Você está na página 1de 9

Hitler era um agente dos Illuminati?

23 de março de 2008

(A partir de Janeiro de 2006)

Por Henry Makow Ph.D

Greg Hallett de livro "Hitler era um agente britânico " retrata a guerra como uma ilusão
fantasmagórica conjurada por magos ocultos de forma a degradar e finalmente escravizar a
humanidade em um governo mundial.

Hallett fez a alegação de que Hitler era um agente "britânico é baseado no testemunho de
uma rede sombria de agentes de inteligência aposentado. Enquanto ele não apresentar prova
documental, Hallett não oferecer provas circunstanciais persuasivas.

Por exemplo, Adolph Hitler foi na Inglaterra em 1912-1913, um fato apoiado pelo
livro de sua irmã-de-lei é: "As Memórias de Bridget Hitler"(1979). Muitos historiadores,
incluindo Hitler biógrafo John Toland ter ignorado esta informação surpreendente. (Se é
certo Hallett, historiadores como Toland são culpados de saneantes Hitler e realmente fazê-
lo mais credível do que ele.)

Hallett afirma Hitler passou fev.-nov. 1912 sofrendo uma lavagem cerebral e treinado
pelo Exército Britânico na Tavistock (fachada para centro de lavagem cerebral) )
Escola de Guerra em Devon e na Irlanda. "Máquinas de guerra precisam de guerra e
isso significa que eles precisam serem financiados, treinados e apoiados como agentes
duplos e seus bodes expiatórios, os fantoches e marionetes de seus inimigos", Hallett
escreve (38).

Sua cunhada descreve Hitler como completamente perdido quando chegou ao Liverpool na
casa dela, sem bagagem. "Eu tive uma idéia que ele estava doente, sua cor era tão ruim e
seus olhos pareciam tão peculiar", escreveu ela. "Ele estava sempre lendo, livros, panfletos
impressos em língua alemã. Eu não sei o que estava neles, nem exatamente de onde eles
vieram." (Pp. 29,35) Hallett diz que estes foram os manuais de formação Tavistock.

"Hitler era um agente britânico" é útil como um paradigma alternativo. (Normalmente não
podemos reconhecer a verdade porque temos o paradigma errado, ou seja, a nossa
educação. ") Quando Hallett diz" Britânico ", ele significa Illuminati, o culto maçónico de
banqueiros super ricos que controlam uma rede interligada de cartéis. Este culto está
baseado na City de Londres mas utiliza a Inglaterra e a maioria das nações e ideologias,
como fantoches em Punch e Judy show chamado história.

Hallett pedido iria esclarecer muitos acontecimentos improváveis da Segunda Guerra


Mundial. Por exemplo, por que Hitler deixou escapar 335 mil soldados aliados em
Dunquerque? Este gesto quixotesco foi explicado como uma insinuação de paz, mas
certamente a Inglaterra teria sido mais atento se o seu exército nos campos de prisioneiros
de guerra nazista.

O triunfo nazi em maio de 1940 foi como um nocaute no primeiro round. Os Illuminati não
tinham a intenção de que o jogo terminasse tão cedo, nem que era para os nazistas vencer.

No verão de 1940, quando a Inglaterra estava prostrada, o chefe de inteligência militar


nazista (Abwehr) o almirante Wilhelm Canaris disseram ao ministro dos Negócios
Estrangeiros romeno Prince Michael Sturdza de permanecer neutro, pois Inglaterra venceria
a guerra. Ele também deu essa mensagem para o ditador espanhol Franco.

A teoria de Hallett também explica por que Hitler, supostamente o inimigo do arco de
banqueiros judeus, agiu como se ele não soubesse que os Rothschilds controlavam a
Inglaterra (e a América), quando este era praticamente de conhecimento comum.
(Veja, Hilaire Belloc, "Os judeus" 1922). Se Hitler fosse real, ele não teria tentado
acomodar esses países. A Inglaterra teria sido invadida e conquistada antes que a
Rússia fosse atacada.

