Você está na página 1de 8

UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ – UFC

CENTRO DE TECNOLOGIA – CT
DISCIPLINA: FUNDAMENTOS DA ECONOMIA

LISTA DE EXERCÍCIOS

CAPÍTULO 1
2a Questão de revisão:
Quais as principais diferenças entre uma economia de mercado e uma economia centralizada?

3a Questão de revisão:
O que mostra a curva de possibilidades de produção ou curva de transformação?

6a Questão de Múltipla escolha:


Assinale a afirmação falsa:
a. Um modelo simplificado da economia classifica as unidades econômicas em “famílias” e
“empresas”, que interagem em dois tipos de mercado: mercados de bens de consumo e serviços e
mercado de fatores de produção.
b. Os serviços dos fatores de produção fluem das famílias para as empresas, enquanto o fluxo
contrário, de moeda, destina-se ao pagamento de salários, aluguéis, dividendos e juros.
c. Os mercados desempenham cinco funções principais: I. estabelecem valores ou preços; II.
organizam a produção; III. distribuem a produção; IV racionam os bens, limitando o consumo à
produção; e V prognosticam o futuro, indicando como manter e expandir a capacidade produtiva.
d. A curva de possibilidade de produção dos bens X e Y mostra a quantidade mínima de X que
deve ser produzida, para um dado nível de produção de Y, utilizando-se plenamente os recursos
existentes.
e. A inclinação da curva de possibilidades de produção dos bens X e Y mostra quantas unidades
do bem X podem ser produzidas a mais, mediante uma redução do bem Y.

CAPÍTULO 2
2a Questão de revisão:
Explique e ilustre graficamente o que ocorre com o equilíbrio de mercado, nos seguintes casos:
a) aumento do preço de um bem complementar;
b) diminuição do preço de um bem substituto, no consumo;
c) diminuição na renda dos consumidores, de um bem normal;
d) aumento da renda dos consumidores, de um bem inferior;
e) diminuição no custo da mão-de-obra.

8a Questão de revisão:
Qual o significado de excedente do consumidor? E do produtor?

6a Questão de Múltipla escolha: Dada a função demanda de x:


Dx = 3 0 -0 ,3 p x + 0,7 py + 1,3 R
sendo px e py os preços dos bens x e y , e R a renda dos consumidores, assinale
a alternativa correta:
a) O bem x é um bem inferior, e x e y são bens complementares.
b) O bem y é um bem normal, e x e y são bens substitutos.
c) Os bens x e y são complementares, e x é um bem normal.
d) Os bens x e y são substitutos, e x é um bem normal.
e) Os bens x ey são substitutos, e x é um bem inferior.
8a Questão de Múltipla escolha:
Para fazer distinção entre oferta e quantidade ofertada, sabemos que:
a) A oferta refere-se a alterações no preço do bem, e a quantidade ofertada, a alterações nas demais
variáveis que afetam a oferta.
b) A oferta refere-se a variações a longo prazo, e a quantidade ofertada, a mudanças de curto prazo.
c) A quantidade ofertada só varia em função de mudanças no preço do próprio bem, enquanto a
oferta varia quando ocorrerem mudanças nas demais variáveis que afetam a oferta do bem.
d) Não há diferença entre alterações na oferta e na quantidade ofertada.
e) Nenhuma das respostas anteriores é correta.

10a Questão de Múltipla escolha:


O aumento do poder aquisitivo, basicamente determinado pelo crescimento da renda disponível da
coletividade, poderá provocar a expansão da procura de determinado produto. Evidentemente, o
preço de equilíbrio:
a) Deslocar-se-á da posição de equilíbrio inicial para um nível mais alto, se não houver
possibilidade da expansão da oferta do produto.
b) Cairá do ponto inicial para uma posição mais baixa, se a oferta do produto permanecer
inalterada.
c) Permanecerá inalterado, pois as variações de quantidades procuradas se realizam ao longo da
curva inicialmente definida.
d) Permanecerá inalterado, pois as variações de quantidades ofertadas se realizam ao longo da
curva inicialmente definida.
e) Nenhuma das alternativas anteriores.

12a Questão de Múltipla escolha


Dadas as funções oferta e demanda do bem 1,
D1 = 2 0 - 0,2P1 - p2 + 0,1R
S1 = 0,8P1
e a renda do consumidor R = 1.000, o preço do bem 2 p2 = 20, assinale a alternativa errada:
a) O preço de equilíbrio do bem 1 é 100.
b) A quantidade de equilíbrio do bem 1 é 80.
c) Os bens 1 e 2 são bens complementares.
d) O bem 2 é um bem normal.
e) O bem 1 não é um bem inferior.

