Militar/9 BBM - Estreito, do Corpo

Exonerar os militares abaixo relacionados, das respectivas funções do 9° Batalhão de Bombeiros Militar/9° BBM - Estreito, do Corpo

de Bombeiros Militar do Maranhao h - - BMMA. CBMMA.

ORD.

POSTO

2° Ten QOCBM

2. 2° Ten QOCBM

1.

3. 2° Ten QOCBM

NOME

CARGO 10 Tenente QOCBM Subchefe da Seção de Finanças. 10 Tenente QOCBM Subchefe Seção de Proteção e Defesa Civil.

Aquiles Borges Braga

Rodrigo Lima de Sousa

Bruno Rafael Tavares de Araújo Mendes 10 Tenente QOCBM Subchefe Seção de Operações e Atividades Técnicas.

2. 2.

QUARTEL QUARTEL DO DO COMANDO COMANDO GERAL GERAL DO DO CORPO CORPO DE DE BOMBEIROS BOMBEIROS MILITAR MILITAR DO DO ESTADO ESTADO DO DO MARANHAO, MARANHAO, AOS AOS DEZESSEIS DEZESSEIS

Esta Esta Portaria Portaria entra entra em em vigor vigor nesta nesta data. data.

DIAS DIAS DO DO MES MÉS DE DE MARÇO MARCO DO DO ANO ANO DOIS DOIS MIL MIL E E DEZOITO. DEZOITO.

CELIO CÉLIO ROBERTO ROBERTO PINTO PINTO DE DE ARAUJO ARAOJO - - CEL CEL QOCBM QOCBM

COMANDANTE COMANDANTE GERAL GERAL DO DO CBMMA CBMMA

c. PORTARIA N.° 071/2018/DP-1/CBMMA

eO. 0 COMANDANTE PORTARIACOMANDANTEN. 071/2018/DP-GERAL GERAL DO DOCORPOBMMADE CORPO DE BOMBEIROS BOMBEIROS MILITAR MILITAR DO DO MARANHAO, MARANHAO, NO NO USO USO DE DE SUAS SUAS ATRIBUIÇÕES ATRIBUI6ES

22.708 DE 27 DE NOVEMBRO DE 2006,

1.° DO DECRETO N.° 22.708 DE 27 DE NOVEMBRO DE 2006,

LEGAIS, QUE LHE CONFERE O ART. 1.0 DO DECRETO N.

LEGAIS, QUE LHE CONFERE 0 ART.

QUARTA-FEIRA,QUARTA-FEIRA, 2121 DEDE MARCOMARÇO DEDE 20182018

BGBG N°N 3232 Confere:Confere: ((

)

214214

RE RESOLVE: SOLV E:

1. 1.

Nomear Nomear os os militares militares abaixo abaixo relacionados, relacionados, nas nas respectivas respectivas funções fun96es do do 9° 9 Batalhão Batalho de de Bombeiros Bombeiros Militar/9Militar/9° BBM BBM - - Estreito, Estreito, do do Corpo Corpo

de de Bombeiros Bombeiros Militar Militar do do Maranhao Maranhao - - CBMMA. CBMMA.

ORD.

POSTO

1 2° Ten QOCBM

2 2° Ten QOCBM

NOME

Rodrigo Lima de Sousa

Bruno Rafael Tavares de Araújo Mendes

CARGO Capitão QOCBM — Chefe da Seção de Proteção e Defesa Civil. Capitão QOCBM — Chefe da Seção de Finanças.

2. 2.

QUARTEL QUARTEL DO DO COMANDO COMANDO GERAL GERAL DO DO CORPO CORPO DE DE BOMBEIROS BOMBEIROS MILITAR MILITAR DO DO ESTADO ESTADO DO DO MARANHAO, MARANHAO, AOS AOS DEZESSEIS DEZESSEIS

Esta Esta Portaria Portaria entra entra em em vigor vigor nesta nesta data. data.

DIAS DIAS DO DO MES MtS DE DE MARÇO MARCO DO DO ANO ANO DOIS DOIS MIL MIL E E DEZOITO. DEZOITO.

CÉLIO CELlO ROBERTO ROBERTO PINTO PINTO DE DE ARAOJO ARAJO - - CEL CEL QOCBM QOCBM

COMANDANTE COMANDANTE GERAL GERAL DO DO CBMMA CBMMA

d. d.