A hipótese de Hallett explica 1) Por que Hitler foi capaz de expandir-se para a Renânia, etc,
sem medo de retaliação. 2) Porque a máquina de guerra nazi foi financiada e construída
pelo Banco de Inglaterra e encoberta por empresas Inglesas e Americanas controladas pelos
Illuminati. 3) Por que Hitler nunca fechou o Mediterrâneo em Gibraltar, e porque o ditador
espanhol Franco se manteve neutro, apesar da enorme dívida que ele devia aos nazistas
durante a Guerra Civil. 4) Por a sede da I.G. Farben em Frankfurt nunca foi bombardeada.
Isto tornou-se sede da CIA. 5) Por que o Banco da Inglaterra havia recompensado Hitler
para a tomada de Praga, dando-lhe as reservas de ouro Checa, depositada em Londres.

Isso explicaria por que Hitler deu o seu ridículo prioridade sobre as políticas raciais
realmente ganhar a guerra. Ele poderia ter se inscrito milhões de eslavos (e mesmo muitos
judeus) para superar a Rússia comunista. Em vez disso, ele fez inimigos implacáveis
dispostos a lutar até a morte.

Poderíamos perguntar por que o Japão atacou os E.U. em vez da Rússia, por que os nazistas
nunca descobriram que suas comunicações foram comprometidos, por que Hitler não
conquistou os campos de petróleo da Rússia e do Médio Oriente quando teve a chance, etc,
por que a Sexta Exército não foi autorizado a retirar de Stalingrado, mas você começa o
retrato. A correção foi dentro
OMS foi Hitler?

A maior improbabilidade de todas é que um vagabundo austríaco, limpador de rua e


prostituto gay pode se tornar chanceler da Alemanha. Hitler se une a uma longa lista
de figuras obscuras através da chantagem, que poderá ter sido catapultado para a
proeminência do mundo com a ajuda de uma mão invisível.

Hallett escreve que o avô de Hitler era Nathan Meyer Rothschild. Maria Schickelgruber,
avó de Hitler, era uma empregada doméstica na mansão dos Rothschild, em Viena, quando
seu pai, Alois foi concebido "de medo" em um estupro ritual satânico. O Rothschilds só
podiam casar dentro de sua família para que elas tinham filhos ilegítimos que funcionavam
como agentes anônimos.

(Aparentemente este é um modelo com o Illuminati. Bill Clinton é espalhado boatos para
ser um Rockefeller.)

A avó da criança recebeu apoio de um empresário judeu que era provavelmente um


intermediário para o seu avô. Bridget Hitler cita a irmã de Hitler Paula: "Desde que
[Adolf] começou a leis raciais não temos o avô, Adolf e I. Certamente quem desejasse
poderia fazer um bom negócio para fora do que isso." (Memórias, P. 175)

filho de Rothschild, o terceiro casamento de Alois Hitler, foi com sua sobrinha, Klara, que
se tornou mãe de Hitler. Seu pai era abusivo e sua mãe super-compreensiva. Hitler tornou-
se destituído de personalidade aos 18 anos de idade quando sua mãe morreu, e ele morava
em um albergue, de homens em Viena, que era uma assombração homossexual.

Segundo o "Lothar Machtan, The Hidden Hitler" (2001), não há dúvida de Hitler era um
homossexual com uma longa ficha policial de assediar os homens, tanto em Munique e
Viena. Esses registros chegaram a Rússia e a Inglaterra, mas nunca foram usados para
propaganda, mais uma evidência de que a guerra pode ter sido uma farsa. (Machtan
também diz que Hitler tentou entrar no Partido Comunista depois da guerra, mas foi
rejeitada por exigir demais, a prova ele pode ter sido uma arma "para contratar.")

