Você está na página 1de 2

Técnico em Construção Naval

Formas de Acesso a Escola

- Ensino Médio Completo;

- No módulo inicial respeitando as exigências para ingresso por matrícula regular, nos termos da legislação vigente e do regimento escolar;

- Por transferência para alunos provinientes de outras escolas ou país;

- Mediante aproveitamento de estudos realizados por via formal;

- Por aproveitamento de competências mediante avaliação adquiridas na educação formal ou não formal no trabalho;

- Por avaliação de competências mediante requerimento do aluno, mediante exame, nos termos da legislação vigente ou regimento

escolar;

Documentos Necessários para a Matrícula:

Comprovante de Escolaridade

Documento de Identificação (RG, CNH, CREA)

CPF

02 foto 3 X 4

1º Módulo - Conteúdo Programático

CARGA HOR.

Histórico da Construção Naval

80

Equipamentos e Construção Naval

80

Norma de Classificação da Construção Naval

60

Construção de Navios

80

SMS Aplicada a Construção Naval

40

Materiais de Uso na Construção Naval

60

Subtotal

400

2º Módulo - Conteúdo Programático

CARGA HOR.

CAD Básico e Aplicado

80

Simbologias para a Construção Naval

60

Desenho de Estruturas Navais

80

Instalações Elétricas em Embarcações

60

Desenho de Arquitetura Naval

60

Desenho Técnico

60

Subtotal

400

3º Módulo - Conteúdo Programático

CARGA HOR.

Definições da Geometria do Navio

80

Flutuação e Estabilidade

80

Esforços Atuante no Navio

80

Tipos de Navios

80

Projeto Naval

80

Subtotal

400

Total de horas do curso:

1200

Técnico em Construção Naval

O Técnico em Construção Naval desenha estruturas e peças para embarcações, avaliando e orientando o uso dos materiais e o processo construtivo em um estaleiro, além de participar da supervisão, instalação e manutenção de equipamentos, sistemas e máquinas marítimas, além de realizar inspeções, ensaios, testes e reparos em embarcações e seus componentes.

Mercado de Trabalho em Construção Naval

O técnico de Nível Médio em Construção Naval estará habilitado para o desenvolvimento das seguintes atividades:

Desenho de estruturas e peças para embarcações;

Avaliação e orientação do uso dos materiais para construção naval;

Participação da supervisão, instalação e manutenção de equipamentos, sistemas e máquinas marítimas;

Coordenação da produção em um estaleiro.

Áreas de atuação: estaleiros, oficinas de construção naval, empresas de vendas de produtos navais e outras industrias de plásticos reforçados com fibras ou de metal mecânica.