PORTARIA PORTARIA N.N.° 072/20181DP-1/CBMMA 072/2018/DP-1/CBMMA

COMANDANTE COMANDANTE GERAL GERAL DO DO CORPO CORPO DE DE

BOMBEIROS BOMBEIROS MILITAR MILITAR DO DO MARANHAO, MARANHAO, NO NO USO USO DE DE SUAS SUAS

ATRIBUIÇÕES ATRIBUIOES LEGAIS, LEGAIS, QUE QUE LHE LHE CONFERE CONFERE O 0 ART. ART. 1.o 1.° DO DO

DECRETO DECRETO N.N.° 22.708 22.708 DE DE 27 27 DE DE NOVEMBRO NOVEMBRO DE DE 2006, 2006,

RESOLVE: RESOLVE:

O 0

1. Nomear o 1 Tenente QOABM Everaldo Luis Lopes

1. Nomear o 1° Tenente QOABM Everaldo

Luis Lopes

Silva, para o exercicio do cargo de Capitao QOABM - Chefe da

Silva, para o exercicio do cargo de Capitão QOABM - Chefe da

Seção Seao de de Administra Administração o e e Patrimônio Patrim6nio do do 2° 2Batalhao Batalhão de de Bombeiros Bombeiros

Militar/2BBM - Sao

Militar/2° BBM - São Luis, do Corpo de Bombeiros Militar do

Maranhao Maranhao - - CBMMA. CBMMA.

2. 2.

QUARTEL QUARTEL DO DO COMANDO COMANDO GERAL GERAL DO DO CORPO CORPO DE DE

BOMBEIROS BOMBEIROS MILITAR MILITAR DO DO ESTADO ESTADO DO DO MARANHAO, MARANHAO, AOS AOS

DEZENOVE DEZENOVE DIAS DIAS DO DO MES MtS DE DE MARÇO MAR O DO DO ANO ANO DOIS DOIS MIL MIL

E

E

Luis, do Corpo de Bombeiros Militar do

Esta Esta Portaria Portaria entra entra em em vigor vigor nesta nesta data. data.

DEZOITO. DEZOITO.

CELlO CÉLIO ROBERTO ROBERTO PINTO PINTO DE DE ARAUJO ARAOJO - - CEL CEL QOCBM QOCBM

COMANDANTE COMANDANTE GERAL GERAL DO DO CBMMA CBMMA

e. PORTARIA N

e.

O 0

077/20181DP-1/CBMMA

PORTARIA N.° 077/2018/DP-1/CBMMA

COMANDANTE COMANDANTE GERAL GERAL DO DO CORPO CORPO DE DE BOMBEIROS BOMBEIROS MILITAR MILITAR DO DO MARANHAO, MARANHAO, NO NO USO USO DE DE SUAS SUAS ATRIBUIÇÕES ATRIBUI6ES

LEGAIS, QUE LHE CONFERE O ART. 1.0 DO DECRETO N.22.708 DE 27 DE NOVEMBRO DE 2006,

LEGAIS, QUE LHE CONFERE 0 ART.

1.° DO DECRETO N.° 22.708 DE 27 DE NOVEMBRO DE 2006,

RESOLVE: RESOLVE:

1. 1.

Exonerar Exonerar os os militares militares abaixo abaixo relacionados, relacionados, das das respectivas respectivas fun96es funções do do 6° 6Batalhao Batalhão de de Bombeiros Bombeiros Militar Militar - - Bacabal, Bacabal, do do Corpo Corpo de de

Bombeiros Bombeiros Militar Militar do do Maranhao Maranh5o - - CBMMA. CBMMA.

ORD.

POSTO

1 2° Ten QOCBM

2 2° Ten QOCBM

NOME

Halym Philipe Mandu Maia

Diego Fernandes Brandão

CARGO 10 Tenente QOCBM — Subchefe da Seção de Finanças. 10 Tenente QOCBM — Subchefe Seção de Proteção e Defesa Civil.

2. 2.

QUARTEL QUARTEL DO DO COMANDO COMANDO GERAL GERAL DO DO CORPO CORPO DE DE BOMBEIROS BOMBEIROS MILITAR MILITAR DO DO ESTADO ESTADO DO DO MARANHAO, MARANHAO, AOS AOS DEZENOVE DEZENOVE

Esta Esta Portaria Portana entra entra em em vigor vigor nesta nesta data. data.

DIAS DIAS DO DO MES MtS DE DE MARCO MAR]O DO DO ANO ANO DOIS DOIS MIL MIL E E DEZOITO. DEZOITO.

CELLO CÉLIO ROBERTO ROBERTO PINTO PINTO DE DE ARAÚJO ARA JO - - CEL CEL QOCBM QOCBM

COMANDANTE COMANDANTE GERAL GERAL DO DO CBMMA CBMMA

f. PORTARIA N

f.

O 0

078/2O1SIDP-l/CBMMA

PORTARIA N.° 078/2018/DP-1/CBMMA

COMANDANTE COMANDANTE GERAL GERAL DO DO CORPO CORPO DE DE BOMBEIROS BOMBEIROS MILITAR MILITAR DO DO MARANHAO, MARANHAO, NO NO USO USO DE DE SUAS SUAS ATRIBUIÇÕES ATRIBUIOES

LEGAIS, QUE LHE CONFERE O ART. 1.0 DO DECRETO N.22.708 DE 27 DE NOVEMBRO DE 2006,

LEGAIS, QUE LHE CONFERE 0 ART.