MAKING OF A MADMAN

Em 1912, Hitler viajou para Inglaterra para a formação como um agente dos Illuminati, que
teve lugar na Alemanha. Esta formação "variou de absorver o sentido do seu papel no
destino da Alemanha para aprender a hipnotizar o público.

Também incluía trauma através de lavagem cerebral. O "alter de consciência" é abalado por
testemunhar as atrocidades selvagens e abusos sexuais que sofreu, que é filmado. Em
seguida, os vários fragmentos da consciência são programados e podem ser acessados com
palavras de código especial. (Leia Fritz Springmeier e Cisco Wheeler para uma descrição
detalhada de técnicas de controle mental dos Illuminati. )
Hitler voltou à Alemanha em maio de 1913 e se alistou no exército alemão. Durante a
Primeira Guerra Mundial, serviu como um espião e foi capturado duas vezes pelos Inglêses.
Em ambas as ocasiões, ele foi poupado de execução por um "anjo" na inteligência britânica.

Segundo Hallett, Hitler gostava de ter mulheres defecando em cima dele. Ele também teve
os órgãos genitais inferior e apenas um testículo. (Muitas mulheres a quem ele cortejou
cometeram suicídio. O amor de sua vida foi o sua meia sobrinha 17 anos chamada Geli a
quem assassinou em 1931 quando ela ficou grávida de seu motorista. Machtan argumenta
que o ciúme real de Hitler foi o motorista).

(Para saber mais sobre homossexualidade nazista, ver "The Pink Swastika" on-line.

IMPLICAÇÕES

História se desenrola de acordo com o plano de longo prazo dos Illuminati. As guerras são
plotados com décadas de antecedência e orquestradas para atingir a destruição das nações e
das elites naturais, o despovoamento, a desmoralização, e é claro de poder e lucro.

O super-ricos que se organizaram em um culto satânico de rapina sobre o homem e para


estabelecer a sua hegemonia permanente. Coloque-se no lugar dos banqueiros centrais. As
nações do mundo lhe deve trilhões baseada no dinheiro que você imprimiu para o custo de
papel e tinta. A única maneira de proteger este "investimento" é estabelecer uma ditadura
disfarçada, usando métodos sofisticados de controle social e mente. Este é o verdadeiro
significado da "Guerra ao Terror". Não é dirigida a "terroristas muçulmanos". É dirigido a
você e a mim.

Segundo Hallett, Estaline era outro Illuminati "agente de guerra" que participaram na
Tavistock Psyche escola de treinamento de operações em 1907. Clifford Shack sugeriu que
Estaline era também um filho ilegítimo de um Rothschild.

Hallett diz que morte de Hitler foi falsificada (outra dupla foi morta) e Hitler escapou para
Barcelona, onde viveu até 1950, quando morreu de câncer no estômago.

Greg Hallett é um maverick e seu livro está cheio de divagações e digressões repetitivas. Eu
não iria jurar por qualquer dos créditos Hallett como visitante. Mas ele merece os nossos
agradecimentos para o avanço de uma visão alternativa da história que, embora absurda, é
mais plausível do que supostamente transpareceu. Devemos ser capazes de entreter idéias
especulativas sem se sentir obrigado a aceitar ou rejeitá-las.

Segunda Guerra Mundial atingidos todos os objetivos dos Illuminati. Alemanha e Japão
foram transformadas em um terreno baldio. Sessenta milhões de pessoas foram
massacradas. O fabricado “holocausto judeu” empurrou os judeus europeus para
estabelecer a sede do governo mundial Rothschild em Israel. Os idealistas e líderes naturais
de ambos os lados foram massacrados. As nações foram carregadas em dívida. As Nações
Unidas surgiu como uma Phoenix das cinzas. Hiroshima lançou uma mortalha de terror
pelo mundo inteiro. A URSS era uma superpotência e controlava a Europa Oriental. O
palco estava montado para o próximo ato ... da Guerra Fria.