CAPÍTULO 3
2a Questão de revisão:
Defina: elasticidade-renda, elasticidade-preço cruzada da demanda e elasticidade-preço da oferta.

2a Questão de múltipla escolha


Uma curva de procura exprime-se por p = 10 - 0,2q, onde p representa o preço e q a quantidade.
O mercado encontra-se em equilíbrio ao preço p = 2. O preço varia para p = 2,04, e, tudo o mais
mantido constante, a quantidade equilibra-se em q = 39,8. A elasticidade-preço da demanda ao
preço inicial de mercado é:
a) 0,02.
b) 0,05.
c) - 0,48.
d) - 0,25.
e) 0,25.

4a Questão de múltipla escolha


Aponte a alternativa correta:
a) Quando o preço aumenta, a receita total aumenta, se a demanda for elástica, coeteris paribus.
b) Quando o preço aumenta, a receita total diminui, se a demanda for inelástica, coeteris paribus.
c) Quedas de preço de um bem redundarão em quedas da receita dos produtores desse bem, se a
demanda for elástica, coeteris paribus.
d) Quedas de preço de um bem redundarão em aumentos de receita dos produtores desse bem, se
a demanda for inelástica, coeteris paribus.
e) Todas as alternativas anteriores são falsas.
5a Questão de Múltipla escolha:
Quanto à função demanda, é correto afirmar:
a) Um aumento no preço do bem deixará inalterada a quantidade demandada do bem, a menos
que também seja aumentada a renda nominal do consumidor.
Elasticidades 8 1
b) Um aumento no preço do bem, tudo o mais constante, implicará aumento no dispêndio do
consumidor com o bem, se a demanda for elástica com relação a variações no preço desse bem.
c) Se essa equação for representada por uma linha reta negativamente inclinada, o coeficiente de
elasticidade-preço será constante ao longo de toda essa reta.
d) Se essa função for representada por uma linha reta paralela ao eixo dos preços, a elasticidade-
preço da demanda será infinita.
e) Se a demanda for absolutamente inelástica com relação a modificações no preço do bem, a
função demanda será representada por uma reta paralela ao eixo dos preços.

6a Questão de Múltipla escolha:


Indique a afirmação correta.
a) Um aumento na renda dos consumidores resultará em demanda mais alta de x, qualquer que
seja o bem.
b) Uma queda no preço de x, tudo o mais permanecendo constante, deixará inalterado o gasto dos
consumidores com o bem, se a elasticidade-preço da demanda for igual a 1.
c) O gasto total do consumidor atinge um máximo na faixa da curva de demanda pelo bem em que
a elasticidade-preço é igual a zero.
d) A elasticidade-preço da demanda pelo bem x independe da variedade de bens substitutos
existentes no mercado.
e) Um aumento no preço do bem y, substituto, deslocará a curva de demanda de x para a esquerda.

CAPÍTULO 4
2a Questão de Revisão:
Discuta a incidência de um imposto sobre vendas e diga qual o papel das elasticidades-preço da
oferta e da demanda.

4a Questão de Revisão: Sobre externalidades:


a) Qual a importância do conceito de externalidades?
b) Dê exemplos de:
1. externalidade positiva no consumo
2. externalidade positiva na produção
3. externalidade negativa no consumo
4. externalidade negativa na produção

2a Questão de múltipla escolha:


Num mercado competitivo, o governo estabeleceu um imposto específico sobre determinado
produto. A incidência do imposto se dará, simultaneamente, sobre produtores e consumidores, se:
a) As curvas de oferta e demanda forem absolutamente inelásticas.
b) A curva de demanda for absolutamente inelástica e a de oferta, algo elástica.
c) A curva de demanda for infinitamente elástica e a de oferta, absolutamente inelástica.
d) As curvas de oferta e demanda forem algo elásticas.
e) As curvas de oferta e demanda forem infinitamente elásticas.

4a Questão de múltipla escolha:


Dadas as curvas de oferta e demanda S = p / D = 300 - 2p, Aplicações da Análise Microeconômica
em Políticas Públicas 105 o preço de equilíbrio, após um imposto específico de $ 15 por unidade,
é igual a:
a) 100
b) 90
c) 105
d) 110
e) N.r.a.
5a Questão de múltipla escolha:
Com os dados da questão anterior, a arrecadação total do governo, após o imposto, é igual a:
a) 10.000
b) 1.350
c) 9.000
d) 8.000
e) N.r.a.