1.° DO DECRETO N.° 22.708 DE 27 DE NOVEMBRO DE 2006,

RESOLVE: RESOLVE:

1. 1.

Nomear Nomear os os militares militares abaixo abaixo relacionados, relacionados, nas nas respectivas respectivas fun96es funções do do 6° 6Batalhao Batalhdo de de Bombeiros Bombeiros Militar Militar - - Bacabal, Bacabal, do do Corpo Corpo de de

Bombeiros Bombeiros Militar Militar do do Maranhao Maranhao~ - CBMMA. CBMMA.

ORD.

POSTO

1 2° Ten QOCBM

2 2° Ten QOCBM

NOME

Halym Philipe Mandu Maia

Diego Fernandes Brandão

CARGO Capitão QOCBM — Chefe da Seção de Administração. Capitão QOCBM — Chefe Seção de Proteção e Defesa Civil.

2. 2.

QUARTEL QUARTEL DO DO COMANDO COMANDO GERAL GERAL DO DO CORPO CORPO DE DE BOMBEIROS BOMBEIROS MILITAR MILITAR DO DO ESTADO ESTADO DO DO MARANHÃO, MARANHAO, AOS AOS DEZENOVE DEZENOVE

Esta Esta Portaria Portaria entra entra em em vigor vigor nesta nesta data. data.

DIAS DIAS DO DO MES MtS DE DE MARCO MARO DO DO ANO ANO DOIS DOIS MIL MIL E E DEZOITO. DEZOITO.

CELlO CÉLIO ROBERTO ROBERTO PINTO PINTO DE DE ARAWO ARA JO - - CEL CEL QOCBM QOCBM

COMANDANTE COMANDANTE GERAL GERAL DO DO CBMMA CBMMA

g. g.

PORTARIA PORTARIA N.N.° 079/20181DP-1/CBMMA 079/2018/DP-1/CBMMA

COMANDANTE COMANDANTE GERAL GERAL DO DO CORPO CORPO DE DE

BOMBEIROS BOMBEIROS MILITAR MILITAR DO DO MARANHAO, MARANHÃO, NO NO USO USO DE DE SUAS SUAS

ATRIBUIÇÕES ATRIBUI6ES LEGAIS, LEGAIS, QUE QUE LHE LHE CONFERE CONFERE O 0 ART. ART. l.o 1.° DO DO

DECRETO DECRETO N.N.° 22.708 22.708 DE DE 27 27 DE DE NOVEMBRO NOVEMBRO DE DE 2006, 2006,

RESOLVE: RESOLVE:

1. Exonerar o 2Tenente QOCBM Fabiano Ribeiro Bouty,

1. Exonerar o 2° Tenente QOCBM Fabiano Ribeiro Bouty,

do do exercicio exercicio do do cargo cargo de de 1o 1° Tenente Tenente QOCBM QOCBM - - Comandante Comandante do do 1° 10

O 0

Posto Posto de de Bombeiros Bombeiros Militar Militar da da 4a 4 CIBM CIBM - - Barreirinhas, Barreirinhas, do do Corpo Corpo

de de Bombeiros Bombeiros Militar Militar do do Maranhao Maranhão - - CBMMA. CBMMA.

2. 2.

QUARTEL QUARTEL DO DO COMANDO COMANDO GERAL GERAL DO DO CORPO CORPO DE DE

BOMBEIROS BOMBEIROS MILITAR MILITAR DO DO ESTADO ESTADO DO DO MARANHAO, MARANHAO, AOS AOS

DEZENOVE DEZENOVE DIAS DIAS DO DO MtS MS DE DE MARCO MAR O DO DO ANO ANO DOIS DOIS MIL MIL

E

E

Esta Esta Portaria Portaria entra entra em em vigor vigor nesta nesta data. data.

DEZOITO. DEZOITO.

CÉLIO CELLO ROBERTO ROBERTO PINTO PINTO DE DE ARAOJO ARA JO - - CEL CEL QOCBM QOCBM

COMANDANTE COMANDANTE GERAL GERAL DO DO CBMMA CBMMA

h.

PORTARIA N.° 080/2018/DP-1/CBMMA

Oh.

0

COMANDANTE COMANDANTEPORTARIA N. 080/2018GERAL需協DO GERAL DO CORPO CORPOMMADE DE BOMBEIROS BOMBEIROS MILITAR MILITAR DO DO MARANHÃO, MARANHAO, NO NO USO USO DE DE SUAS SUAS ATRIBUIÇÕES ATRIBUI6ES

LEGAIS, LEGAIS, QUE QUE LHE LHE CONFERE CONFERE O 0 ART. ART. 1.° l.o DO DO DECRETO DECRETO N.N.° 22.708 22.708 DE DE 27 27 DE DE NOVEMBRO NOVEMBRO DE DE 2006, 2006,

RESOLVE: RESOLVE:

I. Nomear os militares abaixo relacionados, nas respectivas fun96es da 4a Companhia Independente de Bombeiros Militar/4 CIBM -

1.

