Você está na página 1de 2

A independência do Brasil ou Uma família Real muito louca!

Personagens:

Dom João VI - Dom Pedro I - Diz o que a senhora


Carlota Joaquina - Serviçal - Caríssímos muito mais quer!?
Dom Pedro I - reverência nesta hora, pois neste
Serviçal e Narrador – momento está entrando na sala real a Dom João VI - Meu filhote, eu e sua
Assistente do Serviçal – linda (o serviçal tenta conter um mãe resolvemos passar uma
Napoleão - riso...), maravilhosa rainha Carlota temporada lá no Brasil. Vá lá arrumar
Soldado de Napoleão - Joaquina! as suas coisas que a gente vai agora,
Homem das mensagens - já!
O assistente do serviçal novamente
Narrador: toca sua irritante corneta... Dom Pedro I - Owwwwww beleza!
Esta história começou Caramba, vai ser bom demais lá no
Em 1908 Dom João VI - Ai não! Nãããoooo! Brasil, cheinho de belas moças ó! Vai
O Rei de Portugal estava aperreado Como se já não bastasse tudo isso ser uma maravilha! Vamo nessa!
E com o coração afoito ainda vem essa mocréia da Carlota!
Onde eu tava com a cabeça quando Neste exato momento, um cara dos
E o que preocupava o rei casei com essa doida meu Deus!? correios chega e anuncia
Era algo para ter consideração Devia tá morto de bêbo! correspondência, jogando um papel
Pois Portugal estava ameaçada amassado na cabeça do serviçal do
Pela invasão das tropas de Napoleão A Carlota entra em cena e diz... rei. O mesmo abre a carta e lê...

Napoleão era da França Carlota Joaquina - Taí você meu “Família Real Portuguesa, aqui é
E este país dominava tudo bebezão! Coisa mais linda do mundo! Napoleão Bonaparte, imperador da
Estavam invadindo toda a Europa Tava procurando você amorzinho! França, estou mandando esta singela
Queriam invadir o mundo Cadê, aquela nossa viagem que tu cartinha para dizer:
tanto me prometeu? Promessa é Uh! Hu! Hu!
O Rei de Portugal dívida viiiiiiu! Au! Au! Au!
Do alvo de Napoleão não estava salvo Vamos invadir
A Europa já estava toda dominada Dom João VI - Raios que o parta E destruir Portugal
E Portugal era o próximo alvo mulher! Tu acabaste de me dar uma ass: Napoleão Bonaparte, imperador
ótima ideia! Vamos fazer uma da França, o melhor dos melhores!”
Cheio de solenidade, o serviçal viagenzinha ao Brasil!
anuncia a entrada de Dom João VI... Após a leitura da carta a família real
Carlota Joaquina - Brasiiiiiiil???????? se desespera...
Serviçal – Caros portugueses, quero Não acreditoooooooo! Finalmente
que vocês tenham reverência neste vou poder inaugurar o meu biquini! Dom Pedro I - A casa caiu papai, e
momento e façam silencio, porquê Ai que chiiiique bem! Nosso filho vai agora?
está entrando ele, o ilustre, o grande adorar! Pediiiiim, Pediiiinhôôôôôô!
rei de Portugal, Dom João 6º! Dom João VI - Vamos capar o gato
Dos bastidores ouve-se a voz de Dom negada, vamos pro Brasil que é o
Neste momento, o assistente do Pedro I... melhor que a gente faz! Vou deixar
serviçal ergue a corneta e faz um som um recado pro napoleão aqui...
desagradável, onde tanto o rei como Dom Pedro I - Tô indo! Calma aí!
o serviçal fazem cara feia tampando O mesmo pega um pincel e escreve
os ouvidos... Serviçal - Queridos portugueses, numa lousa ou cartolina exposta para
tenho o enorme prazer e orgulho de todos verem...
Dom João VI - Céus! Raios que me lhes anunciar ele, o ilustre príncipe
partam em dois! Estou lascado! Dom Pedro I! Napoleão, Já capamos o gato! Perdeu
Napoleão está invadindo meu país! playboy! Fui pegar um bronze no
Vou ser preso, morto, decapitado! E Novamente ouve-se o som da corneta Brasil!
agora, que farei? do assistente... ass. Dom João VI
Quando a família real sai de cena,
Então, dos bastidores escuta-se a voz Dom Pedro I - Fala corôa, tô aqui, entra Napoleão com um soldado,
da Carlota Joaquina dizendo... quié? cada um montado em seus
respectivos cavalos (no caso,
Carlota Joaquina - Amorziiiinhôôôô! Carlota Joaquina - Fale direito vassouras)...
Meu rei! Aqui é sua amada, a mais comigo que eu sou sua mãe!
bela de todas, a sua Carlota Joaquina! Napoleão - Perdeu, perdeu, perdeu!
Cadê você meu bebezão? Pô, ué, cadê o povo!
Carlota joaquina - Temos que voltar madeira de qualidade, animais. Se
Soldado - Olha aí chefe, deixaram um uma ova meu filho... Onde é que eu vocês pensam que vou perder essa
recado na lousa! vou me bronzear lá ein? boquinha vocês tão muuuuito
enganados! Tá ouvindo seu mal
Napoleão - Óia, se faz de doido o Dom Pedro I - Pô papai... Num quero criado maluvido, e tu, sua rainha
Dom João VI! voltar não, aqui no Brasil é massa! O jararaca! É melhor vocês acocharem
povo é gente boa e todo mundo quer pra mim pois senão vou aí acabar
Soldado e Napoleão – Vmos voltar que eu fique! com a raça de vocês!
para França!!!!! Viiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiu!
Dom João VI - Deixe de ser teimoso Ass: papai
Os dois saem de cena... Em seguida a moleque, tu vai comigo e acabou!
família real retorna, agora no Brasil... Dom Pedro I - Pois se ele pensa que
Sendo novamente anunciada pelo Dom Pedro I - Nada disso, eu vou vai mandar aqui tá redondamente
serviçal devidamente acompanhado ficar e pronto! Vou para meu povo, enganado! Vou ali fazer outro
de seu assistente... meu povo brasileiro, e vou fazer um pronunciamento mamãe, cadê meu
pronunciamento! cavalo? Pronto, vamos ali!