CAPÍTULO 5
2a Questão de Revisão:
Defina Produto Total, Produtividade Marginal e Produtividade Média. Mostre graficamente as
principais relações entre esses conceitos.

4a Questão de Revisão:
Qual o significado da isoquanta de produção? O que vem a ser mapa de isoquantas? Ilustre
graficamente.

3a Questão de múltipla escolha:


A função produção de uma firma alterar-se-á sempre que:
a) Os preços dos fatores de produção se alterem.
b) A empresa empregar mais de qualquer fator de produção variável.
c) A tecnologia predominante sofrer modificações.
d) A firma elevar seu nível de produção.
e) A demanda elevar-se.

CAPÍTULO 6
2a Questão de Revisão:
Defina Custo Total, Custo Variável Total e Custo Fixo Total. Ilustre graficamente.

3a Questão de Revisão:
Defina Custo Total Médio, Custo Variável Médio, Custo Fixo Médio e Custo Marginal. Ilustre
graficamente.

1a Questão de Múltipla Escolha


Se conhecemos a função produção, o que mais precisamos saber a fim de conhecer a função
custos?
a) A relação entre a quantidade produzida e a quantidade de fatores necessária para obtê-la.
b) O custo dos fatores e como se pode esperar que esses custos variem.
c) Que fatores são variáveis.
d) Todas as alternativas acima.
e) N.r.a.

CAPÍTULO 7
1a Questão de revisão:
Caracterize o mercado concorrencial. Que regra o empresário segue para maximizar seus lucros?

2a Questão de revisão
a) Defina lucro normal e lucro extraordinário.
b) Por que, a longo prazo, num mercado em concorrência perfeita, só
existem lucros normais? Ilustre graficamente.
11a Questão de múltipla escolha
De acordo com a teoria microeconômica, a diferença básica entre firmas que operam em
concorrência perfeita e firmas que operam em monopólio (monopolistas) é que:
a) O monopolista não pode cobrar um preço que lhe proporcione lucro substancial, ao passo que
o concorrente perfeito sempre pode ter um lucro desse tipo.
b) O concorrente perfeito pode vender quanto quiser a determinado preço, enquanto o monopolista
tem que reduzir seu preço, sempre que quiser qualquer aumento de suas vendas.
c) A elasticidade da procura diante do monopolista tem valor maior do que a elasticidade da
procura ante o concorrente perfeito.
d) O monopolista procura maximizar lucros, enquanto o concorrente perfeito procura igualar o
preço ao custo médio.
e) O monopolista apresenta uma curva de custo médio sempre decrescente, enquanto o
concorrente perfeito não apresenta nenhuma curva
de custos.

13a Questão de múltipla escolha


Aponte a alternativa incorreta:
a) A principal diferença entre um mercado em concorrência monopolista e um mercado em
concorrência perfeita é que o primeiro refere-se a produtos diferenciados, enquanto o segundo diz
respeito a produtos homogêneos.
b) A longo prazo, os mercados monopolistas e oligopolistas apresentam lucros extraordinários.
c) Nos modelos clássicos de oligopólio, o objetivo das empresas é a maximização do mark-up.
d) Em concorrência perfeita, a demanda para a firma é infinitamente elástica.
e) As barreiras à entrada de novas firmas em mercados concentrados (monopólio, oligopólio)
permitem a existência de lucros extraordinários a longo prazo.

14a Questão de múltipla escolha


Aponte a alternativa errada:
a) Em monopólio, existem barreiras à entrada de novas empresas no mercado.
b) Em concorrência perfeita, os produtos são homogêneos.
c) Em oligopólio, a curva de demanda é infinitamente elástica.
d) A curva de oferta em concorrência perfeita é o ramo crescente da curva de custo marginal, acima
do custo variável médio.
e) Em concorrência monopolística, os produtos são diferenciados.

CAPÍTULO 8
3a Questão de revisão
Políticas de estabilização da inflação não são compatíveis com melhoria no grau de distribuição de
renda. Você concorda? Por quê?

4a Questão de revisão
Comente a questão da compatibilidade (ou não) entre as metas de melhoria no grau de distribuição
de renda e a busca do crescimento econômico, à luz da experiência brasileira no período do milagre
econômico.