Nomear os militares abaixo relacionados, nas respectivas funções da 4' Companhia Independente de Bombeiros Militar/4' CIBM -

Rarreirinhas. do Corno de Bombeiros Militar Militar do do Maranhao Maranhao - - CBMMA. CBMMA

ORD.

,

.

POSTO

1 2° Ten QOCBM

2 2° Ten QOCBM

3 2° Ten QOCBM

4 2° Ten QOCBM

NOME

Luis Gustavo Raposo Sobrinho

Rones da Costa Aquino

Endrio Bruning de Sousa

Fabiano Ribeiro Bouty

CARGO Capitão QOCBM — Subcomandante. 1° Tenente QOCBM Comandante do 1° Posto de Bombeiros Militar. 1° Tenente QOCBM Comandante do 2° Posto de Bombeiros Militar. 10 Tenente QOCBM Chefe da Seção de Administração e Patrimônio.

QUARTA-FEIRA,QUARTA-FEIRA, 2121 DEDE MARCOMARCO DEDE 20182018

BGBG N°N 3232 Confere:Confere: ((

)

215215

2. 2.

QUARTEL QUARTEL DO DO COMANDO COMANDO GERAL GERAL DO DO CORPO CORPO DE DE BOMBEIROS BOMBEIROS MILITAR MILITAR DO DO ESTADO ESTADO DO DO MARANHAO, MARANHAO, AOS AOS DEZENOVE DEZENOVE

Esta Esta Portaria Portaria entra entra em em vigor vigor nesta nesta data. data.

DIAS DIAS DO DO MES MtS DE DE MARV) MARCO DO DO ANO ANO DOIS DOIS MIL MIL E E DEZOITO. DEZOITO.

CÉLIO CELLO ROBERTO ROBERTO PINTO PINTO DE DE ARAOJO ARAJO - - CEL CEL QOCBM QOCBM

COMANDANTE COMANDANTE GERAL GERAL DO DO CBMMA CBMMA

I. PORTARIA N.081/2018/DP-1/CBMMA

i. PORTARIA N.° 081/2018/DP-1/CBMMA

COM COMANDANTE ANDANTE GERAL GERAL DO DO CORPO CORPO DE DE

BOMBEIROS BOMBEIROS MILITAR MILITAR DO DO MARANHAO, MARANHÃO, NO NO USO USO DE DE SUAS SUAS

ATRIBUIÇÕES ATRIBUIOES LEGAIS, LEGAIS, QUE QUE LHE LHE CONFERE CONFERE O 0 ART. ART. 1.1.° DO DO

DECRETO DECRETO N.N.° 22.708 22.708 DE DE 27 27 DE DE NOVEMBRO NOVEMBRO DE DE 2006, 2006,

RESOLVE: RESOLVE:

I. Exonerar o 2Tenente QOCBM lanak Rodrigues de

Ianak Rodrigues de

1. Exonerar o 2° Tenente QOCBM

Alencar Alencar Filho, Filho, do do exercicio exercicio do do cargo cargo de de 1° 1 Tenente Tenente QOCBM QOCBM - -

Subcomandante Subcomandante da da 1 la Companhia Companhia de de Bombeiros Bombeiros Militar Militar do do 5° 5BBM BBM

- -

Caxias Caxias do do Corpo Corpo de de Bombeiros Bombeiros Militar Militar do do Maranho Maranhão - - CBMMA. CBMMA.

O 0

Nomear Nomear o o 2° 2Tenente Tenente QOCBM QOCBM Ianak lanak Rodrigues Rodrigues de de

Alencar Filho, para o exercicio do cargo de Capitio QOCBM -

Alencar Filho, para o exercicio do cargo de Capito QOCBM -

2.

2.

Comandante Comandante da da 1' la Companhia Companhia de de Bombeiros Bombeiros Militar Militar do do 55° BBM BBM - -

Caxias Caxias do do Corpo Corpo de de Bombeiros Bombeiros Militar Militar do do Maranho Maranhao - - CBMMA. CBMMA.

3. 3.

Esta Esta Portaria Portaria entra entra em em vigor vigor nesta nesta data. data.

QUARTEL QUARTEL DO DO COMANDO COMANDO GERAL GERAL DO DO CORPO CORPO DE DE

BOMBEIROS BOMBEIROS MILITAR MILITAR DO DO ESTADO ESTADO DO DO MARANHAO, MARANHAO, AOS AOS

DEZENOVE DEZENOVE DIAS DIAS DO DO MES MtS DE DE MARÇO MARO DO DO ANO ANO DOIS DOIS MIL MIL

E

E

DEZOITO. DEZOITO.

