Você está na página 1de 17

INSTITUTO SUPERIOR POLITÉCNICO DE SONGO

Uma Escola Superior de Engenharia para o Sector de Energia


Licenciatura em Engenharia Hidráulica
Hidrologia

Tema:

TIPOS DE NUVENS

Discentes: Docentes:
 Atriz Tavares Salicuchepa
Eng. Johane Cinhacata
Eng. Félix Eusébio Banze
23/11/2019
Introdução
Uma nuvem pode ser formada por água, por gelo,
ou até por ambos simultaneamente. Quando
suspensas na atmosfera, gotículas de água não
congelam a 0°, e sim a temperaturas mais baixas.
As gotas de água superesfriada podem conviver
com o gelo dentro das nuvens.

De um modo geral, nuvens altas são compostas


exclusivamente de gelo, nuvens médias são
mistas e as nuvens baixas são formadas apenas
por água
23/11/2019 2
Tipos de Nuvens
Quanto aos aspectos gerais das formas que adquirem,
conforme os processos que as originam, são
classificadas num Atlas Internacional de Nuvens em
Estratiformes e/ou Cumuliformes, daí surgindo
variações, conforme o tipo do fenómeno resultante;

 Dependendo das condições de temperatura, altitude,


pressão e outros factores, as nuvens apresentam
diferentes formas, características e propriedades
físico-químicas, por isso, são classificadas a partir de
diferentes tipologias:

23/11/2019 3
Tipos de Nuvens (cont.)
Segundo a Classificação Internacional das Nuvens pela WMO, existem dez
géneros (tipos) diferentes de nuvens, e cada tipo de nuvem só pode
pertencer a um determinado género.

23/11/2019 4
Nuvens Baixas
“Baixas” com suas bases formadas até a altura de 6.500 pés;
Stratus, Stratocumulus, Cumulus e Nimbostratus.

 Cumulus - A típica nuvem de tempo bom! Semelhante a flocos de

algodão em suspensão na atmosfera.


Características:
1. Nuvens isoladas, geralmente
densas e de contornos bem
definidos, desenvolvendo-se
verticalmente;

2. Originam-se sob o efeito de


correntes convectivas, associadas
a consideráveis decréscimos de
temperatura nas camadas baixas
da atmosfera.
23/11/2019 5
Nuvens Baixas (Cont.).
Cumulonimbus (Cb): - Nuvem de tempestade! Atinge alturas
elevadas podendo para atingir a estratosfera. É dela que provêm os
raios, granizo e chuvas torrenciais.
Características
 Nuvem densa e possante de
grande dimensão vertical, em
forma de montanha ou de
enormes torres;

 Seu aspecto é sombrio e


ameaçador, habitualmente
sendo acompanhado por
trovões, relâmpagos e fortes
pancadas de chuva

23/11/2019 6
 Stratocumulus: Sc

É uma nuvem em camada, de aparência branca ou cinzenta


apresentando ondulações. Pode ser dispersa ou reunida em bancos,
mas sempre distribuída por uma camada horizontal pouco espessa.

Caracteristicas

 Camada de nuvens cinzentas e/ou esbranquiçadas, tendo quase


sempre partes escuras em formas de lajes, seixos ou rolos em geral
agrupados.

 Frequentemente são observados lençóis de stratocumulus em dois


ou mais níveis, simultaneamente.

23/11/2019 7
Nuvens Medias
1. Nimbostratus - Nuvens baixas, escuras. Estão associados aos
períodos de chuva contínua (de intensidade fraca a moderada).
Normalmente nunca se vê o Sol através deles.

Características

 Camada de nuvens cinzentas, baixas, de grande extensão, com base


difusa, muitas vezes sombria, com espessura suficiente para ocultar
completamente o sol; é também denominado altostratus opacus;

 Nas regiões tropicais, durante intervalos de chuva, é possível observar


os nimbostratus de dividirem em nuvens distintas e tornarem a se
juntar rapidamente.
23/11/2019 8
 Produz chuva mais acentuada do que stratus.

 Sua evolução é de grande valia para previsão local; pode também facilitar a
detecção de novos sistemas em desenvolvimento.

