Você está na página 1de 4

AO JUÍZO ESTADUAL DA ___ª VARA CÍVEL DA COMARCA SÃO

PAULO – SP

MARESIA EMPREENDIMENTOS LTDA, pessoa jurídica de direito privado, inscrita no


CNPJ xxx, e-mail xxx, sediada em Goiânia-GO, com endereço xxx e CORONA
EDITORA LTDA, pessoa jurídica de direito privado, inscrita no CNPJ xxx, e-mail xxx,
sediada em Brasília-DF, endereço xxx - cf. art. 319, II do CPC/2015), por seu
advogado infra-assinado (doc. 01), com escritório situado nesta cidade, à rua
________, nº___, bairro ____, onde recebe intimações e avisos, vem à presença de V.
Exa. ajuizar:

AÇÃO DE EXIGIR CONTAS, com fulcro no art.550 do CPC/2015,

em face de CIA QUARENTENA, pessoa jurídica de direito privado, inscrita no CNPJ


xxx, com endereço eletrônico xxx, sediada em São Paulo – SP - cf. art. 319, II do
CPC/2015), pelo que passa a expor e requerer:

1. DOS FATOS

As partes constituíram sociedade por conta de participação, sendo que as autoras


vigoravam como sócias participantes e a CIA QUARENTENA LTDA como sócia
extensiva.

O contrato teve seu início no ano de 2018, sendo que se estendeu até o mês de
maio de 2019. Ocorre que, a demandada tinha por obrigação prestar contas
mensalmente, conforme o contrato social, documentação em anexo, o que somente
o fez até o ano de 2018, sendo que a partir de então não mais prestou contas à
sociedade por conta de participação. MARESIA e CORONA temem por um
investimento não justificado no valor de R$ 740.000,00 (setecentos e quarenta mil
reais).

Mesmo notificada extrajudicialmente para tanto, sendo assim, diante da inercia do


demandado, não há alternativa senão socorrer-se do poder judiciário para elidir a
demanda.

2. DO DIREITO DE EXIGIR CONTAS

DO INTERESSE DE AGIR

 
Prima facie, indiscutível a existência de interesse de agir. Afinal, não obstante
notificada, a sócia extensiva, ora demandada, não prestou contas para com as sócias
participantes.

Conforme o art. 550 do CPC:

“Art. 550 CPC: Aquele que afirmar ser titular do direito de exigir contas requererá a
citação do réu para que as preste ou ofereça contestação no prazo de 15 (quinze) dias.

VI - O requerente funda sua pretensão nos arts.550 e ss. do CPC/2015, visto que
existe a necessidade de prestação de contas por parte do requerido.

Desta forma, resta devidamente comprovado em razão da documentação ora


acostada, a titularidade das autoras para pedir contas, uma vez que era obrigação
contratual da demandada e que não foi satisfeita no prazo legal.
3. DO PEDIDO

Isso Posto requer:

a) A citação do requerido, acima qualificado, para que no prazo de 15 (quinze)


dias, apresentar as contas devidas ou contestar, se quiser, os termos da
presente ação, sob pena de revel;
b) A procedência da ação para que se declare a obrigação do requerido de prestar
contas;
c) A condenação do réu nos efeitos da sucumbência e custas processuais;
d) O prosseguimento do presente feito com a intimação pessoal do réu na forma do
art.550, § 5º do CPC/2015, para apresentação das contas no prazo de 15
(quinze) dias, sob pena de não poder impugnar as contas que o autor
apresentar;
e) A apuração do saldo e constituição do débito em título executivo judicial, se
houver;
f) Protesta-se pela produção de prova documental, testemunhal, pericial e
inspeção judicial e de todos os meios probantes em direito admitidos, desde que
moralmente legítimos e obtidos de forma lícita.

Dá-se à presente o valor de R$ 740.000,00 (setecentos e quarenta mil reais).

Nestes termos,

Pede Deferimento.

__________, __ de ____ de 2020.

____________
OAB/UF nº ____