CÉLIO CELlO ROBERTO ROBERTO PINTO PINTO DE DE ARAOJO ARAJO - - CEL CEL QOCBM QOCBM

COMANDANTE COMANDANTE GERAL GERAL DO DO CBMMA CBMMA

j. j.

O 0 COMANDANTE COMANDANTE GERAL GERAL DO DO CORPO CORPO DE DE BOMBEIROS BOMBEIROS MILITAR MILITAR DO DO MARANHAO, MARANHAO, NO NO USO USO DE DE SUAS SUAS ATRIBUIÇÕES ATRIBUIOES

PORTARIA PORTARIA N.N.° 082/20181DP-1/CBMMA 082/2018/DP-1/CBMMA

LEGAIS, LEGAIS, QUE QUE LHE LHE CONFERE CONFERE O 0 ART. ART. 1 1.° .DO DO DECRETO DECRETO N.N.° 22.708 22.708 DE DE 27 27 DE DE NOVEMBRO NOVEMBRO DE DE 2006, 2006,

RESOLVE: RESOLVE:

1. 1.

Nomear Nomear os os militares militares abaixo abaixo relacionados, relacionados, nas nas respectivas respectivas fimções fun96es do do Coldgio Col6gio Militar Militar "02 "02 de de Julho Julho - - Unidade Unidade III, III, do do Corpo Corpo de de

Bombeiros Bombeiros Militar Militar do do Maranhao Maranhão - - CBMMA. CBMMA.

01W.

POSTO

1 1° Ten QOCBM

2 10 Ten QOCBM

3 2° Ten QOEBM

NOME

Jeremias Freire Costa

Paulo Cisar Coelho Pereira

Silvano Henrique Alves Castro

CARGO Major QOCBM — Subcomandante. Capitão QOCBM — Chefe da Seção da Companhia de Alunos. Capitão QOCBM — Chefe da Seção de Administração e Patrimônio.

2. 2.

QUARTEL QUARTEL DO DO COMANDO COMANDO GERAL GERAL DO DO CORPO CORPO DE DE BOMBEIROS BOMBEIROS MILITAR MILITAR DO DO ESTADO ESTADO DO DO MARANHAO, MARANHAO, AOS AOS VINTE VINTE DIAS DIAS

Esta Esta Portaria Portaria entra entra em em vigor vigor nesta nesta data. data.

DO DO MES MtS DE DE MARCO MARCO DO DO ANO ANO DOIS DOIS MIL MIL E E DEZOITO. DEZOITO.

CLIO CELLO ROBERTO ROBERTO PINTO PINTO DE DE ARAI:JJO ARAUJO - - CEL CEL QOCBM QOCBM

COMANDANTE COMANDANTE GERAL GERAL DO DO CBMMA CBMMA

k. k.

O

0 COMANDANTE GERAL DO CORPO DE

BOMBEIROS BOMBEIROS MILITAR MILITAR DO DO MARANHAO, MARANHAO, NO NO USO USO DE DE SUAS SUAS

ATRIBUIÇÕES ATRIBUIOES LEGAIS, LEGAIS, QUE QUE LHE LHE CONFERE CONFERE O 0 ART. ART. l.o 1.° DO DO

COMANDANTE GERAL DO CORPO DE

PORTARIA PORTARIA N.N.° 085/2018/DP-1/CBMMA 085/2018/DP-1/CBMMA

DECRETO DECRETO N.N.° 22.708 22.708 DE DE 27 27 DE DE NOVEMBRO NOVEMBRO DE DE 2006, 2006,

RESOLVE: RESOLVE:

I. Afastar o Major QOCBM Glassius Magnum Tadeu

1. Afastar o Major QOCBM Glassius Magnum Tadeu

Assis Assis Coelho, Coelho, do do exercicio exercicio do do cargo cargo de de Major Major QOCBM QOCBM - -

Subcomandante Subcomandante do do 33° Batalho Batalhão de de Bombeiros Bombeiros Militar Militar - 3° 3BBM, BBM,

com sede no municipio de Imperatriz.

com sede no municipio de Imperatriz.

2. 2.

QUARTEL QUARTEL DO DO COMANDO COMANDO GERAL GERAL DO DO CORPO CORPO DE DE

BOMBEIROS BOMBEIROS MILITAR MILITAR DO DO ESTADO ESTADO DO DO MARANHAO, MARANHAO, AOS AOS

DE MARCO DO ANO DOIS MIL E

VINTE DIAS DO MtS DE MARÇO DO ANO DOIS MIL E

VINTE DIAS DO

DEZOITO. DEZOITO.

CELlO CLIO ROBERTO ROBERTO PINTO PINTO DE DE ARA6JO ARAOJO - - CEL CEL QOCBM QOCBM

COMANDANTE COMANDANTE GERAL GERAL DO DO CBMMA CBMMA

Esta Esta Portaria Portaria entra entra em em vigor vigor nesta nesta data. data.