Serviçal - Povo brasileiro anuncio a O assistente toca a corneta... O assistente toca sua corneta, e Dom
iluminada presença da família real Pedro I vai novamente para o meio do
Portuguesa! Dom Pedro I vai para o meio do público montado em seu cavalo (uma
público, sobe em uma cadeira, ergue vassoura) com a espada (régua) na
O assistente novamente toca sua sua espada (uma régua) e diz... mão e proclama...
corneta irritante...
Dom Pedro I - Pessoal, se é para o Dom Pedro I - Esse país é lindo, rico,
Dom João VI - Eita, aqui faz um calor bem de todos e a felicidade geral da cheio de gente! Somos um povo
dos diábos! nação, eu fico!!!!!!!!!! guerreiro! Não vamos mais ser
escravos de Portugal, está na hora de
Dom Pedro I - É mesmo viu, mó calor. Carlota Joaquina - E eu mudar! Independência ou
Por isso o povo anda tudo pelado tambééééééémmmmmmmmmmmm moooooorte!!!!!!!!!!!
aqui no Brasil... !
Narrador:
Carlota Joaquina - Ai, ai, ai,estou é Dom João VI - Pois muito bem, se é
adorando,vou usar todos os meus isso que vocês querem tô nem aí, E desde esse dia
shorts e biquínis. vou-me embora, mas lembrem-se, Com Dom Pedro I discursando tão
quem manda no Brasil sou eu, o Rei imponente
Narrador: de Portugal viu! O Brasil ficou livre de Portugal
Passa o serviçal com uma placa Se tornando independente
escrito: Alguns dias depois... Narrador:
E essa é a história da independência
Neste momento, novamente o Com Dom Pedro I no Brasil Que todo ano, por quem deste país é
mensageiro chega, jogando uma bola O país criou maturidade membro
de papel na cabeça do serviçal, o Já estava bem independente Comemoramos essa vitória
mesmo abre o papel e lê... Próspero, e caminhando para a No dia 7 de setembro
liberdade
Narrador:
O rei de Portugal FIM
“Ó excelente Dom João VI Se sentindo ameaçado
A coisa aqui tá feia, virou a Babilônia, Mandou os correios
o povo tá se revoltando, é melhor o A Dom Pedro I entregar um recado
Senhor voltar para cá imediatamente,
porque senão outro cara vem aqui e Entra o mensageiro e novamente
vai tomar teu lugar... Aí já viu né? uma bolinha de papel é jogada na
Acabou as tuas festinhas com montes cabeça do serviçal, que a lê...
de mulheres na casa do Cristiano
Ronaldo!” Excelentíssimos principe Dom Pedro I
e Rainha Carlota Joaquina,
Dom João VI - Tá vendo! Passo só Vocês tão se fazendo de doido é? Que
alguns meses fora e a coisa em negócio é esse de querer ser
Portugal já avacalha! Temos que independente? Eu que mando nessa
voltar! porqueira aí viu! E esse país só serve
para uma coisa, para mandar para
nós, portugueses: ouro, prata,