Dadas as perspectivas sombrias para a humanidade, há uma tendência a idealizar realmente


Hitler como um adversário da hegemonia banqueiro central. livro de Hallett é um lembrete
importante de que, como Stalin e Mao, Hitler era um agente e promotor Illuminati
"inimigos", a fim de fomentar o conflito, e manter a humanidade no seu encalço.

-------- O projeto de Hitler - surpreendentes revelações!

Por Ted Lang © 2004

Em minha coluna anterior, eu identifiquei um esforço monumental de investigação, um


livro cyber que pode ser baixado para seu computador. Webster G. Tarpley e Anton
Chaitkin colaborou em George Bush: The Unauthorized Biography, Uma surpreendente e
fortemente referenciada esforço que pode ser encontrada em:
http://www.tarpley.net/bushb.htm

O segundo capítulo do livro é intitulado "O Projeto de Hitler", e faz uso extensivo de
materiais de referência para apoiar as suas afirmações. É a tese dos autores, Tarpley e T
Chaitkin [& C], que a família Bush não estava envolvido inocentemente ou
coincidentemente via legalmente murado, isolado, acordos comerciais que
involuntariamente deu origem a Hitler e a Alemanha nazista. Trata-se de C & T da posição
que a família Bush sabiam exatamente o que estavam fazendo, e deliberadamente
trouxeram Hitler e seus assassinos nazistas ao poder, sabendo muito bem antes quais as
conseqüências que as suas ações teriam.

Aqui está como os autores lançamento capítulo dois de seu livro: "Em outubro de 1942, dez
meses após a entrada da Segunda Guerra Mundial, a América estava preparando seu
primeiro ataque contra as forças militares Nazi. Prescott Bush era sócio de Brown Brothers
Harriman. Seus 18 anos de idade, filho de George, o futuro E.U. Presidente, tinha
começado apenas treinando para se tornar um piloto naval. Em 20 de outubro de 1942, o
governo E.U. ordenou a apreensão de operações bancárias nazistas alemães em Nova York,
que estava sendo conduzido por Prescott Bush.

Sob o Trading with the Enemy, O governo assumiu a União Banking Corporation, em que
Bush foi diretor. Os E.U. Custódia de Bens Estrangeiros apreendidas partes Union Banking
Corp stock s, as quais foram detidas por Prescott Bush, Roland E. `` Bunny''Harriman, três
dirigentes nazistas, e outros dois sócios de Bush ".

Tarpley e Chaitkin continuar: "Em 26 outubro de 1942, as tropas E.U. estavam em curso
para o Norte de África. Em 28 de outubro, o governo emitiu ordens de apreensão de duas
organizações frente nazista executado pelo banco Bush-Harriman: a Trading Corporation
Holland-American e Seamless Steel Equipment Corporation.
E.U. forças desembarcaram sob fogo perto de Argel em 08 de novembro de 1942 e de
combate pesado durou toda novembro. interesses nazista na Corporation Silesian-
americana, longo dirigida por Prescott Bush e seu sogro, George Herbert Walker lei, foram
apreendidos no âmbito da negociação com o Enemy Act em 17 de novembro de 1942.
Nesta ação, o governo anunciou que estava tomando apenas os interesses nazistas, deixando
os parceiros dos nazistas E.U. para exercer a atividade.

Estas e outras medidas tomadas pelo governo E.U. em tempo de guerra foram,
infelizmente, muito pouco e tarde demais. família do presidente Bush já havia
desempenhado um papel central no financiamento e armamento de Adolf Hitler para a sua
aquisição da Alemanha, no financiamento e na gestão do acúmulo das indústrias de guerra
nazistas para a conquista da Europa e da guerra contra o E.U.A. e no desenvolvimento de
teorias genocídio nazista e propaganda racial, com os resultados conhecidos.