MES

B. B.

SEM SEM ALTERAÇÃO ALTERACAO

C. ALTERAÇÃO DE PRAÇAS

1.

1. AFASTAMENTO TOTAL DO SERVICO

1.1 1.1 FÉRIAS FtRIAS REGULAMENTARES REGULAMENTARES - - GOZO GOZO -

C.

ALTEFtAÇÃO ALTERACAO DE DE PRACAS PRAÇAS ESPECIAIS ESPECIAIS BM BM

ALTERACAO DE PRACAS

AFASTAMENTO TOTAL DO SERVICO

CONCESSÃO: CONCESSAO:

30 30 (trinta) (trinta) dias dias

a. Foram concedidos ao 1o

a.

Foram concedidos ao 1°

Sgt Sgt BM BM

n008/92 Edivan

Edivan

n° 008/92

Marins Marins Botao, Botão, 30 30 (trinta) (trinta) dias dias de de F6rias Férias Regulamentares, Regulamentares, acrescidos acrescidos

de de 05 05 (cinco) (cinco) dias dias de de recesso recesso administrativos, administrativos, relativas relativas ao ao exercicio exercicio

de 2017, previstas para o in& de março de 2018, conforme Plano

Anual de F6rias das Praas do CBMMA, publicado em BG n

Anual de Férias das Praças do CBMMA, publicado em

001/18, 001/18, de de 03 03 de de janeiro janeiro de de 2018. 2018. A A partir partir do do dia dia 02 02 de de março maro de de

2018, 2018, devendo devendo se se apresentar apresentar no no dia dia 06 06 de de abril abril de de 2018, 2018, pronto pronto para para

de 2017, previstas para o mes de maro de 2018, conforme Plano

BG

o serviço da corporação. (Nota n° 14/BBA, 15/03/18).

o servi9o da corporaao. (Nota n

no n° 635/94 635/94 Gilson Gilson

Almeida da Silva, 30 (trinta) dias de Frias Regulamentares,

30 (trinta) dias de Férias Regulamentares,

acrescidos acrescidos de de 05 05 (cinco) (cinco) dias dias de de recesso recesso administrativos, administrativos, relativas relativas

Almeida da Silva,

14/BBA, 15/03/18).

BM

Sgt BM

b. Foram concedidos ao 3Sgt

b.

Foram concedidos ao 3°

ao ao exercicio exercicio de de 2017, 2017, previstas previstas para para o o mes mes de de março maro de de 2018, 2018,

conforme conforme Plano Plano Anual Anual de de Férias Frias das das Praças Praas do do CBMMA, CBMMA, publicado publicado

em em BG BG nn° 001/1 001/18, 8, de de 03 03 de de janeiro janeiro de de 2018. 2018. A A partir partir do do dia dia 02 02 de de

março maro de de 2018, 2018, devendo devendo se se apresentar apresentar no no dia dia 06 06 de de abril abril de de 2018, 2018,

pronto pronto para para o o servi9o serviço da da corporaao. corporação. (Nota (Nota n 14/BBA, I4/BBA, 15/03/18). 15/03/18).

1.2 1.2 FRIAS FÉRIAS REGULAMENTARES REGULAMENTARES - - GOZO GOZO -

SUSTACÃO:

SUSTACAO:

Ficam Ficam sustadas sustadas por por necessidade necessidade de de serviço servi9o as as Férias Frias do do

dos Santos, relativas ao

3Sgt

n 695/94 Alberto Eduardo dos Santos, relativas ao

a.

a.

Sgt BM n° 695/94 Alberto Eduardo

BM

exercicio exercicio de de 2017, 2017, previstas previstas para para o o mes mes de de março maro de de 2018, 2018,

conforme conforme Plano Plano Anual Anual de de Férias Frias das das Praças Praas do do CBMMA, CBMMA, publicado publicado

em em BG BG nn° 001/1 001/18, 8, de de 03 03 de de janeiro janeiro de de 2018. 2018. Devendo Devendo as as mesmas mesmas

serem serem gozadas gozadas no no mês mes de de outubro outubro de de 2018. 2018. (Nota (Nota n° n 14/BBA, 14/BBA,

15/03/18). 15/03/18).

Sejam Sejam sustadas sustadas as as Férias Frias Regulamentares, Regulamentares, referente referente ao ao

exercicio de 2017, do 2SGT MAURO ROSA CASTRO, do

exercicio de 2017, do 2°

ROSA CASTRO, do

Pelotao Pelotio de de Obras Obras desta desta Diretoria Diretoria de de Apoio Apoio Logistico, Logistico, publicada publicada em em

B.G. B.G. n° n 023 023 de de 26 26 fevereiro fevereiro de de 2018, 2018, no no plano plano geral geral de de férias frias

ficando ficando para para gozo gozo posterior posterior no no mes mês de de dezembro dezembro de de 2018, 2018, por por

necessidade necessidade de de servi9o, serviço, pois pois o o referido referido militar militar encontra-se encontra-se

empenhado empenhado em em reformas reformas no no QCG/CBMMA. QCG/CBMMA. (Nota (Nota n° n 09/DAL, 09/DAL, de de

b.

b.

