Você está na página 1de 2

Nome:________________________________________________RA:___________________

1º Bimestre - Prova Elementos de Máquinas (Data: 16/04/19)


Prova - 7,0 Pontos
Lista de exercícios – 3,0 Pontos

Exercício 1 (1,0) – No tratamento térmico, qual o processo que é aplicado nos aços para corrigir a tenacidade e a
dureza excessiva, conseguindo o aumento da tenacidade dos aços. Sendo feito o reaquecimento das peças temperadas,
a temperaturas abaixo da linha inferior de transformação do aço.
(a) Recozimento (b) Revenimento (c) Cementação (d) Têmpera (e) Esferoidização
Exercício 2 (1,0) – Em um projeto necessito alocar um eixo em um rolamento, onde o eixo e o rolamento possuem
valores nominais de 1”. Os ajustes recomendados são j5 para o eixo e j6 para o rolamento, portanto, qual o ajuste
correspondente e o afastamento superior do eixo:
Tabela para ajustes de eixos

Tabela para ajuste de furos

(a) Ajuste com interferência e +0,005


(b) Ajuste com folga e +0,006
(c) Ajuste incerto e -0,005
(d) Ajuste incerto e +0,005
(e) Ajuste com interferência e -0,006
Exercício 3 (1,0) – Em um projeto há um eixo de 50mm que trabalha em uma temperatura de 500°C. Qual será os
fatores de correção do efeito do tamanho e da temperatura, respectivamente:
(a) 0,814 e 0,710 (b) 1,0 e 0,088 (c) 0,845 e 0710 (d) 1,0 e 1,0 (e) 0,814 e 1,0
Exercício 4 (1,0) – Assinale (V) para os itens verdadeiros e (F) para os falsos:
I) Uma viga em balanço terá uma deflexão maior que uma viga biapoiada para o mesmo comprimento e as
mesmas cargas e seção transversal;
II) Tente colocar concentradores de tensão perto das regiões de grandes momentos fletores, se possível e
minimize seu efeito com pequenos raios e aliviadores de tensão.
III) Se a principal preocupação é minimizar a deflexão, talvez o material mais indicado seja o aço alto
carbono, porque sua rigidez é tão alta quanto aquela de aços mais caros, e um eixo projetado para
pequenas deflexões tenderá a ter tensões altas.
IV) A primeira frequência natural do eixo deve ser pelo menos três vezes a frequência máxima da carga
esperada em serviço, e preferencialmente muito mais.
Agora assinale a sequência dos itens verdadeiros:
(a) I, II e IV (b) I e II (c) I e IV (d) II e III (e) II, III e IV

Exercício 5 (1,0) - Um eixo biapoiado é mostrado na Figura P10-2. Uma carga distribuída de magnitude constante
unitária p é aplicada enquanto o eixo roda sujeito a um torque variável com o tempo que varia de Tmin a Tmax. Para
os valores na(s) linha(s) assinalada(s) na Tabela P10-1, encontre o diâmetro do eixo requerido para obter um
coeficiente de segurança 2 no carregamento de fadiga se o eixo é de aço de Sut = 745 Mpa e Sy = 427 Mpa. As
dimensões são em cm, a força distribuída em N/cm e o torque em N-m. Pressuponha a ausência de concentrações de
tensão.

Considerar:
Mmax. = 48,45 N.m; Ctamanho = 1; Csuperficie = 1; Cconfiablidade = 0,814 (99%)
Qual o diâmetro, aproximadamente do eixo projetado?
(a) 0,043m (b) 0,048m (c) 0,052m (d) 0,057m (d) 0,061m

Exercício 6 (2,0) - Um eixo biapoiado é mostrado na Figura P10-1. Uma carga transversal de magnitude constante P é
aplicada à medida que o eixo roda sujeito a torque variável com o tempo que varia de Tmin a Tmax. Para o valor na
linha assinalada da Tabela P10-1, encontre o diâmetro requerido do eixo para obter um coeficiente de segurança de 2
relativo à carga de fadiga se o eixo é de aço de Sut = 108 kpsi e Sy = 62 kpsi. As dimensões são em polegadas, a força
em libras e o torque em lb-in. Pressuponha que não existam concentrações de tensão.

Considerar:
Ctamanho = 1; Csuperficie = 1; Cconfiablidade = 0,814 (99%)