Os fatos aqui apresentados deve ser conhecido, e suas implicações reflexão, para uma
compreensão adequada do [ex-] presidente George Herbert Walker Bush e do perigo para a
humanidade que ele representa. A fortuna da família do presidente foi em grande parte um
resultado do projeto Hitler. As poderosas associações de família Anglo-Americana, que
mais tarde ele aumentou para a Agência Central de Inteligência, e até a Casa Branca, eram
sócios do pai do projeto Hitler. "

Prescott Bush e Averell Harriman foram os financiadores primários de Adolf Hitler e os


corretores de fabricação, e foram os homens da frente para o número de Hitler, um
promotor, banqueiro e industrial Fritz Thyssen. Todos estavam ligados uns aos outros
através das montanhas de documentos legais mumbo-jumbo, acordos, sociedades gestoras
de participações e os impérios de papel, que financiou os horrores do nazismo e do
genocídio de Hitler na Alemanha. E tudo isso foi feito com o pleno conhecimento e
premeditação do crime da família Bush.

T & C de novo: "O relatório de 1942 do governo E.U. investigação, disse que o banco da
frente Nazi de Bush foi uma preocupação com o bloqueio Vereinigte Stahlwerke (United
Steel Works Corporation ou Trust siderúrgica alemã), Liderada por Fritz Thyssen e seus
dois irmãos. Após a guerra, os investigadores do Congresso sondaram os interesses
Thyssen, Union Banking Corp e afins unidades nazista. A investigação mostrou que a
Vereinigte Stahlwerke produziu as seguintes proporções aproximadas da produção total
nacional alemão:

50,8% de ferro gusa da Alemanha nazista

41,4% da placa universal da Alemanha nazista

36,0% das chapas grossas da Alemanha nazista

38,5% de chapa galvanizada Alemanha nazista

45,5% das tubulações da Alemanha nazista e os tubos


22,1% de fios da Alemanha nazista

35,0% de explosivos da Alemanha nazista. "

T & C mergulhar profundamente na grande envolvimento por Prescott Bush na gestão de


uma companhia de navegação que o colocou em uma posição de controle ainda mais
importante organização de apoio a outra grande industrial nazista, a Hamburg Amerika
Line. T & C, oferecem "De muitas maneiras, Hamburg-Amerika Line Bush foi o pivô de
todo o projeto Hitler.

Averell Harriman e Bert Walker ganhou controle sobre a companhia de navegação em


1920, em negociações com a pós-Primeira Guerra Mundial, executivo-chefe, Wilhelm
Cuno, E com os banqueiros da linha, M.M. Warburg. [Ênfase adicionada] Cuno depois foi
totalmente dependente da anglo-americanos, e tornou-se um membro da anglo-alemão
Friendship Society. Na unidade de 1930-1932 para uma ditadura de Hitler, Wilhelm Cuno
contribuiu somas importantes para o Partido Nazista. "

É extremamente importante observar o nome de "Warburg." Sim, este é o nome do famoso


banqueiros judeus que haviam-se de numerário em Versalhes, as reparações de guerra que a
Alemanha deveria pagar aos Aliados após a Primeira Guerra Mundial, como criado por
John Foster Dulles, irmão da torre CIA futuro da energia, Allen Dulles.

T & C continuar ", Barão Rudolph von Schroeder foi vice-presidente e diretor da Hamburg-
Amerika Line. Long um contato íntimo de Averell Harriman, na Alemanha, o Barão
Rudolph enviou seu neto Baron Johann Rudolph para uma turnê de Brown Prescott Bush
escritórios Brothers Harriman, em Nova York em dezembro de 1932 - às vésperas de seu
triunfo de Hitler.

Certas ações tomadas diretamente pela linha de transporte Harriman-Bush, em 1932, deve
ser classificado entre os mais graves atos de traição neste século. A embaixada E.U. em
Berlim, informou a Washington que o "cara das campanhas eleitorais» e «o custo de
manutenção de um exército privado de 300.000 a 400.000 homens levantou questões de
quem eram os financiadores dos nazistas. O governo constitucional da república alemã
mudou-se para defender a liberdade nacional, ordenando que os exércitos privados se
desfez do Partido Nazista. A embaixada informou que o E.U. Hamburg-Amerika Line foi
compra e distribuição de propaganda contra os ataques do governo alemão, para tentar esta
repressão de última hora sobre as forças de Hitler. [Ênfase no original] Milhares de
opositores do hitlerismo alemão foram abatidos a tiro ou intimidados por privados armados
nazista Brown Shirts.