SGT MAURO

13/03/18). 13/03/18).

2. 2. APRESENTACAO APRESENTACAO DE DE DOCUMENTOS. DOCUMENTOS.

Apresentou Apresentou a a este este Comando Comando a a cópia cpia de de Certidão Certido de de Obito Óbito

n° n0549631520154-SSP 0549631520154-SSP MA, MA, datada datada de de 24 24 de de fevereiro fevereiro de de 2018, 2018,

expedida exnedida pelo nelo Cartório Cartrio de de Registro Registro Civil Civil Das Das Pessoas Pessoas Naturais, Naturais, da da

Comarca Comarca de de So São Jose José de de Ribamar, Ribamar, que que registrou registrou o o Óbito Obito do do Sr Sr" °

5 84/94

Nathannael de Jesus Vieira Bandeira, filho do 3SGT BM

Nathannael de Jesus Vieira Bandeira, filho do 3° SGT BM 584/94

BANDEIRA BANDEIRA desta desta Diretoria. Diretoria. (Nota (Nota n° n 11 11/DAL, /DAL, de de 13/03/18). 13/03/18).

Atrav6s do Oficio n029/201 8/CIOPS/CBMMA, datado

Através do Oficio n° 029/2018/CIOPS/CBMMA, datado

de de 12 12 de demarco março de de 2018, 2018, o o Cel Cel BM BM R/R R/R Diretor Diretor de de Opera96es Operações BM- BM-

CIOPS, CIOPS, apresentou apresentou a a este este Comando Comando a a c6pia c6pia da da Certidão Certidao de de

Nascimento Nascimento nn° 18736, 18736, datada datada de de 19 19 de de janeiro janeiro de de 2004, 2004, expedida expedida

pelo pelo Cart6rio Cartário de de Registro Registro Civil Civil das das Pessoas Pessoas Naturais, Naturais, da da Comarca Comarca

Luis - MA, que registrou o nascimento da menor

de Sao Luis - MA, que registrou o nascimento da menor

G6is Pavao, nascida no dia 14 de janeiro de

de Sao

Condolezza Deborah G6is Pavdo, nascida no dia 14 de janeiro de

Condolezza Deborah

2004, 2004, filha filha do do 1o 1° Sgt Sgt BM BM n° n 027/92 027/92 Jos6 José Ribamar Ribamar PavAo Pavo Júnior, J'nior,

inclusio de salrio-famlia e publicaao em Boletim

para fins de incluso de saldrio-fatnilia e publicação em Boletim

para fins de

a. a.

b. b.

Geral. Geral. (Nota (Nota n° n87/DP-1, 87/DP-1, de de 19/03/18). 19/03/18).

QUARTA-FEIRA, 21 DE MARCO DE 2018

2. INCLUSAO DE SALARIO - FAMILIA

De acordo com o Art. 86, Item II do Art. 87, da Lei n6.513

de 30 de setembro de 1995, que disp6e sobre o Estatuto dos Servidores P"blicos Militares do Estado do Maranhao, seja incluido salrio-familia em favor do 1o Sgt BM n 027/92 Jos6 Ribamar Pavio J'nior, do CIOPS. (Notan 87/DP-1, de 19/03/18).

3. PORTARIAS DO ILMO SENHOR CORONEL

OOCBM COMANDANTE GERAL DO CBMMA

a.

PORTARIA N

076/2018/DP-1/CBMMA

O

COMANDANTE GERAL DO CORPO DE

BOMBEIROS MILITAR DO MARANHAO, NO USO DE SUAS ATRIBUIOES LEGAIS, QUE LHE CONFERE O ART. l.o DO DECRETO N.22.708 DE 27 DE NOVEMBRO DE 2006, RESOLVE:

1. Nomear o 2Sargento BM Raimundo Santana Pinto

Junior, para o exercicio do cargo de 1o Sargento BM - Praa Auxiliar Escrevente Digitador do Servi9o de Cart6rio da Corregedoria Adjunta do Corpo de Bombeiros Militar do Maranh5o - CBMMA.

2. Esta Portaria entra em vigor nesta data.

QUARTEL DO COMANDO GERAL DO CORPO DE BOMBEIROS MILITAR DO ESTADO DO MARANHAO, AOS DEZENOVE DIAS DO MES DE MAR]O DO ANO DOIS MIL

E DEZOITO. CELlO ROBERTO PINTO DE ARAUJO - CEL QOCBM COMANDANTE GERAL DO CBMMA

b.