23/11/2019 9
Altostratus - São muito semelhantes aos cirrostratus, sendo muito
mais espessas e com a base numa altitude mais baixa. Cobrem em
geral a totalidade do céu quando estão presentes.
Características

 Lençol de nuvens cinzentas ou azuladas, de aspecto estriado e


fibroso, cobrindo inteira ou parcialmente o céu, com partes
suficientemente finas para se avistar o sol.

 Formado por gotículas de água, gotas de chuva e cristais de


gelo; não apresenta halo.

 Quase sempre, com grande extensão horizontal (várias centenas


de km) e dimensão vertical considerável (milhares de metros).

 Não ocorre precipitação intensa.


23/11/2019 10
Nuvens Altas
Cirrus - Com desenvolvimento horizontal, são compostas por cristais de
gelo, tem aspecto delicado, sedoso e fibroso, com cor branca brilhante.
Quando formam “Penachos” alongados (Cirrus Úncinus) indicam fortes
ventos em altitude, na direcção dos alongamentos.

Características
 Nuvens isoladas, com textura fibrosa, em geral sem sombra própria,
geralmente de cor branca e frequentemente com brilho sedoso.

 Constituídos por cristais de gelo de forma delgada em faixas largas e


paralelas, parecendo convergir para o horizonte.

 Formam-se da evolução da bigorna de cumulonimbus, da evolução


de cirrocumulus e também da transformação de cirrostratus
23/11/2019 11
Cirrocumulus - Também com desenvolvimento horizontal, são
compostas por cristais de gelo, tem aspecto delgado, compostos por
elementos pequenos granulados e rugosos. Podem ser indicativos da
base de Corrente de Jacto (Jet Stream), podendo apresentar
turbulência.

Camada fina de nuvens brancas, sem sombra própria, composta de


elementos em forma de grânulos, rugas, agrupados ou não e dispostos
aproximadamente de maneira regular.

São sempre suficientemente transparentes para deixarem aparecer a


posição do sol ou da lua, e podem ser observadas coroas.

23/11/2019 12
Cirrostratus - São as nuvens finas que cobrem a totalidade do céu,
causando uma diminuição da visibilidade. Como a luz atravessa os
cristais de gelo que as constituem, dá-se refracção, dando origem a
halos solares.
Na aproximação de uma forte tempestade, estas nuvens surgem muito
frequentemente e portanto dão uma pista para a previsão de chuva ou
neve em 12 - 24h.

23/11/2019 13
Nuvens com desenvolvimento vertical
São nuvens classificadas como “De Desenvolvimento vertical”,
com suas bases podendo ser formadas em qualquer dos três
níveis já citados;

Torres de Cumulus
Fortemente desenvolvidos,
adquirindo o aspecto de grandes
“colunas de nuvens”, com
contornos bem definidos.

23/11/2019 14
Cumulonimbus (Cb) - Esse tipo é a “Máxima Representação da Instabilidade
do Ar”. Apresenta enorme desenvolvimento vertical e geralmente está
associada a tempestades e trovoadas severas, com descargas eléctricas em
sua etapa de maturação, devendo sempre ser evitadas, ainda que requerendo
desvios de várias milhas fora da rota original.

23/11/2019 15
Conclusão
“As nuvens continuam sendo uma das áreas de maior incerteza nos
modelos climáticos.”
As nuvens têm papel crucial no ciclo da água e participam de diversos
processos importantes para a vida e o meio ambiente.

As nuvens também transportam o calor da superfície da Terra até o


topo da troposfera, fazendo com que a superfície se resfrie.

23/11/2019 16
Referencias Bibliográficas

Manual de Meteorologia, Ministério da Aeronáutica, Directoria de Rotas


Aéreas. Apostila Clouds do PLSD.

Assista algumas ocorrências em vídeos:


“Formação” de Nuvens:
https://www.youtube.com/watch?v=UZPBcSreva4&feature=youtu.be
A “Força” de um Cumulunimbus:
https://www.youtube.com/watch?v=rvAvIVZ6Zik&feature=youtu.be

23/11/2019 17