3a Questão de múltipla escolha


A política monetária e a política fiscal diferem, essencialmente, pelo seguinte fato:
a) A política monetária trata dos recursos totais arrecadados e dos gastos pelo governo, enquanto
a política fiscal trata das taxas de juros.
b) A política fiscal procura estimular ou desestimular as despesas de investimento e de consumo,
por parte das empresas e das pessoas, influenciando as taxas de juros e a disponibilidade de
crédito, enquanto a política monetária funciona diretamente sobre as rendas por meio da
tributação e dos gastos públicos.
c) A política monetária procura estimular ou desestimular as despesas de consumo e de
investimento, por parte das empresas e das pessoas, influenciando as taxas de juros e a
disponibilidade de crédito, enquanto a política fiscal funciona diretamente sobre as rendas
mediante a tributação e os gastos públicos.
d) Não há, essencialmente, diferença entre as duas, uma vez que os objetivos e as técnicas de
operações são os mesmos.
e) N.r.a.
4a Questão de múltipla escolha
No mercado de trabalho, são determinadas quais das seguintes variáveis macroeconômicas?
a) Nível de emprego e salário real.
b) Nível de emprego e salário monetário.
c) Nível geral de preços e salário real.
d) Salário real e salário monetário.
e) Nível de emprego e nível geral de preços.

CAPÍTULO 9
1a Questão de revisão
Mostre como opera o fluxo circular de renda e como surge a identidade entre as três óticas de
medição do resultado da atividade econômica de um país, conforme a Contabilidade Social.

2a Questão de múltipla escolha


O Produto Interno Bruto, a preço de mercado, eqüivale a:
a) Produto Interno Bruto a custo de fatores + renda líquida enviada ao exterior.
b) Produto Interno Líquido a custo de fatores + impostos indiretos + depreciação - subsídios.
c) Produto Interno Líquido a preço de mercado + amortização de empréstimos externos.
d) Produto Nacional Líquido a preço de mercado + dívida externa bruta.
e) Produto Nacional Bruto a preço de mercado + impostos indiretos - subsídios.

5a Questão de múltipla escolha


O Produto Nacional de um país, medido a preços correntes, aumentou consideravelmente
entre dois anos. Isso significa que:
a) Ocorreu um incremento real na produção.
b) O investimento real entre os dois anos não se alterou.
c) O país está atravessando um período inflacionário.
d) O país apresenta taxas significativas de crescimento do produto real.
e) Nada se pode concluir, pois é necessário ter informações sobre o comportamento dos preços
nesses dois anos.

CAPÍTULO 11
2a Questão de revisão
Com relação aos meios de pagamento:
a) Conceitue Meios de Pagamento
b) Defina Ml, M2, M3 e M4
c) 0 que vem a ser monetização e desmonetização, e qual a relação desses conceitos com a taxa de
inflação?
d) Dê dois exemplos de criação e dois exemplos de destruição de meios de pagamento.
e) 0 saque de um cheque representa criação ou destruição de meios de pagamento?

1a Questão de múltipla escolha


O que define a moeda é sua liquidez, ou seja, a capacidade que possui de ser um ativo prontamente
disponível e aceito para as mais diversas transações. Além disso, três outras características a
definem:
a) Forma metálica, papel-moeda e moeda escriturai.
b) Instrumento de troca, unidade de conta e reserva de valor.
c) Reserva de valor, credibilidade e aceitação no exterior.
d) Instrumento de troca, curso forçado e lastro-ouro.
e) Forma metálica, reserva de valor e curso forçado.

3a Questão de múltipla escolha


O Banco Central do Brasil (Bacen) tem, entre suas responsabilidades, a de:
a) Emitir papel-moeda, fiscalizar e controlar os intermediários financeiros, supervisionar a
compensação de cheques.
b) Atuar como banco do governo federal e renegociar a dívida externa brasileira.
c) Aceitar depósitos, conceder empréstimos ao público e controlar os meios de pagamento do país.
d) Executar as políticas monetária e fiscal do país.
e) Formular a política monetária e cambial do país.

5a Questão de múltipla escolha


A principal função da reserva compulsória sobre os depósitos bancários, como instrumento de
política monetária, é:
a) Permitir ao governo controlar a demanda de moeda.
b) Permitir às autoridades monetárias controlar o montante de moeda bancária que os bancos
comerciais podem criar.
c) Impedir que os bancos comerciais obtenham lucros excessivos.
d) Impedir as “corridas bancárias”.
e) Forçar os bancos a manter moeda ociosa no sentido de cobrir as suas necessidades de caixa.