PORTARIA N

084/20181DP-1/CBMMA

O

COMANDANTE GERAL DO CORPO DE

BOMBEIROS MILITAR DO MARANHAO, NO USO DE SUAS ATRIBUICOES LEGAIS, QUE LHE CONFERE O ART. 1.0 DO

DECRETO N.22.708 DE 27 DE NOVEMBRO DE 2006,

RESOLVE:

1. Nomear o 2Sargento 212/94 Edilberto Almeida de

Oliveira, para o exercicio do cargo de Subtenente QPBM-0 - Pra9a

Auxiliar da Seao de Administra9ao e Patrim6nio da 6a Companhia Independente de Bombeiros Militar - 6a CIBM, com sede no municipio de A9ailndia. Devendo exercer a fun9o de chefe da subse9ao de manuten9ao de viaturas da 6a CIBM.

2. Esta Portaria entra em vigor nesta data.

QUARTEL DO COMANDO GERAL DO CORPO DE BOMBEIROS MILITAR DO ESTADO DO MARANHAO, AOS VINTE DIAS DO MES DE MAR O DO ANO DOIS MIL E DEZOITO. CELlO ROBERTO PINTO DE ARAJJO - CEL QOCBM COMANDANTE GERAL DO CBMMA

4

PARTE - JUSTICA E DISCIPLINA

I-

JUSTICA

1.

ELOGIO

1.1 ELOGIO DO SENHOR COMANDANTE GERAL DO CBMMA Aprovo as refer'ncias elogiosas abaixo, nos seguintes

termos: Aos Bombeiros Militares, abaixo relacionados, da 1a CIEBM/SCl/CBMMA, que demonstraram dedica9o, empenho e compromisso com a Organizaao Bombeiros Militar, quando acionados no dia 11 para 12 de maro de 2018, para atenderem uma ocorrncia de combate a incendio a um caminhao que fazia abastecimento de alimentos em uma aeronave da Empresa Area Gol no Aeroporto Internacional Marechal Cunha Machado. Maj QOCBM JOSEILSON Leite de Oliveira Sousa;

. 10 Ten QOABM RONILSON Costa Ferreira;

. ST BM GLEDIMARIO Almeida Santos; ST BM Gilson Neves de MOURA;

. ST BM CARLOS Eduardo Ferreira;

. 1o SGT BM WANDERLI de Jesus Nascimento; 1 SGT BM Domingos Samuel BEZERRA Marques;

.

2 SGT BM Manoel Viana JtNIOR;

.

2 SGT BM RUBERTH Silva Fernandes;

.

2 SGT BM Marcos PAULO de Souza;

BG N32 Confere: (

)

216

.3SGT BM Daniel MULLER Teixeira Lago; . SD BM Marion FHORLAN Costa Lobao. CELlO ROBERTO PINTO DE ARAUJO - CEL QOCBM Comandante Geral do CBMMA (Nota n 05/Gab. Cmdo, de 16/03/18). 1.2 ELOGIO DO SENHOR COMANDANTE ADJUNTO DO CBMMA Concedo elogio aos militares relacionados abaixo, por terem desempenhado com e xito suas atividades no a mbito da Coordenadoria Estadual de Proteao e Defesa Civil com eficiencia, eficacia e efetividade, dedicaao e zelo, contribuindo para o bom andamento e desempenho das atividades desenvolvidas por esta Coordenadoria, demonstrando dessa forma elevado grau de competncia, comprometimento e compromisso com essa Unidade de Bombeiro Militar e com o Corpo de Bombeiros Militar do Maranhao, exemplo este que deve ser seguido pelos demais. (INDIVIDUAL). Subtenente BM Jose Henrique Araijo Fran'a; 3Sgt BM 063/07 Jos6 Henrique Medeiros Nascimento. (Nota n 06/Gab. Cmdo Adj, de 13/03/18). 1.2 RETIFICACAO DE ELOGIO DO SENHOR COMANDANTE ADJUNTO DO CBMMA Retifico nota n002/Cmdo Adjunto, de 09 de janeiro de 2018, publicada no BG n04 de 10 de janeiro de 2018, na folha 47, na alinea "d" do t6pico 1.1 da 4 parte - Justi9a e Disciplina, que trata de elogio aos militares da Coordenadoria Estadual de Prote o e Defesa Civil, sendo que onde l-se "Sd BM 019/15 Wanderson Henrique S. Pinheiro", leia-se "Sd BM 019/15 Wanderson Braga dos Santos". (Nota n06/Gab. Cmdo Adj, de 13/03/18).

11~DISCIPLINA

SEM ALTERA AO

Assina:

CELlO ROBER

O I ARAJO - CEL QOCBM

CO ' NDANTE GERAL DO CBMMA

Confere com o original:

GERSON CELSO AMORIM CARVALHO - IC QOCBM AJUDANTE GERAL DO CBMMA