O início do regime de Hitler trouxe algumas mudanças estranhas à Linha de Hamburg-


Amerika - e traições mais.

Americana Prescott Bush Ship e Comércio Corp notificado Max Warburg de Hamburgo, na
Alemanha, em 7 de março de 1933, que Warburg era para ser oficial da corporação, o seu
representante no conselho da Hamburg-Amerika.
Max Warburg respondeu em 27 de março de 1933, garantindo a seus patrocinadores
americanos que o governo de Hitler era bom para a Alemanha: "Para o negócio nos últimos
anos foi consideravelmente melhor do que havíamos previsto, mas uma reação se faz sentir
há alguns meses. Estamos realmente sofrendo também com a propaganda muito ativa
contra a Alemanha, causada por algumas circunstâncias desagradáveis. Estas ocorrências
foram a conseqüência natural da campanha eleitoral muito animado, mas foram
extremamente exagerados na imprensa estrangeira. O Governo está firmemente decidida a
manter a paz ea ordem pública na Alemanha, e eu me sinto perfeitamente convicto a esse
respeito que não há motivo para qualquer alarme qualquer. "

Este selo de aprovação de Hitler, vindo de um judeu famoso, era exatamente o que Bush
Harriman e necessário, para que eles anteciparam muito séria "alarme" no interior do
E.U.A. suas operações contra os nazistas.

Em 29 de março de 1933, dois dias após a carta de Max para Harriman, filho de Max, Erich
Warburg, enviou um telegrama a seu primo Frederick M. Warburg, diretor do sistema de
estrada de ferro Harriman. Ele pediu Frederick "usar toda a sua influência" para
interromper todas as atividades anti-nazistas na América, incluindo a «notícia atrocidade e
propaganda hostil na imprensa estrangeira, comícios, etc" Frederick telegrafou de volta
para Erich: "Nenhum grupo responsável aqui [são ] pedindo [a [boicote] de] [bens alemães,
indivíduos] apenas animado. "Dois dias depois, em 31 de março de 1933, o Comitê
americano-judeu, controlada pela Warburg, e os B'nai B'rith, fortemente influenciado pela
Sulzbergers (New York Times), Emitiu uma formal declaração oficial conjunta das duas
organizações, o aconselhamento "que nenhum boicote americano contra a Alemanha ser
incentivado", e aconselha: "Que não comícios mais ser detidas ou formas semelhantes de
agitação ser empregado.

O American Jewish Committee e da B'nai B'rith (mãe da Anti-Defamation League)


continuou com esta linha-dura, não ataque-em-Hitler postura durante toda a década de
1930, embotamento da luta montado por muitos judeus e outros anti-fascistas.

Assim, o intercâmbio decisivo reproduzida acima, que se realiza inteiramente dentro da


órbita da empresa Harriman Bush /, pode explicar alguma coisa da relação do George Bush
para os líderes judeus americanos e sionistas. Alguns deles, em estreita cooperação com a
família, desempenhou um papel feio no drama do nazismo. É por isso que "caçadores de
nazistas profissional nunca ter descoberto como a família Bush fez o seu dinheiro?"

Esta é uma informação surpreendente - não admira que um tal esforço intensivo tem sido
feito para suprimi-la. Não é que tudo começou a ficar claro cristal? Ignorância não é
felicidade absoluta? Vamos atropelar algumas das implicações aqui e veja como eles se
comparam aos nossos atuais "Nova Ordem Mundial".