8a Questão de múltipla escolha


Para reduzir o volume de meios de pagamento, o Banco Central deve:
a) Comprar títulos da dívida pública.
b) Elevar a emissão de papel-moeda.
c) Elevar a taxa de redesconto.
d) Reduzir a reserva compulsória dos bancos comerciais.
e) Reduzir a taxa de juros para desconto de duplicatas.

10a Questão de múltipla escolha


Na hipótese de que um país esteja produzindo com plena utilização dos
fatores de produção, um aumento da oferta monetária provocará:
a) Aumento da renda real.
b) Diminuição da renda real.
c) Aumento do nível geral de preços.
d) Diminuição do nível geral de preços.
e) Aumento de emprego de mão-de-obra.

Capítulo 13
7a Questão de revisão
Quais as propostas de combate ao processo inflacionário, de acordo com as seguintes correntes:
a) monetarista (neoliberal);
b) inercialista;
c) estruturalista.

1a Questão de múltipla escolha


Se todos os preços subirem, pode-se ter certeza de que houve inflação?
a) Sim.
b) Sim, contanto que a taxa de juros real não se altere. c) Sim, contanto que a renda de equilíbrio
esteja abaixo da renda de pleno emprego.
d) Sim, contanto que a taxa de juros nominal não se altere.
e) Sim, contanto que esse aumento faça parte de alta persistente no nível geral de preços.

2a Questão de múltipla escolha


Uma das conseqüências mais claras de todo processo inflacionário é:
a) Que o PIB em termos reais permanece estacionário.
b) Que a classe trabalhadora e, em geral, aqueles que percebem rendas fixas sofrem perda de poder
aquisitivo.
c) Que o multiplicador keynesiano tende a zero.
d) Que a tecnologia da economia tende a mostrar rendimentos crescentes de escala (ou custos
unitários decrescentes).
e) Que a velocidade de circulação da moeda decresce.
8a Questão de múltipla escolha
Supondo que a economia se encontre a pleno emprego:
a) Um aumento nos gastos do governo, tudo o mais constante, provocaria aumento do produto real
e redução do nível geral de preços.
b) Uma redução nos tributos, tudo o mais constante, levaria a uma redução no produto real da
economia.
c) Uma expansão dos meios de pagamento, tudo o mais constante, provocaria inflação de oferta.
d) Um aumento nos níveis de investimento, tudo o mais constante, provocaria inflação de oferta.
e) Um aumento nos níveis de investimento, tudo o mais constante, provocaria inflação de demanda.

Capítulo15
1a Questão de revisão
Descreva as funções alocativa, distributiva e estabilizadora do setor público.

1a Questão de múltipla escolha


Em matéria de tributação, o “princípio do benefício” afirma que:
a) Os impostos devem ser distribuídos proporcionalmente ao nível de renda dos indivíduos.
b) Os impostos devem ser distribuídos de modo que o encargo suportado seja igual para todos os
indivíduos.
c) As pessoas devem ser tributadas de acordo com a vantagem que recebem das despesas
governamentais.
d) Os tributos devem incidir principalmente sobre os mais ricos.
e) Os impostos devem ser iguais para todos.

2a Questão de múltipla escolha


A carga tributária de um país é considerada progressiva quando:
a) É realizada, principalmente, por meio de impostos incidentes sobre a produção industrial.
b) Onera todos os segmentos sociais na mesma proporção.
c) Onera proporcionalmente mais os segmentos sociais de menor poder aquisitivo.
d) Onera proporcionalmente mais os segmentos sociais de maior poder aquisitivo.
e) É realizada, principalmente, por meio de impostos incidentes sobre a comercialização da
produção.

5a Questão de múltipla escolha


Em relação às finanças públicas, uma das afirmativas a seguir é falsa. Identifique-a:
a) O conceito de déficit primário inclui os juros reais da dívida passada.
b) O imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) pode ser caracterizado como imposto indireto.
c) Em períodos de inflação, um imposto progressivo sobre a renda contribuiria para frear a
expansão da renda disponível e, em conseqüência, do consumo do setor privado.
d) Se a alíquota de um imposto sobre vendas não variar segundo o produto vendido, esse imposto
será regressivo, do ponto de vista da renda do consumidor.
e) No cálculo do déficit público, segundo o conceito operacional, excluem-se as despesas com
correção monetária.