Em seu livro, Ascensão e Queda do Terceiro Reich, William L. Shirer ofertas que o estupro
financeira da Alemanha por "banqueiros judeus", como projetado por John Foster Dulles
dos Estados Unidos, e incorporada no Tratado de Versalhes que terminou a I Guerra
Mundial, era um "mito" e uma "lenda". No entanto, o Tratado menciona especificamente os
interesses de banqueiros judeus que lucraram muito da liquidação da I Guerra Mundial
contra a Alemanha. Além disso, a Declaração Balfour promete a criação de um Estado
judeu no Oriente Médio, a saber, Israel, foi amarrado em assentamento. Como isso pode ser
explicado considerando que a participação apenas por judeus das hostilidades da Primeira
Guerra Mundial estava em processo de liquidação fortemente influenciado pelos banqueiros
sionistas? Isto não é mito, nem lenda.

Mas vamos olhar para todos os investimentos jurídico complexo, patranhas e montanhas de
papel de advogado legalista escondendo fantasma e cabalas que eram geridos pelo avô do
presidente George W. Bush, Prescott. Por todos os subterfúgios legais? Não é óbvio? razão
inteira de Hitler de ser, sua verdadeira razão para a existência e para a criação de os nazistas
tinham um objectivo principal: a destruição dos judeus cartel bancário, comunista
internacional liderada pelos Rothschilds, cuja principal ligação bancário foi o da firma
bancária judaica de MM Warburg. É cada vez mais claro que nem todos os subterfúgios
apenas ocultado a real financiadores de Adolf Hitler e os nazistas dos americanos e seu
governo, mas ocultou-los de Adolf Hitler também!

E observe a cumplicidade dos banqueiros Rothschild relacionadas sionista, MM Warburg,


em não só informações sobre como suprimir Hitler estava usando o seu exército privado de
300.000 a 400.000 camisas marrom-fascista capangas para matar, bater e aterrorizam os
alemães que tentaram impedir Hitler de ser "eleito" em 1933, mas no financiamento e
trazendo Hitler poder, em primeiro lugar. Os banqueiros Warburg sionista colaborou com
ninguém menos que o judaico-owned New York Times e os chamados "rabino" Anti-
Defamation League de Abraham Foxman da B'nai B'rith deliberadamente colocar a
resistência judaica a Hitler na América, enquanto o Warburgs financiados e protegidos
Hitler. E lembre-se, assim, como o Sulzberger de propriedade New York Times encobriu o
massacre de dez milhões de ucranianos pela fome em 1932, através dos serviços do seu
repórter ganhador do Prêmio Pulitzer, Walter Duranty, que colaborou com o comunista
Josef Stalin.

Agora podemos finalmente ver o propósito do termo "anti-semitismo" não é criado por
ADL Foxman da B'nai B'rith para proteger os judeus da discriminação, mas sim para
proteger o crime organizado judeu sob a forma de sionismo. Hitler acreditava que o
comunismo e o cartel bancário internacional secreto que manipulou o horror que foi o
Tratado de Versalhes para os inimigos da Alemanha - ele estava certo! No entanto, estes
mesmos inimigos o financiaram e o levaram ao poder! Lembre-se do provérbio iídiche:
"Nossos próprios judeus nos destruirão!" E lembre-se, assim, que o Holocausto e a matança
de judeus foram considerados crimes de guerra hediondos.

Judeus obedientes a “verdade” da Torá e judeus ortodoxos pagam o preço quando os judeus
sionistas incitam, financiam, incentivam e criam guerras e, em seguida gritar anti-
semitismo quando os pontos do mundo para a conexão "judeu". Claro que isso é uma
injustiça e totalmente injusto , e também foi o que fez Hitler e do nazismo tão errado do
ponto de vista racista. Mas devemos sempre lembrar o verdadeiro papel duplo cruzamento
sionista "judeus" jogado no massacre de milhares de sua própria espécie. Nunca devemos
esquecer isto, para que possamos realmente resolver: "Nunca mais!"

Theodore E. Lang